SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 8
Baixar para ler offline
MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE
Professor Arthur Lima
Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 1
RESUMÃO PARA TÉCNICO DO IBGE 2016
Olá, tudo bem? Sou o Prof. Arthur Lima, e coloquei em apenas 8 páginas os pontos do seu
edital de MATEMÁTICA que considero terem maior chance de cobrança na prova de
Técnico do IBGE 2016. Espero que seja útil 
Não deixe de acompanhar meus vídeos no Periscope (@ARTHURRRL) e minhas
postagens no Facebook (Prof. Arthur Lima)!
Conjuntos: operações e problemas com conjuntos.
OS SEIS PASSOS PARA RESOLVER QUESTÕES SOBRE CONJUNTOS
*em regra você deve “entrelaçar” todos os conjuntos. Em questões com 4 conjuntos, busque
informações que já permitam desenhar alguns conjuntos separados de outros!
Fórmula para questões com 2 conjuntos: no
de elementos da união é igual à soma dos
elementos dos dois conjuntos, subtraída do no de elementos da intersecção, ou seja:
( ) ( ) ( ) ( )n A B n A n B n A B    
Conjuntos dos números naturais, inteiros, racionais, reais e suas operações.
Representação na reta.
Números naturais: {0, 1, 2, 3, ...}
Números inteiros: naturais e seus opostos  {... -2, -1, 0, 1, 2, ...}
MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE
Professor Arthur Lima
Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 2
Números racionais: podem ser escritos na forma
A
B
, onde A e B são inteiros. Três tipos:
- são racionais: frações, números com casas decimais finitas (ex.: 0,8751), dízimas
periódicas (ex.: 0,333... ou simplesmente 0,3);
- este conjunto inclui todos os inteiros, que por sua vez inclui todos os naturais.
Números irracionais: número infinito de casas decimais s/ repetição. Ex.:  (“pi”), 2 , etc
Números reais: união entre os racionais e os irracionais.
Unidades de medida: distância, massa, tempo, área, volume e capacidade.
Veja as principais unidades em amarelo nas tabelas abaixo, seus múltiplos e
submúltiplos, e como efetuar as conversões:
Unidades de distância
Milímetro
(mm)
Centímetro
(cm)
Decímetro
(dm)
Metro
(m)
Decâmetro
(dam)
Hectômetro
(hm)
Quilômetro
(km)
1000mm 100cm 10dm 1m 0,1dam 0,01hm 0,001km
Multiplicar por 10   Dividir por 10
Unidades de área
Milímetro
quadrado
(mm2
)
Centímetro
quadrado
(cm2
)
Decímetro
quadrado
(dm2
)
Metro
quadrado
(m2
)
Decâmetro
quadrado
(dam2
)
Hectômetro
quadrado
(hm2
)
Quilômetro
quadrado
(km2
)
1.000.000mm2 10.000cm2 100dm2 1m2 0,01dam2 0,0001hm2 0,000001km2
Multiplicar por 100   Dividir por 100
Unidades de volume
Milímetro
cúbico (mm3
)
Centímetro
cúbico
(cm3
)
Decímetro
cúbico
(dm3
)
Metro
cúbico
(m3
)
Decâmetro
cúbico
(dam3
)
Hectômetro
cúbico
(hm3
)
Quilômetro
cúbico (km3
)
1000000000mm3 1000000cm3 1000dm3 1m3 0,001dam3 0,000001hm3 0,000000001km3
Multiplicar por 1000   Dividir por 1000
** lembre que 1 litro = 1dm3
, e que 1000 litros = 1m3
MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE
Professor Arthur Lima
Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 3
Unidades de massa
Miligrama
(mg)
Centigrama
(cg)
Decigrama
(dg)
Grama
(g)
Decagrama
(dag)
Hectograma
(hg)
Quilograma
(kg)
1.000mg 100cg 10dg 1g 0,1dag 0,01hg 0,001kg
Multiplicar por 10   Dividir por 10
** lembre que 1 tonelada = 1000kg
Unidades de tempo
Milissegundo
(ms)
Segundo
(s)
Minuto
(min)
Hora (h) Dia
1.000ms = 1s 1s 1 min = 60s 1 h = 60 min 1 dia = 24 h
Álgebra: produtos notáveis, equações, sistemas e problemas do primeiro
grau, inequações, equação e problemas do segundo grau.
- Produtos notáveis mais importantes:
2 2 2
( ) 2a b a a b b     
2 2 2
( ) 2a b a a b b     
2 2
( ) ( )a b a b a b    
- Equação de 1º grau: a.x + b = 0 (sua raiz é x = -b/a)
- Equação de 2º grau: 2
0ax bx c  
- Raízes da equação de 2º grau (fórmula de Bhaskara):
2
4
2
b b ac
x
a
  

