SlideShare uma empresa Scribd logo
Semiologia das lesões 
periféricas e centrais 
• Marcus Petindá 
• Estagiário 
• Neurologia Infantil 
• HBDF
Síndrome do neurônio motor 
superior 
• Lesão cortical ou das vias centrais 
relacionadas com a motricidade: tratos 
córtico-espinhais e trato retículo-espinhal 
inibidor ou bulbar
Síndrome piramidal 
• Sinais de liberação 
– Hiperreflexia profunda(policinéticos, mais 
amplos e bruscos) 
– Aumento da área reflexógena 
– Clônus 
– Hipertonia espástica 
– Sincinesias 
– Sinal de Babinski
Síndrome piramidal 
• Sinais deficitários 
– Paresia ou plegia 
– Abolição dos reflexos superficiais
Síndrome piramidal 
• Hipertonia é velocidade dependente – 
sinal do canivete 
– Diagnóstico diferencial – hipertonia plástica 
da síndrome extrapiramidal
Síndrome piramidal 
• Acometimento 
desigual dos 
membros 
– M. superiores 
• Tônus dos músculos 
flexores 
• Semifletido e o polegar 
na palma da 
mão(Wernicke-Mann)
Síndrome piramidal 
– Membros inferiores 
• Predomínio do tônus 
muscular extensor – 
marcha ceifante 
• Sinal de Babinski – 
lesão acima de 
L1(início do plexo 
lomssacral)
Síndrome piramidal 
• Reflexo cutâneo-abdominal(T6 a T12) – 
ausente ou diminuído 
• Hemiparesia alterna – sugestiva de lesão 
no tronco cerebral(lesão do nervo 
craniano contra-lateral ao restante do 
corpo)
Córtex cerebral 
• Fraqueza desproporcional com 
predomínio braquiofacial ou crural 
• Agrafoestesia 
• Afasia – córtex esquerdo 
• Hemissomatognosia – córtex direito
Cápsula interna 
• Hemiplegia 
contralateral 
proporcional completa 
• Microaneurismas de 
Charcot-Bouchard – 
artérias estriadas; 
ramos da artéria 
cerebral média
Tálamo 
• Hemihipoestesia contralateral 
• Crises dolorosas são possíveis no 
hemicorpo contralateral
Tronco cerebral 
• Hemiparesia alterna 
– Acometimento dos membros é contralateral 
– Acometimento da face é homolateral – nervo 
facial(VII par)
Tronco cerebral 
• Sd de Claude Bernard- 
Horner 
– Semiptose palpebral, 
miose, diminuição no 
diâmetro pupilar, 
pseudoenoftalmo, 
vermelhidão do olho por 
vasodilatação e anidrose 
do lado afetado 
– Fibras que conectam o 
hipotálamo à coluna 
intermédio-lateral da 
medula entre C8 e T1
Tronco cerebral 
• Oftalmoplegia internuclear
Medula espinhal 
• Tumor intramedular 
– Acometimento inicial do membro superior, 
posterior acometimento do membro inferior 
• Tumor extramedular 
– Dor precoce, seguido de sintomas motores 
nos membros inferiores e progressão para os 
membros superiores
Paralisias faciais 
• Nervo facial, VII par 
– Porção rostral – 
metade superior da 
face 
– Poção caudal – 
metade inferior da 
face
Paralisia facial periférica 
• Homolaterais à lesão 
• Desvio da comissura labial para o lado 
normal 
• Olho homolateral permanece aberto 
• Não consegue enrugar a testa 
homolateral à lesão 
• Dificuldade de assobiar e/ou mostrar os 
dentes
Paralisia facial periférica 
• Déficit de sensibilidade dos 2/3 anteriores 
da língua, diminuição das secreções 
lacrimais e salivares(nervo intermédio, 
ramo do facial) 
• Hemiparesia alterna 
– Nervo craniano homolateral à lesão(tronco 
cerebral) 
– Membros contralaterais à lesão(trato córtico-espinhal)
Paralisia facial periférica
Paralisia facial central 
• Lesões supranucleares – trato córtico –nuclear 
• Metade inferior da face contralateral à lesão 
• Desvio da rima bucal para o lado normal 
• Reflexo corneano e fechamento ocular estão 
preservados 
• Lesões corticais ou do centro semi-oval – 
expressões faciais que demonstram 
sentimentos(preservação dos tratos 
responsáveis pela motricidade da face)
Paralisia facial central
Síndrome do neurônio motor 
inferior 
• Fraqueza, fadiga, mialgia 
• Distúrbios da unidade 
motora(motoneurônio+ fibras musculares) 
• Diminuição ou abolição dos reflexos 
miotáticos 
• Reflexos cutâneo-abdominal e cutâneo 
plantar em flexão – 
preservados/diminuídos/abolidos
Síndrome do neurônio motor 
inferior 
• Tônus muscular diminuído – paralisia 
flácida 
• Diagnóstico diferencial 
– Fase aguda do neurônio motor superior 
– Síndromes cerebelares
Síndrome do neurônio motor 
inferior 
• Atrofia muscular precoce – interrupção do fluxo 
axoplasmático de substâncias tróficas 
• Valorizar as assimetrias – crianças e obesos 
• Pseudo-hipertrofia – Sd de Duchenne – força 
diminuída 
• Acometimento do corno anterior da medula – 
fasciculações 
• Marcha escarvante – pé caído
Síndrome do neurônio motor 
inferior
Corno anterior da medula 
• Fraqueza predominantemente e assimétrica 
– Anterior – extensores 
– Posterior – flexores 
