SlideShare uma empresa Scribd logo
Seminário
TEMA: Competências profissionais
   para ensinar/Práticas de ensino e
  subsídios para a atividade docente



   SUBTEMA:
“Desafios para o sucesso da aprendizagem”
PROBLEMA:
 A escola pública tem como compromisso
oportunizar condições para sua clientela
construir conhecimentos, atitudes e valores,
contribuindo na formação de cidadãos
críticos, éticos e participativos . No entanto,
observa-se um grande déficit nas práticas
das competências para ensinar. Sendo assim
como vencer os desafios de se promover
uma pratica educativa mais inovadora?
OBJETIVO:
Reconhecer e analisar saberes necessários
à profissão docente.
CONTEÚDO:
Este estudo apresenta reflexões a cerca da
prática pedagógica, fator de suma
importância no desenvolvimento das
competências e habilidades no processo
ensino-aprendizagem e na prática da
docência.
Juciara Brito
COMPONENTES:   Paula Rauédys
               Ana Maria
               Leticia Souza
               Iara Sousa
               Mirtes
1- Competências profissionais para ensinar
Segundo Perrenoud, Philippe (2000) Essas são as
10 Novas Competências para Ensinar:

1-Organizar e dirigir situações de
aprendizagem
2- Administrar a progressão das
aprendizagens
3- Conceber e fazer evoluir os dispositivos
de diferenciação
4- Envolver os alunos em suas
aprendizagens e em seu trabalho
5- Trabalhar em equipe
6- Participar da administração da escola
7- Informar e envolver os pais
8- Utilizar novas tecnologias
9- Enfrentar os deveres e os dilemas éticos da
profissão
10- Administrar sua própria formação contínua
1.1 O que são competências?

são as múltiplas capacidade presentes
no indivíduos e que precisam e devem
ser potencializadas para que estes
sejam capazes de usá-las nas diversas
circunstâncias da vida, atendendo
satisfatoriamente suas necessidades
pessoais, profissionais e sociais.
1.2 Como o professor pode criar suas
            competências?
O professor é resultante de um processo
de formação que o submete a situações de
desafios. Na medida que ele vai
respondendo a esses desafios de forma
comprometida e responsável
consequentemente ele vai potencializando
suas competências.
Com isso, percebe-se que a
competência se desenvolve em
situações de desafios e que o
professor desenvolve a sua se
permitindo desafiar, sobretudo pela
realidade mutável de sala de aula e por
uma busca constante de responder e
essa realidade através de uma
formação continua.
1.3 Como o professor desenvolve suas
     competências no processo ensino-
              aprendizagem?
E o professor não se mantem estático
diante das realidades e necessidades que
se desenham no processo de ensino
aprendizagem. É buscar responder a esta
necessidade com estratégias que ajudem a
contorna-las, a supera-las, garantindo o
proposito de formação.
2- Práticas de ensino e subsídios para
         a atividade docente

   O laboratório de Prática de ensino propõe-se
   a, através dos recursos metodológicos,
   instrumentalizar o professor em termos de
   rendimento do aluno, ou seja, aquilo que o
   aluno é capaz de saber fazer após um
   determinado período de aprendizagem é
   que dirá da verdadeira competência do
   professor que ensina.
2.1 O que são práticas de ensino?
Prática de ensino são exercícios de
tradução da teoria. São as ações que
permitem colocar os conhecimentos
teóricos a serviço da formação do
individuo submetendo-o aos desafios que
potencializam suas competências e geram
saberes.
2.2 Como o professor subsidia as
         práticas de ensino?
• Se utilizando de
  metodologias
  diversificadas que
  desafiam e
  estimulam os
  alunos na busca do
  conhecimento...
Posto que a prática pedagógica
implica numa ação dinâmica , ela pode
nos subsidiada através de uma
formação continuada que se
concretiza diariamente na busca de
informações ,estratégias, dinâmicas,
planejamento e estudos que
contribuam na formação.
2.3 Quais são os principais subsídios
      para a atividade docente?
Recursos tecnológicos, ( tv, computador
(internet), data show, aparelho de som
)livro didático, pesquisa de campo,
material didático, material paradidáticos ,
livros , revistas, jornais, recursos
humanos...
CONSIDERAÇÕES FINAIS:
Nos resultados foi constatado que o
caminho e superação dos desafios para se
chegar ao sucesso da aprendizagem, se da
pela capacidade e habilidades que o
educador constrói se capacitando cada vez
mais, aplicando, reelaborando e
desenvolvendo novas práticas pedagógicas,
sendo consciente do seu papel,
entendendo que o mesmo é o preparador
de gerações.
Portanto se não tiver competência em
ministrar seus conteúdos
contextualizando-os à realidade do
aluno, na prática estará formando
cidadãos desatualizados e
descontextualizados com sua época e
incapazes de interferir e conquistar um
lugar na sociedade que cada vez mais
se globaliza.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto Formação Continuada
Projeto Formação ContinuadaProjeto Formação Continuada
Projeto Formação Continuada
COORDENADORIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO VILHENA
 