- Dica sobre inequações: ao inverter o sinal dos termos (multiplica-los por -1),
inverta também o sinal da desigualdade (de < para >, por exemplo)
Porcentagem
quantia de interesse
Porcentagem = 100%
total
 OU SEJA, quantia de interesse = porcentagem total
número percentual  fração  número decimal
20%  20/100  0,20
MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE
Professor Arthur Lima
Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 4
Aumentar um valor em x% é igual a multiplicá-lo por (1 + x%).
Reduzir um valor em x% é igual a multiplicá-lo por (1 – x%).
“De” equivale à multiplicação: portanto, 20% de 300 é igual a 20% x 300.
Proporcionalidade direta e inversa
- Grandezas diretamente proporcionais: crescem e decrescem juntas. Resolva
montando uma regra de três e fazendo a “multiplicação cruzada”;
- Grandezas inversamente proporcionais: uma aumenta quando a outra diminui.
Antes da “multiplicação cruzada”, inverta os valores de uma grandeza.
- Passos para resolver uma regra de três composta:
1) identificar, usando setas, as grandezas que são diretamente proporcionais
e as que são inversamente proporcionais em relação a grandeza que
queremos descobrir (aquela que possui o X).
2) inverter as colunas que forem inversamente proporcionais à grandeza que
queremos.
3) igualar a razão onde está a grandeza X com o produto das outras razões.
Sequências, reconhecimento de padrões, progressões aritmética e
geométrica. Problemas de raciocínio
PROGRESSÃO ARITMÉTICA (PA) PROGRESSÃO GEOMÉTRICA (PG)
O termo seguinte é igual ao anterior somado de um
valor constante (razão)
O termo seguinte é igual ao anterior multiplicado por um valor
constante (razão)
1 ( 1)na a r n   
Termo “n” = 1º termo + razão x (posição “n” – 1)
1
1
n
na a q 
 
Termo “n” = 1º termo x razão elevada a “n-1”
1( )
2
n
n
n a a
S
 

Soma dos “n” primeiros = n x (1º termo + termo “n”) / 2
1 ( 1)
1
n
n
a q
S
q
 


Soma dos “n” primeiros = 1º termo x (razão eleva a “n” – 1) /
(razão – 1)
MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE
Professor Arthur Lima
Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 5
Juros e noções de matemática financeira
JUROS SIMPLES JUROS COMPOSTOS
M = C x (1 + jxt)
Montante = Capital x (1 + taxa x prazo)
M = C x (1 + j)t
Montante = Capital x (1 + taxa)prazo
J = C x j x t
Juros recebidos = Capital x taxa x prazo
J = M – C
Juros recebidos = Montante – Capital
Taxas equivalentes = proporcionais
Taxas equivalentes Taxas proporcionais
(1 + taxa)prazo
= (1 + taxa equival.)prazo equival.
Mais oneroso para 0 < t < 1 Mais oneroso para t > 1
-----
o convenção exponencial: basta aplicar a fórmula M = C x (1 + j)t
o convenção linear: aplicar a fórmula M = C x (1 + j)t
para parte
inteira do prazo e juros simples na parte fracionária
- Taxa efetiva: unidade da taxa igual à da capitalização (ex.: 10%a.a., capitalização anual)
- Taxa nominal: unidade da taxa diferente da capitalização (ex.: 10%a.a., capitalização semestral)
- juros comerciais ou ordinários: usar mês com 30 dias e ano com 360 dias;
- juros exatos: mês com 28-31 dias, ano com 365-366 dias.
(1 )
(1 )
(1 inflação)
taxa aparente
taxa real

 

Geometria plana: distâncias e ângulos, polígonos, circunferência, perímetro e
área. Semelhança e relações métricas no triângulo retângulo. Geometria
espacial: poliedros, prismas e pirâmides, cilindro, cone e esfera, áreas e
volumes.
- Perímetro: soma dos comprimentos dos lados de uma figura plana;
- Áreas das principais figuras planas:
Figura Área Figura Área
Retângulo
A = b x h
Área = base x altura
Quadrado
2
A L
Área = lado ao quadrado
Trapézio
 
2
b B h
A
 

Área = (base menor + base
maior) x altura / 2
Losango
2
D d
A


Área = (diagonal menor x
diagonal maior) / 2
Paralelogramo
b
b
h
A = b x h
Área = base x altura
Triângulo***
2
b h
A


Área = (base x altura) / 2
MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE
Professor Arthur Lima
Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 6
Círculo
2
A r 
Área = pi x raio ao
quadrado
*** Teorema de Pitágoras (triângulos retângulos): hipotenusa2 = (cateto1)2 + (cateto2)2
- Volumes das figuras espaciais:
Figura Volume Figura Volume
Paralelepípedo
H
L
C
V = C x L x H
comprimento x largura x altura
Cubo
A
A
A
V = A3
(altura ao cubo)
Cilindro
R
H
V Ab H 
 2
V R H
Área da base (círculo) x altura
Cone
R
H
G
3
Ab H
V


