SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Baixar para ler offline
Enfermagem em Urgência e Emergência.
Aula 1
Historia do APH;
Legislação e preceitos éticos
Enf. Wellington Ribeiro
Conceito APH
2
Atendimento Pré- Hospitalar (APH) é toda assistência prestada direta ou
indiretamente fora do ambiente hospitalar convencional.
 É a assistência e o cuidado a saúde frente a situações de urgência e
emergência seja em atendimentos clínicos, cirúrgicos, traumáticos,
psiquiátricos, obstétricos ou pediátricos, onde necessite de resposta rápida
e adequada para manutenção da vida. (FERNANDES 2004).
História
3
História
 1ª situação de APH e remoção
Lc 10:30-37;
 Império Romano 800 d.C.;
 As Cruzadas 1090- 1300 d.C.;
 Antigos médicos gregos prestavam socorro aos combatentes.
 A estrutura moderna de APH surge em 1792, com Barão
Dominique Jean Larry, que implantou:
 Triagem;
 Atendimento no local;
 Remoção;
 Criou 1ª ambulância.
História
Tela de Charles- Louis Muller: Larey operando no campo
de batalha, Paris, Academia Nacional de Medicina
 Entre 1853 e 1856 Florence Nightingale se destaca no APH e na Terapia
Intensiva;
 Participou da batalha de Solferino, onde teve grande importância para
criação da Cruz Vermelha pelo Suíço Henri Dunant.
História
Henri Dunant em Solferino
Surgimento na modernidade
9
 Surge das necessidades urbanas que inspirados nas lições já aprendidas durante as
grandes batalhas militares;
 Além dos preceitos éticos da profissão em preservar a saúde e a vida humana, o interesse
público em minimizar sequelas os quais reduz custos hospitalares de reabilitação e gastos
previdenciários.
 Desde então as técnicas utilizadas ao socorro das vítimas dos campos de batalha foram
sendo incorporadas nas cidades, surgindo assim, sistemas como o projeto RESGATE
(1988) e o SAMU (2000).
10
 Lei 7.498/86
Regulamenta o exercício profissional
Decisão COFEN Nº 021/2001
DECISÃO COREN-SP-DIR/01/2001
"Dispõe sobre a regulamentação da Assistência de Enfermagem
em Atendimento Pré-Hospitalar e demais situações relacionadas
com o Suporte Básico e Suporte Avançado de Vida ".
Legislação
Art. 135 do Código Penal
“Omissão de socorro“
Portaria MS 2048
O CFM destaca o enfermeiro como profissional habilitado ao
atendimento a pacientes, ações administrativas e operacionais,
dentro do serviço de APH, sendo capacitado ainda a ministrar
cursos de capacitação na área (CFM, 2003)
Ministério da Saúde (MS) 814/01, ainda veta a criação de
profissionais técnicos em emergências médicas como sugerido
pelo CFM na resolução 1.529/98, sendo exceção o serviço
prestado por militares como no caso dos bombeiros, estes
sendo limitados a função de socorristas leigos, e estes devendo
obedecer as regulações médicas e coordenação de
enfermagem (TAKEDA, 2012).
Legislação
“Só o AMOR nos da condições de CUIDAR do outro até o fim!”
(Pe. Fabio de Melo)
wmr_wellington@hotmail.com
fb.com/enf.wmr
Especialista em Saúde coletiva e Comunitária
Membro da Sociedade Brasileira UES

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edisonAula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edisonEdison Santos
 
Anotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagemAnotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagemIvanete Dias
 
Aula 1 - UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA-UTI (2).pptx
Aula 1 - UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA-UTI (2).pptxAula 1 - UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA-UTI (2).pptx
Aula 1 - UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA-UTI (2).pptxNaraLcia2
 
Banho de leito.atualizada
Banho de leito.atualizadaBanho de leito.atualizada
Banho de leito.atualizadahospital
 
Semiologia slide pronto 19112012 (1)
Semiologia slide pronto 19112012 (1)Semiologia slide pronto 19112012 (1)
Semiologia slide pronto 19112012 (1)Karina Pereira
 
higiene e conforto do paciente
higiene e conforto do pacientehigiene e conforto do paciente
higiene e conforto do pacienteViviane da Silva
 
Fundamentos de enfermagem
Fundamentos de enfermagemFundamentos de enfermagem
Fundamentos de enfermagemJardiel7
 
Administração de medicamentos
Administração de medicamentosAdministração de medicamentos
Administração de medicamentosJanaína Lassala
 