FascÍculo Cadernos Rede Coordenador Pedagógico
FascÍculo Cadernos Rede Coordenador PedagógicoFascÍculo Cadernos Rede Coordenador Pedagógico
FascÍculo Cadernos Rede Coordenador Pedagógico
FSBA
 
Avaliação Desempenho Tito - proposta de classificação 2011
Avaliação Desempenho Tito - proposta de classificação 2011Avaliação Desempenho Tito - proposta de classificação 2011
Avaliação Desempenho Tito - proposta de classificação 2011
Tito Romeu Gomes de Sousa Maia Mendes
 
Fichas Registo Observacao Coordenador (Documento de Trabalho)
Fichas Registo Observacao Coordenador (Documento de Trabalho)Fichas Registo Observacao Coordenador (Documento de Trabalho)
Fichas Registo Observacao Coordenador (Documento de Trabalho)
Maria André
 
Avaliação do bom professor
Avaliação do bom professorAvaliação do bom professor
Avaliação do bom professor
rafaelj3d
 
Plano De Trabalho Docente
Plano De Trabalho Docente Plano De Trabalho Docente
Plano De Trabalho Docente
guest1c37d0
 
Edu Inclusiva Maristela
Edu Inclusiva MaristelaEdu Inclusiva Maristela
Edu Inclusiva Maristela
profavaleriaflora
 
TUTOR: UM NOVO PAPEL PARA O PROFESSOR
TUTOR: UM NOVO PAPEL PARA O PROFESSORTUTOR: UM NOVO PAPEL PARA O PROFESSOR
TUTOR: UM NOVO PAPEL PARA O PROFESSOR
Vanilda Porto Vieira
 
Observação de aulas em parceria - uma experiência de formação
Observação de aulas em parceria - uma experiência de formação Observação de aulas em parceria - uma experiência de formação
Observação de aulas em parceria - uma experiência de formação
Alexandra Carneiro
 
Professores e funcionários semana pedagógica 2011
Professores e funcionários semana pedagógica 2011Professores e funcionários semana pedagógica 2011
Professores e funcionários semana pedagógica 2011
escolamuller
 
Sala de Educador
Sala de EducadorSala de Educador
Sala de Educador
cefaprodematupa
 
Supervisao escolar-o-papel-do-supervisor-escolar
Supervisao escolar-o-papel-do-supervisor-escolarSupervisao escolar-o-papel-do-supervisor-escolar
Supervisao escolar-o-papel-do-supervisor-escolar
francinethmedeiros
 
Sequencia didatica
Sequencia didaticaSequencia didatica
Sequencia didatica
shs_oliveira
 
A importância da observação em sala de aula
A importância da observação em sala de aulaA importância da observação em sala de aula
A importância da observação em sala de aula
Marcos Neves
 
Aula as concepcões de ensino e aprendizagem
Aula as concepcões de ensino e aprendizagemAula as concepcões de ensino e aprendizagem
Aula as concepcões de ensino e aprendizagem
Hérica Michelly Freitas
 
Como escolher e organizar atividades de ensino bordenave
Como escolher e organizar atividades de ensino bordenaveComo escolher e organizar atividades de ensino bordenave
Como escolher e organizar atividades de ensino bordenave
Elisa Maria Gomide
 
Projeto Sala do Educador.pdf
Projeto Sala do Educador.pdfProjeto Sala do Educador.pdf
Projeto Sala do Educador.pdf
eminovacao
 
03 Planejamento e Métodos de Ensino
03 Planejamento e Métodos de Ensino03 Planejamento e Métodos de Ensino
03 Planejamento e Métodos de Ensino
Dilsilei Monteiro
 
