SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 41
AULA DE MRP
Dinâmica de Processamento do MRP
A dinâmica de processamento no MRP parte da
quantidade desejada (Previsão de Vendas ,
Pedidos firmados ou Demanda)de um produto
final numa data especificada.
A programação fornecida pelo MRP geralmente
traz as seguintes informações, item por item:
 Um Escala de tempos, geralmente semanal;
 A identificação do item;
 As Necessidades Brutas e suas datas;
 O Estoque Disponível;
 Os Recebimentos Programados e suas datas;
 As Necessidades Líquidas e suas datas;
 As datas e quantidades de cada Liberação de2
Dinâmica de Processamento do
MRP
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
Estoque
Disponível
Recebimento
Programados
Necessidade
s Líquidas
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
3
Dinâmica de Processamento do
MRP
 NB(Necessidades Brutas) = São a demanda
total originária de todos os planos de produção
dos produtos acabados;
 RP(Recebimentos programados) = São os
pedidos que foram colocados mas ainda não
foram terminados;
 Estoque Disponível = É uma quantidade de
estoque disponível a cada semana;
 RPL (Recebimento Planejado) = Planejar o
recebimento de novos pedidos evitará que o saldo
disponível projetado fique negativo;
 LP (Liberação de Pedido) = Indica quando um
pedido para uma quantidade específica de um
item deve ser emitido. 4
Exemplo - MRP
 Para uma mesa de cozinha, é conhecida a
demanda (Necessidades Brutas) para as
próximas 12 semanas, que é de 100 unidades,
prevendo-se uma entrega de 40 unidades ao
início da Semana 5 e outra de 60 unidades ao
início da Semana 11, segundo a tabela abaixo:
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidades
Brutas
40 60
5
Exercício – MRP/MPS
Realizar o MRP para cada um dos itens: Mesa, Tampo, Tronco e Suporte
 A mesa é composta por um tampo, um tronco e oito suportes
idênticos; quatro dos suportes acoplam-se à parte superior do
tronco para que o tampo se ajuste, enquanto dos suportes
acoplam-se à parte inferior, para o devido apoio da mesa no
solo.
Item Estoque Lead Time Processo
Mesa 5 1
Tampo 15 1
Tronco 12 2
Suporte 90 1
6
Mesa
Tampo(1) Tronco(1) Suporte(8)
Exercício – MRP/MPS
MESA
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
Estoque
Disponível
Recebimento
Programados
Necessidade
s Líquidas
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
7
Exercício – MRP/MPS
MESA
 Lead Time = 1 semana;
 Necessidade Bruta de Entrega = 40 na 5º Semana e 60 na 11º Semana;
 Estoque Disponível = 5 unidades;
 Recebimento Programado = 0 unidades;
 Necessidades Liquidas = Necessidade Bruta – Estoque Disponível;
 Necessidades Líquidas para 5º Semana = 40 – 5 = 35;
 Necessidades Líquidas para 11º Semana = 60 – 0 =60;
 Liberação de Ordens=São as Necessidades Liquidas com PRAZO DO LEAD
TIME;
 Liberação de Ordens = 35 unid. para 4º semana e 60 unid. para 10º semana.
8
MRP – Item Mesa
Lead time 1 semana
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
40 60
Estoque
Disponível
5 0
Recebimento
Programados
0 0
Necessidade
s Líquidas
35 60
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
35 60
9
Estrutura de Produto
Mesa
 Necessidade Liquida da Mesa é de = 35 unid. Para 5º semana
e 60 unid. Para 11º semana.
 Nós temos de Necessidade de Tampo de 35 unidades para
entrega na semana 4º semana e 60 unidades na 10º semana,
porém a Lead Time de Processo é de 1 semana antes, ou seja,
produzir na 3º semana na programação e 9º semana.
10
Mesa
Tampo(1) Tronco(1) Suporte(8)
Exercício – MRP/MPS
TAMPO
 Lead Time = 1 semana;
 Necessidade Bruta de Entrega = 35 na 4º Semana e 60 na 10º Semana;
 Estoque Disponível = 15 unidades para 4º semana;
 Recebimento Programado = 0 unidades;
 Necessidades Liquidas = Necessidade Bruta – Estoque Disponível;
 Necessidades Líquidas para 4º Semana = 35 – 15 = 20;
 Necessidades Líquidas para 10º Semana = 60 – 0 =60;
 Liberação de Ordens=São as Necessidades Liquidas com PRAZO DO LEAD
TIME;
