SlideShare uma empresa Scribd logo
Escola de NegóciosEscola de Negócios
Disciplina Fundamentos da Administração
Professor Marco Aurelio
Escola de Negócios
Teoria ou Abordagem Comportamental na Administração
Varas e Cenouras
Escola de Negócios
Na antiguidade não era necessária a preocupação
com motivação humana para realização de
qualquer atividade ou trabalho.
Escola de Negócios
A abordagem comportamental marca a mais forte
ênfase das ciências do comportamento na teoria
administrativa e a busca de soluções democráticas e
flexíveis para aos problemas organizacionais. Esta
abordagem originou-se das ciências
comportamentais e, mais especificamente, da
psicologia organizacional.
Escola de Negócios
É com a abordagem comportamental que a preocupação
com a estrutura se desloca para a preocupação com os
processos e com a dinâmica organizacional, isto é, com o
comportamento organizacional. Aqui ainda predomina a
ênfase nas pessoas, inaugurada com a Teoria das Relações
Humanas, mas dentro de um contexto organizacional.
Escola de Negócios
A Teoria Comportamental (ou Teoria Behaviorista) da
Administração veio significar uma nova direção e um
novo enfoque dentro da teoria administrativa: a
abordagem das ciências do comportamento, o
abandono das posições normativas e prescritivas das
teorias anteriores e a adoção de posições explicativas e
descritivas. A ênfase permanece nas pessoas, mas
dentro de um contexto organizacional.
Escola de Negócios
A Teoria Comportamental defendia a valorização do trabalhador em
qualquer empreendimento baseado na cooperação, buscando um
novo padrão de teoria e pesquisa administrativas. Foi bastante
influenciado pelo desenvolvimento de estudos comportamentais
em vários campos da ciência, como a antropologia, a psicologia e a
sociologia. Adotando e adaptando para a administração conceitos
originalmente elaborados dentro dessas ciências, propunha-se
fornecer uma visão mais ampla do que motiva as pessoas para
agirem ou se comportarem do modo que o fazem, particularizando
as situações específicas do indivíduo no
trabalho.
Escola de Negócios
Escola de Negócios
Escola de Negócios
A Teoria Comportamental procura demonstrar a
variedade de estilos de administração que estão à
disposição do administrador. A administração das
organizações em geral está fortemente
condicionada pelos estilos com que os
administradores dirigem, dentro delas, o
comportamento das pessoas. Por sua vez, os
estilos de administração dependem
substancialmente das convicções que os
administradores têm a respeito do
comportamento dentro da organização.
Escola de Negócios
McGrecor, um dos mais famosos autores
behavioristas da Administração, preocupou-se em
comparar dois estilos opostos e antagônicos de
administração: de um lado, um estilo baseado na
teoria tradicional, excessivamente mecanicista e
pragmática (a que deu nome de Teoria X) e, de outro,
um estilo baseado nas concepções modernas a
respeito do comportamento humano (a que
denominamos Teoria Y).
Escola de Negócios
O homem é indolente e preguiçoso por natureza, ele evita
o trabalho. Falta-lhe ambição, não gosta de assumir
responsabilidades. O homem é egocêntrico. A sua própria
natureza o leva a resistir às mudanças. A sua dependência o
torna incapaz de autocontrole e autodisciplina.
X
Escola de Negócios
As pessoas são esforçadas e gostam de ter o que fazer. O
trabalho é uma atividade tão natural como brincar ou
descansar. As pessoas procuram e aceitam
responsabilidades e desafios. As pessoas podem ser
automotivas e autodirigidas. As pessoas são criativas e
competentes.
Y
Escola de Negócios
Teoria Z
1- Emprego estável para as pessoas, mesmo em época de dificuldades para
a organização.
