SlideShare uma empresa Scribd logo
Disciplina: Informática III                              Profª: Micheli Wink


                              G2: MAPAS CONCEITUAIS

       A teoria a respeito dos Mapas Conceituais foi desenvolvida na década de 70
pelo pesquisador norte-americano Joseph Novak. Ele define mapa conceitual como uma
ferramenta para organizar e representar o conhecimento.

        O mapa conceitual, foi originalmente baseado na teoria da aprendizagem
significativa de David Ausubel. A aprendizagem pode ser dita significativa quando uma
nova informação adquire significado para o aprendiz através de uma espécie de
‘ancoragem’ em aspectos relevantes da estrutura cognitiva preexistente do indivíduo.
Na aprendizagem significativa há uma interação entre o novo conhecimento e o já
existente, na qual ambos se modificam. À medida que o conhecimento prévio serve de
base para a atribuição de significados à nova informação, ele também se modifica. A
estrutura cognitiva está constantemente se reestruturando durante a aprendizagem
significativa. O processo é dinâmico; o conhecimento vai sendo construído.

        Podemos dizer que mapa conceitual é uma representação gráfica em duas
dimensões de um conjunto de conceitos construídos de tal forma que as relações entre
eles sejam evidentes. Os conceitos aparecem dentro de caixas enquanto que as relações
entre os conceitos são especificadas através de frases de ligação nos arcos que unem os
conceitos. As frases de ligação têm funções estruturantes e exercem papel fundamental
na representação de uma relação entre dois conceitos. A dois conceitos, conectados por
uma frase de ligação chamamos de proposição. As proposições são uma característica
particular dos mapas conceituais se comparados a outros tipos de representação como os
mapas mentais.

O que são mapas conceituais?
       Segundo Novak e Cañas, Mapas Conceituais são ferramentas gráficas visando a
organizar e representar o conhecimento. São estruturados a partir de conceitos
fundamentais e suas relações. Usualmente, os conceitos são destacados em caixas de
texto. A relação entre dois conceitos é representada por uma linha ou seta, contendo
uma "palavra de ligação" ou "frase de ligação". Sendo assim, Mapas Conceituais têm
por objetivo reduzir, de forma analítica, a estrutura cognitiva subjacente a um dado
conhecimento, aos seus elementos básicos.

       Os Conceitos ligados por frases de ligação formam "Proposições", que
representam as unidades fundamentais do conhecimento, as unidades semânticas que
compõem a Estrutura Cognitiva.

       Mapas Conceituais são estruturados a partir de uma Questão Focal e a ela se
relacionam. A Questão Focal representa o contexto do problema que pretende-se
compreender ou representar. A Questão Focal determina, de forma específica, o
domínio do conhecimento a que se relaciona o Mapa Conceitual, bem como a
abordagem. Uma característica fundamental dos Mapas Conceituais é a sua estrutura
hierárquica, partindo dos conceitos mais gerais posicionados no topo da estrutura, para
os conceitos menos gerais em sua base. Tal estrutura, naturalmente, dependerá da
Questão Focal que o Mapa Conceitual pretende responder.




                                                                                      1
Disciplina: Informática III                                Profª: Micheli Wink


       Mapas conceituais podem ser representações da estrutura mental subjacente ao
indivíduo ou uma representação do próprio conhecimento. Podem assim ser utilizados
em processos de ensino-aprendizagem tanto na pré- e pós-avaliação conceitual do
indivíduo, quanto na apresentação global da área de uma área do conhecimento.

Técnica de construção de Mapas Conceituais
Uma possível técnica de construção de um mapa conceitual pode seguir as seguintes
etapas:

       a) ter, antes, uma boa pergunta inicial cuja resposta estará expressa no mapa
       conceitual construído;
       b) escolher um conjunto de conceitos (palavras-chave) dispondo-os
       aleatoriamente no espaço onde o mapa será elaborado;
       c) escolher um par de conceitos para estabelecimento da(s) relação(ões) entre
       eles;
       d) decidir qual a melhor e escrever uma frase de ligação para esse par de
       conceitos escolhido;
       e) a repetição das etapas c) e d) tantas vezes quanto se fizer necessário (em geral
       até que todos os conceitos escolhidos tenham, ao menos, uma ligação com outro
       conceito).

