Slides capacitaçao inicial 2010 circuito campeao

11.550 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11.550
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
96
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slides capacitaçao inicial 2010 circuito campeao

  1. 1. DESENVOLVENDO O POTENCIAL DAS NOVAS GERAÇÕES CIRCUITO CAMPEÃO 2010 Programa Circuito Campeão
  2. 2. ACOLHIDA Programa Circuito Campeão
  3. 3. Programa Circuito Campeão <ul><li>APRESENTAÇÃO DOS PARTICIPANTES </li></ul>
  4. 4. COMBINADOS Programa Circuito Campeão
  5. 5. <ul><li>AGENDA </li></ul>Programa Circuito Campeão
  6. 6. <ul><li>1º DIA </li></ul><ul><li>Acolhida </li></ul><ul><li>Combinados </li></ul><ul><li>Apresentação do Programa Circuito Campeão </li></ul><ul><li>Auto-estima dos profissionais </li></ul><ul><li>Situação educacional </li></ul><ul><li>Política educacional </li></ul><ul><li>Resultados 2009 </li></ul><ul><li>Desafios a vencer (alcance de metas) </li></ul><ul><li>Análise da Realidade </li></ul><ul><li>Hábitos de leitura </li></ul><ul><li>Lendo e formando leitores </li></ul><ul><li>Relação professor-aluno </li></ul><ul><li>(Texto: Alfabetização e Letramento Vídeo: O que é Letramento) </li></ul>Programa Circuito Campeão
  7. 7. <ul><li>2º DIA </li></ul><ul><li>Acolhida </li></ul><ul><li>Correção da lição de casa </li></ul><ul><li>Leitura e produção de texto </li></ul><ul><li>O ensino de estratégias de leitura </li></ul><ul><li>Escrita e produção de textos </li></ul><ul><li>Oficina </li></ul><ul><li>Alfabetização no 1º e 2º ano </li></ul><ul><li>Avaliação: IAS/DESCRITORES/CRITEROS DE CORREÇAO </li></ul><ul><li>Recuperação </li></ul><ul><li>Foco IAS </li></ul><ul><li>Planejamento </li></ul><ul><li>Gestão </li></ul><ul><li>Papel do coordenador </li></ul><ul><li>Avaliação da Capacitação </li></ul><ul><li>Encerramento </li></ul>Programa Circuito Campeão
  8. 8. <ul><ul><ul><ul><li>APRESENTAÇÃO DO PROGRAMA CIRCUITO CAMPEÃO </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>VÍDEO: COM VIVIANE SENNA </li></ul></ul></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  9. 9. Capacitação de Veteranos 2010 <ul><li>AUTO-ESTIMA DOS PROFISSIONAIS </li></ul>Alcancei Sucesso Porquê?
  10. 10. <ul><ul><ul><ul><li>SITUAÇÃO </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>EDUCACIONAL </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>LOCAL </li></ul></ul></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  11. 11. Distorção Idade Série 1º ao 5º Ano EF – 2004 a 2009 – Rede Estadual Distorção Idade Série 1º ao 5º Ano EF – 2004 a 2009 – Rede Estadual Programa Circuito Campeão
  12. 12. Distorção Idade Série 1º ao 5º Ano EF – 2004 a 2008 – Rede Municipal – Municípios Aderidos Programa Circuito Campeão
  13. 13. Dados Rede Estadual - 2009 Programa Circuito Campeão
  14. 14. Dados Rede Municipal - 2009 Programa Circuito Campeão
