SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Baixar para ler offline
FILOSOFIA
Professora Erica Frau
FILOSOFIA
E
CIÊNCIA
O QUE É O
CIÊNCIA ???
• A ciência é uma das formas de conhecimento que o
homem produziu no transcurso de sua história, com o intuito
de entender e explicar racional e objetivamente o mundo
para nele poder intervir.
• A ciência moderna propriamente dita surgiu com Galileu e
Descartes no século XVII, embora tenha sido uma atividade
iniciada na Antiguidade Grega e se transformado em uma
prática constante com a finalidade de afastar crenças e
comportamentos supersticiosos, eliminar a ignorância e
fundamentar racionalmente as normas de conduta e os
costumes herdados.
A ciência visa ao domínio e
controle prático da natureza. É um
conhecimento sistemático e
seguro de um conjunto de
fenômenos que ocorrem de
maneira regular e uniforme,
segundo padrões invariáveis de
relações causais, expresso em leis
e teorias gerais, com o objetivo de
tornar o mundo inteligível.
Ver exemplos no site:
http://pt.wikihow.com/Cond
uzir-um-Experimento-
Cient%C3%ADfico
• Você pôde observar até agora que o homem utiliza o senso
comum para guiá-lo no seu dia a dia e auxiliá-lo na
resolução de problemas e dificuldades. Além disso, o senso
comum muitas vezes serve de ponto de partida para as
observações realizadas pelo cientista.
• O conhecimento filosófico, por sua vez, substitui os mitos e as
crenças religiosas na tentativa de conhecer e compreender
o mundo e os seres que nele habitam e, ao lado do senso
comum e da ciência, se apresenta como uma das formas
possíveis de entendimento da realidade desconhecida e
enigmática.
A ciência se utiliza de uma
metodologia específica
para dar respostas
imediatas e soluções
específicas para situações
problema que se
apresentam ao cientista e
despertam sua curiosidade
e o incitam a desenvolver
suas pesquisas.
ESSE É O CAMINHO PARA O
MÉTODO CIENTÍFICO...
• A filosofia, por sua vez, não busca soluções nem tem por
finalidade a apresentação de respostas. Buscando um
sentido para as diversas experiências humanas, procurando
dar um significado inteligível ao real que cerca todo e
qualquer ser no mundo, a filosofia se caracteriza por um
constante indagar, questionar, perguntar, cujas respostas se
tornam objeto de novas indagações e questionamentos.
Daí a falsa impressão causada no homem comum de que a
filosofia não serve para nada, uma vez que nada explica em
caráter final e definitivo.
Existe um dito popular que se refere à filosofia da seguinte maneira:
“A filosofia é a ciência que com a qual ou sem a
qual o mundo continua tal e qual”
Normalmente, ele é usado para expressar a posição
daquelas pessoas que não atribuem à filosofia valor
algum. A filosofia lhes é indiferente e, em alguns casos,
dispensável tanto como ramo do saber quanto como
disciplina acadêmica.
• A filosofia se caracteriza por
ser uma busca incessante do
sentido último das coisas, um
saber universal acerca das
questões fundamentais.
• Tem como finalidade
compreender o significado
da existência humana em
seus diferentes aspectos,
bem como as relações entre
o homem, Deus e o mundo.
A filosofia é, pois, uma atitude crítica e
racional que o ser humano assume no
enfrentamento da realidade que o
cerca, tendo em vista não
necessariamente a posse de um saber
sobre a realidade, mas sim, uma
permanente postura de indagação e
reflexão, capaz de gerar um saber que
possa ser revertido em favor de um
conhecimento e compreensão cada
vez mais profundos e, portanto,
radicais da natureza das coisas, da
natureza divina e, em especial da
natureza humana.
• A revolução científica iniciada por
Galileu no século XVII determinou a
separação entre filosofia e ciência.
• Embora ambas possam ser classificadas
como saber sistemático, crítico e rigoroso
do real, apresentam propósitos,
finalidades e procedimentos
essencialmente diferentes.
• Enquanto ciência tem como objeto de
estudo campos de limitados saber – daí a
existência de diversas ciências
particulares, como a física, a química, a
biologia, a sociologia, a psicologia, entre
outras –, a filosofia se ocupa de todo e
qualquer objeto em geral.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O surgimento da filosofia
O surgimento da filosofiaO surgimento da filosofia
O surgimento da filosofia
Alison Nunes
 

