SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 31
EDUCAÇÃO INDÍGENA HISTÓRIA ,[object Object],[object Object]
Povos indígenas e a educação ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
 
 
 
 
 
 
 
 
“ A alfabetização dos índios se fará na língua dos grupos a que pertençam e em português, salvaguardando o uso da primeira; A educação do índio será orientada para a integração na comunhão nacional mediante processo de gradativa compreensão dos problemas gerais e valores da sociedade nacional, bem como do aproveitamento de suas aptidões individuais”  (Ministério do Interior, lei N.º 6.001, artigos 49 e 50, 19/12/73) .
História e movimento - rumo à autonomia ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Apropriação traduz o movimento de tornar algo próprio, adequado às necessidades de quem se apropria, mesmo que na origem esse bem não lhe pertença. Compreendo que, através dos sentidos próprios que conferem à escola na aldeia, os Guarani se apropriam dela, tornando-a também sua. Certeau (1994) diz que apropriação é o fato de um determinado setor da sociedade tomar para si uma prática social tida como das elites e recriá-la.
Fundamentação jurídica ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
  Fonte: Censo Escolar 2005 – INEP / MEC  7.300 Professores indígenas 9.100 Professores 164 mil Estudantes 2.324 Escolas
Predomina entre os Guarani duas formas de aprender: uma está ligada ao esforço pessoal de busca e a outra é a revelação. Conhecimento = Arandu Ara = tempo, dia; ñendu = sentir, experimentar. Arandu significa sentir o tempo, fazer o tempo agir na pessoa.
 
 
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
A escola nas aldeias Guarani ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
 
 
 
 
O jeito Mura de educar na vida e na escola ,[object Object],[object Object]
Escola Mura... ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
 
 
 
 
Os processos vivenciados em cada escola representam pequenas grandes mudanças construídas cotidianamente. É preciso estarmos atentos e sensíveis para enxergá-las e interpretá-las com toda sua força e significação já que  “as inovações culturais são, por uma parte, mais freqüentes do que comumente se pensa: há muito novo em baixo do sol. Sobretudo, se não se pensa somente nas  grandes invenções capazes de marcar por si mesmas um momento da  história, se não se repara também, e sobretudo, nas mudanças cotidianas aparentemente insignificantes”  ( BATALHA, 1989, p.21).

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

EducaçãO Do Campo
EducaçãO Do CampoEducaçãO Do Campo
EducaçãO Do Campoculturaafro
 
Política e Organização da Educação Brasileira
Política e Organização da Educação BrasileiraPolítica e Organização da Educação Brasileira
Política e Organização da Educação BrasileiraEdneide Lima
 
Os desafios pedagogicos de eja
Os desafios pedagogicos de ejaOs desafios pedagogicos de eja
Os desafios pedagogicos de ejaHelena Zanotto
 
História da educação resumo
História da educação resumoHistória da educação resumo
História da educação resumozildamisseno
 
Teorias curriculo ESCOLAR
Teorias curriculo ESCOLARTeorias curriculo ESCOLAR
Teorias curriculo ESCOLARAndrea Lima
 
Sistema de organização educaçao brasileira
Sistema de organização educaçao brasileiraSistema de organização educaçao brasileira
Sistema de organização educaçao brasileiraHerbert Schutzer
 
A educação no campo (2)
A educação no campo (2)A educação no campo (2)
A educação no campo (2)Pri Pri
 
Organização e gestão da escola
Organização e gestão da escolaOrganização e gestão da escola
Organização e gestão da escolaUlisses Vakirtzis
 
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...Joselaine
 
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes LimaPaulo Lima
 
Fundamentos da História da Educação
Fundamentos da História da EducaçãoFundamentos da História da Educação
Fundamentos da História da EducaçãoHerbert Santana
 
Aula historia da educacao
Aula historia da educacaoAula historia da educacao
Aula historia da educacaoAlelis Gomes
 
Aula 2 histórico da EJA
Aula 2  histórico da EJAAula 2  histórico da EJA
Aula 2 histórico da EJACassia Brandão
 
Diretrizes curriculares nacionais
Diretrizes curriculares nacionaisDiretrizes curriculares nacionais
Diretrizes curriculares nacionaismarcaocampos
 

Mais procurados (20)