 Liberação de Ordens = 20 unid. Para 3º semana e 60 unid. para 9º semana. 11
MRP – Item Tampo
Lead Time 1 semana
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
Estoque
Disponível
Recebimento
Programados
Necessidade
s Líquidas
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
12
Tampo
MRP – Item Tampo
Lead Time 1 semana
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
35 60
Estoque
Disponível
15 0
Recebimento
Programados
0 0
Necessidade
s Líquidas
20 60
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
20 60
13
Estrutura de Produto
Mesa
 Necessidade Liquida da Mesa é de = 35 unid. Para 5º semana
e 60 unid. Para 11º semana.
 Nós temos de Necessidade de Tronco de 35 unidades para
entrega na semana 4º semana e 60 unidades na 10º semana,
porém a Lead Time de Processo é de 2 semana antes, ou seja,
produzir na 2º semana na programação e 8º semana.
14
Mesa
Tampo(1) Tronco(1) Suporte(8)
Exercício – MRP/MPS
TRONCO
 Lead Time = 2 semana;
 Necessidade Bruta de Entrega = 35 na 4º Semana e 60 na 10º Semana;
 Estoque Disponível = 12 unidades para 4º semana;
 Recebimento Programado = 0 unidades;
 Necessidades Liquidas = Necessidade Bruta – Estoque Disponível;
 Necessidades Líquidas para 4º Semana = 35 – 12 = 23;
 Necessidades Líquidas para 10º Semana = 60 – 0 =60;
 Liberação de Ordens=São as Necessidades Liquidas conforme O LEAD TIME;
 Liberação de Ordens = 23 unid. Para 2º semana e 60 unid. para 8º semana.
15
MRP – Item Tronco
Lead Time 2 semana
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
Estoque
Disponível
=12
Recebimento
Programados
Necessidade
s Líquidas
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
16
Tronco
MRP – Item Tronco
Lead Time 2 semana
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
35 60
Estoque
Disponível
12 0
Recebimento
Programados
0 0
Necessidade
s Líquidas
23 60
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
23 60
17
Tronco
Estrutura de Produto
Mesa
 Necessidade Liquida da Mesa é de = 35 unid. Para 5º semana e 60
unid. Para 11º semana.
 Nós temos de Necessidade de Suporte de 35 x 8 = 280 unidades
para entrega na semana 4º semana e 60 x 8 =480 unidades na 10º
semana, porém a Lead Time de Processo é de 1 semana antes, ou
seja, produzir na 3º semana na programação e 9º semana.
18
Mesa
Tampo(1) Tronco(1) Suporte(8)
Exercício – MRP/MPS
SUPORTE
 Lead Time = 1 semana;
 Necessidade Bruta de Entrega = 280 na 4º Semana e 480 na 10º
Semana;
 Estoque Disponível = 90 unidades para 4º semana;
 Recebimento Programado = 0 unidades;
 Necessidades Liquidas = Necessidade Bruta – Estoque Disponível;
 Necessidades Líquidas para 4º Semana = 280 – 90 = 190;
 Necessidades Líquidas para 10º Semana = 480 – 0 = 480;
 Liberação de Ordens=São as Necessidades Liquidas conforme O LEAD TIME;
 Liberação de Ordens = 190 unid. Para 3º semana e 480 unid.para 9º semana.
19
MRP – Item Suporte
Lead Time 1 semana
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
Estoque
Disponível
Recebimento
Programados
Necessidade
s Líquidas
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
20
Suporte
MRP – Item Suporte
Lead Time 1 semana
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12
Necessidade
s Brutas
280 480
Estoque
Disponível
90 0
Recebimento
Programados
0 0
Necessidade
s Líquidas
190 480
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
190 480
21
Exercício da Apostila – pg20
 10.Suponhamos que queremos produzir o produto T,
que consiste em duas peças U, três peças V e uma Y.
A peça U, por sua vez é feita de uma peça W e duas
peças X. A peça V é feita de duas peças W e duas Y.
 O plano de necessidades é de 100 u de T na semana
8.Abaixo mostramos a árvore de estrutura do produto
T.
22
Componente LT(SEMANAS) Est. Disponível Rec.
Programados
T 1 25
U 2 5 5 (Sem 3)
V 2 15
W 3 30
X 2 20
Y 1 10
Estrutura do Produto
23
MRP – Item T
Lead Time 1 semana
Estoque Disponível = 25
Liberação de Ordem = 75
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8
Necessidades
Brutas
100
Estoque
Disponível = 25
25
Recebimento
Programados