2- Pouca especialização das pessoas que passam a ser desenvolvidas
através de uma filosofia de treinamento nos seus cargos.
3- Avaliação do desempenho constante e promoção lenta.
4- Igualitarismo no tratamento das pessoas, não importando o seu nível
hierárquico. Todas as pessoas passam a ter igual tratamento, iguais
condições de trabalho, iguais benefícios etc.
5- Democracia e participação: todas as pessoas participam em equipe e
nenhuma decisão é tomada sem o consenso do grupo.
6- Valorização das pessoas, a tal ponto que o maior patrimônio das
empresas japonesas, são as pessoas que nela trabalham
Escola de Negócios
A organização é um sistema de decisões. Neste sistema,
cada pessoa participa racional e conscientemente,
escolhendo e tomando decisões individuais a respeito
de alternativas mais ou menos racionais de
comportamento. Assim, a organização está permeada
de decisões e de ações. Nas teorias anteriores muita
importância foi dada às ações e nenhum às decisões
que as provocaram. Decisão é o processo de análise e
escolha, entre várias alternativas disponíveis, do curso
de ação que a pessoa deverá seguir.
Teoria da decisão
Escola de Negócios
1- Tomador de decisão: é a pessoa que faz uma escolha
ou opção entre várias alternativas de ação. É o agente
que está frente a alguma situação.
2- Objetivos: são os objetivos que o tomador de decisão
pretende alcançar com suas ações.
3- Preferências: são os critérios que o tomador de
decisão usa para fazer sua escolha pessoal.
6 ELEMENTOS BÁSICOS DA DECISÃO:
Escola de Negócios
4- Estratégia: é o custo de ação que o tomador de
decisão escolhe para melhor atingir os objetivos.
Depende dos recursos de que pode dispor e da maneira
como percebe a situação.
5- Situação: São os aspectos do ambiente que envolve o
tomador de decisão, muitos dos quais fora do seu
controle, conhecimento ou compreensão e que afetam
sua escolha.
6- Resultado: é a consequência ou resultante de uma
dada estratégia
6 elementos da decisão:
Escola de Negócios
7 ETAPAS DA DECISÃO:
1- Percepção da situação que envolve algum problema;
2- Análise e definição do problema;
3- Definição dos objetivos;
4- Procura de alternativas de solução ou de cursos de ação;
5- Avaliação e comparação dessas alternativas;
6- Seleção da alternativa mais adequada ao alcance dos
objetivos;
7- Implementação da alternativa escolhida.
Escola de Negócios
Comportamento organizacional
Comportamento organizacional é o estudo do funcionamento e
da dinâmica das organizações e de como os grupos e os
indivíduos se comportam dentro delas. É uma ciência
interdisciplinar.
Como a organização é um sistema cooperativo racional, ela
somente pode alcançar seus objetivos se as pessoas que a
compõem coordenarem seus esforços a fim de alcançar algo que
individualmente jamais conseguiriam. Por essa razão, a
organização se caracteriza por uma racional divisão do trabalho
e por uma determinada hierarquia.
Escola de Negócios
O modo pelo qual os objetivos individuais são satisfeitos
determina sua percepção do relacionamento
Organização/indivíduo.
Esse relacionamento poderá ser percebido como
satisfatório para as pessoas que percebem que suas
recompensas excederam as demandas feitas sobre elas.
O indivíduo ingressa na organização e nela permanece
quando espera que suas satisfações pessoais sejam
maiores que seus esforços pessoais. Se acredita que seus
esforços pessoais ultrapassam as satisfações, eles se
torna propenso a abandonar a organização, se possível.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 5 - Teoria das Relações Humanas
Aula 5  - Teoria das Relações HumanasAula 5  - Teoria das Relações Humanas
Aula 5 - Teoria das Relações Humanas
Prof. Leonardo Rocha
 