  15. 15. <ul><li>DESAFIOS DO BRASIL </li></ul>Garantir a presença do aluno até a conclusão do EF Garantir a eficácia do sistema educacional Atingir a média 6.0 na escala do IDEB até o ano 2021 Programa Circuito Campeão 5.9 4,5 4,0 4,2 TOCANTINS 2021 2011 2009 PROJEÇÃO 2007 IDEB
  16. 16. Programa Circuito Campeão PDE- Compromisso - Todos pela Educação <ul><li>META 1 – Toda criança e jovem de 4 a 17 anos estará na escola. </li></ul><ul><li>Até 2022, 98% das crianças e jovens de 4 a 17 anos estarão na escola. </li></ul><ul><li>META 2 – Até 2010, 80% e, até 2022, 100% das crianças de 8 anos de idade estarão plenamente alfabetizadas. </li></ul><ul><li>META 3 – Todo aluno aprenderá o que é apropriado para a sua série. </li></ul><ul><li>Até 2022, 70% dos alunos aprenderão o que é apropriado para a sua série. </li></ul><ul><li>META 4 – Todo aluno concluirá o Ensino Fundamental até os 16 anos de idade e o Ensino Médio até os 19 anos. </li></ul><ul><li>Até 2022, 95% dos alunos vão concluir o Ensino Fundamental até os 16 anos de idade e 90% o Ensino Médio até os 19 anos. </li></ul><ul><li>META 5 – O investimento em educação deve ser ampliado e gerido de forma eficiente e ética. </li></ul><ul><li>Até 2010, mantendo até 2022, o investimento público na Educação Básica será o equivalente a 5% do PIB. </li></ul>
  17. 17. <ul><li>POLÍTICA EDUCACIONAL </li></ul><ul><li>PARCERIA ESTADO/MUNICÍPIO/IAS </li></ul>Programa Circuito Campeão
  18. 18. Programa Circuito Campeão
  19. 19. Programa Circuito Campeão <ul><li>Coordenador Pedagógico </li></ul><ul><li>Articular as várias instâncias para alcance dos resultados </li></ul><ul><li>Gerenciar os projetos a partir dos indicadores de sucesso </li></ul><ul><li>Garantir a inserção no SIASI e a constante atualização dos dados </li></ul><ul><li>Atuar rapidamente para superar os entraves detectados </li></ul><ul><li>Motivar os vários atores responsáveis pelo sucesso </li></ul>
  20. 20. Programa Circuito Campeão
  21. 21. EIXOS DAS AÇÕES POLÍTICO PEDAGÓGICO GERENCIAL Programa Circuito Campeão
  22. 22. EIXO POLÍTICO DECISÃO DO GOVERNANTE  POLÍTICAS PÚBLICAS  SECRETARIA DE EDUCAÇÃO  DETERMINAÇÕES LEGAIS  PLANO DE ATENDIMENTO Programa Circuito Campeão
  23. 23. ALUNO AVALIAÇÃO DA APRENDIZAGEM DESENVOLVIMENTO DE HABILIDADES MATERIAIS PEDAGÓGICOS ESPECÍFICOS APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA AMBIENTE DE APRENDIZAGEM APOIO AO PROFESSOR Relação professor-aluno AUTO - ESTIMA EIXO PEDAGÓGICO Programa Circuito Campeão
  24. 24. <ul><li>MATERIAIS PEDAGÓGICOS </li></ul><ul><li>LIVROS DE LITERATURA EM TODAS AS TURMAS: </li></ul><ul><ul><li>30 TÍTULOS NO 1º ANO </li></ul></ul><ul><ul><li>35 TÍTULOS DO 2º AO 5º ANO </li></ul></ul><ul><li>1º ANO: </li></ul><ul><ul><li>CONJUNTOS DE ALFABETO MÓVEL </li></ul></ul><ul><ul><li>CONJUNTOS NUMÉRICOS </li></ul></ul><ul><li>2º E 3º ANO: </li></ul><ul><ul><li>CONJUNTOS DE ALFABETO MÓVEL </li></ul></ul><ul><ul><li>CONJUNTOS DE MATERIAL DOURADO </li></ul></ul>Programa Circuito Campeão EIXO PEDAGÓGICO