Área da base (círculo) x altura / 3
Pirâmide
3
Ab H
V


Área da base x altura / 3
Prisma
H
L
V = Ab x H
Área da base x altura
Esfera
V = 4 R3/3
4 x pi x (raio ao cubo) / 3
MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE
Professor Arthur Lima
Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 7
Princípios de contagem
NOME FÓRMULA QUANDO USAR
Princípio Fundamental
da Contagem
Possibilidades 1 x
Possibilidades 2 x ... x
Possibilidades n
Em eventos sucessivos e independentes, o total de maneiras
deles acontecerem é a multiplicação das possibilidades de
cada evento. Ex.: tenho 3 camisas, 2 calças e 2 bonés, tenho
então 3x2x2 formas de me vestir.
Permutação simples P(n) = n!
Calcular o no
de formas de distribuir “n” elementos em “n”
posições. Ex.: formar uma fila com 5 pessoas  P(5)
Permutação com
repetição
!
( ; )
! !
n
PR n m e p
m p


Permutar “n” elementos em “n” posições, porém tendo “m” e
“p” elementos repetidos. Ex.: calcular anagramas de ARARA
 PR (5; 3 e 2)
Permutação circular Pc(n) = (n – 1)!
Permutar “n” elementos em “n” posições, em um local sem
referência espacial. Ex.: dispor 4 pessoas em uma mesa
circular de 4 lugares  Pc(4)
Arranjo simples
!
( , )
( )!
n
A n m
n m


Preencher “m” posições tendo “n” elementos disponíveis
(onde “n” é maior que “m”). Ex.: preencher 3 cadeiras no
cinema tendo 5 pessoas disponíveis  A(5,3)
Arranjo com repetição AR (n, m) = nm
Preencher “m” posições tendo “n” elementos disponíveis,
porém podendo repetir os elementos. Ex.: pintar 4 faixas de
uma bandeira com 3 cores disponíveis, podendo repeti-las 
AR (3,4)
Combinação
 
!
( , )
! !
n n
C n m
m m n m
 
    
Formar grupos de “m” elementos a partir de “n” elementos
disponíveis (a ordem de escolha dos elementos não importa).
Ex.: formar equipes/comissões/grupos de 3 pessoas a partir
de 5 colegas de trabalho  C(5,3)
Noção de probabilidade
Definição:
número de resultados favoráveis
Probabilidade do Evento=
número total de resultados
Eventos independentes:
P(A B)=P(A) P(B) 
Probabilidade da união de eventos:
( ) ( ) ( ) ( )P A B P A P B P A B    
Eventos mutuamente excludentes:
( ) 0P A B 
Eventos complementares:
C
Probabilidade(E) = 1 - Probabilidade(E )
Probabilidade condicional:
( )
( / )
( )
P A B
P A B
P B


Noções de estatística, gráficos e medidas
- Média Aritmética: some os valores e divida pela quantidade. Lembre:
soma dos valores
média
quantidade de valores
 , OU SEJA, soma dos valores média quantidade de valores 
MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE
Professor Arthur Lima
Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 8
- Mediana: coloque os valores listados em ordem crescente. Conte a quantidade de
valores (n), e calcule a posição da mediana, que é (n+1)/2, e encontre este termo.
Se este valor não for inteiro, calcule a média aritmética dos termos ao redor dele.
- Moda: é o valor com maior número de frequências (repetições).
TENHA UMA EXCELENTE PROVA!
Saudações,
Prof. Arthur Lima
Curta meu Facebook e acompanhe várias outras dicas: www.facebook.com/ProfArthurLima
Veja transmissões ao vivo no meu Periscope: www.periscope.tv/arthurrrl (ou @ARTHURRRL)
Conheça meus cursos em www.estrategiaconcursos.com.br/cursosPorProfessor/arthur-lima-3215/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Questões de progressão geometrica 01
Questões de progressão geometrica 01Questões de progressão geometrica 01
Questões de progressão geometrica 01
Deusvaldo Junior
 

Mais procurados (20)

Iades ses df 2018
Iades ses df 2018Iades ses df 2018
Iades ses df 2018
 
Mprs 2017
Mprs 2017Mprs 2017
Mprs 2017
 
Prova consulplan 2017
Prova consulplan 2017Prova consulplan 2017
Prova consulplan 2017
 
Vunesp pauliprev 2018
Vunesp pauliprev 2018Vunesp pauliprev 2018
Vunesp pauliprev 2018
 
Tipos de questão de rlm artigo 01 - com gabarito
Tipos de questão de rlm   artigo 01 - com gabaritoTipos de questão de rlm   artigo 01 - com gabarito
Tipos de questão de rlm artigo 01 - com gabarito
 