0
Necessidades
Líquidas
75
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
75
24
Estrutura do Produto U
 NECESSIDADE DE T É DE 75 UNID;
 LEAD TIME DE T É DE 1 SEMANA;
 COMPONENTE U = 2 X 75= 150 UNID.
25
MRP – Item U
Lead Time 2 semana
Estoque Disponível = 5 unid.
Recebimento Programado = 5 unid. na 3º
semanaSemana 1 2 3 4 5 6 7 8
Necessidades
Brutas
150
Estoque
Disponível = 5
5
Recebimento
Programados
5 5
Necessidades
Líquidas
140
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
140
26
Estrutura do Produto V
 NECESSIDADE DE T É DE 75 UNID;
 LEAD TIME DE T É DE 1 SEMANA;
 COMPONENTE T = 3 X 75= 225 UNID.
27
MRP – Item V
Lead Time 2 semana
Estoque Disponível = 15 unid.
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8
Necessidades
Brutas
225
Estoque
Disponível = 15
15
Recebimento
Programados
0
Necessidades
Líquidas
210
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
210
28
Estrutura do Produto X
 NECESSIDADE DE U É DE 140 UNID;
 LEAD TIME DE U É DE 2 SEMANA;
 COMPONENTE U = 2 X 140 = 280 UNID. (NB)
29
MRP – Item X
Lead Time 2 semana
Estoque Disponível = 20 unid.
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8
Necessidades
Brutas
280
Estoque
Disponível = 20
20
Recebimento
Programados
0
Necessidades
Líquidas
260
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
260
30
Estrutura do Produto W
 NECESSIDADE DE V É DE 210 UNID;
 LEAD TIME DE V É DE 2 SEMANA;
 COMPONENTE W = 1 X 210 (V) + 140 (U) = 560 UNID. (NB)
31
MRP – Item W
Lead Time 3 semana
Estoque Disponível = 30 unid.
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8
Necessidades
Brutas
560
Estoque
Disponível = 30
30
Recebimento
Programados
0
Necessidades
Líquidas
530
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
530
32
Estrutura do Produto Y
 NECESSIDADE DE Y É DE 210 UNID;
 LEAD TIME DE V É DE 1 SEMANA;
 COMPONENTE U = 75 (T) + 210 X 2 = 420
33
MRP – Item Y
Lead Time 2 semana
Estoque Disponível = 10 unid.
Semana 1 2 3 4 5 6 7 8
Necessidades
Brutas
420 75
Estoque
Disponível = 10
10
Recebimento
Programados
0
Necessidades
Líquidas
410
Liberação de
Ordem ou
Liberação
Planejadas
410 75
34
Calculo de Necessidade
conforme Estrutura do
Produto COMPONENTE U = 2 X 75= 150 U
 COMPONENTE V = 75 X 3 = 225 U
 COMPONENTE W = 2 X 210 = 420 + 140(W)
 COMPONENTE X = 2 X 140 = 280
 COMPONENTE Y = 75 (COMPONENTE T) + 210(V) X 2
35
Exercício Proposto de PMP
 A estrutura analítica do produto AP703, cujo TA =
1 semana, é dada a seguir:
 Necessita-se de 15 u do AP703 p/ a semana 6.
 Na montagem de uma unidade dele necessita-se
de 3 de D e 2 de F, que são compradas.
 Dispõe-se de 10 u de D em estoque e nenhuma
de F.
 O tempo de entrega de D é uma semana e o de F
é duas semanas.
 Determine as necessidades de D e F e quando
deverão ser solicitadas.
Exercício Proposto
AP703
D(3) F(2)
Resolução Exercício
Item D
 NB= 45 unidades;
 RP = 0;
 Estoque = 10 unidades;
 Necess.Liquid = 35 unidades;
 Lib. Ordem = 35 para 5º semana.
Resolução Exercício
Item F
 NB= 30 unidades;
 RP = 0;
 Estoque = 0 unidades;
 Necess.Liquid = 30 unidades;
 Lib. Ordem = 30 para 3º semana.
F ES= 10 LOTE= 1 TA= 2
Comprometido
= 0 Estoque em mãos = 0
Semana --> 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
NP-Nec. Produção
Projetada. 0 0 0 0 0 30 0 0 0 0 0
RP-Recebimentos
Previstos 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
DM-Disponivel à mão 0 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10
NL-Nec. Líquida
Produção 10 0 0 0 30 0 0 0 0 0
PL-Produção (lotes) 10 0 0 0 30 0 0 0 0 0
Liberação da ordem 0 0 0 30 0 0 0 0 0 0 0
D ES= 0 LOTE= 1 TA= 1
Comprometido= 0 Estoque em mãos = 10
Semana --> 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
NP-Nec. Produção
Projetada. 0 0 0 0 0 45 0 0 0 0 0
RP-Recebimentos
Previstos 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
DM-Disponivel à mão 10 10 10 10 10 0 0 0 0 0 0
NL-Nec. Líquida
Produção 0 0 0 0 35 0 0 0 0 0
PL-Produção (lotes) 0 0 0 0 35 0 0 0 0 0
Liberação da ordem 0 0 0 0 35 0 0 0 0 0 0