Resumidamente, os conceitos se relacionam da seguinte forma:

                        "conceito" - ligação - "conceito".


Avaliação de mapas conceituais
       A idéia principal do uso de mapas na avaliação dos processos de aprendizagem é
a de avaliar o aprendiz em relação ao que ele já sabe, a partir das construções
conceituais que ele conseguir criar, isto é, como ele estrutura, hierarquiza, diferencia,
relaciona, discrimina e integra os conceitos de um dado minimundo em observação, por
exemplo.

        Isso significa que não existe mapa conceitual “correto”. Um professor nunca
deve apresentar aos alunos o mapa conceitual de um certo conteúdo e sim um mapa
conceitual para esse conteúdo segundo os significados que ele atribui aos conceitos e às
relações significativas entre eles. Da mesma maneira, nunca se deve esperar que o aluno
apresente na avaliação o mapa conceitual “correto” de um certo conteúdo. Isso não
existe. O que o aluno apresenta é o seu mapa e o importante não é se esse mapa está
certo ou não, mas sim se ele dá evidências de que o aluno está aprendendo
significativamente o conteúdo.

        A análise de mapas conceituais é essencialmente qualitativa. O professor, ao
invés de preocupar-se em atribuir um escore ao mapa traçado pelo aluno, deve procurar
interpretar a informação dada pelo aluno no mapa a fim de obter evidências de
aprendizagem significativa. Explicações do aluno, orais ou escritas, em relação a seu
mapa facilitam muito a tarefa do professor nesse sentido.



                                                                                        2
Disciplina: Informática III          Profª: Micheli Wink


                    EXEMPLOS DE MC




                                                      3
Disciplina: Informática III        Profª: Micheli Wink



* Exemplo 2 (este define o que são e-mails):




                                                                4

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mapas conceituais para o slide share
Mapas conceituais  para o slide shareMapas conceituais  para o slide share
Mapas conceituais para o slide share
renatocabraldeoliveirafilho
 
Colecao de mapas_conceituais
Colecao de mapas_conceituaisColecao de mapas_conceituais
Colecao de mapas_conceituais
claudia murta
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
computacaoufjf
 
Mapas Conceituais no Ensino da Matemática uma Aprendizagem Significativa
 Mapas Conceituais no Ensino da Matemática uma Aprendizagem Significativa Mapas Conceituais no Ensino da Matemática uma Aprendizagem Significativa
Mapas Conceituais no Ensino da Matemática uma Aprendizagem Significativa
Diego Costa
 
Mapa conceitual - apresentação
Mapa conceitual - apresentaçãoMapa conceitual - apresentação
Mapa conceitual - apresentação
grupo4didatica
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
Jussara Bridi
 
Em que o mapa conceitual pode me ajudar?
Em que o mapa conceitual pode me ajudar?Em que o mapa conceitual pode me ajudar?
Em que o mapa conceitual pode me ajudar?
Ana Paula
 
Mapa conceitual slide
Mapa conceitual slideMapa conceitual slide
Mapa conceitual slide
Patricia Torres
 
Oficina sobre mapas conceituais
Oficina sobre mapas conceituaisOficina sobre mapas conceituais
Oficina sobre mapas conceituais
Paulo Correia
 
Oficina mapa conceitual
Oficina   mapa conceitualOficina   mapa conceitual
Oficina mapa conceitual
anamariadis
 
Mapa conceitual walber vinicios
Mapa conceitual walber viniciosMapa conceitual walber vinicios
Mapa conceitual walber vinicios
FAINTVISA
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
Mahcsuel
 
Seminário PIBID - sobre cmap tools-UECE
Seminário  PIBID - sobre  cmap tools-UECESeminário  PIBID - sobre  cmap tools-UECE
Seminário PIBID - sobre cmap tools-UECE
Mazze Santos Santos
 
Mapas mentais
Mapas mentaisMapas mentais
Tutorial mapa conceitual
Tutorial mapa conceitualTutorial mapa conceitual
Tutorial mapa conceitual
Aldean
 
Oficina de Mapas Conceituais
Oficina de Mapas ConceituaisOficina de Mapas Conceituais
Aula3 (1)
Aula3 (1)Aula3 (1)
Aula3 (1)
Marluce Filipe
 