Formação sobre o papel do supervisor escolar
Formação sobre o papel do supervisor escolarFormação sobre o papel do supervisor escolar
Formação sobre o papel do supervisor escolar
Maria Cecilia Silva
 
Capacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºanoCapacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºano
assessoriapedagogica
 

Mais procurados (20)

Projeto Formação Continuada
Projeto Formação ContinuadaProjeto Formação Continuada
Projeto Formação Continuada
 
FascÍculo Cadernos Rede Coordenador Pedagógico
FascÍculo Cadernos Rede Coordenador PedagógicoFascÍculo Cadernos Rede Coordenador Pedagógico
FascÍculo Cadernos Rede Coordenador Pedagógico
 
Avaliação Desempenho Tito - proposta de classificação 2011
Avaliação Desempenho Tito - proposta de classificação 2011Avaliação Desempenho Tito - proposta de classificação 2011
Avaliação Desempenho Tito - proposta de classificação 2011
 
Fichas Registo Observacao Coordenador (Documento de Trabalho)
Fichas Registo Observacao Coordenador (Documento de Trabalho)Fichas Registo Observacao Coordenador (Documento de Trabalho)
Fichas Registo Observacao Coordenador (Documento de Trabalho)
 
Avaliação do bom professor
Avaliação do bom professorAvaliação do bom professor
Avaliação do bom professor
 
Plano De Trabalho Docente
Plano De Trabalho Docente Plano De Trabalho Docente
Plano De Trabalho Docente
 
Edu Inclusiva Maristela
Edu Inclusiva MaristelaEdu Inclusiva Maristela
Edu Inclusiva Maristela
 
TUTOR: UM NOVO PAPEL PARA O PROFESSOR
TUTOR: UM NOVO PAPEL PARA O PROFESSORTUTOR: UM NOVO PAPEL PARA O PROFESSOR
TUTOR: UM NOVO PAPEL PARA O PROFESSOR
 
Observação de aulas em parceria - uma experiência de formação
Observação de aulas em parceria - uma experiência de formação Observação de aulas em parceria - uma experiência de formação
Observação de aulas em parceria - uma experiência de formação
 
Professores e funcionários semana pedagógica 2011
Professores e funcionários semana pedagógica 2011Professores e funcionários semana pedagógica 2011
Professores e funcionários semana pedagógica 2011
 
Sala de Educador
Sala de EducadorSala de Educador
Sala de Educador
 
Supervisao escolar-o-papel-do-supervisor-escolar
Supervisao escolar-o-papel-do-supervisor-escolarSupervisao escolar-o-papel-do-supervisor-escolar
Supervisao escolar-o-papel-do-supervisor-escolar
 
Sequencia didatica
Sequencia didaticaSequencia didatica
Sequencia didatica
 
A importância da observação em sala de aula
A importância da observação em sala de aulaA importância da observação em sala de aula
A importância da observação em sala de aula
 
Aula as concepcões de ensino e aprendizagem
Aula as concepcões de ensino e aprendizagemAula as concepcões de ensino e aprendizagem
Aula as concepcões de ensino e aprendizagem
 
Como escolher e organizar atividades de ensino bordenave
Como escolher e organizar atividades de ensino bordenaveComo escolher e organizar atividades de ensino bordenave
Como escolher e organizar atividades de ensino bordenave
 
Projeto Sala do Educador.pdf
Projeto Sala do Educador.pdfProjeto Sala do Educador.pdf
Projeto Sala do Educador.pdf
 
03 Planejamento e Métodos de Ensino
03 Planejamento e Métodos de Ensino03 Planejamento e Métodos de Ensino
03 Planejamento e Métodos de Ensino
 
Formação sobre o papel do supervisor escolar
Formação sobre o papel do supervisor escolarFormação sobre o papel do supervisor escolar
Formação sobre o papel do supervisor escolar
 
Capacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºanoCapacitação 6º ao 9ºano
Capacitação 6º ao 9ºano
 

Semelhante a Seminário

Replanejamento ee milton silva rodrigues
Replanejamento ee milton silva rodriguesReplanejamento ee milton silva rodrigues
Replanejamento ee milton silva rodrigues
telasnorte1
 
Gestão escolar e coordenação pedagógica.
Gestão escolar e coordenação pedagógica.Gestão escolar e coordenação pedagógica.
Gestão escolar e coordenação pedagógica.
dbattisti91
 
Aula 3 metodologias ativas
Aula 3   metodologias ativasAula 3   metodologias ativas
Aula 3 metodologias ativas
NdiaCortez
 
