SlideShare uma empresa Scribd logo
Liderança Servidora
e os desafios da
Motivação em Grupo
Rafael Camargo
Liderança
Como (geralmente) é a
Liderança nas empresas hoje
Liderança Hierarquica
Liderança autocrática
Liderança através do medo
Liderança democrática
Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo
O que é “Líder”?
O que é ser um bom Líder?
Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo
Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo
Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo
Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo
Líder no desenvolvimento de
software
Liderança Servidora
A arte de servir bem
Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo
A capacidade de servir
Conquiste o direito de servir
Servir com disposição
Servir é cuidar bem
liderança servidora, não
servil
Lidere pelo Exemplo
Adaptável
Motivador
Motivação em Grupo
O que é Motivação?
Motivação
pela dor
Motivação
pelo prazer
Hedonismo
Pirâmide de Maslow
Motivação Intrínseca
#WTF!!
Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo
O DESAFIO
O DESAFIO
O DESAFIO
O DESAFIO
O DESAFIO
Conheça á quem você serve
Suas expectativas
Seus medos
Seu humor
Seu valores
Suas necessidades
Suas preocupações
Sua meiguice
Incetive-os
Inspire-os
Mentoring
Coaching
Faça-os chegar lá
É difícil, mas não desista
Até os mais fortes também
pedem ajuda
Faça o necessário,
quando necessário
Pois, servir bem, é conhecer a
quem você serve
Obrigado :D
• 17/08/13
• Unicamp - Campinas - SP
• @caipiraagil
• www.caipiraagil.com
Aterrissamos

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Trabalho em Equipe
Trabalho em EquipeTrabalho em Equipe
Trabalho em Equipe
Camilo Almendra
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
humberto145
 
Liderança Motivacional
Liderança MotivacionalLiderança Motivacional
Liderança Motivacional
Maicon braga
 
15 DICAS DE LIDERANÇA
15 DICAS DE LIDERANÇA15 DICAS DE LIDERANÇA
15 DICAS DE LIDERANÇA
Tatiane Souza
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
Hesau Monteiro
 
Liderança Para Alta Performance
Liderança Para Alta PerformanceLiderança Para Alta Performance
Liderança Para Alta Performance
fernandorafa
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
José Augusto Correa
 
Treinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderançaTreinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderança
Gaylha Wegila
 
Liderança de alta performance
Liderança de alta performanceLiderança de alta performance
Liderança de alta performance
action_coach
 
EMPATIA ASSERTIVA
EMPATIA ASSERTIVA EMPATIA ASSERTIVA
EMPATIA ASSERTIVA
Daniel de Carvalho Luz
 
Lindando com as 5 disfunções das equipes com práticas de coaching
Lindando com as 5 disfunções das equipes com práticas de coachingLindando com as 5 disfunções das equipes com práticas de coaching
Lindando com as 5 disfunções das equipes com práticas de coaching
Marcely Santos
 
LiderançA & GestãO De Equipes 1º Passo Como Ser LíDer
LiderançA & GestãO De Equipes   1º Passo   Como Ser LíDerLiderançA & GestãO De Equipes   1º Passo   Como Ser LíDer
LiderançA & GestãO De Equipes 1º Passo Como Ser LíDer
Carlos Silva
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
Gerisval Pessoa
 
O Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDerO Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDer
tati_spazziano
 
Liderança e seus princípios
Liderança e seus princípiosLiderança e seus princípios
Liderança e seus princípios
eliasgoncalves
 
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na GestãoTreinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
Grupo E. Fabris
 
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio PereiraTreinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
Hélder Emiliano de Souza
 
Liderança na atualidade
Liderança na atualidadeLiderança na atualidade
Liderança na atualidade
Conceição Moraes
 
Trabalho Em Equipe
Trabalho Em EquipeTrabalho Em Equipe
Trabalho Em Equipe
aavbatista
 
Postura de atendimento
Postura de atendimentoPostura de atendimento
Postura de atendimento
Aninhada12
 

Mais procurados (20)

Trabalho em Equipe
Trabalho em EquipeTrabalho em Equipe
Trabalho em Equipe
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Liderança Motivacional
Liderança MotivacionalLiderança Motivacional
Liderança Motivacional
 
15 DICAS DE LIDERANÇA
15 DICAS DE LIDERANÇA15 DICAS DE LIDERANÇA
15 DICAS DE LIDERANÇA
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
Liderança Para Alta Performance
Liderança Para Alta PerformanceLiderança Para Alta Performance
Liderança Para Alta Performance
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
 
Treinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderançaTreinamento sobre liderança
Treinamento sobre liderança
 
