SlideShare uma empresa Scribd logo
Classificado como Património de Interesse Municipal, a
Casa Sommer é um importante exemplo de residência
privada oitocentista
1
2
Henrique de Araújo de Sommer
(Lisboa, 29 de Janeiro de 1886 —
Cascais, 28 de Março de 1944) foi
um empresário português,
descendente de uma família alemã
radicada em Portugal.
Ligado ao comércio de ferro, através da Casa Sommer & Cia.,
criada pela família em meados do século XIX, ficaria conhecido
como o pai da indústria cimenteira em Portugal.
3
Em 1920 fundou a Companhia de Cimentos de Leiria, situada
na Maceira, onde foi construído o primeiro forno rotativo,
iniciando-se a produção de Cimento Portland.
Em 1935 a Casa Sommer & Cia. tornou-se no maior acionista da
Companhia Cimentos Tejo, tornando-se o maior produtor de
cimento do país.
Entre outras participações detidas por Henrique de Sommer,
contam-se ainda a Vulcano, empresa fabricante de caldeiras e
radiadores.
Morrendo sem
filhos, em 1945, a
divisão da sua
herança entre irmãs
e sobrinhos deu azo
a um polémico
processo judicial,
conhecido como o
caso da Herança
Sommer.
4
Conjugando referências
ecléticas que misturam o
apogeu do estilo
romântico com um
neoclassicismo
determinante na evolução
da estrutura urbana de
Cascais, o imóvel adquiriu
o nome do seu primeiro
proprietário – Henrique de
Sommer – e foi construído
em finais do Século XIX.
Integrado no movimento
de instalação da corte em
Cascais, acompanhando o
estio da Família Real
durante os reinados de
Dom Luís I e de Dom
Carlos I, a casa Sommer é um excelente exemplo da denominada
‘”Arquitectura de Cenário” que acompanhava a construção de
veraneio.
5
Na década de 80 do século XX, a casa albergou o Centro de
Cultura e Desporto da Câmara Municipal de Cascais.
Em 2003, o Departamento de Cultura da Câmara Municipal de
Cascais propôs a conversão do edifício em Arquivo de História
Local, de que fará parte uma área expositiva dedicada à
História de Cascais, uma exposição permanente consagrada à
casa propriamente dita, salas de exposições temporárias na
cave, área de consulta e biblioteca no andar nobre e área
técnica no último piso.
6
A 22 de julho de 2013 foi possível dar início à obra destinada à
reinstalação do Arquivo Histórico Municipal de Cascais nesta
peça ímpar da arquitetura de veraneio do final do século XIX,
que é já Imóvel de Interesse Municipal.
Findos os trabalhos, a nova Casa Henrique Sommer
proporcionará condições privilegiadas para a preservação,
tratamento e difusão da valiosa documentação a cargo do
município, que remonta ao século XIV. Permitirá, ainda, a
afirmação do Arquivo Histórico Municipal enquanto Centro de
História Local.
7
O futuro Centro de História Local | Arquivo Histórico de Cascais
permitirá recuperar para uso público um edifício de estilo
neoclássico fundamental para a compreensão da história da
arquitetura de veraneio da vila de Cascais. Além disso, irá
permitir a criação de condições privilegiadas para a preservação,
tratamento e difusão da valiosa documentação, tornando-se num
ativo Centro de História Local, aberto à investigação e à
comunidade, com forte dinâmica ao nível da difusão de
informação de interesse para a história do município.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Arquitetura do Ferro
Arquitetura do FerroArquitetura do Ferro
Arquitetura do Ferro
Marcia Rodrigues
 
Avenida Sete De Setembro
Avenida Sete De SetembroAvenida Sete De Setembro
Avenida Sete De Setembro
Rafael Williams
 
Alentejo Pintado
Alentejo PintadoAlentejo Pintado
Alentejo Pintado
BiaEsteves
 
Porto 1914
Porto 1914Porto 1914
Porto 1914
JosSoares614411
 
Folheto da visita de Estudo da Universidade Sénior Contemporânea do Porto a V...
Folheto da visita de Estudo da Universidade Sénior Contemporânea do Porto a V...Folheto da visita de Estudo da Universidade Sénior Contemporânea do Porto a V...
Folheto da visita de Estudo da Universidade Sénior Contemporânea do Porto a V...
Universidade Sénior Contemporânea do Porto
 