– Lateral – musculatura distal(apendicular) 
– Medial – musculatura proximal(axial) 
• Reflexos miotáticos diminuídos ou ausentes 
• Hipotonia flácida inicial e posterior atrofia 
muscular 
• fasciculações
Raiz anterior da medula 
• Fraqueza focal, com hipo ou arreflexia e 
hipotonia(flacidez) 
• Atrofia 
• Sensibilidade em geral preservada 
• Sem fasciculações 
• Causas: 
– Hérnias de disco 
• Lateral – dor precoce 
• medial 
– Polirradiculoneurite – doença sistêmica auto-imune
Plexo ou nervo 
• Funcionalmente mistos – raiz 
dorsal(sensitiva) + raiz ventral(motora) 
• Neuropatia periférica 
– Hipotonia, hipo ou arreflexia evoluindo p/ 
atrofia proeminente 
– Sem fasciculações 
– Primeiros sintomas 
• Formigamentos 
• Queimações 
• Disestesias
Plexo ou nervo 
• Mononeuropatia 
– Trauma 
• Mononeuropatia múltipla(hanseníase, 
panarterite nodosa) 
• Polineuropatias 
– Diabetes, alcoolismo
Junção neuromuscular 
• Fadiga insidiosa, 
fraqueza flutuante 
dos músculos 
esqueléticos. Ex.: 
miastenia gravis 
• Tônus muscular 
mantido; reflexos 
preservados; não há 
fasciculações e/ou 
alterações de 
sensibilidade
Músculos 
• Fraqueza global 
• Distribuição proximal da fraqueza, hipotonia, 
(flacidez), preservação do volume muscular, 
reflexos um pouco diminuídos, dores 
musculares 
• Causas: 
– Metabólicas 
– Endócrinas 
– Inflamatórias 
– Congênitas
Semiotécnica 
• Força muscular 
– Pescoço, membros superiores e inferiores 
– Classificação – 0 a 5 
• 0 sem movimento 
• 1 há indício de movimento 
• 2 movimento quando a gravidade é eliminada 
• 3 movimento contra a gravidade, mas não contra a 
resistência 
• 4 movimento contra algum grau de resistência 
• 5 força muscular normal
Semiotécnica 
• Segmento cervical e tronco – movimentos 
em todas as direções 
• Membros superiores 
– Flexão e extensão 
– Abdução 
– Oponência 
Sempre contra uma resistência
Semiotécnica 
– Manobra dos braços estendidos 
– Manobra de Raimiste
Semiotécnica 
• Membros inferiores 
– Flexão e extensão 
– Adução e abdução 
– Manobras deficitárias 
• Mingazini 
• Barré 
• Constatar se: 
– Global 
– Distal(lesões piramidais ou nervos periféricos) 
– Proximal (miopatia)
Semiotécnica 
• Tônus e trofismo muscular 
– Inspeção 
– Palpação 
– Movimentação 
– Balanço passivo
Reflexos Profundos 
• Classificação 
– Ausente 
– Diminuído 
– Normal 
– Vivos 
– Exaltado
Reflexos Profundos 
• Alterações mais frequentes 
– Hiporreflexia 
– Hiperreflexia – lesão piramidal 
• Aumento da área reflexógena, clônus, sinreflexia, 
reflexos policinéticos
Reflexos Profundos 
• Reflexo estilorradial 
– Nervo radial; C5 e C6; m. bíceps braquial 
• Reflexo bicipital 
– Nervo músculo-cutâneo, C5 e C6, m. bíceps 
braquial 
• Reflexo tricipital 
– Nervo radial, C7 e C8, m. tríceps braquial
Reflexos Profundos 
• Reflexos dos flexores dos dedos 
– Nervos mediano e ulnar, C8 e T1, m. flexor 
superficial dos dedos 
• Reflexo costo-abdominal 
– Nervos intercostais, T5 a T12 
– Nervo ilioinguinal, L1 
– Nervo ílio-hipogástrio, L1
Reflexos Profundos 
• Reflexo dos adutores da coxa 
– Nervo obturador interno, L2 a L4, adutores 
magno, longo e curto 
• Reflexo patelar 
– Nervo femural, L2 a L4, m. quadríceps 
femoral 
• Reflexo aquileu 
– Nervo tibial, L5 a S2, m. da 
panturrilha(gastrocnêmio, sóleo e plantar)
Reflexos Profundos 
• Reflexos da face – nervo trigêmeo e 
nervo facial 
– Orbicular das pálpebras 
• Via aferente - ramo oftálmico do trigêmeo 
• Via eferente – ramo zigomático do facial 
• Centro reflexógeno - ponte
Reflexos Profundos 
–Orbicular dos lábios – m. orbicular 
dos lábios; porção sensitiva do 
trigêmeo 
• Porção motora – nervo facial 
• Centro reflexógeno – ponte 
• Hiperativo – lesões piramidais acima 
do núcleo do nervo facial
Reflexos Profundos 
– Mandibular/mentoniano – m. masseter; nervo 
trigêmeo 
• Centro reflexógeno – metade superior da ponte 
• Ausente – em lesões periféricas do trigêmeo 
• Hiperativo - em lesões piramidais acima do núcleo 
motor do trigêmeo
Reflexos superficiais 
• Polissinápticos, maior período de latência 
e maior facilidade de esgotamento 
• Diminuídos ou abolidos na síndrome 
piramidal
Reflexos superficiais 
• Reflexo cutâneo-abdominal 
– Superior – supra-umbilical – T6 aT9 
– Médio – umbilical – T9 a T11 
– Inferior – infra-umbilical – T11 e T12 
• Reflexo cutâneo-plantar 
– Nervo tibial, L4 a S1 ou S2, flexão do hálux e 
artelhos, (a partir dos 18 meses – completa 
mielinização do trato córtico-espinhal)
Semiologia das lesões periféricas e centrais
Semiologia das lesões periféricas e centrais

