SlideShare uma empresa Scribd logo
O corpo tem mais cotovelos é o título do percurso expositivo pelas obras
da Colecção Casa das Histórias Paula Rego. Nasceu da apropriação de uma
frase referida em conversa informal pela artista, evocando a difícil tarefa de
trabalhar com Modelos e de contar histórias, através do corpo, da sua
representação, da sua presença esmagadora e dinamizadora.

Os alunos realizaram uma série de atividades de forma a tomarem
consciência que o corpo, em arte, pode ser utilizado de várias formas: como
modelo, como personagem, como fonte de transfiguração ou, até, como
objeto político/intervenção social.
Depois do almoço, os alunos do 10ºF foram ao Centro Cultural de
Cascais, onde se encontra a exposição Le Carnet de La Californie, de
Pablo Picasso.

Em La Californie, Picasso transformou uma sala grande em ateliê,
espaço que se tornou ele próprio protagonista de muitas das suas
obras.
A exposição apresenta obras em que Picasso utiliza várias técnicas
gráficas (gravura calcográfica, água-tinta, linóleo e litografia), bem
como alguns dos livros ilustrados pelo artista no seu ateliê de La
Californie,
O Palácio e os seus jardins constituem um notável conjunto
monumental que apresenta uma vivência intimista da corte
portuguesa de Setecentos, ao mesmo tempo que representa
momentos de extraordinária relevância histórica e de afirmação
do poder real.

Apresentar a evolução do gosto da corte nos séculos XVIII e XIX,
marcada sobretudo por influências francesas e italianas, num
período que percorre o barroco, o rocaille e o neoclássico,
constitui uma vocação essencial deste Palácio.
O Aqueduto das Águas Livres é um complexo sistema de
captação, adução e distribuição de água à cidade de Lisboa, em
Portugal, e que tem como obra mais emblemática a grandiosa
arcaria em cantaria que se ergue sobre o vale de Alcântara, um
dos bilhetes postais de Lisboa.
O Aqueduto foi construído durante o reinado de D. João V, com
origem na nascente das Águas Livres, em Belas, e foi sendo
progressivamente reforçado e ampliado ao longo do século XIX.
Resistiu incólume ao Terramoto de 1755.
Inaugurado em 2001, o Museu do Teatro Romano pretende
mostrar o que foi o Teatro da antiga cidade de Olisipo.
Instalado num edifício seiscentista, remodelado ao longo dos
séculos, o Museu do Teatro Romano engloba múltiplas
áreas onde se expõem testemunhos arqueológicos. Estes
vestígios remetem-nos não apenas para a época do Teatro (séc.
I), mas também para outros vestígios que testemunham uma
intensa ocupação humana deste local.
Considerado o monumento mais emblemático da cidade de
Lisboa, o Castelo de S. Jorge é um testemunho relevante de
momentos ímpares da história de Lisboa e de Portugal.
Um dos episódios mais conhecidos é a conquista do castelo aos
Mouros por D. Afonso Henriques. Uma lenda surgida mais tarde
reza que o cavaleiro Martim Moniz, que se destacara durante o
cerco, ao perceber uma das portas do castelo entreaberta,
sacrificou a própria vida ao interpor o próprio corpo no vão,
impedindo o seu encerramento pelos mouros e permitindo o
acesso e a vitória dos companheiros.
Os alunos visitaram a exposição permanente do Centro de Arte
Moderna, aprendendo a “olhar” para as obras dos Modernistas
Portugueses, nomeadamente Amadeo de Souza-Cardoso e
Almada Negreiros. Aproveitaram, ainda, para passear num dos
mais belos jardins de Lisboa.
A meia distância entre o promontório da Guia e o Cabo Raso,
situa-se o Forte de S. Jorge, inicialmente também conhecido
como baluarte de Oito Ovos por estar perto do cabeço do
mesmo nome — hoje designado Oitavos , onde então existia
uma vigia.
Construído entre 1642 e 1648, a sua planta poligonal de cinco
lados desiguais, apoiada sobre a falésia, é exemplo privilegiado
de adaptação ao terreno.
Ao longo do parapeito posicionam-se as peças de artilharia e na
retaguarda, ao centro, ergue-se o antigo quartel e demais
dependências abobadadas.
Os alunos visitaram uma exposição sobre cartografia antiga e
moderna, e, na presença de um elemento do Instituto
Geográfico Português, realizaram uma tarefa relacionada com o
tema da visita.
Comemorar espaços ...

