SlideShare uma empresa Scribd logo
SUCESU - Sociedade de Usuários de Informática e Telecomunicações - São Paulo
Rua Professor Tamandaré Toledo, 69 3º andar. CEP: 04532-020 - Itaim Bibi - São Paulo - SP
Tel.: (11) 2165-1331 / (11) 2165-1332 | sucesusp@sucesusp.org.br
PROJETO SUSTENTABILIDADE E ENERGIA RENOVÁVEL PARA DATA CENTERS
O projeto introduz ações para reduzir a emissão de gases do efeito estufa, consumo e custo da energia
nos data centers, através de práticas de racionalização de uso, novas tecnologias e ações conjuntas com
o governo. Essas ações de responsabilidade empresarial contribuem para a preservação do meio
ambiente e aumento da competitividade dos data center, resultando em melhor qualidade de vida para
as pessoas, manutenção e crescimento de empregos qualificados.
O projeto prevê programas educacionais para uso racional de energia, estudos e benchmarking entre os
associados sobre eficiência energética e emissão de gases do efeito estufa, aconselhamento em projetos
técnicos, negociação com governos e agências reguladoras para a viabilização de projetos, identificação
de municípios para a instalação de novos data centers e estudo para uso de energia do mercado livre.
Estudos mostram que os data centers consumem
entre 1.1% e 1.5% da eletricidade global.
O estilo de computação em nuvem (Cloud
Computing) e a computação móvel têm
impulsionado o uso intensivo de processamento
centralizado, indicando que apesar das ações de
eficiência energética, o crescimento de consumo
de energia dos data centers tem viés de alta.
Outro desafio dos data centers é reduzir a emissão
de gases do efeito estufa. Um estudo do
Greenpeace de 2008 (Smart 2020) mostrou que os
data centers produzem cerca de 116 milhões de
toneladas de dióxido de carbono (CO2) e que o
setor de TI inteiro é responsável por 2% das
emissões globais de gases do efeito estufa.
A crescente dependência dos data centers gera
reflexos na economia e na política. Hospedar
um data center em uma região (cidade, estado
ou país) traz desenvolvimento socioeconômico
através do aumento do nível emprego
qualificado, crescimento da economia local,
saúde e educação.
O primeiro encontro de executivos de data centers
em novembro de 2013 contou com a participação
do Banco do Brasil, Bradesco, HSBC, Santander,
Infor, Interadapt, CA, CPFL Renováveis, Balcão
Brasileiro de Comercialização de Energia (BBCE) e
ABRAGEL (Associação dos Geradores de Energia
Limpa), entre outros. O resultado foi a
conscientização do tema e a confirmação da
viabilidade do projeto.
O segundo encontro, agendado para o dia 24 de
abril de 2014, tem o objetivo de engajamento de
mais associados ao projeto, apresentação de novas
tecnologias e modelo de fornecimento de energia
renovável, aproximação com agências reguladoras
e governo, e apresentação da proposta de
levantamento de dados sobre consumo de energia
e emissão de gases de efeito estufa dos associados.
PAUTA DO ENCONTRO
 Cenário do setor elétrico brasileiro;
 Plano Municipal de Mudanças Climáticas e
Gestão de Resíduos Sólidos;
 Novas tecnologias e modelos de negócios de
fornecimento de energia;
 Métricas para avaliação e acompanhamento
do consumo de energia e emissão de gases do
efeito estufa;
 Apresentação da proposta de levantamento e
benchmarking entre os associados.
2º Encontro do Projeto de Sustentabilidade e
Energia Renovável para Data Centers
Data: 24 de abril de 2014 das 8h30 às 13 horas
Auditório SUCESU-SP. Rua Professor
Tamandaré Toledo, 69 3º andar, São Paulo-SP
CEP: 04532-020 - Itaim Bibi - São Paulo - SP

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Contribuição da Eficiência Energética na Expansão da Oferta de Energia
Contribuição da Eficiência Energética na Expansão da Oferta de EnergiaContribuição da Eficiência Energética na Expansão da Oferta de Energia
Contribuição da Eficiência Energética na Expansão da Oferta de Energia
slides-mci
 
Solenidade de Abertura do 13º COBEE
Solenidade de Abertura do 13º COBEESolenidade de Abertura do 13º COBEE
Solenidade de Abertura do 13º COBEE
slides-mci
 
A visão do MME para Eficiência Energética
A visão do MME para Eficiência EnergéticaA visão do MME para Eficiência Energética
A visão do MME para Eficiência Energética
slides-mci
 