Trabalho da dona elena
Trabalho da dona elenaTrabalho da dona elena
Trabalho da dona elena
Handre Phernando
 
1 aula escola, ensino-aprendizagem do deficiente
1 aula   escola, ensino-aprendizagem do deficiente1 aula   escola, ensino-aprendizagem do deficiente
1 aula escola, ensino-aprendizagem do deficiente
FAMETRO/SEDUC
 
Aula 3 - Metodologias Ativas.pptx
Aula 3 - Metodologias Ativas.pptxAula 3 - Metodologias Ativas.pptx
Aula 3 - Metodologias Ativas.pptx
LaurizaQuina
 
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docxPrograma GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Glauber Eduardo Aragon Pereira
 
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De EducadoresCiclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Micheline Alves
 
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De EducadoresCiclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Micheline Alves
 
Supervisão pedagógica slide com habilitação
Supervisão pedagógica slide com habilitaçãoSupervisão pedagógica slide com habilitação
Supervisão pedagógica slide com habilitação
AgnciaWill
 
didatica no ensino superios 3
didatica no ensino superios 3didatica no ensino superios 3
didatica no ensino superios 3
jairdeoliveirajunior
 
Papel do Tutor (a) na EAD
Papel do Tutor (a) na EADPapel do Tutor (a) na EAD
Papel do Tutor (a) na EAD
Telma da Silva Barbosa
 
Dificuldade de aprendizagem.2
Dificuldade de aprendizagem.2Dificuldade de aprendizagem.2
Dificuldade de aprendizagem.2
Grasiela Dourado
 
TEXTO 3: O PROFESSOR NA PRÁTICA DA DISCIPLINA NO MOODLE
TEXTO 3: O PROFESSOR NA  PRÁTICA DA DISCIPLINA NO MOODLE TEXTO 3: O PROFESSOR NA  PRÁTICA DA DISCIPLINA NO MOODLE
TEXTO 3: O PROFESSOR NA PRÁTICA DA DISCIPLINA NO MOODLE
Dênia Falcão de Bittencourt
 
Estratégias Diferenciadas no Ensino
Estratégias Diferenciadas no EnsinoEstratégias Diferenciadas no Ensino
Estratégias Diferenciadas no Ensino
Vera Zacharias
 
Capítulo 7 e 8
Capítulo 7 e 8Capítulo 7 e 8
Capítulo 7 e 8
Deb789
 
Relatório final reflexão critica
Relatório final reflexão criticaRelatório final reflexão critica
Relatório final reflexão critica
Manuel Sequeira
 
Ensinar e aprender na escola
Ensinar e aprender na escolaEnsinar e aprender na escola
Ensinar e aprender na escola
cefaprodematupa
 
Angela proposta coordenação 2012
Angela proposta coordenação 2012Angela proposta coordenação 2012
Angela proposta coordenação 2012
Angela Silva
 
Metodologias do Ensino Superior.pdf
Metodologias do Ensino Superior.pdfMetodologias do Ensino Superior.pdf
Metodologias do Ensino Superior.pdf
ManoelCarlosdeOlivei3
 

Semelhante a Seminário (20)

Replanejamento ee milton silva rodrigues
Replanejamento ee milton silva rodriguesReplanejamento ee milton silva rodrigues
Replanejamento ee milton silva rodrigues
 
Gestão escolar e coordenação pedagógica.
Gestão escolar e coordenação pedagógica.Gestão escolar e coordenação pedagógica.
Gestão escolar e coordenação pedagógica.
 
Aula 3 metodologias ativas
Aula 3   metodologias ativasAula 3   metodologias ativas
Aula 3 metodologias ativas
 
Trabalho da dona elena
Trabalho da dona elenaTrabalho da dona elena
Trabalho da dona elena
 
1 aula escola, ensino-aprendizagem do deficiente
1 aula   escola, ensino-aprendizagem do deficiente1 aula   escola, ensino-aprendizagem do deficiente
1 aula escola, ensino-aprendizagem do deficiente
 
Aula 3 - Metodologias Ativas.pptx
Aula 3 - Metodologias Ativas.pptxAula 3 - Metodologias Ativas.pptx
Aula 3 - Metodologias Ativas.pptx
 
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docxPrograma GLAUBER 2023 17-04 B.docx
Programa GLAUBER 2023 17-04 B.docx
 
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De EducadoresCiclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
 