Mais procurados (20)

Introdução à filosofia
Introdução à filosofiaIntrodução à filosofia
Introdução à filosofia
 
Racionalismo e Empirismo
Racionalismo e EmpirismoRacionalismo e Empirismo
Racionalismo e Empirismo
 
Epistemologia
EpistemologiaEpistemologia
Epistemologia
 
Os Tipos de Conhecimento
Os Tipos de ConhecimentoOs Tipos de Conhecimento
Os Tipos de Conhecimento
 
Aula de filosofia antiga, tema: Sócrates
Aula de filosofia antiga, tema: SócratesAula de filosofia antiga, tema: Sócrates
Aula de filosofia antiga, tema: Sócrates
 
O que é Filosofia?
O que é Filosofia?O que é Filosofia?
O que é Filosofia?
 
Filosofia Política
Filosofia PolíticaFilosofia Política
Filosofia Política
 
Mito e filosofia
Mito e filosofiaMito e filosofia
Mito e filosofia
 
Senso comum x conhecimento científico
Senso comum x conhecimento científicoSenso comum x conhecimento científico
Senso comum x conhecimento científico
 
Existencialismo
ExistencialismoExistencialismo
Existencialismo
 
Sócrates
SócratesSócrates
Sócrates
 
4 filosofia e senso comum
4 filosofia e senso comum 4 filosofia e senso comum
4 filosofia e senso comum
 
Método indutivo vs hipotetico dedutivo
Método indutivo vs hipotetico dedutivoMétodo indutivo vs hipotetico dedutivo
Método indutivo vs hipotetico dedutivo
 
ESCOLA DE FRANKFURT
ESCOLA DE FRANKFURTESCOLA DE FRANKFURT
ESCOLA DE FRANKFURT
 
O surgimento da filosofia
O surgimento da filosofiaO surgimento da filosofia
O surgimento da filosofia
 
Mapa conceitual - Filosofia da ciência
Mapa conceitual - Filosofia da ciênciaMapa conceitual - Filosofia da ciência
Mapa conceitual - Filosofia da ciência
 
Introdução à filosofia
Introdução à filosofiaIntrodução à filosofia
Introdução à filosofia
 
O que é conhecimento - filosofia
O que é conhecimento - filosofiaO que é conhecimento - filosofia
O que é conhecimento - filosofia
 
Cap 4 - Filosofia Helenística
Cap 4 - Filosofia HelenísticaCap 4 - Filosofia Helenística
Cap 4 - Filosofia Helenística
 
Dogmatismo, Ceticismo e Criticismo
Dogmatismo, Ceticismo e CriticismoDogmatismo, Ceticismo e Criticismo
Dogmatismo, Ceticismo e Criticismo
 

Destaque

Tutorial slide share
Tutorial slide shareTutorial slide share
Tutorial slide share
Erica Frau
 
6 idealismo dialetico hegel slide
6 idealismo dialetico hegel slide6 idealismo dialetico hegel slide
6 idealismo dialetico hegel slide
Erica Frau
 
Senso comum e conhecimento científico
Senso comum e conhecimento científicoSenso comum e conhecimento científico
Senso comum e conhecimento científico
Maira Conde
 

Destaque (20)

7 Galileu Galilei
7 Galileu Galilei7 Galileu Galilei
7 Galileu Galilei
 
Mitos do esporte
Mitos do esporteMitos do esporte
Mitos do esporte
 
2 teoria do conhecimento
2 teoria do conhecimento 2 teoria do conhecimento
2 teoria do conhecimento
 
6 metodo cientifico
6 metodo cientifico 6 metodo cientifico
6 metodo cientifico
 
Tutorial slide share
Tutorial slide shareTutorial slide share
Tutorial slide share
 