Teoria Comportamental
Teoria ComportamentalTeoria Comportamental
Teoria Comportamental
admetz01
 
Evolução das Teorias Administrativas
Evolução das Teorias AdministrativasEvolução das Teorias Administrativas
Evolução das Teorias Administrativas
William Costa
 
Comportamento Organizacional
Comportamento OrganizacionalComportamento Organizacional
Comportamento Organizacional
Rui Loureiro
 
Gestão de Pessoas
 Gestão de Pessoas Gestão de Pessoas
Gestão de Pessoas
Celso Alfaia Barbosa
 
Teoria Neoclássica
Teoria NeoclássicaTeoria Neoclássica
Teoria Neoclássica
Prof. Leonardo Rocha
 
Abordagem humanística da administração e decorrências da teoria das relações ...
Abordagem humanística da administração e decorrências da teoria das relações ...Abordagem humanística da administração e decorrências da teoria das relações ...
Abordagem humanística da administração e decorrências da teoria das relações ...
Eder Nogueira
 
Teoria geral da administração
Teoria geral da administraçãoTeoria geral da administração
Teoria geral da administração
Denis Carlos Sodré
 
Teorias das relações humanas
Teorias das relações humanasTeorias das relações humanas
Teorias das relações humanas
ProfRibamar Campos
 
Teoria comportamentaldaadministração
Teoria comportamentaldaadministraçãoTeoria comportamentaldaadministração
Teoria comportamentaldaadministração
carlossono
 
Introdução à gestão
Introdução à gestãoIntrodução à gestão
Introdução à gestão
Isabel Pedro
 
Estrutura organizacional
Estrutura organizacionalEstrutura organizacional
Estrutura organizacional
Letícia Vilela de Aquino
 
Administração científica 2012_01
Administração científica 2012_01Administração científica 2012_01
Administração científica 2012_01
Milton Henrique do Couto Neto
 
Introdução a administração 2012_01
Introdução a administração 2012_01Introdução a administração 2012_01
Introdução a administração 2012_01
Milton Henrique do Couto Neto
 
Aula: TEORIAS da ADMINISTRAÇÃO
Aula: TEORIAS da ADMINISTRAÇÃOAula: TEORIAS da ADMINISTRAÇÃO
Aula: TEORIAS da ADMINISTRAÇÃO
Alexandre Conte
 
Teoria das Relações Humanas
Teoria das Relações HumanasTeoria das Relações Humanas
Teoria das Relações Humanas
Governo do Estado de São Paulo
 
Tipos de organização
Tipos de organizaçãoTipos de organização
Tipos de organização
Robson Costa
 
Introdução a gestão
Introdução a gestãoIntrodução a gestão
Introdução a gestão
UNIMETRO
 
Abordagem Estruturalista
Abordagem EstruturalistaAbordagem Estruturalista
Abordagem Estruturalista
César de Souza
 
Apresentação de algumas teorias organizacionais
Apresentação de algumas teorias organizacionaisApresentação de algumas teorias organizacionais
Apresentação de algumas teorias organizacionais
Efa de Sampaio
 

Mais procurados (20)

Aula 5 - Teoria das Relações Humanas
Aula 5  - Teoria das Relações HumanasAula 5  - Teoria das Relações Humanas
Aula 5 - Teoria das Relações Humanas
 
Teoria Comportamental
Teoria ComportamentalTeoria Comportamental
Teoria Comportamental
 
Evolução das Teorias Administrativas
Evolução das Teorias AdministrativasEvolução das Teorias Administrativas
Evolução das Teorias Administrativas
 
Comportamento Organizacional
Comportamento OrganizacionalComportamento Organizacional
Comportamento Organizacional
 
Gestão de Pessoas
 Gestão de Pessoas Gestão de Pessoas
Gestão de Pessoas
 
Teoria Neoclássica
Teoria NeoclássicaTeoria Neoclássica
Teoria Neoclássica
 
Abordagem humanística da administração e decorrências da teoria das relações ...
Abordagem humanística da administração e decorrências da teoria das relações ...Abordagem humanística da administração e decorrências da teoria das relações ...
Abordagem humanística da administração e decorrências da teoria das relações ...
 
Teoria geral da administração
Teoria geral da administraçãoTeoria geral da administração
Teoria geral da administração
 
Teorias das relações humanas
Teorias das relações humanasTeorias das relações humanas
Teorias das relações humanas
 
Teoria comportamentaldaadministração
Teoria comportamentaldaadministraçãoTeoria comportamentaldaadministração
Teoria comportamentaldaadministração
 
Introdução à gestão
Introdução à gestãoIntrodução à gestão
Introdução à gestão
 
Estrutura organizacional
Estrutura organizacionalEstrutura organizacional
Estrutura organizacional
 
Administração científica 2012_01
Administração científica 2012_01Administração científica 2012_01
Administração científica 2012_01
 
Introdução a administração 2012_01
Introdução a administração 2012_01Introdução a administração 2012_01
Introdução a administração 2012_01
 
Aula: TEORIAS da ADMINISTRAÇÃO
Aula: TEORIAS da ADMINISTRAÇÃOAula: TEORIAS da ADMINISTRAÇÃO
Aula: TEORIAS da ADMINISTRAÇÃO
 
Teoria das Relações Humanas
Teoria das Relações HumanasTeoria das Relações Humanas
Teoria das Relações Humanas
 
Tipos de organização
Tipos de organizaçãoTipos de organização
Tipos de organização
 
Introdução a gestão
Introdução a gestãoIntrodução a gestão
Introdução a gestão
 
Abordagem Estruturalista
Abordagem EstruturalistaAbordagem Estruturalista
Abordagem Estruturalista
 
Apresentação de algumas teorias organizacionais
Apresentação de algumas teorias organizacionaisApresentação de algumas teorias organizacionais
Apresentação de algumas teorias organizacionais
 

Destaque

A EMPRESA VIVA
A EMPRESA VIVAA EMPRESA VIVA
A EMPRESA VIVA
augustodefranco .
 