Liderança de alta performance
Liderança de alta performanceLiderança de alta performance
Liderança de alta performance
 
EMPATIA ASSERTIVA
EMPATIA ASSERTIVA EMPATIA ASSERTIVA
EMPATIA ASSERTIVA
 
Lindando com as 5 disfunções das equipes com práticas de coaching
Lindando com as 5 disfunções das equipes com práticas de coachingLindando com as 5 disfunções das equipes com práticas de coaching
Lindando com as 5 disfunções das equipes com práticas de coaching
 
LiderançA & GestãO De Equipes 1º Passo Como Ser LíDer
LiderançA & GestãO De Equipes   1º Passo   Como Ser LíDerLiderançA & GestãO De Equipes   1º Passo   Como Ser LíDer
LiderançA & GestãO De Equipes 1º Passo Como Ser LíDer
 
Liderança
LiderançaLiderança
Liderança
 
O Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDerO Papel Do Novo LíDer
O Papel Do Novo LíDer
 
Liderança e seus princípios
Liderança e seus princípiosLiderança e seus princípios
Liderança e seus princípios
 
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na GestãoTreinamento O Papel do Líder na Gestão
Treinamento O Papel do Líder na Gestão
 
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio PereiraTreinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
Treinamento de liderança desenvolvido por Jorge Antonio Pereira
 
Liderança na atualidade
Liderança na atualidadeLiderança na atualidade
Liderança na atualidade
 
Trabalho Em Equipe
Trabalho Em EquipeTrabalho Em Equipe
Trabalho Em Equipe
 
Postura de atendimento
Postura de atendimentoPostura de atendimento
Postura de atendimento
 

Destaque

Os 5 desafios essenciais para vender mais e melhor
Os 5 desafios essenciais para vender mais e melhorOs 5 desafios essenciais para vender mais e melhor
Os 5 desafios essenciais para vender mais e melhor
Sandro Magaldi
 
Dicas para vender mais
Dicas para vender maisDicas para vender mais
Dicas para vender mais
Ideia de Marketing
 
Força de Vendas - Apresentação (Marketing)
Força de Vendas - Apresentação (Marketing)Força de Vendas - Apresentação (Marketing)
Força de Vendas - Apresentação (Marketing)
David Quintino
 
Vendas 3.0: Um novo mundo dos negócios movidos por ideias
Vendas 3.0: Um novo mundo dos negócios movidos por ideiasVendas 3.0: Um novo mundo dos negócios movidos por ideias
Vendas 3.0: Um novo mundo dos negócios movidos por ideias
Sandro Magaldi
 
Vendas de valor: Os desafios para vender mais e melhor
Vendas de valor: Os desafios para vender mais e melhorVendas de valor: Os desafios para vender mais e melhor
Vendas de valor: Os desafios para vender mais e melhor
Sandro Magaldi
 
Aula 8 Planejamento EstratéGico
Aula 8   Planejamento EstratéGicoAula 8   Planejamento EstratéGico
Aula 8 Planejamento EstratéGico
humbertoandrade
 
InovaçãO No Ambiente De Vendas 30
InovaçãO No Ambiente De Vendas 30InovaçãO No Ambiente De Vendas 30
InovaçãO No Ambiente De Vendas 30
Sandro Magaldi
 
9 dicas para ser um expert em vendas difíceis
9 dicas para ser um expert em vendas difíceis9 dicas para ser um expert em vendas difíceis
9 dicas para ser um expert em vendas difíceis
Agendor
 
Aula 2 CriaçãO De Valor
Aula 2   CriaçãO De ValorAula 2   CriaçãO De Valor
Aula 2 CriaçãO De Valor
humbertoandrade
 
Estratégias de Criação de Valor
Estratégias de Criação de ValorEstratégias de Criação de Valor
Estratégias de Criação de Valor
Associação Comercial de São Paulo
 
Aula 2 - Criando valor para o cliente - Prof. Rodrigo Sávio
Aula 2 - Criando valor para o cliente - Prof. Rodrigo SávioAula 2 - Criando valor para o cliente - Prof. Rodrigo Sávio
Aula 2 - Criando valor para o cliente - Prof. Rodrigo Sávio
Rodrigo Sávio
 
Resgate a motivação da sua equipe em 20 técnicas
Resgate a motivação da sua equipe em 20 técnicasResgate a motivação da sua equipe em 20 técnicas
Resgate a motivação da sua equipe em 20 técnicas
Ideia de Marketing
 