Geração Distribuída: Uma Opção Viável
Geração Distribuída: Uma Opção ViávelGeração Distribuída: Uma Opção Viável
Geração Distribuída: Uma Opção Viável
slides-mci
 
Custos de implantação e manutenção da arborização de ruas da cidade de Curiti...
Custos de implantação e manutenção da arborização de ruas da cidade de Curiti...Custos de implantação e manutenção da arborização de ruas da cidade de Curiti...
Custos de implantação e manutenção da arborização de ruas da cidade de Curiti...
Resgate Cambuí
 
BRASIL ECONOMICO - 05.12.2014
BRASIL ECONOMICO - 05.12.2014BRASIL ECONOMICO - 05.12.2014
BRASIL ECONOMICO - 05.12.2014
Matt Chmielewski
 
A tecnologia fotovoltaica, novos negócios e novos desafios para as concession...
A tecnologia fotovoltaica, novos negócios e novos desafios para as concession...A tecnologia fotovoltaica, novos negócios e novos desafios para as concession...
A tecnologia fotovoltaica, novos negócios e novos desafios para as concession...
Gilberto De Martino Jannuzzi
 
Energia solar um esforço a caminho da regulação
Energia solar   um esforço a caminho da regulaçãoEnergia solar   um esforço a caminho da regulação
Energia solar um esforço a caminho da regulação
Isadora Chansky Cohen
 
Políticas de Mudanças Climáticas - Casemiro Tércio de Carvalho
Políticas de Mudanças Climáticas  - Casemiro Tércio de CarvalhoPolíticas de Mudanças Climáticas  - Casemiro Tércio de Carvalho
Políticas de Mudanças Climáticas - Casemiro Tércio de Carvalho
Fiesp Federação das Indústrias do Estado de SP
 
Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e Eletrobrás
Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e EletrobrásProcel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e Eletrobrás
Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e Eletrobrás
Ampla Energia S.A.
 
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
slides-mci
 
Mecanismos para Aplicação dos Recursos do PROCEL
Mecanismos para Aplicação dos Recursos do PROCELMecanismos para Aplicação dos Recursos do PROCEL
Mecanismos para Aplicação dos Recursos do PROCEL
slides-mci
 
Apresentação LNEG - 3ª Conferência Anual do EnergyIN
Apresentação LNEG - 3ª Conferência Anual do EnergyINApresentação LNEG - 3ª Conferência Anual do EnergyIN
Apresentação LNEG - 3ª Conferência Anual do EnergyIN
EnergyIN - Pólo de Competitividade e Tecnologia da Energia
 
Apresentação do grupo de economia
Apresentação do grupo de economiaApresentação do grupo de economia
Apresentação do grupo de economia
MorettoM
 
Novo modelo do relatório de responsabilidade socioambiental sff - ganin
Novo modelo do relatório de responsabilidade socioambiental   sff - ganinNovo modelo do relatório de responsabilidade socioambiental   sff - ganin
Novo modelo do relatório de responsabilidade socioambiental sff - ganin
Francis Zeman
 
Sistemas Iluminação Eficiente de Interiores
Sistemas Iluminação Eficiente de InterioresSistemas Iluminação Eficiente de Interiores
Sistemas Iluminação Eficiente de Interiores
slides-mci
 
UMA ANÁLISE DOS PRINCIPAIS CONCEITOS, PRINCÍPIOS E PRÁTICAS, SOBRE A GESTÃO D...
UMA ANÁLISE DOS PRINCIPAIS CONCEITOS, PRINCÍPIOS E PRÁTICAS, SOBRE A GESTÃO D...UMA ANÁLISE DOS PRINCIPAIS CONCEITOS, PRINCÍPIOS E PRÁTICAS, SOBRE A GESTÃO D...
UMA ANÁLISE DOS PRINCIPAIS CONCEITOS, PRINCÍPIOS E PRÁTICAS, SOBRE A GESTÃO D...
Henrique Mendes
 
ISO 50.001: Requisitos para Implementação do Sistema de Gestão
ISO 50.001: Requisitos para Implementação do Sistema de GestãoISO 50.001: Requisitos para Implementação do Sistema de Gestão
ISO 50.001: Requisitos para Implementação do Sistema de Gestão
slides-mci
 