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De EducadoresCiclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
Ciclos De Desenvolvimento Humano E FormaçãO De Educadores
 
Supervisão pedagógica slide com habilitação
Supervisão pedagógica slide com habilitaçãoSupervisão pedagógica slide com habilitação
Supervisão pedagógica slide com habilitação
 
didatica no ensino superios 3
didatica no ensino superios 3didatica no ensino superios 3
didatica no ensino superios 3
 
Papel do Tutor (a) na EAD
Papel do Tutor (a) na EADPapel do Tutor (a) na EAD
Papel do Tutor (a) na EAD
 
Dificuldade de aprendizagem.2
Dificuldade de aprendizagem.2Dificuldade de aprendizagem.2
Dificuldade de aprendizagem.2
 
TEXTO 3: O PROFESSOR NA PRÁTICA DA DISCIPLINA NO MOODLE
TEXTO 3: O PROFESSOR NA  PRÁTICA DA DISCIPLINA NO MOODLE TEXTO 3: O PROFESSOR NA  PRÁTICA DA DISCIPLINA NO MOODLE
TEXTO 3: O PROFESSOR NA PRÁTICA DA DISCIPLINA NO MOODLE
 
Estratégias Diferenciadas no Ensino
Estratégias Diferenciadas no EnsinoEstratégias Diferenciadas no Ensino
Estratégias Diferenciadas no Ensino
 
Capítulo 7 e 8
Capítulo 7 e 8Capítulo 7 e 8
Capítulo 7 e 8
 
Relatório final reflexão critica
Relatório final reflexão criticaRelatório final reflexão critica
Relatório final reflexão critica
 
Ensinar e aprender na escola
Ensinar e aprender na escolaEnsinar e aprender na escola
Ensinar e aprender na escola
 
Angela proposta coordenação 2012
Angela proposta coordenação 2012Angela proposta coordenação 2012
Angela proposta coordenação 2012
 
Metodologias do Ensino Superior.pdf
Metodologias do Ensino Superior.pdfMetodologias do Ensino Superior.pdf
Metodologias do Ensino Superior.pdf
 

Mais de Juciara Brito

Relevo
RelevoRelevo
Atividades Lúdicas Auxiliando a Aprendizagem da matemática do 5 ano.
Atividades Lúdicas Auxiliando a Aprendizagem da matemática do 5 ano.Atividades Lúdicas Auxiliando a Aprendizagem da matemática do 5 ano.
Atividades Lúdicas Auxiliando a Aprendizagem da matemática do 5 ano.
Juciara Brito
 
plano de aula detalhado " Bruna e a galinha D'angola"
plano de aula detalhado " Bruna e a galinha D'angola"plano de aula detalhado " Bruna e a galinha D'angola"
plano de aula detalhado " Bruna e a galinha D'angola"
Juciara Brito
 
Literatura negra infanto juvenil
Literatura negra infanto juvenilLiteratura negra infanto juvenil
Literatura negra infanto juvenil
Juciara Brito
 
Há cor na educação ( projeto elaborado para o pacto 2013)
Há cor na educação ( projeto elaborado para o pacto 2013)Há cor na educação ( projeto elaborado para o pacto 2013)
Há cor na educação ( projeto elaborado para o pacto 2013)
Juciara Brito
 
ANIMAIS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ANIMAIS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS NA EDUCAÇÃO INFANTILANIMAIS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ANIMAIS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
Juciara Brito
 
MODELOS EDUCACIONAIS NA EDUCAÇÃO DOS SURDOS - COMUNICAÇÃO TOTAL
MODELOS EDUCACIONAIS NA EDUCAÇÃO DOS SURDOS - COMUNICAÇÃO TOTALMODELOS EDUCACIONAIS NA EDUCAÇÃO DOS SURDOS - COMUNICAÇÃO TOTAL
MODELOS EDUCACIONAIS NA EDUCAÇÃO DOS SURDOS - COMUNICAÇÃO TOTAL
Juciara Brito
 
Slide escola trad. e nova
Slide escola trad. e novaSlide escola trad. e nova
Slide escola trad. e nova
Juciara Brito
 
Slide fundef x fundeb
Slide fundef x fundebSlide fundef x fundeb
Slide fundef x fundeb
Juciara Brito
 
As pessoasquefazempartedenossavida
As pessoasquefazempartedenossavidaAs pessoasquefazempartedenossavida
As pessoasquefazempartedenossavida
Juciara Brito
 
