SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 39
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO
COMBATE AO STRESS NO
TRABALHO.
DOROTÉIA MÚRCIA SOUZA
PSICÓLOGA E PSICOPEDAGOGA
Maio 2019
INTELIGÊNCIA
EMOCIONAL
Razão Emoção
Equilíbrio
Emocional
I E é a capacidade de aprender a lidar
com as próprias emoções e também
de compreender os sentimentos e
comportamentos do outro. Sua
essência se da quando conseguimos
conciliar o lado emocional e racional.
‘’De acordo com Daniel Goleman (2001), um
indivíduo emocionalmente inteligente é aquele que
consegue identificar as suas emoções com mais
facilidade. Uma das grandes vantagens das
pessoas com inteligência emocional é a
capacidade de se automotivar e seguir em frente,
mesmo diante de frustrações e desilusões.’’
Vamos conhecer a seguir as emoções básicas e
suas funcionalidades:
ALEGRIA
Emoções Básicas
A alegria é uma emoção primária, a principal e
está conectada com outras emoções secundárias
que fazem parte do mesmo contexto, mas com
uma intensidade diferente como a ilusão, o prazer,
o êxtase, a esperança, a satisfação pessoal, a
jovialidade, etc. A alegria e suas diversas formas
de manifestação são um tesouro existencial, um
legado de felicidade da qual todas as pessoas
aspiram, momentos de plenitude ao destino.
A essência da alegria pode ser compreendida
melhor através do seu oposto: a tristeza.
MEDO
Outra emoção primária é o medo. Trata-
se de um sentimento instintivo que mostra
o desejo de proteger o ser humano contra
possíveis perigos. No entanto, o medo
pode ocorrer em várias escalas e diante
de diferentes causas. Por esta razão,
surgem as emoções secundárias. Por
exemplo, a angústia, a preocupação, a
perturbação do humor, a ansiedade, o
medo, o pânico, o pavor, etc.
Emoções Básicas
TRISTEZA
Outra emoção primária que também é base
para as emoções secundárias que se
conectam com a essência da tristeza são as
seguintes: pena, lástima, compaixão, desejo,
melancolia, duelo interior, choro, amargura,
arrependimento, dor da alma, aflição,
desespero, desesperança, entre outras.
Emoções Básicas
RAIVA
A raiva é outra emoção primária, a
irritação é um sentimento natural que
surge quando uma pessoa se considera
vítima de uma situação vista como
injusta. Há emoções secundárias que
estão conectadas a este ponto, por
exemplo, a cólera, o ressentimento, a
fúria, o incômodo, a indignação, o
desconforto, o ódio, entre outras.
Emoções Básicas
NOJINHO
A emoção nojo aparece na presença de
objetos que são considerados repulsivos
e indesejáveis. Sua tendência é querer
expulsar ou remover esse objeto,
aversão, repulsão, rejeição ou desgosto
de algo ou alguém.
Emoções Básicas
Agora vamos assistir um trecho do filme
DivertidaMente
O Diálogo é parte do filme “DivertidaMente” que retrata sobre as emoções. A alegria é a
protagonista no longa, mas a grande estrela do filme é a Tristeza. Durante quase todo o
filme ela é reprimida e tratada pela Alegria como um perigo à felicidade, mas no final,
Alegria descobre que a Tristeza tem uma importância fundamental e que, ao invés de
ser reprimida, precisa ser integrada. A tristeza nos ajuda a aceitar nossas perdas e a
lidar melhor com elas. Ela nos lembra que não estamos sozinhos e nos faz nos
aproximar das pessoas que são realmente importantes para nós. E a alegria nos faz
sentir vivos, nos dá energia para querer viver a vida com plenitude, realizando nossos
sonhos e propósitos, e nos conectando a todas as pessoas, com sentimentos de
amizade, amor e gratidão. Vivenciar emoções é muito pessoal, elas podem ser sentidas
de formas diferentes por cada pessoa.
Emoção é a que leva uma pessoa a reagir diante de um
acontecimento. Saber administrar as emoções é importante para
viver melhor e ser uma pessoa emocionalmente saudável. Essa
administração do que é vivido e sentido é chamada pela psicologia
de inteligência emocional.
O que é Emoção?
Quando não administramos bem as emoções,
nós desenvolvemos crenças negativas e
limitantes.
Vamos assistir a um vídeo como ilustração.
CRENÇAS NEGATIVAS
As crenças negativas, também chamadas de limitantes nos
mantém na nossa zona de conforto e segurança. Isso pode limitar muito
o seu desenvolvimento pessoal e conquista dos seus objetivos. Uma
coisa importante é perceber que muitas vezes essas crenças são coisas
da nossa cabeça e não condizem com a realidade. EX: “Não sou bom em
matemática por isso não posso fazer faculdade de engenharia” ... “ A vida
é muito complicada” ....
Por que temos crenças limitantes?
Experiências
Medo
Circulo Social
Religião
Sociedade
As crenças negativas geram os monstrinhos do estresse
Irritado Invejoso Ansioso Angustiado Confuso
Abatido Preocupado Esgotado Angustiado
Irado Desapontado Com medo Bravo
CRENÇAS POSITIVAS
Essas crenças podem ser positivas, o que faz com que você
caminhe com ótimos resultados apoiado-se sobre elas e agem como
estimulantes naturais e te ajudam a vencer as dificuldades. Essas
crenças apoiadoras aumentam o seu otimismo e a sua capacidade de