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cópia de semiologia do tórax
Cópia de semiologia do tóraxCópia de semiologia do tórax
Cópia de semiologia do tórax
Jucie Vasconcelos
 
Síndrome piramidal
Síndrome piramidalSíndrome piramidal
Síndrome piramidal
Dr. Rafael Higashi
 
Revisão de Neuroanatomia
Revisão de NeuroanatomiaRevisão de Neuroanatomia
Revisão de Neuroanatomia
pauloalambert
 
Reflexos
ReflexosReflexos
Reflexos
pauloalambert
 
Reflexos
ReflexosReflexos
Reflexos
pauloalambert
 
Coordenação motora
Coordenação motoraCoordenação motora
Coordenação motora
pauloalambert
 
Sinais e sintomas em neurologia
Sinais e sintomas em neurologiaSinais e sintomas em neurologia
Sinais e sintomas em neurologia
Dr. Rafael Higashi
 
Motricidade
MotricidadeMotricidade
Motricidade
Paulo Alambert
 
Nervos Cranianos: Exame físico Neurológico
Nervos Cranianos: Exame físico NeurológicoNervos Cranianos: Exame físico Neurológico
Nervos Cranianos: Exame físico Neurológico
Dr. Rafael Higashi
 
Semiologia Básica: Exame Físico Neurológico
Semiologia Básica: Exame Físico NeurológicoSemiologia Básica: Exame Físico Neurológico
Semiologia Básica: Exame Físico Neurológico
Dr. Rafael Higashi
 
Exame fisico cabeça e pescoço
Exame fisico cabeça e pescoçoExame fisico cabeça e pescoço
Exame fisico cabeça e pescoço
pauloalambert
 
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e AnamnesePropedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Nadjane Barros Costa
 
Anatomia do telencéfalo
Anatomia do telencéfaloAnatomia do telencéfalo
Anatomia do telencéfalo
Caio Maximino
 
Medula e Nervos Espinhais
Medula e Nervos EspinhaisMedula e Nervos Espinhais
Medula e Nervos Espinhais
Vânia Caldeira
 
Sensibilidade 14
Sensibilidade 14Sensibilidade 14
Sensibilidade 14
pauloalambert
 
Anamnese neurológica
Anamnese neurológicaAnamnese neurológica
Anamnese neurológica
pauloalambert
 
Exame Neurologico Marcha
Exame Neurologico MarchaExame Neurologico Marcha
Exame Neurologico Marcha
Vânia Caldeira
 
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Gustavo Oliveira
 
Facies & Marcha
Facies & MarchaFacies & Marcha
Facies & Marcha
pauloalambert
 
Nervo Facial
Nervo FacialNervo Facial
Nervo Facial
Fabiana Vallina
 

Mais procurados (20)

Cópia de semiologia do tórax
Cópia de semiologia do tóraxCópia de semiologia do tórax
Cópia de semiologia do tórax
 
