SlideShare uma empresa Scribd logo
PROGRAMA DE ATENÇÃO
 FARMACÊUTICA - PAF
OBJETIVO GERAL
      Implantar    um     Programa     de   Atenção
Farmacêutica (PAF) no NASF da Avisa I, avaliando o
processo de implantação e seus resultados
terapêuticos e humanísticos, incluindo o impacto
sobre a qualidade de vida dos usuários do serviço.


               BENEFICIÁRIOS
      Inicialmente pacientes portadores de
osteoporose da Avisa I. Posteriormente abrangendo
ao demais pacientes do município.
ATENDIMENTO DO PAF
      O local de atendimento é na sede do NASF da
Avisa I, anexo a UBASF JPA I nas segundas e
quartas – feiras de acordo com agendamento dos
pacientes. Também é utilizado a sala da prevenção
da UBASF Colônia.
METODOLOGIA UTILIZADA
EXECUÇÃO DO MÉTODO
        Captação e Agendamento da Consulta

                   1° Atendimento
 Recepção do Paciente / Usuário (Nesse momento
  o paciente recebe informações sobre o
  funciomento do Pograma de Atenção Farmacêutica
  – Aceita ou Não)
 Cadastro no PAF

 Contato Farmacêutico - Paciente

 Marcar Retorno e etapa dáder – sacola de
  medicamentos
2° Atendimento
 Preenchimento da farmacoterapia

 Investigar se o paciente é acompanhado por
  mais de um médico
 Detectar a compreensão da prescrição pelo
  paciente / medicamento / patologia
  (sumarização)
 Marcar Retorno

                  Fase de Estudo
 PRM`s

 Avaliação

 Intervenção
Resultado da Intervenção

 Aceita, prob. Resolvido
 Aceita, prob. Não Resolvido     Novo Estado
 Não Aceita, prob. Resolvido     da Situação
 Não Aceita, prob. Resolvido


                 3° Atendimento
 Seguimento Farmacoterapêutico
 Dispensação
 Marcar Retorno


            Registro Sistemático das
    atividadades, mensuração e avaliação do
PROGRAMA FARMACÊUTICO
      HOME CARE
OBJETIVO GERAL

      Acompanhamento de pacientes portadores de
osteoporose acamado da Avisa I, através do
Programa Farmacêutico Home Care.


               METODOLOGIA
 Programa de Atenção Farmacêutica – PAF.
 Encaminhamento solicitado por profissional de
  saúde
 Visitas Domiciliares Sistemáticas – Pré Agendadas
ADOÇANDO A VIDA
        COM
ATENÇÃO FARMACÊUTICA
OBJETIVO GERAL

       Acompanhamento de pacientes portadores de
diabetes Mellitus da Avisa I, através de uma atenção
farmacêutica em grupo.

                  BENEFICIÁRIOS

       Pacientes Diabéticos tipo I e tipo II da Avisa I.

                   METODOLOGIA

      Será utilizada a metodologia do programa de
atenção farmacêutica – paf.
ATUAL SITUAÇÃO
 24 Pacientes Cadastrados no PAF
 2 Pacientes Acompanhados no Programa
  Farmacêutico Home Care
 19 Pacientes Cadastrados no Grupo Adoçando a
  Vida com Atenção Farmacêutica

   3 Encaminhamento ao Médico   2 Hipertensos
                                  1 Diabético
NO BRASIL, A ATENFAR FOI CONSENSUADA COMO
UMA ESTRATÉGIA PARA RESGATAR A REAL FUNÇÃO SOCIAL
 DO FARMACÊUTICO PARTILHANDO RESPONSABILIDADES
   COM OUTROS PROFISSIONAIS DA SAÚDE E COM OS
                  PACIENTES.