Marketing de Relacionamento - Treinamento Técnicas de Vendas
Marketing de Relacionamento - Treinamento Técnicas de VendasMarketing de Relacionamento - Treinamento Técnicas de Vendas
Marketing de Relacionamento - Treinamento Técnicas de Vendas
Cursos Profissionalizantes
 
Apresentação do tema motivação da equipe
Apresentação do tema motivação da equipeApresentação do tema motivação da equipe
Apresentação do tema motivação da equipe
Denisia Teixeira
 
Apresentação motivacional
Apresentação motivacionalApresentação motivacional
Apresentação motivacional
Avanti! Comunicação
 
Excelência em vendas
Excelência em vendas Excelência em vendas
Excelência em vendas
Anselmo Lino Bispo
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
University
 
Estratégia comercial e os diversos modelos de venda
Estratégia comercial e os diversos modelos de vendaEstratégia comercial e os diversos modelos de venda
Estratégia comercial e os diversos modelos de venda
Sandro Magaldi
 

Destaque (18)

Os 5 desafios essenciais para vender mais e melhor
Os 5 desafios essenciais para vender mais e melhorOs 5 desafios essenciais para vender mais e melhor
Os 5 desafios essenciais para vender mais e melhor
 
Dicas para vender mais
Dicas para vender maisDicas para vender mais
Dicas para vender mais
 
Força de Vendas - Apresentação (Marketing)
Força de Vendas - Apresentação (Marketing)Força de Vendas - Apresentação (Marketing)
Força de Vendas - Apresentação (Marketing)
 
Vendas 3.0: Um novo mundo dos negócios movidos por ideias
Vendas 3.0: Um novo mundo dos negócios movidos por ideiasVendas 3.0: Um novo mundo dos negócios movidos por ideias
Vendas 3.0: Um novo mundo dos negócios movidos por ideias
 
Vendas de valor: Os desafios para vender mais e melhor
Vendas de valor: Os desafios para vender mais e melhorVendas de valor: Os desafios para vender mais e melhor
Vendas de valor: Os desafios para vender mais e melhor
 
Aula 8 Planejamento EstratéGico
Aula 8   Planejamento EstratéGicoAula 8   Planejamento EstratéGico
Aula 8 Planejamento EstratéGico
 
InovaçãO No Ambiente De Vendas 30
InovaçãO No Ambiente De Vendas 30InovaçãO No Ambiente De Vendas 30
InovaçãO No Ambiente De Vendas 30
 
9 dicas para ser um expert em vendas difíceis
9 dicas para ser um expert em vendas difíceis9 dicas para ser um expert em vendas difíceis
9 dicas para ser um expert em vendas difíceis
 
Aula 2 CriaçãO De Valor
Aula 2   CriaçãO De ValorAula 2   CriaçãO De Valor
Aula 2 CriaçãO De Valor
 
Estratégias de Criação de Valor
Estratégias de Criação de ValorEstratégias de Criação de Valor
Estratégias de Criação de Valor
 
Aula 2 - Criando valor para o cliente - Prof. Rodrigo Sávio
Aula 2 - Criando valor para o cliente - Prof. Rodrigo SávioAula 2 - Criando valor para o cliente - Prof. Rodrigo Sávio
Aula 2 - Criando valor para o cliente - Prof. Rodrigo Sávio
 
Resgate a motivação da sua equipe em 20 técnicas
Resgate a motivação da sua equipe em 20 técnicasResgate a motivação da sua equipe em 20 técnicas
Resgate a motivação da sua equipe em 20 técnicas
 
Marketing de Relacionamento - Treinamento Técnicas de Vendas
Marketing de Relacionamento - Treinamento Técnicas de VendasMarketing de Relacionamento - Treinamento Técnicas de Vendas
Marketing de Relacionamento - Treinamento Técnicas de Vendas
 
Apresentação do tema motivação da equipe
Apresentação do tema motivação da equipeApresentação do tema motivação da equipe
Apresentação do tema motivação da equipe
 
Apresentação motivacional
Apresentação motivacionalApresentação motivacional
Apresentação motivacional
 
Excelência em vendas
Excelência em vendas Excelência em vendas
Excelência em vendas
 
Motivação
MotivaçãoMotivação
Motivação
 
Estratégia comercial e os diversos modelos de venda
Estratégia comercial e os diversos modelos de vendaEstratégia comercial e os diversos modelos de venda
Estratégia comercial e os diversos modelos de venda
 