Avenida Sete de Setembro
Avenida Sete de SetembroAvenida Sete de Setembro
Avenida Sete de Setembro
Guilherme dias
 
História do Porto Os miradouros da cidade do Porto - Artur Filipe dos Santos ...
História do Porto Os miradouros da cidade do Porto - Artur Filipe dos Santos ...História do Porto Os miradouros da cidade do Porto - Artur Filipe dos Santos ...
História do Porto Os miradouros da cidade do Porto - Artur Filipe dos Santos ...
Universidade Sénior Contemporânea do Porto
 
Av Eduardo Ribeiro
Av Eduardo RibeiroAv Eduardo Ribeiro
Av Eduardo Ribeiro
Luiz Guilherme
 
Historia do porto rua de sá da bandeira - artur filipe dos santos
Historia do porto   rua de sá da bandeira - artur filipe dos santosHistoria do porto   rua de sá da bandeira - artur filipe dos santos
Historia do porto rua de sá da bandeira - artur filipe dos santos
Artur Filipe dos Santos
 
Palácio de Queluz_Alexandre Muller
Palácio de Queluz_Alexandre Muller  Palácio de Queluz_Alexandre Muller
Palácio de Queluz_Alexandre Muller
turmadasjoaninhas
 
Porto 1914
Porto 1914Porto 1914
Porto 1914
cab3032
 
Cidade do porto em 1914
Cidade do porto em 1914Cidade do porto em 1914
Cidade do porto em 1914
Sergio Lagoa
 
As paredes de Bruxelas
As paredes de BruxelasAs paredes de Bruxelas
As paredes de Bruxelas
Umberto Pacheco
 
As paredes de bruxelas
As paredes de bruxelasAs paredes de bruxelas
As paredes de bruxelas
Gustavo Azevedo
 
A Arquitectura do Ferro no século XIX
A Arquitectura do Ferro no século XIXA Arquitectura do Ferro no século XIX
A Arquitectura do Ferro no século XIX
Jorge Almeida
 
Edifícios com história e mozart
Edifícios com história e mozartEdifícios com história e mozart
Edifícios com história e mozart
Pelo Siro
 
As paredes de Bruxelas
As paredes de BruxelasAs paredes de Bruxelas
As paredes de Bruxelas
Douglas Carvalho
 
Pc 0158 as paredes de bruxelas
Pc 0158 as paredes de bruxelasPc 0158 as paredes de bruxelas
Pc 0158 as paredes de bruxelas
Mô...Moema Anita Conceição
 
As paredes de Bruxelas
As paredes de BruxelasAs paredes de Bruxelas
As paredes de Bruxelas
Umberto Pacheco
 

Mais procurados (19)

Arquitetura do Ferro
Arquitetura do FerroArquitetura do Ferro
Arquitetura do Ferro
 
Avenida Sete De Setembro
Avenida Sete De SetembroAvenida Sete De Setembro
Avenida Sete De Setembro
 
Alentejo Pintado
Alentejo PintadoAlentejo Pintado
Alentejo Pintado
 
Porto 1914
Porto 1914Porto 1914
Porto 1914
 
Folheto da visita de Estudo da Universidade Sénior Contemporânea do Porto a V...
Folheto da visita de Estudo da Universidade Sénior Contemporânea do Porto a V...Folheto da visita de Estudo da Universidade Sénior Contemporânea do Porto a V...
Folheto da visita de Estudo da Universidade Sénior Contemporânea do Porto a V...
 
Avenida Sete de Setembro
Avenida Sete de SetembroAvenida Sete de Setembro
Avenida Sete de Setembro
 
História do Porto Os miradouros da cidade do Porto - Artur Filipe dos Santos ...
História do Porto Os miradouros da cidade do Porto - Artur Filipe dos Santos ...História do Porto Os miradouros da cidade do Porto - Artur Filipe dos Santos ...
História do Porto Os miradouros da cidade do Porto - Artur Filipe dos Santos ...
 