      (CONSENSO BRASILEIRO DE ATENFAR, 2002)
“A MENTE QUE SE ABRE A UMA NOVA IDÉIA, JÁMAIS
     VOLTARÁ AO SEU TAMANHO ORIGINAL”

                           (ALBERT EINSTEIN)

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 1
Aula 1Aula 1
INTERAÇ
INTERAÇINTERAÇ
Introdução à farmacologia
Introdução à farmacologiaIntrodução à farmacologia
Introdução à farmacologia
Mauro Cunha Xavier Pinto
 
Casos básicos: estudo de problemas relacionados com medicamentos 2003
Casos básicos: estudo de problemas relacionados com medicamentos 2003Casos básicos: estudo de problemas relacionados com medicamentos 2003
Casos básicos: estudo de problemas relacionados com medicamentos 2003
Cassyano Correr
 
Farmacologia Respiratória
Farmacologia RespiratóriaFarmacologia Respiratória
Farmacologia Respiratória
Leonardo Souza
 
Palestra - Profissão Farmacêutica
Palestra - Profissão FarmacêuticaPalestra - Profissão Farmacêutica
Palestra - Profissão Farmacêutica
Thalles Peixoto
 
Atribuições clínicas do farmacêutico
Atribuições clínicas do farmacêuticoAtribuições clínicas do farmacêutico
Atribuições clínicas do farmacêutico
Cassyano Correr
 
Apostila Introdução à Farmácia
Apostila Introdução à FarmáciaApostila Introdução à Farmácia
Apostila Introdução à Farmácia
Herbert Cristian de Souza
 
Assistência Farmacêutica na Prática
Assistência Farmacêutica na PráticaAssistência Farmacêutica na Prática
Assistência Farmacêutica na Prática
Farmacêutico Digital
 
Fitoterapia (Histórico) SENAC 2013
Fitoterapia (Histórico) SENAC 2013Fitoterapia (Histórico) SENAC 2013
Fitoterapia (Histórico) SENAC 2013
Márcio Ravazoli
 
01 intro biofarmácia
01 intro biofarmácia01 intro biofarmácia
01 intro biofarmácia
MariaLuizaGonalves5
 
3. farmacologia. aparelho respiratorio
3. farmacologia. aparelho respiratorio3. farmacologia. aparelho respiratorio
3. farmacologia. aparelho respiratorio
Luiz Gonçalves Mendes Jr
 
Uso racional de medicamentos
Uso racional de medicamentosUso racional de medicamentos
Uso racional de medicamentos
Francisco José
 
Modelo de evolução técnico de enfermagem
Modelo de evolução técnico de enfermagemModelo de evolução técnico de enfermagem
Modelo de evolução técnico de enfermagem
Raíssa Soeiro
 
Armazenamento e descarte de medicamentos e materiais
Armazenamento e descarte de medicamentos e materiaisArmazenamento e descarte de medicamentos e materiais
Armazenamento e descarte de medicamentos e materiais
Arquivo-FClinico
 
Conceitos de Atenção Farmacêutica
Conceitos de  Atenção FarmacêuticaConceitos de  Atenção Farmacêutica
Conceitos de Atenção Farmacêutica
Marcelo Polacow Bisson
 
PES 2.0 Dispensação de Medicamentos e Formas Farmacêuticas
PES 2.0 Dispensação de Medicamentos e Formas FarmacêuticasPES 2.0 Dispensação de Medicamentos e Formas Farmacêuticas
PES 2.0 Dispensação de Medicamentos e Formas Farmacêuticas
Farmacêutico Digital
 
Medicamentos
MedicamentosMedicamentos
Medicamentos
Leonardo Souza
 
Farmacia Hospitalar
Farmacia HospitalarFarmacia Hospitalar
Farmacia Hospitalar
Safia Naser
 
Uso racional de medicamentos
Uso racional de medicamentosUso racional de medicamentos
Uso racional de medicamentos
Pedro Azevedo
 

Mais procurados (20)