EducaçãO Do Campo
EducaçãO Do CampoEducaçãO Do Campo
EducaçãO Do Campo
 
Política e Organização da Educação Brasileira
Política e Organização da Educação BrasileiraPolítica e Organização da Educação Brasileira
Política e Organização da Educação Brasileira
 
Os desafios pedagogicos de eja
Os desafios pedagogicos de ejaOs desafios pedagogicos de eja
Os desafios pedagogicos de eja
 
História da educação resumo
História da educação resumoHistória da educação resumo
História da educação resumo
 
Teorias curriculo ESCOLAR
Teorias curriculo ESCOLARTeorias curriculo ESCOLAR
Teorias curriculo ESCOLAR
 
Sistema de organização educaçao brasileira
Sistema de organização educaçao brasileiraSistema de organização educaçao brasileira
Sistema de organização educaçao brasileira
 
A educação no campo (2)
A educação no campo (2)A educação no campo (2)
A educação no campo (2)
 
Políticas Públicas Educacionais
Políticas Públicas EducacionaisPolíticas Públicas Educacionais
Políticas Públicas Educacionais
 
Organização e gestão da escola
Organização e gestão da escolaOrganização e gestão da escola
Organização e gestão da escola
 
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: INSTRUMENTO DE TRANSFORMAÇÃO SOCIAL OU DE ...
 
BNCC
BNCCBNCC
BNCC
 
Lei 10639 .SALA DO PROFESSOR
Lei  10639 .SALA DO PROFESSORLei  10639 .SALA DO PROFESSOR
Lei 10639 .SALA DO PROFESSOR
 
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
7. Papel político pedagógico do gestor educacional - Prof. Dr. Paulo Gomes Lima
 
Currículo escolar
Currículo escolarCurrículo escolar
Currículo escolar
 
História da educação no Brasil
História da educação no BrasilHistória da educação no Brasil
História da educação no Brasil
 
Fundamentos da História da Educação
Fundamentos da História da EducaçãoFundamentos da História da Educação
Fundamentos da História da Educação
 
Aula historia da educacao
Aula historia da educacaoAula historia da educacao
Aula historia da educacao
 
Projeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPPProjeto politico pedagogico PPP
Projeto politico pedagogico PPP
 
Aula 2 histórico da EJA
Aula 2  histórico da EJAAula 2  histórico da EJA
Aula 2 histórico da EJA
 
Diretrizes curriculares nacionais
Diretrizes curriculares nacionaisDiretrizes curriculares nacionais
Diretrizes curriculares nacionais
 

Destaque

Educação Escolar Indígena no Século XX
Educação Escolar Indígena no Século XXEducação Escolar Indígena no Século XX
Educação Escolar Indígena no Século XXguest6e94856
 
EducaçãO Escolar Indígena
EducaçãO Escolar IndígenaEducaçãO Escolar Indígena
EducaçãO Escolar Indígenaculturaafro
 
Relato Educação Indígena Professora Eunice- Cefapro-Sinop-MT
Relato Educação Indígena Professora Eunice- Cefapro-Sinop-MTRelato Educação Indígena Professora Eunice- Cefapro-Sinop-MT
Relato Educação Indígena Professora Eunice- Cefapro-Sinop-MTSara Cristina
 
Lingua, sociedade e cultura.
Lingua, sociedade e cultura.Lingua, sociedade e cultura.
Lingua, sociedade e cultura.Marlou
 
Arqueologia Indígena Brasileira
Arqueologia Indígena BrasileiraArqueologia Indígena Brasileira
Arqueologia Indígena BrasileiraSilmara Nogueira
 
íNdio e sua população 5 d 19
íNdio e sua população   5 d 19íNdio e sua população   5 d 19
íNdio e sua população 5 d 19sansampa
 
Aula 2: BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL I
Aula 2: BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL IAula 2: BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL I
Aula 2: BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL IIsrael serique
 
Formação Continuada a Professores Alfabetizadores do PBA
Formação Continuada a Professores Alfabetizadores do PBAFormação Continuada a Professores Alfabetizadores do PBA
Formação Continuada a Professores Alfabetizadores do PBAAdilson P Motta Motta
 
Educação Especial - alguns aspetos
Educação Especial - alguns aspetos Educação Especial - alguns aspetos
Educação Especial - alguns aspetos João Pinto
 