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 4.a. fluxograma.pptm
Aula 4.a.   fluxograma.pptmAula 4.a.   fluxograma.pptm
Aula 4.a. fluxograma.pptm
Claudio Parra
 
Administração de Produção II
Administração de Produção IIAdministração de Produção II
Administração de Produção II
Romilson Cesar
 
Arranjo físico (layout)
Arranjo físico (layout)Arranjo físico (layout)
Arranjo físico (layout)
Maritta Barbosa
 

Mais procurados (20)

Adm Producao
Adm ProducaoAdm Producao
Adm Producao
 
MRP e JIT
MRP e JITMRP e JIT
MRP e JIT
 
Aula 4.a. fluxograma.pptm
Aula 4.a.   fluxograma.pptmAula 4.a.   fluxograma.pptm
Aula 4.a. fluxograma.pptm
 
Gerenciamento de Projetos
Gerenciamento de ProjetosGerenciamento de Projetos
Gerenciamento de Projetos
 
Aula 02 introducao adm da produção - db
Aula 02   introducao adm da produção - dbAula 02   introducao adm da produção - db
Aula 02 introducao adm da produção - db
 
01 aula introdução a logística
01 aula introdução a logística01 aula introdução a logística
01 aula introdução a logística
 
Administração de materiais
Administração de materiaisAdministração de materiais
Administração de materiais
 
Eras da qualidade
Eras da qualidadeEras da qualidade
Eras da qualidade
 
1 slides - planejamento e controle da produção (pcp)
1   slides - planejamento e controle da produção (pcp)1   slides - planejamento e controle da produção (pcp)
1 slides - planejamento e controle da produção (pcp)
 
Carta de Controle - André.pptx
Carta de Controle - André.pptxCarta de Controle - André.pptx
Carta de Controle - André.pptx
 
Previsão da Demanda I
Previsão da Demanda IPrevisão da Demanda I
Previsão da Demanda I
 
7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade7 ferramentas da qualidade
7 ferramentas da qualidade
 
Planejamento Estratégico, Tático e Operacional
Planejamento Estratégico, Tático e OperacionalPlanejamento Estratégico, Tático e Operacional
Planejamento Estratégico, Tático e Operacional
 
Sistema de produção
Sistema de produçãoSistema de produção
Sistema de produção
 
Administração de Produção II
Administração de Produção IIAdministração de Produção II
Administração de Produção II
 
Planejamento e Controle da Produção
Planejamento e Controle da Produção Planejamento e Controle da Produção
Planejamento e Controle da Produção
 
Gestão da produção
Gestão da produçãoGestão da produção
Gestão da produção
 
IntroduçãO à AdministraçãO De Materiais
IntroduçãO à AdministraçãO De MateriaisIntroduçãO à AdministraçãO De Materiais
IntroduçãO à AdministraçãO De Materiais
 
Gestão por processos
Gestão por processosGestão por processos
Gestão por processos
 
Arranjo físico (layout)
Arranjo físico (layout)Arranjo físico (layout)
Arranjo físico (layout)
 

Destaque (7)

Aula mrp
Aula  mrpAula  mrp
Aula mrp
 
Apostila da disciplina de Gestão de Operações
Apostila da disciplina de Gestão de OperaçõesApostila da disciplina de Gestão de Operações
Apostila da disciplina de Gestão de Operações
 
MRP II
MRP II MRP II
MRP II
 
MRP II - Manufacturing Resource Planning ( Planejamento de Recursos de Produção)
MRP II - Manufacturing Resource Planning ( Planejamento de Recursos de Produção)MRP II - Manufacturing Resource Planning ( Planejamento de Recursos de Produção)
MRP II - Manufacturing Resource Planning ( Planejamento de Recursos de Produção)
 
58262864 09-administracao-financeira-do-estoque
58262864 09-administracao-financeira-do-estoque58262864 09-administracao-financeira-do-estoque
58262864 09-administracao-financeira-do-estoque
 
MRP1 vs MRP2
MRP1 vs MRP2MRP1 vs MRP2
MRP1 vs MRP2
 
MRP I and MRP II
MRP I and MRP IIMRP I and MRP II
MRP I and MRP II
 

Mais de Moises Ribeiro

Questões multipla escolha segmentação
Questões multipla escolha segmentaçãoQuestões multipla escolha segmentação
Questões multipla escolha segmentação
Moises Ribeiro
 
