SlideShare uma empresa Scribd logo
Escreve comentário comparativo
entre a letra da canção «Ele e ela» e a
cena da Farsa em que intervêm Inês e
Pero Marques (vv. 284-390).
Inclui duas citações do texto e duas
citações da cantiga.
Pelo menos, 150 palavras. A caneta.
na Farsa de Inês Pereira
na Farsa
na canção «Ele e Ela»
na música
na canção fala
na canção diz / diz-se
,
palavra,
Eram duas x duas citações
Técnica da citação.
No regresso do Carnaval ter leitura de
livro terminada.
O Escudeiro duvida muito do retrato
superlativo que os Judeus fizeram de Inês
(dá exemplos da descrição que aqueles
faziam de Inês e estranha que, com tais
predicados, ainda continuasse donzela).
Deduz, portanto, que seria muito feia:
«moça de vila será ela / com sinalzinho
postiço / e sarnosa no toutiço / como burra
de Castela» (vv. 511-514).
O Escudeiro duvida muito do retrato
superlativo que os Judeus fizeram de Inês (dá
exemplos da descrição que aqueles faziam de
Inês e estranha que, com tais predicados, ainda
continuasse donzela). Deduz, portanto, que seria
muito feia: «moça de vila será ela / com sinalzinho
postiço / e sarnosa no toutiço / como burra de
Castela» (vv. 511-514).
Esta atitude lembra a de Inês
relativamente a Pero, porque também ela,
antes de conhecer Pero, já troçava dele
(embora, reconheça-se, tivesse uma prova
da simplicidade / tacanhez / ... de Pero, a
carta que tinha lido).
Nos vv. 597-600 e 606-609, o Moço
não parece falar diretamente com o
Escudeiro, antes comenta (sem se dirigir
à outra personagem em cena, mas,
provavelmente, quase falando para o
público). Trata-se, portanto, de apartes.
A função destas falas é desmascararem
a situação do Escudeiro, louco (vv. 597-
600) e, ao contrário do que quer fazer
passar, pobre. De tal modo, que o moço
consegue adivinhar o que acontecerá a
Inês (vv. 606-609).
No passo da Farsa de Inês Pereira
que vimos hoje, o cómico de situação
resulta de as personagens estarem
enganadas / iludidas com o que as outras
são: Brás da Mata finge ser homem de
posses e respeitado pelo Moço (com
quem combinara como devia proceder,
bastante ao contrário do que sucedia
normalmente); Inês prepara-se para fazer
o papel de recatada e muda. Só o
espetador conhece a verdade e sabe que
as personagens dissimulam a sua
realidade. Quando as personagens se
cruzam em cena, ignorantes do verdadeiro
perfil do interlocutor, o público, detentor
da verdade, pode rir-se.
Escreve a apreciação crítica pedida
na p. 124 (ao trecho visto, comparando
também Vítor do Penedo com Pero
Marques).
TPC — Estuda a ficha 15 do Caderno
de atividades, sobre ‘Predicativo do
complemento direto’ (pp. 29-30).
Reproduzi-la-ei em Gaveta de Nuvens.
Se ainda não o fizeste, envia o texto
sobre palavra de estimação.
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 69-70

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Características do Romantismo
Características do RomantismoCaracterísticas do Romantismo
Características do Romantismo
Anabela Fernandes
 
Gil Vicente
Gil VicenteGil Vicente
Gil Vicente
AnaPinto02
 
Funções sintáticas internas ao grupo verbal - complementos, predicativo sujei...
Funções sintáticas internas ao grupo verbal - complementos, predicativo sujei...Funções sintáticas internas ao grupo verbal - complementos, predicativo sujei...
Funções sintáticas internas ao grupo verbal - complementos, predicativo sujei...
Ana Silva
 
PPT - As Preposições
PPT - As PreposiçõesPPT - As Preposições
PPT - As Preposições
Mi Lemos
 
Versificação
VersificaçãoVersificação
Versificação
ISJ
 
Deíticos - correção
Deíticos - correçãoDeíticos - correção
Deíticos - correção
BiblioAlba
 
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuaisConto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
Maurício Francisco Dos Santos
 
Al2.2. bola saltitona
Al2.2. bola saltitonaAl2.2. bola saltitona
Al2.2. bola saltitona
Ana Garcez
 
Modificadores
ModificadoresModificadores
Modificadores
gracacruz
 
Recursos expressivos com exercícios
Recursos expressivos com exercíciosRecursos expressivos com exercícios
Recursos expressivos com exercícios
Fernanda Monteiro
 
Teste corrigido
Teste corrigidoTeste corrigido
Teste corrigido
Cristina Tomé
 
Predicativo do complemento direto
Predicativo do complemento diretoPredicativo do complemento direto
Predicativo do complemento direto
quintaldasletras
 