produzir, gerando o resultado positivo, ou ainda aumentando sua
capacidade de superação quando algo dá errado. EX: quando você diz
“sim eu consigo executar esse desafio”, “sempre vou a busca dos meus
objetivos“, “não deu certo agora mas eu vou tentar ate conseguir “.
A crenças Positivas e os monstrinhos bons que combatem o estresse
Brincalhão Amado Alegre Esperançoso
Orgulhoso Otimista Aliviado/Bem estar
Crenças Negativas X Crenças Positivas
Crenças Negativas: Limitantes
A) Responsabilidade: Defeituosa
• Não sou suficientemente bom
• Sou insignificante
• Mereço ser desprezado
B) Responsabilidade: Ação
• Deveria ter feito alguma coisa
• Fiz algo errado
• Deveria ter sabido
C) Segurança: Vulnerabilidade
• Não posso confiar em ninguém
• Não posso me proteger
• Estou em perigo
D) Controle: Opções
• Não posso conseguir o que quero
• Não confio em mim mesmo
• Tenho que ser perfeito
Crenças Positivas: Libertadoras
A) Responsabilidade: Assertiva
• Sou Digno (bom)
• Sou significativo ( sou importante)
• Mereço ser feliz
B) Responsabilidade: Ação
• Fiz o melhor que pude
• Aprendi (posso aprender)
• Faço o melhor que posso
C) Segurança: Vulnerabilidade
• Posso escolher em quem confiar
• Posso (aprender a) me cuidar
• Já passou; agora estou a salvo
D) Controle: Opções
• Posso conseguir o que quero
• Posso ser confiável
• Posso triunfar
De acordo com Goleman (2001), a inteligência
emocional pode ser subdivida em cinco
habilidades específicas:
Autoconhecimento emocional
Controle emocional
Automotivação
Empatia
Desenvolver relacionamentos interpessoais
(habilidades sociais)
O autoconhecimento desenvolve a tomada de consciência de suas:
• Metas
• Propósitos
A busca pelo autoconhecimento é uma forma de crescimento pessoal e
profissional. O mais importante é determinar os objetivos e metas e estar disposto a
enfrentar tudo que for necessário para alcançar o sonho tão desejado. Outro ponto de
destaque que é essencial ter foco no positivo e saber que é possível conquistá-lo se
você acreditar e trabalhar para transformá-lo em realidade.
1° HABILIDADE EMOCIONAL
AUTOCONHECIMENTO PROFISSIONAL E PESSOAL
• Desejo
s
• Objetivos
2° HABILIDADE EMOCIONAL
Controle emocional
O Controle Emocional é a habilidade de lidar com os próprios sentimentos,
adaptando-os conforme a situação vivida e expressando-os de maneira
saudável para si e para o grupo no qual está inserido, tendo consciência das
emoções negativas que nos bloqueiam, podemos nos libertar dela por meio de
um processo dirigido pela razão. O equilíbrio entre razão e emoção é o
caminho mais adequado.
3° HABILIDADE EMOCIONAL
Automotivação
Automotivação é o ato de motivar a si mesmo. Ela é importante, pois permite
realizar as tarefas com zelo, eficiência e qualidade. As tarefas passam a ser
vistas como desafios e sua realização se tornam prazerosas, menos
conectadas a obrigação.
Esse sentimento possuí inúmeras formas de ser estimulado, uma das teorias
de estimulo da motivação é através do sucesso pessoal.
4° HABILIDADE EMOCIONAL
Empatia
Empatia significa a capacidade de se colocar no lugar de outra pessoa.
Consiste em tentar compreender sentimentos e emoções, procurando
experimentar de forma objetiva e racional o que sente outro indivíduo. A
empatia pode ocorrer em todos os tipos de relacionamentos : nas relações
familiares, nas amizades, no ambiente de trabalho e até mesmo com pessoas
desconhecidas.
5° HABILIDADE EMOCIONAL
Desenvolver relacionamentos interpessoais (habilidades sociais)
Um relacionamento interpessoal positivo contribui para um bom ambiente
dentro da empresa, o que pode resultar em um aumento da produtividade. No
trabalho, esse relacionamento saudável entre duas ou mais pessoas é
alcançado quando as pessoas conhecem a si mesmas, quando são capazes
de se colocar no lugar do outro ou seja que demonstram empatia, quando
expressam as suas opiniões de forma clara e direta sem ofender o outro com
assertividade, são cordiais e têm um sentido de ética.
Agora vamos assistir um trecho de uma
animação sobre Convivência.
O pássaro diferente é hostilizado pelos os que estão em maior número.
Eles travam uma disputa por espaço, e o resultado ? Não é positivo pra
ninguém. No meio da situação os que estão em maior número tardiamente
despertam para a importância do diferente.
No entanto para, conseguir uma convivência positiva em harmonia, o
respeito e a tolerância com os demais são condições fundamentais.
Para uma convivência agradável precisa-se da colaboração de todos. A
convivência, mostra inteligência emocional, e se baseia no respeito ao
próximo. Ter ações positivas que faça as situações mais agradáveis,
simples gestos como um obrigada, por favor, desculpas, podem fazer toda
a diferença.
A UNIÃO FAZ A FORÇA: PARA EVOLUIR, É PRECISO
COOPERAR
A mente de grupo, como explica Goleman 1998, ajuda a
economizar tempo ao buscar novas soluções e amplifica a
capacidade individual. No entanto, aproveitar este
conhecimento só é possível se a equipe confiar uns nos