Mapas mentais - Criatividade e uso eficaz na TI
Mapas mentais - Criatividade e uso eficaz na TIMapas mentais - Criatividade e uso eficaz na TI
Mapas mentais - Criatividade e uso eficaz na TI
sauloamui
 
Oficina Pedagógica Cmap Tools
Oficina Pedagógica Cmap ToolsOficina Pedagógica Cmap Tools
Oficina Pedagógica Cmap Tools
Fernando Pimentel
 

Mais procurados (19)

Mapas conceituais para o slide share
Mapas conceituais  para o slide shareMapas conceituais  para o slide share
Mapas conceituais para o slide share
 
Colecao de mapas_conceituais
Colecao de mapas_conceituaisColecao de mapas_conceituais
Colecao de mapas_conceituais
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
 
Mapas Conceituais no Ensino da Matemática uma Aprendizagem Significativa
 Mapas Conceituais no Ensino da Matemática uma Aprendizagem Significativa Mapas Conceituais no Ensino da Matemática uma Aprendizagem Significativa
Mapas Conceituais no Ensino da Matemática uma Aprendizagem Significativa
 
Mapa conceitual - apresentação
Mapa conceitual - apresentaçãoMapa conceitual - apresentação
Mapa conceitual - apresentação
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
 
Em que o mapa conceitual pode me ajudar?
Em que o mapa conceitual pode me ajudar?Em que o mapa conceitual pode me ajudar?
Em que o mapa conceitual pode me ajudar?
 
Mapa conceitual slide
Mapa conceitual slideMapa conceitual slide
Mapa conceitual slide
 
Oficina sobre mapas conceituais
Oficina sobre mapas conceituaisOficina sobre mapas conceituais
Oficina sobre mapas conceituais
 
Oficina mapa conceitual
Oficina   mapa conceitualOficina   mapa conceitual
Oficina mapa conceitual
 
Mapa conceitual walber vinicios
Mapa conceitual walber viniciosMapa conceitual walber vinicios
Mapa conceitual walber vinicios
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
 
Seminário PIBID - sobre cmap tools-UECE
Seminário  PIBID - sobre  cmap tools-UECESeminário  PIBID - sobre  cmap tools-UECE
Seminário PIBID - sobre cmap tools-UECE
 
Mapas mentais
Mapas mentaisMapas mentais
Mapas mentais
 
Tutorial mapa conceitual
Tutorial mapa conceitualTutorial mapa conceitual
Tutorial mapa conceitual
 
Oficina de Mapas Conceituais
Oficina de Mapas ConceituaisOficina de Mapas Conceituais
Oficina de Mapas Conceituais
 
Aula3 (1)
Aula3 (1)Aula3 (1)
Aula3 (1)
 
Mapas mentais - Criatividade e uso eficaz na TI
Mapas mentais - Criatividade e uso eficaz na TIMapas mentais - Criatividade e uso eficaz na TI
Mapas mentais - Criatividade e uso eficaz na TI
 
Oficina Pedagógica Cmap Tools
Oficina Pedagógica Cmap ToolsOficina Pedagógica Cmap Tools
Oficina Pedagógica Cmap Tools
 

Destaque

Prof Denys Sales - Oficina mapa conceitual
Prof Denys Sales - Oficina mapa conceitualProf Denys Sales - Oficina mapa conceitual
Prof Denys Sales - Oficina mapa conceitual
Gilvandenys Leite Sales
 
Construindo Mapas Conceituais
Construindo Mapas ConceituaisConstruindo Mapas Conceituais
Construindo Mapas Conceituais
Rodrigo Diogo
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
Alba Pasqualina Gravina
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
Escola Costa e Silva
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
RoseParre
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
Dilene Matos
 
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
Daniela Menezes
 
âNgelo machado neuroanatomia - alguns aspectos da filogênese do sistema ner...
âNgelo machado   neuroanatomia - alguns aspectos da filogênese do sistema ner...âNgelo machado   neuroanatomia - alguns aspectos da filogênese do sistema ner...
âNgelo machado neuroanatomia - alguns aspectos da filogênese do sistema ner...
minete
 
