SlideShare uma empresa Scribd logo
7 ERROS QUE VOCÊ
NÃO PODE COMETER
NA SUA GESTÃO DE PROJETOS
Gestão de Projetos é a capacidade de planejar
e executar um projeto desde sua concepção
até a entrega final para o cliente.
As empresas têm enfrentado cada vez mais desafios
ao encarar projetos - dos mais complexos aos mais
simples.
Tenha isso sempre em mente:
Dependendo do projeto que sua empresa irá
desenvolver todas as falhas podem ficar expostas
se todos os fatores não estiverem bem amarrados.
Acompanhe, a seguir, os 7 erros que você
não pode cometer na sua Gestão de Projetos!
Esse é o primeiro passo e isso não é por acaso.
Entenda o que o cliente espera e qual seu
objetivo com o entregável. Ter clareza desses
pontos ajudará todo o seu planejamento.
A partir disso, você poderá:
➔ Calcular o tempo necessário
para chegar ao objetivo.
➔ Contabilizar quantos e quais
profissionais precisarão estar
envolvidos no projeto.
➔ Saber qual será exatamente
o esforço necessário.
1.
ENTENDA O PROJETO
Essa parte é fundamental
para não termos surpresas
desagradáveis e
incontornáveis no meio do
caminho.
2.
TENHA UM GP
O GP é como o maestro
da banda: para que ela
toque, ele precisa reger
de forma correta.
O Gestor de Projetos é o principal
responsável pelo sucesso de um projeto.
E, obviamente, pelo fracasso também.
Pontos-chave do seu escopo:
Centralizar as decisões a serem tomadas.
O time pode (e deve!) contribuir com
pontos de vista e necessidades, mas o
GP decide o que deve ser feito.
Direcionar sua equipe.
A figura do GP é necessária para
definir prioridades e traçar estratégias
dentro do objetivo do projeto.
Priorizar demandas.
Estar alinhado com o cliente
e com a sua equipe.
É o cronograma que vai guiar as metas,
as rotinas e os esforços do time. Tudo
gira em torno do dele.
Isso possibilita que o GP perceba com
antecedência o momento de
redirecionar os esforços do time para
cumprir o cronograma.
O tempo é valioso. E o
cronograma é
fundamental para que
nunca haja desperdício
dele!
3.
CRIE UM
CRONOGRAMA
...E a sua entrega depende
diretamente disso.
Acredite: por mais
comprometido que o cliente
esteja com o projeto, você vai ter
que lembrá-lo disso pelo menos
uma vez durante a trajetória.
4.
O CLIENTE PRECISA
CUMPRIR A SUA
PARTE…
➔ É importante deixar claro que as
entregas do cliente vão pautar o
projeto todo: do cronograma até
a entrega final.
Que tal baixar o ebook “Os 7 erros que você
não pode cometer na sua Gestão de Projetos ”?
Você poderá se aprofundar ainda mais no
assunto para acertar em cheio em seus
próximos projetos!
Ebook
Baixe aqui!
Os 7 erros que você
não pode cometer
na sua Gestão de Projetos
Vale para os dois lados: para a
sua empresa e para o cliente.
É preciso ter alguém que concentre
todas as decisões e toda a comunicação
— das aprovações de pequenas
entregas até a entrega final.
Defina, logo no início, os Pontos Focais
e concentre as demandas do projeto
nessas pessoas. Isso minimiza a chance
de ruídos na comunicação, de atrasos e
conflitos desnecessários.
5.
TENHA UM
PONTO FOCAL
Nem sempre a teoria funciona na prática. E aí
é o momento de ter sabedoria (e sagacidade!)
para mudar rapidamente a metodologia de
trabalho. Ajustes podem ser necessários.
Você só vai saber se tentar!
➔ Não se acomode! Pense sempre em
melhoria contínua. Lembre do objetivo
do projeto: gerar valor para cliente. Se
necessário, repense a metodologia até
chegar na melhor possível.
6.
ERRE RÁPIDO
Importante! Estamos falando em metodologia, mas isso
também pode acontecer no formato da entrega. Se o
Gestor perceber que o entregável não terá a qualidade
necessária se o formato não for modificado: sinal
vermelho! Hora de parar, reavaliar, trocar ideias com a
equipe e o ponto focal e chegar em um denominador
comum que seja bom para todo mundo.
Easter Egg: se você está familiarizado com as Metodologias
Ágeis provavelmente lembrou do Método Lean aqui, certo?
Sim, trouxemos elementos do Lean para embasar esse
item que, na verdade, é importante não só para projetos
corporativos, como para qualquer implementação.
➔ Para um Gestor de Projetos, esse precisa ser
o mantra de todos os dias: “Errar rápido e
corrigir mais rápido ainda”.
!
Validar pequenas partes do trabalho e fazer
pequenas entregas proporciona para o
cliente um gostinho da entrega final e
direciona a equipe para um entregável o
mais próximo da perfeição possível.
➔ Vamos relembrar o que
falamos anteriormente: o
objetivo maior do projeto
é a criação de valor para o
seu cliente. E o GP precisa
manter esse foco.
7.
VALIDE SUAS
ENTREGAS EM
PEQUENAS PARTES
➔ A MJV aplica conceitos de Ágil e Lean em tudo o
que faz. Isso nos permite trabalhar de maneira
bastante flexível e interativa, resultando em
entregas mais eficientes e produtos com mais
alinhamento estratégico.
➔ O primeiro passo de todos os nossos projetos é
Design Thinking. A abordagem criativa que
soluciona problemas envolvendo experimentação
contínua ao longo das suas quatro fases: imersão,
análise, ideação e prototipagem.
BÔNUS: ESCOLHA AS
FERRAMENTAS CERTAS.
Esse é o nosso DNA e o nosso jeito de fazer. É
claro que cada projeto pede adaptações das
metodologias e até mesmo combinações com
outras tecnologias emergentes e abordagens,
como Data Science e Futurismo.
O mais importante é sempre manter o
mindset voltado para inovação. É isso
que fazemos e é isso que um bom
Gestor de Projetos deve sempre
manter vivo dentro dele: transformar
negócios em novos negócios.
As dicas que trouxemos aqui valem para qualquer
empresa, projeto ou setor. Caso tenha dúvidas
específicas para sua necessidade, podemos tomar
um café e conversar melhor não só sobre os erros
que não podem acontecer mas também sobre
acertos que farão toda diferença em seu projeto.
Como podemos ajudar?
CONCLUSÃO
www.mjvinnovation.com
Mauricio Vianna, CEO
mvianna@mjvinnovation.com
Ysmar Vianna, Chairman
yvianna@mjvinnovation.com
Atlanta  Houston  Rio de Janeiro  Sao Paulo  Alphaville  Curitiba  London  Paris  Lisbon  Rome