  25. 25. <ul><li>SISTEMA INFORMATIZADO DE INFORMAÇÕES </li></ul><ul><li>GERENCIAMENTO QUANTITATIVO E QUALITATIVO DE INDICADORES DE SUCESSO </li></ul><ul><li>EQUIPES INTRA E EXTRA ESCOLARES CAPACITADAS E CO-RESPONSABILIZADAS PELOS RESULTADOS </li></ul><ul><li>ANÁLISES SISTEMÁTICAS DE RESULTADOS PARA A TOMADA DE DECISÕES </li></ul>Programa Circuito Campeão EIXO GERENCIAL
  26. 26. <ul><li>INDICADORES ACOMPANHADOS </li></ul><ul><li>Dias letivos previstos e dados </li></ul><ul><li>Freqüência de alunos e professores </li></ul><ul><li>Visitas de coordenadores pedagógicos </li></ul><ul><li>Reuniões de professores </li></ul><ul><li>Livros lidos </li></ul><ul><li>Para casa </li></ul><ul><li>Desenvolvimento em leitura e escrita </li></ul>Programa Circuito Campeão
  27. 27. Programa Circuito Campeão METAS INDICADORES 95% ALFABETIZAÇÃO NA 1ª SÉRIE 98% FREQÜÊNCIA DE ALUNO 2% REPROVAÇÃO POR FALTA 98% FREQÜÊNCIA DE PROFESSOR 5% de distorção idade/série CORREÇÃO DE FLUXO 95% ÍNDICE DE APROVAÇÃO 200 dias/800 horas DIAS LETIVOS/HORAS AULA
  28. 28. PROFESSOR / DIRETOR SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO PREFEITO / GOVERNADOR SUPERVISOR COORDENADOR PEDAGÓGICO COORDENADORES REGIONAIS E MUNICIPAIS DOS PROGRAMAS ALUNO Programa Acelera Brasil - 2010
  29. 29. <ul><ul><ul><li>RESULTADOS </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>2009 </li></ul></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  30. 30. Programa Circuito Campeão
  31. 31. Programa Circuito Campeão
  32. 32. FONTE:PES/SEDUC
  33. 34. Programa Circuito Campeão <ul><li>DESAFIOS PARA O ALCANCE DAS METAS EM 2010 </li></ul>1 - Relacionar por escola os alunos do 2º ano que foram aprovados sem serem alfabetizados e dá um reforço diferenciado para que todos tenham sucesso no 3º ano. 2 - Conscientizar os professores destas turmas sobre a situação destes alunos e o compromisso de alfabetizá- los no corrente ano. 3 - Coordenadores: fazer um teste diagnóstico com os alunos dos anos subseqüentes para detectar alunos que ainda não sabem ler para enviar para o Se Liga ou e sugerir trabalhos diversificados. 4 - Coordenador: fazer um levantamento dos alunos do 3º ao 5º ano que ainda não sabem ler e conscientizar toda escola neste sentido e propor aos docentes alternativa de solução. A direção deverá ter esta ficha de fácil acesso e acompanhar o progresso do aluno durante todo ano. 5- Trazer no 1º Encontro as providências e soluções neste sentido.
  34. 35. Capacitação Veteranos - 2010 <ul><li>Análise da Realidade </li></ul>
  35. 36. <ul><li>Trabalho em Grupo </li></ul>Capacitação Veteranos - 2010
  36. 37. Capacitação Veteranos - 2010 Capacitação Veteranos - 2010 QUAIS OS ASPECTOS QUE DIFICULTARAM O ALCANCE DE MELHORES RESULTADOS EM 2009? O que já avançou? O que ainda está difícil? Qual o maior desafio?