Alegoria da Caverna 15
Alegoria da Caverna 15Alegoria da Caverna 15
Alegoria da Caverna 15
 
Alegoria da Caverna 22
Alegoria da Caverna 22Alegoria da Caverna 22
Alegoria da Caverna 22
 
6 idealismo dialetico hegel slide
6 idealismo dialetico hegel slide6 idealismo dialetico hegel slide
6 idealismo dialetico hegel slide
 
As mulheres e a filosofia
As mulheres e a filosofiaAs mulheres e a filosofia
As mulheres e a filosofia
 
6 liberdade e autonomia
6 liberdade e autonomia 6 liberdade e autonomia
6 liberdade e autonomia
 
4 Hume
4 Hume 4 Hume
4 Hume
 
5 construção do sujeito moral
5 construção do sujeito moral 5 construção do sujeito moral
5 construção do sujeito moral
 
7 cidadania publico e privado
7 cidadania publico e privado 7 cidadania publico e privado
7 cidadania publico e privado
 
Senso comum e conhecimento científico
Senso comum e conhecimento científicoSenso comum e conhecimento científico
Senso comum e conhecimento científico
 
3 ética em aristóteles
3 ética em aristóteles3 ética em aristóteles
3 ética em aristóteles
 
2 ética
2 ética2 ética
2 ética
 
4 relacao entre moral e politica
4 relacao entre moral e politica4 relacao entre moral e politica
4 relacao entre moral e politica
 
Lateralidade cerebral
Lateralidade cerebralLateralidade cerebral
Lateralidade cerebral
 
Paisagens geológicas
Paisagens geológicasPaisagens geológicas
Paisagens geológicas
 
Datação da terra
Datação da terraDatação da terra
Datação da terra
 

Semelhante a 5 filosofia e ciencia

Filosofia 2º bimestre -1ª série - o conhecimento
Filosofia   2º bimestre -1ª série - o conhecimentoFilosofia   2º bimestre -1ª série - o conhecimento
Filosofia 2º bimestre -1ª série - o conhecimento
mtolentino1507
 
Introdução a Filosofia. Aula Introdutória sobre a origem da Filosofia e seus ...
Introdução a Filosofia. Aula Introdutória sobre a origem da Filosofia e seus ...Introdução a Filosofia. Aula Introdutória sobre a origem da Filosofia e seus ...
Introdução a Filosofia. Aula Introdutória sobre a origem da Filosofia e seus ...
Wagner Stefani
 

Semelhante a 5 filosofia e ciencia (20)

Apostila do projeto integrador i
Apostila do projeto integrador iApostila do projeto integrador i
Apostila do projeto integrador i
 
Filosofia 2º bimestre -1ª série - o conhecimento
Filosofia   2º bimestre -1ª série - o conhecimentoFilosofia   2º bimestre -1ª série - o conhecimento
Filosofia 2º bimestre -1ª série - o conhecimento
 
Consciencia (1)
Consciencia (1)Consciencia (1)
Consciencia (1)
 
Alberto Nhatirre
Alberto NhatirreAlberto Nhatirre
Alberto Nhatirre
 
Socio 23 mp
Socio 23 mpSocio 23 mp
Socio 23 mp
 
Alberto antonio nhatirre, turma r9, numero 01
Alberto antonio nhatirre, turma r9, numero 01Alberto antonio nhatirre, turma r9, numero 01
Alberto antonio nhatirre, turma r9, numero 01
 
Aula 1.pptx
Aula 1.pptxAula 1.pptx
Aula 1.pptx
 
Introdução a Filosofia. Aula Introdutória sobre a origem da Filosofia e seus ...
Introdução a Filosofia. Aula Introdutória sobre a origem da Filosofia e seus ...Introdução a Filosofia. Aula Introdutória sobre a origem da Filosofia e seus ...
Introdução a Filosofia. Aula Introdutória sobre a origem da Filosofia e seus ...
 
