PerturbaçõesPerturbações
Comportamentais naComportamentais na
DemênciaDemência
HSJ - Serviço de Psiquiatria
Faculdade de M...
DemênciaDemência
 Desenvolvimento de défices cognitivos:Desenvolvimento de défices cognitivos:
Diminuição da memóriaDimin...
Componentes da DemênciaComponentes da Demência
Sintomas psicologicosPerturbações
comportamentais
Amnésia ApraxiaAgnosiaAfa...
Manifestações da DemênciaManifestações da Demência
 Cognitivas -Cognitivas - NeuropsicológicasNeuropsicológicas
Amnésia, ...
Sintomas Comportamentais
 Inquietação motoraInquietação motora
 Gritar, praguejarGritar, praguejar
 AgitaçãoAgitação
 ...
Sintomas Comportamentais eSintomas Comportamentais e
Psicológicos da DemênciaPsicológicos da Demência
““Sintomas ou sinais...
Agressão física
Agressão verbal
Resistência agressiva
Alucinações
Delírios
Falsas identificações
Agressão
Psicose
Tristeza...
Fases da demência em que surgemFases da demência em que surgem
os sintomas comportamentaisos sintomas comportamentais
Agit...
Manifestações PsicopatológicasManifestações Psicopatológicas
D. AlzheimerD. Alzheimer
 ApatiaApatia 80 %80 %
 Depressão ...
Etiologia dEtiologia dosos SintomaSintomass ComportamentaComportamentaisis
e Psicológice Psicológicosos da Demênciada Demê...
EvoluçãoEvolução Neuropatológica eNeuropatológica e
Manifestações:Manifestações:
Histopatologia Cognição SintomasHistopato...
Metabolismo Cerebral nasMetabolismo Cerebral nas
Demências e SintomatologiaDemências e Sintomatologia
Sultzer DL. Int Psyc...
NeuropatologiaNeuropatologia
Depressão na Doença de AlzheimerDepressão na Doença de Alzheimer
 Aumento das lesões degener...
NeuropatologiaNeuropatologia
Alteração do ritmo circadianoAlteração do ritmo circadiano
 Degenerescência do núcleo supraq...
NeuropatologiaNeuropatologia
Psicose da Doença de AlzheimerPsicose da Doença de Alzheimer
 Mais lesões neurodegenerativas...
Factores Ambientais e SociaisFactores Ambientais e Sociais
 O demente é muito sensível às alterações da sua rotinaO demen...
AgitaçãoAgitação
 Desconforto, dorDesconforto, dor
 AsteniaAstenia
 Doença físicaDoença física
 Alcool ou caféAlcool o...
Desconfiança / delírioDesconfiança / delírio
 Esquecimento do local onde arrumou objectosEsquecimento do local onde arrum...
Tratamento das PerturbaçõesTratamento das Perturbações
ComportamentaisComportamentais
 Adaptação do meio ambienteAdaptaçã...
Adaptação do meio ambienteAdaptação do meio ambiente
 Ambiente calmo/seguroAmbiente calmo/seguro
 Eliminação de barreira...
Adaptação do cuidadorAdaptação do cuidador
 Treino de :Treino de :
Competências cognitivasCompetências cognitivas
Conheci...
Intervenções no CuidadorIntervenções no Cuidador
 Informação individual e estratégias de suporteInformação individual e e...
Psicoterapia do IdosoPsicoterapia do Idoso
 Abordagem orientada para as emoçõesAbordagem orientada para as emoções
 Esti...
PsicoterapiasPsicoterapias
 As intervenções mais bem sucedidas são as queAs intervenções mais bem sucedidas são as que
ut...