Questões multipla escolha diferenciação
Questões multipla escolha  diferenciaçãoQuestões multipla escolha  diferenciação
Questões multipla escolha diferenciação
Moises Ribeiro
 
Questões dissertativas mercado global
Questões dissertativas mercado globalQuestões dissertativas mercado global
Questões dissertativas mercado global
Moises Ribeiro
 
Aula 6 gestão de marketing
Aula 6 gestão de marketingAula 6 gestão de marketing
Aula 6 gestão de marketing
Moises Ribeiro
 
Questionário de quinta
Questionário de quintaQuestionário de quinta
Questionário de quinta
Moises Ribeiro
 
Lean manufacturing slides
Lean manufacturing slidesLean manufacturing slides
Lean manufacturing slides
Moises Ribeiro
 
Questionário de quinta
Questionário de quintaQuestionário de quinta
Questionário de quinta
Moises Ribeiro
 
Questionário josé roberto
Questionário josé robertoQuestionário josé roberto
Questionário josé roberto
Moises Ribeiro
 
Localização industrial slide
Localização industrial slideLocalização industrial slide
Localização industrial slide
Moises Ribeiro
 
Trabalho final kaizen~ (1)
Trabalho final kaizen~ (1)Trabalho final kaizen~ (1)
Trabalho final kaizen~ (1)
Moises Ribeiro
 
Prod textos atividade_gestao_10_5
Prod textos atividade_gestao_10_5Prod textos atividade_gestao_10_5
Prod textos atividade_gestao_10_5
Moises Ribeiro
 
Prod textos atividade_gestao_10_5
Prod textos atividade_gestao_10_5Prod textos atividade_gestao_10_5
Prod textos atividade_gestao_10_5
Moises Ribeiro
 
Sistemas de amortização
Sistemas de amortizaçãoSistemas de amortização
Sistemas de amortização
Moises Ribeiro
 
Sistemas de amortização
Sistemas de amortizaçãoSistemas de amortização
Sistemas de amortização
Moises Ribeiro
 
Modalizadores gqm 26_04
Modalizadores gqm 26_04Modalizadores gqm 26_04
Modalizadores gqm 26_04
Moises Ribeiro
 

Mais de Moises Ribeiro (20)

Questões multipla escolha segmentação
Questões multipla escolha segmentaçãoQuestões multipla escolha segmentação
Questões multipla escolha segmentação
 
Questões multipla escolha diferenciação
Questões multipla escolha  diferenciaçãoQuestões multipla escolha  diferenciação
Questões multipla escolha diferenciação
 
Questões dissertativas mercado global
Questões dissertativas mercado globalQuestões dissertativas mercado global
Questões dissertativas mercado global
 
W m s
W m sW m s
W m s
 
Trabalho wms
Trabalho wmsTrabalho wms
Trabalho wms
 
Aula 6 gestão de marketing
Aula 6 gestão de marketingAula 6 gestão de marketing
Aula 6 gestão de marketing
 
Questionário de quinta
Questionário de quintaQuestionário de quinta
Questionário de quinta
 
Lean manufacturing slides
Lean manufacturing slidesLean manufacturing slides
Lean manufacturing slides
 
Questionário de quinta
Questionário de quintaQuestionário de quinta
Questionário de quinta
 
Questionário josé roberto
Questionário josé robertoQuestionário josé roberto
Questionário josé roberto
 
Localização industrial slide
Localização industrial slideLocalização industrial slide
Localização industrial slide
 
Trabalho jit odirlei
Trabalho jit   odirleiTrabalho jit   odirlei
Trabalho jit odirlei
 
Kaizen
KaizenKaizen
Kaizen
 
Trabalho final kaizen~ (1)
Trabalho final kaizen~ (1)Trabalho final kaizen~ (1)
Trabalho final kaizen~ (1)
 
Kaizen
KaizenKaizen
Kaizen
 
Prod textos atividade_gestao_10_5
Prod textos atividade_gestao_10_5Prod textos atividade_gestao_10_5
Prod textos atividade_gestao_10_5
 
Prod textos atividade_gestao_10_5
Prod textos atividade_gestao_10_5Prod textos atividade_gestao_10_5
Prod textos atividade_gestao_10_5
 
Sistemas de amortização
Sistemas de amortizaçãoSistemas de amortização
Sistemas de amortização
 
Sistemas de amortização
Sistemas de amortizaçãoSistemas de amortização
Sistemas de amortização
 
Modalizadores gqm 26_04
Modalizadores gqm 26_04Modalizadores gqm 26_04
Modalizadores gqm 26_04
 