31.05.2014 Prefeitura deIilhéus autoriza reajuste da tarifa do transporte col...
31.05.2014 Prefeitura deIilhéus autoriza reajuste da tarifa do transporte col...31.05.2014 Prefeitura deIilhéus autoriza reajuste da tarifa do transporte col...
31.05.2014 Prefeitura deIilhéus autoriza reajuste da tarifa do transporte col...
Guy Valerio Barros dos Santos
 
Sistemas de Medição Inteligente
Sistemas de Medição InteligenteSistemas de Medição Inteligente
Sistemas de Medição Inteligente
slides-mci
 

Mais procurados (20)

Contribuição da Eficiência Energética na Expansão da Oferta de Energia
Contribuição da Eficiência Energética na Expansão da Oferta de EnergiaContribuição da Eficiência Energética na Expansão da Oferta de Energia
Contribuição da Eficiência Energética na Expansão da Oferta de Energia
 
Solenidade de Abertura do 13º COBEE
Solenidade de Abertura do 13º COBEESolenidade de Abertura do 13º COBEE
Solenidade de Abertura do 13º COBEE
 
A visão do MME para Eficiência Energética
A visão do MME para Eficiência EnergéticaA visão do MME para Eficiência Energética
A visão do MME para Eficiência Energética
 
Geração Distribuída: Uma Opção Viável
Geração Distribuída: Uma Opção ViávelGeração Distribuída: Uma Opção Viável
Geração Distribuída: Uma Opção Viável
 
Custos de implantação e manutenção da arborização de ruas da cidade de Curiti...
Custos de implantação e manutenção da arborização de ruas da cidade de Curiti...Custos de implantação e manutenção da arborização de ruas da cidade de Curiti...
Custos de implantação e manutenção da arborização de ruas da cidade de Curiti...
 
BRASIL ECONOMICO - 05.12.2014
BRASIL ECONOMICO - 05.12.2014BRASIL ECONOMICO - 05.12.2014
BRASIL ECONOMICO - 05.12.2014
 
A tecnologia fotovoltaica, novos negócios e novos desafios para as concession...
A tecnologia fotovoltaica, novos negócios e novos desafios para as concession...A tecnologia fotovoltaica, novos negócios e novos desafios para as concession...
A tecnologia fotovoltaica, novos negócios e novos desafios para as concession...
 
Energia solar um esforço a caminho da regulação
Energia solar   um esforço a caminho da regulaçãoEnergia solar   um esforço a caminho da regulação
Energia solar um esforço a caminho da regulação
 
Políticas de Mudanças Climáticas - Casemiro Tércio de Carvalho
Políticas de Mudanças Climáticas  - Casemiro Tércio de CarvalhoPolíticas de Mudanças Climáticas  - Casemiro Tércio de Carvalho
Políticas de Mudanças Climáticas - Casemiro Tércio de Carvalho
 
Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e Eletrobrás
Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e EletrobrásProcel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e Eletrobrás
Procel (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e Eletrobrás
 
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
Projeto 3E - Transformação do mercado de eficiência energética em edifícios p...
 
Mecanismos para Aplicação dos Recursos do PROCEL
Mecanismos para Aplicação dos Recursos do PROCELMecanismos para Aplicação dos Recursos do PROCEL
Mecanismos para Aplicação dos Recursos do PROCEL
 
Apresentação LNEG - 3ª Conferência Anual do EnergyIN
Apresentação LNEG - 3ª Conferência Anual do EnergyINApresentação LNEG - 3ª Conferência Anual do EnergyIN
Apresentação LNEG - 3ª Conferência Anual do EnergyIN
 
Apresentação do grupo de economia
Apresentação do grupo de economiaApresentação do grupo de economia
Apresentação do grupo de economia
 
Novo modelo do relatório de responsabilidade socioambiental sff - ganin
Novo modelo do relatório de responsabilidade socioambiental   sff - ganinNovo modelo do relatório de responsabilidade socioambiental   sff - ganin
Novo modelo do relatório de responsabilidade socioambiental sff - ganin
 
Sistemas Iluminação Eficiente de Interiores
Sistemas Iluminação Eficiente de InterioresSistemas Iluminação Eficiente de Interiores
Sistemas Iluminação Eficiente de Interiores
 
UMA ANÁLISE DOS PRINCIPAIS CONCEITOS, PRINCÍPIOS E PRÁTICAS, SOBRE A GESTÃO D...
UMA ANÁLISE DOS PRINCIPAIS CONCEITOS, PRINCÍPIOS E PRÁTICAS, SOBRE A GESTÃO D...UMA ANÁLISE DOS PRINCIPAIS CONCEITOS, PRINCÍPIOS E PRÁTICAS, SOBRE A GESTÃO D...
UMA ANÁLISE DOS PRINCIPAIS CONCEITOS, PRINCÍPIOS E PRÁTICAS, SOBRE A GESTÃO D...
 