Descobrimento do Brasil e dos indios
Descobrimento do Brasil e dos indiosDescobrimento do Brasil e dos indios
Descobrimento do Brasil e dos indiosFabianaram
 
A educação especial
A educação especialA educação especial
A educação especialBeatriz
 
Pedagogia da alternância
Pedagogia da alternânciaPedagogia da alternância
Pedagogia da alternânciaarlete buchardt
 
O império macedônico e alexandre iii o
O império macedônico e alexandre iii   oO império macedônico e alexandre iii   o
O império macedônico e alexandre iii oIzaac Erder
 

Destaque (20)

Educação Escolar Indígena no Século XX
Educação Escolar Indígena no Século XXEducação Escolar Indígena no Século XX
Educação Escolar Indígena no Século XX
 
EducaçãO Escolar Indígena
EducaçãO Escolar IndígenaEducaçãO Escolar Indígena
EducaçãO Escolar Indígena
 
Cultura indígena
Cultura indígenaCultura indígena
Cultura indígena
 
Relato Educação Indígena Professora Eunice- Cefapro-Sinop-MT
Relato Educação Indígena Professora Eunice- Cefapro-Sinop-MTRelato Educação Indígena Professora Eunice- Cefapro-Sinop-MT
Relato Educação Indígena Professora Eunice- Cefapro-Sinop-MT
 
Indio
IndioIndio
Indio
 
Movimento indigena un b
Movimento indigena un bMovimento indigena un b
Movimento indigena un b
 
Educação indígena
Educação indígenaEducação indígena
Educação indígena
 
Lingua, sociedade e cultura.
Lingua, sociedade e cultura.Lingua, sociedade e cultura.
Lingua, sociedade e cultura.
 
Arqueologia Indígena Brasileira
Arqueologia Indígena BrasileiraArqueologia Indígena Brasileira
Arqueologia Indígena Brasileira
 
íNdio e sua população 5 d 19
íNdio e sua população   5 d 19íNdio e sua população   5 d 19
íNdio e sua população 5 d 19
 
Aula 2: BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL I
Aula 2: BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL IAula 2: BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL I
Aula 2: BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO NO BRASIL I
 
Formação Continuada a Professores Alfabetizadores do PBA
Formação Continuada a Professores Alfabetizadores do PBAFormação Continuada a Professores Alfabetizadores do PBA
Formação Continuada a Professores Alfabetizadores do PBA
 
Educação Especial - alguns aspetos
Educação Especial - alguns aspetos Educação Especial - alguns aspetos
Educação Especial - alguns aspetos
 
Descobrimento do Brasil e dos indios
Descobrimento do Brasil e dos indiosDescobrimento do Brasil e dos indios
Descobrimento do Brasil e dos indios
 
Helenismo
HelenismoHelenismo
Helenismo
 
Formação Continuada de Professores
Formação Continuada de ProfessoresFormação Continuada de Professores
Formação Continuada de Professores
 
A educação especial
A educação especialA educação especial
A educação especial
 
Educação Indígena - Prof Dr Domingos Nobre
Educação Indígena - Prof Dr Domingos NobreEducação Indígena - Prof Dr Domingos Nobre
Educação Indígena - Prof Dr Domingos Nobre
 
Pedagogia da alternância
Pedagogia da alternânciaPedagogia da alternância
Pedagogia da alternância
 
O império macedônico e alexandre iii o
O império macedônico e alexandre iii   oO império macedônico e alexandre iii   o
O império macedônico e alexandre iii o
 

Semelhante a História da Educação Indígena

Educação indígena na geografia
Educação indígena na geografiaEducação indígena na geografia
Educação indígena na geografiaLarissa Silva
 
PROJETO EDUCAÇÃO: DIVERSIDADE CULTURAL
PROJETO EDUCAÇÃO: DIVERSIDADE CULTURALPROJETO EDUCAÇÃO: DIVERSIDADE CULTURAL
PROJETO EDUCAÇÃO: DIVERSIDADE CULTURALAline Martendal
 
Manifestacoes ludicas de lazer e a escola
Manifestacoes ludicas de lazer e a escolaManifestacoes ludicas de lazer e a escola
Manifestacoes ludicas de lazer e a escolaRobson Godeguezi
 
Manifestacoes ludicas de lazer e a escola
Manifestacoes ludicas de lazer e a escolaManifestacoes ludicas de lazer e a escola
Manifestacoes ludicas de lazer e a escolaRobson Godeguezi
 