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Palacio da Pena
Palacio da PenaPalacio da Pena
Palacio da Pena
Antero Ferreira
 
A cultura do palco
A cultura do palcoA cultura do palco
A cultura do palco
Carlos Pinheiro
 
Hca-11º Ano[m6 a cultura do palco]p1
Hca-11º Ano[m6 a cultura do palco]p1Hca-11º Ano[m6 a cultura do palco]p1
Hca-11º Ano[m6 a cultura do palco]p1
Carlos Teodoro
 
História da Cultura e das Artes - A cultura do palco
História da Cultura e das Artes - A cultura do palcoHistória da Cultura e das Artes - A cultura do palco
História da Cultura e das Artes - A cultura do palco
João Couto
 
Cultura do palco
Cultura do palcoCultura do palco
Cultura do palco
Ana Barreiros
 
Renascimento
RenascimentoRenascimento
Renascimento
Paula Oliveira Cruz
 
Módulo 6 contextualização
Módulo 6   contextualizaçãoMódulo 6   contextualização
Módulo 6 contextualização
Carla Freitas
 
Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2
Carla Teixeira
 
A cultura do palco - contextualização
A cultura do palco - contextualizaçãoA cultura do palco - contextualização
A cultura do palco - contextualização
cattonia
 
Sociedade De Ordens
Sociedade De OrdensSociedade De Ordens
Sociedade De Ordens
restauracao
 
1181
11811181
1181
Pelo Siro
 
Renascimento nos Países Baixos
Renascimento nos Países BaixosRenascimento nos Países Baixos
Renascimento nos Países Baixos
Ismael Monteiro
 
Ficha formativa Cultura do Mosteiro
Ficha formativa Cultura do MosteiroFicha formativa Cultura do Mosteiro
Ficha formativa Cultura do Mosteiro
Ana Barreiros
 
Ficha cultura do palacio
Ficha cultura do palacioFicha cultura do palacio
Ficha cultura do palacio
Ana Barreiros
 
Luís XIV - Rei-Sol (2)
Luís XIV - Rei-Sol (2)Luís XIV - Rei-Sol (2)
Luís XIV - Rei-Sol (2)
Beatriz Mariano
 
O romantismo na arquitetura e na pintura
O romantismo na arquitetura e na pinturaO romantismo na arquitetura e na pintura
O romantismo na arquitetura e na pintura
Carlos Pinheiro
 
Arquitectura neoclassica em Portugal
Arquitectura neoclassica em Portugal Arquitectura neoclassica em Portugal
Arquitectura neoclassica em Portugal
Carlos Vieira
 
Museu nacional de arte antiga lisboa
Museu nacional de arte antiga   lisboaMuseu nacional de arte antiga   lisboa
Museu nacional de arte antiga lisboa
Beatris Lopes
 

Mais procurados (18)

Palacio da Pena
Palacio da PenaPalacio da Pena
Palacio da Pena
 
A cultura do palco
A cultura do palcoA cultura do palco
A cultura do palco
 
Hca-11º Ano[m6 a cultura do palco]p1
Hca-11º Ano[m6 a cultura do palco]p1Hca-11º Ano[m6 a cultura do palco]p1
Hca-11º Ano[m6 a cultura do palco]p1
 
História da Cultura e das Artes - A cultura do palco
História da Cultura e das Artes - A cultura do palcoHistória da Cultura e das Artes - A cultura do palco
História da Cultura e das Artes - A cultura do palco
 
Cultura do palco
Cultura do palcoCultura do palco
Cultura do palco
 
Renascimento
RenascimentoRenascimento
Renascimento
 
Módulo 6 contextualização
Módulo 6   contextualizaçãoMódulo 6   contextualização
Módulo 6 contextualização
 
Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2
 
A cultura do palco - contextualização
A cultura do palco - contextualizaçãoA cultura do palco - contextualização
A cultura do palco - contextualização
 
Sociedade De Ordens
Sociedade De OrdensSociedade De Ordens
Sociedade De Ordens
 
1181
11811181
1181
 
Renascimento nos Países Baixos
Renascimento nos Países BaixosRenascimento nos Países Baixos
Renascimento nos Países Baixos
 