outros e trabalhar bem em conjunto. Uma equipe
emocionalmente inteligente é relacionada à capacidade de
um grupo. A cooperação se faz necessária em todo e
qualquer trabalho, pelo fato de que duas cabeças pensam
melhor. Trabalho em equipe é um desafio e ao mesmo tempo
uma maneira de solucionar problemas e fazer com que
resultados positivos apareçam.
Estresse no Trabalho
O estresse é um sintoma que muda nosso estado
de forma indescritível. Ele pode ser caracterizado
por sensações de irritação, medo, desconforto,
preocupação, frustração, indignação, nervoso, e
ser motivado por diversas razões distintas. Além
disso, muitas vezes, a causa para o estresse é
desconhecida. Nesta economia difícil, muitos de
nós estamos achando mais difícil do que nunca
lidar com o estresse no ambiente de trabalho.
Quando o estresse no trabalho interfere com a
capacidade de executar seu trabalho, de
gerenciar sua vida pessoal ou afeta
negativamente sua saúde, é hora de agir.
ESTRESSE :Lutar ou Fugir
Estresse é um conjunto de reações desenvolvidas há milhões de anos, que
tem como função preparar os animais para fugir ou lutar pela sobrevivência;
Fazendo com que os sentidos fiquem temporariamente mais aguçados,
aumentando a força muscular e a resistência contra infecções.
A percepção de um perigo iminente de agressão desencadeia reações de
alarme que produzem intensas modificações fisiológicas no organismo animal.
O grande problema é quando os estímulos que levam ao estresse são
constantes e prolongados.
Estresse no Trabalho
Sinais e sintomas de estresse no local de trabalho e trabalho excessivo
• Sentir-se ansioso, irritado ou
deprimido
• Apatia, perda de interesse no
trabalho
• Problemas para dormir
• Fadiga
• Dificuldade de concentração
• Tensão muscular ou dores de
cabeça
• Problemas de estômago
• Perda de libido
• Usar álcool ou drogas para lidar com o
estresse
• Tensão muscular ou dores de cabeça
• Problemas de estômago
• Isolamento social
• Perda de libido
• Usar álcool ou drogas para lidar com o
estresse
• Isolamento social
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO
STRESS NO TRABALHO
A inteligência emocional consiste em reduzir o estresse, permanecer focado, ser
criativo, usar de estratégias e ficar conectado a si mesmo e aos outros.
Desenvolva as Habilidades:
• Habilidade de reduzir rapidamente o estresse momentâneo em situações variadas.
• Habilidade de reconhecer suas emoções e não permitir que o sobrecarregue.
• Habilidade de buscar estratégias criativas para soluções.
• Habilidade de se conectar emocionalmente com os outros, utilizando a
comunicação não-verbal.
• Habilidade de usar o humor e praticar ficar conectado em situações desafiadoras.
• Habilidade de resolver os conflitos de forma positiva e confiante.
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
Inteligência Emocional: Combatendo o Estresse no Trabalho
Agora depois de conhecermos um pouco sobre inteligência emocional (IE) e
sabermos que é a capacidade de identificar, usar, entender e gerenciar as emoções de
maneira positiva para aliviar o estresse, comunicar-se de forma eficaz, ser empático
com os outros e superar os desafios resolvendo os conflitos.
Desta forma vimos que a inteligência emocional impacta muitos aspectos
diferentes da vida diária, tais como a forma como se comporta e a forma como interage
com os outros.
A alta inteligência emocional é conseguir reconhecer o seu próprio estado
emocional e os estados emocionais dos outros, e se envolver com as pessoas de uma
forma que as atrai.
Ao usar essa compreensão das emoções para se relacionar melhor com outras
pessoas os relacionamentos se tornam mais saudáveis e possibilita-se obter maior
sucesso no trabalho e levar uma vida gratificante.
Obrigado !!
REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA
• GOLEMAN, Daniel. Inteligência emocional: a teoria revolucionária que redefine o que
é ser inteligente. Edição revista. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001. 370 p.
• ANGERAMI, Valdemar Augusto (org) Crise, Trabalho e Saúde Mental no Brasil. Série
Psicoterapias Alternativas. São Paulo, Traço Editora. 1983
• GOLEMAN, Daniel. Trabalhando com a inteligência Emocional
• Feurstein, Reuven. Enriquecimento Instrumental – Ilustrações: Um momento deixe-
me pensar! Hadassah-wizo-canada-research institute, Jerusalem, 1995.
• http://www.saude.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=1059
acessado em 29/04/2019
• https://www.nomadismodigital.pt/crencas-limitantes-impulsionadoras/ acessado em
24/04/2019
• https://www.minhavida.com.br/bem-estar/materias/11972-como-manter-o-
controle-emocional acessado em 03/05/2019 acessado em 03/05/2019
• https://pt.wikipedia.org/wiki/Automotiva%C3%A7%C3%A3o acessado em
03/05/2019
• https://www.slacoaching.com.br/artigos-do-presidente/o-que-e-empatiam acessado
em 03/05/2019
• http://menthes.com.br/5-habilidades-essenciais-para-aumentar-a-inteligencia-
emocional/ acessado em 08/05/2019