Av Eduardo Ribeiro
Av Eduardo RibeiroAv Eduardo Ribeiro
Av Eduardo Ribeiro
 
Historia do porto rua de sá da bandeira - artur filipe dos santos
Historia do porto   rua de sá da bandeira - artur filipe dos santosHistoria do porto   rua de sá da bandeira - artur filipe dos santos
Historia do porto rua de sá da bandeira - artur filipe dos santos
 
Palácio de Queluz_Alexandre Muller
Palácio de Queluz_Alexandre Muller  Palácio de Queluz_Alexandre Muller
Palácio de Queluz_Alexandre Muller
 
Porto 1914
Porto 1914Porto 1914
Porto 1914
 
Cidade do porto em 1914
Cidade do porto em 1914Cidade do porto em 1914
Cidade do porto em 1914
 
As paredes de Bruxelas
As paredes de BruxelasAs paredes de Bruxelas
As paredes de Bruxelas
 
As paredes de bruxelas
As paredes de bruxelasAs paredes de bruxelas
As paredes de bruxelas
 
A Arquitectura do Ferro no século XIX
A Arquitectura do Ferro no século XIXA Arquitectura do Ferro no século XIX
A Arquitectura do Ferro no século XIX
 
Edifícios com história e mozart
Edifícios com história e mozartEdifícios com história e mozart
Edifícios com história e mozart
 
As paredes de Bruxelas
As paredes de BruxelasAs paredes de Bruxelas
As paredes de Bruxelas
 
Pc 0158 as paredes de bruxelas
Pc 0158 as paredes de bruxelasPc 0158 as paredes de bruxelas
Pc 0158 as paredes de bruxelas
 
As paredes de Bruxelas
As paredes de BruxelasAs paredes de Bruxelas
As paredes de Bruxelas
 

Destaque

Arquitetura romana ii
Arquitetura romana iiArquitetura romana ii
Arquitetura romana ii
Ana Barreiros
 
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinemaCorrecao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Ana Barreiros
 
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ana Barreiros
 
Religião e Filosofia da grécia antiga
Religião e Filosofia da grécia antigaReligião e Filosofia da grécia antiga
Religião e Filosofia da grécia antiga
Ana Barreiros
 
O estadio e o teatro
O estadio e o teatroO estadio e o teatro
O estadio e o teatro
Ana Barreiros
 
O século de péricles
O século de périclesO século de péricles
O século de péricles
Ana Barreiros
 
A pólis de atenas
A pólis de atenasA pólis de atenas
A pólis de atenas
Ana Barreiros
 
Arquitetura grega
Arquitetura gregaArquitetura grega
Arquitetura grega
Ana Barreiros
 
Como fazer um powerpoint
Como fazer um powerpointComo fazer um powerpoint
A arte gótica I
A arte gótica IA arte gótica I
A arte gótica I
cattonia
 
A cultura da catedral contexto
A cultura da catedral   contextoA cultura da catedral   contexto
A cultura da catedral contexto
cattonia
 
Arte Gótica e Arte Românica
Arte Gótica e Arte Românica   Arte Gótica e Arte Românica
Arte Gótica e Arte Românica
Filipa Silva
 
Modulo 9 de HCA
Modulo 9 de HCAModulo 9 de HCA
Jacques-Louis David
Jacques-Louis DavidJacques-Louis David
Jacques-Louis David
Carlos Pinheiro
 
A Formação do Povo Grego e das Cidades Estado
A Formação do Povo Grego e das Cidades EstadoA Formação do Povo Grego e das Cidades Estado
A Formação do Povo Grego e das Cidades Estado
Maria Gomes
 
Erecteion
ErecteionErecteion
Erecteion
Ana Barreiros
 
Formação das cidades estado
Formação das cidades estadoFormação das cidades estado
Formação das cidades estado
Carla Teixeira
 