AULA 08-10-22 - PAPEL DO TECNICO DE ENFERMEIRO NA URGÊNCIA E EMERGÊNCIA CERTO...
AULA 08-10-22 - PAPEL DO TECNICO DE ENFERMEIRO NA URGÊNCIA E EMERGÊNCIA CERTO...AULA 08-10-22 - PAPEL DO TECNICO DE ENFERMEIRO NA URGÊNCIA E EMERGÊNCIA CERTO...
AULA 08-10-22 - PAPEL DO TECNICO DE ENFERMEIRO NA URGÊNCIA E EMERGÊNCIA CERTO...VivianePereira485260
 
Clínica Cirúrgica AULA 1
Clínica Cirúrgica AULA 1Clínica Cirúrgica AULA 1
Clínica Cirúrgica AULA 1Aline Bandeira
 
Admissão do paciente na unidade
Admissão do paciente na unidadeAdmissão do paciente na unidade
Admissão do paciente na unidadeISCISA
 
S.T.A.R.T Triagem de vítimas
S.T.A.R.T Triagem de vítimasS.T.A.R.T Triagem de vítimas
S.T.A.R.T Triagem de vítimasDeise
 
Sistematização da assistência de enfermagem
Sistematização da assistência de enfermagemSistematização da assistência de enfermagem
Sistematização da assistência de enfermagemDanilo Nunes Anunciação
 
Urgencia e emergencia - aula 1 (1).pptx
Urgencia e emergencia - aula 1 (1).pptxUrgencia e emergencia - aula 1 (1).pptx
Urgencia e emergencia - aula 1 (1).pptxEnfermeiraLuciana1
 

Mais procurados (20)

Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edisonAula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
Aula atendimento ao_paciente_critico.ppt-iraja edison
 
Anotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagemAnotação+de+enfermagem
Anotação+de+enfermagem
 
Emergencias clinicas
Emergencias clinicasEmergencias clinicas
Emergencias clinicas
 
Aula 1 - UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA-UTI (2).pptx
Aula 1 - UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA-UTI (2).pptxAula 1 - UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA-UTI (2).pptx
Aula 1 - UNIDADE DE TERAPIA INTENSIVA-UTI (2).pptx
 
Banho de leito.atualizada
Banho de leito.atualizadaBanho de leito.atualizada
Banho de leito.atualizada
 
Semiologia slide pronto 19112012 (1)
Semiologia slide pronto 19112012 (1)Semiologia slide pronto 19112012 (1)
Semiologia slide pronto 19112012 (1)
 
higiene e conforto do paciente
higiene e conforto do pacientehigiene e conforto do paciente
higiene e conforto do paciente
 
Fundamentos de enfermagem
Fundamentos de enfermagemFundamentos de enfermagem
Fundamentos de enfermagem
 
Pcr
PcrPcr
Pcr
 
Administração de medicamentos
Administração de medicamentosAdministração de medicamentos
Administração de medicamentos
 
Atendimento pré hospitalar
Atendimento pré hospitalarAtendimento pré hospitalar
Atendimento pré hospitalar
 
AULA 08-10-22 - PAPEL DO TECNICO DE ENFERMEIRO NA URGÊNCIA E EMERGÊNCIA CERTO...
AULA 08-10-22 - PAPEL DO TECNICO DE ENFERMEIRO NA URGÊNCIA E EMERGÊNCIA CERTO...AULA 08-10-22 - PAPEL DO TECNICO DE ENFERMEIRO NA URGÊNCIA E EMERGÊNCIA CERTO...
AULA 08-10-22 - PAPEL DO TECNICO DE ENFERMEIRO NA URGÊNCIA E EMERGÊNCIA CERTO...
 
Relatórios de enfermegem
Relatórios de enfermegemRelatórios de enfermegem
Relatórios de enfermegem
 
Clínica Cirúrgica AULA 1
Clínica Cirúrgica AULA 1Clínica Cirúrgica AULA 1
Clínica Cirúrgica AULA 1
 
Admissão do paciente na unidade
Admissão do paciente na unidadeAdmissão do paciente na unidade
Admissão do paciente na unidade
 
S.T.A.R.T Triagem de vítimas
S.T.A.R.T Triagem de vítimasS.T.A.R.T Triagem de vítimas
S.T.A.R.T Triagem de vítimas
 
Anotaçoes de enfermagem
Anotaçoes de enfermagemAnotaçoes de enfermagem
Anotaçoes de enfermagem
 
aulapronto-socorro
 aulapronto-socorro  aulapronto-socorro
aulapronto-socorro
 
Sistematização da assistência de enfermagem
Sistematização da assistência de enfermagemSistematização da assistência de enfermagem
Sistematização da assistência de enfermagem
 