Aula de mrp

  • 2. Dinâmica de Processamento do MRP A dinâmica de processamento no MRP parte da quantidade desejada (Previsão de Vendas , Pedidos firmados ou Demanda)de um produto final numa data especificada. A programação fornecida pelo MRP geralmente traz as seguintes informações, item por item:  Um Escala de tempos, geralmente semanal;  A identificação do item;  As Necessidades Brutas e suas datas;  O Estoque Disponível;  Os Recebimentos Programados e suas datas;  As Necessidades Líquidas e suas datas;  As datas e quantidades de cada Liberação de2
  • 3. Dinâmica de Processamento do MRP Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas Estoque Disponível Recebimento Programados Necessidade s Líquidas Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 3
  • 4. Dinâmica de Processamento do MRP  NB(Necessidades Brutas) = São a demanda total originária de todos os planos de produção dos produtos acabados;  RP(Recebimentos programados) = São os pedidos que foram colocados mas ainda não foram terminados;  Estoque Disponível = É uma quantidade de estoque disponível a cada semana;  RPL (Recebimento Planejado) = Planejar o recebimento de novos pedidos evitará que o saldo disponível projetado fique negativo;  LP (Liberação de Pedido) = Indica quando um pedido para uma quantidade específica de um item deve ser emitido. 4
  • 5. Exemplo - MRP  Para uma mesa de cozinha, é conhecida a demanda (Necessidades Brutas) para as próximas 12 semanas, que é de 100 unidades, prevendo-se uma entrega de 40 unidades ao início da Semana 5 e outra de 60 unidades ao início da Semana 11, segundo a tabela abaixo: Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidades Brutas 40 60 5
  • 6. Exercício – MRP/MPS Realizar o MRP para cada um dos itens: Mesa, Tampo, Tronco e Suporte  A mesa é composta por um tampo, um tronco e oito suportes idênticos; quatro dos suportes acoplam-se à parte superior do tronco para que o tampo se ajuste, enquanto dos suportes acoplam-se à parte inferior, para o devido apoio da mesa no solo. Item Estoque Lead Time Processo Mesa 5 1 Tampo 15 1 Tronco 12 2 Suporte 90 1 6 Mesa Tampo(1) Tronco(1) Suporte(8)
  • 7. Exercício – MRP/MPS MESA Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas Estoque Disponível Recebimento Programados Necessidade s Líquidas Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 7
  • 8. Exercício – MRP/MPS MESA  Lead Time = 1 semana;  Necessidade Bruta de Entrega = 40 na 5º Semana e 60 na 11º Semana;  Estoque Disponível = 5 unidades;  Recebimento Programado = 0 unidades;  Necessidades Liquidas = Necessidade Bruta – Estoque Disponível;  Necessidades Líquidas para 5º Semana = 40 – 5 = 35;  Necessidades Líquidas para 11º Semana = 60 – 0 =60;  Liberação de Ordens=São as Necessidades Liquidas com PRAZO DO LEAD TIME;  Liberação de Ordens = 35 unid. para 4º semana e 60 unid. para 10º semana. 8
  • 9. MRP – Item Mesa Lead time 1 semana Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas 40 60 Estoque Disponível 5 0 Recebimento Programados 0 0 Necessidade s Líquidas 35 60 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 35 60 9
  • 10. Estrutura de Produto Mesa  Necessidade Liquida da Mesa é de = 35 unid. Para 5º semana e 60 unid. Para 11º semana.  Nós temos de Necessidade de Tampo de 35 unidades para entrega na semana 4º semana e 60 unidades na 10º semana, porém a Lead Time de Processo é de 1 semana antes, ou seja, produzir na 3º semana na programação e 9º semana. 10 Mesa Tampo(1) Tronco(1) Suporte(8)
  • 11. Exercício – MRP/MPS TAMPO  Lead Time = 1 semana;  Necessidade Bruta de Entrega = 35 na 4º Semana e 60 na 10º Semana;  Estoque Disponível = 15 unidades para 4º semana;  Recebimento Programado = 0 unidades;  Necessidades Liquidas = Necessidade Bruta – Estoque Disponível;  Necessidades Líquidas para 4º Semana = 35 – 15 = 20;  Necessidades Líquidas para 10º Semana = 60 – 0 =60;  Liberação de Ordens=São as Necessidades Liquidas com PRAZO DO LEAD TIME;  Liberação de Ordens = 20 unid. Para 3º semana e 60 unid. para 9º semana. 11