Future
Future Future
Teorias de curriculo_livro virtual
Teorias de curriculo_livro virtualTeorias de curriculo_livro virtual
Teorias de curriculo_livro virtual
blognil
 
Mapa Conceitual - Meio ambiente
Mapa Conceitual - Meio ambienteMapa Conceitual - Meio ambiente
Mapa Conceitual - Meio ambiente
Adrodalla
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
Biosfera MS
 
MAPA CONCEITUAL TECNOLOGIAS
MAPA CONCEITUAL TECNOLOGIASMAPA CONCEITUAL TECNOLOGIAS
MAPA CONCEITUAL TECNOLOGIAS
Jairo Felipe
 
Caderno da Coordenação Fund. II - Dom Bosco
Caderno da Coordenação Fund. II - Dom BoscoCaderno da Coordenação Fund. II - Dom Bosco
Caderno da Coordenação Fund. II - Dom Bosco
blog2012
 
Mapa conceitual graca_santos
Mapa conceitual graca_santosMapa conceitual graca_santos
Mapa conceitual graca_santos
Graça Santos
 
Filogenese do Sistema Nervoso
Filogenese do Sistema NervosoFilogenese do Sistema Nervoso
Filogenese do Sistema Nervoso
Liga de neurociências
 
Fichamento macedo - ok
Fichamento   macedo - okFichamento   macedo - ok
Fichamento macedo - ok
familiaestagio
 
A psicologia clínica
A psicologia clínicaA psicologia clínica
A psicologia clínica
Luis De Sousa Rodrigues
 
Caderno do professor geografia vol 01 3as séries 2014
Caderno do professor geografia vol 01 3as séries 2014Caderno do professor geografia vol 01 3as séries 2014
Caderno do professor geografia vol 01 3as séries 2014
professora de geografia
 
Apostila de educação ambiental
Apostila  de  educação ambiental Apostila  de  educação ambiental
Apostila de educação ambiental
danieladod
 

Destaque (20)

Prof Denys Sales - Oficina mapa conceitual
Prof Denys Sales - Oficina mapa conceitualProf Denys Sales - Oficina mapa conceitual
Prof Denys Sales - Oficina mapa conceitual
 
Construindo Mapas Conceituais
Construindo Mapas ConceituaisConstruindo Mapas Conceituais
Construindo Mapas Conceituais
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
 
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
Metodologia de Ensino-Aprendizagem pela Pesquisa.
 
âNgelo machado neuroanatomia - alguns aspectos da filogênese do sistema ner...
âNgelo machado   neuroanatomia - alguns aspectos da filogênese do sistema ner...âNgelo machado   neuroanatomia - alguns aspectos da filogênese do sistema ner...
âNgelo machado neuroanatomia - alguns aspectos da filogênese do sistema ner...
 
Future
Future Future
Future
 
Teorias de curriculo_livro virtual
Teorias de curriculo_livro virtualTeorias de curriculo_livro virtual
Teorias de curriculo_livro virtual
 
Mapa Conceitual - Meio ambiente
Mapa Conceitual - Meio ambienteMapa Conceitual - Meio ambiente
Mapa Conceitual - Meio ambiente
 
Mapa conceitual
Mapa conceitualMapa conceitual
Mapa conceitual
 
MAPA CONCEITUAL TECNOLOGIAS
MAPA CONCEITUAL TECNOLOGIASMAPA CONCEITUAL TECNOLOGIAS
MAPA CONCEITUAL TECNOLOGIAS
 
Caderno da Coordenação Fund. II - Dom Bosco
Caderno da Coordenação Fund. II - Dom BoscoCaderno da Coordenação Fund. II - Dom Bosco
Caderno da Coordenação Fund. II - Dom Bosco
 
Mapa conceitual graca_santos
Mapa conceitual graca_santosMapa conceitual graca_santos
Mapa conceitual graca_santos
 
Filogenese do Sistema Nervoso
Filogenese do Sistema NervosoFilogenese do Sistema Nervoso
Filogenese do Sistema Nervoso
 
Fichamento macedo - ok
Fichamento   macedo - okFichamento   macedo - ok
Fichamento macedo - ok
 
A psicologia clínica
A psicologia clínicaA psicologia clínica
A psicologia clínica
 