Ficha formativa Cultura do Mosteiro
Ficha formativa Cultura do MosteiroFicha formativa Cultura do Mosteiro
Ficha formativa Cultura do Mosteiro
 
Ficha cultura do palacio
Ficha cultura do palacioFicha cultura do palacio
Ficha cultura do palacio
 
Luís XIV - Rei-Sol (2)
Luís XIV - Rei-Sol (2)Luís XIV - Rei-Sol (2)
Luís XIV - Rei-Sol (2)
 
O romantismo na arquitetura e na pintura
O romantismo na arquitetura e na pinturaO romantismo na arquitetura e na pintura
O romantismo na arquitetura e na pintura
 
Arquitectura neoclassica em Portugal
Arquitectura neoclassica em Portugal Arquitectura neoclassica em Portugal
Arquitectura neoclassica em Portugal
 
Museu nacional de arte antiga lisboa
Museu nacional de arte antiga   lisboaMuseu nacional de arte antiga   lisboa
Museu nacional de arte antiga lisboa
 

Destaque

T rabalho Maria 7ºF
T rabalho Maria 7ºFT rabalho Maria 7ºF
T rabalho Maria 7ºF
Ana Barreiros
 
Hegemonia E DeclíNio Da InfluêNcia Europeia
Hegemonia E DeclíNio Da InfluêNcia EuropeiaHegemonia E DeclíNio Da InfluêNcia Europeia
Hegemonia E DeclíNio Da InfluêNcia Europeia
Ana Barreiros
 
Ficha formativa roma
Ficha formativa romaFicha formativa roma
Ficha formativa roma
Ana Barreiros
 
Ficha grécia
Ficha gréciaFicha grécia
Ficha grécia
Ana Barreiros
 
Ficha formativa roma
Ficha formativa romaFicha formativa roma
Ficha formativa roma
Ana Barreiros
 
Casa Sommer
Casa SommerCasa Sommer
Casa Sommer
Ana Barreiros
 
Bairro dos museus
Bairro dos museusBairro dos museus
Bairro dos museus
Ana Barreiros
 
Uma aventura no palácio...
Uma aventura no palácio...Uma aventura no palácio...
Uma aventura no palácio...
Ana Barreiros
 
Erecteion
ErecteionErecteion
Erecteion
Ana Barreiros
 
O maneirismo
O maneirismoO maneirismo
O maneirismo
Ana Barreiros
 
Preparação para a prova intermédia
Preparação para a prova intermédiaPreparação para a prova intermédia
Preparação para a prova intermédia
Ana Barreiros
 
Linha conceptual 7º ano 2012-13
Linha conceptual   7º ano 2012-13Linha conceptual   7º ano 2012-13
Linha conceptual 7º ano 2012-13
Ana Barreiros
 
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesFicha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ana Barreiros
 
Ficha trabalho cristianismo
Ficha trabalho cristianismoFicha trabalho cristianismo
Ficha trabalho cristianismo
Ana Barreiros
 
Ficha história
Ficha históriaFicha história
Ficha história
Ana Barreiros
 
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ana Barreiros
 
Ficha formativa 1 HGP 6º ano
Ficha formativa 1 HGP 6º anoFicha formativa 1 HGP 6º ano
Ficha formativa 1 HGP 6º ano
Ana Barreiros
 
Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"
Ana Barreiros
 
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinemaCorrecao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Ana Barreiros
 

Destaque (20)

T rabalho Maria 7ºF
T rabalho Maria 7ºFT rabalho Maria 7ºF
T rabalho Maria 7ºF
 
Hegemonia E DeclíNio Da InfluêNcia Europeia
Hegemonia E DeclíNio Da InfluêNcia EuropeiaHegemonia E DeclíNio Da InfluêNcia Europeia
Hegemonia E DeclíNio Da InfluêNcia Europeia
 
Ficha formativa roma
Ficha formativa romaFicha formativa roma
Ficha formativa roma
 
Ficha grécia
Ficha gréciaFicha grécia
Ficha grécia
 
Ficha formativa roma
Ficha formativa romaFicha formativa roma
Ficha formativa roma
 
Casa Sommer
Casa SommerCasa Sommer
Casa Sommer
 
Bairro dos museus
Bairro dos museusBairro dos museus
Bairro dos museus
 
Uma aventura no palácio...
Uma aventura no palácio...Uma aventura no palácio...
Uma aventura no palácio...
 