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Empatia - A arte de se colocar no lugar do outro
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outroEmpatia - A arte de se colocar no lugar do outro
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outroVera Lessa
 
Inteligência emocional e o perfil do empreendedor
Inteligência emocional e o perfil do empreendedorInteligência emocional e o perfil do empreendedor
Inteligência emocional e o perfil do empreendedorYonara Mateus
 
Autoconhecimento
AutoconhecimentoAutoconhecimento
AutoconhecimentoDalila Melo
 
Resiliência: a competência que nos leva a excelência!
Resiliência:  a competência que nos leva a excelência!Resiliência:  a competência que nos leva a excelência!
Resiliência: a competência que nos leva a excelência!Annelise Gripp
 
Como Lidar com as emoções
Como Lidar com as emoçõesComo Lidar com as emoções
Como Lidar com as emoçõesDora Guiseline
 
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime KamelKarime Kamel
 
Competências e Habilidades Socioemocionais no cotidiano
Competências e Habilidades Socioemocionais no cotidiano Competências e Habilidades Socioemocionais no cotidiano
Competências e Habilidades Socioemocionais no cotidiano inovaDay .
 
Inteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaInteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaIsmael
 
Autoconhecimento e realização pessoal
Autoconhecimento e realização pessoalAutoconhecimento e realização pessoal
Autoconhecimento e realização pessoalBruno Carrasco
 
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em EquipePalestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em EquipeEduardo Maróstica
 

Mais procurados (20)

Empatia - A arte de se colocar no lugar do outro
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outroEmpatia - A arte de se colocar no lugar do outro
Empatia - A arte de se colocar no lugar do outro
 
Inteligência emocional e o perfil do empreendedor
Inteligência emocional e o perfil do empreendedorInteligência emocional e o perfil do empreendedor
Inteligência emocional e o perfil do empreendedor
 
Autoconhecimento
AutoconhecimentoAutoconhecimento
Autoconhecimento
 
Resiliência: a competência que nos leva a excelência!
Resiliência:  a competência que nos leva a excelência!Resiliência:  a competência que nos leva a excelência!
Resiliência: a competência que nos leva a excelência!
 
Emoções
EmoçõesEmoções
Emoções
 
Inteligência emocional corrigida
Inteligência emocional corrigidaInteligência emocional corrigida
Inteligência emocional corrigida
 
Como Lidar com as emoções
Como Lidar com as emoçõesComo Lidar com as emoções
Como Lidar com as emoções
 
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
Comunicação Assertiva  - Karime KamelComunicação Assertiva  - Karime Kamel
Comunicação Assertiva - Karime Kamel
 
Inteligencia emocional no trabalho
Inteligencia emocional no trabalhoInteligencia emocional no trabalho
Inteligencia emocional no trabalho
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
 
Emoções e sentimentos.pptx
Emoções e sentimentos.pptxEmoções e sentimentos.pptx
Emoções e sentimentos.pptx
 
Inteligência emocional
Inteligência emocionalInteligência emocional
Inteligência emocional
 
Competências e Habilidades Socioemocionais no cotidiano
Competências e Habilidades Socioemocionais no cotidiano Competências e Habilidades Socioemocionais no cotidiano
Competências e Habilidades Socioemocionais no cotidiano
 
Inteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na LiderançaInteligência Emocional na Liderança
Inteligência Emocional na Liderança
 
Gerir emoções
Gerir emoçõesGerir emoções
Gerir emoções
 
Gestão das emoções
Gestão das emoçõesGestão das emoções
Gestão das emoções
 
Relacionamento Interpessoal 20h
Relacionamento Interpessoal 20hRelacionamento Interpessoal 20h
Relacionamento Interpessoal 20h
 
Auto confiança e auto estima
Auto confiança e auto estimaAuto confiança e auto estima
Auto confiança e auto estima
 
Autoconhecimento e realização pessoal
Autoconhecimento e realização pessoalAutoconhecimento e realização pessoal
Autoconhecimento e realização pessoal
 
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em EquipePalestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
Palestra Ituporanga Motivação, Liderança e Trabalho em Equipe
 

Semelhante a Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalho

Inteligência Emocional (2).pptx
Inteligência Emocional (2).pptxInteligência Emocional (2).pptx
Inteligência Emocional (2).pptxElidaine
 
Inteligência Emocional - A arte de Viver com excelência
Inteligência Emocional - A arte de Viver com excelênciaInteligência Emocional - A arte de Viver com excelência
Inteligência Emocional - A arte de Viver com excelênciaElidaine
 
cartilha-5-inteligencia-emocional-no-trabalho.docx
cartilha-5-inteligencia-emocional-no-trabalho.docxcartilha-5-inteligencia-emocional-no-trabalho.docx
cartilha-5-inteligencia-emocional-no-trabalho.docxAuriceliaRosa
 
Pais Gestores de sua Felicidade
Pais Gestores de sua FelicidadePais Gestores de sua Felicidade
Pais Gestores de sua FelicidadeMediar2922
 