Aula 1
Aula 1Aula 1
Aula 1
 
INTERAÇ
INTERAÇINTERAÇ
INTERAÇ
 
Introdução à farmacologia
Introdução à farmacologiaIntrodução à farmacologia
Introdução à farmacologia
 
Casos básicos: estudo de problemas relacionados com medicamentos 2003
Casos básicos: estudo de problemas relacionados com medicamentos 2003Casos básicos: estudo de problemas relacionados com medicamentos 2003
Casos básicos: estudo de problemas relacionados com medicamentos 2003
 
Farmacologia Respiratória
Farmacologia RespiratóriaFarmacologia Respiratória
Farmacologia Respiratória
 
Palestra - Profissão Farmacêutica
Palestra - Profissão FarmacêuticaPalestra - Profissão Farmacêutica
Palestra - Profissão Farmacêutica
 
Atribuições clínicas do farmacêutico
Atribuições clínicas do farmacêuticoAtribuições clínicas do farmacêutico
Atribuições clínicas do farmacêutico
 
Apostila Introdução à Farmácia
Apostila Introdução à FarmáciaApostila Introdução à Farmácia
Apostila Introdução à Farmácia
 
Assistência Farmacêutica na Prática
Assistência Farmacêutica na PráticaAssistência Farmacêutica na Prática
Assistência Farmacêutica na Prática
 
Fitoterapia (Histórico) SENAC 2013
Fitoterapia (Histórico) SENAC 2013Fitoterapia (Histórico) SENAC 2013
Fitoterapia (Histórico) SENAC 2013
 
01 intro biofarmácia
01 intro biofarmácia01 intro biofarmácia
01 intro biofarmácia
 
3. farmacologia. aparelho respiratorio
3. farmacologia. aparelho respiratorio3. farmacologia. aparelho respiratorio
3. farmacologia. aparelho respiratorio
 
Uso racional de medicamentos
Uso racional de medicamentosUso racional de medicamentos
Uso racional de medicamentos
 
Modelo de evolução técnico de enfermagem
Modelo de evolução técnico de enfermagemModelo de evolução técnico de enfermagem
Modelo de evolução técnico de enfermagem
 
Armazenamento e descarte de medicamentos e materiais
Armazenamento e descarte de medicamentos e materiaisArmazenamento e descarte de medicamentos e materiais
Armazenamento e descarte de medicamentos e materiais
 
Conceitos de Atenção Farmacêutica
Conceitos de  Atenção FarmacêuticaConceitos de  Atenção Farmacêutica
Conceitos de Atenção Farmacêutica
 
PES 2.0 Dispensação de Medicamentos e Formas Farmacêuticas
PES 2.0 Dispensação de Medicamentos e Formas FarmacêuticasPES 2.0 Dispensação de Medicamentos e Formas Farmacêuticas
PES 2.0 Dispensação de Medicamentos e Formas Farmacêuticas
 
Medicamentos
MedicamentosMedicamentos
Medicamentos
 
Farmacia Hospitalar
Farmacia HospitalarFarmacia Hospitalar
Farmacia Hospitalar
 
Uso racional de medicamentos
Uso racional de medicamentosUso racional de medicamentos
Uso racional de medicamentos
 

Destaque

Atenção farmacêutica aula i
Atenção farmacêutica    aula iAtenção farmacêutica    aula i
Atenção farmacêutica aula i
Larissa Oliveira Rocha
 
13 30 Lorenzo Bandeira Cuidado Farmac%E Autico A Pacientes Hipertensos E Di...
13 30 Lorenzo Bandeira   Cuidado Farmac%E Autico A Pacientes Hipertensos E Di...13 30 Lorenzo Bandeira   Cuidado Farmac%E Autico A Pacientes Hipertensos E Di...
13 30 Lorenzo Bandeira Cuidado Farmac%E Autico A Pacientes Hipertensos E Di...
Jose Eduardo
 