Caderno do professor geografia vol 01 3as séries 2014
Caderno do professor geografia vol 01 3as séries 2014Caderno do professor geografia vol 01 3as séries 2014
Caderno do professor geografia vol 01 3as séries 2014
 
Apostila de educação ambiental
Apostila  de  educação ambiental Apostila  de  educação ambiental
Apostila de educação ambiental
 

Semelhante a Mapas conceituais

Mapas conceituais2
Mapas conceituais2Mapas conceituais2
Mapas conceituais2
Deusirene Magalhaes de Araujo
 
Tutorial do cmap tools
Tutorial do cmap toolsTutorial do cmap tools
Tutorial do cmap tools
Mariá Pohlmann da Silveira
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
Lxa Alx
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
Lxa Alx
 
Mapas Conceituais e Aprendizagem
Mapas Conceituais e AprendizagemMapas Conceituais e Aprendizagem
Mapas Conceituais e Aprendizagem
EB 2,3 Rainha Santa Isabel - Carreira
 
Mapa Conceitual e CMAP TOOLS
Mapa Conceitual e CMAP TOOLSMapa Conceitual e CMAP TOOLS
Mapa Conceitual e CMAP TOOLS
Andrea Dalforno
 
Mapas conceituais teoria subjacent - Novak
Mapas conceituais teoria subjacent - NovakMapas conceituais teoria subjacent - Novak
Mapas conceituais teoria subjacent - Novak
Marga Fadanelli Simionato
 
Mapas conceituais2
Mapas conceituais2Mapas conceituais2
Mapas conceituais2
Monica Rocha
 
Oficina pedaggica-cmap-tools-1222891775730276-9
Oficina pedaggica-cmap-tools-1222891775730276-9Oficina pedaggica-cmap-tools-1222891775730276-9
Oficina pedaggica-cmap-tools-1222891775730276-9
EPE-GEPE-ICA
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
UFJF
 
mapas_conceptuais.pdf
mapas_conceptuais.pdfmapas_conceptuais.pdf
mapas_conceptuais.pdf
Beacarol
 
CMAP A Teoria Subjacente aos Mapas Conceituais e como elaborá-los e usá-los
CMAP A Teoria Subjacente aos Mapas Conceituais e como elaborá-los e usá-losCMAP A Teoria Subjacente aos Mapas Conceituais e como elaborá-los e usá-los
CMAP A Teoria Subjacente aos Mapas Conceituais e como elaborá-los e usá-los
Isabella Aragão Araújo
 
O objetivo deste trabalho foi discutido .
O objetivo deste trabalho foi discutido .O objetivo deste trabalho foi discutido .
O objetivo deste trabalho foi discutido .
RafaelFelipe71
 
Oficina de mapas conceituais
Oficina de mapas conceituaisOficina de mapas conceituais
Oficina de mapas conceituais
Flávio Pereira
 
Apresentacao cmap tools
Apresentacao cmap toolsApresentacao cmap tools
Apresentacao cmap tools
Franzé Souza
 
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de MattosTrês de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
CursoTICs
 
Mapas conceituais por m arcelo sabino pires
Mapas conceituais   por m arcelo sabino piresMapas conceituais   por m arcelo sabino pires
Mapas conceituais por m arcelo sabino pires
Marcelo Pires
 
São João do Polêsine - Duâni Nallem Jorgens
São João do Polêsine - Duâni Nallem JorgensSão João do Polêsine - Duâni Nallem Jorgens
São João do Polêsine - Duâni Nallem Jorgens
CursoTICs
 
03 andré torres 10-josé f eio-freemind
03 andré torres 10-josé f eio-freemind03 andré torres 10-josé f eio-freemind
03 andré torres 10-josé f eio-freemind
Jo Ze
 
Pensamento computacional e transdisciplinaridade
Pensamento computacional e transdisciplinaridadePensamento computacional e transdisciplinaridade
Pensamento computacional e transdisciplinaridade
Fernando Albuquerque Costa
 

Semelhante a Mapas conceituais (20)

Mapas conceituais2
Mapas conceituais2Mapas conceituais2
Mapas conceituais2
 
Tutorial do cmap tools
Tutorial do cmap toolsTutorial do cmap tools
Tutorial do cmap tools
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
 