Projeto Diversidade Religiosa e Direitos Humanos.
Projeto Diversidade Religiosa e Direitos Humanos.Projeto Diversidade Religiosa e Direitos Humanos.
Projeto Diversidade Religiosa e Direitos Humanos.Ana Paula Silva
 
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etniasBicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etniastemastransversais
 
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação InfantilProjeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantilkarinacancado
 
Projeto -Fundamentos da Educação Infantil
Projeto -Fundamentos da Educação InfantilProjeto -Fundamentos da Educação Infantil
Projeto -Fundamentos da Educação Infantilkarinacancado
 
Projeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
Projeto pronto-Fundamentos da Educação InfantilProjeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
Projeto pronto-Fundamentos da Educação Infantilkarinacancado
 
1403896088_ARQUIVO_Educ.Esc.IndigenaArtigoCompleto.pdf
1403896088_ARQUIVO_Educ.Esc.IndigenaArtigoCompleto.pdf1403896088_ARQUIVO_Educ.Esc.IndigenaArtigoCompleto.pdf
1403896088_ARQUIVO_Educ.Esc.IndigenaArtigoCompleto.pdfBarbaraMariaSilvaCor
 
Antropologia e Educação
Antropologia e EducaçãoAntropologia e Educação
Antropologia e EducaçãoIrmão Jáder
 

Semelhante a História da Educação Indígena (20)

Educação indígena na geografia
Educação indígena na geografiaEducação indígena na geografia
Educação indígena na geografia
 
PROJETO EDUCAÇÃO: DIVERSIDADE CULTURAL
PROJETO EDUCAÇÃO: DIVERSIDADE CULTURALPROJETO EDUCAÇÃO: DIVERSIDADE CULTURAL
PROJETO EDUCAÇÃO: DIVERSIDADE CULTURAL
 
Educaçao multicultural
Educaçao multiculturalEducaçao multicultural
Educaçao multicultural
 
Manifestacoes ludicas de lazer e a escola
Manifestacoes ludicas de lazer e a escolaManifestacoes ludicas de lazer e a escola
Manifestacoes ludicas de lazer e a escola
 
Manifestacoes ludicas de lazer e a escola
Manifestacoes ludicas de lazer e a escolaManifestacoes ludicas de lazer e a escola
Manifestacoes ludicas de lazer e a escola
 
Questões
QuestõesQuestões
Questões
 
Maria rosa ticiane erika
Maria rosa ticiane erikaMaria rosa ticiane erika
Maria rosa ticiane erika
 
Projeto Diversidade Religiosa e Direitos Humanos.
Projeto Diversidade Religiosa e Direitos Humanos.Projeto Diversidade Religiosa e Direitos Humanos.
Projeto Diversidade Religiosa e Direitos Humanos.
 
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etniasBicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
Bicastiradentes pluralidadeculturalii etnias
 
Educação indígena
Educação indígenaEducação indígena
Educação indígena
 
Psicologia da educação 1 aula 2
Psicologia da educação 1 aula 2Psicologia da educação 1 aula 2
Psicologia da educação 1 aula 2
 
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação InfantilProjeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
Projeto Interdisciplinar Fundamentos da Educação Infantil
 
Projeto -Fundamentos da Educação Infantil
Projeto -Fundamentos da Educação InfantilProjeto -Fundamentos da Educação Infantil
Projeto -Fundamentos da Educação Infantil
 
Projeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
Projeto pronto-Fundamentos da Educação InfantilProjeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
Projeto pronto-Fundamentos da Educação Infantil
 
Escola, cultura e sociedade
Escola, cultura e sociedadeEscola, cultura e sociedade
Escola, cultura e sociedade
 
CULINARIA AFETIVA POWERPOINT.pptx
CULINARIA AFETIVA POWERPOINT.pptxCULINARIA AFETIVA POWERPOINT.pptx
CULINARIA AFETIVA POWERPOINT.pptx
 
1403896088_ARQUIVO_Educ.Esc.IndigenaArtigoCompleto.pdf
1403896088_ARQUIVO_Educ.Esc.IndigenaArtigoCompleto.pdf1403896088_ARQUIVO_Educ.Esc.IndigenaArtigoCompleto.pdf
1403896088_ARQUIVO_Educ.Esc.IndigenaArtigoCompleto.pdf
 