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pocket Content Design Sprint: testando ideias em apenas cinco dias
Pocket Content Design Sprint: testando ideias em apenas cinco diasPocket Content Design Sprint: testando ideias em apenas cinco dias
Pocket Content Design Sprint: testando ideias em apenas cinco dias
MJV Technology & Innovation Brasil
 
DevOps - Reduza o tempo de entrega da sua TI
DevOps - Reduza o tempo de entrega da sua TIDevOps - Reduza o tempo de entrega da sua TI
DevOps - Reduza o tempo de entrega da sua TI
MJV Technology & Innovation Brasil
 
[Pocket Content] Design Thinking e Ágil: inovação de ponta a ponta
[Pocket Content] Design Thinking e Ágil: inovação de ponta a ponta[Pocket Content] Design Thinking e Ágil: inovação de ponta a ponta
[Pocket Content] Design Thinking e Ágil: inovação de ponta a ponta
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Métodos Agéis e como podem ser usados em projetos de BPM. Agile BPM
Métodos Agéis e como podem ser usados em projetos de BPM.  Agile BPMMétodos Agéis e como podem ser usados em projetos de BPM.  Agile BPM
Métodos Agéis e como podem ser usados em projetos de BPM. Agile BPM
Lecom Tecnologia
 
BPM Day SP 2016 - O que a automacao pode fazer pelos seus processos
BPM Day SP 2016 - O que a automacao pode fazer pelos seus processos BPM Day SP 2016 - O que a automacao pode fazer pelos seus processos
BPM Day SP 2016 - O que a automacao pode fazer pelos seus processos
Lecom Tecnologia
 
Implementando o Desenvolvimento Lean de Software - Do conceito ao dinheiro
Implementando o Desenvolvimento Lean de Software - Do conceito ao dinheiroImplementando o Desenvolvimento Lean de Software - Do conceito ao dinheiro
Implementando o Desenvolvimento Lean de Software - Do conceito ao dinheiro
Taller Negócio Digitais
 
[Café com BPM Setor Público] Como conceber transformações
[Café com BPM Setor Público] Como conceber transformações[Café com BPM Setor Público] Como conceber transformações
[Café com BPM Setor Público] Como conceber transformações
EloGroup
 
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
EloGroup
 
[Café com BPM - Setor Privado] Como implantar transformações organizacionais ...
[Café com BPM - Setor Privado] Como implantar transformações organizacionais ...[Café com BPM - Setor Privado] Como implantar transformações organizacionais ...
[Café com BPM - Setor Privado] Como implantar transformações organizacionais ...
EloGroup
 
[Café com BPM Setor Privado] Como conceber transformações
[Café com BPM Setor Privado] Como conceber transformações[Café com BPM Setor Privado] Como conceber transformações
[Café com BPM Setor Privado] Como conceber transformações
EloGroup
 
Carreira de Product Manager em 18 minutos
Carreira de Product Manager em 18 minutosCarreira de Product Manager em 18 minutos
Carreira de Product Manager em 18 minutos
Diego Eis
 