Semelhante a Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo

Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Ana Paula Zuza
 
Lideranca
LiderancaLideranca
Lideranca
FTC
 
Lideranca
LiderancaLideranca
Lideranca
lojaspoci
 
Pnt04
Pnt04Pnt04
Entreleadership
EntreleadershipEntreleadership
Entreleadership
Daniel de Carvalho Luz
 
TesteLíder
TesteLíderTesteLíder
TesteLíder
sistemagas
 
A essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxA essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptx
VanildaCapinam
 
Aula 12 - Competências Gerenciais.pdf
Aula 12    - Competências Gerenciais.pdfAula 12    - Competências Gerenciais.pdf
Aula 12 - Competências Gerenciais.pdf
adriellyrlima
 
10 licoes-lider
10 licoes-lider10 licoes-lider
10 licoes-lider
Paulo Silva
 
10 ensinamentos para um líder de alta performance.pdf
10 ensinamentos para um líder de alta performance.pdf10 ensinamentos para um líder de alta performance.pdf
10 ensinamentos para um líder de alta performance.pdf
jeffersonalves4560
 
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Alisson Pereira, MSc.
 
Liderana 120214132210-phpapp02
Liderana 120214132210-phpapp02Liderana 120214132210-phpapp02
Liderana 120214132210-phpapp02
Universidade Unesa
 
Ferramenta lider 1
Ferramenta lider 1Ferramenta lider 1
Ferramenta lider 1
lebrentar
 
Ferramenta lider 1
Ferramenta lider 1Ferramenta lider 1
Ferramenta lider 1
lebrentar
 
Liderança 8
Liderança 8Liderança 8
Liderança 8
Moises Ribeiro
 
LiderançA 2
LiderançA 2LiderançA 2
LiderançA 2
FitnFish (ZOEI CO)
 
Apresentação em Power Point - LEAD Empresarial
Apresentação em Power Point - LEAD EmpresarialApresentação em Power Point - LEAD Empresarial
Apresentação em Power Point - LEAD Empresarial
Cássio Andrade
 
Apresentação Global Leadership Summit 2012
Apresentação Global Leadership Summit 2012Apresentação Global Leadership Summit 2012
Apresentação Global Leadership Summit 2012
Joao Cerqueira
 
Treinamento com palestrante
Treinamento com palestranteTreinamento com palestrante
Treinamento com palestrante
Jose Antonio Souza Brito
 
Como tornar-se um lider
Como tornar-se um liderComo tornar-se um lider
Como tornar-se um lider
Alexsandro Rebello Bonatto
 

Semelhante a Liderança servidora e os Desafios da Motivação em Grupo (20)

Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
Liderana o-caminho-para-o-sucesso-1222751372562725-8
 
Lideranca
LiderancaLideranca
Lideranca
 
Lideranca
LiderancaLideranca
Lideranca
 
Pnt04
Pnt04Pnt04
Pnt04
 
Entreleadership
EntreleadershipEntreleadership
Entreleadership
 
TesteLíder
TesteLíderTesteLíder
TesteLíder
 
A essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptxA essência da liderança.pptx
A essência da liderança.pptx
 
Aula 12 - Competências Gerenciais.pdf
Aula 12    - Competências Gerenciais.pdfAula 12    - Competências Gerenciais.pdf
Aula 12 - Competências Gerenciais.pdf
 
10 licoes-lider
10 licoes-lider10 licoes-lider
10 licoes-lider
 
10 ensinamentos para um líder de alta performance.pdf
10 ensinamentos para um líder de alta performance.pdf10 ensinamentos para um líder de alta performance.pdf
10 ensinamentos para um líder de alta performance.pdf
 
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
Procuram se líderes! Líderes possíveis, pessoas de resultado.
 
Liderana 120214132210-phpapp02
Liderana 120214132210-phpapp02Liderana 120214132210-phpapp02
Liderana 120214132210-phpapp02
 
Ferramenta lider 1
Ferramenta lider 1Ferramenta lider 1
Ferramenta lider 1
 
Ferramenta lider 1
Ferramenta lider 1Ferramenta lider 1
Ferramenta lider 1
 
Liderança 8
Liderança 8Liderança 8
Liderança 8
 
LiderançA 2
LiderançA 2LiderançA 2
LiderançA 2
 
Apresentação em Power Point - LEAD Empresarial
Apresentação em Power Point - LEAD EmpresarialApresentação em Power Point - LEAD Empresarial
Apresentação em Power Point - LEAD Empresarial
 
Apresentação Global Leadership Summit 2012
Apresentação Global Leadership Summit 2012Apresentação Global Leadership Summit 2012
Apresentação Global Leadership Summit 2012
 