FarmacoterapiaFarmacoterapia
 BenzodiazepinasBenzodiazepinas
 Neurolépticos clássicos e atípicosNeurolépticos clássicos ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

1195569404 perturbacoes comportamentais_na_demencia

559 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
559
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1195569404 perturbacoes comportamentais_na_demencia

  1. 1. PerturbaçõesPerturbações Comportamentais naComportamentais na DemênciaDemência HSJ - Serviço de Psiquiatria Faculdade de Medicina da Universidade do Porto 2005 Lia Fernandes MD, PhD
  2. 2. DemênciaDemência  Desenvolvimento de défices cognitivos:Desenvolvimento de défices cognitivos: Diminuição da memóriaDiminuição da memória AfasiaAfasia ApraxiaApraxia AgnosiaAgnosia Perturbação da capacidade de execuçãoPerturbação da capacidade de execução  Défice no funcionamento social ou ocupacionalDéfice no funcionamento social ou ocupacional  Início gradual e declínio cognitivo continuadoInício gradual e declínio cognitivo continuado DSM-IV-TRDSM-IV-TR
  3. 3. Componentes da DemênciaComponentes da Demência Sintomas psicologicosPerturbações comportamentais Amnésia ApraxiaAgnosiaAfasia Perturbação das actividades de vida diária SintomasSintomas cognitivoscognitivos Sintomas neuropsiquiátricos (não-cognitivos)
  4. 4. Manifestações da DemênciaManifestações da Demência  Cognitivas -Cognitivas - NeuropsicológicasNeuropsicológicas Amnésia, afasia, apraxia, agnosiaAmnésia, afasia, apraxia, agnosia Pert. da orientação, deterioração intelectualPert. da orientação, deterioração intelectual  Comportamentais -Comportamentais - NeuropsiquiátricasNeuropsiquiátricas Sintomas psicológicos e comportamentaisSintomas psicológicos e comportamentais Agitação, delírio, alucinações, depressãoAgitação, delírio, alucinações, depressão  ActividadesActividades Socioprofissionais, instrumentais, básicasSocioprofissionais, instrumentais, básicas
  5. 5. Sintomas Comportamentais  Inquietação motoraInquietação motora  Gritar, praguejarGritar, praguejar  AgitaçãoAgitação  Deambulação, fugasDeambulação, fugas  Agressão físicaAgressão física  DepressãoDepressão  ApatiaApatia  DesconfiançaDesconfiança  DelírioDelírio  AlucinaçõesAlucinações  Desinibição sexualDesinibição sexual  Acumulação de objectosAcumulação de objectos  Perturbação do sonoPerturbação do sono
  6. 6. Sintomas Comportamentais eSintomas Comportamentais e Psicológicos da DemênciaPsicológicos da Demência ““Sintomas ou sinais de perturbação da percepção,Sintomas ou sinais de perturbação da percepção, conteúdo do pensamento, humor ouconteúdo do pensamento, humor ou comportamento que ocorrem frequentemente nacomportamento que ocorrem frequentemente na demência”demência” Associação Internacional de Psicogeriatria, 1996Associação Internacional de Psicogeriatria, 1996
  7. 7. Agressão física Agressão verbal Resistência agressiva Alucinações Delírios Falsas identificações Agressão Psicose Tristeza Choro fácil Desespero Baixa auto-estima Ansiedade Culpabilidade Isolamento Desmotivação Perda de interesse Apatia Adaptado de McShane R. Int Psychogeriatr 2000 Grupos de Sintomas Comportamentais e Psicológicos nas Demências Depressão Agitação psico-motora Andar sem objectivo (Deambular) Andar atrás de outros Inquietação Repetição de actos diversos Vestir e despir Perturbações do sono
  8. 8. Fases da demência em que surgemFases da demência em que surgem os sintomas comportamentaisos sintomas comportamentais Agitação, alucinação e agressividadeAgitação, alucinação e agressividade  Fase 5 do GDS - demência moderadaFase 5 do GDS - demência moderada  Fase 6 do GDS - demência moderada-Fase 6 do GDS - demência moderada-gravegrave B. Reisberg, 1982B. Reisberg, 1982