Empresa viva
Empresa vivaEmpresa viva
Resenha crítica desafios gerenciais_século_xxi
Resenha crítica desafios gerenciais_século_xxiResenha crítica desafios gerenciais_século_xxi
Resenha crítica desafios gerenciais_século_xxi
Giovane Gaspar Benedet
 
Enfoque Comportamental
Enfoque ComportamentalEnfoque Comportamental
Enfoque Comportamental
guestbeeeda
 
Modelo Comportamental
Modelo ComportamentalModelo Comportamental
Modelo Comportamental
guest06f340
 
Teoria das organizações
Teoria das organizaçõesTeoria das organizações
Teoria das organizações
Juliana Siqueira
 
Aula 3 tga - administração científica e taylor
Aula 3   tga - administração científica e taylorAula 3   tga - administração científica e taylor
Aula 3 tga - administração científica e taylor
Prof. Leonardo Rocha
 
Administração apliacada à enfermagem apostila
Administração apliacada à enfermagem   apostilaAdministração apliacada à enfermagem   apostila
Administração apliacada à enfermagem apostila
Wilma Medeiros
 
Comportamento Respondente - Ivan Pavlov
Comportamento Respondente - Ivan PavlovComportamento Respondente - Ivan Pavlov
Comportamento Respondente - Ivan Pavlov
Eduardo Manfré
 
Behaviorismo
BehaviorismoBehaviorismo

Destaque (10)

A EMPRESA VIVA
A EMPRESA VIVAA EMPRESA VIVA
A EMPRESA VIVA
 
Empresa viva
Empresa vivaEmpresa viva
Empresa viva
 
Resenha crítica desafios gerenciais_século_xxi
Resenha crítica desafios gerenciais_século_xxiResenha crítica desafios gerenciais_século_xxi
Resenha crítica desafios gerenciais_século_xxi
 
Enfoque Comportamental
Enfoque ComportamentalEnfoque Comportamental
Enfoque Comportamental
 
Modelo Comportamental
Modelo ComportamentalModelo Comportamental
Modelo Comportamental
 
Teoria das organizações
Teoria das organizaçõesTeoria das organizações
Teoria das organizações
 
Aula 3 tga - administração científica e taylor
Aula 3   tga - administração científica e taylorAula 3   tga - administração científica e taylor
Aula 3 tga - administração científica e taylor
 
Administração apliacada à enfermagem apostila
Administração apliacada à enfermagem   apostilaAdministração apliacada à enfermagem   apostila
Administração apliacada à enfermagem apostila
 
Comportamento Respondente - Ivan Pavlov
Comportamento Respondente - Ivan PavlovComportamento Respondente - Ivan Pavlov
Comportamento Respondente - Ivan Pavlov
 
Behaviorismo
BehaviorismoBehaviorismo
Behaviorismo
 

Semelhante a Teoria ou abordagem comportamental na administração

Teoria comportamental administracao
Teoria comportamental administracaoTeoria comportamental administracao
Teoria comportamental administracao
Leon Pires
 
AULA 08 - TURMAS FUND ADM 27 09 2019.ppt
AULA 08 - TURMAS FUND ADM 27 09 2019.pptAULA 08 - TURMAS FUND ADM 27 09 2019.ppt
AULA 08 - TURMAS FUND ADM 27 09 2019.ppt
RosineiaSantos8
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
Abordagem comportamental
Abordagem comportamentalAbordagem comportamental
Abordagem comportamental
Fabiano Augusto
 
TGA - Aula de Teoria Comportamental uma Sintese
TGA - Aula de Teoria Comportamental uma SinteseTGA - Aula de Teoria Comportamental uma Sintese
TGA - Aula de Teoria Comportamental uma Sintese
Pedro Luis Moraes
 
TGA
TGATGA
Comportamentoorganizacional
ComportamentoorganizacionalComportamentoorganizacional
Comportamentoorganizacional
marioedsonminillo
 
