O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Acidentes Animais Peconhentos 2016

1.190 visualizações

Publicada em

Acidentes por Animais Peçonhentos - Prof. Titular Benedito Barraviera

Publicada em: Saúde e medicina
  • DOWNLOAD THIS BOOKS INTO AVAILABLE FORMAT (2019 Update) ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... Download Full PDF EBOOK here { https://soo.gd/irt2 } ......................................................................................................................... Download Full EPUB Ebook here { https://soo.gd/irt2 } ......................................................................................................................... Download Full doc Ebook here { https://soo.gd/irt2 } ......................................................................................................................... Download PDF EBOOK here { https://soo.gd/irt2 } ......................................................................................................................... Download EPUB Ebook here { https://soo.gd/irt2 } ......................................................................................................................... Download doc Ebook here { https://soo.gd/irt2 } ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... ................................................................................................................................... eBook is an electronic version of a traditional print book THIS can be read by using a personal computer or by using an eBook reader. (An eBook reader can be a software application for use on a computer such as Microsoft's free Reader application, or a book-sized computer THIS is used solely as a reading device such as Nuvomedia's Rocket eBook.) Users can purchase an eBook on diskette or CD, but the most popular method of getting an eBook is to purchase a downloadable file of the eBook (or other reading material) from a Web site (such as Barnes and Noble) to be read from the user's computer or reading device. Generally, an eBook can be downloaded in five minutes or less ......................................................................................................................... .............. Browse by Genre Available eBooks .............................................................................................................................. Art, Biography, Business, Chick Lit, Children's, Christian, Classics, Comics, Contemporary, Cookbooks, Manga, Memoir, Music, Mystery, Non Fiction, Paranormal, Philosophy, Poetry, Psychology, Religion, Romance, Science, Science Fiction, Self Help, Suspense, Spirituality, Sports, Thriller, Travel, Young Adult, Crime, Ebooks, Fantasy, Fiction, Graphic Novels, Historical Fiction, History, Horror, Humor And Comedy, ......................................................................................................................... ......................................................................................................................... .....BEST SELLER FOR EBOOK RECOMMEND............................................................. ......................................................................................................................... Blowout: Corrupted Democracy, Rogue State Russia, and the Richest, Most Destructive Industry on Earth,-- The Ride of a Lifetime: Lessons Learned from 15 Years as CEO of the Walt Disney Company,-- Call Sign Chaos: Learning to Lead,-- StrengthsFinder 2.0,-- Stillness Is the Key,-- She Said: Breaking the Sexual Harassment Story THIS Helped Ignite a Movement,-- Atomic Habits: An Easy & Proven Way to Build Good Habits & Break Bad Ones,-- Everything Is Figureoutable,-- What It Takes: Lessons in the Pursuit of Excellence,-- Rich Dad Poor Dad: What the Rich Teach Their Kids About Money THIS the Poor and Middle Class Do Not!,-- The Total Money Makeover: Classic Edition: A Proven Plan for Financial Fitness,-- Shut Up and Listen!: Hard Business Truths THIS Will Help You Succeed, ......................................................................................................................... .........................................................................................................................
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui

Acidentes Animais Peconhentos 2016

  1. 1. DOENÇAS DE DIFÍCIL DIAGNÓSTICO EM INFECTOLOGIA ACIDENTES POR ANIMAIS PEÇONHENTOS BENEDITO BARRAVIERA Professor Titular de Doenças Tropicais Centro de Estudos de Venenos e Animais Peçonhentos – CEVAP Faculdade de Medicina de Botucatu - FMB Universidade Estadual Paulista - UNESP
  2. 2. ACIDENTE BOTRÓPICO – causado por serpentes do gênero Bothrops
  3. 3. DADOS IMPORTANTES A SEREM AVALIADOS História clínica – condições do acidente Epidemiologia – ambiente, local do acidente, mês de ocorrência, local da picada, sexo do acidentado Quadro clínico – ações do veneno Necrosante Coagulante Vasculotóxico Após concluir o DIAGNÓSTICO CLASSIFICAR O ACIDENTE LEVE, MODERADO OU GRAVE
  4. 4. TRATAMENTOTRATAMENTO MEDIDAS GERAIS INDICADASMEDIDAS GERAIS INDICADAS Colocar o doente em repouso absolutoColocar o doente em repouso absoluto Transportar o mais rápido para Hospital onde háTransportar o mais rápido para Hospital onde há sorosoro Retirar anéis e alianças dos dedosRetirar anéis e alianças dos dedos Fazer imunoprofilaxia contra tétanoFazer imunoprofilaxia contra tétano Manter o membro acometido em posição deManter o membro acometido em posição de drenagem posturaldrenagem postural Internar sempre o doente para avaliação tardiaInternar sempre o doente para avaliação tardia
  5. 5. TRATAMENTOTRATAMENTO MEDIDAS GERAIS CONTRA-INDICADASMEDIDAS GERAIS CONTRA-INDICADAS Fazer torniquete ou garrote acima do local daFazer torniquete ou garrote acima do local da picadapicada Fazer perfurações ou cortes no local da picadaFazer perfurações ou cortes no local da picada Realizar fasciotomia na presença de sangueRealizar fasciotomia na presença de sangue incoagulávelincoagulável Dar beberagens ao doente (alcoólicas ou não)Dar beberagens ao doente (alcoólicas ou não) Realizar teste intradérmico antes de aplicar o soroRealizar teste intradérmico antes de aplicar o soro
  6. 6. LEVE MODERADO GRAVE Manifestações locais (calor, rubor, dor, edema) Discretas Evidentes Intensas Manifestações sistêmicas (hemorragias, choque) Ausentes Ausentes ou presentes Evidentes Tempo de coagulação Normal Alterado Incoagulável Quantidade de veneno a ser neutralizado 100 mg 200 mg 300 mg Uso do garrote Ausente Ausente ou presente Presente Tempo decorrido até o socorro médico < 6 horas = 6 horas > 6 horas
  7. 7. TRATAMENTO 1-Internar sempre o doente 2-Realizar o Tempo de Coagulação antes e 12 horas após o início do tratamento 3-Limpeza local com KMnO4 4-Manter o equilíbrio hidro-eletrolítico (hidratação adequada) 5-Antibiótico se necessário – cefuroxima 125 a 250 mg por dose, duas vezes ao dia, via oral SOROTERAPIA ESPECÍFICA LEVE – 100 mg de soro antibotrópico IV MODERADO – 200 mg de soro antibotrópico IV GRAVE – 300 mg ou mais de soro antibotrópico IV
  8. 8. FÁCIES MIASTÊNICO OU NEUROTÓXICOFÁCIES MIASTÊNICO OU NEUROTÓXICO
  9. 9. Exemplar de Crotalus durissus terrificus ACIDENTE CROTÁLICO – causado por serpentes do gênero Crotalus
  10. 10. QUADRO CLÍNICO – ACIDENTE CROTÁLICOQUADRO CLÍNICO – ACIDENTE CROTÁLICO MODERADO GRAVE Fácies miastênico Discreta ou ausente Evidente Mialgia Discreta ou ausente Presente Visão turva Discreta ou ausente Presente Mioglobinúria Ausente ou presente Presente Oligúria e/ou anúria Ausente Presente ou ausente Tempo de coagulação Normal Alterado Quantidade de veneno a ser neutralizado 150 mg 300 mg ou mais