  9. 9. Manifestações PsicopatológicasManifestações Psicopatológicas D. AlzheimerD. Alzheimer  ApatiaApatia 80 %80 %  Depressão e alt. comp. alimentarDepressão e alt. comp. alimentar 60 %60 %  Ansiedade e agitaçãoAnsiedade e agitação 53 %53 %  Euforia e desinibiçãoEuforia e desinibição 27 %27 %  Pert. sonoPert. sono 13 %13 % Inventário NeuropsiquiátricoInventário Neuropsiquiátrico ,, N =30N =30 I. Santana, D. Esteves, L. Brito, B. Santiago (2000)I. Santana, D. Esteves, L. Brito, B. Santiago (2000)
  10. 10. Etiologia dEtiologia dosos SintomaSintomass ComportamentaComportamentaisis e Psicológice Psicológicosos da Demênciada Demência Multiplicidade de Factores Etiológicos Neurobiológicos Genéticos Neuroquímicos Neuropatológicos Psicológicos Personalidade pré-mórbida Resposta ao stress Mudanças no ambiente Factores relativos ao prestador de cuidados Sociais Lawlor BA. Int Psychogeriatr 1996;8(Suppl. 3):259–61
  11. 11. EvoluçãoEvolução Neuropatológica eNeuropatológica e Manifestações:Manifestações: Histopatologia Cognição SintomasHistopatologia Cognição Sintomas NORMALNORMAL Placas e tranças ... ...Placas e tranças ... ... na reg. entorrinalna reg. entorrinal DEFEITODEFEITO Invasão do Dific. de EsquecimentosInvasão do Dific. de Esquecimentos MNÉSICOMNÉSICO hipocampo memória: fixaçãohipocampo memória: fixação DEMÊNCIADEMÊNCIA Propag. a todoPropag. a todo Amnésia Perda dasAmnésia Perda das LEVELEVE o neocortex desorientação AVD instrumentaiso neocortex desorientação AVD instrumentais DEMÊNCIADEMÊNCIA Atinge todo o cortex Apraxia Perda das AVD básicasAtinge todo o cortex Apraxia Perda das AVD básicas GRAVEGRAVE design. parietal e afasiadesign. parietal e afasia temporaltemporal KURZ, 1999KURZ, 1999
  12. 12. Metabolismo Cerebral nasMetabolismo Cerebral nas Demências e SintomatologiaDemências e Sintomatologia Sultzer DL. Int Psychogeriatr 1996;8(Suppl. 3):234–43 Galynker et al., 2000 Agitação/desinibição Sintomas psicóticos Delírios (hipoactividade metabólica) Temporal Alterações subjectivas do humor Elevado Baixo Lóbulo cingulado anterior ou cíngulo Lobo Frontal PrefrontalFrontalParietal Ansiedade/depressão Apatia
  13. 13. NeuropatologiaNeuropatologia Depressão na Doença de AlzheimerDepressão na Doença de Alzheimer  Aumento das lesões degenerativas dos núcleosAumento das lesões degenerativas dos núcleos aminérgicos do tronco cerebral, especialmenteaminérgicos do tronco cerebral, especialmente locuslocus ceruleusceruleus  Relativamente poupadas as estruturas colnérgicas:Relativamente poupadas as estruturas colnérgicas: núcleonúcleo basalisbasalis de Meynertde Meynert Zubeckno e cols, 1991Zubeckno e cols, 1991
  14. 14. NeuropatologiaNeuropatologia Alteração do ritmo circadianoAlteração do ritmo circadiano  Degenerescência do núcleo supraquiasmático doDegenerescência do núcleo supraquiasmático do hipotálamohipotálamo (relógio biológico)(relógio biológico) Swabb e cols, 1985Swabb e cols, 1985
  15. 15. NeuropatologiaNeuropatologia Psicose da Doença de AlzheimerPsicose da Doença de Alzheimer  Mais lesões neurodegenerativas no cortex cerebralMais lesões neurodegenerativas no cortex cerebral  Aumento da noradrenalina subcorticalAumento da noradrenalina subcortical  Redução da serotonina cortical e subcorticalRedução da serotonina cortical e subcortical  Grande aumento de filamentos helicoidais (tau) nosGrande aumento de filamentos helicoidais (tau) nos córtices temporal e entorrinalcórtices temporal e entorrinal Rabins e cols., 1996Rabins e cols., 1996
  16. 16. Factores Ambientais e SociaisFactores Ambientais e Sociais  O demente é muito sensível às alterações da sua rotinaO demente é muito sensível às alterações da sua rotina social e ambientesocial e ambiente  Acontecimentos da vida marcantes podem causarAcontecimentos da vida marcantes podem causar sintomas depressivos, até 6 meses após a sua ocorrênciasintomas depressivos, até 6 meses após a sua ocorrência  Mudança de residência pode desencadear confusão,Mudança de residência pode desencadear confusão, agitação e actividade delirante, e até maior mortalidadeagitação e actividade delirante, e até maior mortalidade 1 Orrell e Bebbington, 1995; 2 Orrell e Bebbington, 1996