ISO 50.001: Requisitos para Implementação do Sistema de Gestão
ISO 50.001: Requisitos para Implementação do Sistema de GestãoISO 50.001: Requisitos para Implementação do Sistema de Gestão
ISO 50.001: Requisitos para Implementação do Sistema de Gestão
 
31.05.2014 Prefeitura deIilhéus autoriza reajuste da tarifa do transporte col...
31.05.2014 Prefeitura deIilhéus autoriza reajuste da tarifa do transporte col...31.05.2014 Prefeitura deIilhéus autoriza reajuste da tarifa do transporte col...
31.05.2014 Prefeitura deIilhéus autoriza reajuste da tarifa do transporte col...
 
Sistemas de Medição Inteligente
Sistemas de Medição InteligenteSistemas de Medição Inteligente
Sistemas de Medição Inteligente
 

Semelhante a Projeto sustentabilidade-e-energia-renovavel-para-datacenters-v1

Procel_Relatorio_2022_web.pdf
Procel_Relatorio_2022_web.pdfProcel_Relatorio_2022_web.pdf
Procel_Relatorio_2022_web.pdf
chicoelihimas
 
Agrener 08 02
Agrener 08 02Agrener 08 02
Agrener 08 02
Jim Naturesa
 
Engenhairo(a) 4.0 - Competências para a Quarta Revolução Industrial
Engenhairo(a) 4.0 - Competências para a Quarta Revolução IndustrialEngenhairo(a) 4.0 - Competências para a Quarta Revolução Industrial
Engenhairo(a) 4.0 - Competências para a Quarta Revolução Industrial
ThalesDelatorreNunes
 
PCH 2010
PCH 2010PCH 2010
PCH 2010
VIEX americas
 
Aspectos da construcao sustentavel no brasil e promocao de politicas publicas
Aspectos da construcao sustentavel no brasil e promocao de politicas publicasAspectos da construcao sustentavel no brasil e promocao de politicas publicas
Aspectos da construcao sustentavel no brasil e promocao de politicas publicas
Rudnei Souza Jr. (Project Engenharia)
 
1 sebastiao pernes de miranda filho
1   sebastiao pernes de miranda filho1   sebastiao pernes de miranda filho
1 sebastiao pernes de miranda filho
Sebastião Miranda
 
Programação Green Tech 2011
Programação Green Tech 2011Programação Green Tech 2011
Programação Green Tech 2011
Wigliani Notícias
 
Seminário construções sustentáveis 19-11-2010 - apresentação de andré aranh...
Seminário construções sustentáveis   19-11-2010 - apresentação de andré aranh...Seminário construções sustentáveis   19-11-2010 - apresentação de andré aranh...
Seminário construções sustentáveis 19-11-2010 - apresentação de andré aranh...
FecomercioSP
 
Paulo Sérgio Pereira - Gestão para a sustentabilidade na cadeia de suprimento...
Paulo Sérgio Pereira - Gestão para a sustentabilidade na cadeia de suprimento...Paulo Sérgio Pereira - Gestão para a sustentabilidade na cadeia de suprimento...
Paulo Sérgio Pereira - Gestão para a sustentabilidade na cadeia de suprimento...
ISetor
 
Apresentação de laura silvia valente de macedo tst ppcs
Apresentação de laura silvia valente de macedo tst ppcsApresentação de laura silvia valente de macedo tst ppcs
Apresentação de laura silvia valente de macedo tst ppcs
leonardo2710
 
RESÍDUOS em REDE nº 01 - novembro de 2013
RESÍDUOS em REDE nº 01 - novembro de 2013RESÍDUOS em REDE nº 01 - novembro de 2013
RESÍDUOS em REDE nº 01 - novembro de 2013
REDERESÍDUO
 
Agenda Ambiental na Administração Pública
Agenda Ambiental na Administração PúblicaAgenda Ambiental na Administração Pública
Agenda Ambiental na Administração Pública
Ricardo Ferrao
 