A cultura do cinema
A cultura do cinema   A cultura do cinema
A cultura do cinema
Ana Barreiros
 
(4) biologia e geologia 10º ano - diversidade na biosfera
(4) biologia e geologia   10º ano - diversidade na biosfera(4) biologia e geologia   10º ano - diversidade na biosfera
(4) biologia e geologia 10º ano - diversidade na biosfera
Hugo Martins
 

Destaque (20)

Arquitetura romana ii
Arquitetura romana iiArquitetura romana ii
Arquitetura romana ii
 
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinemaCorrecao 2ª ficha formativa cultura do cinema
Correcao 2ª ficha formativa cultura do cinema
 
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
Ficha formativa "A Cultura do Cinema 1"
 
Religião e Filosofia da grécia antiga
Religião e Filosofia da grécia antigaReligião e Filosofia da grécia antiga
Religião e Filosofia da grécia antiga
 
O estadio e o teatro
O estadio e o teatroO estadio e o teatro
O estadio e o teatro
 
O século de péricles
O século de périclesO século de péricles
O século de péricles
 
A pólis de atenas
A pólis de atenasA pólis de atenas
A pólis de atenas
 
Arquitetura grega
Arquitetura gregaArquitetura grega
Arquitetura grega
 
Como fazer um powerpoint
Como fazer um powerpointComo fazer um powerpoint
Como fazer um powerpoint
 
Arquitetura grega
Arquitetura gregaArquitetura grega
Arquitetura grega
 
A arte gótica I
A arte gótica IA arte gótica I
A arte gótica I
 
A cultura da catedral contexto
A cultura da catedral   contextoA cultura da catedral   contexto
A cultura da catedral contexto
 
Arte Gótica e Arte Românica
Arte Gótica e Arte Românica   Arte Gótica e Arte Românica
Arte Gótica e Arte Românica
 
Modulo 9 de HCA
Modulo 9 de HCAModulo 9 de HCA
Modulo 9 de HCA
 
Jacques-Louis David
Jacques-Louis DavidJacques-Louis David
Jacques-Louis David
 
A Formação do Povo Grego e das Cidades Estado
A Formação do Povo Grego e das Cidades EstadoA Formação do Povo Grego e das Cidades Estado
A Formação do Povo Grego e das Cidades Estado
 
Erecteion
ErecteionErecteion
Erecteion
 
Formação das cidades estado
Formação das cidades estadoFormação das cidades estado
Formação das cidades estado
 
A cultura do cinema
A cultura do cinema   A cultura do cinema
A cultura do cinema
 
(4) biologia e geologia 10º ano - diversidade na biosfera
(4) biologia e geologia   10º ano - diversidade na biosfera(4) biologia e geologia   10º ano - diversidade na biosfera
(4) biologia e geologia 10º ano - diversidade na biosfera
 

Semelhante a Casa Sommer

Museu Nacional Machado de Castro - Património Cultural e Paisagístico Portugu...
Museu Nacional Machado de Castro - Património Cultural e Paisagístico Portugu...Museu Nacional Machado de Castro - Património Cultural e Paisagístico Portugu...
Museu Nacional Machado de Castro - Património Cultural e Paisagístico Portugu...
Universidade Sénior Contemporânea do Porto
 
Metrô 4
Metrô 4Metrô 4
Urabanismo mobilidadedr23
Urabanismo mobilidadedr23Urabanismo mobilidadedr23
Urabanismo mobilidadedr23
MSamagaio
 
Artur Filipe dos Santos - História da cidade e dos monumentos portuenses o ...
Artur Filipe dos Santos - História da cidade e dos monumentos portuenses   o ...Artur Filipe dos Santos - História da cidade e dos monumentos portuenses   o ...
Artur Filipe dos Santos - História da cidade e dos monumentos portuenses o ...
Artur Filipe dos Santos
 
Sintra-Paláciode Monserrate
Sintra-Paláciode MonserrateSintra-Paláciode Monserrate
Sintra-Paláciode Monserrate
Umberto Pacheco
 