Treinamento com palestrante
Treinamento com palestranteTreinamento com palestrante
Treinamento com palestrante
 
Como tornar-se um lider
Como tornar-se um liderComo tornar-se um lider
Como tornar-se um lider
 

Mais de Rafael Barbosa Camargo

Statik e dinâmico
Statik e dinâmicoStatik e dinâmico
Statik e dinâmico
Rafael Barbosa Camargo
 
Expectativas, objetivos e disfunções do papel Scrum Master
Expectativas, objetivos e disfunções do papel Scrum MasterExpectativas, objetivos e disfunções do papel Scrum Master
Expectativas, objetivos e disfunções do papel Scrum Master
Rafael Barbosa Camargo
 
Histórias. Solução ou Hipótese
Histórias. Solução ou HipóteseHistórias. Solução ou Hipótese
Histórias. Solução ou Hipótese
Rafael Barbosa Camargo
 
Análise através de hipóteses
Análise através de hipótesesAnálise através de hipóteses
Análise através de hipóteses
Rafael Barbosa Camargo
 
Traga me pessoas! Envolvimento, comprometimento e conhecimento
Traga me pessoas! Envolvimento, comprometimento e conhecimentoTraga me pessoas! Envolvimento, comprometimento e conhecimento
Traga me pessoas! Envolvimento, comprometimento e conhecimento
Rafael Barbosa Camargo
 
Um feedback sobre seu feedback
Um feedback sobre seu feedbackUm feedback sobre seu feedback
Um feedback sobre seu feedback
Rafael Barbosa Camargo
 
Corra scrum master, corra para saber mais
Corra scrum master, corra para saber maisCorra scrum master, corra para saber mais
Corra scrum master, corra para saber mais
Rafael Barbosa Camargo
 
Análise de Negócios - Case de sucesso com Análise de Negócio Ágil - Agile Bra...
Análise de Negócios - Case de sucesso com Análise de Negócio Ágil - Agile Bra...Análise de Negócios - Case de sucesso com Análise de Negócio Ágil - Agile Bra...
Análise de Negócios - Case de sucesso com Análise de Negócio Ágil - Agile Bra...
Rafael Barbosa Camargo
 
Apostila introdutória ao Scrum (V1)
Apostila introdutória ao Scrum (V1)Apostila introdutória ao Scrum (V1)
Apostila introdutória ao Scrum (V1)
Rafael Barbosa Camargo
 
Cases de sucesso através de análise de negócio ágil
Cases de sucesso através de análise de negócio ágilCases de sucesso através de análise de negócio ágil
Cases de sucesso através de análise de negócio ágil
Rafael Barbosa Camargo
 
Agile comedy stand up
Agile comedy stand upAgile comedy stand up
Agile comedy stand up
Rafael Barbosa Camargo
 
Pedaços de XP, FDD, Scrum e Kanban na Análise de Negócios e Engenharia de Req...
Pedaços de XP, FDD, Scrum e Kanban na Análise de Negócios e Engenharia de Req...Pedaços de XP, FDD, Scrum e Kanban na Análise de Negócios e Engenharia de Req...
Pedaços de XP, FDD, Scrum e Kanban na Análise de Negócios e Engenharia de Req...
Rafael Barbosa Camargo
 
Scrum spin
Scrum spinScrum spin
Agile além fazenda: Os desafios e interesses de uma empresa
Agile além fazenda: Os desafios e interesses de uma empresaAgile além fazenda: Os desafios e interesses de uma empresa
Agile além fazenda: Os desafios e interesses de uma empresa
Rafael Barbosa Camargo
 
Domain game
Domain gameDomain game
SCRUM do tradicional a o irreverente
SCRUM do tradicional a o irreverenteSCRUM do tradicional a o irreverente
SCRUM do tradicional a o irreverente
Rafael Barbosa Camargo
 

Mais de Rafael Barbosa Camargo (16)

Statik e dinâmico
Statik e dinâmicoStatik e dinâmico
Statik e dinâmico
 
Expectativas, objetivos e disfunções do papel Scrum Master
Expectativas, objetivos e disfunções do papel Scrum MasterExpectativas, objetivos e disfunções do papel Scrum Master
Expectativas, objetivos e disfunções do papel Scrum Master
 
Histórias. Solução ou Hipótese
Histórias. Solução ou HipóteseHistórias. Solução ou Hipótese
Histórias. Solução ou Hipótese
 
Análise através de hipóteses
Análise através de hipótesesAnálise através de hipóteses
Análise através de hipóteses
 