Lenda chinesa
Lenda chinesaLenda chinesa
Lenda chinesa
Juciara Brito
 
Painel comparativo
Painel comparativoPainel comparativo
Painel comparativo
Juciara Brito
 
Revista slide
Revista slideRevista slide
Revista slide
Juciara Brito
 
O problema da afetividade
O problema da afetividade O problema da afetividade
O problema da afetividade
Juciara Brito
 
Slide do projeto
Slide do projetoSlide do projeto
Slide do projeto
Juciara Brito
 
Há cor na educação
Há cor na educaçãoHá cor na educação
Há cor na educação
Juciara Brito
 
Apresentação do projeto
Apresentação do projetoApresentação do projeto
Apresentação do projeto
Juciara Brito
 
Novo(a) apresentação do microsoft power point
Novo(a) apresentação do microsoft power pointNovo(a) apresentação do microsoft power point
Novo(a) apresentação do microsoft power point
Juciara Brito
 

Mais de Juciara Brito (18)

Relevo
RelevoRelevo
Relevo
 
Atividades Lúdicas Auxiliando a Aprendizagem da matemática do 5 ano.
Atividades Lúdicas Auxiliando a Aprendizagem da matemática do 5 ano.Atividades Lúdicas Auxiliando a Aprendizagem da matemática do 5 ano.
Atividades Lúdicas Auxiliando a Aprendizagem da matemática do 5 ano.
 
plano de aula detalhado " Bruna e a galinha D'angola"
plano de aula detalhado " Bruna e a galinha D'angola"plano de aula detalhado " Bruna e a galinha D'angola"
plano de aula detalhado " Bruna e a galinha D'angola"
 
Literatura negra infanto juvenil
Literatura negra infanto juvenilLiteratura negra infanto juvenil
Literatura negra infanto juvenil
 
Há cor na educação ( projeto elaborado para o pacto 2013)
Há cor na educação ( projeto elaborado para o pacto 2013)Há cor na educação ( projeto elaborado para o pacto 2013)
Há cor na educação ( projeto elaborado para o pacto 2013)
 
ANIMAIS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ANIMAIS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS NA EDUCAÇÃO INFANTILANIMAIS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
ANIMAIS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS NA EDUCAÇÃO INFANTIL
 
MODELOS EDUCACIONAIS NA EDUCAÇÃO DOS SURDOS - COMUNICAÇÃO TOTAL
MODELOS EDUCACIONAIS NA EDUCAÇÃO DOS SURDOS - COMUNICAÇÃO TOTALMODELOS EDUCACIONAIS NA EDUCAÇÃO DOS SURDOS - COMUNICAÇÃO TOTAL
MODELOS EDUCACIONAIS NA EDUCAÇÃO DOS SURDOS - COMUNICAÇÃO TOTAL
 
Slide escola trad. e nova
Slide escola trad. e novaSlide escola trad. e nova
Slide escola trad. e nova
 
Slide fundef x fundeb
Slide fundef x fundebSlide fundef x fundeb
Slide fundef x fundeb
 
As pessoasquefazempartedenossavida
As pessoasquefazempartedenossavidaAs pessoasquefazempartedenossavida
As pessoasquefazempartedenossavida
 
Lenda chinesa
Lenda chinesaLenda chinesa
Lenda chinesa
 
Painel comparativo
Painel comparativoPainel comparativo
Painel comparativo
 
Revista slide
Revista slideRevista slide
Revista slide
 
O problema da afetividade
O problema da afetividade O problema da afetividade
O problema da afetividade
 
Slide do projeto
Slide do projetoSlide do projeto
Slide do projeto
 
Há cor na educação
Há cor na educaçãoHá cor na educação
Há cor na educação
 
Apresentação do projeto
Apresentação do projetoApresentação do projeto
Apresentação do projeto
 
Novo(a) apresentação do microsoft power point
Novo(a) apresentação do microsoft power pointNovo(a) apresentação do microsoft power point
Novo(a) apresentação do microsoft power point
 

Último

Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
marcos oliveira
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 

Último (20)

Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 

Seminário

  • 2. TEMA: Competências profissionais para ensinar/Práticas de ensino e subsídios para a atividade docente SUBTEMA: “Desafios para o sucesso da aprendizagem”
  • 3. PROBLEMA: A escola pública tem como compromisso oportunizar condições para sua clientela construir conhecimentos, atitudes e valores, contribuindo na formação de cidadãos críticos, éticos e participativos . No entanto, observa-se um grande déficit nas práticas das competências para ensinar. Sendo assim como vencer os desafios de se promover uma pratica educativa mais inovadora?
  • 4. OBJETIVO: Reconhecer e analisar saberes necessários à profissão docente. CONTEÚDO: Este estudo apresenta reflexões a cerca da prática pedagógica, fator de suma importância no desenvolvimento das competências e habilidades no processo ensino-aprendizagem e na prática da docência.
  • 5. Juciara Brito COMPONENTES: Paula Rauédys Ana Maria Leticia Souza Iara Sousa Mirtes
  • 6. 1- Competências profissionais para ensinar Segundo Perrenoud, Philippe (2000) Essas são as 10 Novas Competências para Ensinar: 1-Organizar e dirigir situações de aprendizagem 2- Administrar a progressão das aprendizagens 3- Conceber e fazer evoluir os dispositivos de diferenciação 4- Envolver os alunos em suas aprendizagens e em seu trabalho
  • 7. 5- Trabalhar em equipe 6- Participar da administração da escola 7- Informar e envolver os pais 8- Utilizar novas tecnologias 9- Enfrentar os deveres e os dilemas éticos da profissão 10- Administrar sua própria formação contínua
  • 8. 1.1 O que são competências? são as múltiplas capacidade presentes no indivíduos e que precisam e devem ser potencializadas para que estes sejam capazes de usá-las nas diversas circunstâncias da vida, atendendo satisfatoriamente suas necessidades pessoais, profissionais e sociais.
  • 9. 1.2 Como o professor pode criar suas competências? O professor é resultante de um processo de formação que o submete a situações de desafios. Na medida que ele vai respondendo a esses desafios de forma comprometida e responsável consequentemente ele vai potencializando suas competências.
  • 10. Com isso, percebe-se que a competência se desenvolve em situações de desafios e que o professor desenvolve a sua se permitindo desafiar, sobretudo pela realidade mutável de sala de aula e por uma busca constante de responder e essa realidade através de uma formação continua.
  • 11. 1.3 Como o professor desenvolve suas competências no processo ensino- aprendizagem? E o professor não se mantem estático diante das realidades e necessidades que se desenham no processo de ensino aprendizagem. É buscar responder a esta necessidade com estratégias que ajudem a contorna-las, a supera-las, garantindo o proposito de formação.
  • 12. 2- Práticas de ensino e subsídios para a atividade docente O laboratório de Prática de ensino propõe-se a, através dos recursos metodológicos, instrumentalizar o professor em termos de rendimento do aluno, ou seja, aquilo que o aluno é capaz de saber fazer após um determinado período de aprendizagem é que dirá da verdadeira competência do professor que ensina.
  • 13. 2.1 O que são práticas de ensino? Prática de ensino são exercícios de tradução da teoria. São as ações que permitem colocar os conhecimentos teóricos a serviço da formação do individuo submetendo-o aos desafios que potencializam suas competências e geram saberes.
  • 14. 2.2 Como o professor subsidia as práticas de ensino? • Se utilizando de metodologias diversificadas que desafiam e estimulam os alunos na busca do conhecimento...
  • 15. Posto que a prática pedagógica implica numa ação dinâmica , ela pode nos subsidiada através de uma formação continuada que se concretiza diariamente na busca de informações ,estratégias, dinâmicas, planejamento e estudos que contribuam na formação.
  • 16. 2.3 Quais são os principais subsídios para a atividade docente? Recursos tecnológicos, ( tv, computador (internet), data show, aparelho de som )livro didático, pesquisa de campo, material didático, material paradidáticos , livros , revistas, jornais, recursos humanos...
  • 17. CONSIDERAÇÕES FINAIS: Nos resultados foi constatado que o caminho e superação dos desafios para se chegar ao sucesso da aprendizagem, se da pela capacidade e habilidades que o educador constrói se capacitando cada vez mais, aplicando, reelaborando e desenvolvendo novas práticas pedagógicas, sendo consciente do seu papel, entendendo que o mesmo é o preparador de gerações.
  • 18. Portanto se não tiver competência em ministrar seus conteúdos contextualizando-os à realidade do aluno, na prática estará formando cidadãos desatualizados e descontextualizados com sua época e incapazes de interferir e conquistar um lugar na sociedade que cada vez mais se globaliza.