Cesgranrio transpetro resolvida
Cesgranrio transpetro resolvidaCesgranrio transpetro resolvida
Cesgranrio transpetro resolvida
 
Progressão aritmética
Progressão aritméticaProgressão aritmética
Progressão aritmética
 
Pmsp soldado 2018
Pmsp soldado 2018Pmsp soldado 2018
Pmsp soldado 2018
 
Fcc detran ma 2018
Fcc detran ma 2018Fcc detran ma 2018
Fcc detran ma 2018
 
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1 Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
 
Arsesp vunesp 2018
Arsesp vunesp 2018Arsesp vunesp 2018
Arsesp vunesp 2018
 
Prova Resolvida - Bombeiros/DF
Prova Resolvida - Bombeiros/DFProva Resolvida - Bombeiros/DF
Prova Resolvida - Bombeiros/DF
 
Cesgranrio petrobras engenheiro petroleo 2018
Cesgranrio petrobras engenheiro petroleo 2018Cesgranrio petrobras engenheiro petroleo 2018
Cesgranrio petrobras engenheiro petroleo 2018
 
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1 Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
 
Raciocínio Logico Matemático para TJ RJ 2014
Raciocínio Logico Matemático para TJ RJ 2014Raciocínio Logico Matemático para TJ RJ 2014
Raciocínio Logico Matemático para TJ RJ 2014
 
Pa Lista2
Pa Lista2Pa Lista2
Pa Lista2
 
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1 Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
Topicos de econometria de séries temporais 2020_1
 
Pa Lista1
Pa Lista1Pa Lista1
Pa Lista1
 
PA e PG
PA e PGPA e PG
PA e PG
 
Questões de progressão geometrica 01
Questões de progressão geometrica 01Questões de progressão geometrica 01
Questões de progressão geometrica 01
 

Destaque

Raciocinio logico 500 questoes comentadas
Raciocinio logico 500 questoes comentadasRaciocinio logico 500 questoes comentadas
Raciocinio logico 500 questoes comentadas
Fabio Antonio
 

Destaque (18)

Dicas para agilizar os cálculos matemáticos
Dicas para agilizar os cálculos matemáticosDicas para agilizar os cálculos matemáticos
Dicas para agilizar os cálculos matemáticos
 
Resumão de matemática financeira
Resumão de matemática financeiraResumão de matemática financeira
Resumão de matemática financeira
 
Dicas para agilizar os cálculos matemáticos parte1
Dicas para agilizar os cálculos matemáticos   parte1Dicas para agilizar os cálculos matemáticos   parte1
Dicas para agilizar os cálculos matemáticos parte1
 
Diagramas
DiagramasDiagramas
Diagramas
 
Gabarito trf 2
Gabarito trf 2Gabarito trf 2
Gabarito trf 2
 
Questões inss
Questões inssQuestões inss
Questões inss
 
Portaria
PortariaPortaria
Portaria
 
Prova ibge 2014 resolvida
Prova ibge 2014 resolvidaProva ibge 2014 resolvida
Prova ibge 2014 resolvida
 
Resolução Prova Raciocínio Lógico e Matemática Sefaz PE
Resolução Prova Raciocínio Lógico e Matemática Sefaz PEResolução Prova Raciocínio Lógico e Matemática Sefaz PE
Resolução Prova Raciocínio Lógico e Matemática Sefaz PE
 
Iss goiânia ufg
Iss goiânia ufgIss goiânia ufg
Iss goiânia ufg
 
Questões Comentadas de Raciocínio Lógico - Escrevente TJ-SP 2015
Questões Comentadas de Raciocínio Lógico - Escrevente TJ-SP 2015Questões Comentadas de Raciocínio Lógico - Escrevente TJ-SP 2015
Questões Comentadas de Raciocínio Lógico - Escrevente TJ-SP 2015
 
Questões Comentadas Raciocínio Lógico-Matemático do Concurso de Escrevente TJ-SP
Questões Comentadas Raciocínio Lógico-Matemático do Concurso de Escrevente TJ-SPQuestões Comentadas Raciocínio Lógico-Matemático do Concurso de Escrevente TJ-SP
Questões Comentadas Raciocínio Lógico-Matemático do Concurso de Escrevente TJ-SP
 
Legislação Pertinente ao CBMDF (Bombeiro DF)
Legislação Pertinente ao CBMDF (Bombeiro DF)Legislação Pertinente ao CBMDF (Bombeiro DF)
Legislação Pertinente ao CBMDF (Bombeiro DF)
 
Engenharia Química para Concursos
Engenharia Química para ConcursosEngenharia Química para Concursos
Engenharia Química para Concursos
 
RACIOCINIO LOGICO - EXERCICIOS RESOLVIDOS.
RACIOCINIO LOGICO - EXERCICIOS RESOLVIDOS.RACIOCINIO LOGICO - EXERCICIOS RESOLVIDOS.
RACIOCINIO LOGICO - EXERCICIOS RESOLVIDOS.
 