BPM Day SP 2016 - Um discurso de venda de bpm nas organizações
BPM Day SP 2016 - Um discurso de venda de bpm nas organizaçõesBPM Day SP 2016 - Um discurso de venda de bpm nas organizações
BPM Day SP 2016 - Um discurso de venda de bpm nas organizações
Lecom Tecnologia
 
Como o Analista de Negócio entrega valor para empresas de software?
Como o Analista de Negócio entrega valor para empresas de software?Como o Analista de Negócio entrega valor para empresas de software?
Como o Analista de Negócio entrega valor para empresas de software?
Rildo (@rildosan) Santos
 
Governança e Gestão - 7ª Aula
Governança e Gestão - 7ª AulaGovernança e Gestão - 7ª Aula
Governança e Gestão - 7ª Aula
Alessandro Almeida
 
O papel do analista de negócios no mundo ágil
O papel do analista de negócios no mundo ágilO papel do analista de negócios no mundo ágil
O papel do analista de negócios no mundo ágil
Marcely Santos
 
Produtividade em Desenvolvimento de Software
Produtividade em Desenvolvimento de SoftwareProdutividade em Desenvolvimento de Software
Produtividade em Desenvolvimento de Software
Rildo (@rildosan) Santos
 
Agile explicacao 18
Agile explicacao 18Agile explicacao 18
Agile explicacao 18
Júlio Ferreira
 
Disrupção Digital - Sua empresa na liderança do mercado
Disrupção Digital - Sua empresa na liderança do mercadoDisrupção Digital - Sua empresa na liderança do mercado
Disrupção Digital - Sua empresa na liderança do mercado
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos DigitaisService Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Diego Eis
 
[Café com BPM Setor Público] BPMS
[Café com BPM Setor Público] BPMS[Café com BPM Setor Público] BPMS
[Café com BPM Setor Público] BPMS
EloGroup
 

Mais procurados (20)

Pocket Content Design Sprint: testando ideias em apenas cinco dias
Pocket Content Design Sprint: testando ideias em apenas cinco diasPocket Content Design Sprint: testando ideias em apenas cinco dias
Pocket Content Design Sprint: testando ideias em apenas cinco dias
 
DevOps - Reduza o tempo de entrega da sua TI
DevOps - Reduza o tempo de entrega da sua TIDevOps - Reduza o tempo de entrega da sua TI
DevOps - Reduza o tempo de entrega da sua TI
 
[Pocket Content] Design Thinking e Ágil: inovação de ponta a ponta
[Pocket Content] Design Thinking e Ágil: inovação de ponta a ponta[Pocket Content] Design Thinking e Ágil: inovação de ponta a ponta
[Pocket Content] Design Thinking e Ágil: inovação de ponta a ponta
 
Métodos Agéis e como podem ser usados em projetos de BPM. Agile BPM
Métodos Agéis e como podem ser usados em projetos de BPM.  Agile BPMMétodos Agéis e como podem ser usados em projetos de BPM.  Agile BPM
Métodos Agéis e como podem ser usados em projetos de BPM. Agile BPM
 
BPM Day SP 2016 - O que a automacao pode fazer pelos seus processos
BPM Day SP 2016 - O que a automacao pode fazer pelos seus processos BPM Day SP 2016 - O que a automacao pode fazer pelos seus processos
BPM Day SP 2016 - O que a automacao pode fazer pelos seus processos
 
Implementando o Desenvolvimento Lean de Software - Do conceito ao dinheiro
Implementando o Desenvolvimento Lean de Software - Do conceito ao dinheiroImplementando o Desenvolvimento Lean de Software - Do conceito ao dinheiro
Implementando o Desenvolvimento Lean de Software - Do conceito ao dinheiro
 
[Café com BPM Setor Público] Como conceber transformações
[Café com BPM Setor Público] Como conceber transformações[Café com BPM Setor Público] Como conceber transformações
[Café com BPM Setor Público] Como conceber transformações
 
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
[Café com BPM Setor Privado] Da Melhoria Contínua para Grandes Transformações
 
[Café com BPM - Setor Privado] Como implantar transformações organizacionais ...
[Café com BPM - Setor Privado] Como implantar transformações organizacionais ...[Café com BPM - Setor Privado] Como implantar transformações organizacionais ...
[Café com BPM - Setor Privado] Como implantar transformações organizacionais ...
 