Palacio de Monserrate Sintra!!!
Palacio de Monserrate Sintra!!!Palacio de Monserrate Sintra!!!
Palacio de Monserrate Sintra!!!
guest9bbb21
 
Palacio De Monserrate Sintra
Palacio De Monserrate SintraPalacio De Monserrate Sintra
Palacio De Monserrate Sintra
Beatris Lopes
 
Sintra-Paláciode Monserrate
Sintra-Paláciode MonserrateSintra-Paláciode Monserrate
Sintra-Paláciode Monserrate
Umberto Pacheco
 
PaláCio D[1]..
PaláCio D[1]..PaláCio D[1]..
PaláCio D[1]..
Espacoinovarte
 
Palacio de Monserrate-Sintra
Palacio de Monserrate-SintraPalacio de Monserrate-Sintra
Palacio de Monserrate-Sintra
BiaEsteves
 
Palaciode monserrate sintra!!!
Palaciode monserrate sintra!!!Palaciode monserrate sintra!!!
Palaciode monserrate sintra!!!
Nuno Costa
 
Palaciode monserrate sintra!!!
Palaciode monserrate sintra!!!Palaciode monserrate sintra!!!
Palaciode monserrate sintra!!!
gutaschimidt2011
 
Palacio De Monserrate Sintra
Palacio De Monserrate SintraPalacio De Monserrate Sintra
Palacio De Monserrate Sintra
guestc0139f
 
Padypaper
PadypaperPadypaper
Padypaper
Sousa1973
 
Palacio De Monserrate Sintra !!!(Com Creditos)
Palacio De Monserrate   Sintra !!!(Com Creditos)Palacio De Monserrate   Sintra !!!(Com Creditos)
Palacio De Monserrate Sintra !!!(Com Creditos)
acilina
 
História do Porto - Jardim João Chagas - Professor Doutor Artur Filipe dos Sa...
História do Porto - Jardim João Chagas - Professor Doutor Artur Filipe dos Sa...História do Porto - Jardim João Chagas - Professor Doutor Artur Filipe dos Sa...
História do Porto - Jardim João Chagas - Professor Doutor Artur Filipe dos Sa...
Artur Filipe dos Santos
 
História do Porto - Jardins e Praças do Porto : JARDIM DE JOÃO CHAGAS - Artur...
História do Porto - Jardins e Praças do Porto: JARDIM DE JOÃO CHAGAS - Artur...História do Porto - Jardins e Praças do Porto: JARDIM DE JOÃO CHAGAS - Artur...
História do Porto - Jardins e Praças do Porto : JARDIM DE JOÃO CHAGAS - Artur...
Universidade Sénior Contemporânea do Porto
 
URBANISMO E MOBILIDADE - MONUMENTOS PORTUGUESES Estilo Neoclássico
URBANISMO E MOBILIDADE - MONUMENTOS PORTUGUESES Estilo Neoclássico URBANISMO E MOBILIDADE - MONUMENTOS PORTUGUESES Estilo Neoclássico
URBANISMO E MOBILIDADE - MONUMENTOS PORTUGUESES Estilo Neoclássico
Fernando de Sá
 
Urbanismo e Mobilidade - Monumentos Portugueses
Urbanismo e Mobilidade - Monumentos PortuguesesUrbanismo e Mobilidade - Monumentos Portugueses
Urbanismo e Mobilidade - Monumentos Portugueses
Fernando de Sá
 
São cristóvão
São cristóvãoSão cristóvão
São cristóvão
Fatima de Luzie Cavalcante
 

Semelhante a Casa Sommer (20)

Museu Nacional Machado de Castro - Património Cultural e Paisagístico Portugu...
Museu Nacional Machado de Castro - Património Cultural e Paisagístico Portugu...Museu Nacional Machado de Castro - Património Cultural e Paisagístico Portugu...
Museu Nacional Machado de Castro - Património Cultural e Paisagístico Portugu...
 