Mapas Conceituais e Aprendizagem
Mapas Conceituais e AprendizagemMapas Conceituais e Aprendizagem
Mapas Conceituais e Aprendizagem
 
Mapa Conceitual e CMAP TOOLS
Mapa Conceitual e CMAP TOOLSMapa Conceitual e CMAP TOOLS
Mapa Conceitual e CMAP TOOLS
 
Mapas conceituais teoria subjacent - Novak
Mapas conceituais teoria subjacent - NovakMapas conceituais teoria subjacent - Novak
Mapas conceituais teoria subjacent - Novak
 
Mapas conceituais2
Mapas conceituais2Mapas conceituais2
Mapas conceituais2
 
Oficina pedaggica-cmap-tools-1222891775730276-9
Oficina pedaggica-cmap-tools-1222891775730276-9Oficina pedaggica-cmap-tools-1222891775730276-9
Oficina pedaggica-cmap-tools-1222891775730276-9
 
Mapas conceituais
Mapas conceituaisMapas conceituais
Mapas conceituais
 
mapas_conceptuais.pdf
mapas_conceptuais.pdfmapas_conceptuais.pdf
mapas_conceptuais.pdf
 
CMAP A Teoria Subjacente aos Mapas Conceituais e como elaborá-los e usá-los
CMAP A Teoria Subjacente aos Mapas Conceituais e como elaborá-los e usá-losCMAP A Teoria Subjacente aos Mapas Conceituais e como elaborá-los e usá-los
CMAP A Teoria Subjacente aos Mapas Conceituais e como elaborá-los e usá-los
 
O objetivo deste trabalho foi discutido .
O objetivo deste trabalho foi discutido .O objetivo deste trabalho foi discutido .
O objetivo deste trabalho foi discutido .
 
Oficina de mapas conceituais
Oficina de mapas conceituaisOficina de mapas conceituais
Oficina de mapas conceituais
 
Apresentacao cmap tools
Apresentacao cmap toolsApresentacao cmap tools
Apresentacao cmap tools
 
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de MattosTrês de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
Três de Maio - Flávia Hitomi Takei de Mattos
 
Mapas conceituais por m arcelo sabino pires
Mapas conceituais   por m arcelo sabino piresMapas conceituais   por m arcelo sabino pires
Mapas conceituais por m arcelo sabino pires
 
São João do Polêsine - Duâni Nallem Jorgens
São João do Polêsine - Duâni Nallem JorgensSão João do Polêsine - Duâni Nallem Jorgens
São João do Polêsine - Duâni Nallem Jorgens
 
03 andré torres 10-josé f eio-freemind
03 andré torres 10-josé f eio-freemind03 andré torres 10-josé f eio-freemind
03 andré torres 10-josé f eio-freemind
 
Pensamento computacional e transdisciplinaridade
Pensamento computacional e transdisciplinaridadePensamento computacional e transdisciplinaridade
Pensamento computacional e transdisciplinaridade
 

Mais de Micheli Wink

Polígrafo Tuiuti - Módulo 3
Polígrafo Tuiuti - Módulo 3Polígrafo Tuiuti - Módulo 3
Polígrafo Tuiuti - Módulo 3
Micheli Wink
 
Aula teórica e Word
Aula teórica e WordAula teórica e Word
Aula teórica e Word
Micheli Wink
 
Polígrafo de Logística: módulo I
Polígrafo de Logística: módulo IPolígrafo de Logística: módulo I
Polígrafo de Logística: módulo I
Micheli Wink
 
Teoria ppt
Teoria pptTeoria ppt
Teoria ppt
Micheli Wink
 
Teoria de Excel
Teoria de ExcelTeoria de Excel
Teoria de Excel
Micheli Wink
 
Conclusões access
Conclusões accessConclusões access
Conclusões access
Micheli Wink
 
site e blog
site e blogsite e blog
site e blog
Micheli Wink
 
Normas ABNT - Tec. Adm.
Normas ABNT - Tec. Adm. Normas ABNT - Tec. Adm.
Normas ABNT - Tec. Adm.
Micheli Wink
 