Proposta consenso atencao_farmaceutica
Proposta consenso atencao_farmaceuticaProposta consenso atencao_farmaceutica
Proposta consenso atencao_farmaceutica
fernandayasmin
 
Atenã ã o farmaceutica e farmacia clinica -implantaã_ao na farmacia hospitalar
Atenã ã o farmaceutica e farmacia clinica -implantaã_ao na farmacia hospitalarAtenã ã o farmaceutica e farmacia clinica -implantaã_ao na farmacia hospitalar
Atenã ã o farmaceutica e farmacia clinica -implantaã_ao na farmacia hospitalar
Rodrigo Xavier
 
Farmácia militar
Farmácia militarFarmácia militar
Farmácia militar
Marcelo Polacow Bisson
 
Atenção farmacêutica para pacientes diabéticos no varejo
Atenção farmacêutica para pacientes diabéticos no varejoAtenção farmacêutica para pacientes diabéticos no varejo
Atenção farmacêutica para pacientes diabéticos no varejo
Tatiana Pereira
 
O farmacêutico na assistência farmacêutica do sus
O farmacêutico na assistência farmacêutica do susO farmacêutico na assistência farmacêutica do sus
O farmacêutico na assistência farmacêutica do sus
DESENVOLVA CONSULTORIA
 
Cartilha Entendendo O Sus 2007
Cartilha Entendendo O Sus 2007Cartilha Entendendo O Sus 2007
Cartilha Entendendo O Sus 2007
Eduardo Gomes da Silva
 
Componente especializado da assistência farmacêutica (1)
Componente especializado da assistência farmacêutica (1)Componente especializado da assistência farmacêutica (1)
Componente especializado da assistência farmacêutica (1)
Giovanni Oliveira
 
A importância do farmacêutico no sus
A importância do farmacêutico no susA importância do farmacêutico no sus
A importância do farmacêutico no sus
DESENVOLVA CONSULTORIA
 
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufprGestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
Nádia Elizabeth Barbosa Villas Bôas
 
Fontes de informação sobre medicamentos
Fontes de informação sobre medicamentosFontes de informação sobre medicamentos
Fontes de informação sobre medicamentos
Cassyano Correr
 
Serviços Farmacêuticos Clínicos: O que dizem as Revisões Sistemáticas?
Serviços Farmacêuticos Clínicos: O que dizem as Revisões Sistemáticas?Serviços Farmacêuticos Clínicos: O que dizem as Revisões Sistemáticas?
Serviços Farmacêuticos Clínicos: O que dizem as Revisões Sistemáticas?
Cassyano Correr
 
Efeitos da atenção farmacêutica em pacientes com diabetes tipo 2 em farmácia ...
Efeitos da atenção farmacêutica em pacientes com diabetes tipo 2 em farmácia ...Efeitos da atenção farmacêutica em pacientes com diabetes tipo 2 em farmácia ...
Efeitos da atenção farmacêutica em pacientes com diabetes tipo 2 em farmácia ...
Cassyano Correr
 
Atenção farmacêutica
Atenção farmacêuticaAtenção farmacêutica
Atenção farmacêutica
Aline Maria Sá Nascimento
 
Atividades Realizadas PSF Emaús no Ano 2009 - Equipe 035
Atividades Realizadas PSF Emaús no Ano 2009 - Equipe 035Atividades Realizadas PSF Emaús no Ano 2009 - Equipe 035
Atividades Realizadas PSF Emaús no Ano 2009 - Equipe 035
Professor Robson
 
Conciliacion medicacion
Conciliacion medicacionConciliacion medicacion
Conciliacion medicacion
iliturgi
 
Diabetes
DiabetesDiabetes
Diabetes
Denise Selegato
 
Estrategia para el uso seguro de los medicamentos
Estrategia para el uso seguro de los medicamentosEstrategia para el uso seguro de los medicamentos
Estrategia para el uso seguro de los medicamentos
evidenciaterapeutica
 