Metrô 4
Metrô 4Metrô 4
Metrô 4
 
Urabanismo mobilidadedr23
Urabanismo mobilidadedr23Urabanismo mobilidadedr23
Urabanismo mobilidadedr23
 
Artur Filipe dos Santos - História da cidade e dos monumentos portuenses o ...
Artur Filipe dos Santos - História da cidade e dos monumentos portuenses   o ...Artur Filipe dos Santos - História da cidade e dos monumentos portuenses   o ...
Artur Filipe dos Santos - História da cidade e dos monumentos portuenses o ...
 
Sintra-Paláciode Monserrate
Sintra-Paláciode MonserrateSintra-Paláciode Monserrate
Sintra-Paláciode Monserrate
 
Palacio de Monserrate Sintra!!!
Palacio de Monserrate Sintra!!!Palacio de Monserrate Sintra!!!
Palacio de Monserrate Sintra!!!
 
Palacio De Monserrate Sintra
Palacio De Monserrate SintraPalacio De Monserrate Sintra
Palacio De Monserrate Sintra
 
Sintra-Paláciode Monserrate
Sintra-Paláciode MonserrateSintra-Paláciode Monserrate
Sintra-Paláciode Monserrate
 
PaláCio D[1]..
PaláCio D[1]..PaláCio D[1]..
PaláCio D[1]..
 
Palacio de Monserrate-Sintra
Palacio de Monserrate-SintraPalacio de Monserrate-Sintra
Palacio de Monserrate-Sintra
 
Palaciode monserrate sintra!!!
Palaciode monserrate sintra!!!Palaciode monserrate sintra!!!
Palaciode monserrate sintra!!!
 
Palaciode monserrate sintra!!!
Palaciode monserrate sintra!!!Palaciode monserrate sintra!!!
Palaciode monserrate sintra!!!
 
Palacio De Monserrate Sintra
Palacio De Monserrate SintraPalacio De Monserrate Sintra
Palacio De Monserrate Sintra
 
Padypaper
PadypaperPadypaper
Padypaper
 
Palacio De Monserrate Sintra !!!(Com Creditos)
Palacio De Monserrate   Sintra !!!(Com Creditos)Palacio De Monserrate   Sintra !!!(Com Creditos)
Palacio De Monserrate Sintra !!!(Com Creditos)
 
História do Porto - Jardim João Chagas - Professor Doutor Artur Filipe dos Sa...
História do Porto - Jardim João Chagas - Professor Doutor Artur Filipe dos Sa...História do Porto - Jardim João Chagas - Professor Doutor Artur Filipe dos Sa...
História do Porto - Jardim João Chagas - Professor Doutor Artur Filipe dos Sa...
 
História do Porto - Jardins e Praças do Porto : JARDIM DE JOÃO CHAGAS - Artur...
História do Porto - Jardins e Praças do Porto: JARDIM DE JOÃO CHAGAS - Artur...História do Porto - Jardins e Praças do Porto: JARDIM DE JOÃO CHAGAS - Artur...
História do Porto - Jardins e Praças do Porto : JARDIM DE JOÃO CHAGAS - Artur...
 
URBANISMO E MOBILIDADE - MONUMENTOS PORTUGUESES Estilo Neoclássico
URBANISMO E MOBILIDADE - MONUMENTOS PORTUGUESES Estilo Neoclássico URBANISMO E MOBILIDADE - MONUMENTOS PORTUGUESES Estilo Neoclássico
URBANISMO E MOBILIDADE - MONUMENTOS PORTUGUESES Estilo Neoclássico
 
Urbanismo e Mobilidade - Monumentos Portugueses
Urbanismo e Mobilidade - Monumentos PortuguesesUrbanismo e Mobilidade - Monumentos Portugueses
Urbanismo e Mobilidade - Monumentos Portugueses
 
São cristóvão
São cristóvãoSão cristóvão
São cristóvão
 

Mais de Ana Barreiros

Pintura barroca na Europa
Pintura barroca na EuropaPintura barroca na Europa
Pintura barroca na Europa
Ana Barreiros
 
Rubrica de avaliação
Rubrica de avaliação Rubrica de avaliação
Rubrica de avaliação
Ana Barreiros
 