Erecteion
ErecteionErecteion
Erecteion
 
O maneirismo
O maneirismoO maneirismo
O maneirismo
 
Preparação para a prova intermédia
Preparação para a prova intermédiaPreparação para a prova intermédia
Preparação para a prova intermédia
 
Linha conceptual 7º ano 2012-13
Linha conceptual   7º ano 2012-13Linha conceptual   7º ano 2012-13
Linha conceptual 7º ano 2012-13
 
Correção ficha 3
Correção ficha 3Correção ficha 3
Correção ficha 3
 
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesFicha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoes
 
Ficha trabalho cristianismo
Ficha trabalho cristianismoFicha trabalho cristianismo
Ficha trabalho cristianismo
 
Ficha história
Ficha históriaFicha história
Ficha história
 
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
 
Ficha formativa 1 HGP 6º ano
Ficha formativa 1 HGP 6º anoFicha formativa 1 HGP 6º ano
Ficha formativa 1 HGP 6º ano
 
Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"
 
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinemaCorrecao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinema
 

Semelhante a Comemorar espaços ...

Trabalho de elizabete
Trabalho de elizabeteTrabalho de elizabete
Trabalho de elizabete
mariajoogoncalves
 
Monumentos de lisboa
Monumentos de lisboaMonumentos de lisboa
Monumentos de lisboa
Lurdes Augusto
 
Monumentos de lisboa
Monumentos de lisboaMonumentos de lisboa
Monumentos de lisboa
ondinaribeiro
 
Vestígios arqueologicos em lisboa
Vestígios arqueologicos em lisboaVestígios arqueologicos em lisboa
Vestígios arqueologicos em lisboa
fergwen
 
Tiat- Lisboa Patrimonio
Tiat- Lisboa PatrimonioTiat- Lisboa Patrimonio
Tiat- Lisboa Patrimonio
Artur Cristo
 
Percurso ..
Percurso ..Percurso ..
Percurso ..
Carla Luís
 
Visita de estudo ribeira do porto com fotos
Visita de estudo   ribeira do porto com fotosVisita de estudo   ribeira do porto com fotos
Visita de estudo ribeira do porto com fotos
IsabelPereira2010
 
Museu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
Museu Antonino de Faro e o turismo no AlgarveMuseu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
Museu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
José Mesquita
 
Alentejo
AlentejoAlentejo
Cinelândia
CinelândiaCinelândia
Chafarizes de Lisboa
Chafarizes de LisboaChafarizes de Lisboa
Chafarizes de Lisboa
Maria Oliveira
 
Porto 1914
Porto 1914Porto 1914
Porto 1914
cab3032
 
Arquitetura de museus kiefer
Arquitetura de museus kieferArquitetura de museus kiefer
Arquitetura de museus kiefer
Aline Ferreira
 
Programa visita de estudo
Programa visita de estudoPrograma visita de estudo
Programa visita de estudo
eb23sroque
 
Cidade do Porto-I
Cidade do Porto-I Cidade do Porto-I
Cidade do Porto-I
BiaEsteves
 
Cidade do porto em 1914
Cidade do porto em 1914Cidade do porto em 1914
Cidade do porto em 1914
Sergio Lagoa
 
Porto 1914
Porto 1914Porto 1914
Porto 1914
cab3032
 
Atrativos Turísticos Culturais do Rio de Janeiro bonito (1).pptx
Atrativos Turísticos Culturais do Rio de Janeiro bonito (1).pptxAtrativos Turísticos Culturais do Rio de Janeiro bonito (1).pptx
Atrativos Turísticos Culturais do Rio de Janeiro bonito (1).pptx
FaustoBartole1
 
Lisboa portas fechadas a 10
Lisboa   portas fechadas a 10  Lisboa   portas fechadas a 10
Lisboa portas fechadas a 10
Salvador da Silva Tomaz
 
Atração turística
Atração turísticaAtração turística
Atração turística
Shawtyy Matias
 

Semelhante a Comemorar espaços ... (20)

Trabalho de elizabete
Trabalho de elizabeteTrabalho de elizabete
Trabalho de elizabete
 
Monumentos de lisboa
Monumentos de lisboaMonumentos de lisboa
Monumentos de lisboa
 
Monumentos de lisboa
Monumentos de lisboaMonumentos de lisboa
Monumentos de lisboa
 
Vestígios arqueologicos em lisboa
Vestígios arqueologicos em lisboaVestígios arqueologicos em lisboa
Vestígios arqueologicos em lisboa
 
Tiat- Lisboa Patrimonio
Tiat- Lisboa PatrimonioTiat- Lisboa Patrimonio
Tiat- Lisboa Patrimonio
 
Percurso ..
Percurso ..Percurso ..
Percurso ..
 