Raciocinio logico 500 questoes comentadas
Raciocinio logico 500 questoes comentadasRaciocinio logico 500 questoes comentadas
Raciocinio logico 500 questoes comentadas
 
Curso de Química p/ Concurso PC-DF
Curso de Química p/ Concurso PC-DFCurso de Química p/ Concurso PC-DF
Curso de Química p/ Concurso PC-DF
 
Curso Emergências Pré-Hospitalares p/ Bombeiros-DF
Curso Emergências Pré-Hospitalares p/ Bombeiros-DFCurso Emergências Pré-Hospitalares p/ Bombeiros-DF
Curso Emergências Pré-Hospitalares p/ Bombeiros-DF
 

Semelhante a Resumão ibge

Apostila de matemática i apostila específica para o concurso da prefeitura ...
Apostila de matemática i   apostila específica para o concurso da prefeitura ...Apostila de matemática i   apostila específica para o concurso da prefeitura ...
Apostila de matemática i apostila específica para o concurso da prefeitura ...
Iracema Vasconcellos
 
Apostila ef ii
Apostila ef iiApostila ef ii
Apostila ef ii
profzoom
 
Matematica raciocinio logico
Matematica raciocinio logico Matematica raciocinio logico
Matematica raciocinio logico
rosemereporto
 
01 - Funções - Conceito AULA QUARENTENA 14-04-2020.pptx
01 - Funções - Conceito AULA QUARENTENA 14-04-2020.pptx01 - Funções - Conceito AULA QUARENTENA 14-04-2020.pptx
01 - Funções - Conceito AULA QUARENTENA 14-04-2020.pptx
MagellaAlmeida
 
Recuperação lista exercicios 9º ano 1º bimestre
Recuperação lista exercicios 9º ano 1º bimestreRecuperação lista exercicios 9º ano 1º bimestre
Recuperação lista exercicios 9º ano 1º bimestre
Rafael Marques
 

Semelhante a Resumão ibge (20)

Aula 2 mat ef
Aula 2   mat efAula 2   mat ef
Aula 2 mat ef
 
Resumo para Teste ANPAD - Raciocínio Lógico & Quantitativo
Resumo para Teste ANPAD - Raciocínio Lógico & QuantitativoResumo para Teste ANPAD - Raciocínio Lógico & Quantitativo
Resumo para Teste ANPAD - Raciocínio Lógico & Quantitativo
 
Resumo do 7º e 8º ano
Resumo do 7º e 8º anoResumo do 7º e 8º ano
Resumo do 7º e 8º ano
 
Conjuntos numéricos versão mini
Conjuntos numéricos   versão miniConjuntos numéricos   versão mini
Conjuntos numéricos versão mini
 
Plano de Aula P.A. CAp
Plano de Aula P.A. CApPlano de Aula P.A. CAp
Plano de Aula P.A. CAp
 
pdf_novembro_-_semana_1_-_formulas_de_matematica_para_o_enem_-_completo_2.PDF
pdf_novembro_-_semana_1_-_formulas_de_matematica_para_o_enem_-_completo_2.PDFpdf_novembro_-_semana_1_-_formulas_de_matematica_para_o_enem_-_completo_2.PDF
pdf_novembro_-_semana_1_-_formulas_de_matematica_para_o_enem_-_completo_2.PDF
 
Apostila de matemática i apostila específica para o concurso da prefeitura ...
Apostila de matemática i   apostila específica para o concurso da prefeitura ...Apostila de matemática i   apostila específica para o concurso da prefeitura ...
Apostila de matemática i apostila específica para o concurso da prefeitura ...
 
Apostila ef ii
Apostila ef iiApostila ef ii
Apostila ef ii
 
Booklet reais
Booklet reaisBooklet reais
Booklet reais
 
Apostila de-2013
Apostila de-2013Apostila de-2013
Apostila de-2013
 
Matematica raciocinio logico
Matematica raciocinio logico Matematica raciocinio logico
Matematica raciocinio logico
 
Trabalho de mat.pptx
Trabalho de mat.pptxTrabalho de mat.pptx
Trabalho de mat.pptx
 
01 - Funções - Conceito AULA QUARENTENA 14-04-2020.pptx
01 - Funções - Conceito AULA QUARENTENA 14-04-2020.pptx01 - Funções - Conceito AULA QUARENTENA 14-04-2020.pptx
01 - Funções - Conceito AULA QUARENTENA 14-04-2020.pptx
 
Funções - Conceito.pptx
Funções - Conceito.pptxFunções - Conceito.pptx
Funções - Conceito.pptx
 