  37. 38. HÁBITO DE LEITURA Programa Circuito Campeão
  38. 39. LENDO E FORMANDO LEITORES Volume 1 e 2 Autora: Profª. Walda Antunes Programa Circuito Campeão
  39. 40. REVISÃO DO DIA Programa Circuito Campeão
  40. 41. LIÇÃO DE CASA Escolher um livro para ler e socializar no dia seguinte. Programa Circuito Campeão
  41. 42. Programa Circuito Campeão 2º DIA
  42. 43. Programa Circuito Campeão ACOLHIDA
  43. 44. CORREÇÃO DA LIÇÃO DE CASA Texto: Lição de Casa Programa Circuito Campeão
  44. 45. RELAÇÃO PROFESSOR - ALUNO VÍDEO: JONAS E LISA TEXTO: AFETIVIDADE DO MESTRE COM CARINHO Programa Circuito Campeão
  45. 46. Programa Circuito Campeão <ul><li>REFLETIR SOBRE A IMPORTÂNCIA DE ALFABETIZAR LETRANDO </li></ul>Vídeo: O que é letramento? Texto: Alfabetização e Letramento/ Alfabetizar e Letrar com Gêneros Textuais
  46. 47. Programa Circuito Campeão TEXTO RECEBIMENTO DOS ALUNOS
  47. 48. <ul><li>A CONTRIBUIÇÃO DA LEITURA PARA A FORMAÇÃO DO ALUNO ESCRITOR: </li></ul><ul><li>Além de textos lidos por ele mesmo, o aluno deve ouvir textos em diferentes gêneros, lidos em voz alta pelo professor ou outro leitor. </li></ul><ul><li>Este convívio revela as diferenças entre o oral e o escrito e a diversidade de gêneros. </li></ul><ul><li>Ao ler ou ao ouvir, a criança vai internalizando as diferentes estruturas: verso, rima, diálogo, exposição de idéias, narração, etc. </li></ul>Programa Circuito Campeão
  48. 49. <ul><li>Através da audição de histórias lidas pelo professor o aluno percebe as exigências da língua escrita em um texto. </li></ul><ul><li>A leitura em voz alta pelo professor contribui para a ampliação do vocabulário e do repertório de idéias dos alunos. Quando forem produzir textos, poderão redigir textos mais criativos com emprego de novas palavras. Ninguém cria nada, a partir do nada. </li></ul><ul><li>Quando o professor lê histórias em voz alta favorece a observação dos alunos quanto à construção temporal e causal de uma narrativa. </li></ul>Programa Circuito Campeão
  49. 50. <ul><li>As histórias provocam atividade mental intensa e quando a criança ouve, interage fazendo antecipações, levantando hipóteses, realizando inferências, habilidades importantes para a alfabetização e para a compreensão de textos mais complexos, mesmo em séries mais avançadas. </li></ul><ul><li>As histórias lidas ou ouvidas podem ser reescritas. O texto reescrito pode ser comparado ao texto-modelo quanto à conservação, alteração, perda ou acréscimo de elementos. </li></ul><ul><li>O clima da sala de aula necessita ser de segurança psicológica e de tolerância dos educadores em relação ao percurso individual de cada aluno. </li></ul>Programa Circuito Campeão
  50. 51. Programa Circuito Campeão <ul><li>LEITURA E </li></ul><ul><li>PRODUÇÃO DE TEXTO </li></ul>
  51. 52. <ul><li>PRODUÇÃO DE TEXTO COLETIVO TENDO O PROFESSOR COMO ESCRIBA </li></ul><ul><li>OBJETIVOS </li></ul><ul><ul><li>REVELAR AS TAREFAS E AS DIFICULDADES ENFRENTADAS PELO ESCRITOR; </li></ul></ul><ul><ul><li>ENSINAR COMO SE PRODUZ UM TEXTO. </li></ul></ul><ul><li>PRINCÍPIO BÁSICO </li></ul><ul><ul><li>O TEMA DEVE SER DE CONHECIMENTO DE TODOS. </li></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  52. 53. <ul><li>REQUISITOS PARA O PROFESSOR </li></ul><ul><li>A) CONHECIMENTO DA LÍNGUA PORTUGUESA : </li></ul><ul><ul><li>conceito de texto, conhecimento dos diferentes gêneros textuais, ortografia, regras de acentuação e pontuação. </li></ul></ul><ul><li>B) GESTÃO DA CLASSE : </li></ul><ul><ul><li>regras de participação dos alunos, escolha do tema, convite à participação de alunos calados, acolhimento de idéias, controle do tempo de fala dos alunos, busca de consensos, tempo de duração da atividade, etc. </li></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  53. 