COMPETENCIAS EMOCIONAIS - VERNY.ppt
COMPETENCIAS EMOCIONAIS - VERNY.pptCOMPETENCIAS EMOCIONAIS - VERNY.ppt
COMPETENCIAS EMOCIONAIS - VERNY.pptGernciadeSupervisoEd
 
O que é a inteligência emocional
O que é a inteligência emocionalO que é a inteligência emocional
O que é a inteligência emocionalMarcelo Anjos
 
Inteligência Emocional AUTENTICA.pptx
Inteligência Emocional AUTENTICA.pptxInteligência Emocional AUTENTICA.pptx
Inteligência Emocional AUTENTICA.pptxElidaine
 
inteligência emocional PARTE 1.pptx
inteligência emocional PARTE 1.pptxinteligência emocional PARTE 1.pptx
inteligência emocional PARTE 1.pptxMARYJANUARIO1
 
Inteligência Emocional-workshop.pptx
Inteligência Emocional-workshop.pptxInteligência Emocional-workshop.pptx
Inteligência Emocional-workshop.pptxssuser103ff9
 
inteligência emocional VER 8.ppt questões sobre
inteligência emocional VER 8.ppt questões sobreinteligência emocional VER 8.ppt questões sobre
inteligência emocional VER 8.ppt questões sobreAntónio Revez
 
Cartilha saudementalna escola
Cartilha saudementalna escolaCartilha saudementalna escola
Cartilha saudementalna escolaPatrícia Müller
 
cartilhasaudementalnaescola.pdf
cartilhasaudementalnaescola.pdfcartilhasaudementalnaescola.pdf
cartilhasaudementalnaescola.pdfMarceloInacio18
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocionalJosi Borges
 
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@sSaúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@sProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Jornada do Crescimento - Módulo:Inteligência Emocional
Jornada do Crescimento - Módulo:Inteligência EmocionalJornada do Crescimento - Módulo:Inteligência Emocional
Jornada do Crescimento - Módulo:Inteligência Emocionalmonicasepeda22
 
Boletim coaching junho 2015
Boletim coaching   junho 2015Boletim coaching   junho 2015
Boletim coaching junho 2015Myrthes Lutke
 

Semelhante a Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalho (20)

Inteligência Emocional (2).pptx
Inteligência Emocional (2).pptxInteligência Emocional (2).pptx
Inteligência Emocional (2).pptx
 
Inteligência Emocional - A arte de Viver com excelência
Inteligência Emocional - A arte de Viver com excelênciaInteligência Emocional - A arte de Viver com excelência
Inteligência Emocional - A arte de Viver com excelência
 
As Emoções e a Inteligência Emocional
As Emoções e a Inteligência EmocionalAs Emoções e a Inteligência Emocional
As Emoções e a Inteligência Emocional
 
cartilha-5-inteligencia-emocional-no-trabalho.docx
cartilha-5-inteligencia-emocional-no-trabalho.docxcartilha-5-inteligencia-emocional-no-trabalho.docx
cartilha-5-inteligencia-emocional-no-trabalho.docx
 
Pais Gestores de sua Felicidade
Pais Gestores de sua FelicidadePais Gestores de sua Felicidade
Pais Gestores de sua Felicidade
 
COMPETENCIAS EMOCIONAIS - VERNY.ppt
COMPETENCIAS EMOCIONAIS - VERNY.pptCOMPETENCIAS EMOCIONAIS - VERNY.ppt
COMPETENCIAS EMOCIONAIS - VERNY.ppt
 
O que é a inteligência emocional
O que é a inteligência emocionalO que é a inteligência emocional
O que é a inteligência emocional
 
O perfil da mulher de sucesso
O perfil da mulher de sucessoO perfil da mulher de sucesso
O perfil da mulher de sucesso
 
Inteligência Emocional AUTENTICA.pptx
Inteligência Emocional AUTENTICA.pptxInteligência Emocional AUTENTICA.pptx
Inteligência Emocional AUTENTICA.pptx
 
inteligência emocional PARTE 1.pptx
inteligência emocional PARTE 1.pptxinteligência emocional PARTE 1.pptx
inteligência emocional PARTE 1.pptx
 
Inteligência Emocional-workshop.pptx
Inteligência Emocional-workshop.pptxInteligência Emocional-workshop.pptx
Inteligência Emocional-workshop.pptx
 
inteligência emocional VER 8.ppt questões sobre
inteligência emocional VER 8.ppt questões sobreinteligência emocional VER 8.ppt questões sobre
inteligência emocional VER 8.ppt questões sobre
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
 
Cartilha saudementalna escola
Cartilha saudementalna escolaCartilha saudementalna escola
Cartilha saudementalna escola
 
cartilhasaudementalnaescola.pdf
cartilhasaudementalnaescola.pdfcartilhasaudementalnaescola.pdf
cartilhasaudementalnaescola.pdf
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
 
Emoção
Emoção  Emoção
Emoção
 
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@sSaúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
 
Jornada do Crescimento - Módulo:Inteligência Emocional
Jornada do Crescimento - Módulo:Inteligência EmocionalJornada do Crescimento - Módulo:Inteligência Emocional
Jornada do Crescimento - Módulo:Inteligência Emocional
 
Boletim coaching junho 2015
Boletim coaching   junho 2015Boletim coaching   junho 2015
Boletim coaching junho 2015
 