Interseção planos
Interseção planosInterseção planos
Interseção planos
anacdalves
 
Intertextualidade
IntertextualidadeIntertextualidade
Intertextualidade
Fabio Junior Sarti
 
Ode Triunfal de Álvaro de Campos
Ode Triunfal de Álvaro de CamposOde Triunfal de Álvaro de Campos
Ode Triunfal de Álvaro de Campos
guest3fc89a1
 
Ficha informativa_ Recursos Expressivos
Ficha informativa_ Recursos ExpressivosFicha informativa_ Recursos Expressivos
Ficha informativa_ Recursos Expressivos
Raquel Antunes
 
Orações subordinadas (substantiva relativa e adjetiva relativa)
Orações subordinadas (substantiva relativa e adjetiva relativa)Orações subordinadas (substantiva relativa e adjetiva relativa)
Orações subordinadas (substantiva relativa e adjetiva relativa)
FranciscoSilva772
 
Questionário Poesia Trovadoresca
Questionário Poesia TrovadorescaQuestionário Poesia Trovadoresca
Questionário Poesia Trovadoresca
Elsa Maximiano
 
Determinantes
DeterminantesDeterminantes
Determinantes
Rosalina Simão Nunes
 
Lírica camoniana
Lírica camonianaLírica camoniana
Lírica camoniana
Helena Coutinho
 

Mais procurados (20)

Características do Romantismo
Características do RomantismoCaracterísticas do Romantismo
Características do Romantismo
 
Gil Vicente
Gil VicenteGil Vicente
Gil Vicente
 
Funções sintáticas internas ao grupo verbal - complementos, predicativo sujei...
Funções sintáticas internas ao grupo verbal - complementos, predicativo sujei...Funções sintáticas internas ao grupo verbal - complementos, predicativo sujei...
Funções sintáticas internas ao grupo verbal - complementos, predicativo sujei...
 
PPT - As Preposições
PPT - As PreposiçõesPPT - As Preposições
PPT - As Preposições
 
Versificação
VersificaçãoVersificação
Versificação
 
Deíticos - correção
Deíticos - correçãoDeíticos - correção
Deíticos - correção
 
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuaisConto de terror- Estudo de gêneros textuais
Conto de terror- Estudo de gêneros textuais
 
Al2.2. bola saltitona
Al2.2. bola saltitonaAl2.2. bola saltitona
Al2.2. bola saltitona
 
Modificadores
ModificadoresModificadores
Modificadores
 
Recursos expressivos com exercícios
Recursos expressivos com exercíciosRecursos expressivos com exercícios
Recursos expressivos com exercícios
 
Teste corrigido
Teste corrigidoTeste corrigido
Teste corrigido
 
Predicativo do complemento direto
Predicativo do complemento diretoPredicativo do complemento direto
Predicativo do complemento direto
 
Interseção planos
Interseção planosInterseção planos
Interseção planos
 
Intertextualidade
IntertextualidadeIntertextualidade
Intertextualidade
 
Ode Triunfal de Álvaro de Campos
Ode Triunfal de Álvaro de CamposOde Triunfal de Álvaro de Campos
Ode Triunfal de Álvaro de Campos
 
Ficha informativa_ Recursos Expressivos
Ficha informativa_ Recursos ExpressivosFicha informativa_ Recursos Expressivos
Ficha informativa_ Recursos Expressivos
 
Orações subordinadas (substantiva relativa e adjetiva relativa)
Orações subordinadas (substantiva relativa e adjetiva relativa)Orações subordinadas (substantiva relativa e adjetiva relativa)
Orações subordinadas (substantiva relativa e adjetiva relativa)
 
Questionário Poesia Trovadoresca
Questionário Poesia TrovadorescaQuestionário Poesia Trovadoresca
Questionário Poesia Trovadoresca
 
Determinantes
DeterminantesDeterminantes
Determinantes
 
Lírica camoniana
Lírica camonianaLírica camoniana
Lírica camoniana
 

Semelhante a Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 69-70

Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 73-74
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 73-74Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 73-74
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 73-74
luisprista
 
Religiosidade em aulularia e o santo e a porca 15122013.doc
Religiosidade em aulularia e o santo e a porca 15122013.docReligiosidade em aulularia e o santo e a porca 15122013.doc
Religiosidade em aulularia e o santo e a porca 15122013.doc
SoniaSantosSoninha
 
Resumos de literaturaportuguesa
Resumos de literaturaportuguesaResumos de literaturaportuguesa
Resumos de literaturaportuguesa
Rosário Pinto
 
Literaturaportuguesa
LiteraturaportuguesaLiteraturaportuguesa
Literaturaportuguesa
Conceicao Mousinho
 