Apostila revisao de matematica
Apostila    revisao de matematicaApostila    revisao de matematica
Apostila revisao de matematica
 
Funções - Conceito.ppt
Funções - Conceito.pptFunções - Conceito.ppt
Funções - Conceito.ppt
 
Funções - Conceito.ppt
Funções - Conceito.pptFunções - Conceito.ppt
Funções - Conceito.ppt
 
Trabalho ti nspire
Trabalho ti nspireTrabalho ti nspire
Trabalho ti nspire
 
APOSTILA ENEM MATEMÁTICA
APOSTILA ENEM MATEMÁTICAAPOSTILA ENEM MATEMÁTICA
APOSTILA ENEM MATEMÁTICA
 
Recuperação lista exercicios 9º ano 1º bimestre
Recuperação lista exercicios 9º ano 1º bimestreRecuperação lista exercicios 9º ano 1º bimestre
Recuperação lista exercicios 9º ano 1º bimestre
 

Último

4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
LindinhaSilva1
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
VALMIRARIBEIRO1
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
aulasgege
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
azulassessoria9
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
GisellySobral
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Kelly Mendes
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Eró Cunha
 
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
GisellySobral
 

Último (20)

Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
 
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhosoO Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
O Reizinho Autista.pdf - livro maravilhoso
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
472037515-Coelho-Nelly-Novaes-Literatura-Infantil-teoria-analise-e-didatica-p...
 