Modelo trabalho na ABNT
Modelo trabalho na ABNTModelo trabalho na ABNT
Modelo trabalho na ABNT
Micheli Wink
 
Topologia
TopologiaTopologia
Topologia
Micheli Wink
 
Polígrafo de access
Polígrafo de accessPolígrafo de access
Polígrafo de access
Micheli Wink
 
E-mail
E-mailE-mail
E-mail
Micheli Wink
 

Mais de Micheli Wink (12)

Polígrafo Tuiuti - Módulo 3
Polígrafo Tuiuti - Módulo 3Polígrafo Tuiuti - Módulo 3
Polígrafo Tuiuti - Módulo 3
 
Aula teórica e Word
Aula teórica e WordAula teórica e Word
Aula teórica e Word
 
Polígrafo de Logística: módulo I
Polígrafo de Logística: módulo IPolígrafo de Logística: módulo I
Polígrafo de Logística: módulo I
 
Teoria ppt
Teoria pptTeoria ppt
Teoria ppt
 
Teoria de Excel
Teoria de ExcelTeoria de Excel
Teoria de Excel
 
Conclusões access
Conclusões accessConclusões access
Conclusões access
 
site e blog
site e blogsite e blog
site e blog
 
Normas ABNT - Tec. Adm.
Normas ABNT - Tec. Adm. Normas ABNT - Tec. Adm.
Normas ABNT - Tec. Adm.
 
Modelo trabalho na ABNT
Modelo trabalho na ABNTModelo trabalho na ABNT
Modelo trabalho na ABNT
 
Topologia
TopologiaTopologia
Topologia
 
Polígrafo de access
Polígrafo de accessPolígrafo de access
Polígrafo de access
 
E-mail
E-mailE-mail
E-mail
 

Último

Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
Marcelo Botura
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
SheylaAlves6
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Falcão Brasil
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
Maria das Graças Machado Rodrigues
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdfIntendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Falcão Brasil
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
helenawaya9
 

Último (20)

Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?O que é  o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
O que é o programa nacional de alimentação escolar (PNAE)?
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Elogio da Saudade .
Elogio da Saudade                          .Elogio da Saudade                          .
Elogio da Saudade .
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
28 - Agente de Endemias (40 mapas mentais) - Amostra.pdf
 
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdfEscola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
Escola Preparatória de Cadetes do Ar (EPCAR).pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdfgestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
gestão_de_conflitos_no_ambiente_escolar.pdf
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdfIntendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
Intendência da Aeronáutica. Somos um, sou você Intendência!.pdf
 
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdfO Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
O Ministério da Defesa e a Sociedade no Tema de Defesa Nacional.pdf
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptxAdministração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
Administração Em Enfermagem.pptx caala - Cópia-1.pptx
 