[Café com BPM Setor Privado] Como conceber transformações
[Café com BPM Setor Privado] Como conceber transformações[Café com BPM Setor Privado] Como conceber transformações
[Café com BPM Setor Privado] Como conceber transformações
 
Carreira de Product Manager em 18 minutos
Carreira de Product Manager em 18 minutosCarreira de Product Manager em 18 minutos
Carreira de Product Manager em 18 minutos
 
BPM Day SP 2016 - Um discurso de venda de bpm nas organizações
BPM Day SP 2016 - Um discurso de venda de bpm nas organizaçõesBPM Day SP 2016 - Um discurso de venda de bpm nas organizações
BPM Day SP 2016 - Um discurso de venda de bpm nas organizações
 
Como o Analista de Negócio entrega valor para empresas de software?
Como o Analista de Negócio entrega valor para empresas de software?Como o Analista de Negócio entrega valor para empresas de software?
Como o Analista de Negócio entrega valor para empresas de software?
 
Governança e Gestão - 7ª Aula
Governança e Gestão - 7ª AulaGovernança e Gestão - 7ª Aula
Governança e Gestão - 7ª Aula
 
O papel do analista de negócios no mundo ágil
O papel do analista de negócios no mundo ágilO papel do analista de negócios no mundo ágil
O papel do analista de negócios no mundo ágil
 
Produtividade em Desenvolvimento de Software
Produtividade em Desenvolvimento de SoftwareProdutividade em Desenvolvimento de Software
Produtividade em Desenvolvimento de Software
 
Agile explicacao 18
Agile explicacao 18Agile explicacao 18
Agile explicacao 18
 
Disrupção Digital - Sua empresa na liderança do mercado
Disrupção Digital - Sua empresa na liderança do mercadoDisrupção Digital - Sua empresa na liderança do mercado
Disrupção Digital - Sua empresa na liderança do mercado
 
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos DigitaisService Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
Service Dominant Logic - S-D Logic em Produtos Digitais
 
[Café com BPM Setor Público] BPMS
[Café com BPM Setor Público] BPMS[Café com BPM Setor Público] BPMS
[Café com BPM Setor Público] BPMS
 

Semelhante a 7 Erros que você não pode cometer na sua Gestão de Projetos

Planejamento Estratégico Comercial - Colocando em Prática
Planejamento Estratégico Comercial - Colocando em PráticaPlanejamento Estratégico Comercial - Colocando em Prática
Planejamento Estratégico Comercial - Colocando em Prática
Norberto Almeida De Andrade
 
Você está evoluindo seu produto de forma ágil?
Você está evoluindo  seu produto de  forma ágil?Você está evoluindo  seu produto de  forma ágil?
Você está evoluindo seu produto de forma ágil?
Mary Provinciatto
 
Como expor o valor de gerenciamento de projetos para pequenas e médias empresas
Como expor o valor de gerenciamento de projetos para pequenas e médias empresasComo expor o valor de gerenciamento de projetos para pequenas e médias empresas
Como expor o valor de gerenciamento de projetos para pequenas e médias empresas
Stakeholder
 
Gestão de projetos
Gestão de projetosGestão de projetos
Gestão de projetos
Liliane Farias
 
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de ProjetosUma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Giovani Elísio Silva
 
Bh gp36-int-golive grupo-dinamo
Bh gp36-int-golive grupo-dinamoBh gp36-int-golive grupo-dinamo
Bh gp36-int-golive grupo-dinamo
Marco Coghi
 
7 passos-gestao-de-projeto
7 passos-gestao-de-projeto7 passos-gestao-de-projeto
7 passos-gestao-de-projeto
Carol Ribeiro
 
7 passos-gestao-de-projeto
7 passos-gestao-de-projeto7 passos-gestao-de-projeto
7 passos-gestao-de-projeto
Carlos M. M. Fernandes
 
Os 10 maiores erros em projetos de CRM
Os 10 maiores erros em projetos de CRMOs 10 maiores erros em projetos de CRM
Os 10 maiores erros em projetos de CRM
Silvio César de Oliveira
 
Amostra 21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Amostra   21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodriguesAmostra   21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Amostra 21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Eli Rodrigues
 
Advoco Brasil - Seu escritório tem uma estratégia?
Advoco Brasil - Seu escritório tem uma estratégia?Advoco Brasil - Seu escritório tem uma estratégia?
Advoco Brasil - Seu escritório tem uma estratégia?
Andre Medeiros
 
TDC2018SP | Gestao de Produto - Por que muitas empresas adotam práticas ageis...
TDC2018SP | Gestao de Produto - Por que muitas empresas adotam práticas ageis...TDC2018SP | Gestao de Produto - Por que muitas empresas adotam práticas ageis...
TDC2018SP | Gestao de Produto - Por que muitas empresas adotam práticas ageis...
tdc-globalcode
 
O que aprendemos no #AgileBrazil
O que aprendemos no #AgileBrazilO que aprendemos no #AgileBrazil
O que aprendemos no #AgileBrazil
Rafael Bandeira
 
Como aumentar a produtividade de sua agência de publicidade?
Como aumentar a produtividade de sua agência de publicidade?Como aumentar a produtividade de sua agência de publicidade?
Como aumentar a produtividade de sua agência de publicidade?
Maria Eduarda Paschoal
 