54. <ul><li>C) PRÁTICA METODOLÓGICA : </li></ul><ul><li>Variar os tipos de textos na produção coletiva: narrativo, epistolar, instrucional, informativo, descritivo, publicitários, entrevistas, etc.; </li></ul><ul><li>O título do texto pode ser definido antes ou ao final da produção de texto; Produzir títulos interessantes, afirmativos, interrogativos ou negativos, que não se limitem em artigo e substantivo (Ex: O coelho); </li></ul><ul><li>Assegurar a escrita de idéias dentro do tema proposto; </li></ul><ul><li>Reler o texto em voz alta, várias vezes durante a produção; </li></ul>Programa Circuito Campeão
  54. 55. <ul><li>Acrescentar e retirar palavras; </li></ul><ul><li>Registrar as idéias dos alunos sem expressões da oralidade (né, então, daí, etc.) que devem ser substituídas na escrita, por pontuação e/ou parágrafos; explicar a diferença da linguagem oral e escrita; </li></ul><ul><li>Substituir palavras por sinônimos, nomes por pronomes, para evitar a repetição; </li></ul><ul><li>Consultar dicionário ou gramática diante dos alunos, em casos de dúvidas, para servir como modelo; </li></ul><ul><li>Retomar o texto em outro dia para releitura, aprimoramento e passar a limpo. </li></ul>Programa Circuito Campeão
  55. 56. Programa Circuito Campeão TEXTO ENSINO DAS ESTRATÉGIAS DE LEITURA
  56. 57. Programa Circuito Campeão ORGANIZAÇÃO DOS GRUPOS
  57. 58. Programa Circuito Campeão PLENÁRIA
  58. 59. Programa Circuito Campeão ESCRITA E PRODUÇÃO DE TEXTO
  59. 60. Programa Circuito Campeão TEXTO FRASE E TEXTO
  60. 61. <ul><li>PRODUÇÃO DE TEXTOS </li></ul><ul><ul><li>COLETIVO </li></ul></ul><ul><ul><li>EM DUPLAS </li></ul></ul><ul><ul><li>INDIVIDUAL </li></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  61. 62. <ul><li>PRODUÇÃO DE TEXTO COLETIVO </li></ul><ul><li>O professor ensina, dentre outros: </li></ul><ul><ul><li>As características textuais de cada gênero literário; </li></ul></ul><ul><ul><li>As diferenças existentes entre a oralidade e a escrita; </li></ul></ul><ul><ul><li>O encadeamento de idéias dentro do tema; </li></ul></ul><ul><ul><li>A organização de idéias em uma sequência lógica; </li></ul></ul><ul><ul><li>Questões gramaticais: parágrafo, pontuação,concordância,etc. </li></ul></ul><ul><ul><li>A escrita ortográfica </li></ul></ul><ul><ul><li>As tarefas do escritor </li></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  62. 63. <ul><li>PRODUÇÃO DE TEXTO EM DUPLAS DE ALUNOS </li></ul><ul><ul><li>Os alunos contam com apoio de um colega para resolução de suas dúvidas imediatas; </li></ul></ul><ul><ul><li>As decisões são tomadas a partir do compartilhamento de idéias entre eles; </li></ul></ul><ul><ul><li>As idéias são ampliadas e as responsabilidades são divididas porque o trabalho é realizado em parceria; </li></ul></ul><ul><ul><li>Os alunos podem desempenhar papéis distintos: um deles pode ser o autor das idéias enquanto o outro pode ser o escriba. </li></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  63. 64. <ul><li>PRODUÇÃO DE TEXTO INDIVIDUAL </li></ul><ul><ul><li>O aluno escreve de forma autônoma a partir do que aprendeu sobre a Produção de textos. (no coletivo, em duplas e na audição de leituras em voz alta pelo professor) </li></ul></ul>Programa Circuito Campeão
