Aula Logística Empresarial Integrada I

1.309 visualizações

Publicada em

Introdução aos conceitos de Logística e Supply Chain Management.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.309
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
113
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula Logística Empresarial Integrada I

  1. 1. Contato: wilian.gatti@anhembimorumbi.iiillliiiaaannn...gggaaattttttiii@@@aaannnhhheeemmmbbbiiimmmooorrruuummmbbbiii...eeeedddduuuu....bbbbrrrr
  2. 2. Bibliografia Básica • BALLOU, Ronald H. Logística empresarial. São Paulo: Atlas, 2003. • CHRISTOPHER, Martin. Logística e Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos: criando redes que agregam valor. 2ª ed. São Paulo: Cengage Learning, 2009. • MARTINS, Petrônio Garcia. Administração de Materiais e Recursos Patrimoniais. São Paulo, Saraiva, 2006.
  3. 3. Sugestão de Leitura Este livro tem como propósito apresentar os principais conceitos teóricos, ferramentas de apoio e exemplos de empresas líderes na área de logística, distribuição e trade marketing, servindo como referência para a análise de como otimizar a produtividade e a lucratividade das empresas, dos mais variados ramos de atuação, no atual contexto dos negócios. Autores Fernando Saba Arbache, Almir Garnier Santos, Christophe, Montenegro Moreira, Wladimir Ferreira Salles FGV Editora, 2011
  4. 4. Quais são as diferenças?
  5. 5. LOGÍSTICA EMPRESARIAL
  6. 6. Origens • O conceito tem diversas origens. Duas são bem aceitas: do francês (loger) e do grego (logos). • Ao certo, a logística teve seu início como ramo da ciência militar como atividade de abastecimento de tropas.
  7. 7. Campanha de Napoleão na Rússia
  8. 8. 6 de junho de 1944 Dia D
  9. 9. Atividade em Grupo • Produzir uma lista de materiais que serão necessários para uma viagem solo, em um barco a remo, da Namíbia (sudoeste da África) para o Brasil.
  10. 10. Mas, afinal, qual é a importância da Logística
  11. 11. Você sabe o que acontece depois do “click” do mouse?
  12. 12. Conceito de Logística • “Logística é a parte da cadeia de suprimentos que planeja, implementa e controla o fluxo bidirecional (para frente e para trás), eficiente e efetivo, além do armazenamento de mercadorias, serviços e informações a elas relacionadas, do ponto de origem ao ponto de consumo, com o propósito de atender exigências dos clientes.” Council of Supply Chain Management Professional (CSCMP)
  13. 13. Conceito de Logística Processo de Planejar + Operar + Controlar Fluxo + Armazenagem: •Matérias-primas; •Produtos em processo; •Produtos acabados; •Informações Ponto de Origem Ponto de Consumo De forma eficiente e efetiva Satisfazendo as necessidades e preferências dos clientes
  14. 14. EVOLUÇÃO DA LOGÍSTICA
  15. 15. Evolução da logística • Primeira Fase : Atuação Segmentada – pós-guerra, ações de marketing voltadas a família padrão (pai trabalhando, mãe de prendas domésticas e dois filhos em idade escolar); – produtos padronizados (geladeiras brancas, refrigerantes coca-cola, etc); – preocupação logística: estoque.
  16. 16. Evolução da logística • Segunda Fase : Integração Rígida – produtos mais diferenciados; – novos produtos incorporados ao lar: televisão, aparelho de som, forno de microondas, etc; – “poder” na indústria nas mãos da manufatura; – planejamento não é flexível: quase nenhuma condição de ajuste ao longo do tempo; – início da utilização dos computadores; – aumento nos custos de transportes: crise do petróleo; – utilização de formas combinadas de transporte: caminhão, navio, trem e até avião; – preocupação logística: otimização de processos e planejamento.
  17. 17. Evolução da logística • Terceira Fase : Integração Flexível – uso intensivo da informática; – EDI (Eletronic Data Interchange) – Intercâmbio Eletrônico de Dados: informação flui mais rapidamente entre empresas; – código de barras; – busca pelo estoque zero; – preocupação logística: satisfação dos clientes e dos elementos que compõem a cadeia de suprimentos.
  18. 18. Evolução da logística • Quarta Fase : Integração Estratégica (SCM) – a logística como preocupação estratégica; – empresas que compõem a cadeia de suprimento, passam a trabalhar como uma única empresa (empresa virtual); – preocupação com os impactos da logística ao meio ambiente; – logística reversa.
  19. 19. Valores da Logística
  20. 20. Valores da Logística • A logística ganha espaço nas empresas por agregar valor aos produtos e serviços: – valor de Lugar; – valor de Tempo; – valor de Qualidade; – valor de Informação.
  21. 21. Valor de Lugar •O produto só passa a ter valor ao cliente quando colocado no lugar desejado.
  22. 22. Valor de Tempo •A logística dá velocidade as organizações: –custos financeiros exigem prazos mais apertados; –exigências dos consumidores, principalmente em operações de comércio eletrônico.
  23. 23. Valor de Qualidade •A logística deve respeitar a qualidade do produto (manutenção de suas características) do ponto de fabricação ao ponto de consumo.
  24. 24. Valor de Informação •Trabalhando com estoques e prazos apertados, a indústria precisa operar com informações rápidas e precisas para ajustes e eventuais mudanças de rumo.
  25. 25. ... a fronteira final !!!
  26. 26. Supply Chain Management
  27. 27. Definição • Supply Chain Management é a integração dos processos chaves do negócio, desde o usuário final até os fornecedores originais que proporcionam produtos, serviços e informações que agregam valor para o cliente e outros membros envolvidos com a organização (stakeholders).
  28. 28. Fonte: Polini et al. 2009. Planejamento e Gestão Estratégica de Marketing_Danone. FEA USP-RP
  29. 29. FONTE: Almeida, C. M. P. R. de. Modelos de gestão estrat gica de cadeias de organiza é ões: um estudo explorat ó ç rio
  30. 30. Cadeia de Suprimentos Tradicional
  31. 31. Cadeia de Suprimentos Atual
  32. 32. Quais são as características dessas cadeias em relação a: • Objetivo Principal? • Estratégia de Inventário? • Gestão do Lead Time? • Seleção de Fornecedores?
  33. 33. Objetivos de Desempenho
  34. 34. QUALIDADE I
  35. 35. RAPIDEZ IIIIIIII
  36. 36. IIIIIIIIIIII FLEXIBILIDADE
  37. 37. IIIIVVVV CONFIABILIDADE
  38. 38. CUSTO V
  39. 39. Ideia básica “traduzida” Foco da Competição deve ser alterado: De produto Para SERVIÇO “O produto não é o problema” SERVICIFICAÇÃO
  40. 40. Fonte: Site G1
  41. 41. DEMANDA GESTÃO DE OPERAÇÕES: coordenação entre oferta e demanda Gestão dos trade-offs Eficiência dos recursos (Custos) Nível de serviço Custos de pesquisa e desenvolvimento Custo de suprimentos Custo logísticos Custos de produção Custos de vender e entregar Custos de serviços pós-vendas Qualidade dos produtos e serviços Confiabilidade de entrega / pontualidade Velocidade de entrega Flexibilidade (volume, mix, entrega, customização) Inovação de produtos e serviços Fonte: Prof. Dr. Marcelo Caldeira Pedroso

×