Lista de verificação e-atividade
Lista de verificação e-atividade Lista de verificação e-atividade
Lista de verificação e-atividade
Ana Barreiros
 
O romantismo
O romantismoO romantismo
O romantismo
Ana Barreiros
 
Bairro dos museus
Bairro dos museusBairro dos museus
Bairro dos museus
Ana Barreiros
 
Imagens de Arquitetura Barroca
Imagens de Arquitetura BarrocaImagens de Arquitetura Barroca
Imagens de Arquitetura Barroca
Ana Barreiros
 
Pintura do quattrocento
Pintura do quattrocentoPintura do quattrocento
Pintura do quattrocento
Ana Barreiros
 
O aparecimento da arte gotica
O aparecimento da arte goticaO aparecimento da arte gotica
O aparecimento da arte gotica
Ana Barreiros
 
Escultura romana
Escultura romanaEscultura romana
Escultura romana
Ana Barreiros
 
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºGA modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
Ana Barreiros
 
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ana Barreiros
 
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ana Barreiros
 
Ficha "A Cultura do Palco"
Ficha "A Cultura do Palco"Ficha "A Cultura do Palco"
Ficha "A Cultura do Palco"
Ana Barreiros
 
Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"
Ana Barreiros
 
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesFicha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ana Barreiros
 
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcaoFicha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ana Barreiros
 
Ficha formativa 1 HGP 6º ano
Ficha formativa 1 HGP 6º anoFicha formativa 1 HGP 6º ano
Ficha formativa 1 HGP 6º ano
Ana Barreiros
 
As artes na atualidade
As artes na atualidadeAs artes na atualidade
As artes na atualidade
Ana Barreiros
 
Cultura do espaço virtual
Cultura do espaço virtual Cultura do espaço virtual
Cultura do espaço virtual
Ana Barreiros
 
A arquitetura da 1ª metade século xx
A arquitetura da 1ª metade século xxA arquitetura da 1ª metade século xx
A arquitetura da 1ª metade século xx
Ana Barreiros
 

Mais de Ana Barreiros (20)

Pintura barroca na Europa
Pintura barroca na EuropaPintura barroca na Europa
Pintura barroca na Europa
 
Rubrica de avaliação
Rubrica de avaliação Rubrica de avaliação
Rubrica de avaliação
 
Lista de verificação e-atividade
Lista de verificação e-atividade Lista de verificação e-atividade
Lista de verificação e-atividade
 
O romantismo
O romantismoO romantismo
O romantismo
 
Bairro dos museus
Bairro dos museusBairro dos museus
Bairro dos museus
 
Imagens de Arquitetura Barroca
Imagens de Arquitetura BarrocaImagens de Arquitetura Barroca
Imagens de Arquitetura Barroca
 
Pintura do quattrocento
Pintura do quattrocentoPintura do quattrocento
Pintura do quattrocento
 
O aparecimento da arte gotica
O aparecimento da arte goticaO aparecimento da arte gotica
O aparecimento da arte gotica
 
Escultura romana
Escultura romanaEscultura romana
Escultura romana
 
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºGA modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
A modernização de Portugal na 2ª metade séc. XIX - trabalho de Beatriz, 6ºG
 
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 2"
 
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
Ficha formativa "A Cultura da Gare 1"
 
Ficha "A Cultura do Palco"
Ficha "A Cultura do Palco"Ficha "A Cultura do Palco"
Ficha "A Cultura do Palco"
 
Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"Ficha "A Cultura do Salão"
Ficha "A Cultura do Salão"
 
Ficha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoesFicha formativa grandes_civilizacoes
Ficha formativa grandes_civilizacoes
 
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcaoFicha formativa 1820 e o liberalismo correcao
Ficha formativa 1820 e o liberalismo correcao
 
Ficha formativa 1 HGP 6º ano
Ficha formativa 1 HGP 6º anoFicha formativa 1 HGP 6º ano
Ficha formativa 1 HGP 6º ano
 
As artes na atualidade
As artes na atualidadeAs artes na atualidade
As artes na atualidade
 
Cultura do espaço virtual
Cultura do espaço virtual Cultura do espaço virtual
Cultura do espaço virtual
 