Ebook.podium reduzido
Ebook.podium   reduzidoEbook.podium   reduzido
Ebook.podium reduzido
Henrique Oliveira
 
Habitos bpm
Habitos bpmHabitos bpm
Habitos bpm
Josilene dos Santos
 
Como montar um plano de marketing
Como montar um plano de marketingComo montar um plano de marketing
Como montar um plano de marketing
Senior Consultoria em Gestão e Marketing
 
Os 12 Princípios Ágeis
Os 12 Princípios ÁgeisOs 12 Princípios Ágeis
Os 12 Princípios Ágeis
Sandro H. Oliveira, MBA
 
09 slides design dos processos logístico
09 slides  design dos processos logístico09 slides  design dos processos logístico
09 slides design dos processos logístico
delano chaves gurgel do amaral
 
Empreendedorismo (10/02/2015)
Empreendedorismo (10/02/2015)Empreendedorismo (10/02/2015)
Empreendedorismo (10/02/2015)
Alessandro Almeida
 

Semelhante a 7 Erros que você não pode cometer na sua Gestão de Projetos (20)

Planejamento Estratégico Comercial - Colocando em Prática
Planejamento Estratégico Comercial - Colocando em PráticaPlanejamento Estratégico Comercial - Colocando em Prática
Planejamento Estratégico Comercial - Colocando em Prática
 
Você está evoluindo seu produto de forma ágil?
Você está evoluindo  seu produto de  forma ágil?Você está evoluindo  seu produto de  forma ágil?
Você está evoluindo seu produto de forma ágil?
 
Como expor o valor de gerenciamento de projetos para pequenas e médias empresas
Como expor o valor de gerenciamento de projetos para pequenas e médias empresasComo expor o valor de gerenciamento de projetos para pequenas e médias empresas
Como expor o valor de gerenciamento de projetos para pequenas e médias empresas
 
Gestão de projetos
Gestão de projetosGestão de projetos
Gestão de projetos
 
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de ProjetosUma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
Uma abordagem às Metodologias Ágeis em Gerência de Projetos
 
Bh gp36-int-golive grupo-dinamo
Bh gp36-int-golive grupo-dinamoBh gp36-int-golive grupo-dinamo
Bh gp36-int-golive grupo-dinamo
 
7 passos-gestao-de-projeto
7 passos-gestao-de-projeto7 passos-gestao-de-projeto
7 passos-gestao-de-projeto
 
7 passos-gestao-de-projeto
7 passos-gestao-de-projeto7 passos-gestao-de-projeto
7 passos-gestao-de-projeto
 
Os 10 maiores erros em projetos de CRM
Os 10 maiores erros em projetos de CRMOs 10 maiores erros em projetos de CRM
Os 10 maiores erros em projetos de CRM
 
Amostra 21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Amostra   21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodriguesAmostra   21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
Amostra 21 erros classicos da gestao de projetos por eli rodrigues
 
Advoco Brasil - Seu escritório tem uma estratégia?
Advoco Brasil - Seu escritório tem uma estratégia?Advoco Brasil - Seu escritório tem uma estratégia?
Advoco Brasil - Seu escritório tem uma estratégia?
 
TDC2018SP | Gestao de Produto - Por que muitas empresas adotam práticas ageis...
TDC2018SP | Gestao de Produto - Por que muitas empresas adotam práticas ageis...TDC2018SP | Gestao de Produto - Por que muitas empresas adotam práticas ageis...
TDC2018SP | Gestao de Produto - Por que muitas empresas adotam práticas ageis...
 
O que aprendemos no #AgileBrazil
O que aprendemos no #AgileBrazilO que aprendemos no #AgileBrazil
O que aprendemos no #AgileBrazil
 
Como aumentar a produtividade de sua agência de publicidade?
Como aumentar a produtividade de sua agência de publicidade?Como aumentar a produtividade de sua agência de publicidade?
Como aumentar a produtividade de sua agência de publicidade?
 
Ebook.podium reduzido
Ebook.podium   reduzidoEbook.podium   reduzido
Ebook.podium reduzido
 
Habitos bpm
Habitos bpmHabitos bpm
Habitos bpm
 
Como montar um plano de marketing
Como montar um plano de marketingComo montar um plano de marketing
Como montar um plano de marketing
 
Os 12 Princípios Ágeis
Os 12 Princípios ÁgeisOs 12 Princípios Ágeis
Os 12 Princípios Ágeis
 
09 slides design dos processos logístico
09 slides  design dos processos logístico09 slides  design dos processos logístico
09 slides design dos processos logístico
 
Empreendedorismo (10/02/2015)
Empreendedorismo (10/02/2015)Empreendedorismo (10/02/2015)
Empreendedorismo (10/02/2015)
 

Mais de MJV Technology & Innovation Brasil

Robotic Process Automation
Robotic Process AutomationRobotic Process Automation
Robotic Process Automation
MJV Technology & Innovation Brasil
 