  • 12. MRP – Item Tampo Lead Time 1 semana Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas Estoque Disponível Recebimento Programados Necessidade s Líquidas Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 12 Tampo
  • 13. MRP – Item Tampo Lead Time 1 semana Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas 35 60 Estoque Disponível 15 0 Recebimento Programados 0 0 Necessidade s Líquidas 20 60 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 20 60 13
  • 14. Estrutura de Produto Mesa  Necessidade Liquida da Mesa é de = 35 unid. Para 5º semana e 60 unid. Para 11º semana.  Nós temos de Necessidade de Tronco de 35 unidades para entrega na semana 4º semana e 60 unidades na 10º semana, porém a Lead Time de Processo é de 2 semana antes, ou seja, produzir na 2º semana na programação e 8º semana. 14 Mesa Tampo(1) Tronco(1) Suporte(8)
  • 15. Exercício – MRP/MPS TRONCO  Lead Time = 2 semana;  Necessidade Bruta de Entrega = 35 na 4º Semana e 60 na 10º Semana;  Estoque Disponível = 12 unidades para 4º semana;  Recebimento Programado = 0 unidades;  Necessidades Liquidas = Necessidade Bruta – Estoque Disponível;  Necessidades Líquidas para 4º Semana = 35 – 12 = 23;  Necessidades Líquidas para 10º Semana = 60 – 0 =60;  Liberação de Ordens=São as Necessidades Liquidas conforme O LEAD TIME;  Liberação de Ordens = 23 unid. Para 2º semana e 60 unid. para 8º semana. 15
  • 16. MRP – Item Tronco Lead Time 2 semana Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas Estoque Disponível =12 Recebimento Programados Necessidade s Líquidas Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 16 Tronco
  • 17. MRP – Item Tronco Lead Time 2 semana Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas 35 60 Estoque Disponível 12 0 Recebimento Programados 0 0 Necessidade s Líquidas 23 60 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 23 60 17 Tronco
  • 18. Estrutura de Produto Mesa  Necessidade Liquida da Mesa é de = 35 unid. Para 5º semana e 60 unid. Para 11º semana.  Nós temos de Necessidade de Suporte de 35 x 8 = 280 unidades para entrega na semana 4º semana e 60 x 8 =480 unidades na 10º semana, porém a Lead Time de Processo é de 1 semana antes, ou seja, produzir na 3º semana na programação e 9º semana. 18 Mesa Tampo(1) Tronco(1) Suporte(8)
  • 19. Exercício – MRP/MPS SUPORTE  Lead Time = 1 semana;  Necessidade Bruta de Entrega = 280 na 4º Semana e 480 na 10º Semana;  Estoque Disponível = 90 unidades para 4º semana;  Recebimento Programado = 0 unidades;  Necessidades Liquidas = Necessidade Bruta – Estoque Disponível;  Necessidades Líquidas para 4º Semana = 280 – 90 = 190;  Necessidades Líquidas para 10º Semana = 480 – 0 = 480;  Liberação de Ordens=São as Necessidades Liquidas conforme O LEAD TIME;  Liberação de Ordens = 190 unid. Para 3º semana e 480 unid.para 9º semana. 19
  • 20. MRP – Item Suporte Lead Time 1 semana Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas Estoque Disponível Recebimento Programados Necessidade s Líquidas Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 20 Suporte
  • 21. MRP – Item Suporte Lead Time 1 semana Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 Necessidade s Brutas 280 480 Estoque Disponível 90 0 Recebimento Programados 0 0 Necessidade s Líquidas 190 480 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 190 480 21
  • 22. Exercício da Apostila – pg20  10.Suponhamos que queremos produzir o produto T, que consiste em duas peças U, três peças V e uma Y. A peça U, por sua vez é feita de uma peça W e duas peças X. A peça V é feita de duas peças W e duas Y.  O plano de necessidades é de 100 u de T na semana 8.Abaixo mostramos a árvore de estrutura do produto T. 22 Componente LT(SEMANAS) Est. Disponível Rec. Programados T 1 25 U 2 5 5 (Sem 3) V 2 15 W 3 30 X 2 20 Y 1 10
  • 24. MRP – Item T Lead Time 1 semana Estoque Disponível = 25 Liberação de Ordem = 75 Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 Necessidades Brutas 100 Estoque Disponível = 25 25 Recebimento Programados 0 Necessidades Líquidas 75 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 75 24