UPA 24hs
UPA 24hsUPA 24hs
UPA 24hs
ECO Sistemas
 

Destaque (20)

Atenção farmacêutica aula i
Atenção farmacêutica    aula iAtenção farmacêutica    aula i
Atenção farmacêutica aula i
 
13 30 Lorenzo Bandeira Cuidado Farmac%E Autico A Pacientes Hipertensos E Di...
13 30 Lorenzo Bandeira   Cuidado Farmac%E Autico A Pacientes Hipertensos E Di...13 30 Lorenzo Bandeira   Cuidado Farmac%E Autico A Pacientes Hipertensos E Di...
13 30 Lorenzo Bandeira Cuidado Farmac%E Autico A Pacientes Hipertensos E Di...
 
Proposta consenso atencao_farmaceutica
Proposta consenso atencao_farmaceuticaProposta consenso atencao_farmaceutica
Proposta consenso atencao_farmaceutica
 
Atenã ã o farmaceutica e farmacia clinica -implantaã_ao na farmacia hospitalar
Atenã ã o farmaceutica e farmacia clinica -implantaã_ao na farmacia hospitalarAtenã ã o farmaceutica e farmacia clinica -implantaã_ao na farmacia hospitalar
Atenã ã o farmaceutica e farmacia clinica -implantaã_ao na farmacia hospitalar
 
Farmácia militar
Farmácia militarFarmácia militar
Farmácia militar
 
Atenção farmacêutica para pacientes diabéticos no varejo
Atenção farmacêutica para pacientes diabéticos no varejoAtenção farmacêutica para pacientes diabéticos no varejo
Atenção farmacêutica para pacientes diabéticos no varejo
 
O farmacêutico na assistência farmacêutica do sus
O farmacêutico na assistência farmacêutica do susO farmacêutico na assistência farmacêutica do sus
O farmacêutico na assistência farmacêutica do sus
 
Cartilha Entendendo O Sus 2007
Cartilha Entendendo O Sus 2007Cartilha Entendendo O Sus 2007
Cartilha Entendendo O Sus 2007
 
Componente especializado da assistência farmacêutica (1)
Componente especializado da assistência farmacêutica (1)Componente especializado da assistência farmacêutica (1)
Componente especializado da assistência farmacêutica (1)
 
A importância do farmacêutico no sus
A importância do farmacêutico no susA importância do farmacêutico no sus
A importância do farmacêutico no sus
 
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufprGestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
Gestao clinica de medicamentos na atenção primária a saude cassyano correr ufpr
 
Fontes de informação sobre medicamentos
Fontes de informação sobre medicamentosFontes de informação sobre medicamentos
Fontes de informação sobre medicamentos
 
Serviços Farmacêuticos Clínicos: O que dizem as Revisões Sistemáticas?
Serviços Farmacêuticos Clínicos: O que dizem as Revisões Sistemáticas?Serviços Farmacêuticos Clínicos: O que dizem as Revisões Sistemáticas?
Serviços Farmacêuticos Clínicos: O que dizem as Revisões Sistemáticas?
 
Efeitos da atenção farmacêutica em pacientes com diabetes tipo 2 em farmácia ...
Efeitos da atenção farmacêutica em pacientes com diabetes tipo 2 em farmácia ...Efeitos da atenção farmacêutica em pacientes com diabetes tipo 2 em farmácia ...
Efeitos da atenção farmacêutica em pacientes com diabetes tipo 2 em farmácia ...
 
