SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Baixar para ler offline
PROTEÍNAS Fátima Comiotto
Proteínas 	 São moléculas formadas por  aminoácidos (aa). Existem 20 tipos de aa. Os vegetais são capazes de produzir todos os aa que necessitam Os animais  são capazes de produzir apenas alguns - Aminoácidos naturais Os que eles não conseguem produzir precisam ser adquiridos por meio da alimentação - Aminoácidos essenciais.
Aminoácidos São substâncias orgânicas que contém o grupo amina  – NH2   e um radical ácido  -COOH.  Fórmula geral
Aminoácidos naturais e essenciais
Os aminoácidos se unem por ligações peptídicas e formam peptídios.
Papel biológico das proteínas  Função Estrutural – quando participam da estrutura das células ou tecidos que ocorrem. Exemplos Colágeno – encontrada na pele, cartilagens, ossos e tendões; Miosina e actina – proteínas dos músculos, participam do mecanismo de contração; Queratina – encontrada na pele, cabelo e unhas Albumina  - encontrada no plasma sanguíneo, relacionada com a regulação osmótica e com a viscosidade do plasma. Fibrinogênio – relacionada com a coagulação do sangue.
Função Hormonal – são substâncias elaboradas pelas glândulas endócrinas, quando lançados no sangue vão estimular ou inibir a atividade de certos órgãos. Exemplo Insulina – hormônio produzido no pâncreas e que se relaciona com a manutenção de glicemia.
Função Nutritiva – são fontes de aminoácido. Exemplo Vitelo – encontrado em ovos de animais - material que presta à nutrição do embrião.
Função Enzimática  Enzimas são proteínas catalizadoras - aceleram as reações químicas e são essenciais ao metabolismo. Exemplo Lipases Lactase Amilase
Função de Defesa Antígeno – proteínas estranhas ao organismo. Anticorpos – proteínas de defesa, capazes de neutralizar o efeito tóxico dos antígenos .
VACINAS E SOROS VACINAS – são constituídas por microorganismos mortos ou atenuados, ou , pela toxinas inativas que o microorganismos produzem, fazendo o organismo a produzirem os anticorpos necessários. SOROS – contém os anticorpos necessários para a inativação dos antígenos.
IMUNIZAÇÃO ATIVA E PASSIVA Ativa – quando o próprio corpo produz os anticorpos de que necessita. Passiva - 	quando o organismo recebe os anticorpos prontos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Proteínas composição e estrutura
Proteínas composição e estruturaProteínas composição e estrutura
Proteínas composição e estrutura
 
As proteínas composição, estrutura e funções
As proteínas composição, estrutura e funções As proteínas composição, estrutura e funções
As proteínas composição, estrutura e funções
 
Proteínas - Biologia
Proteínas - BiologiaProteínas - Biologia
Proteínas - Biologia
 
Proteinas
ProteinasProteinas
Proteinas
 
Proteinas
ProteinasProteinas
Proteinas
 
Proteinas...
Proteinas...Proteinas...
Proteinas...
 
Tema 5 composição química celular - proteinas
Tema 5   composição química celular - proteinasTema 5   composição química celular - proteinas
Tema 5 composição química celular - proteinas
 
Proteínas resumao
Proteínas resumaoProteínas resumao
Proteínas resumao
 
Aula Proteinas
Aula ProteinasAula Proteinas
Aula Proteinas
 
3205391 biologia-ppt-proteinas
3205391 biologia-ppt-proteinas3205391 biologia-ppt-proteinas
3205391 biologia-ppt-proteinas
 
Plano aula 3
Plano aula 3Plano aula 3
Plano aula 3
 
Vitaminas, Lipídios, Proteínas e Ácidos nucleicos.
Vitaminas, Lipídios, Proteínas e Ácidos nucleicos.Vitaminas, Lipídios, Proteínas e Ácidos nucleicos.
Vitaminas, Lipídios, Proteínas e Ácidos nucleicos.
 