Taílson 24 tp
Taílson 24 tpTaílson 24 tp
Taílson 24 tp
 
teoriaepratica-SEVERINO
teoriaepratica-SEVERINOteoriaepratica-SEVERINO
teoriaepratica-SEVERINO
 
Iluminismo (1) duda 22 mp
Iluminismo (1) duda 22 mpIluminismo (1) duda 22 mp
Iluminismo (1) duda 22 mp
 
Fundamentos das Ciências Sociais
Fundamentos das Ciências SociaisFundamentos das Ciências Sociais
Fundamentos das Ciências Sociais
 
1ª unidade de Filosofia
1ª unidade de Filosofia1ª unidade de Filosofia
1ª unidade de Filosofia
 
Epist 3
Epist 3Epist 3
Epist 3
 
O conhecimento filosófico
O conhecimento filosóficoO conhecimento filosófico
O conhecimento filosófico
 
Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1Aula - Introdução à Psicologia 1
Aula - Introdução à Psicologia 1
 
2º anos (Filosofia) Consciência
2º anos (Filosofia) Consciência2º anos (Filosofia) Consciência
2º anos (Filosofia) Consciência
 
Metodologia científica
Metodologia científica Metodologia científica
Metodologia científica
 
Metodologia científica - Conceitos Básicos
Metodologia científica - Conceitos BásicosMetodologia científica - Conceitos Básicos
Metodologia científica - Conceitos Básicos
 
Metodologia científica - Conceitos Básicos
Metodologia científica - Conceitos BásicosMetodologia científica - Conceitos Básicos
Metodologia científica - Conceitos Básicos
 

Mais de Erica Frau (16)

7 positivismo comte slide
7 positivismo comte slide7 positivismo comte slide
7 positivismo comte slide
 
5 criticismo kantiano slide
5 criticismo kantiano slide5 criticismo kantiano slide
5 criticismo kantiano slide
 
3 Filosofia mito e religiao
3 Filosofia mito e religiao 3 Filosofia mito e religiao
3 Filosofia mito e religiao
 
2 o que é filosofia
2 o que é filosofia2 o que é filosofia
2 o que é filosofia
 
1 - Ética
1 - Ética1 - Ética
1 - Ética
 
1 teoria do conhecimento
1 teoria do conhecimento1 teoria do conhecimento
1 teoria do conhecimento
 
1 - O que é filosofia?
1 - O que é filosofia?1 - O que é filosofia?
1 - O que é filosofia?
 
Drummond
DrummondDrummond
Drummond
 
Plano de ensino 2
Plano de ensino 2Plano de ensino 2
Plano de ensino 2
 
Plano de ensino
Plano de ensinoPlano de ensino
Plano de ensino
 
Slides da Orientação técnica filosofia
Slides da Orientação técnica filosofiaSlides da Orientação técnica filosofia
Slides da Orientação técnica filosofia
 
Situações de Aprendizagens
Situações de AprendizagensSituações de Aprendizagens
Situações de Aprendizagens
 
Ok minha escola na câmara de vereadores – eu final
Ok minha escola na câmara de vereadores – eu finalOk minha escola na câmara de vereadores – eu final
Ok minha escola na câmara de vereadores – eu final
 
Teatro p
Teatro pTeatro p
Teatro p
 
Orientações e estrutura da sa marco aurelio
Orientações e estrutura da sa marco aurelioOrientações e estrutura da sa marco aurelio
Orientações e estrutura da sa marco aurelio
 
Produção de minidocumentários 1
Produção de minidocumentários 1Produção de minidocumentários 1
Produção de minidocumentários 1
 

Último

atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
WelitaDiaz1
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
azulassessoria9
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
GisellySobral
 

Último (20)

Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São PauloCurrículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
Currículo Professor Pablo Ortellado - Universidade de São Paulo
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVASAPRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
APRENDA COMO USAR CONJUNÇÕES COORDENATIVAS
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º anoNós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
Nós Propomos! Sertã 2024 - Geografia C - 12º ano
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )Atividades adaptada de matemática (Adição pop )
Atividades adaptada de matemática (Adição pop )
 
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docProjeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
[2.3.3] 100%_CN7_CAP_[FichaAvaliacao3].docx
 