Resumo exame.docx
Resumo exame.docxResumo exame.docx
Resumo exame.docx
CarolinaRodrigues818742
 
2ª lista de_exercicios_-_1º_ano_-_prof._kleber
2ª lista de_exercicios_-_1º_ano_-_prof._kleber2ª lista de_exercicios_-_1º_ano_-_prof._kleber
2ª lista de_exercicios_-_1º_ano_-_prof._kleber
Alisson Silva
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 63-64
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 63-64Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 63-64
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 63-64
luisprista
 
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
ma.no.el.ne.ves
 
Estudo do texto. Interpretação e compreensão de texto.
Estudo do texto. Interpretação e compreensão de texto.Estudo do texto. Interpretação e compreensão de texto.
Estudo do texto. Interpretação e compreensão de texto.
Aires Jones
 

Semelhante a Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 69-70 (9)

Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 73-74
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 73-74Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 73-74
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 73-74
 
Religiosidade em aulularia e o santo e a porca 15122013.doc
Religiosidade em aulularia e o santo e a porca 15122013.docReligiosidade em aulularia e o santo e a porca 15122013.doc
Religiosidade em aulularia e o santo e a porca 15122013.doc
 
Resumos de literaturaportuguesa
Resumos de literaturaportuguesaResumos de literaturaportuguesa
Resumos de literaturaportuguesa
 
Literaturaportuguesa
LiteraturaportuguesaLiteraturaportuguesa
Literaturaportuguesa
 
Resumo exame.docx
Resumo exame.docxResumo exame.docx
Resumo exame.docx
 
2ª lista de_exercicios_-_1º_ano_-_prof._kleber
2ª lista de_exercicios_-_1º_ano_-_prof._kleber2ª lista de_exercicios_-_1º_ano_-_prof._kleber
2ª lista de_exercicios_-_1º_ano_-_prof._kleber
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 63-64
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 63-64Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 63-64
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 63-64
 
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
Prova discursiva de língua portuguesa e literatura da ufes 2012
 
Estudo do texto. Interpretação e compreensão de texto.
Estudo do texto. Interpretação e compreensão de texto.Estudo do texto. Interpretação e compreensão de texto.
Estudo do texto. Interpretação e compreensão de texto.
 

Mais de luisprista

Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 71-72
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 71-72Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 71-72
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 71-72
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 67-68
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 67-68Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 67-68
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 67-68
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 65-66
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 65-66Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 65-66
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 65-66
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 61-62
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 61-62Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 61-62
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 61-62
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 57-58
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 57-58Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 57-58
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 57-58
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 59-60
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 59-60Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 59-60
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 59-60
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 55-56
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 55-56Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 55-56
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 55-56
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 53-54
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 53-54Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 53-54
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 53-54
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 49-50
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 49-50Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 49-50
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 49-50
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 51-52
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 51-52Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 51-52
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 51-52
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 47-48
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 47-48Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 47-48
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 47-48
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 45-46
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 45-46Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 45-46
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 45-46
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 41-42
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 41-42Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 41-42
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 41-42
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 43-44
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 43-44Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 43-44
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 43-44
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 37-38
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 37-38Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 37-38
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 37-38
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 39-40
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 39-40Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 39-40
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 39-40
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 35-36
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 35-36Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 35-36
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 35-36
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 33-34
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 33-34Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 33-34
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 33-34
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 29-30
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 29-30Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 29-30
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 29-30
luisprista
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 31-32
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 31-32Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 31-32
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 31-32
luisprista
 

Mais de luisprista (20)

Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 71-72
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 71-72Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 71-72
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 71-72
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 67-68
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 67-68Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 67-68
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 67-68
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 65-66
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 65-66Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 65-66
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 65-66
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 61-62
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 61-62Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 61-62
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 61-62
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 57-58
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 57-58Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 57-58
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 57-58
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 59-60
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 59-60Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 59-60
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 59-60
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 55-56
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 55-56Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 55-56
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 55-56
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 53-54
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 53-54Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 53-54
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 53-54
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 49-50
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 49-50Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 49-50
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 49-50
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 51-52
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 51-52Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 51-52
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 51-52
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 47-48
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 47-48Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 47-48
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 47-48
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 45-46
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 45-46Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 45-46
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 45-46
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 41-42
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 41-42Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 41-42
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 41-42
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 43-44
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 43-44Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 43-44
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 43-44
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 37-38
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 37-38Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 37-38
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 37-38
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 39-40
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 39-40Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 39-40
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 39-40
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 35-36
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 35-36Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 35-36
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 35-36
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 33-34
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 33-34Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 33-34
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 33-34
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 29-30
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 29-30Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 29-30
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 29-30
 
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 31-32
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 31-32Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 31-32
Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 31-32
 

Último

Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Centro Jacques Delors
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
AlessandraRibas7
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
Ailton Barcelos
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
AlineOliveira625820
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
fran0410
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
jonny615148
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
HelenStefany
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
WELTONROBERTOFREITAS
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
MarcoAurlioResende
 
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
y6zh7bvphf
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
ARIADNEMARTINSDACRUZ
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
Manuais Formação
 

Último (20)

Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
Infografia | Resultados das Eleições Europeias 2024-2029
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidadeAula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
Aula de filosofia sobre Sexo, Gênero e sexualidade
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdfComo montar o mapa conceitual editado.pdf
Como montar o mapa conceitual editado.pdf
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
Telepsiquismo Utilize seu poder extrassensorial para atrair prosperidade (Jos...
 