Urgencia e emergencia - aula 1 (1).pptx
Urgencia e emergencia - aula 1 (1).pptxUrgencia e emergencia - aula 1 (1).pptx
Urgencia e emergencia - aula 1 (1).pptx
 

Semelhante a Enfermagem em Urgência Emergência

UTI- CONCEITO,HISTORIA E ESTRUTURA.ppt
UTI- CONCEITO,HISTORIA E ESTRUTURA.pptUTI- CONCEITO,HISTORIA E ESTRUTURA.ppt
UTI- CONCEITO,HISTORIA E ESTRUTURA.pptEvaWilmaMartinsTimb
 
Aula 01 - 08-02 - UTI conceito e história e estrutura (1).pdf
Aula 01 - 08-02 - UTI conceito e história e estrutura (1).pdfAula 01 - 08-02 - UTI conceito e história e estrutura (1).pdf
Aula 01 - 08-02 - UTI conceito e história e estrutura (1).pdfJorgeFlix14
 
Cf sd 2012_1_peloso
Cf sd 2012_1_pelosoCf sd 2012_1_peloso
Cf sd 2012_1_pelosoRuama Rosa
 
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdfevanil2
 
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdfLeandroMartins706860
 
Apostila de APH.pdf
Apostila de APH.pdfApostila de APH.pdf
Apostila de APH.pdfAGBCV
 
Medicina de urgência completa
Medicina de urgência   completaMedicina de urgência   completa
Medicina de urgência completaJucie Vasconcelos
 
CONCEITUAÇÃO DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DAYANE.pptx
CONCEITUAÇÃO DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DAYANE.pptxCONCEITUAÇÃO DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DAYANE.pptx
CONCEITUAÇÃO DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DAYANE.pptxbrasilcarweslane
 
Apresentação Congresso 2011 SOCESP "Conhecimento Técnico Científico do Enferm...
Apresentação Congresso 2011 SOCESP "Conhecimento Técnico Científico do Enferm...Apresentação Congresso 2011 SOCESP "Conhecimento Técnico Científico do Enferm...
Apresentação Congresso 2011 SOCESP "Conhecimento Técnico Científico do Enferm...Emerson Roberto
 
Pacientes críticos - enf 19 pdf.pdf
Pacientes críticos - enf 19 pdf.pdfPacientes críticos - enf 19 pdf.pdf
Pacientes críticos - enf 19 pdf.pdfThiagosilvaDeoliveir6
 
Paciente Critico 1.ppt
Paciente Critico 1.pptPaciente Critico 1.ppt
Paciente Critico 1.ppttuttitutti1
 
Paciente Critico 1.ppt
Paciente Critico 1.pptPaciente Critico 1.ppt
Paciente Critico 1.pptgizaraposo
 
Série faça você mesmo!!!!!
Série faça você mesmo!!!!!Série faça você mesmo!!!!!
Série faça você mesmo!!!!!Daniel Xavier
 

Semelhante a Enfermagem em Urgência Emergência (14)

UTI- CONCEITO,HISTORIA E ESTRUTURA.ppt
UTI- CONCEITO,HISTORIA E ESTRUTURA.pptUTI- CONCEITO,HISTORIA E ESTRUTURA.ppt
UTI- CONCEITO,HISTORIA E ESTRUTURA.ppt
 
Aula 01 - 08-02 - UTI conceito e história e estrutura (1).pdf
Aula 01 - 08-02 - UTI conceito e história e estrutura (1).pdfAula 01 - 08-02 - UTI conceito e história e estrutura (1).pdf
Aula 01 - 08-02 - UTI conceito e história e estrutura (1).pdf
 
Cf sd 2012_1_peloso
Cf sd 2012_1_pelosoCf sd 2012_1_peloso
Cf sd 2012_1_peloso
 
UTI.pptx
UTI.pptxUTI.pptx
UTI.pptx
 
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
 
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
01-APH-ATENDIMENTO-PRE-HOSPITALAR-PRIMEIROS-SOCORROS-1.pdf
 
Apostila de APH.pdf
Apostila de APH.pdfApostila de APH.pdf
Apostila de APH.pdf
 
Medicina de urgência completa
Medicina de urgência   completaMedicina de urgência   completa
Medicina de urgência completa
 
CONCEITUAÇÃO DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DAYANE.pptx
CONCEITUAÇÃO DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DAYANE.pptxCONCEITUAÇÃO DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DAYANE.pptx
CONCEITUAÇÃO DE URGÊNCIA E EMERGÊNCIA DAYANE.pptx
 
Apresentação Congresso 2011 SOCESP "Conhecimento Técnico Científico do Enferm...
Apresentação Congresso 2011 SOCESP "Conhecimento Técnico Científico do Enferm...Apresentação Congresso 2011 SOCESP "Conhecimento Técnico Científico do Enferm...
Apresentação Congresso 2011 SOCESP "Conhecimento Técnico Científico do Enferm...
 