Síndrome piramidal
Síndrome piramidalSíndrome piramidal
Síndrome piramidal
 
Revisão de Neuroanatomia
Revisão de NeuroanatomiaRevisão de Neuroanatomia
Revisão de Neuroanatomia
 
Reflexos
ReflexosReflexos
Reflexos
 
Reflexos
ReflexosReflexos
Reflexos
 
Coordenação motora
Coordenação motoraCoordenação motora
Coordenação motora
 
Sinais e sintomas em neurologia
Sinais e sintomas em neurologiaSinais e sintomas em neurologia
Sinais e sintomas em neurologia
 
Motricidade
MotricidadeMotricidade
Motricidade
 
Nervos Cranianos: Exame físico Neurológico
Nervos Cranianos: Exame físico NeurológicoNervos Cranianos: Exame físico Neurológico
Nervos Cranianos: Exame físico Neurológico
 
Semiologia Básica: Exame Físico Neurológico
Semiologia Básica: Exame Físico NeurológicoSemiologia Básica: Exame Físico Neurológico
Semiologia Básica: Exame Físico Neurológico
 
Exame fisico cabeça e pescoço
Exame fisico cabeça e pescoçoExame fisico cabeça e pescoço
Exame fisico cabeça e pescoço
 
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e AnamnesePropedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
Propedêutica em Fisioterapia - Semiologia e Anamnese
 
Anatomia do telencéfalo
Anatomia do telencéfaloAnatomia do telencéfalo
Anatomia do telencéfalo
 
Medula e Nervos Espinhais
Medula e Nervos EspinhaisMedula e Nervos Espinhais
Medula e Nervos Espinhais
 
Sensibilidade 14
Sensibilidade 14Sensibilidade 14
Sensibilidade 14
 
Anamnese neurológica
Anamnese neurológicaAnamnese neurológica
Anamnese neurológica
 
Exame Neurologico Marcha
Exame Neurologico MarchaExame Neurologico Marcha
Exame Neurologico Marcha
 
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
Semioliga - Aula Sistema Respiratório (Básica)
 
Facies & Marcha
Facies & MarchaFacies & Marcha
Facies & Marcha
 
Nervo Facial
Nervo FacialNervo Facial
Nervo Facial
 

Semelhante a Semiologia das lesões periféricas e centrais

Distúrbios da sensibilidade
Distúrbios da sensibilidadeDistúrbios da sensibilidade
Distúrbios da sensibilidade
Marcus César Petindá Fonseca
 
C5 hemiplegia doenca_neuronio_motor
C5 hemiplegia doenca_neuronio_motorC5 hemiplegia doenca_neuronio_motor
C5 hemiplegia doenca_neuronio_motor
Ana Santos
 
Lesões da me e te
Lesões da me e teLesões da me e te
Lesões da me e te
Rogério Porto da Rocha
 
Lesões da me e te
Lesões da me e teLesões da me e te
Lesões da me e te
Rogério Porto da Rocha
 
Alteração visual e sintomas correlatos
Alteração visual e sintomas correlatosAlteração visual e sintomas correlatos
Alteração visual e sintomas correlatos
Marcus César Petindá Fonseca
 
Introdu med tronco 2013
Introdu med tronco 2013Introdu med tronco 2013
Introdu med tronco 2013
Bruno Rocha
 
Acidente vascular encefálico (ave) .
Acidente vascular encefálico (ave) . Acidente vascular encefálico (ave) .
Acidente vascular encefálico (ave) .
Dani Drp
 
Exame neurológico
Exame neurológicoExame neurológico
Exame neurológico
pauloalambert
 
Incoordenação, desequilíbrio e tontura
Incoordenação, desequilíbrio e tonturaIncoordenação, desequilíbrio e tontura
Incoordenação, desequilíbrio e tontura
Marcus César Petindá Fonseca
 
Maratona nervosa definitivo
Maratona nervosa definitivoMaratona nervosa definitivo
Maratona nervosa definitivo
Ricardo Nunes
 
Cga.neurologia.neuropatias perifericas (1)
Cga.neurologia.neuropatias perifericas (1)Cga.neurologia.neuropatias perifericas (1)
Cga.neurologia.neuropatias perifericas (1)
Andreé Sigala Escamilla
 
Aula 08 sistema nervoso
Aula 08   sistema nervosoAula 08   sistema nervoso
Aula 08 sistema nervoso
Felipe Beijamini
 
Aula 06 Sistema nervoso e sensorial - anatomia
Aula 06   Sistema nervoso e sensorial - anatomiaAula 06   Sistema nervoso e sensorial - anatomia
Aula 06 Sistema nervoso e sensorial - anatomia
Hamilton Nobrega
 