MJV Trends - Tendências em Varejo 2020
MJV Trends - Tendências em Varejo 2020MJV Trends - Tendências em Varejo 2020
MJV Trends - Tendências em Varejo 2020
MJV Technology & Innovation Brasil
 
MJV Trends - Tendências em TI 2020
MJV Trends - Tendências em TI 2020MJV Trends - Tendências em TI 2020
MJV Trends - Tendências em TI 2020
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Report de Tendências em Negócios 2020
Report de Tendências em Negócios 2020Report de Tendências em Negócios 2020
Report de Tendências em Negócios 2020
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Legal Design : a consultoria jurídica na Era Pós-Digital
Legal Design : a consultoria jurídica na Era Pós-DigitalLegal Design : a consultoria jurídica na Era Pós-Digital
Legal Design : a consultoria jurídica na Era Pós-Digital
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão DigitalIndústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentesInovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Envelhecimento populacional: O que fazer quando os consumidores tiverem 100 anos
Envelhecimento populacional: O que fazer quando os consumidores tiverem 100 anosEnvelhecimento populacional: O que fazer quando os consumidores tiverem 100 anos
Envelhecimento populacional: O que fazer quando os consumidores tiverem 100 anos
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Webinar - Stand-up comedy e improv para apresentacoes memoraveis
Webinar - Stand-up comedy e improv para apresentacoes memoraveisWebinar - Stand-up comedy e improv para apresentacoes memoraveis
Webinar - Stand-up comedy e improv para apresentacoes memoraveis
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Future Studies: Como construir futuros mais estratégicos para seu negócio
Future Studies: Como construir futuros mais estratégicos para seu negócioFuture Studies: Como construir futuros mais estratégicos para seu negócio
Future Studies: Como construir futuros mais estratégicos para seu negócio
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Inteligência Artificial: Como ela está transformando os modelos de negócios?
Inteligência Artificial: Como ela está transformando os modelos de negócios?Inteligência Artificial: Como ela está transformando os modelos de negócios?
Inteligência Artificial: Como ela está transformando os modelos de negócios?
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Meaningful Banking: bancos apostam em tecnologia para focar na experiência do...
Meaningful Banking: bancos apostam em tecnologia para focar na experiência do...Meaningful Banking: bancos apostam em tecnologia para focar na experiência do...
Meaningful Banking: bancos apostam em tecnologia para focar na experiência do...
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Blockchain: muito além das criptomoedas
Blockchain: muito além das criptomoedasBlockchain: muito além das criptomoedas
Blockchain: muito além das criptomoedas
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Etnografia Remota: a mobilidade dos dados
Etnografia Remota: a mobilidade dos dadosEtnografia Remota: a mobilidade dos dados
Etnografia Remota: a mobilidade dos dados
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Desvendando os mistérios do Data Science
Desvendando os mistérios do Data ScienceDesvendando os mistérios do Data Science
Desvendando os mistérios do Data Science
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dadosBusiness Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Pocket Content - Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Saúde
Pocket Content - Tendências de Inovação 2019 - Mercado de SaúdePocket Content - Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Saúde
Pocket Content - Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Saúde
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Pocket Content Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Energia
Pocket Content Tendências de Inovação 2019 - Mercado de EnergiaPocket Content Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Energia
Pocket Content Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Energia
MJV Technology & Innovation Brasil
 
Tendências de Inovação para 2019: Mercado Financeiro
Tendências de Inovação para 2019: Mercado FinanceiroTendências de Inovação para 2019: Mercado Financeiro
Tendências de Inovação para 2019: Mercado Financeiro
MJV Technology & Innovation Brasil
 

Mais de MJV Technology & Innovation Brasil (19)

Robotic Process Automation
Robotic Process AutomationRobotic Process Automation
Robotic Process Automation
 
MJV Trends - Tendências em Varejo 2020
MJV Trends - Tendências em Varejo 2020MJV Trends - Tendências em Varejo 2020
MJV Trends - Tendências em Varejo 2020
 
MJV Trends - Tendências em TI 2020
MJV Trends - Tendências em TI 2020MJV Trends - Tendências em TI 2020
MJV Trends - Tendências em TI 2020
 
Report de Tendências em Negócios 2020
Report de Tendências em Negócios 2020Report de Tendências em Negócios 2020
Report de Tendências em Negócios 2020
 
Legal Design : a consultoria jurídica na Era Pós-Digital
Legal Design : a consultoria jurídica na Era Pós-DigitalLegal Design : a consultoria jurídica na Era Pós-Digital
Legal Design : a consultoria jurídica na Era Pós-Digital
 
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão DigitalIndústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
Indústria 4.0 - Um guia para Transformacão Digital
 
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentesInovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
Inovação: cultura como drive para tecnologias emergentes
 