Traga me pessoas! Envolvimento, comprometimento e conhecimento
Traga me pessoas! Envolvimento, comprometimento e conhecimentoTraga me pessoas! Envolvimento, comprometimento e conhecimento
Traga me pessoas! Envolvimento, comprometimento e conhecimento
 
Um feedback sobre seu feedback
Um feedback sobre seu feedbackUm feedback sobre seu feedback
Um feedback sobre seu feedback
 
Corra scrum master, corra para saber mais
Corra scrum master, corra para saber maisCorra scrum master, corra para saber mais
Corra scrum master, corra para saber mais
 
Análise de Negócios - Case de sucesso com Análise de Negócio Ágil - Agile Bra...
Análise de Negócios - Case de sucesso com Análise de Negócio Ágil - Agile Bra...Análise de Negócios - Case de sucesso com Análise de Negócio Ágil - Agile Bra...
Análise de Negócios - Case de sucesso com Análise de Negócio Ágil - Agile Bra...
 
Apostila introdutória ao Scrum (V1)
Apostila introdutória ao Scrum (V1)Apostila introdutória ao Scrum (V1)
Apostila introdutória ao Scrum (V1)
 
Cases de sucesso através de análise de negócio ágil
Cases de sucesso através de análise de negócio ágilCases de sucesso através de análise de negócio ágil
Cases de sucesso através de análise de negócio ágil
 
Agile comedy stand up
Agile comedy stand upAgile comedy stand up
Agile comedy stand up
 
Pedaços de XP, FDD, Scrum e Kanban na Análise de Negócios e Engenharia de Req...
Pedaços de XP, FDD, Scrum e Kanban na Análise de Negócios e Engenharia de Req...Pedaços de XP, FDD, Scrum e Kanban na Análise de Negócios e Engenharia de Req...
Pedaços de XP, FDD, Scrum e Kanban na Análise de Negócios e Engenharia de Req...
 
Scrum spin
Scrum spinScrum spin
Scrum spin
 
Agile além fazenda: Os desafios e interesses de uma empresa
Agile além fazenda: Os desafios e interesses de uma empresaAgile além fazenda: Os desafios e interesses de uma empresa
Agile além fazenda: Os desafios e interesses de uma empresa
 
Domain game
Domain gameDomain game
Domain game
 
SCRUM do tradicional a o irreverente
SCRUM do tradicional a o irreverenteSCRUM do tradicional a o irreverente
SCRUM do tradicional a o irreverente
 

Último

Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxFoi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
lindalva da cruz
 
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applicationsIntroduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
João de Paula Ribeiro Neto
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
Paulo Emerson Pereira
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Paulo Emerson Pereira
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
InsttLcioEvangelista
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
rihabkorbi24
 

Último (6)

Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxFoi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
Foi por amor.pptx xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx
 
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applicationsIntroduction to EFFECTUATION concepts and applications
Introduction to EFFECTUATION concepts and applications
 
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
A ADEQUAÇÃO À LGPD DA UNIVERSIDADE UNIVAZADA: UM ESTUDO DE CASO FICTÍCIO DE U...
 
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCCEstudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
Estudo de caso apresenta ao Projeto Integrado Multidisciplinar - TCC
 
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
7 - Gerenciamento e Economia de Sistemas de Operações Logísticas.pdf
 
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMETRESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
RESTAURANT MANORA HOTEL SINDBAD HAMMAMET
 