Mielopatia cervical
Mielopatia cervicalMielopatia cervical
Mielopatia cervical
DrRuben Cardenas
 
Nervos cranianos andrey neuroliga
Nervos cranianos andrey   neuroligaNervos cranianos andrey   neuroliga
Nervos cranianos andrey neuroliga
neuroliga-nortemineira
 
Perguntas e respostas para a prova de neurocsemiologia
Perguntas e respostas para a prova de neurocsemiologiaPerguntas e respostas para a prova de neurocsemiologia
Perguntas e respostas para a prova de neurocsemiologia
Vinicius Oliveira
 
Modulo 11
Modulo 11Modulo 11
Modulo 11
SemioOrto
 
Reflexos
Reflexos Reflexos
Reflexos
pauloalambert
 
Acidente vascular encefálico parte1
Acidente vascular encefálico parte1Acidente vascular encefálico parte1
Acidente vascular encefálico parte1
Jumooca
 
Neuroanatomia 20
Neuroanatomia 20Neuroanatomia 20
Neuroanatomia 20
pauloalambert
 

Semelhante a Semiologia das lesões periféricas e centrais (20)

Distúrbios da sensibilidade
Distúrbios da sensibilidadeDistúrbios da sensibilidade
Distúrbios da sensibilidade
 
C5 hemiplegia doenca_neuronio_motor
C5 hemiplegia doenca_neuronio_motorC5 hemiplegia doenca_neuronio_motor
C5 hemiplegia doenca_neuronio_motor
 
Lesões da me e te
Lesões da me e teLesões da me e te
Lesões da me e te
 
Lesões da me e te
Lesões da me e teLesões da me e te
Lesões da me e te
 
Alteração visual e sintomas correlatos
Alteração visual e sintomas correlatosAlteração visual e sintomas correlatos
Alteração visual e sintomas correlatos
 
Introdu med tronco 2013
Introdu med tronco 2013Introdu med tronco 2013
Introdu med tronco 2013
 
Acidente vascular encefálico (ave) .
Acidente vascular encefálico (ave) . Acidente vascular encefálico (ave) .
Acidente vascular encefálico (ave) .
 
Exame neurológico
Exame neurológicoExame neurológico
Exame neurológico
 
Incoordenação, desequilíbrio e tontura
Incoordenação, desequilíbrio e tonturaIncoordenação, desequilíbrio e tontura
Incoordenação, desequilíbrio e tontura
 
Maratona nervosa definitivo
Maratona nervosa definitivoMaratona nervosa definitivo
Maratona nervosa definitivo
 
Cga.neurologia.neuropatias perifericas (1)
Cga.neurologia.neuropatias perifericas (1)Cga.neurologia.neuropatias perifericas (1)
Cga.neurologia.neuropatias perifericas (1)
 
Aula 08 sistema nervoso
Aula 08   sistema nervosoAula 08   sistema nervoso
Aula 08 sistema nervoso
 
Aula 06 Sistema nervoso e sensorial - anatomia
Aula 06   Sistema nervoso e sensorial - anatomiaAula 06   Sistema nervoso e sensorial - anatomia
Aula 06 Sistema nervoso e sensorial - anatomia
 
Mielopatia cervical
Mielopatia cervicalMielopatia cervical
Mielopatia cervical
 
Nervos cranianos andrey neuroliga
Nervos cranianos andrey   neuroligaNervos cranianos andrey   neuroliga
Nervos cranianos andrey neuroliga
 
Perguntas e respostas para a prova de neurocsemiologia
Perguntas e respostas para a prova de neurocsemiologiaPerguntas e respostas para a prova de neurocsemiologia
Perguntas e respostas para a prova de neurocsemiologia
 
Modulo 11
Modulo 11Modulo 11
Modulo 11
 
Reflexos
Reflexos Reflexos
Reflexos
 
Acidente vascular encefálico parte1
Acidente vascular encefálico parte1Acidente vascular encefálico parte1
Acidente vascular encefálico parte1
 
Neuroanatomia 20
Neuroanatomia 20Neuroanatomia 20
Neuroanatomia 20
 

Mais de Marcus César Petindá Fonseca

Nervos cranianos paralisias associadas
Nervos cranianos  paralisias associadasNervos cranianos  paralisias associadas
Nervos cranianos paralisias associadas
Marcus César Petindá Fonseca
 
Nervos cranianos
Nervos cranianosNervos cranianos
Receptores musculares
Receptores muscularesReceptores musculares
Receptores musculares
Marcus César Petindá Fonseca
 
Receptores musculares
Receptores muscularesReceptores musculares
Receptores musculares
Marcus César Petindá Fonseca
 
Retardo mental
Retardo mentalRetardo mental
Síndrome de dandy walker
Síndrome de dandy walkerSíndrome de dandy walker
Síndrome de dandy walker
Marcus César Petindá Fonseca
 