Visita de estudo ribeira do porto com fotos
Visita de estudo   ribeira do porto com fotosVisita de estudo   ribeira do porto com fotos
Visita de estudo ribeira do porto com fotos
 
Museu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
Museu Antonino de Faro e o turismo no AlgarveMuseu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
Museu Antonino de Faro e o turismo no Algarve
 
Alentejo
AlentejoAlentejo
Alentejo
 
Cinelândia
CinelândiaCinelândia
Cinelândia
 
Chafarizes de Lisboa
Chafarizes de LisboaChafarizes de Lisboa
Chafarizes de Lisboa
 
Porto 1914
Porto 1914Porto 1914
Porto 1914
 
Arquitetura de museus kiefer
Arquitetura de museus kieferArquitetura de museus kiefer
Arquitetura de museus kiefer
 
Programa visita de estudo
Programa visita de estudoPrograma visita de estudo
Programa visita de estudo
 
Cidade do Porto-I
Cidade do Porto-I Cidade do Porto-I
Cidade do Porto-I
 
Cidade do porto em 1914
Cidade do porto em 1914Cidade do porto em 1914
Cidade do porto em 1914
 
Porto 1914
Porto 1914Porto 1914
Porto 1914
 
Atrativos Turísticos Culturais do Rio de Janeiro bonito (1).pptx
Atrativos Turísticos Culturais do Rio de Janeiro bonito (1).pptxAtrativos Turísticos Culturais do Rio de Janeiro bonito (1).pptx
Atrativos Turísticos Culturais do Rio de Janeiro bonito (1).pptx
 
Lisboa portas fechadas a 10
Lisboa   portas fechadas a 10  Lisboa   portas fechadas a 10
Lisboa portas fechadas a 10
 
Atração turística
Atração turísticaAtração turística
Atração turística
 

Mais de Ana Barreiros

Pintura barroca na Europa
Pintura barroca na EuropaPintura barroca na Europa
Pintura barroca na Europa
Ana Barreiros
 
Rubrica de avaliação
Rubrica de avaliação Rubrica de avaliação
Rubrica de avaliação
Ana Barreiros
 
Lista de verificação e-atividade
Lista de verificação e-atividade Lista de verificação e-atividade
Lista de verificação e-atividade
Ana Barreiros
 
O romantismo
O romantismoO romantismo
O romantismo
Ana Barreiros
 
Imagens de Arquitetura Barroca
Imagens de Arquitetura BarrocaImagens de Arquitetura Barroca
Imagens de Arquitetura Barroca
Ana Barreiros
 
Pintura do quattrocento
Pintura do quattrocentoPintura do quattrocento
Pintura do quattrocento
Ana Barreiros
 
O aparecimento da arte gotica
O aparecimento da arte goticaO aparecimento da arte gotica
O aparecimento da arte gotica
Ana Barreiros
 
Escultura romana
Escultura romanaEscultura romana
Escultura romana
Ana Barreiros
 
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºGA modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
Ana Barreiros
 
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ana Barreiros
 
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ana Barreiros
 
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcaoFicha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ana Barreiros
 
As artes na atualidade
As artes na atualidadeAs artes na atualidade
As artes na atualidade
Ana Barreiros
 
Cultura do espaço virtual
Cultura do espaço virtual Cultura do espaço virtual
Cultura do espaço virtual
Ana Barreiros
 
A arquitetura da 1ª metade século xx
A arquitetura da 1ª metade século xxA arquitetura da 1ª metade século xx
A arquitetura da 1ª metade século xx
Ana Barreiros
 
A arte abstrata depois da 2ª guerra
A arte abstrata depois da 2ª guerraA arte abstrata depois da 2ª guerra
A arte abstrata depois da 2ª guerra
Ana Barreiros
 
Arte abstrata
Arte abstrataArte abstrata
Arte abstrata
Ana Barreiros
 
Os caminhos da abstracao formal
Os caminhos da abstracao formalOs caminhos da abstracao formal
Os caminhos da abstracao formal
Ana Barreiros
 