Produção e Consumo Sustentável - Ana Maria Vieira Neto
Produção e Consumo Sustentável  - Ana Maria Vieira NetoProdução e Consumo Sustentável  - Ana Maria Vieira Neto
Produção e Consumo Sustentável - Ana Maria Vieira Neto
Humanidade2012
 
Agrener 2010 jim_adriana_v4_10
Agrener 2010 jim_adriana_v4_10Agrener 2010 jim_adriana_v4_10
Agrener 2010 jim_adriana_v4_10
Jim Naturesa
 
Sustentabilidade utilizando a TI Verde, aplicabilidade do Power Cap
Sustentabilidade utilizando a TI Verde, aplicabilidade do Power CapSustentabilidade utilizando a TI Verde, aplicabilidade do Power Cap
Sustentabilidade utilizando a TI Verde, aplicabilidade do Power Cap
Anderson Chaves Cardoso
 
Seminario lurdes
Seminario lurdesSeminario lurdes
Seminario lurdes
Helder Ferreira
 
Desafio Santader de Sustentabilidade - Plataforma Semear
Desafio Santader de Sustentabilidade - Plataforma SemearDesafio Santader de Sustentabilidade - Plataforma Semear
Desafio Santader de Sustentabilidade - Plataforma Semear
bruziv
 
Balanco energetico setor industrial
Balanco energetico setor industrialBalanco energetico setor industrial
Balanco energetico setor industrial
Secretaria Planejamento SC
 
OFICIAL - Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
OFICIAL - Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptxOFICIAL - Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
OFICIAL - Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
LarissaPereiraVilasB1
 
Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptxPerspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
LarissaPereiraVilasB1
 

Semelhante a Projeto sustentabilidade-e-energia-renovavel-para-datacenters-v1 (20)

Procel_Relatorio_2022_web.pdf
Procel_Relatorio_2022_web.pdfProcel_Relatorio_2022_web.pdf
Procel_Relatorio_2022_web.pdf
 
Agrener 08 02
Agrener 08 02Agrener 08 02
Agrener 08 02
 
Engenhairo(a) 4.0 - Competências para a Quarta Revolução Industrial
Engenhairo(a) 4.0 - Competências para a Quarta Revolução IndustrialEngenhairo(a) 4.0 - Competências para a Quarta Revolução Industrial
Engenhairo(a) 4.0 - Competências para a Quarta Revolução Industrial
 
PCH 2010
PCH 2010PCH 2010
PCH 2010
 
Aspectos da construcao sustentavel no brasil e promocao de politicas publicas
Aspectos da construcao sustentavel no brasil e promocao de politicas publicasAspectos da construcao sustentavel no brasil e promocao de politicas publicas
Aspectos da construcao sustentavel no brasil e promocao de politicas publicas
 
1 sebastiao pernes de miranda filho
1   sebastiao pernes de miranda filho1   sebastiao pernes de miranda filho
1 sebastiao pernes de miranda filho
 
Programação Green Tech 2011
Programação Green Tech 2011Programação Green Tech 2011
Programação Green Tech 2011
 
Seminário construções sustentáveis 19-11-2010 - apresentação de andré aranh...
Seminário construções sustentáveis   19-11-2010 - apresentação de andré aranh...Seminário construções sustentáveis   19-11-2010 - apresentação de andré aranh...
Seminário construções sustentáveis 19-11-2010 - apresentação de andré aranh...
 
Paulo Sérgio Pereira - Gestão para a sustentabilidade na cadeia de suprimento...
Paulo Sérgio Pereira - Gestão para a sustentabilidade na cadeia de suprimento...Paulo Sérgio Pereira - Gestão para a sustentabilidade na cadeia de suprimento...
Paulo Sérgio Pereira - Gestão para a sustentabilidade na cadeia de suprimento...
 
Apresentação de laura silvia valente de macedo tst ppcs
Apresentação de laura silvia valente de macedo tst ppcsApresentação de laura silvia valente de macedo tst ppcs
Apresentação de laura silvia valente de macedo tst ppcs
 
RESÍDUOS em REDE nº 01 - novembro de 2013
RESÍDUOS em REDE nº 01 - novembro de 2013RESÍDUOS em REDE nº 01 - novembro de 2013
RESÍDUOS em REDE nº 01 - novembro de 2013
 
Agenda Ambiental na Administração Pública
Agenda Ambiental na Administração PúblicaAgenda Ambiental na Administração Pública
Agenda Ambiental na Administração Pública
 