Envelhecimento populacional: O que fazer quando os consumidores tiverem 100 anos
Envelhecimento populacional: O que fazer quando os consumidores tiverem 100 anosEnvelhecimento populacional: O que fazer quando os consumidores tiverem 100 anos
Envelhecimento populacional: O que fazer quando os consumidores tiverem 100 anos
 
Webinar - Stand-up comedy e improv para apresentacoes memoraveis
Webinar - Stand-up comedy e improv para apresentacoes memoraveisWebinar - Stand-up comedy e improv para apresentacoes memoraveis
Webinar - Stand-up comedy e improv para apresentacoes memoraveis
 
Future Studies: Como construir futuros mais estratégicos para seu negócio
Future Studies: Como construir futuros mais estratégicos para seu negócioFuture Studies: Como construir futuros mais estratégicos para seu negócio
Future Studies: Como construir futuros mais estratégicos para seu negócio
 
Inteligência Artificial: Como ela está transformando os modelos de negócios?
Inteligência Artificial: Como ela está transformando os modelos de negócios?Inteligência Artificial: Como ela está transformando os modelos de negócios?
Inteligência Artificial: Como ela está transformando os modelos de negócios?
 
Meaningful Banking: bancos apostam em tecnologia para focar na experiência do...
Meaningful Banking: bancos apostam em tecnologia para focar na experiência do...Meaningful Banking: bancos apostam em tecnologia para focar na experiência do...
Meaningful Banking: bancos apostam em tecnologia para focar na experiência do...
 
Blockchain: muito além das criptomoedas
Blockchain: muito além das criptomoedasBlockchain: muito além das criptomoedas
Blockchain: muito além das criptomoedas
 
Etnografia Remota: a mobilidade dos dados
Etnografia Remota: a mobilidade dos dadosEtnografia Remota: a mobilidade dos dados
Etnografia Remota: a mobilidade dos dados
 
Desvendando os mistérios do Data Science
Desvendando os mistérios do Data ScienceDesvendando os mistérios do Data Science
Desvendando os mistérios do Data Science
 
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dadosBusiness Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
Business Analytics: empresas competitivas são orientadas por dados
 
Pocket Content - Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Saúde
Pocket Content - Tendências de Inovação 2019 - Mercado de SaúdePocket Content - Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Saúde
Pocket Content - Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Saúde
 
Pocket Content Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Energia
Pocket Content Tendências de Inovação 2019 - Mercado de EnergiaPocket Content Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Energia
Pocket Content Tendências de Inovação 2019 - Mercado de Energia
 
Tendências de Inovação para 2019: Mercado Financeiro
Tendências de Inovação para 2019: Mercado FinanceiroTendências de Inovação para 2019: Mercado Financeiro
Tendências de Inovação para 2019: Mercado Financeiro
 

Último

Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applicationsIntroduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
João de Paula Ribeiro Neto
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
InsttLcioEvangelista
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
AlfeuBuriti1
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Dantas
 
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxFoi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
lindalva da cruz
 

Último (8)

Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applicationsIntroduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdfGUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
GUIA DE EMPRESA PEDAGOGICA PARA ALUNOS.pdf
 
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdfVeronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
Veronica Daniel Dantas Opportunity Recebe 5 Premios Ademi.pdf
 
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxFoi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
 