  64. 65. <ul><li>NA ESCRITA DE TEXTOS NARRATIVOS </li></ul><ul><li>Sugerir a atribuição de nomes e qualificação de personagens; </li></ul><ul><li>Sugerir a descrição dos cenários; </li></ul><ul><li>Levantar perguntas durante a escrita do texto, que contribuam para o encadeamento lógico das idéias: Porque ele fez isto? Quando isto aconteceu? O que aconteceu depois? Como terminou? </li></ul>Programa Circuito Campeão
  65. 66. <ul><li>Sugerir o emprego de expressões que marquem temporalidade: mais tarde, tempos depois, depois, no outro dia, minutos antes, etc.; </li></ul><ul><li>Sugerir o emprego de conectivos de causalidade: porque, devido a, em razão de, etc. </li></ul><ul><li>Assegurar o encadeamento de idéias: começo, meio e fim. </li></ul>Programa Circuito Campeão
  66. 67. Capacitação Veteranos - 2010 Oficina Articular as competências, habilidades e conteúdos possíveis, a partir dos eixos básicos orientadores que podem ser desenvolvidos, interdisciplinarmente, através dos gêneros textuais: convite e bilhete
  67. 68. Programa Circuito Campeão ALFABETIZAÇÃO 1º E 2º ANO
  68. 69. Programa Circuito Campeão TEXTO ALFABETIZAÇÃO
  69. 70. Capacitação Veteranos - 2010 <ul><li>Análise de resultados/2009 -Descritores </li></ul><ul><li>Análise e critérios de correção </li></ul>AVALIAÇÃO IAS
  70. 71. Capacitação - 2010 Vídeo: Avaliação da Aprendizagem
  71. 72. <ul><li>Concepção de Avaliação dos Participantes </li></ul><ul><li>Avaliar é... </li></ul><ul><li>Avaliar para... </li></ul>Capacitação Veteranos - 2010
  72. 73. IAS E DA SALA DE AULA Prova: avaliação dos conhecimentos e habilidades dos alunos a partir de uma amostra dos temas desenvolvidos em aula – Matriz de Habilidades Modelo: a avaliação do aluno é baseada nos acertos e erros dos itens na prova FCC FUNDAÇÃO CARLOS CHARGAS Prova: avaliação dos conhecimentos e habilidades dos alunos a partir de uma amostra dos temas desenvolvidos em aula – Matriz de Habilidades. Modelo: a avaliação do aluno é efetuada pela relação entre a probabilidade de um aluno responder corretamente um item e sua habilidade. AVALIAÇÃO - DIFERENÇAS Programa Circuito Campeão
  73. 74. <ul><li>IAS E DA SALA DE AULA </li></ul><ul><li>Análise do processo </li></ul><ul><li>Orienta a correção de rota </li></ul><ul><li>Censitária </li></ul><ul><li>Instrumentos disponibilizados ao Professor ou elaborados por ele mesmo. </li></ul><ul><li>FCC </li></ul><ul><li>Análise do resultado final </li></ul><ul><li>Orienta prioridades do Programa </li></ul><ul><li>Por amostragem </li></ul><ul><li>Instrumentos indisponibilizados ao Professor </li></ul>Programa Circuito Campeão AVALIAÇÃO CARACTERÍSTICAS
  74. 75. <ul><li>IAS </li></ul><ul><li>Diagnosticar durante o processo, a aprendizagem dos alunos a partir das Matrizes de Habilidades; </li></ul><ul><li>Orientar a tomada de decisão das equipes, a partir dos resultados. </li></ul><ul><li>FCC </li></ul><ul><li>Conhecer os problemas e deficiências dos Programas para orientar as prioridades da política educacional. </li></ul>Programa Circuito Campeão AVALIAÇÕES: OBJETIVOS GERAIS
  75. 76. <ul><li>OBJETIVOS ESPECÍFICOS DA AVALIAÇÃO EXTERNA </li></ul><ul><li>FUNDAÇÃO CARLOS CHAGAS </li></ul><ul><li>Aferir o desempenho dos alunos nas áreas de leitura e escrita; </li></ul><ul><li>Estabelecer padrões educacionais – IAS - para facilitar o processo de avaliação; </li></ul><ul><li>Criar escala que possibilite comparações entre avaliações de diferentes Sistemas de Ensino e com as avaliações nacionais; </li></ul><ul><li>Difundir os resultados das avaliações. </li></ul>Programa Circuito Campeão