Resumão ibge

  • 1. MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE Professor Arthur Lima Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 1 RESUMÃO PARA TÉCNICO DO IBGE 2016 Olá, tudo bem? Sou o Prof. Arthur Lima, e coloquei em apenas 8 páginas os pontos do seu edital de MATEMÁTICA que considero terem maior chance de cobrança na prova de Técnico do IBGE 2016. Espero que seja útil  Não deixe de acompanhar meus vídeos no Periscope (@ARTHURRRL) e minhas postagens no Facebook (Prof. Arthur Lima)! Conjuntos: operações e problemas com conjuntos. OS SEIS PASSOS PARA RESOLVER QUESTÕES SOBRE CONJUNTOS *em regra você deve “entrelaçar” todos os conjuntos. Em questões com 4 conjuntos, busque informações que já permitam desenhar alguns conjuntos separados de outros! Fórmula para questões com 2 conjuntos: no de elementos da união é igual à soma dos elementos dos dois conjuntos, subtraída do no de elementos da intersecção, ou seja: ( ) ( ) ( ) ( )n A B n A n B n A B     Conjuntos dos números naturais, inteiros, racionais, reais e suas operações. Representação na reta. Números naturais: {0, 1, 2, 3, ...} Números inteiros: naturais e seus opostos  {... -2, -1, 0, 1, 2, ...}
  • 2. MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE Professor Arthur Lima Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 2 Números racionais: podem ser escritos na forma A B , onde A e B são inteiros. Três tipos: - são racionais: frações, números com casas decimais finitas (ex.: 0,8751), dízimas periódicas (ex.: 0,333... ou simplesmente 0,3); - este conjunto inclui todos os inteiros, que por sua vez inclui todos os naturais. Números irracionais: número infinito de casas decimais s/ repetição. Ex.:  (“pi”), 2 , etc Números reais: união entre os racionais e os irracionais. Unidades de medida: distância, massa, tempo, área, volume e capacidade. Veja as principais unidades em amarelo nas tabelas abaixo, seus múltiplos e submúltiplos, e como efetuar as conversões: Unidades de distância Milímetro (mm) Centímetro (cm) Decímetro (dm) Metro (m) Decâmetro (dam) Hectômetro (hm) Quilômetro (km) 1000mm 100cm 10dm 1m 0,1dam 0,01hm 0,001km Multiplicar por 10   Dividir por 10 Unidades de área Milímetro quadrado (mm2 ) Centímetro quadrado (cm2 ) Decímetro quadrado (dm2 ) Metro quadrado (m2 ) Decâmetro quadrado (dam2 ) Hectômetro quadrado (hm2 ) Quilômetro quadrado (km2 ) 1.000.000mm2 10.000cm2 100dm2 1m2 0,01dam2 0,0001hm2 0,000001km2 Multiplicar por 100   Dividir por 100 Unidades de volume Milímetro cúbico (mm3 ) Centímetro cúbico (cm3 ) Decímetro cúbico (dm3 ) Metro cúbico (m3 ) Decâmetro cúbico (dam3 ) Hectômetro cúbico (hm3 ) Quilômetro cúbico (km3 ) 1000000000mm3 1000000cm3 1000dm3 1m3 0,001dam3 0,000001hm3 0,000000001km3 Multiplicar por 1000   Dividir por 1000 ** lembre que 1 litro = 1dm3 , e que 1000 litros = 1m3
  • 3. MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE Professor Arthur Lima Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 3 Unidades de massa Miligrama (mg) Centigrama (cg) Decigrama (dg) Grama (g) Decagrama (dag) Hectograma (hg) Quilograma (kg) 1.000mg 100cg 10dg 1g 0,1dag 0,01hg 0,001kg Multiplicar por 10   Dividir por 10 ** lembre que 1 tonelada = 1000kg Unidades de tempo Milissegundo (ms) Segundo (s) Minuto (min) Hora (h) Dia 1.000ms = 1s 1s 1 min = 60s 1 h = 60 min 1 dia = 24 h Álgebra: produtos notáveis, equações, sistemas e problemas do primeiro grau, inequações, equação e problemas do segundo grau. - Produtos notáveis mais importantes: 2 2 2 ( ) 2a b a a b b      2 2 2 ( ) 2a b a a b b      2 2 ( ) ( )a b a b a b     - Equação de 1º grau: a.x + b = 0 (sua raiz é x = -b/a) - Equação de 2º grau: 2 0ax bx c   - Raízes da equação de 2º grau (fórmula de Bhaskara): 2 4 2 b b ac x a     - Dica sobre inequações: ao inverter o sinal dos termos (multiplica-los por -1), inverta também o sinal da desigualdade (de < para >, por exemplo) Porcentagem quantia de interesse Porcentagem = 100% total  OU SEJA, quantia de interesse = porcentagem total número percentual  fração  número decimal 20%  20/100  0,20
  • 4. MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE Professor Arthur Lima Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 4 Aumentar um valor em x% é igual a multiplicá-lo por (1 + x%). Reduzir um valor em x% é igual a multiplicá-lo por (1 – x%). “De” equivale à multiplicação: portanto, 20% de 300 é igual a 20% x 300. Proporcionalidade direta e inversa - Grandezas diretamente proporcionais: crescem e decrescem juntas. Resolva montando uma regra de três e fazendo a “multiplicação cruzada”; - Grandezas inversamente proporcionais: uma aumenta quando a outra diminui. Antes da “multiplicação cruzada”, inverta os valores de uma grandeza. - Passos para resolver uma regra de três composta: 1) identificar, usando setas, as grandezas que são diretamente proporcionais e as que são inversamente proporcionais em relação a grandeza que queremos descobrir (aquela que possui o X). 2) inverter as colunas que forem inversamente proporcionais à grandeza que queremos. 3) igualar a razão onde está a grandeza X com o produto das outras razões. Sequências, reconhecimento de padrões, progressões aritmética e geométrica. Problemas de raciocínio PROGRESSÃO ARITMÉTICA (PA) PROGRESSÃO GEOMÉTRICA (PG) O termo seguinte é igual ao anterior somado de um valor constante (razão) O termo seguinte é igual ao anterior multiplicado por um valor constante (razão) 1 ( 1)na a r n    Termo “n” = 1º termo + razão x (posição “n” – 1) 1 1 n na a q    Termo “n” = 1º termo x razão elevada a “n-1” 1( ) 2 n n n a a S    Soma dos “n” primeiros = n x (1º termo + termo “n”) / 2 1 ( 1) 1 n n a q S q     Soma dos “n” primeiros = 1º termo x (razão eleva a “n” – 1) / (razão – 1)