Palestra inteligência emocional no combate ao stress no trabalho

  • 1. INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO. DOROTÉIA MÚRCIA SOUZA PSICÓLOGA E PSICOPEDAGOGA Maio 2019
  • 3. I E é a capacidade de aprender a lidar com as próprias emoções e também de compreender os sentimentos e comportamentos do outro. Sua essência se da quando conseguimos conciliar o lado emocional e racional.
  • 4. ‘’De acordo com Daniel Goleman (2001), um indivíduo emocionalmente inteligente é aquele que consegue identificar as suas emoções com mais facilidade. Uma das grandes vantagens das pessoas com inteligência emocional é a capacidade de se automotivar e seguir em frente, mesmo diante de frustrações e desilusões.’’ Vamos conhecer a seguir as emoções básicas e suas funcionalidades:
  • 5. ALEGRIA Emoções Básicas A alegria é uma emoção primária, a principal e está conectada com outras emoções secundárias que fazem parte do mesmo contexto, mas com uma intensidade diferente como a ilusão, o prazer, o êxtase, a esperança, a satisfação pessoal, a jovialidade, etc. A alegria e suas diversas formas de manifestação são um tesouro existencial, um legado de felicidade da qual todas as pessoas aspiram, momentos de plenitude ao destino. A essência da alegria pode ser compreendida melhor através do seu oposto: a tristeza.
  • 6. MEDO Outra emoção primária é o medo. Trata- se de um sentimento instintivo que mostra o desejo de proteger o ser humano contra possíveis perigos. No entanto, o medo pode ocorrer em várias escalas e diante de diferentes causas. Por esta razão, surgem as emoções secundárias. Por exemplo, a angústia, a preocupação, a perturbação do humor, a ansiedade, o medo, o pânico, o pavor, etc. Emoções Básicas
  • 7. TRISTEZA Outra emoção primária que também é base para as emoções secundárias que se conectam com a essência da tristeza são as seguintes: pena, lástima, compaixão, desejo, melancolia, duelo interior, choro, amargura, arrependimento, dor da alma, aflição, desespero, desesperança, entre outras. Emoções Básicas
  • 8. RAIVA A raiva é outra emoção primária, a irritação é um sentimento natural que surge quando uma pessoa se considera vítima de uma situação vista como injusta. Há emoções secundárias que estão conectadas a este ponto, por exemplo, a cólera, o ressentimento, a fúria, o incômodo, a indignação, o desconforto, o ódio, entre outras. Emoções Básicas
  • 9. NOJINHO A emoção nojo aparece na presença de objetos que são considerados repulsivos e indesejáveis. Sua tendência é querer expulsar ou remover esse objeto, aversão, repulsão, rejeição ou desgosto de algo ou alguém. Emoções Básicas
  • 10. Agora vamos assistir um trecho do filme DivertidaMente
  • 11. O Diálogo é parte do filme “DivertidaMente” que retrata sobre as emoções. A alegria é a protagonista no longa, mas a grande estrela do filme é a Tristeza. Durante quase todo o filme ela é reprimida e tratada pela Alegria como um perigo à felicidade, mas no final, Alegria descobre que a Tristeza tem uma importância fundamental e que, ao invés de ser reprimida, precisa ser integrada. A tristeza nos ajuda a aceitar nossas perdas e a lidar melhor com elas. Ela nos lembra que não estamos sozinhos e nos faz nos aproximar das pessoas que são realmente importantes para nós. E a alegria nos faz sentir vivos, nos dá energia para querer viver a vida com plenitude, realizando nossos sonhos e propósitos, e nos conectando a todas as pessoas, com sentimentos de amizade, amor e gratidão. Vivenciar emoções é muito pessoal, elas podem ser sentidas de formas diferentes por cada pessoa.
  • 12. Emoção é a que leva uma pessoa a reagir diante de um acontecimento. Saber administrar as emoções é importante para viver melhor e ser uma pessoa emocionalmente saudável. Essa administração do que é vivido e sentido é chamada pela psicologia de inteligência emocional. O que é Emoção?
  • 13. Quando não administramos bem as emoções, nós desenvolvemos crenças negativas e limitantes. Vamos assistir a um vídeo como ilustração.
  • 14. CRENÇAS NEGATIVAS As crenças negativas, também chamadas de limitantes nos mantém na nossa zona de conforto e segurança. Isso pode limitar muito o seu desenvolvimento pessoal e conquista dos seus objetivos. Uma coisa importante é perceber que muitas vezes essas crenças são coisas da nossa cabeça e não condizem com a realidade. EX: “Não sou bom em matemática por isso não posso fazer faculdade de engenharia” ... “ A vida é muito complicada” .... Por que temos crenças limitantes? Experiências Medo Circulo Social Religião Sociedade
  • 15. As crenças negativas geram os monstrinhos do estresse Irritado Invejoso Ansioso Angustiado Confuso Abatido Preocupado Esgotado Angustiado Irado Desapontado Com medo Bravo
  • 16. CRENÇAS POSITIVAS Essas crenças podem ser positivas, o que faz com que você caminhe com ótimos resultados apoiado-se sobre elas e agem como estimulantes naturais e te ajudam a vencer as dificuldades. Essas crenças apoiadoras aumentam o seu otimismo e a sua capacidade de produzir, gerando o resultado positivo, ou ainda aumentando sua capacidade de superação quando algo dá errado. EX: quando você diz “sim eu consigo executar esse desafio”, “sempre vou a busca dos meus objetivos“, “não deu certo agora mas eu vou tentar ate conseguir “.