Antropologia e Educação
Antropologia e EducaçãoAntropologia e Educação
Antropologia e Educação
 
Antropologia (2)
Antropologia (2)Antropologia (2)
Antropologia (2)
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
 

Mais de Claraluz Gris

Livro de receitas pancs
Livro de receitas pancsLivro de receitas pancs
Livro de receitas pancsClaraluz Gris
 
Fichamento do livro de Carlos Brandão "O Que é Educação Popular" cap. 2 e 3
 Fichamento do livro de Carlos Brandão "O Que é Educação Popular" cap. 2 e 3 Fichamento do livro de Carlos Brandão "O Que é Educação Popular" cap. 2 e 3
Fichamento do livro de Carlos Brandão "O Que é Educação Popular" cap. 2 e 3Claraluz Gris
 
A PERMACULTURA COMO ESTRATÉGIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: POTENCIALIDADES E LIMI...
A PERMACULTURA COMO ESTRATÉGIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL:  POTENCIALIDADES E LIMI...A PERMACULTURA COMO ESTRATÉGIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL:  POTENCIALIDADES E LIMI...
A PERMACULTURA COMO ESTRATÉGIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: POTENCIALIDADES E LIMI...Claraluz Gris
 
Capa caderno de resumos
Capa caderno de resumos Capa caderno de resumos
Capa caderno de resumos Claraluz Gris
 
Sistematização dos Grupos de Trabalho
Sistematização dos Grupos de TrabalhoSistematização dos Grupos de Trabalho
Sistematização dos Grupos de TrabalhoClaraluz Gris
 
Visita ao museu Bispo do Aço - Colégio Americano
Visita ao museu Bispo do Aço - Colégio AmericanoVisita ao museu Bispo do Aço - Colégio Americano
Visita ao museu Bispo do Aço - Colégio AmericanoClaraluz Gris
 
Rock Progressivo 60-70's
Rock Progressivo 60-70'sRock Progressivo 60-70's
Rock Progressivo 60-70'sClaraluz Gris
 
Saida de Campo - Arquivo Histórico Santa Casa
Saida de Campo - Arquivo Histórico Santa CasaSaida de Campo - Arquivo Histórico Santa Casa
Saida de Campo - Arquivo Histórico Santa CasaClaraluz Gris
 
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do SulProjeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do SulClaraluz Gris
 
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do SulProjeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do SulClaraluz Gris
 
A Senhora Deseja Alguma Coisa ?
A Senhora Deseja Alguma Coisa ?A Senhora Deseja Alguma Coisa ?
A Senhora Deseja Alguma Coisa ?Claraluz Gris
 

Mais de Claraluz Gris (20)

Catalogopancs
CatalogopancsCatalogopancs
Catalogopancs
 
Livro de receitas pancs
Livro de receitas pancsLivro de receitas pancs
Livro de receitas pancs
 
Fichamento do livro de Carlos Brandão "O Que é Educação Popular" cap. 2 e 3
 Fichamento do livro de Carlos Brandão "O Que é Educação Popular" cap. 2 e 3 Fichamento do livro de Carlos Brandão "O Que é Educação Popular" cap. 2 e 3
Fichamento do livro de Carlos Brandão "O Que é Educação Popular" cap. 2 e 3
 
A PERMACULTURA COMO ESTRATÉGIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: POTENCIALIDADES E LIMI...
A PERMACULTURA COMO ESTRATÉGIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL:  POTENCIALIDADES E LIMI...A PERMACULTURA COMO ESTRATÉGIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL:  POTENCIALIDADES E LIMI...
A PERMACULTURA COMO ESTRATÉGIA DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL: POTENCIALIDADES E LIMI...
 
Caderno de Resumos
Caderno de ResumosCaderno de Resumos
Caderno de Resumos
 
Capa caderno de resumos
Capa caderno de resumos Capa caderno de resumos
Capa caderno de resumos
 
Sistematização dos Grupos de Trabalho
Sistematização dos Grupos de TrabalhoSistematização dos Grupos de Trabalho
Sistematização dos Grupos de Trabalho
 
Ivani
IvaniIvani
Ivani
 
Vania
VaniaVania
Vania
 
Visita ao museu Bispo do Aço - Colégio Americano
Visita ao museu Bispo do Aço - Colégio AmericanoVisita ao museu Bispo do Aço - Colégio Americano
Visita ao museu Bispo do Aço - Colégio Americano
 
Rock Progressivo 60-70's
Rock Progressivo 60-70'sRock Progressivo 60-70's
Rock Progressivo 60-70's
 
Silmei Defesa
Silmei DefesaSilmei Defesa
Silmei Defesa
 
.
..
.
 