  76. 77. <ul><li>AS DUAS AVALIAÇÕES IAS </li></ul><ul><li>Serão realizadas duas avaliações durante o ano, em LP e MAT com descritores extraídos das Matrizes de Habilidades. </li></ul><ul><li>Período de realização: entre o 65º - 75º e 125º - 135º dia letivo do ano. </li></ul><ul><li>Aplicadas, corrigidas e consolidadas pelo professor da turma. </li></ul><ul><li>O Professor tem o prazo máximo de cinco dias úteis para a correção e entrega de resultados (LP e MAT) ao Coordenador Pedagógico. </li></ul><ul><li>O CP de cada escola tem o prazo máximo de três dias para a consolidação de resultados da escola, por série acompanhada, e entrega ao Diretor e ao Coordenador. </li></ul><ul><li>O CP deve agilizar providências a partir dos resultados de sua escola. </li></ul>Programa Circuito Campeão
  77. 78. <ul><li>OBJETIVOS ESPECÍFICOS DAS AVALIAÇÕES – IAS </li></ul><ul><li>Vídeo: Avaliação da aprendizagem </li></ul><ul><li>Restabelecer o compromisso com o sucesso de todos os alunos; </li></ul><ul><li>Diagnosticar entraves na aprendizagem; </li></ul><ul><li>Estimular um processo reflexivo e de auto-crítica por todos os profissionais envolvidos, a partir dos resultados; </li></ul><ul><li>Direcionar o replanejamento durante o processo; </li></ul><ul><li>Provocar a melhoria da gestão do ensino e da aprendizagem dos alunos; </li></ul><ul><li>Ampliar a compreensão dos professores acerca das matrizes de habilidades. </li></ul>Programa Circuito Campeão
  78. 79. <ul><li>REALIDADE METAS </li></ul><ul><li>GERENCIAMENTO DA APRENDIZAGEM VIA </li></ul><ul><li>SIASI: DADOS QUANTITATIVOS </li></ul><ul><li>DADOS QUALITATIVOS </li></ul><ul><li>PROVAS </li></ul>AVALIAÇÕES Programa Circuito Campeão
  79. 80. METAS REALIDADE Programa Circuito Campeão
  80. 81. Internacional Sala de aula Escola FCC – IAS - Sistema Nacional Internacional Programa Circuito Campeão
  81. 82. “ O professor não é o dono de sua sala, mas alguém que responde, com o conjunto da escola, pela alfabetização e aprendizagem de suas crianças” Sec. Est. Ed. Minas Gerais/2003 Programa Circuito Campeão
  82. 83. Programa Circuito Campeão RECUPERAÇÃO
  83. 84. <ul><li>O RESULTADO DAS AVALIAÇÕES APONTAM AS NECESSIDADES DE CADA ALUNO, POR HABILIDADES </li></ul>Programa Circuito Campeão
  84. 85. RECUPERAÇÃO a)Atividades diferentes a partir da mesma proposta b)Atividades diferentes com propostas diferentes, dentro da mesma área c)Atividades diferentes, com propostas diferentes em mais de uma área Programa Circuito Campeão
  85. 86. Programa Circuito Campeão PLANEJAMENTO
  86. 87. META PLANEJAMENTO FLUXO DAS AULAS RESULTADOS DAS AVALIAÇÕES ACOMPANHAMENTO MENSAL EM LEITURA E ESCRITA INDICADORES DE CADA ALUNO DA TURMA DA PRÁTICA DOCENTE PARA CASA FREQÜÊNCIA MATRIZES DE HABILIDADES Programa Circuito Campeão LIVROS LIDOS
  87. 88. PROGRAMA CIRCUITO CAMPEÃO COMO POLÍTICA PÚBLICA DE EDUCAÇÃO GESTÃO DO SISTEMA GESTÃO DA ROTINA DA ESCOLA GESTÃO DO ENSINO GESTÃO DA APRENDIZAGEM Programa Circuito Campeão
  88. 89. <ul><li>GESTÃO DA APRENDIZAGEM </li></ul><ul><li>Observação, registro e análise acerca de: </li></ul><ul><li>Freqüência do aluno </li></ul><ul><li>Lição de casa feita </li></ul><ul><li>Quantidade de livros lidos por aluno </li></ul><ul><li>Situação em leitura e escrita </li></ul><ul><li>O que o aluno sabe, o que não sabe e porque não sabe </li></ul><ul><li>Que tipo de erro comete </li></ul><ul><li>Como se relaciona com o professor e colegas </li></ul><ul><li>Como cada aluno se encontra em relação à média da turma </li></ul><ul><li>......... </li></ul>Programa Circuito Campeão