  • 25. Estrutura do Produto U  NECESSIDADE DE T É DE 75 UNID;  LEAD TIME DE T É DE 1 SEMANA;  COMPONENTE U = 2 X 75= 150 UNID. 25
  • 26. MRP – Item U Lead Time 2 semana Estoque Disponível = 5 unid. Recebimento Programado = 5 unid. na 3º semanaSemana 1 2 3 4 5 6 7 8 Necessidades Brutas 150 Estoque Disponível = 5 5 Recebimento Programados 5 5 Necessidades Líquidas 140 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 140 26
  • 27. Estrutura do Produto V  NECESSIDADE DE T É DE 75 UNID;  LEAD TIME DE T É DE 1 SEMANA;  COMPONENTE T = 3 X 75= 225 UNID. 27
  • 28. MRP – Item V Lead Time 2 semana Estoque Disponível = 15 unid. Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 Necessidades Brutas 225 Estoque Disponível = 15 15 Recebimento Programados 0 Necessidades Líquidas 210 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 210 28
  • 29. Estrutura do Produto X  NECESSIDADE DE U É DE 140 UNID;  LEAD TIME DE U É DE 2 SEMANA;  COMPONENTE U = 2 X 140 = 280 UNID. (NB) 29
  • 30. MRP – Item X Lead Time 2 semana Estoque Disponível = 20 unid. Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 Necessidades Brutas 280 Estoque Disponível = 20 20 Recebimento Programados 0 Necessidades Líquidas 260 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 260 30
  • 31. Estrutura do Produto W  NECESSIDADE DE V É DE 210 UNID;  LEAD TIME DE V É DE 2 SEMANA;  COMPONENTE W = 1 X 210 (V) + 140 (U) = 560 UNID. (NB) 31
  • 32. MRP – Item W Lead Time 3 semana Estoque Disponível = 30 unid. Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 Necessidades Brutas 560 Estoque Disponível = 30 30 Recebimento Programados 0 Necessidades Líquidas 530 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 530 32
  • 33. Estrutura do Produto Y  NECESSIDADE DE Y É DE 210 UNID;  LEAD TIME DE V É DE 1 SEMANA;  COMPONENTE U = 75 (T) + 210 X 2 = 420 33
  • 34. MRP – Item Y Lead Time 2 semana Estoque Disponível = 10 unid. Semana 1 2 3 4 5 6 7 8 Necessidades Brutas 420 75 Estoque Disponível = 10 10 Recebimento Programados 0 Necessidades Líquidas 410 Liberação de Ordem ou Liberação Planejadas 410 75 34
  • 35. Calculo de Necessidade conforme Estrutura do Produto COMPONENTE U = 2 X 75= 150 U  COMPONENTE V = 75 X 3 = 225 U  COMPONENTE W = 2 X 210 = 420 + 140(W)  COMPONENTE X = 2 X 140 = 280  COMPONENTE Y = 75 (COMPONENTE T) + 210(V) X 2 35
  • 36. Exercício Proposto de PMP  A estrutura analítica do produto AP703, cujo TA = 1 semana, é dada a seguir:  Necessita-se de 15 u do AP703 p/ a semana 6.  Na montagem de uma unidade dele necessita-se de 3 de D e 2 de F, que são compradas.  Dispõe-se de 10 u de D em estoque e nenhuma de F.  O tempo de entrega de D é uma semana e o de F é duas semanas.  Determine as necessidades de D e F e quando deverão ser solicitadas.
  • 38. Resolução Exercício Item D  NB= 45 unidades;  RP = 0;  Estoque = 10 unidades;  Necess.Liquid = 35 unidades;  Lib. Ordem = 35 para 5º semana.
  • 39. Resolução Exercício Item F  NB= 30 unidades;  RP = 0;  Estoque = 0 unidades;  Necess.Liquid = 30 unidades;  Lib. Ordem = 30 para 3º semana.
  • 40. F ES= 10 LOTE= 1 TA= 2 Comprometido = 0 Estoque em mãos = 0 Semana --> 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 NP-Nec. Produção Projetada. 0 0 0 0 0 30 0 0 0 0 0 RP-Recebimentos Previstos 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 DM-Disponivel à mão 0 10 10 10 10 10 10 10 10 10 10 NL-Nec. Líquida Produção 10 0 0 0 30 0 0 0 0 0 PL-Produção (lotes) 10 0 0 0 30 0 0 0 0 0 Liberação da ordem 0 0 0 30 0 0 0 0 0 0 0
  • 41. D ES= 0 LOTE= 1 TA= 1 Comprometido= 0 Estoque em mãos = 10 Semana --> 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 NP-Nec. Produção Projetada. 0 0 0 0 0 45 0 0 0 0 0 RP-Recebimentos Previstos 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 DM-Disponivel à mão 10 10 10 10 10 0 0 0 0 0 0 NL-Nec. Líquida Produção 0 0 0 0 35 0 0 0 0 0 PL-Produção (lotes) 0 0 0 0 35 0 0 0 0 0 Liberação da ordem 0 0 0 0 35 0 0 0 0 0 0