Síndrome de doose
Síndrome de dooseSíndrome de doose
Síndrome de doose
Marcus César Petindá Fonseca
 
Síndrome de dravet
Síndrome de dravetSíndrome de dravet
Síndrome de dravet
Marcus César Petindá Fonseca
 
Síndrome de lennox gastaut
Síndrome de lennox gastautSíndrome de lennox gastaut
Síndrome de lennox gastaut
Marcus César Petindá Fonseca
 
Síndrome de west
Síndrome de westSíndrome de west
Síndromes neurocutâneas fabio
Síndromes neurocutâneas fabioSíndromes neurocutâneas fabio
Síndromes neurocutâneas fabio
Marcus César Petindá Fonseca
 
Síndromes neurovegetativas
Síndromes neurovegetativasSíndromes neurovegetativas
Síndromes neurovegetativas
Marcus César Petindá Fonseca
 
Tronco encefálico
Tronco encefálicoTronco encefálico
Tronco encefálico
Marcus César Petindá Fonseca
 
Tumores espinhais
Tumores espinhaisTumores espinhais
Tumores intracranianos
Tumores intracranianosTumores intracranianos
Tumores intracranianos
Marcus César Petindá Fonseca
 
Veia galeno
Veia galenoVeia galeno
Meninges
MeningesMeninges
Líquor
LíquorLíquor
Hidrocefalia congênita
Hidrocefalia congênitaHidrocefalia congênita
Hidrocefalia congênita
Marcus César Petindá Fonseca
 
Fisiopatologia do córtex cerebral
Fisiopatologia do córtex cerebralFisiopatologia do córtex cerebral
Fisiopatologia do córtex cerebral
Marcus César Petindá Fonseca
 

Mais de Marcus César Petindá Fonseca (20)

Nervos cranianos paralisias associadas
Nervos cranianos  paralisias associadasNervos cranianos  paralisias associadas
Nervos cranianos paralisias associadas
 
Nervos cranianos
Nervos cranianosNervos cranianos
Nervos cranianos
 
Receptores musculares
Receptores muscularesReceptores musculares
Receptores musculares
 
Receptores musculares
Receptores muscularesReceptores musculares
Receptores musculares
 
Retardo mental
Retardo mentalRetardo mental
Retardo mental
 
Síndrome de dandy walker
Síndrome de dandy walkerSíndrome de dandy walker
Síndrome de dandy walker
 
Síndrome de doose
Síndrome de dooseSíndrome de doose
Síndrome de doose
 
Síndrome de dravet
Síndrome de dravetSíndrome de dravet
Síndrome de dravet
 
Síndrome de lennox gastaut
Síndrome de lennox gastautSíndrome de lennox gastaut
Síndrome de lennox gastaut
 
Síndrome de west
Síndrome de westSíndrome de west
Síndrome de west
 
Síndromes neurocutâneas fabio
Síndromes neurocutâneas fabioSíndromes neurocutâneas fabio
Síndromes neurocutâneas fabio
 
Síndromes neurovegetativas
Síndromes neurovegetativasSíndromes neurovegetativas
Síndromes neurovegetativas
 
Tronco encefálico
Tronco encefálicoTronco encefálico
Tronco encefálico
 
Tumores espinhais
Tumores espinhaisTumores espinhais
Tumores espinhais
 
Tumores intracranianos
Tumores intracranianosTumores intracranianos
Tumores intracranianos
 
Veia galeno
Veia galenoVeia galeno
Veia galeno
 
Meninges
MeningesMeninges
Meninges
 
Líquor
LíquorLíquor
Líquor
 
Hidrocefalia congênita
Hidrocefalia congênitaHidrocefalia congênita
Hidrocefalia congênita
 
Fisiopatologia do córtex cerebral
Fisiopatologia do córtex cerebralFisiopatologia do córtex cerebral
Fisiopatologia do córtex cerebral
 