Proteinas
ProteinasProteinas
Proteinas
 
Proteínas ba02
Proteínas   ba02Proteínas   ba02
Proteínas ba02
 
Proteínas
ProteínasProteínas
Proteínas
 
Proteínas química orgânica
Proteínas química orgânicaProteínas química orgânica
Proteínas química orgânica
 
Proteínas 1ºa
Proteínas 1ºaProteínas 1ºa
Proteínas 1ºa
 
Proteínas
Proteínas   Proteínas
Proteínas
 
Aula Proteínas
Aula ProteínasAula Proteínas
Aula Proteínas
 
Proteínas aminoácidos
Proteínas  aminoácidosProteínas  aminoácidos
Proteínas aminoácidos
 

Destaque (20)

Lepra 7 c20tiago
Lepra 7 c20tiagoLepra 7 c20tiago
Lepra 7 c20tiago
 
Álcool
ÁlcoolÁlcool
Álcool
 
Ecstasy
EcstasyEcstasy
Ecstasy
 
Aborto
AbortoAborto
Aborto
 
Lepra
LepraLepra
Lepra
 
Tabaco
TabacoTabaco
Tabaco
 
Heroína
HeroínaHeroína
Heroína
 
Lepra
LepraLepra
Lepra
 
Proteínas
ProteínasProteínas
Proteínas
 
Dengue
DengueDengue
Dengue
 
Quando a química entra em cena
Quando a química entra em cenaQuando a química entra em cena
Quando a química entra em cena
 
Cannabis
CannabisCannabis
Cannabis
 
Lepra
LepraLepra
Lepra
 
Diferenças entre monocotiledôneas e dicotiledôneas
Diferenças entre monocotiledôneas e dicotiledôneasDiferenças entre monocotiledôneas e dicotiledôneas
Diferenças entre monocotiledôneas e dicotiledôneas
 
Federalismo e regionalização
Federalismo e regionalizaçãoFederalismo e regionalização
Federalismo e regionalização
 
A Indústria no Brasil
A Indústria no BrasilA Indústria no Brasil
A Indústria no Brasil
 
Nordeste
NordesteNordeste
Nordeste
 
Razão, História, Direito e Liberalismo
Razão, História, Direito e LiberalismoRazão, História, Direito e Liberalismo
Razão, História, Direito e Liberalismo
 
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
 
Biologia
BiologiaBiologia
Biologia
 

Semelhante a Proteínas 20aa funções

Bioquímica_Proteínas
Bioquímica_ProteínasBioquímica_Proteínas
Bioquímica_Proteínascomiest
 
Aminoacidos e funções no organismos
Aminoacidos e funções no organismosAminoacidos e funções no organismos
Aminoacidos e funções no organismosLINEIA SILVA
 
Pedro E Raylenne 80 M
Pedro E Raylenne 80 MPedro E Raylenne 80 M
Pedro E Raylenne 80 Mguestdf28d5
 
Proteínas e Aminoácidos
Proteínas e AminoácidosProteínas e Aminoácidos
Proteínas e AminoácidosCamila Marques
 
Aminoácidos e proteínas
Aminoácidos e proteínas Aminoácidos e proteínas
Aminoácidos e proteínas Alice Bastos
 
Química de aminoácidos e proteínas.ppt
Química de aminoácidos e proteínas.pptQuímica de aminoácidos e proteínas.ppt
Química de aminoácidos e proteínas.pptEMILLYDOSSANTOS6
 
Química de aminoácidos e proteínas.ppt
Química de aminoácidos e proteínas.pptQuímica de aminoácidos e proteínas.ppt
Química de aminoácidos e proteínas.pptEMILLYDOSSANTOS6
 
Composição química dos seres vivos.pptx
Composição química dos seres vivos.pptxComposição química dos seres vivos.pptx
Composição química dos seres vivos.pptxNAYARASALESBRITO
 
As proteínas composição, estrutura e funções.pdf
As proteínas composição, estrutura e funções.pdfAs proteínas composição, estrutura e funções.pdf
As proteínas composição, estrutura e funções.pdfLuis Paulo C Carvalho
 
As proteínas composição, estrutura e funções.pdf
As proteínas composição, estrutura e funções.pdfAs proteínas composição, estrutura e funções.pdf
As proteínas composição, estrutura e funções.pdfLuis Paulo C Carvalho
 

Semelhante a Proteínas 20aa funções (20)

Protenas 121119130742-phpapp01 (2)
Protenas 121119130742-phpapp01 (2)Protenas 121119130742-phpapp01 (2)
Protenas 121119130742-phpapp01 (2)
 