  89. 90. <ul><li>GESTÃO DO ENSINO </li></ul><ul><li>Planejamento de ações para: </li></ul><ul><li>Assegurar a freqüência dos alunos e a realização da lição de casa </li></ul><ul><li>Adotar e cumprir uma rotina diária de aulas </li></ul><ul><li>Provocar avanços na aprendizagem em geral </li></ul><ul><li>Organizar os espaços, tempos e tarefas </li></ul><ul><li>Melhorar relacionamentos dos alunos entre si e com o professor </li></ul><ul><li>Melhorar a auto-estima dos alunos </li></ul><ul><li>Assegurar a boa gestão de sua classe </li></ul><ul><li>Ouvir e aconselhar familiares </li></ul><ul><li>Atender o previsto no fluxo das aulas </li></ul><ul><li>Assegurar 95% de promoção </li></ul><ul><li>Assegurar 95% de alfabetização de alunos na 1ª série </li></ul><ul><li>Assegurar a média de livros lidos por mês </li></ul><ul><li>Fortalecer sua formação pedagógica </li></ul><ul><li>...... </li></ul>Programa Circuito Campeão
  90. 91. <ul><li>GESTÃO DA ROTINA ESCOLAR </li></ul><ul><li>Planejamento de ações para: </li></ul><ul><li>Cumprimento integral de dias letivos; </li></ul><ul><li>Assegurar a presença diária de professores e alunos; </li></ul><ul><li>Assegurar as visitas do CP às salas de aula – 1ª séries prioritariamente; </li></ul><ul><li>Acompanhar os relatórios dos C.P.s ( de visitas e rel. A); </li></ul><ul><li>Gerenciar mensalmente os indicadores acompanhados e os resultados de avaliação; </li></ul><ul><li>Garantir a realização de Reunião Pedagógica mensal/bimestral cuja pauta seja elaborada a partir das necessidades apontadas pelo gerenciamento da aprendizagem; </li></ul><ul><li>Promover com os docentes o estudo das habilidades das matrizes; </li></ul><ul><li>Favorecer a melhoria de atuação de seus professores e C.P.; </li></ul><ul><li>Responsabilizar as equipes pelos resultados obtidos; </li></ul><ul><li>Estreitar as relações com a família; </li></ul><ul><li>Zelar pelo ambiente escolar quanto a higiene das dependências, conservação de móveis e equipamentos, além do relacionamento humano entre as equipes; </li></ul><ul><li>............ </li></ul>Programa Circuito Campeão
  91. 92. <ul><li>GESTÃO DO SISTEMA </li></ul><ul><li>Divulgar o Programa como política pública da educação; </li></ul><ul><li>Divulgar as metas estabelecidas; </li></ul><ul><li>Lotar as escolas com as equipes docente-técnica-administrativa necessárias; </li></ul><ul><li>Acompanhar e exigir o cumprimento dos calendários escolares; </li></ul><ul><li>Apoiar os diretores no desenvolvimento do Programa e em suas necessidades gerais; </li></ul><ul><li>Assegurar o bom desenvolvimento da formação continuada – FOCO-IAS; </li></ul><ul><li>Gerenciar os resultados mensais do SIASI e adotar providências; </li></ul><ul><li>Responsabilizar os diretores pelos resultados da escola; </li></ul><ul><li>........... </li></ul>Programa Circuito Campeão
  92. 93. O PAPEL DO COORDENADOR PEDAGÓGICO Programa Circuito Campeão
  93. 94. Programa Circuito Campeão “ Ninguém, jamais, consegue tomar banho num mesmo rio duas vezes...isso significa que por mais simples, elementar ou superficial que uma experiência possa nos parecer, sempre é possível aprender-se algo novo com ela. Espero que vocês tenham aprendido algo diferente aqui e que a folha de papel das suas vidas nunca mais sejam as mesmas de quando vocês entraram aqui, no início dessa capacitação. Que saiam modificados para algum aprendizado.”
  94. 95. Auto-estima dos Profissionais e dos Alunos Programa Circuito Campeão
  95. 96. Livro: Eu Tropeço e não desisto Programa Circuito Campeão
  96. 97. Música: Andar com Fé Programa Circuito Campeão
  97. 98. AVALIAÇÃO DA CAPACITAÇÃO Programa Circuito Campeão
  98. 99. BOM TRABALHO E SUCESSO A TODOS Programa Circuito Campeão

×