Surrealismo e neorealismo
Surrealismo e neorealismoSurrealismo e neorealismo
Surrealismo e neorealismo
Ana Barreiros
 
O mundo comunista desenvolvimento e ruturas
O mundo comunista   desenvolvimento e ruturasO mundo comunista   desenvolvimento e ruturas
O mundo comunista desenvolvimento e ruturas
Ana Barreiros
 

Mais de Ana Barreiros (20)

Pintura barroca na Europa
Pintura barroca na EuropaPintura barroca na Europa
Pintura barroca na Europa
 
Rubrica de avaliação
Rubrica de avaliação Rubrica de avaliação
Rubrica de avaliação
 
Lista de verificação e-atividade
Lista de verificação e-atividade Lista de verificação e-atividade
Lista de verificação e-atividade
 
O romantismo
O romantismoO romantismo
O romantismo
 
Imagens de Arquitetura Barroca
Imagens de Arquitetura BarrocaImagens de Arquitetura Barroca
Imagens de Arquitetura Barroca
 
Pintura do quattrocento
Pintura do quattrocentoPintura do quattrocento
Pintura do quattrocento
 
O aparecimento da arte gotica
O aparecimento da arte goticaO aparecimento da arte gotica
O aparecimento da arte gotica
 
Escultura romana
Escultura romanaEscultura romana
Escultura romana
 
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºGA modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
 
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
 
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
 
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcaoFicha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcao
 
As artes na atualidade
As artes na atualidadeAs artes na atualidade
As artes na atualidade
 
Cultura do espaço virtual
Cultura do espaço virtual Cultura do espaço virtual
Cultura do espaço virtual
 
A arquitetura da 1ª metade século xx
A arquitetura da 1ª metade século xxA arquitetura da 1ª metade século xx
A arquitetura da 1ª metade século xx
 
A arte abstrata depois da 2ª guerra
A arte abstrata depois da 2ª guerraA arte abstrata depois da 2ª guerra
A arte abstrata depois da 2ª guerra
 
Arte abstrata
Arte abstrataArte abstrata
Arte abstrata
 
Os caminhos da abstracao formal
Os caminhos da abstracao formalOs caminhos da abstracao formal
Os caminhos da abstracao formal
 
Surrealismo e neorealismo
Surrealismo e neorealismoSurrealismo e neorealismo
Surrealismo e neorealismo
 
O mundo comunista desenvolvimento e ruturas
O mundo comunista   desenvolvimento e ruturasO mundo comunista   desenvolvimento e ruturas
O mundo comunista desenvolvimento e ruturas
 

Último

Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
pamellaaraujo10
 
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdfO livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
dataprovider
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdfA justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
MarcoAurlioResende
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
JakiraCosta
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Mauricio Alexandre Silva
 
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
FredPaixaoeSilva
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Maurício Bratz
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Demetrio Ccesa Rayme
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptxSlides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Mary Alvarenga
 
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptxBem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
MarcoAurlioResende
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
AdrianoMontagna1
 

Último (20)

Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptxRoteiro para análise do Livro Didático.pptx
Roteiro para análise do Livro Didático.pptx
 
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdfO livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
O livro O Corpo Fala, a linguagem da comunicação não verbal.pdf
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdfA justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
A justiça divina segundo o Espiritismo (V2).pdf
 
formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...formação - 2º ano São José da Tapera ...
formação - 2º ano São José da Tapera ...
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptxVivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
Vivendo a Arquitetura Salesforce - 01.pptx
 
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
Discursos Éticos e Políticos Acerca do Meio Ambiente e Desenvolvimento Susten...
 
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdfPrimeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
Primeira fase do modernismo Mapa Mental.pdf
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptxSlides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
Slides Lição 13, CPAD, A Cidade Celestial, 2Tr24.pptx
 
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.Loteria - Adição,  subtração,  multiplicação e divisão.
Loteria - Adição, subtração, multiplicação e divisão.
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.Caça-palavaras  e cruzadinha  - Dígrafos.
Caça-palavaras e cruzadinha - Dígrafos.
 
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptxBem -aventurados pobres de espirito.pptx
Bem -aventurados pobres de espirito.pptx
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
3ª série HIS - PROVA PAULISTA DIA 1 - 1º BIM-24.pdf
 

Comemorar espaços ...

