Públicos e pesquisa em Relações Públicas

2.976 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.976
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
88
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Públicos e pesquisa em Relações Públicas

  1. 1. PÚBLICOS EM RELAÇÕES PÚBLICAS “O público representa a matéria-prima das relações públicas”. Cândido Teobaldo de Souza Andrade Relações Públicas - Processos de Relações Públicas - Professor Paulo Marquêz
  2. 2. PRÁ COMEÇAR... Relações Públicas é uma estratégia de relacionamentos com públicos específicos. O ideal é estabelecer um conceito mais abrangente e universal, aplicável a todos os tipos de relacionamentos.
  3. 3. ASSIM, ENTENDEMOS QUE ... PÚBLICOS são sempre específicos, têm sempre um problema em comum. Portanto, não podem ser gerais. Para que existam PÚBLICOS são necessárias algumas condições:  Quem enfrentem os mesmos problemas;  Que reconheçam a existência dos problemas;  Que se organizem para fazer alguma coisa sobre o problema.
  4. 4. COM ISSO... Para uma organização, o problema comum que cria e identifica um público será usualmente a conseqüência de uma pressão que a organização exerce sobre esse público ou que o público exerce sobre a organização.
  5. 5. CONCEITO DE PÚBLICOS “São pessoas ou grupos organizados de pessoas, sem dependência de contatos físicos, encarando uma controvérsia, com idéia divididas quanto a solução ou medidas a serem tomadas diante dela; com ampla oportunidade de discussão, acompanhando e participando do debate por intermédio dos veículos de comunicação ou interação pessoal”. (Cândido Teobaldo)
  6. 6. IDENTIFICAÇÃO DE PÚBLICOS • Identificar e listar todos os públicos de interesse da organização; • Determinar o tipo de relação existente entre o organização/públicos; • Definir qual o objetivo do relacionamento; • Determinar qual o nível de dependência;
  7. 7. IDENTIFICAÇÃO DE PÚBLICOS • Definir quais os resultados esperados pela organização quanto ao relacionamento com os públicos; e • Definir quais as expectativas dos públicos.
  8. 8. TIPOS DE PÚBLICOS Professores Funcionários Imprensa Alunos Governo Fornecedores Terceirizados Acionistas
  9. 9. CRITÉRIOS DE RELACIONAMENTO  1º CRITÉRIO: Grau de dependência da organização de seus públicos (constituição da empresa, existência e sobrevivência).  2º CRITÉRIO: Grau de participação e/ou envolvimento (em menor ou maior grau) dos públicos nos negócios da organização, na defesa de seus interesses e na sua promoção.  3º CRITÉRIO: Nível de interferência sobre a organização e seus negócios.
  10. 10. CATEGORIA DE PÚBLICOS  PÚBLICOS ESSENCIAIS: são aqueles dos quais as organizações dependem para sua constituição, manutenção de sua estrutura, sobrevivência e execução de suas atividadesfim.  Constitutivos (que possibilitam a existência da organização, como os acionistas).  Não-constitutivos ou de sustentação (imprescindíveis, mas não interferem diretamente na constituição da organização, mas na sua viabilização, como os fornecedores).
  11. 11. CATEGORIA DE PÚBLICOS  PÚBLICOS NÃO-ESSENCIAIS: são aqueles que não participam da atividade-fim das organizações, mas tão somente da atividademeio; não estão ligados aos fatores produtivos, mas a prestação de serviços ou à intermediação política ou social.  De consultoria ou promoção.  Setores associativos  Setores sindicais  Públicos comunitários  Públicos de redes de interferências
  12. 12. QUAIS AS VANTAGENS?       Determinação clara de quem são os públicos; Determinação do tipo de relação; Determinação dos objetivos da relação; Determinação da importância da relação; Determinação da duração da relação; Determinação das expectativas por parte da organização; e  Determinação das expectativas dos públicos em relação à organização.
  13. 13. O PRINCIPAL PARA NÓS, RPs:  Determinação comunicação; dos públicos objetos da  Como deve ser planejada a comunicação com públicos específicos; e  Quais os instrumentos preferenciais que podem ser utilizados.
  14. 14. PESQUISA EM RELAÇÕES PÚBLICAS “A pesquisa constitui um pré-requisito para o planejamento das relações públicas nas organizações”. Margarida Kunsch Faculdades JK – Relações Públicas - Processos de Relações Públicas - Professor Paulo Marquêz
  15. 15. OBJETIVOS DA PESQUISA EM RP  Conhecer a opinião dos públicos;  Construir diagnósticos;  Conhecer em profundidade a organização para elaboração de planos, projetos e programas especiais de comunicação;  Fazer análise ambiental interna e externa, verificando quais as implicações que possam afetar os relacionamentos.
  16. 16. IMPORTÂNCIA DA PESQUISA EM RP  Fornece informações sobre atitudes e opiniões dos públicos;  Fornece informações objetivas para elaboração de planos;  Atua como um fator preventivo de problemas;
  17. 17. IMPORTÂNCIA DA PESQUISA EM RP  Legitima as ações de relações públicas;  Possibilita ou acrescenta a eficácia da comunicação; e  Impulsiona as atividades de relações públicas.
  18. 18. PESQUISAS DE RP 1. PESQUISAS INTERNAS  Pesquisa institucional  Pesquisa de motivação  Pesquisa de clima motivacional  Pesquisa participante e pesquisa-ação 2. PESQUISAS INTERNAS/EXTERNAS  Pesquisa de opinião e atitude  Pesquisa de avaliação
  19. 19. PESQUISAS DE RP 3. PESQUISAS EXTERNAS  Pesquisa de mercado  Pesquisa legislativa  Pesquisa de tendências sociais  Auditoria de opinião 4. PESQUISAS DE APOIO TÉCNICO  Pesquisa de mídia  Pesquisa de clipping  Pesquisa virtual
  20. 20. PESQUISA INSTITUCIONAL  Conhecer a organização como um todo, valendo-se de técnicas e instrumentos apropriados para chegar a uma análise completa da real situação organizacional da empresa (aspectos econômicos, sociais, sistemas de gestão e produção, recursos humanos, sistemas de comunicação etc.)
  21. 21. PESQUISA INSTITUCIONAL  Conseguir a aceitação da organização para realizar a pesquisa;  Elaborar instrumento de pesquisa (questionário, dinâmica de grupos, entrevistas etc);  Conhecer as organização. características da
  22. 22. OUTROS TIPOS DE PESQUISA EM RP  Auditoria da comunicação organizacional;  Auditoria de opinião;  Auditoria de imagem;  Auditoria social ou monitoramento do ambiente.

×