Teoria Behaviorismo
Teoria BehaviorismoTeoria Behaviorismo
Teoria Behaviorismo
Adm Unime
 
Aula 1 texto-comportamento organizacional-quadros e trevisan (3)
Aula 1 texto-comportamento organizacional-quadros e trevisan (3)Aula 1 texto-comportamento organizacional-quadros e trevisan (3)
Aula 1 texto-comportamento organizacional-quadros e trevisan (3)
Marcos Souza
 
AULA 08.pdf
AULA 08.pdfAULA 08.pdf
AULA 08.pdf
RosineiaSantos8
 
Resenha - Teoria Comportamental: Teoria das Idéias
Resenha - Teoria Comportamental: Teoria das IdéiasResenha - Teoria Comportamental: Teoria das Idéias
Resenha - Teoria Comportamental: Teoria das Idéias
admetz01
 
Aula rodrigo estruturalismo - comportamentalismo
Aula rodrigo   estruturalismo - comportamentalismoAula rodrigo   estruturalismo - comportamentalismo
Aula rodrigo estruturalismo - comportamentalismo
Cassia da Silva
 
Direção
DireçãoDireção
Direção
Matias Silva
 
Aula 02- Organização 24-02.pdf
Aula 02- Organização 24-02.pdfAula 02- Organização 24-02.pdf
Aula 02- Organização 24-02.pdf
NayaraMelo23
 
Seminário apresentação tga
Seminário apresentação tgaSeminário apresentação tga
Seminário apresentação tga
ramalho01
 
Ta i ud vi
Ta i   ud viTa i   ud vi
Psicologia Organizacional
Psicologia OrganizacionalPsicologia Organizacional
Psicologia Organizacional
Salvador Abreu
 
Co5
Co5Co5
Comportamento organizacional
Comportamento organizacionalComportamento organizacional
Comportamento organizacional
Coach Prof. Cesar Rufino
 
Organização do trabalho
Organização do trabalhoOrganização do trabalho
Organização do trabalho
Marcelo Vianello
 

Semelhante a Teoria ou abordagem comportamental na administração (20)

Teoria comportamental administracao
Teoria comportamental administracaoTeoria comportamental administracao
Teoria comportamental administracao
 
AULA 08 - TURMAS FUND ADM 27 09 2019.ppt
AULA 08 - TURMAS FUND ADM 27 09 2019.pptAULA 08 - TURMAS FUND ADM 27 09 2019.ppt
AULA 08 - TURMAS FUND ADM 27 09 2019.ppt
 
Aula 2
Aula 2Aula 2
Aula 2
 
Abordagem comportamental
Abordagem comportamentalAbordagem comportamental
Abordagem comportamental
 
TGA - Aula de Teoria Comportamental uma Sintese
TGA - Aula de Teoria Comportamental uma SinteseTGA - Aula de Teoria Comportamental uma Sintese
TGA - Aula de Teoria Comportamental uma Sintese
 
TGA
TGATGA
TGA
 
Comportamentoorganizacional
ComportamentoorganizacionalComportamentoorganizacional
Comportamentoorganizacional
 
Teoria Behaviorismo
Teoria BehaviorismoTeoria Behaviorismo
Teoria Behaviorismo
 
Aula 1 texto-comportamento organizacional-quadros e trevisan (3)
Aula 1 texto-comportamento organizacional-quadros e trevisan (3)Aula 1 texto-comportamento organizacional-quadros e trevisan (3)
Aula 1 texto-comportamento organizacional-quadros e trevisan (3)
 
AULA 08.pdf
AULA 08.pdfAULA 08.pdf
AULA 08.pdf
 
Resenha - Teoria Comportamental: Teoria das Idéias
Resenha - Teoria Comportamental: Teoria das IdéiasResenha - Teoria Comportamental: Teoria das Idéias
Resenha - Teoria Comportamental: Teoria das Idéias
 
Aula rodrigo estruturalismo - comportamentalismo
Aula rodrigo   estruturalismo - comportamentalismoAula rodrigo   estruturalismo - comportamentalismo
Aula rodrigo estruturalismo - comportamentalismo
 
Direção
DireçãoDireção
Direção
 
Aula 02- Organização 24-02.pdf
Aula 02- Organização 24-02.pdfAula 02- Organização 24-02.pdf
Aula 02- Organização 24-02.pdf
 
Seminário apresentação tga
Seminário apresentação tgaSeminário apresentação tga
Seminário apresentação tga
 