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicosDNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
DNA e RNA - Estrutura dos Ácidos nucleicos
 
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf eplanejamento maternal 2 atualizado.pdf e
planejamento maternal 2 atualizado.pdf e
 
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de GeografiaAula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
Aula 1 - Ordem Mundial Aula de Geografia
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
A Formação da Moral Cristã na Infância - CESB - DIJ - DIEF - G. de PAIS - 16....
 
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
SLIDE LIÇÃO 10 - DESENVOLVENDO UMA CONSCIÊNCIA DE SANTIDADE - TEXTO ÁUREO...
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇOPALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
PALAVRA SECRETA - ALFABETIZAÇÃO- REFORÇO
 
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdfUFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
UFCD_10789_Metodologias de desenvolvimento de software_índice.pdf
 

Apresentação para décimo ano de 2017 8, aula 69-70

  • 1.
  • 2. Escreve comentário comparativo entre a letra da canção «Ele e ela» e a cena da Farsa em que intervêm Inês e Pero Marques (vv. 284-390). Inclui duas citações do texto e duas citações da cantiga. Pelo menos, 150 palavras. A caneta.
  • 3. na Farsa de Inês Pereira na Farsa na canção «Ele e Ela» na música na canção fala na canção diz / diz-se , palavra,
  • 4. Eram duas x duas citações Técnica da citação.
  • 5.
  • 6. No regresso do Carnaval ter leitura de livro terminada.
  • 7.
  • 8. O Escudeiro duvida muito do retrato superlativo que os Judeus fizeram de Inês (dá exemplos da descrição que aqueles faziam de Inês e estranha que, com tais predicados, ainda continuasse donzela). Deduz, portanto, que seria muito feia: «moça de vila será ela / com sinalzinho postiço / e sarnosa no toutiço / como burra de Castela» (vv. 511-514).
  • 9. O Escudeiro duvida muito do retrato superlativo que os Judeus fizeram de Inês (dá exemplos da descrição que aqueles faziam de Inês e estranha que, com tais predicados, ainda continuasse donzela). Deduz, portanto, que seria muito feia: «moça de vila será ela / com sinalzinho postiço / e sarnosa no toutiço / como burra de Castela» (vv. 511-514). Esta atitude lembra a de Inês relativamente a Pero, porque também ela, antes de conhecer Pero, já troçava dele (embora, reconheça-se, tivesse uma prova da simplicidade / tacanhez / ... de Pero, a carta que tinha lido).
  • 10.
  • 11. Nos vv. 597-600 e 606-609, o Moço não parece falar diretamente com o Escudeiro, antes comenta (sem se dirigir à outra personagem em cena, mas, provavelmente, quase falando para o público). Trata-se, portanto, de apartes. A função destas falas é desmascararem a situação do Escudeiro, louco (vv. 597- 600) e, ao contrário do que quer fazer passar, pobre. De tal modo, que o moço consegue adivinhar o que acontecerá a Inês (vv. 606-609).
  • 12.
  • 13. No passo da Farsa de Inês Pereira que vimos hoje, o cómico de situação resulta de as personagens estarem enganadas / iludidas com o que as outras são: Brás da Mata finge ser homem de posses e respeitado pelo Moço (com quem combinara como devia proceder, bastante ao contrário do que sucedia normalmente); Inês prepara-se para fazer
  • 14. o papel de recatada e muda. Só o espetador conhece a verdade e sabe que as personagens dissimulam a sua realidade. Quando as personagens se cruzam em cena, ignorantes do verdadeiro perfil do interlocutor, o público, detentor da verdade, pode rir-se.
  • 15.
  • 16. Escreve a apreciação crítica pedida na p. 124 (ao trecho visto, comparando também Vítor do Penedo com Pero Marques).
  • 17. TPC — Estuda a ficha 15 do Caderno de atividades, sobre ‘Predicativo do complemento direto’ (pp. 29-30). Reproduzi-la-ei em Gaveta de Nuvens. Se ainda não o fizeste, envia o texto sobre palavra de estimação.