7 Erros que você não pode cometer na sua Gestão de Projetos

  • 1. 7 ERROS QUE VOCÊ NÃO PODE COMETER NA SUA GESTÃO DE PROJETOS
  • 2. Gestão de Projetos é a capacidade de planejar e executar um projeto desde sua concepção até a entrega final para o cliente. As empresas têm enfrentado cada vez mais desafios ao encarar projetos - dos mais complexos aos mais simples. Tenha isso sempre em mente: Dependendo do projeto que sua empresa irá desenvolver todas as falhas podem ficar expostas se todos os fatores não estiverem bem amarrados. Acompanhe, a seguir, os 7 erros que você não pode cometer na sua Gestão de Projetos!
  • 3. Esse é o primeiro passo e isso não é por acaso. Entenda o que o cliente espera e qual seu objetivo com o entregável. Ter clareza desses pontos ajudará todo o seu planejamento. A partir disso, você poderá: ➔ Calcular o tempo necessário para chegar ao objetivo. ➔ Contabilizar quantos e quais profissionais precisarão estar envolvidos no projeto. ➔ Saber qual será exatamente o esforço necessário. 1. ENTENDA O PROJETO Essa parte é fundamental para não termos surpresas desagradáveis e incontornáveis no meio do caminho.
  • 4. 2. TENHA UM GP O GP é como o maestro da banda: para que ela toque, ele precisa reger de forma correta. O Gestor de Projetos é o principal responsável pelo sucesso de um projeto. E, obviamente, pelo fracasso também. Pontos-chave do seu escopo: Centralizar as decisões a serem tomadas. O time pode (e deve!) contribuir com pontos de vista e necessidades, mas o GP decide o que deve ser feito. Direcionar sua equipe. A figura do GP é necessária para definir prioridades e traçar estratégias dentro do objetivo do projeto. Priorizar demandas. Estar alinhado com o cliente e com a sua equipe.
  • 5. É o cronograma que vai guiar as metas, as rotinas e os esforços do time. Tudo gira em torno do dele. Isso possibilita que o GP perceba com antecedência o momento de redirecionar os esforços do time para cumprir o cronograma. O tempo é valioso. E o cronograma é fundamental para que nunca haja desperdício dele! 3. CRIE UM CRONOGRAMA
  • 6. ...E a sua entrega depende diretamente disso. Acredite: por mais comprometido que o cliente esteja com o projeto, você vai ter que lembrá-lo disso pelo menos uma vez durante a trajetória. 4. O CLIENTE PRECISA CUMPRIR A SUA PARTE… ➔ É importante deixar claro que as entregas do cliente vão pautar o projeto todo: do cronograma até a entrega final.
  • 7. Que tal baixar o ebook “Os 7 erros que você não pode cometer na sua Gestão de Projetos ”? Você poderá se aprofundar ainda mais no assunto para acertar em cheio em seus próximos projetos! Ebook Baixe aqui! Os 7 erros que você não pode cometer na sua Gestão de Projetos
  • 8. Vale para os dois lados: para a sua empresa e para o cliente. É preciso ter alguém que concentre todas as decisões e toda a comunicação — das aprovações de pequenas entregas até a entrega final. Defina, logo no início, os Pontos Focais e concentre as demandas do projeto nessas pessoas. Isso minimiza a chance de ruídos na comunicação, de atrasos e conflitos desnecessários. 5. TENHA UM PONTO FOCAL
  • 9. Nem sempre a teoria funciona na prática. E aí é o momento de ter sabedoria (e sagacidade!) para mudar rapidamente a metodologia de trabalho. Ajustes podem ser necessários. Você só vai saber se tentar! ➔ Não se acomode! Pense sempre em melhoria contínua. Lembre do objetivo do projeto: gerar valor para cliente. Se necessário, repense a metodologia até chegar na melhor possível. 6. ERRE RÁPIDO Importante! Estamos falando em metodologia, mas isso também pode acontecer no formato da entrega. Se o Gestor perceber que o entregável não terá a qualidade necessária se o formato não for modificado: sinal vermelho! Hora de parar, reavaliar, trocar ideias com a equipe e o ponto focal e chegar em um denominador comum que seja bom para todo mundo. Easter Egg: se você está familiarizado com as Metodologias Ágeis provavelmente lembrou do Método Lean aqui, certo? Sim, trouxemos elementos do Lean para embasar esse item que, na verdade, é importante não só para projetos corporativos, como para qualquer implementação. ➔ Para um Gestor de Projetos, esse precisa ser o mantra de todos os dias: “Errar rápido e corrigir mais rápido ainda”. !
  • 10. Validar pequenas partes do trabalho e fazer pequenas entregas proporciona para o cliente um gostinho da entrega final e direciona a equipe para um entregável o mais próximo da perfeição possível. ➔ Vamos relembrar o que falamos anteriormente: o objetivo maior do projeto é a criação de valor para o seu cliente. E o GP precisa manter esse foco. 7. VALIDE SUAS ENTREGAS EM PEQUENAS PARTES
  • 11. ➔ A MJV aplica conceitos de Ágil e Lean em tudo o que faz. Isso nos permite trabalhar de maneira bastante flexível e interativa, resultando em entregas mais eficientes e produtos com mais alinhamento estratégico. ➔ O primeiro passo de todos os nossos projetos é Design Thinking. A abordagem criativa que soluciona problemas envolvendo experimentação contínua ao longo das suas quatro fases: imersão, análise, ideação e prototipagem. BÔNUS: ESCOLHA AS FERRAMENTAS CERTAS. Esse é o nosso DNA e o nosso jeito de fazer. É claro que cada projeto pede adaptações das metodologias e até mesmo combinações com outras tecnologias emergentes e abordagens, como Data Science e Futurismo. O mais importante é sempre manter o mindset voltado para inovação. É isso que fazemos e é isso que um bom Gestor de Projetos deve sempre manter vivo dentro dele: transformar negócios em novos negócios.
  • 12. As dicas que trouxemos aqui valem para qualquer empresa, projeto ou setor. Caso tenha dúvidas específicas para sua necessidade, podemos tomar um café e conversar melhor não só sobre os erros que não podem acontecer mas também sobre acertos que farão toda diferença em seu projeto. Como podemos ajudar? CONCLUSÃO
  • 13. www.mjvinnovation.com Mauricio Vianna, CEO mvianna@mjvinnovation.com Ysmar Vianna, Chairman yvianna@mjvinnovation.com Atlanta Houston Rio de Janeiro Sao Paulo Alphaville Curitiba London Paris Lisbon Rome