5 filosofia e ciencia

  • 3. O QUE É O CIÊNCIA ???
  • 4.
  • 5. • A ciência é uma das formas de conhecimento que o homem produziu no transcurso de sua história, com o intuito de entender e explicar racional e objetivamente o mundo para nele poder intervir. • A ciência moderna propriamente dita surgiu com Galileu e Descartes no século XVII, embora tenha sido uma atividade iniciada na Antiguidade Grega e se transformado em uma prática constante com a finalidade de afastar crenças e comportamentos supersticiosos, eliminar a ignorância e fundamentar racionalmente as normas de conduta e os costumes herdados.
  • 6. A ciência visa ao domínio e controle prático da natureza. É um conhecimento sistemático e seguro de um conjunto de fenômenos que ocorrem de maneira regular e uniforme, segundo padrões invariáveis de relações causais, expresso em leis e teorias gerais, com o objetivo de tornar o mundo inteligível. Ver exemplos no site: http://pt.wikihow.com/Cond uzir-um-Experimento- Cient%C3%ADfico
  • 7. • Você pôde observar até agora que o homem utiliza o senso comum para guiá-lo no seu dia a dia e auxiliá-lo na resolução de problemas e dificuldades. Além disso, o senso comum muitas vezes serve de ponto de partida para as observações realizadas pelo cientista. • O conhecimento filosófico, por sua vez, substitui os mitos e as crenças religiosas na tentativa de conhecer e compreender o mundo e os seres que nele habitam e, ao lado do senso comum e da ciência, se apresenta como uma das formas possíveis de entendimento da realidade desconhecida e enigmática.
  • 8. A ciência se utiliza de uma metodologia específica para dar respostas imediatas e soluções específicas para situações problema que se apresentam ao cientista e despertam sua curiosidade e o incitam a desenvolver suas pesquisas. ESSE É O CAMINHO PARA O MÉTODO CIENTÍFICO...
  • 9. • A filosofia, por sua vez, não busca soluções nem tem por finalidade a apresentação de respostas. Buscando um sentido para as diversas experiências humanas, procurando dar um significado inteligível ao real que cerca todo e qualquer ser no mundo, a filosofia se caracteriza por um constante indagar, questionar, perguntar, cujas respostas se tornam objeto de novas indagações e questionamentos. Daí a falsa impressão causada no homem comum de que a filosofia não serve para nada, uma vez que nada explica em caráter final e definitivo.
  • 10. Existe um dito popular que se refere à filosofia da seguinte maneira: “A filosofia é a ciência que com a qual ou sem a qual o mundo continua tal e qual” Normalmente, ele é usado para expressar a posição daquelas pessoas que não atribuem à filosofia valor algum. A filosofia lhes é indiferente e, em alguns casos, dispensável tanto como ramo do saber quanto como disciplina acadêmica.
  • 11. • A filosofia se caracteriza por ser uma busca incessante do sentido último das coisas, um saber universal acerca das questões fundamentais. • Tem como finalidade compreender o significado da existência humana em seus diferentes aspectos, bem como as relações entre o homem, Deus e o mundo.
  • 12. A filosofia é, pois, uma atitude crítica e racional que o ser humano assume no enfrentamento da realidade que o cerca, tendo em vista não necessariamente a posse de um saber sobre a realidade, mas sim, uma permanente postura de indagação e reflexão, capaz de gerar um saber que possa ser revertido em favor de um conhecimento e compreensão cada vez mais profundos e, portanto, radicais da natureza das coisas, da natureza divina e, em especial da natureza humana.
  • 13. • A revolução científica iniciada por Galileu no século XVII determinou a separação entre filosofia e ciência. • Embora ambas possam ser classificadas como saber sistemático, crítico e rigoroso do real, apresentam propósitos, finalidades e procedimentos essencialmente diferentes. • Enquanto ciência tem como objeto de estudo campos de limitados saber – daí a existência de diversas ciências particulares, como a física, a química, a biologia, a sociologia, a psicologia, entre outras –, a filosofia se ocupa de todo e qualquer objeto em geral.