Ta i ud vi
Ta i   ud viTa i   ud vi
Ta i ud vi
 
Psicologia Organizacional
Psicologia OrganizacionalPsicologia Organizacional
Psicologia Organizacional
 
Co5
Co5Co5
Co5
 
Comportamento organizacional
Comportamento organizacionalComportamento organizacional
Comportamento organizacional
 
Organização do trabalho
Organização do trabalhoOrganização do trabalho
Organização do trabalho
 

Último

Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Falcão Brasil
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Falcão Brasil
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Bibliotecas Escolares AEIDH
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Falcão Brasil
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
principeandregalli
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Falcão Brasil
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
Falcão Brasil
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
Marcelo Botura
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Falcão Brasil
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Falcão Brasil
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdfPortfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
Portfólio Estratégico da Força Aérea Brasileira (FAB).pdf
 
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdfEscola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
Escola de Especialistas de Aeronáutica (EEAR).pdf
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
Boletim informativo - Contacto - julho de 2024
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
 
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
Guia Genealógico da Principesca e Ducal Casa de Mesolcina, 2024
 
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdfSistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras - SISFRON.pdf
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
A Participação do Brasil nas Operações de Manutenção da Paz da ONU Passado, P...
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdfOs Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
Os Setores Estratégicos da END - O Setor Cibernético.pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdfPlano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
Plano Diretor da Tecnologia da Informação PDTIC 2020 a 2023.pdf
 
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdfEscola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
Escola de Comando e Estado-Maior da Aeronáutica (ECEMAR).pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 