  • 1.
  • 2. O corpo tem mais cotovelos é o título do percurso expositivo pelas obras da Colecção Casa das Histórias Paula Rego. Nasceu da apropriação de uma frase referida em conversa informal pela artista, evocando a difícil tarefa de trabalhar com Modelos e de contar histórias, através do corpo, da sua representação, da sua presença esmagadora e dinamizadora. Os alunos realizaram uma série de atividades de forma a tomarem consciência que o corpo, em arte, pode ser utilizado de várias formas: como modelo, como personagem, como fonte de transfiguração ou, até, como objeto político/intervenção social.
  • 3. Depois do almoço, os alunos do 10ºF foram ao Centro Cultural de Cascais, onde se encontra a exposição Le Carnet de La Californie, de Pablo Picasso. Em La Californie, Picasso transformou uma sala grande em ateliê, espaço que se tornou ele próprio protagonista de muitas das suas obras. A exposição apresenta obras em que Picasso utiliza várias técnicas gráficas (gravura calcográfica, água-tinta, linóleo e litografia), bem como alguns dos livros ilustrados pelo artista no seu ateliê de La Californie,
  • 4. O Palácio e os seus jardins constituem um notável conjunto monumental que apresenta uma vivência intimista da corte portuguesa de Setecentos, ao mesmo tempo que representa momentos de extraordinária relevância histórica e de afirmação do poder real. Apresentar a evolução do gosto da corte nos séculos XVIII e XIX, marcada sobretudo por influências francesas e italianas, num período que percorre o barroco, o rocaille e o neoclássico, constitui uma vocação essencial deste Palácio.
  • 5. O Aqueduto das Águas Livres é um complexo sistema de captação, adução e distribuição de água à cidade de Lisboa, em Portugal, e que tem como obra mais emblemática a grandiosa arcaria em cantaria que se ergue sobre o vale de Alcântara, um dos bilhetes postais de Lisboa. O Aqueduto foi construído durante o reinado de D. João V, com origem na nascente das Águas Livres, em Belas, e foi sendo progressivamente reforçado e ampliado ao longo do século XIX. Resistiu incólume ao Terramoto de 1755.
  • 6. Inaugurado em 2001, o Museu do Teatro Romano pretende mostrar o que foi o Teatro da antiga cidade de Olisipo. Instalado num edifício seiscentista, remodelado ao longo dos séculos, o Museu do Teatro Romano engloba múltiplas áreas onde se expõem testemunhos arqueológicos. Estes vestígios remetem-nos não apenas para a época do Teatro (séc. I), mas também para outros vestígios que testemunham uma intensa ocupação humana deste local.
  • 7. Considerado o monumento mais emblemático da cidade de Lisboa, o Castelo de S. Jorge é um testemunho relevante de momentos ímpares da história de Lisboa e de Portugal. Um dos episódios mais conhecidos é a conquista do castelo aos Mouros por D. Afonso Henriques. Uma lenda surgida mais tarde reza que o cavaleiro Martim Moniz, que se destacara durante o cerco, ao perceber uma das portas do castelo entreaberta, sacrificou a própria vida ao interpor o próprio corpo no vão, impedindo o seu encerramento pelos mouros e permitindo o acesso e a vitória dos companheiros.
  • 8. Os alunos visitaram a exposição permanente do Centro de Arte Moderna, aprendendo a “olhar” para as obras dos Modernistas Portugueses, nomeadamente Amadeo de Souza-Cardoso e Almada Negreiros. Aproveitaram, ainda, para passear num dos mais belos jardins de Lisboa.
  • 9. A meia distância entre o promontório da Guia e o Cabo Raso, situa-se o Forte de S. Jorge, inicialmente também conhecido como baluarte de Oito Ovos por estar perto do cabeço do mesmo nome — hoje designado Oitavos , onde então existia uma vigia. Construído entre 1642 e 1648, a sua planta poligonal de cinco lados desiguais, apoiada sobre a falésia, é exemplo privilegiado de adaptação ao terreno. Ao longo do parapeito posicionam-se as peças de artilharia e na retaguarda, ao centro, ergue-se o antigo quartel e demais dependências abobadadas. Os alunos visitaram uma exposição sobre cartografia antiga e moderna, e, na presença de um elemento do Instituto Geográfico Português, realizaram uma tarefa relacionada com o tema da visita.