  • 17. A crenças Positivas e os monstrinhos bons que combatem o estresse Brincalhão Amado Alegre Esperançoso Orgulhoso Otimista Aliviado/Bem estar
  • 18. Crenças Negativas X Crenças Positivas Crenças Negativas: Limitantes A) Responsabilidade: Defeituosa • Não sou suficientemente bom • Sou insignificante • Mereço ser desprezado B) Responsabilidade: Ação • Deveria ter feito alguma coisa • Fiz algo errado • Deveria ter sabido C) Segurança: Vulnerabilidade • Não posso confiar em ninguém • Não posso me proteger • Estou em perigo D) Controle: Opções • Não posso conseguir o que quero • Não confio em mim mesmo • Tenho que ser perfeito Crenças Positivas: Libertadoras A) Responsabilidade: Assertiva • Sou Digno (bom) • Sou significativo ( sou importante) • Mereço ser feliz B) Responsabilidade: Ação • Fiz o melhor que pude • Aprendi (posso aprender) • Faço o melhor que posso C) Segurança: Vulnerabilidade • Posso escolher em quem confiar • Posso (aprender a) me cuidar • Já passou; agora estou a salvo D) Controle: Opções • Posso conseguir o que quero • Posso ser confiável • Posso triunfar
  • 19. De acordo com Goleman (2001), a inteligência emocional pode ser subdivida em cinco habilidades específicas: Autoconhecimento emocional Controle emocional Automotivação Empatia Desenvolver relacionamentos interpessoais (habilidades sociais)
  • 20. O autoconhecimento desenvolve a tomada de consciência de suas: • Metas • Propósitos A busca pelo autoconhecimento é uma forma de crescimento pessoal e profissional. O mais importante é determinar os objetivos e metas e estar disposto a enfrentar tudo que for necessário para alcançar o sonho tão desejado. Outro ponto de destaque que é essencial ter foco no positivo e saber que é possível conquistá-lo se você acreditar e trabalhar para transformá-lo em realidade. 1° HABILIDADE EMOCIONAL AUTOCONHECIMENTO PROFISSIONAL E PESSOAL • Desejo s • Objetivos
  • 21. 2° HABILIDADE EMOCIONAL Controle emocional O Controle Emocional é a habilidade de lidar com os próprios sentimentos, adaptando-os conforme a situação vivida e expressando-os de maneira saudável para si e para o grupo no qual está inserido, tendo consciência das emoções negativas que nos bloqueiam, podemos nos libertar dela por meio de um processo dirigido pela razão. O equilíbrio entre razão e emoção é o caminho mais adequado.
  • 22. 3° HABILIDADE EMOCIONAL Automotivação Automotivação é o ato de motivar a si mesmo. Ela é importante, pois permite realizar as tarefas com zelo, eficiência e qualidade. As tarefas passam a ser vistas como desafios e sua realização se tornam prazerosas, menos conectadas a obrigação. Esse sentimento possuí inúmeras formas de ser estimulado, uma das teorias de estimulo da motivação é através do sucesso pessoal.
  • 23. 4° HABILIDADE EMOCIONAL Empatia Empatia significa a capacidade de se colocar no lugar de outra pessoa. Consiste em tentar compreender sentimentos e emoções, procurando experimentar de forma objetiva e racional o que sente outro indivíduo. A empatia pode ocorrer em todos os tipos de relacionamentos : nas relações familiares, nas amizades, no ambiente de trabalho e até mesmo com pessoas desconhecidas.
  • 24. 5° HABILIDADE EMOCIONAL Desenvolver relacionamentos interpessoais (habilidades sociais) Um relacionamento interpessoal positivo contribui para um bom ambiente dentro da empresa, o que pode resultar em um aumento da produtividade. No trabalho, esse relacionamento saudável entre duas ou mais pessoas é alcançado quando as pessoas conhecem a si mesmas, quando são capazes de se colocar no lugar do outro ou seja que demonstram empatia, quando expressam as suas opiniões de forma clara e direta sem ofender o outro com assertividade, são cordiais e têm um sentido de ética.
  • 25. Agora vamos assistir um trecho de uma animação sobre Convivência.
  • 26. O pássaro diferente é hostilizado pelos os que estão em maior número. Eles travam uma disputa por espaço, e o resultado ? Não é positivo pra ninguém. No meio da situação os que estão em maior número tardiamente despertam para a importância do diferente. No entanto para, conseguir uma convivência positiva em harmonia, o respeito e a tolerância com os demais são condições fundamentais. Para uma convivência agradável precisa-se da colaboração de todos. A convivência, mostra inteligência emocional, e se baseia no respeito ao próximo. Ter ações positivas que faça as situações mais agradáveis, simples gestos como um obrigada, por favor, desculpas, podem fazer toda a diferença.
  • 27. A UNIÃO FAZ A FORÇA: PARA EVOLUIR, É PRECISO COOPERAR A mente de grupo, como explica Goleman 1998, ajuda a economizar tempo ao buscar novas soluções e amplifica a capacidade individual. No entanto, aproveitar este conhecimento só é possível se a equipe confiar uns nos outros e trabalhar bem em conjunto. Uma equipe emocionalmente inteligente é relacionada à capacidade de um grupo. A cooperação se faz necessária em todo e qualquer trabalho, pelo fato de que duas cabeças pensam melhor. Trabalho em equipe é um desafio e ao mesmo tempo uma maneira de solucionar problemas e fazer com que resultados positivos apareçam.