Notas do Editor

  1. Liderança é o processo de conduzir um grupo de pessoas, transformando-o numa equipe que gera resultados. É a habilidade de motivar e influenciar os liderados, de forma ética e positiva, para que contribuam voluntariamente e com entusiasmo para alcançarem os objetivos da equipe e da organização . Liderança. Do vocábulo inglês leader , guia, chefe. Liderança é o exercício da autoridade num grupo social. Tem base na qualidade, ou qualidades, das quais depende o exercício da autoridade , variando com a natureza do grupo social e as circunstâncias em que se estabeleceu a liderança. (1) O líder é um chefe natural, um "cabecilha", o indivíduo que toma a direção de um grupo, simultaneamente devido ao seu valor pessoal e à aceitação voluntária dos outros. é capaz de influenciar o comportamento coletivo do grupo e de orientar a sua conduta social. (2)
  2. Muitas pessoas são reconhecidas como líderes simplesmente por ocuparem posições privilegiadas dentro das organizações. São protegidas pela hierarquia e se colocam em condição de superioridade, impondo ordens a seguidores, subordinados ou dependentes. É o poder que “vem de cima”. 
  3. Liderança autocrática: Na sssLiderança autocrática o líder é focado apenas nas tarefas. Este tipo de liderança também é chamado de liderança autoritária ou diretiva. O líder toma decisões individuais, desconsiderando a opinião dos liderados. O líder determina as providências e as técnicas para a execução das tarefas, de modo imprevisível para o grupo. Além da tarefa que cada um deve executar, o líder determina ainda qual o seu companheiro de trabalho. O líder é dominador e pessoal nos elogios e nas críticas ao trabalho de cada membro.
  4. Gerir pelo medo desconsidera o trabalhador enquanto pessoa. Não se trata aqui, em hipótese alguma, de humanismo melindroso e paternalista, tampouco de retórica acadêmica.
  5. Gerir pelo medo desconsidera o trabalhador enquanto pessoa. Não se trata aqui, em hipótese alguma, de humanismo melindroso e paternalista, tampouco de retórica acadêmica.
  6. Liderança é o processo de conduzir um grupo de pessoas, transformando-o numa equipe que gera resultados. É a habilidade de motivar e influenciar os liderados, de forma ética e positiva, para que contribuam voluntariamente e com entusiasmo para alcançarem os objetivos da equipe e da organização . Liderança. Do vocábulo inglês leader , guia, chefe. Liderança é o exercício da autoridade num grupo social. Tem base na qualidade, ou qualidades, das quais depende o exercício da autoridade , variando com a natureza do grupo social e as circunstâncias em que se estabeleceu a liderança. (1) O líder é um chefe natural, um "cabecilha", o indivíduo que toma a direção de um grupo, simultaneamente devido ao seu valor pessoal e à aceitação voluntária dos outros. é capaz de influenciar o comportamento coletivo do grupo e de orientar a sua conduta social. (2)
  7. Pessoa de maior evidência em um partido político, numa coletividade ou comunidade; comandante; dirigente. Líder é uma pessoa ou um produto que alcançou alguma liderança numa área de atuação (por exemplo na política) ou num segmento de mercado chefe, dirigente representante aquele que numa competição está a frente de todos os outros participantes O grande guru da administração, Peter Drucker, diz: "A única definição de líder é alguém que possui seguidores. Algumas pessoas são pensadoras. Outras, profetas. Os dois papéis são importantes e muito necessários. Mas, sem seguidores, não podem existir líderes.“
  8. Perguntar sobre as providências a serem necessariamente tomadas; Buscar as coisas certas para a empresa ; Ter um plano de ação claro; Não fugir das responsabilidades ; Ser um bom comunicador; Ter foco em oportunidades , não em problemas; Transformar as reuniões em acontecimentos produtivos; Usar o pronome pessoa l “nós” e evitar o “eu”.
  9. O líder servidor “abre os olhos” de seus liderados. Ele tem o brilhantismo natural da paixão pela causa e contagiam os outros com sua coragem e entusiasmo. A liderança servidora tem a essência de um garçom, que tem a missão de servir os clientes em restaurantes, festas, eventos e Buffet. O garçom dedica na arte de servir bem, busca a satisfação do cliente. O líder servidor tem a missão de servir seus colaboradores ou subordinados dentro da organização, ele conquista o direito de liderar o grupo naturalmente sem necessidades de conflitos, disputas ou pressões.
  10. O líder servidor não se apega aos resultados físicos. Nada é tão valioso quanto o autoconhecimento e a expansão das próprias capacidades de contribuir com os outros. Ele busca transformação pessoal e espiritual, pois sabe que as recompensas individuais são muito pequenas, se comparadas à realização maior que o impulsiona.   Sua vida tem um grande significado. Valores 