  • 5. MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE Professor Arthur Lima Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 5 Juros e noções de matemática financeira JUROS SIMPLES JUROS COMPOSTOS M = C x (1 + jxt) Montante = Capital x (1 + taxa x prazo) M = C x (1 + j)t Montante = Capital x (1 + taxa)prazo J = C x j x t Juros recebidos = Capital x taxa x prazo J = M – C Juros recebidos = Montante – Capital Taxas equivalentes = proporcionais Taxas equivalentes Taxas proporcionais (1 + taxa)prazo = (1 + taxa equival.)prazo equival. Mais oneroso para 0 < t < 1 Mais oneroso para t > 1 ----- o convenção exponencial: basta aplicar a fórmula M = C x (1 + j)t o convenção linear: aplicar a fórmula M = C x (1 + j)t para parte inteira do prazo e juros simples na parte fracionária - Taxa efetiva: unidade da taxa igual à da capitalização (ex.: 10%a.a., capitalização anual) - Taxa nominal: unidade da taxa diferente da capitalização (ex.: 10%a.a., capitalização semestral) - juros comerciais ou ordinários: usar mês com 30 dias e ano com 360 dias; - juros exatos: mês com 28-31 dias, ano com 365-366 dias. (1 ) (1 ) (1 inflação) taxa aparente taxa real     Geometria plana: distâncias e ângulos, polígonos, circunferência, perímetro e área. Semelhança e relações métricas no triângulo retângulo. Geometria espacial: poliedros, prismas e pirâmides, cilindro, cone e esfera, áreas e volumes. - Perímetro: soma dos comprimentos dos lados de uma figura plana; - Áreas das principais figuras planas: Figura Área Figura Área Retângulo A = b x h Área = base x altura Quadrado 2 A L Área = lado ao quadrado Trapézio   2 b B h A    Área = (base menor + base maior) x altura / 2 Losango 2 D d A   Área = (diagonal menor x diagonal maior) / 2 Paralelogramo b b h A = b x h Área = base x altura Triângulo*** 2 b h A   Área = (base x altura) / 2
  • 6. MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE Professor Arthur Lima Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 6 Círculo 2 A r  Área = pi x raio ao quadrado *** Teorema de Pitágoras (triângulos retângulos): hipotenusa2 = (cateto1)2 + (cateto2)2 - Volumes das figuras espaciais: Figura Volume Figura Volume Paralelepípedo H L C V = C x L x H comprimento x largura x altura Cubo A A A V = A3 (altura ao cubo) Cilindro R H V Ab H   2 V R H Área da base (círculo) x altura Cone R H G 3 Ab H V   Área da base (círculo) x altura / 3 Pirâmide 3 Ab H V   Área da base x altura / 3 Prisma H L V = Ab x H Área da base x altura Esfera V = 4 R3/3 4 x pi x (raio ao cubo) / 3
  • 7. MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE Professor Arthur Lima Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 7 Princípios de contagem NOME FÓRMULA QUANDO USAR Princípio Fundamental da Contagem Possibilidades 1 x Possibilidades 2 x ... x Possibilidades n Em eventos sucessivos e independentes, o total de maneiras deles acontecerem é a multiplicação das possibilidades de cada evento. Ex.: tenho 3 camisas, 2 calças e 2 bonés, tenho então 3x2x2 formas de me vestir. Permutação simples P(n) = n! Calcular o no de formas de distribuir “n” elementos em “n” posições. Ex.: formar uma fila com 5 pessoas  P(5) Permutação com repetição ! ( ; ) ! ! n PR n m e p m p   Permutar “n” elementos em “n” posições, porém tendo “m” e “p” elementos repetidos. Ex.: calcular anagramas de ARARA  PR (5; 3 e 2) Permutação circular Pc(n) = (n – 1)! Permutar “n” elementos em “n” posições, em um local sem referência espacial. Ex.: dispor 4 pessoas em uma mesa circular de 4 lugares  Pc(4) Arranjo simples ! ( , ) ( )! n A n m n m   Preencher “m” posições tendo “n” elementos disponíveis (onde “n” é maior que “m”). Ex.: preencher 3 cadeiras no cinema tendo 5 pessoas disponíveis  A(5,3) Arranjo com repetição AR (n, m) = nm Preencher “m” posições tendo “n” elementos disponíveis, porém podendo repetir os elementos. Ex.: pintar 4 faixas de uma bandeira com 3 cores disponíveis, podendo repeti-las  AR (3,4) Combinação   ! ( , ) ! ! n n C n m m m n m        Formar grupos de “m” elementos a partir de “n” elementos disponíveis (a ordem de escolha dos elementos não importa). Ex.: formar equipes/comissões/grupos de 3 pessoas a partir de 5 colegas de trabalho  C(5,3) Noção de probabilidade Definição: número de resultados favoráveis Probabilidade do Evento= número total de resultados Eventos independentes: P(A B)=P(A) P(B)  Probabilidade da união de eventos: ( ) ( ) ( ) ( )P A B P A P B P A B     Eventos mutuamente excludentes: ( ) 0P A B  Eventos complementares: C Probabilidade(E) = 1 - Probabilidade(E ) Probabilidade condicional: ( ) ( / ) ( ) P A B P A B P B   Noções de estatística, gráficos e medidas - Média Aritmética: some os valores e divida pela quantidade. Lembre: soma dos valores média quantidade de valores  , OU SEJA, soma dos valores média quantidade de valores 
  • 8. MATEMÁTICA P/ TÉCNICO DO IBGE Professor Arthur Lima Prof. Arthur Lima www.estrategiaconcursos.com.br 8 - Mediana: coloque os valores listados em ordem crescente. Conte a quantidade de valores (n), e calcule a posição da mediana, que é (n+1)/2, e encontre este termo. Se este valor não for inteiro, calcule a média aritmética dos termos ao redor dele. - Moda: é o valor com maior número de frequências (repetições). TENHA UMA EXCELENTE PROVA! Saudações, Prof. Arthur Lima Curta meu Facebook e acompanhe várias outras dicas: www.facebook.com/ProfArthurLima Veja transmissões ao vivo no meu Periscope: www.periscope.tv/arthurrrl (ou @ARTHURRRL) Conheça meus cursos em www.estrategiaconcursos.com.br/cursosPorProfessor/arthur-lima-3215/