.
..
.
 
Saida de Campo - Arquivo Histórico Santa Casa
Saida de Campo - Arquivo Histórico Santa CasaSaida de Campo - Arquivo Histórico Santa Casa
Saida de Campo - Arquivo Histórico Santa Casa
 
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do SulProjeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
 
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do SulProjeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
Projeto S.O.S Arte I. E. - Resgate de Arte e Memória do Rio Grande do Sul
 
biografia visual
biografia visualbiografia visual
biografia visual
 
Freud2
Freud2Freud2
Freud2
 
A Senhora Deseja Alguma Coisa ?
A Senhora Deseja Alguma Coisa ?A Senhora Deseja Alguma Coisa ?
A Senhora Deseja Alguma Coisa ?
 

Último

Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioWyngDaFelyzitahLamba
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfManuais Formação
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfAnaAugustaLagesZuqui
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Centro Jacques Delors
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivararambomarcos
 
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxSão Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxMartin M Flynn
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024azulassessoria9
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxKeslleyAFerreira
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 

Último (20)

Teatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundarioTeatro como estrategias de ensino secundario
Teatro como estrategias de ensino secundario
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja Poema - Maio Laranja
Poema - Maio Laranja
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdfTema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
Tema de redação - A prática do catfish e seus perigos.pdf
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
Sopa de letras | Dia da Europa 2024 (nível 1)
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da CapivaraPré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
Pré-História do Brasil, Luzia e Serra da Capivara
 
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxSão Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptxQuímica-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
Química-ensino médio ESTEQUIOMETRIA.pptx
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 

História da Educação Indígena

  • 1.
  • 2.
  • 3.  
  • 4.  
  • 5.  
  • 6.  
  • 7.  
  • 8.  
  • 9.  
  • 10.  
  • 11. “ A alfabetização dos índios se fará na língua dos grupos a que pertençam e em português, salvaguardando o uso da primeira; A educação do índio será orientada para a integração na comunhão nacional mediante processo de gradativa compreensão dos problemas gerais e valores da sociedade nacional, bem como do aproveitamento de suas aptidões individuais” (Ministério do Interior, lei N.º 6.001, artigos 49 e 50, 19/12/73) .
  • 12.
  • 13. Apropriação traduz o movimento de tornar algo próprio, adequado às necessidades de quem se apropria, mesmo que na origem esse bem não lhe pertença. Compreendo que, através dos sentidos próprios que conferem à escola na aldeia, os Guarani se apropriam dela, tornando-a também sua. Certeau (1994) diz que apropriação é o fato de um determinado setor da sociedade tomar para si uma prática social tida como das elites e recriá-la.
  • 14.
  • 15.   Fonte: Censo Escolar 2005 – INEP / MEC 7.300 Professores indígenas 9.100 Professores 164 mil Estudantes 2.324 Escolas
  • 16. Predomina entre os Guarani duas formas de aprender: uma está ligada ao esforço pessoal de busca e a outra é a revelação. Conhecimento = Arandu Ara = tempo, dia; ñendu = sentir, experimentar. Arandu significa sentir o tempo, fazer o tempo agir na pessoa.
  • 17.  
  • 18.  
  • 19.
  • 20.
  • 21.  
  • 22.  
  • 23.  
  • 24.  
  • 25.
  • 26.
  • 27.  
  • 28.  
  • 29.  
  • 30.  
  • 31. Os processos vivenciados em cada escola representam pequenas grandes mudanças construídas cotidianamente. É preciso estarmos atentos e sensíveis para enxergá-las e interpretá-las com toda sua força e significação já que “as inovações culturais são, por uma parte, mais freqüentes do que comumente se pensa: há muito novo em baixo do sol. Sobretudo, se não se pensa somente nas grandes invenções capazes de marcar por si mesmas um momento da história, se não se repara também, e sobretudo, nas mudanças cotidianas aparentemente insignificantes” ( BATALHA, 1989, p.21).