  17. 17. AgitaçãoAgitação  Desconforto, dorDesconforto, dor  AsteniaAstenia  Doença físicaDoença física  Alcool ou caféAlcool ou café  HiperestimulaçãoHiperestimulação  MedicamentosMedicamentos  Resposta a irritação doResposta a irritação do cuidadorcuidador  Presença de estranhosPresença de estranhos  Ambiente não familiarAmbiente não familiar  Excesso de exigênciasExcesso de exigências  Má compreensão daMá compreensão da situação (ameaça)situação (ameaça)  Está a ser contrariadoEstá a ser contrariado  Depressão ou psicoseDepressão ou psicose
  18. 18. Desconfiança / delírioDesconfiança / delírio  Esquecimento do local onde arrumou objectosEsquecimento do local onde arrumou objectos  Má interpretação de acções e palavrasMá interpretação de acções e palavras  Erro na identificação de pessoasErro na identificação de pessoas  Distorções perceptivas e alucinaçõesDistorções perceptivas e alucinações  Isolamento socialIsolamento social  Alteração do ambienteAlteração do ambiente  Pode estar a ser realmente mal tratado ou roubadoPode estar a ser realmente mal tratado ou roubado
  19. 19. Tratamento das PerturbaçõesTratamento das Perturbações ComportamentaisComportamentais  Adaptação do meio ambienteAdaptação do meio ambiente  Educação e ajuda ao prestador de cuidadosEducação e ajuda ao prestador de cuidados  PsicoterapiaPsicoterapia  FarmacoterapiaFarmacoterapia
  20. 20. Adaptação do meio ambienteAdaptação do meio ambiente  Ambiente calmo/seguroAmbiente calmo/seguro  Eliminação de barreiras arquitectónicasEliminação de barreiras arquitectónicas  Boa iluminaçãoBoa iluminação  Sinalização adaptadaSinalização adaptada  Suporte tecnológico adequadoSuporte tecnológico adequado
  21. 21. Adaptação do cuidadorAdaptação do cuidador  Treino de :Treino de : Competências cognitivasCompetências cognitivas ConhecimentosConhecimentos ComportamentosComportamentos AfectosAfectos  Terapias de solução de problemas, centradas noTerapias de solução de problemas, centradas no doentedoente Agentes de transformação comportamentalAgentes de transformação comportamental
  22. 22. Intervenções no CuidadorIntervenções no Cuidador  Informação individual e estratégias de suporteInformação individual e estratégias de suporte  Grupos de suporte e terapia familiarGrupos de suporte e terapia familiar  Psicoeducação e treino de competênciasPsicoeducação e treino de competências  Intervenção no ambiente do larIntervenção no ambiente do lar  Melhoria dos sistemas tecnológicosMelhoria dos sistemas tecnológicos  Grupos de suporte para situações de sobrecargaGrupos de suporte para situações de sobrecarga
  23. 23. Psicoterapia do IdosoPsicoterapia do Idoso  Abordagem orientada para as emoçõesAbordagem orientada para as emoções  Estimulação do idosoEstimulação do idoso  Terapia ComportamentalTerapia Comportamental  Treino ComunicacionalTreino Comunicacional  MusicoterapiaMusicoterapia
  24. 24. PsicoterapiasPsicoterapias  As intervenções mais bem sucedidas são as queAs intervenções mais bem sucedidas são as que utilizam combinação de técnicas e que têm por objectivoutilizam combinação de técnicas e que têm por objectivo simultaneamente o cuidador e o idososimultaneamente o cuidador e o idoso  São de grande eficácia as intervenções de âmbito maisSão de grande eficácia as intervenções de âmbito mais alargado, com envolvimento psicossocial em redealargado, com envolvimento psicossocial em rede
  25. 25. FarmacoterapiaFarmacoterapia  BenzodiazepinasBenzodiazepinas  Neurolépticos clássicos e atípicosNeurolépticos clássicos e atípicos  AntidepressivosAntidepressivos  Antiepilépticos e estabilizadores do humorAntiepilépticos e estabilizadores do humor  Inibidores das colinesterasesInibidores das colinesterases

×