  11. O líder servidor não se apega aos resultados físicos. Nada é tão valioso quanto o autoconhecimento e a expansão das próprias capacidades de contribuir com os outros. Ele busca transformação pessoal e espiritual, pois sabe que as recompensas individuais são muito pequenas, se comparadas à realização maior que o impulsiona.   Sua vida tem um grande significado. Valores 
  12. As características do Líder Servidor estão fundamentadas nos princípios da autoridade que é conquistada através da coerência das atitudes e práticas das habilidades ao longo de um tempo e reconhecidas por aqueles a sua volta.
  13. O líder se realiza através de outros CARÁTER É A ESSÊNCIA DO LIDER SERVIDOR
  14. O Líder Servidor sabe que nem todos se desenvolvem da mesma maneira e, sabe que as pessoas têm talentos naturais. O Líder Servidor tem habilidades para encorajar esses dons, gentileza no trato com elas e, para isso demonstra humildade, portanto, sem arrogância. o liderado é a expressão máxima do líder. SERVIR É CUIDAR BEM DAS PESSOAS QUE CUIDAM DO NEGÓCIO
  15. adj. Relativo à condição ou estado de servo: trabalho servil. Fig. Baixo, vil, ignóbil: homem servil. Que segue estritamente o original ou modelo: imitação servil.
  16. Mesmo quando ostenta títulos e ocupa cargos importantes, o líder servidor não se utiliza da autoridade formal para ser respeitado. Ele não precisa. Prefere inspirar pelo exemplo e atrair aliados, ao invés de seguidores.     O líder servidor pode ser um ativista ou missionário, que manifesta suas opiniões com fluência, despertando crenças e talentos adormecidos. Ele tem o brilho natural da paixão pela causa e contagia os outros com sua coragem. Conquista o direito de liderar o grupo espontaneamente, sem a necessidade de nenhuma disputa. Seu poder emerge da própria coerência, atitude e credibilidade, ao longo do tempo.  
  17. Acredito que o maior desafio da liderança no momento não é saber qual a melhor técnica ou estilo a adotar. Mas, diante das constantes transformações do comportamento das pessoas no mundo corporativo e social, o grande desafio é saber como agir eficazmente neste novo tempo. Como lidar com a diversidade, motivações, expectativas e exigências das pessoas.
  18. Ser motivador, buscar maneiras de motivar os membros da equipe
  19. O grande desafio
  20. Motivação (do Latim movere , mover) designa em psicologia, em etologia e em outras ciências humanas a condição do organismo que influencia a direção (orientação para um objetivo) do comportamento. Em outras palavras é o impulso interno que leva à ação.
  21. O hedonismo, enquanto doutrina teórica, teve grande influência sobre a psicologia da motivação. Assim, a maior parte das teorias parte do princípio de que a ação humana é sobretudo motivada pela busca ativa de situações positivas (prazer) e pela evitação de situações negativas (dor). As teorias que afirmam que o ser humano busca a homeostase, ou seja, o equilíbrio provocado pela resolução de tensões internas - como é o caso das teorias das pulsões - são teorias hedonistas Impulso / Pulsão Ver o processo motivacional como impulso significa dizer que instintos e pulsões são a força propulsora da ação. Obras de Freud são baseadas na Pulsão que é baseada no Impulso que é baseado no Hedonismo Obras de Skinner não tem base na Pulsão
  22. Abraham Maslow, psicólogo humanista, propôs uma classificação diferente das necessidades. Para ele há cinco tipos de necessidades: necessidades fisiológicas, necessidades de segurança íntima (física e psíquica), necessidades de amor e relacionamentos (participação), as necessidades de estima (autoconfiança) e necessidades de autorrealização. Essa nova classificação permitiu uma nova visão sobre o comportamento humano, que não busca apenas saciar necessidades físicas, mas crescer e se desenvolver [6] . Uma evolução do modelo de Henry Murray que é uma evolução da teoria de Kurt Lewin
  23. Quanta coisa né!!!!!!
  24. Um líder busca fortalecer e motivar seu time, para gerar integração, união e um ótimo ambiente
  25. O DESAFIO DA MOTIVAÇÃO EM GRUPO É IGUAL AO DESAFIO DE FAZER SOFTWARE: AMBIENTES DIFERENTES, SOLUÇÕES DIFERENTES
  26. O DESAFIO DA MOTIVAÇÃO EM GRUPO É IGUAL AO DESAFIO DE FAZER SOFTWARE: AMBIENTES DIFERENTES, SOLUÇÕES DIFERENTES
  27. SE PREPARAR PARA ESTE DESAFIO NÃO É UMA OPÇÃO, É UM DEVER E AÇÃO DE UM LÍDER SERVIDOR
  28. POI SENÃO....
  29. PESSOAS TEM NECESSIDADES, ESSAS NECESSIDADES, ALCANÇAR ESTAS NECESSIDADES É FATOR DE MOTIVAÇÃO E DESMOTIVAÇÃO
  30. POI SENÃO....
  31. POI SENÃO....
  32. POI SENÃO....
  33. POI SENÃO....
  34. POI SENÃO....
  35. POI SENÃO....
  36. POI SENÃO....
  37. POI SENÃO....
  38. POI SENÃO....
  39. POI SENÃO....
  40. POI SENÃO....
  41. POI SENÃO....
  42. POI SENÃO....
  43. POI SENÃO....
  44. POI SENÃO....
  45. POI SENÃO....
  46. POI SENÃO....
  47. POI SENÃO....
  48. POI SENÃO....