Mapas conceituais

  • 1. Disciplina: Informática III Profª: Micheli Wink G2: MAPAS CONCEITUAIS A teoria a respeito dos Mapas Conceituais foi desenvolvida na década de 70 pelo pesquisador norte-americano Joseph Novak. Ele define mapa conceitual como uma ferramenta para organizar e representar o conhecimento. O mapa conceitual, foi originalmente baseado na teoria da aprendizagem significativa de David Ausubel. A aprendizagem pode ser dita significativa quando uma nova informação adquire significado para o aprendiz através de uma espécie de ‘ancoragem’ em aspectos relevantes da estrutura cognitiva preexistente do indivíduo. Na aprendizagem significativa há uma interação entre o novo conhecimento e o já existente, na qual ambos se modificam. À medida que o conhecimento prévio serve de base para a atribuição de significados à nova informação, ele também se modifica. A estrutura cognitiva está constantemente se reestruturando durante a aprendizagem significativa. O processo é dinâmico; o conhecimento vai sendo construído. Podemos dizer que mapa conceitual é uma representação gráfica em duas dimensões de um conjunto de conceitos construídos de tal forma que as relações entre eles sejam evidentes. Os conceitos aparecem dentro de caixas enquanto que as relações entre os conceitos são especificadas através de frases de ligação nos arcos que unem os conceitos. As frases de ligação têm funções estruturantes e exercem papel fundamental na representação de uma relação entre dois conceitos. A dois conceitos, conectados por uma frase de ligação chamamos de proposição. As proposições são uma característica particular dos mapas conceituais se comparados a outros tipos de representação como os mapas mentais. O que são mapas conceituais? Segundo Novak e Cañas, Mapas Conceituais são ferramentas gráficas visando a organizar e representar o conhecimento. São estruturados a partir de conceitos fundamentais e suas relações. Usualmente, os conceitos são destacados em caixas de texto. A relação entre dois conceitos é representada por uma linha ou seta, contendo uma "palavra de ligação" ou "frase de ligação". Sendo assim, Mapas Conceituais têm por objetivo reduzir, de forma analítica, a estrutura cognitiva subjacente a um dado conhecimento, aos seus elementos básicos. Os Conceitos ligados por frases de ligação formam "Proposições", que representam as unidades fundamentais do conhecimento, as unidades semânticas que compõem a Estrutura Cognitiva. Mapas Conceituais são estruturados a partir de uma Questão Focal e a ela se relacionam. A Questão Focal representa o contexto do problema que pretende-se compreender ou representar. A Questão Focal determina, de forma específica, o domínio do conhecimento a que se relaciona o Mapa Conceitual, bem como a abordagem. Uma característica fundamental dos Mapas Conceituais é a sua estrutura hierárquica, partindo dos conceitos mais gerais posicionados no topo da estrutura, para os conceitos menos gerais em sua base. Tal estrutura, naturalmente, dependerá da Questão Focal que o Mapa Conceitual pretende responder. 1
  • 2. Disciplina: Informática III Profª: Micheli Wink Mapas conceituais podem ser representações da estrutura mental subjacente ao indivíduo ou uma representação do próprio conhecimento. Podem assim ser utilizados em processos de ensino-aprendizagem tanto na pré- e pós-avaliação conceitual do indivíduo, quanto na apresentação global da área de uma área do conhecimento. Técnica de construção de Mapas Conceituais Uma possível técnica de construção de um mapa conceitual pode seguir as seguintes etapas: a) ter, antes, uma boa pergunta inicial cuja resposta estará expressa no mapa conceitual construído; b) escolher um conjunto de conceitos (palavras-chave) dispondo-os aleatoriamente no espaço onde o mapa será elaborado; c) escolher um par de conceitos para estabelecimento da(s) relação(ões) entre eles; d) decidir qual a melhor e escrever uma frase de ligação para esse par de conceitos escolhido; e) a repetição das etapas c) e d) tantas vezes quanto se fizer necessário (em geral até que todos os conceitos escolhidos tenham, ao menos, uma ligação com outro conceito). Resumidamente, os conceitos se relacionam da seguinte forma: "conceito" - ligação - "conceito". Avaliação de mapas conceituais A idéia principal do uso de mapas na avaliação dos processos de aprendizagem é a de avaliar o aprendiz em relação ao que ele já sabe, a partir das construções conceituais que ele conseguir criar, isto é, como ele estrutura, hierarquiza, diferencia, relaciona, discrimina e integra os conceitos de um dado minimundo em observação, por exemplo. Isso significa que não existe mapa conceitual “correto”. Um professor nunca deve apresentar aos alunos o mapa conceitual de um certo conteúdo e sim um mapa conceitual para esse conteúdo segundo os significados que ele atribui aos conceitos e às relações significativas entre eles. Da mesma maneira, nunca se deve esperar que o aluno apresente na avaliação o mapa conceitual “correto” de um certo conteúdo. Isso não existe. O que o aluno apresenta é o seu mapa e o importante não é se esse mapa está certo ou não, mas sim se ele dá evidências de que o aluno está aprendendo significativamente o conteúdo. A análise de mapas conceituais é essencialmente qualitativa. O professor, ao invés de preocupar-se em atribuir um escore ao mapa traçado pelo aluno, deve procurar interpretar a informação dada pelo aluno no mapa a fim de obter evidências de aprendizagem significativa. Explicações do aluno, orais ou escritas, em relação a seu mapa facilitam muito a tarefa do professor nesse sentido. 2
  • 3. Disciplina: Informática III Profª: Micheli Wink EXEMPLOS DE MC 3
  • 4. Disciplina: Informática III Profª: Micheli Wink * Exemplo 2 (este define o que são e-mails): 4