Semiologia das lesões periféricas e centrais

  • 1. Semiologia das lesões periféricas e centrais • Marcus Petindá • Estagiário • Neurologia Infantil • HBDF
  • 2. Síndrome do neurônio motor superior • Lesão cortical ou das vias centrais relacionadas com a motricidade: tratos córtico-espinhais e trato retículo-espinhal inibidor ou bulbar
  • 3. Síndrome piramidal • Sinais de liberação – Hiperreflexia profunda(policinéticos, mais amplos e bruscos) – Aumento da área reflexógena – Clônus – Hipertonia espástica – Sincinesias – Sinal de Babinski
  • 4. Síndrome piramidal • Sinais deficitários – Paresia ou plegia – Abolição dos reflexos superficiais
  • 5. Síndrome piramidal • Hipertonia é velocidade dependente – sinal do canivete – Diagnóstico diferencial – hipertonia plástica da síndrome extrapiramidal
  • 6. Síndrome piramidal • Acometimento desigual dos membros – M. superiores • Tônus dos músculos flexores • Semifletido e o polegar na palma da mão(Wernicke-Mann)
  • 7. Síndrome piramidal – Membros inferiores • Predomínio do tônus muscular extensor – marcha ceifante • Sinal de Babinski – lesão acima de L1(início do plexo lomssacral)
  • 8. Síndrome piramidal • Reflexo cutâneo-abdominal(T6 a T12) – ausente ou diminuído • Hemiparesia alterna – sugestiva de lesão no tronco cerebral(lesão do nervo craniano contra-lateral ao restante do corpo)
  • 9. Córtex cerebral • Fraqueza desproporcional com predomínio braquiofacial ou crural • Agrafoestesia • Afasia – córtex esquerdo • Hemissomatognosia – córtex direito
  • 10. Cápsula interna • Hemiplegia contralateral proporcional completa • Microaneurismas de Charcot-Bouchard – artérias estriadas; ramos da artéria cerebral média
  • 11. Tálamo • Hemihipoestesia contralateral • Crises dolorosas são possíveis no hemicorpo contralateral
  • 12. Tronco cerebral • Hemiparesia alterna – Acometimento dos membros é contralateral – Acometimento da face é homolateral – nervo facial(VII par)
  • 13. Tronco cerebral • Sd de Claude Bernard- Horner – Semiptose palpebral, miose, diminuição no diâmetro pupilar, pseudoenoftalmo, vermelhidão do olho por vasodilatação e anidrose do lado afetado – Fibras que conectam o hipotálamo à coluna intermédio-lateral da medula entre C8 e T1
  • 14. Tronco cerebral • Oftalmoplegia internuclear
  • 15. Medula espinhal • Tumor intramedular – Acometimento inicial do membro superior, posterior acometimento do membro inferior • Tumor extramedular – Dor precoce, seguido de sintomas motores nos membros inferiores e progressão para os membros superiores
  • 16. Paralisias faciais • Nervo facial, VII par – Porção rostral – metade superior da face – Poção caudal – metade inferior da face
  • 17. Paralisia facial periférica • Homolaterais à lesão • Desvio da comissura labial para o lado normal • Olho homolateral permanece aberto • Não consegue enrugar a testa homolateral à lesão • Dificuldade de assobiar e/ou mostrar os dentes
  • 18. Paralisia facial periférica • Déficit de sensibilidade dos 2/3 anteriores da língua, diminuição das secreções lacrimais e salivares(nervo intermédio, ramo do facial) • Hemiparesia alterna – Nervo craniano homolateral à lesão(tronco cerebral) – Membros contralaterais à lesão(trato córtico-espinhal)
  • 20. Paralisia facial central • Lesões supranucleares – trato córtico –nuclear • Metade inferior da face contralateral à lesão • Desvio da rima bucal para o lado normal • Reflexo corneano e fechamento ocular estão preservados • Lesões corticais ou do centro semi-oval – expressões faciais que demonstram sentimentos(preservação dos tratos responsáveis pela motricidade da face)
  • 22. Síndrome do neurônio motor inferior • Fraqueza, fadiga, mialgia • Distúrbios da unidade motora(motoneurônio+ fibras musculares) • Diminuição ou abolição dos reflexos miotáticos • Reflexos cutâneo-abdominal e cutâneo plantar em flexão – preservados/diminuídos/abolidos
  • 23. Síndrome do neurônio motor inferior • Tônus muscular diminuído – paralisia flácida • Diagnóstico diferencial – Fase aguda do neurônio motor superior – Síndromes cerebelares
  • 24. Síndrome do neurônio motor inferior • Atrofia muscular precoce – interrupção do fluxo axoplasmático de substâncias tróficas • Valorizar as assimetrias – crianças e obesos • Pseudo-hipertrofia – Sd de Duchenne – força diminuída • Acometimento do corno anterior da medula – fasciculações • Marcha escarvante – pé caído
  • 25. Síndrome do neurônio motor inferior