A arquitetura da 1ª metade século xx
A arquitetura da 1ª metade século xxA arquitetura da 1ª metade século xx
A arquitetura da 1ª metade século xx
 

Último

-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
fagnerlopes11
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
ProfessoraTatianaT
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
todorokillmepls
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
JoanaFigueira11
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 

Último (20)

-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
-Rudolf-Laban-e-a-teoria-do-movimento.ppt
 
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGTUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
TUTORIAL PARA LANÇAMENTOGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGGG
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdfcronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
cronograma-enem-2024-planejativo-estudos.pdf
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
497417426-conheca-os-principais-graficos-da-radiestesia-e-da-radionica.pdf
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 

Casa Sommer

  • 1. Classificado como Património de Interesse Municipal, a Casa Sommer é um importante exemplo de residência privada oitocentista 1
  • 2. 2 Henrique de Araújo de Sommer (Lisboa, 29 de Janeiro de 1886 — Cascais, 28 de Março de 1944) foi um empresário português, descendente de uma família alemã radicada em Portugal. Ligado ao comércio de ferro, através da Casa Sommer & Cia., criada pela família em meados do século XIX, ficaria conhecido como o pai da indústria cimenteira em Portugal.
  • 3. 3 Em 1920 fundou a Companhia de Cimentos de Leiria, situada na Maceira, onde foi construído o primeiro forno rotativo, iniciando-se a produção de Cimento Portland. Em 1935 a Casa Sommer & Cia. tornou-se no maior acionista da Companhia Cimentos Tejo, tornando-se o maior produtor de cimento do país. Entre outras participações detidas por Henrique de Sommer, contam-se ainda a Vulcano, empresa fabricante de caldeiras e radiadores. Morrendo sem filhos, em 1945, a divisão da sua herança entre irmãs e sobrinhos deu azo a um polémico processo judicial, conhecido como o caso da Herança Sommer.
  • 4. 4 Conjugando referências ecléticas que misturam o apogeu do estilo romântico com um neoclassicismo determinante na evolução da estrutura urbana de Cascais, o imóvel adquiriu o nome do seu primeiro proprietário – Henrique de Sommer – e foi construído em finais do Século XIX. Integrado no movimento de instalação da corte em Cascais, acompanhando o estio da Família Real durante os reinados de Dom Luís I e de Dom Carlos I, a casa Sommer é um excelente exemplo da denominada ‘”Arquitectura de Cenário” que acompanhava a construção de veraneio.
  • 5. 5 Na década de 80 do século XX, a casa albergou o Centro de Cultura e Desporto da Câmara Municipal de Cascais. Em 2003, o Departamento de Cultura da Câmara Municipal de Cascais propôs a conversão do edifício em Arquivo de História Local, de que fará parte uma área expositiva dedicada à História de Cascais, uma exposição permanente consagrada à casa propriamente dita, salas de exposições temporárias na cave, área de consulta e biblioteca no andar nobre e área técnica no último piso.
  • 6. 6 A 22 de julho de 2013 foi possível dar início à obra destinada à reinstalação do Arquivo Histórico Municipal de Cascais nesta peça ímpar da arquitetura de veraneio do final do século XIX, que é já Imóvel de Interesse Municipal. Findos os trabalhos, a nova Casa Henrique Sommer proporcionará condições privilegiadas para a preservação, tratamento e difusão da valiosa documentação a cargo do município, que remonta ao século XIV. Permitirá, ainda, a afirmação do Arquivo Histórico Municipal enquanto Centro de História Local.
  • 7. 7 O futuro Centro de História Local | Arquivo Histórico de Cascais permitirá recuperar para uso público um edifício de estilo neoclássico fundamental para a compreensão da história da arquitetura de veraneio da vila de Cascais. Além disso, irá permitir a criação de condições privilegiadas para a preservação, tratamento e difusão da valiosa documentação, tornando-se num ativo Centro de História Local, aberto à investigação e à comunidade, com forte dinâmica ao nível da difusão de informação de interesse para a história do município.