Downloadfile
DownloadfileDownloadfile
Downloadfile
 
Morfologia vegetal - Colégio Olimpo
Morfologia vegetal - Colégio OlimpoMorfologia vegetal - Colégio Olimpo
Morfologia vegetal - Colégio Olimpo
 
C:\Fakepath\Aula Proteinas
C:\Fakepath\Aula ProteinasC:\Fakepath\Aula Proteinas
C:\Fakepath\Aula Proteinas
 
Bioquímica_Proteínas
Bioquímica_ProteínasBioquímica_Proteínas
Bioquímica_Proteínas
 
Nutrientes
NutrientesNutrientes
Nutrientes
 
Nutrientes
NutrientesNutrientes
Nutrientes
 
Aminoacidos e funções no organismos
Aminoacidos e funções no organismosAminoacidos e funções no organismos
Aminoacidos e funções no organismos
 
Pedro e raylenne 80 m
Pedro e raylenne 80 mPedro e raylenne 80 m
Pedro e raylenne 80 m
 
Pedro E Raylenne 80 M
Pedro E Raylenne 80 MPedro E Raylenne 80 M
Pedro E Raylenne 80 M
 
Proteínas e Aminoácidos
Proteínas e AminoácidosProteínas e Aminoácidos
Proteínas e Aminoácidos
 
Aminoácidos e proteínas
Aminoácidos e proteínas Aminoácidos e proteínas
Aminoácidos e proteínas
 
PROTEINAS_.pptx
PROTEINAS_.pptxPROTEINAS_.pptx
PROTEINAS_.pptx
 
Química de aminoácidos e proteínas.ppt
Química de aminoácidos e proteínas.pptQuímica de aminoácidos e proteínas.ppt
Química de aminoácidos e proteínas.ppt
 
Química de aminoácidos e proteínas.ppt
Química de aminoácidos e proteínas.pptQuímica de aminoácidos e proteínas.ppt
Química de aminoácidos e proteínas.ppt
 
Composição química dos seres vivos.pptx
Composição química dos seres vivos.pptxComposição química dos seres vivos.pptx
Composição química dos seres vivos.pptx
 
As proteínas composição, estrutura e funções.pdf
As proteínas composição, estrutura e funções.pdfAs proteínas composição, estrutura e funções.pdf
As proteínas composição, estrutura e funções.pdf
 
As proteínas composição, estrutura e funções.pdf
As proteínas composição, estrutura e funções.pdfAs proteínas composição, estrutura e funções.pdf
As proteínas composição, estrutura e funções.pdf
 
ramiressom1.pptx
ramiressom1.pptxramiressom1.pptx
ramiressom1.pptx
 
Proteinas
ProteinasProteinas
Proteinas
 

Mais de Fatima Comiotto

Mais de Fatima Comiotto (20)

Oficina_de_chimarrao.pptx
Oficina_de_chimarrao.pptxOficina_de_chimarrao.pptx
Oficina_de_chimarrao.pptx
 
Movimento uniforme
Movimento uniformeMovimento uniforme
Movimento uniforme
 
Citologia
CitologiaCitologia
Citologia
 
Biomembranas
BiomembranasBiomembranas
Biomembranas
 
Bases moleculares da vida 1
Bases moleculares da vida 1Bases moleculares da vida 1
Bases moleculares da vida 1
 
Divisão celular
Divisão celularDivisão celular
Divisão celular
 
Química orgânica
Química orgânicaQuímica orgânica
Química orgânica
 
08 col aiq-radiacao
08 col aiq-radiacao08 col aiq-radiacao
08 col aiq-radiacao
 
07 col aiq-natureza
07 col aiq-natureza07 col aiq-natureza
07 col aiq-natureza
 
Reino fungi
Reino fungiReino fungi
Reino fungi
 
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
 
Herança ligada ao sexo
Herança ligada ao sexoHerança ligada ao sexo
Herança ligada ao sexo
 
Alelos múltiplos
Alelos múltiplosAlelos múltiplos
Alelos múltiplos
 
Reino monera, protista
Reino monera, protistaReino monera, protista
Reino monera, protista
 