Produção e Consumo Sustentável - Ana Maria Vieira Neto
Produção e Consumo Sustentável  - Ana Maria Vieira NetoProdução e Consumo Sustentável  - Ana Maria Vieira Neto
Produção e Consumo Sustentável - Ana Maria Vieira Neto
 
Agrener 2010 jim_adriana_v4_10
Agrener 2010 jim_adriana_v4_10Agrener 2010 jim_adriana_v4_10
Agrener 2010 jim_adriana_v4_10
 
Sustentabilidade utilizando a TI Verde, aplicabilidade do Power Cap
Sustentabilidade utilizando a TI Verde, aplicabilidade do Power CapSustentabilidade utilizando a TI Verde, aplicabilidade do Power Cap
Sustentabilidade utilizando a TI Verde, aplicabilidade do Power Cap
 
Seminario lurdes
Seminario lurdesSeminario lurdes
Seminario lurdes
 
Desafio Santader de Sustentabilidade - Plataforma Semear
Desafio Santader de Sustentabilidade - Plataforma SemearDesafio Santader de Sustentabilidade - Plataforma Semear
Desafio Santader de Sustentabilidade - Plataforma Semear
 
Balanco energetico setor industrial
Balanco energetico setor industrialBalanco energetico setor industrial
Balanco energetico setor industrial
 
OFICIAL - Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
OFICIAL - Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptxOFICIAL - Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
OFICIAL - Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
 
Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptxPerspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
Perspectivas da Gestão de Energia em âmbito municipal no Brasil.pptx
 

Mais de Eduardo Fagundes

Uma nova organização para Big Data
Uma nova organização para Big DataUma nova organização para Big Data
Uma nova organização para Big Data
Eduardo Fagundes
 
Criatividade e Inovação nos Negócios
Criatividade e Inovação nos NegóciosCriatividade e Inovação nos Negócios
Criatividade e Inovação nos Negócios
Eduardo Fagundes
 
Grupo de-estudo-cursos-de-posgraduacao-de-tic-v1
Grupo de-estudo-cursos-de-posgraduacao-de-tic-v1Grupo de-estudo-cursos-de-posgraduacao-de-tic-v1
Grupo de-estudo-cursos-de-posgraduacao-de-tic-v1
Eduardo Fagundes
 
Matriz de produtos-mercados de Ansoff
Matriz de produtos-mercados de AnsoffMatriz de produtos-mercados de Ansoff
Matriz de produtos-mercados de Ansoff
Eduardo Fagundes
 
Estratégia do Oceano Azul
Estratégia do Oceano AzulEstratégia do Oceano Azul
Estratégia do Oceano Azul
Eduardo Fagundes
 
Matriz BCG
Matriz BCGMatriz BCG
Matriz BCG
Eduardo Fagundes
 
Análise SWOT
Análise SWOTAnálise SWOT
Análise SWOT
Eduardo Fagundes
 
Gestão da Estratégia (BSC)
Gestão da Estratégia (BSC)Gestão da Estratégia (BSC)
Gestão da Estratégia (BSC)
Eduardo Fagundes
 
Análise Competitiva as Cinco Forças de Michael Porter
Análise Competitiva as Cinco Forças de Michael PorterAnálise Competitiva as Cinco Forças de Michael Porter
Análise Competitiva as Cinco Forças de Michael Porter
Eduardo Fagundes
 
Processo para Inovações Disruptivas
Processo para Inovações DisruptivasProcesso para Inovações Disruptivas
Processo para Inovações Disruptivas
Eduardo Fagundes
 
Benchmarking
BenchmarkingBenchmarking
Benchmarking
Eduardo Fagundes
 
A Quinta Disciplina de Peter Senge
A Quinta Disciplina de Peter SengeA Quinta Disciplina de Peter Senge
A Quinta Disciplina de Peter Senge
Eduardo Fagundes
 
Fases da mudança de Kotter
Fases da mudança de KotterFases da mudança de Kotter
Fases da mudança de Kotter
Eduardo Fagundes
 
Modelo 7S da McKinsey
Modelo 7S da McKinseyModelo 7S da McKinsey
Modelo 7S da McKinsey
Eduardo Fagundes
 
Pensamento produtivo
Pensamento produtivoPensamento produtivo
Pensamento produtivo
Eduardo Fagundes
 
Organizações que aprendem
Organizações que aprendemOrganizações que aprendem
Organizações que aprendem
Eduardo Fagundes
 
Liderança motivacional
Liderança motivacionalLiderança motivacional
Liderança motivacional
Eduardo Fagundes
 