  11. 11. TRATAMENTO DO ACIDENTE CROTÁLICOTRATAMENTO DO ACIDENTE CROTÁLICO Tratamento específico com soro anticrotálicoTratamento específico com soro anticrotálico CASOS QUANTIDADE DE SOROCASOS QUANTIDADE DE SORO Moderados 150 mg (10 ampolas)Moderados 150 mg (10 ampolas) Graves 300 mg ou mais (20 ampolas ou +)Graves 300 mg ou mais (20 ampolas ou +) Tratamento de suporteTratamento de suporte Hidratação adequada, Induzir diurese osmótica,Hidratação adequada, Induzir diurese osmótica, Alcalinizar urina, Reavaliar o tempo de coagulação,Alcalinizar urina, Reavaliar o tempo de coagulação, Insuficiência renal aguda, Internação do doenteInsuficiência renal aguda, Internação do doente
  12. 12. FAMÍLIAFAMÍLIA BOIDAEBOIDAE Corallus caninusEunectus murinus Boa constrictor
  13. 13. São encontradas no interior de residências, nas grandes cidades e também na zona rural. Estas aranhas são pequenas, de um colorido marrom claro uniforme, medindo entre 8 e 15 mm de corpo, com pernas finas e longas, pelos curtos e escassos. Epidemiologia é muito importante Exemplar de Loxosceles sp
  14. 14. ACIDENTE LOXOSCÉLICO Ações do veneno – Proteolítico e Hemolítico Na forma cutânea, após 12 a 24 horas do acidente, instalam- se no local da picada, dor discreta do tipo queimação, edema e eritema, podendo haver mal-estar geral, febre e exantema do tipo escarlatiniforme. A forma cutâneo-visceral tem manifestações sistêmicas e instala-se em pequeno número de casos, principalmente em crianças. A ação hemolítica do veneno se manifesta por icterícia e hemoglobinúria. A urina torna-se escura, cor de “coca cola”.
  15. 15. TRATAMENTO O tratamento específico do loxoscelismo é feito à base de soro anti- loxoscélico. Está indicado nos acidentes com até 36 horas de evolução. Casos leves – acompanhamento clínico até 72 horas após a picada. Casos moderados – 5 ampolas de soro anti-loxoscélico + prednisona (adultos 40 mg/dia, crianças 1 mg/kg peso durante 5 dias). Casos graves – 10 ampolas de soro anti-loxoscélico + prednisona (adultos 40 mg/dia, crianças 1 mg/kg peso durante 5 dias). O tratamento complementar consiste na limpeza local com antisépticos (permanganato de potássio) e hidratação do doente. Deve-se avaliar a função renal diariamente.
  16. 16. A - urticária aguda após uma única picada B - ferrões de abelhas Apis na pele
  17. 17. ABELHAS – Apis mellifera
  18. 18. VESPAS SOCIAIS
  19. 19. ACIDENTES COM ABELHAS E VESPAS ABELHAS: Apis mellifera (abelha africanizada) VESPAS: Polibia paulista (paulistinha), Polister versicolor (marimbondo cavalo), Stenopolybia vicina (caçununga) CONDUTA -Remoção dos ferrões – cuidado para não comprimir o ferrão -Controle da dor (meperidina – 2 mg/kg peso corporal) -Combate a reações alérgicas (aminofilina, adrenalina, corticosteróides) -Medidas gerais de suporte (manutenção do equilíbrio hidro- eletrolítico e cuidados com a insuficiência respiratória) -Complicações – (cuidados específicos contra Insuficiência respiratória, insuficiência renal aguda e choque anafilático.
  20. 20. Phoneutria nigriventer
  21. 21. Tityus serrulatus
  22. 22. ACIDENTES COM ARANHAS PHONEUTRIA E ESCORPIÕES TITYUS O veneno tem efeito neurotóxico periférico, sendo a dor no local da picada de instalação imediata, com irradiação para todo o membro atingido. Clínica - dor local intensa Tratamento -Anestésico local – Xylocaina a 2% sem vasoconstritor - 2 a 4 ml aplicação local -O tratamento complementar da dor local pode ainda ser feito com banho de imersão em água morna e pelo uso de dipirona. -Soro anti-aracnídico 5 a 10 ampolas para casos moderados e graves. -Soro anti-escorpiônico 5 a 10 ampolas para casos moderados e graves.
  23. 23. Esta aula está disponível no seguinte endereço:: Pela atenção,Pela atenção, Muito obrigado !!!Muito obrigado !!! http://www.barraviera.med.br

×