Teoria ou abordagem comportamental na administração

  • 1. Escola de NegóciosEscola de Negócios Disciplina Fundamentos da Administração Professor Marco Aurelio
  • 2. Escola de Negócios Teoria ou Abordagem Comportamental na Administração Varas e Cenouras
  • 3. Escola de Negócios Na antiguidade não era necessária a preocupação com motivação humana para realização de qualquer atividade ou trabalho.
  • 4. Escola de Negócios A abordagem comportamental marca a mais forte ênfase das ciências do comportamento na teoria administrativa e a busca de soluções democráticas e flexíveis para aos problemas organizacionais. Esta abordagem originou-se das ciências comportamentais e, mais especificamente, da psicologia organizacional.
  • 5. Escola de Negócios É com a abordagem comportamental que a preocupação com a estrutura se desloca para a preocupação com os processos e com a dinâmica organizacional, isto é, com o comportamento organizacional. Aqui ainda predomina a ênfase nas pessoas, inaugurada com a Teoria das Relações Humanas, mas dentro de um contexto organizacional.
  • 6. Escola de Negócios A Teoria Comportamental (ou Teoria Behaviorista) da Administração veio significar uma nova direção e um novo enfoque dentro da teoria administrativa: a abordagem das ciências do comportamento, o abandono das posições normativas e prescritivas das teorias anteriores e a adoção de posições explicativas e descritivas. A ênfase permanece nas pessoas, mas dentro de um contexto organizacional.
  • 7. Escola de Negócios A Teoria Comportamental defendia a valorização do trabalhador em qualquer empreendimento baseado na cooperação, buscando um novo padrão de teoria e pesquisa administrativas. Foi bastante influenciado pelo desenvolvimento de estudos comportamentais em vários campos da ciência, como a antropologia, a psicologia e a sociologia. Adotando e adaptando para a administração conceitos originalmente elaborados dentro dessas ciências, propunha-se fornecer uma visão mais ampla do que motiva as pessoas para agirem ou se comportarem do modo que o fazem, particularizando as situações específicas do indivíduo no trabalho.
  • 10. Escola de Negócios A Teoria Comportamental procura demonstrar a variedade de estilos de administração que estão à disposição do administrador. A administração das organizações em geral está fortemente condicionada pelos estilos com que os administradores dirigem, dentro delas, o comportamento das pessoas. Por sua vez, os estilos de administração dependem substancialmente das convicções que os administradores têm a respeito do comportamento dentro da organização.
  • 11. Escola de Negócios McGrecor, um dos mais famosos autores behavioristas da Administração, preocupou-se em comparar dois estilos opostos e antagônicos de administração: de um lado, um estilo baseado na teoria tradicional, excessivamente mecanicista e pragmática (a que deu nome de Teoria X) e, de outro, um estilo baseado nas concepções modernas a respeito do comportamento humano (a que denominamos Teoria Y).
  • 12. Escola de Negócios O homem é indolente e preguiçoso por natureza, ele evita o trabalho. Falta-lhe ambição, não gosta de assumir responsabilidades. O homem é egocêntrico. A sua própria natureza o leva a resistir às mudanças. A sua dependência o torna incapaz de autocontrole e autodisciplina. X
  • 13. Escola de Negócios As pessoas são esforçadas e gostam de ter o que fazer. O trabalho é uma atividade tão natural como brincar ou descansar. As pessoas procuram e aceitam responsabilidades e desafios. As pessoas podem ser automotivas e autodirigidas. As pessoas são criativas e competentes. Y
  • 14. Escola de Negócios Teoria Z 1- Emprego estável para as pessoas, mesmo em época de dificuldades para a organização. 2- Pouca especialização das pessoas que passam a ser desenvolvidas através de uma filosofia de treinamento nos seus cargos. 3- Avaliação do desempenho constante e promoção lenta. 4- Igualitarismo no tratamento das pessoas, não importando o seu nível hierárquico. Todas as pessoas passam a ter igual tratamento, iguais condições de trabalho, iguais benefícios etc. 5- Democracia e participação: todas as pessoas participam em equipe e nenhuma decisão é tomada sem o consenso do grupo. 6- Valorização das pessoas, a tal ponto que o maior patrimônio das empresas japonesas, são as pessoas que nela trabalham
  • 15. Escola de Negócios A organização é um sistema de decisões. Neste sistema, cada pessoa participa racional e conscientemente, escolhendo e tomando decisões individuais a respeito de alternativas mais ou menos racionais de comportamento. Assim, a organização está permeada de decisões e de ações. Nas teorias anteriores muita importância foi dada às ações e nenhum às decisões que as provocaram. Decisão é o processo de análise e escolha, entre várias alternativas disponíveis, do curso de ação que a pessoa deverá seguir. Teoria da decisão
  • 16. Escola de Negócios 1- Tomador de decisão: é a pessoa que faz uma escolha ou opção entre várias alternativas de ação. É o agente que está frente a alguma situação. 2- Objetivos: são os objetivos que o tomador de decisão pretende alcançar com suas ações. 3- Preferências: são os critérios que o tomador de decisão usa para fazer sua escolha pessoal. 6 ELEMENTOS BÁSICOS DA DECISÃO:
  • 17. Escola de Negócios 4- Estratégia: é o custo de ação que o tomador de decisão escolhe para melhor atingir os objetivos. Depende dos recursos de que pode dispor e da maneira como percebe a situação. 5- Situação: São os aspectos do ambiente que envolve o tomador de decisão, muitos dos quais fora do seu controle, conhecimento ou compreensão e que afetam sua escolha. 6- Resultado: é a consequência ou resultante de uma dada estratégia 6 elementos da decisão:
  • 18. Escola de Negócios 7 ETAPAS DA DECISÃO: 1- Percepção da situação que envolve algum problema; 2- Análise e definição do problema; 3- Definição dos objetivos; 4- Procura de alternativas de solução ou de cursos de ação; 5- Avaliação e comparação dessas alternativas; 6- Seleção da alternativa mais adequada ao alcance dos objetivos; 7- Implementação da alternativa escolhida.
  • 19. Escola de Negócios Comportamento organizacional Comportamento organizacional é o estudo do funcionamento e da dinâmica das organizações e de como os grupos e os indivíduos se comportam dentro delas. É uma ciência interdisciplinar. Como a organização é um sistema cooperativo racional, ela somente pode alcançar seus objetivos se as pessoas que a compõem coordenarem seus esforços a fim de alcançar algo que individualmente jamais conseguiriam. Por essa razão, a organização se caracteriza por uma racional divisão do trabalho e por uma determinada hierarquia.
  • 20. Escola de Negócios O modo pelo qual os objetivos individuais são satisfeitos determina sua percepção do relacionamento Organização/indivíduo. Esse relacionamento poderá ser percebido como satisfatório para as pessoas que percebem que suas recompensas excederam as demandas feitas sobre elas. O indivíduo ingressa na organização e nela permanece quando espera que suas satisfações pessoais sejam maiores que seus esforços pessoais. Se acredita que seus esforços pessoais ultrapassam as satisfações, eles se torna propenso a abandonar a organização, se possível.