Benefícios da inovação aberta
Benefícios da inovação abertaBenefícios da inovação aberta
Benefícios da inovação aberta
Eduardo Fagundes
 
Estratégia good to great
Estratégia good to greatEstratégia good to great
Estratégia good to great
Eduardo Fagundes
 
Modelo de maturidade da competência
Modelo de maturidade da competênciaModelo de maturidade da competência
Modelo de maturidade da competência
Eduardo Fagundes
 

Mais de Eduardo Fagundes (20)

Uma nova organização para Big Data
Uma nova organização para Big DataUma nova organização para Big Data
Uma nova organização para Big Data
 
Criatividade e Inovação nos Negócios
Criatividade e Inovação nos NegóciosCriatividade e Inovação nos Negócios
Criatividade e Inovação nos Negócios
 
Grupo de-estudo-cursos-de-posgraduacao-de-tic-v1
Grupo de-estudo-cursos-de-posgraduacao-de-tic-v1Grupo de-estudo-cursos-de-posgraduacao-de-tic-v1
Grupo de-estudo-cursos-de-posgraduacao-de-tic-v1
 
Matriz de produtos-mercados de Ansoff
Matriz de produtos-mercados de AnsoffMatriz de produtos-mercados de Ansoff
Matriz de produtos-mercados de Ansoff
 
Estratégia do Oceano Azul
Estratégia do Oceano AzulEstratégia do Oceano Azul
Estratégia do Oceano Azul
 
Matriz BCG
Matriz BCGMatriz BCG
Matriz BCG
 
Análise SWOT
Análise SWOTAnálise SWOT
Análise SWOT
 
Gestão da Estratégia (BSC)
Gestão da Estratégia (BSC)Gestão da Estratégia (BSC)
Gestão da Estratégia (BSC)
 
Análise Competitiva as Cinco Forças de Michael Porter
Análise Competitiva as Cinco Forças de Michael PorterAnálise Competitiva as Cinco Forças de Michael Porter
Análise Competitiva as Cinco Forças de Michael Porter
 
Processo para Inovações Disruptivas
Processo para Inovações DisruptivasProcesso para Inovações Disruptivas
Processo para Inovações Disruptivas
 
Benchmarking
BenchmarkingBenchmarking
Benchmarking
 
A Quinta Disciplina de Peter Senge
A Quinta Disciplina de Peter SengeA Quinta Disciplina de Peter Senge
A Quinta Disciplina de Peter Senge
 
Fases da mudança de Kotter
Fases da mudança de KotterFases da mudança de Kotter
Fases da mudança de Kotter
 
Modelo 7S da McKinsey
Modelo 7S da McKinseyModelo 7S da McKinsey
Modelo 7S da McKinsey
 
Pensamento produtivo
Pensamento produtivoPensamento produtivo
Pensamento produtivo
 
Organizações que aprendem
Organizações que aprendemOrganizações que aprendem
Organizações que aprendem
 
Liderança motivacional
Liderança motivacionalLiderança motivacional
Liderança motivacional
 
Benefícios da inovação aberta
Benefícios da inovação abertaBenefícios da inovação aberta
Benefícios da inovação aberta
 
Estratégia good to great
Estratégia good to greatEstratégia good to great
Estratégia good to great
 
Modelo de maturidade da competência
Modelo de maturidade da competênciaModelo de maturidade da competência
Modelo de maturidade da competência
 

Último

Orientações para utilizar Drone no espaço Brasil
Orientações para utilizar Drone no espaço BrasilOrientações para utilizar Drone no espaço Brasil
Orientações para utilizar Drone no espaço Brasil
EliakimArajo2
 
Gestão de dados: sua importância e benefícios
Gestão de dados: sua importância e benefíciosGestão de dados: sua importância e benefícios
Gestão de dados: sua importância e benefícios
Rafael Santos
 
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Annelise Gripp
 
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product ownerPRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
anpproferick
 
Teoria de redes de computadores redes .doc
Teoria de redes de computadores redes .docTeoria de redes de computadores redes .doc
Teoria de redes de computadores redes .doc
anpproferick
 
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdfPor que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Ian Oliveira
 
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptxComo fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
tnrlucas
 

Último (7)

Orientações para utilizar Drone no espaço Brasil
Orientações para utilizar Drone no espaço BrasilOrientações para utilizar Drone no espaço Brasil
Orientações para utilizar Drone no espaço Brasil
 
Gestão de dados: sua importância e benefícios
Gestão de dados: sua importância e benefíciosGestão de dados: sua importância e benefícios
Gestão de dados: sua importância e benefícios
 
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
Ferramentas e Técnicas para aplicar no seu dia a dia numa Transformação Digital!
 