  • 28. Estresse no Trabalho O estresse é um sintoma que muda nosso estado de forma indescritível. Ele pode ser caracterizado por sensações de irritação, medo, desconforto, preocupação, frustração, indignação, nervoso, e ser motivado por diversas razões distintas. Além disso, muitas vezes, a causa para o estresse é desconhecida. Nesta economia difícil, muitos de nós estamos achando mais difícil do que nunca lidar com o estresse no ambiente de trabalho. Quando o estresse no trabalho interfere com a capacidade de executar seu trabalho, de gerenciar sua vida pessoal ou afeta negativamente sua saúde, é hora de agir.
  • 29. ESTRESSE :Lutar ou Fugir Estresse é um conjunto de reações desenvolvidas há milhões de anos, que tem como função preparar os animais para fugir ou lutar pela sobrevivência; Fazendo com que os sentidos fiquem temporariamente mais aguçados, aumentando a força muscular e a resistência contra infecções. A percepção de um perigo iminente de agressão desencadeia reações de alarme que produzem intensas modificações fisiológicas no organismo animal. O grande problema é quando os estímulos que levam ao estresse são constantes e prolongados.
  • 30. Estresse no Trabalho Sinais e sintomas de estresse no local de trabalho e trabalho excessivo • Sentir-se ansioso, irritado ou deprimido • Apatia, perda de interesse no trabalho • Problemas para dormir • Fadiga • Dificuldade de concentração • Tensão muscular ou dores de cabeça • Problemas de estômago • Perda de libido • Usar álcool ou drogas para lidar com o estresse • Tensão muscular ou dores de cabeça • Problemas de estômago • Isolamento social • Perda de libido • Usar álcool ou drogas para lidar com o estresse • Isolamento social
  • 31. INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO A inteligência emocional consiste em reduzir o estresse, permanecer focado, ser criativo, usar de estratégias e ficar conectado a si mesmo e aos outros. Desenvolva as Habilidades: • Habilidade de reduzir rapidamente o estresse momentâneo em situações variadas. • Habilidade de reconhecer suas emoções e não permitir que o sobrecarregue. • Habilidade de buscar estratégias criativas para soluções. • Habilidade de se conectar emocionalmente com os outros, utilizando a comunicação não-verbal. • Habilidade de usar o humor e praticar ficar conectado em situações desafiadoras. • Habilidade de resolver os conflitos de forma positiva e confiante.
  • 32. INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
  • 33. INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
  • 34. INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
  • 35. INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
  • 36. INTELIGÊNCIA EMOCIONAL NO COMBATE AO STRESS NO TRABALHO
  • 37. Inteligência Emocional: Combatendo o Estresse no Trabalho Agora depois de conhecermos um pouco sobre inteligência emocional (IE) e sabermos que é a capacidade de identificar, usar, entender e gerenciar as emoções de maneira positiva para aliviar o estresse, comunicar-se de forma eficaz, ser empático com os outros e superar os desafios resolvendo os conflitos. Desta forma vimos que a inteligência emocional impacta muitos aspectos diferentes da vida diária, tais como a forma como se comporta e a forma como interage com os outros. A alta inteligência emocional é conseguir reconhecer o seu próprio estado emocional e os estados emocionais dos outros, e se envolver com as pessoas de uma forma que as atrai. Ao usar essa compreensão das emoções para se relacionar melhor com outras pessoas os relacionamentos se tornam mais saudáveis e possibilita-se obter maior sucesso no trabalho e levar uma vida gratificante.
  • 39. REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA • GOLEMAN, Daniel. Inteligência emocional: a teoria revolucionária que redefine o que é ser inteligente. Edição revista. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001. 370 p. • ANGERAMI, Valdemar Augusto (org) Crise, Trabalho e Saúde Mental no Brasil. Série Psicoterapias Alternativas. São Paulo, Traço Editora. 1983 • GOLEMAN, Daniel. Trabalhando com a inteligência Emocional • Feurstein, Reuven. Enriquecimento Instrumental – Ilustrações: Um momento deixe- me pensar! Hadassah-wizo-canada-research institute, Jerusalem, 1995. • http://www.saude.pr.gov.br/modules/conteudo/conteudo.php?conteudo=1059 acessado em 29/04/2019 • https://www.nomadismodigital.pt/crencas-limitantes-impulsionadoras/ acessado em 24/04/2019 • https://www.minhavida.com.br/bem-estar/materias/11972-como-manter-o- controle-emocional acessado em 03/05/2019 acessado em 03/05/2019 • https://pt.wikipedia.org/wiki/Automotiva%C3%A7%C3%A3o acessado em 03/05/2019 • https://www.slacoaching.com.br/artigos-do-presidente/o-que-e-empatiam acessado em 03/05/2019 • http://menthes.com.br/5-habilidades-essenciais-para-aumentar-a-inteligencia- emocional/ acessado em 08/05/2019