Tiposdeargumentos

1.013 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.013
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
650
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tiposdeargumentos

  1. 1. Adriana Firmino nº1Filipa Inácio nº 17Joana Santos nº 21 Tipos deLuís nº25Sónia Alexandre nº34 argumentos
  2. 2. Define-se ‘’argumento’’ como um conjunto depreposições organizadas, tendo em vista a defesade uma ideia ou de um ponto de vista de modo aque a conclusão à qual chegamos deva ter por baseoutras proposições ás quais chamamos premissas.Existem diversos tipos de argumentos quecaracterizam as teses como verídicas e com razão.
  3. 3. Um argumento dedutivo, ou entimema, é umsilogismo ao qual falta uma premissa, geralmente amenor, ou a conclusão, isto é, parte dele ficasubentendida. Isto ocorre porque se subentende que a parte emfalta é do domínio do conhecimento geral. Este argumento segue as regras dos silogismosválidos.
  4. 4. Todos os citrinos são ácidos. Logo todas as laranjas são ácidas.Premissa subentendida:  A laranja é um citrino
  5. 5. Este tipo de argumento pode tomar duas posições:  Generalização   Previsão 
  6. 6. Significa que num argumento a conclusão é maisampla do que as premissas e a sua validade nãoresulta da sua forma lógica mas do conteúdo. Ouseja, quando temos uma premissa particular a suaconclusão tem que se apresentar universalmente. A generalização é válida quando não existemexemplos contraditórios ao exemplo base e utilizarargumentos que comprovem o exemplo base.
  7. 7. Alguns homens são vertebrados.Logo, todos os homens são vertebrados.Por isso como todos os homens vistos atéhoje são vertebrados, formulou-se uma leigeral que diz que todos os homens sãovertebrados.
  8. 8. Alguns corvos são pretos.Logo, todos os corvos são pretos.Conclui-seque todos os corvos são pretosporque nunca se viu nenhum branco.
  9. 9. É um argumento baseado no passado queantevê casos ainda não vistos presentes oufuturos. A sua validade depende da conclusão,tendo esta que estar ligada à realidade, sendoeste tipo de argumento utilizado pelas ciências.
  10. 10. Até hoje, todas as pedras caíram no chão.Por isso, a próxima pedra que largar irácair no chão.
  11. 11. Até hoje, nenhum homem voou.Por isso, nenhum homem irá voar.
  12. 12. Os argumentos por analogia resultam desemelhanças entre dois casos para se justificar o casobase, utilizando-se, assim, muito a palavra “como”. A primeira premissa de um argumento poranalogia estabelece uma pretensão baseando-se noexemplo usado como analogia. A segunda premissa de um argumento poranalogia estabelece que o exemplo na primeirapremissa é como o exemplo do qual o argumento tirauma conclusão.
  13. 13.  A Ana e a Mariana têm muitascaracterísticas em comum: ambas gostam deatum, de entrecosto, de lasanha, de laranjas,de comida chinesa, etc.Por isso, as ambas gostam de pizza.
  14. 14. É considerado a maior parte das vezesfalacioso, pela filosofia. É um argumento que se apoia na opinião deum especialista, no tema em questão, pararetirar a sua conclusão.
  15. 15.  Sem-abrigo - Falar ao telemóvel não provocacancro cerebral Especialista - Falar ao telemóvel provocacancro cerebral
  16. 16. Analfabeto – Não devemos mentir.Stuart Mill – Podemos mentir se o número depessoas felizes for maior que o número depessoas infelizes.

×