Diferenças entre monocotiledôneas e dicotiledôneas
Diferenças entre monocotiledôneas e dicotiledôneasDiferenças entre monocotiledôneas e dicotiledôneas
Diferenças entre monocotiledôneas e dicotiledôneas
 
Segunda Lei de Mendel
Segunda Lei de MendelSegunda Lei de Mendel
Segunda Lei de Mendel
 
Fundamentos de Genética
Fundamentos de GenéticaFundamentos de Genética
Fundamentos de Genética
 
Reino animalia
Reino animaliaReino animalia
Reino animalia
 
Morfologia das angiospermas
Morfologia das angiospermasMorfologia das angiospermas
Morfologia das angiospermas
 
Parlendas minuano
Parlendas minuanoParlendas minuano
Parlendas minuano
 

Último

POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evoluçãoprofleticiasantosbio
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no textoMariaPauladeSouzaTur
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETODouglasVasconcelosMa
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terraBiblioteca UCS
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAEdioFnaf
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaeliana862656
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 

Último (20)

POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. EvoluçãoAs teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
As teorias de Lamarck e Darwin. Evolução
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
As variações do uso da palavra "como" no texto
As variações do uso da palavra "como" no  textoAs variações do uso da palavra "como" no  texto
As variações do uso da palavra "como" no texto
 
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETOProjeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
Projeto leitura HTPC abril - FORMAÇÃP SOBRE O PROJETO
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terraSistema de Bibliotecas UCS  - A descoberta da terra
Sistema de Bibliotecas UCS - A descoberta da terra
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZAAVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
AVALIAÇÃO INTEGRADA 1ª SÉRIE - EM - 1º BIMESTRE ITINERÁRIO CIÊNCIAS DAS NATUREZA
 
Apreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escritaApreciação crítica -exercícios de escrita
Apreciação crítica -exercícios de escrita
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 

Proteínas 20aa funções

  • 2. Proteínas São moléculas formadas por aminoácidos (aa). Existem 20 tipos de aa. Os vegetais são capazes de produzir todos os aa que necessitam Os animais são capazes de produzir apenas alguns - Aminoácidos naturais Os que eles não conseguem produzir precisam ser adquiridos por meio da alimentação - Aminoácidos essenciais.
  • 3. Aminoácidos São substâncias orgânicas que contém o grupo amina – NH2 e um radical ácido -COOH. Fórmula geral
  • 5.
  • 6.
  • 7. Os aminoácidos se unem por ligações peptídicas e formam peptídios.
  • 8. Papel biológico das proteínas Função Estrutural – quando participam da estrutura das células ou tecidos que ocorrem. Exemplos Colágeno – encontrada na pele, cartilagens, ossos e tendões; Miosina e actina – proteínas dos músculos, participam do mecanismo de contração; Queratina – encontrada na pele, cabelo e unhas Albumina - encontrada no plasma sanguíneo, relacionada com a regulação osmótica e com a viscosidade do plasma. Fibrinogênio – relacionada com a coagulação do sangue.
  • 9. Função Hormonal – são substâncias elaboradas pelas glândulas endócrinas, quando lançados no sangue vão estimular ou inibir a atividade de certos órgãos. Exemplo Insulina – hormônio produzido no pâncreas e que se relaciona com a manutenção de glicemia.
  • 10. Função Nutritiva – são fontes de aminoácido. Exemplo Vitelo – encontrado em ovos de animais - material que presta à nutrição do embrião.
  • 11. Função Enzimática Enzimas são proteínas catalizadoras - aceleram as reações químicas e são essenciais ao metabolismo. Exemplo Lipases Lactase Amilase
  • 12. Função de Defesa Antígeno – proteínas estranhas ao organismo. Anticorpos – proteínas de defesa, capazes de neutralizar o efeito tóxico dos antígenos .
  • 13. VACINAS E SOROS VACINAS – são constituídas por microorganismos mortos ou atenuados, ou , pela toxinas inativas que o microorganismos produzem, fazendo o organismo a produzirem os anticorpos necessários. SOROS – contém os anticorpos necessários para a inativação dos antígenos.
  • 14. IMUNIZAÇÃO ATIVA E PASSIVA Ativa – quando o próprio corpo produz os anticorpos de que necessita. Passiva - quando o organismo recebe os anticorpos prontos.