  • 26. Corno anterior da medula • Fraqueza predominantemente e assimétrica – Anterior – extensores – Posterior – flexores – Lateral – musculatura distal(apendicular) – Medial – musculatura proximal(axial) • Reflexos miotáticos diminuídos ou ausentes • Hipotonia flácida inicial e posterior atrofia muscular • fasciculações
  • 27. Raiz anterior da medula • Fraqueza focal, com hipo ou arreflexia e hipotonia(flacidez) • Atrofia • Sensibilidade em geral preservada • Sem fasciculações • Causas: – Hérnias de disco • Lateral – dor precoce • medial – Polirradiculoneurite – doença sistêmica auto-imune
  • 28. Plexo ou nervo • Funcionalmente mistos – raiz dorsal(sensitiva) + raiz ventral(motora) • Neuropatia periférica – Hipotonia, hipo ou arreflexia evoluindo p/ atrofia proeminente – Sem fasciculações – Primeiros sintomas • Formigamentos • Queimações • Disestesias
  • 29. Plexo ou nervo • Mononeuropatia – Trauma • Mononeuropatia múltipla(hanseníase, panarterite nodosa) • Polineuropatias – Diabetes, alcoolismo
  • 30. Junção neuromuscular • Fadiga insidiosa, fraqueza flutuante dos músculos esqueléticos. Ex.: miastenia gravis • Tônus muscular mantido; reflexos preservados; não há fasciculações e/ou alterações de sensibilidade
  • 31. Músculos • Fraqueza global • Distribuição proximal da fraqueza, hipotonia, (flacidez), preservação do volume muscular, reflexos um pouco diminuídos, dores musculares • Causas: – Metabólicas – Endócrinas – Inflamatórias – Congênitas
  • 32. Semiotécnica • Força muscular – Pescoço, membros superiores e inferiores – Classificação – 0 a 5 • 0 sem movimento • 1 há indício de movimento • 2 movimento quando a gravidade é eliminada • 3 movimento contra a gravidade, mas não contra a resistência • 4 movimento contra algum grau de resistência • 5 força muscular normal
  • 33. Semiotécnica • Segmento cervical e tronco – movimentos em todas as direções • Membros superiores – Flexão e extensão – Abdução – Oponência Sempre contra uma resistência
  • 34. Semiotécnica – Manobra dos braços estendidos – Manobra de Raimiste
  • 35. Semiotécnica • Membros inferiores – Flexão e extensão – Adução e abdução – Manobras deficitárias • Mingazini • Barré • Constatar se: – Global – Distal(lesões piramidais ou nervos periféricos) – Proximal (miopatia)
  • 36. Semiotécnica • Tônus e trofismo muscular – Inspeção – Palpação – Movimentação – Balanço passivo
  • 37. Reflexos Profundos • Classificação – Ausente – Diminuído – Normal – Vivos – Exaltado
  • 38. Reflexos Profundos • Alterações mais frequentes – Hiporreflexia – Hiperreflexia – lesão piramidal • Aumento da área reflexógena, clônus, sinreflexia, reflexos policinéticos
  • 39. Reflexos Profundos • Reflexo estilorradial – Nervo radial; C5 e C6; m. bíceps braquial • Reflexo bicipital – Nervo músculo-cutâneo, C5 e C6, m. bíceps braquial • Reflexo tricipital – Nervo radial, C7 e C8, m. tríceps braquial
  • 40. Reflexos Profundos • Reflexos dos flexores dos dedos – Nervos mediano e ulnar, C8 e T1, m. flexor superficial dos dedos • Reflexo costo-abdominal – Nervos intercostais, T5 a T12 – Nervo ilioinguinal, L1 – Nervo ílio-hipogástrio, L1
  • 41. Reflexos Profundos • Reflexo dos adutores da coxa – Nervo obturador interno, L2 a L4, adutores magno, longo e curto • Reflexo patelar – Nervo femural, L2 a L4, m. quadríceps femoral • Reflexo aquileu – Nervo tibial, L5 a S2, m. da panturrilha(gastrocnêmio, sóleo e plantar)
  • 42. Reflexos Profundos • Reflexos da face – nervo trigêmeo e nervo facial – Orbicular das pálpebras • Via aferente - ramo oftálmico do trigêmeo • Via eferente – ramo zigomático do facial • Centro reflexógeno - ponte
  • 43. Reflexos Profundos –Orbicular dos lábios – m. orbicular dos lábios; porção sensitiva do trigêmeo • Porção motora – nervo facial • Centro reflexógeno – ponte • Hiperativo – lesões piramidais acima do núcleo do nervo facial
  • 44. Reflexos Profundos – Mandibular/mentoniano – m. masseter; nervo trigêmeo • Centro reflexógeno – metade superior da ponte • Ausente – em lesões periféricas do trigêmeo • Hiperativo - em lesões piramidais acima do núcleo motor do trigêmeo
  • 45. Reflexos superficiais • Polissinápticos, maior período de latência e maior facilidade de esgotamento • Diminuídos ou abolidos na síndrome piramidal
  • 46. Reflexos superficiais • Reflexo cutâneo-abdominal – Superior – supra-umbilical – T6 aT9 – Médio – umbilical – T9 a T11 – Inferior – infra-umbilical – T11 e T12 • Reflexo cutâneo-plantar – Nervo tibial, L4 a S1 ou S2, flexão do hálux e artelhos, (a partir dos 18 meses – completa mielinização do trato córtico-espinhal)