O corpo em movimento 8ª série

14.679 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

O corpo em movimento 8ª série

  1. 1. O CORPO SE ADAPTA AO EXERCÍCIO
  2. 2. O corpo humano é projetado para a ação. Os grupos musculares, os tendões e osligamentos permitem que os braços e aspernas realizem uma ampla variedade de esforços
  3. 3. o cérebro coordena a liberação desangue, oxigênio, etc..
  4. 4. Todos os vários sistemas do corpo se comunicam entre si pelas vias químicas e nervosaspara assegurar uma coordenação precisa da atividade.
  5. 5. O CORAÇÃO
  6. 6. • O coração tem o tamanhoaproximado de um punho humano e bombeia cerca de cinco litros desangue por 96,5Km de vasos sanguíneos porminuto em repouso
  7. 7. • Em uma pessoa não treinada o coração bate cerca de 60 a 80 vezes por minuto no repouso. A este fenômeno damos o nome de frequência cardíaca.
  8. 8. • A cada vez que o coração contrai o sangue é transportado por meio dasartérias, este movimento de contração é chamado de sístole. O sangue volta ao coração pelo lado direito por meio das veias, neste momento o coração relaxa para receber o sangue. Este movimento é chamado de diástole
  9. 9. • O sangue é transportado para todo o corpo por meio de vasos denominados artérias. A força do sangue contra as paredes dessas artérias édenominada Pressão Arterial.
  10. 10. • A pressão arterial é maior quando o coração se contrai, neste momento denominada Pressão Arterial Sistólica. Quando o coração relaxa a pressão cai e então é denominada Pressão Arterial
  11. 11. • Ambas as pressões arteriais são importantes e usualmente apresentadas juntas, como na expressão 120/80mmHg, com o primeiro número representando a sístole e o segundo a
  12. 12. • 100/70 a 139/89 Normal.• 140/90 acima – Hipertensão ou pressão alta.• 99/69 abaixo – Hipotensão ou pressão baixa
  13. 13. • Durante o exercício a frequência cardíaca e a pressão arterial sistólica aumentam consideravelmente.
  14. 14. A Frequência Cardíaca se eleva a mais que o dobro dos seus valores de repouso. Com o passar do tempo o coração fica mais forte e a frequência diminui durante o repouso.
  15. 15. • Quando uma pessoa, caminharapidamente, ped ala, corre nada ou pratica outra atividade aeróbica a pressão arterial sobeacentuadamente.
  16. 16. • Por exemplo, durante um exercício aeróbico intenso, a pressão arterial sistólica pode subir de 150 a 200mmHg, porém a diastólica pode chegar no máximo até 90mmHg
  17. 17. • Se a pressão subir além dos limites previstos para oesforço físico, o risco da pessoa desenvolver a hipertensão arterial se torna bem elevado.
  18. 18. • Logo após o término de umasessão de exercícios aeróbicos, a pressão arterial cai abaixo dos níveis de repouso.
  19. 19. • Os estudos apontam o exercício físico como um forte aliado (talvez o principal) na prevenção e no combate à hipertensão arterial.
  20. 20. • Em repouso uma pessoa normal respira mais ou menos entre 12 e 15 vezes por minuto, inspirando cerca de seis litros de ar por minuto.• Vale lembrar que o ar é composto de 21% de oxigênio.
  21. 21. • Durante um exercício pesado, o consumo de O2aumenta 10 a 20 vezes, ou atémais, dependendo do nível de aptidão física do indivíduo.
  22. 22. • A frequência respiratória sobe para 55 a 60 respirações por minuto, com maisde três litros sendoinspirados em cada respiração.
  23. 23. • Com a prática de exercícios o tamanho dos pulmões e a quantidade de ar inspirado durante o repouso se altera pouco.
  24. 24. • Porém, as pessoas treinadas podemventilar menos e obter a mesma quantidadede O2 que uma pessoa destreinada, ou seja, um corpo treinado é maiseficiente no transporte e na utilização do O2.
  25. 25. • As pesquisas demonstram que ospulmões e os músculos podem suportar mais sangue e oxigênio doque o coração é capaz de bombear.
  26. 26. MÚSCULOS • Deles dependem nossa capacidade de movimento.• No corpo humano existem mais de 660 músculos esqueléticos.
  27. 27. • No período do repouso nosso corpo reconstrói os danos causados pelo esforço, esta reconstrução torna-o mais forte e mais resistente e assim todos os sistemas vão se adaptando e trabalhando melhor.
  28. 28. QUALIDADES FÍSICAS
  29. 29. FLEXIBILIDADE • É a capacidade e qualidade que tem apessoa de poder executar movimentos de grandeamplitude angular por si mesma ou sob a influência auxiliar de forças externas.
  30. 30. ALONGAMENTO FLEXIBILIDADE
  31. 31. RESISTÊNCIA• Geralmente, ent ende-se por resistência a capacidade de uma pessoa em suportar a fadiga”.
  32. 32. VELOCIDADE• É a capacidade de executar ações motoras em um mínimo de tempo possível. • É a rapidez decontração e extensão dos músculos.
  33. 33. FORÇA• De maneira geral força é qualidade que permite ao músculo ou grupo muscular vencer uma resistência (oposição) ao movimento do qual ele é o agente motor..
  34. 34. AGILIDADE • Executar ummovimento o mais rápido possívelcom mudança de direção
  35. 35. OBRIGADO PELA ATENÇÃOProfessor – Aluísio Lopes Braga CREF – 0379/G-DF
  36. 36. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICASNIEMAN, David C., DR. PH . Exercício e Saúde . 1ª Edição brasileira 1999. EditoraManole.NORMAN, Harris, et al. Dicionário de Saúde no Desporto. Editora Edições 70 LDA.Lisboa 1982.McARDLE William D. . Fisiologia do Exercício. Editora Guanabara Koogan S.A. Rio deJaneiro 1998.GUILLET, J. Genéty. Manual de Medicina do Esporte. Editora Masson. São Paulo.ENCICLOPÉDIA Multimídia do Corpo Humano. Editora Planeta De Agostini.IMAGENSProfessor Digital – Educação Física www.sedentarismozero.comwww.50minutos.wordpress.comwww.masci.com.brwww.4bp.blogspot.comwww.Colegiosaofrancisco.com.brwww.curlygirl.naturlink.ptwww.brasilescola.comwww.esporte.gov.br

×