Pacientes críticos - enf 19 pdf.pdf
Pacientes críticos - enf 19 pdf.pdfPacientes críticos - enf 19 pdf.pdf
Pacientes críticos - enf 19 pdf.pdf
 
Paciente Critico 1.ppt
Paciente Critico 1.pptPaciente Critico 1.ppt
Paciente Critico 1.ppt
 
Paciente Critico 1.ppt
Paciente Critico 1.pptPaciente Critico 1.ppt
Paciente Critico 1.ppt
 
Série faça você mesmo!!!!!
Série faça você mesmo!!!!!Série faça você mesmo!!!!!
Série faça você mesmo!!!!!
 

Enfermagem em Urgência Emergência

  • 1. Enfermagem em Urgência e Emergência. Aula 1 Historia do APH; Legislação e preceitos éticos Enf. Wellington Ribeiro
  • 2. Conceito APH 2 Atendimento Pré- Hospitalar (APH) é toda assistência prestada direta ou indiretamente fora do ambiente hospitalar convencional.  É a assistência e o cuidado a saúde frente a situações de urgência e emergência seja em atendimentos clínicos, cirúrgicos, traumáticos, psiquiátricos, obstétricos ou pediátricos, onde necessite de resposta rápida e adequada para manutenção da vida. (FERNANDES 2004).
  • 3. História 3 História  1ª situação de APH e remoção Lc 10:30-37;  Império Romano 800 d.C.;  As Cruzadas 1090- 1300 d.C.;  Antigos médicos gregos prestavam socorro aos combatentes.
  • 4.  A estrutura moderna de APH surge em 1792, com Barão Dominique Jean Larry, que implantou:  Triagem;  Atendimento no local;  Remoção;  Criou 1ª ambulância. História
  • 5. Tela de Charles- Louis Muller: Larey operando no campo de batalha, Paris, Academia Nacional de Medicina
  • 6.
  • 7.  Entre 1853 e 1856 Florence Nightingale se destaca no APH e na Terapia Intensiva;  Participou da batalha de Solferino, onde teve grande importância para criação da Cruz Vermelha pelo Suíço Henri Dunant. História
  • 8. Henri Dunant em Solferino
  • 9. Surgimento na modernidade 9  Surge das necessidades urbanas que inspirados nas lições já aprendidas durante as grandes batalhas militares;  Além dos preceitos éticos da profissão em preservar a saúde e a vida humana, o interesse público em minimizar sequelas os quais reduz custos hospitalares de reabilitação e gastos previdenciários.  Desde então as técnicas utilizadas ao socorro das vítimas dos campos de batalha foram sendo incorporadas nas cidades, surgindo assim, sistemas como o projeto RESGATE (1988) e o SAMU (2000).
  • 10. 10
  • 11.  Lei 7.498/86 Regulamenta o exercício profissional Decisão COFEN Nº 021/2001 DECISÃO COREN-SP-DIR/01/2001 "Dispõe sobre a regulamentação da Assistência de Enfermagem em Atendimento Pré-Hospitalar e demais situações relacionadas com o Suporte Básico e Suporte Avançado de Vida ". Legislação
  • 12. Art. 135 do Código Penal “Omissão de socorro“ Portaria MS 2048 O CFM destaca o enfermeiro como profissional habilitado ao atendimento a pacientes, ações administrativas e operacionais, dentro do serviço de APH, sendo capacitado ainda a ministrar cursos de capacitação na área (CFM, 2003) Ministério da Saúde (MS) 814/01, ainda veta a criação de profissionais técnicos em emergências médicas como sugerido pelo CFM na resolução 1.529/98, sendo exceção o serviço prestado por militares como no caso dos bombeiros, estes sendo limitados a função de socorristas leigos, e estes devendo obedecer as regulações médicas e coordenação de enfermagem (TAKEDA, 2012). Legislação
  • 13. “Só o AMOR nos da condições de CUIDAR do outro até o fim!” (Pe. Fabio de Melo) wmr_wellington@hotmail.com fb.com/enf.wmr Especialista em Saúde coletiva e Comunitária Membro da Sociedade Brasileira UES