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product ownerPRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
PRATICANDO O SCRUM Scrum team, product owner
 
Teoria de redes de computadores redes .doc
Teoria de redes de computadores redes .docTeoria de redes de computadores redes .doc
Teoria de redes de computadores redes .doc
 
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdfPor que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
Por que escolhi o Flutter - Campus Party Piauí.pdf
 
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptxComo fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
Como fui de 0 a lead na gringa em 3 anos.pptx
 

Projeto sustentabilidade-e-energia-renovavel-para-datacenters-v1

  • 1. SUCESU - Sociedade de Usuários de Informática e Telecomunicações - São Paulo Rua Professor Tamandaré Toledo, 69 3º andar. CEP: 04532-020 - Itaim Bibi - São Paulo - SP Tel.: (11) 2165-1331 / (11) 2165-1332 | sucesusp@sucesusp.org.br PROJETO SUSTENTABILIDADE E ENERGIA RENOVÁVEL PARA DATA CENTERS O projeto introduz ações para reduzir a emissão de gases do efeito estufa, consumo e custo da energia nos data centers, através de práticas de racionalização de uso, novas tecnologias e ações conjuntas com o governo. Essas ações de responsabilidade empresarial contribuem para a preservação do meio ambiente e aumento da competitividade dos data center, resultando em melhor qualidade de vida para as pessoas, manutenção e crescimento de empregos qualificados. O projeto prevê programas educacionais para uso racional de energia, estudos e benchmarking entre os associados sobre eficiência energética e emissão de gases do efeito estufa, aconselhamento em projetos técnicos, negociação com governos e agências reguladoras para a viabilização de projetos, identificação de municípios para a instalação de novos data centers e estudo para uso de energia do mercado livre. Estudos mostram que os data centers consumem entre 1.1% e 1.5% da eletricidade global. O estilo de computação em nuvem (Cloud Computing) e a computação móvel têm impulsionado o uso intensivo de processamento centralizado, indicando que apesar das ações de eficiência energética, o crescimento de consumo de energia dos data centers tem viés de alta. Outro desafio dos data centers é reduzir a emissão de gases do efeito estufa. Um estudo do Greenpeace de 2008 (Smart 2020) mostrou que os data centers produzem cerca de 116 milhões de toneladas de dióxido de carbono (CO2) e que o setor de TI inteiro é responsável por 2% das emissões globais de gases do efeito estufa. A crescente dependência dos data centers gera reflexos na economia e na política. Hospedar um data center em uma região (cidade, estado ou país) traz desenvolvimento socioeconômico através do aumento do nível emprego qualificado, crescimento da economia local, saúde e educação. O primeiro encontro de executivos de data centers em novembro de 2013 contou com a participação do Banco do Brasil, Bradesco, HSBC, Santander, Infor, Interadapt, CA, CPFL Renováveis, Balcão Brasileiro de Comercialização de Energia (BBCE) e ABRAGEL (Associação dos Geradores de Energia Limpa), entre outros. O resultado foi a conscientização do tema e a confirmação da viabilidade do projeto. O segundo encontro, agendado para o dia 24 de abril de 2014, tem o objetivo de engajamento de mais associados ao projeto, apresentação de novas tecnologias e modelo de fornecimento de energia renovável, aproximação com agências reguladoras e governo, e apresentação da proposta de levantamento de dados sobre consumo de energia e emissão de gases de efeito estufa dos associados. PAUTA DO ENCONTRO  Cenário do setor elétrico brasileiro;  Plano Municipal de Mudanças Climáticas e Gestão de Resíduos Sólidos;  Novas tecnologias e modelos de negócios de fornecimento de energia;  Métricas para avaliação e acompanhamento do consumo de energia e emissão de gases do efeito estufa;  Apresentação da proposta de levantamento e benchmarking entre os associados. 2º Encontro do Projeto de Sustentabilidade e Energia Renovável para Data Centers Data: 24 de abril de 2014 das 8h30 às 13 horas Auditório SUCESU-SP. Rua Professor Tamandaré Toledo, 69 3º andar, São Paulo-SP CEP: 04532-020 - Itaim Bibi - São Paulo - SP