Atenção farmacêutica
Atenção farmacêuticaAtenção farmacêutica
Atenção farmacêutica
 
Atividades Realizadas PSF Emaús no Ano 2009 - Equipe 035
Atividades Realizadas PSF Emaús no Ano 2009 - Equipe 035Atividades Realizadas PSF Emaús no Ano 2009 - Equipe 035
Atividades Realizadas PSF Emaús no Ano 2009 - Equipe 035
 
Conciliacion medicacion
Conciliacion medicacionConciliacion medicacion
Conciliacion medicacion
 
Diabetes
DiabetesDiabetes
Diabetes
 
Estrategia para el uso seguro de los medicamentos
Estrategia para el uso seguro de los medicamentosEstrategia para el uso seguro de los medicamentos
Estrategia para el uso seguro de los medicamentos
 
UPA 24hs
UPA 24hsUPA 24hs
UPA 24hs
 

Semelhante a Programa de Atenção Farmacêutica

metodo clinicopara atencao farmaceutica
 metodo clinicopara atencao farmaceutica metodo clinicopara atencao farmaceutica
metodo clinicopara atencao farmaceutica
ARNON ANDRADE
 
Método Clínico para Atenção Farmacêutica
Método Clínico para Atenção FarmacêuticaMétodo Clínico para Atenção Farmacêutica
Método Clínico para Atenção Farmacêutica
Bruna Bernardi
 
Af
AfAf
Metododaderpdf1 20141026175011
Metododaderpdf1 20141026175011Metododaderpdf1 20141026175011
Metododaderpdf1 20141026175011
Mabi Almeida
 
Praticas em farmacia clinica apostila
Praticas em farmacia clinica   apostilaPraticas em farmacia clinica   apostila
Praticas em farmacia clinica apostila
Daiane Santos
 
Farmacoté..
Farmacoté..Farmacoté..
Farmacoté..
henriquetabosa
 
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdfatencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
Naidilene Aguilar
 
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptxatenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
AlineRibeiro648347
 
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptxatenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
AlineRibeiro648347
 
ACOMPANHAMENTO FARMACOTERAPÊUTICO: HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA (HAS)
ACOMPANHAMENTO FARMACOTERAPÊUTICO: HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA (HAS)ACOMPANHAMENTO FARMACOTERAPÊUTICO: HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA (HAS)
ACOMPANHAMENTO FARMACOTERAPÊUTICO: HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA (HAS)
RAYANE DORNELAS
 
Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica em cronologia
Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica em cronologiaAtenção Farmacêutica e Farmácia Clínica em cronologia
Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica em cronologia
farmwaine
 
Farmácia Clínica como iniciar a fazer .
Farmácia Clínica como iniciar a fazer .Farmácia Clínica como iniciar a fazer .
Farmácia Clínica como iniciar a fazer .
OdilonCalian1
 
Farmcia clnica.apostila pdf
Farmcia clnica.apostila pdfFarmcia clnica.apostila pdf
Farmcia clnica.apostila pdf
Daiane Santos
 
ATENÇÃO FARMACÊUTICA NA HIPERTENSÃO ARTERIAL
ATENÇÃO FARMACÊUTICA NA HIPERTENSÃO ARTERIALATENÇÃO FARMACÊUTICA NA HIPERTENSÃO ARTERIAL
ATENÇÃO FARMACÊUTICA NA HIPERTENSÃO ARTERIAL
Marcelo Sacavem
 
Prescrição farmacêutica
Prescrição farmacêuticaPrescrição farmacêutica
Prescrição farmacêutica
farmaefarma
 
Assistência Clínica na Farmacoterapia Antineoplásica Oral: uma experiência pr...
Assistência Clínica na Farmacoterapia Antineoplásica Oral: uma experiência pr...Assistência Clínica na Farmacoterapia Antineoplásica Oral: uma experiência pr...
Assistência Clínica na Farmacoterapia Antineoplásica Oral: uma experiência pr...
martinsfmf
 
Farmacovigilância: Manual do farmacêutico notificador
Farmacovigilância: Manual do farmacêutico notificador Farmacovigilância: Manual do farmacêutico notificador
Farmacovigilância: Manual do farmacêutico notificador
Fernando Amaral de Calais
 
10 atendente de farmácia (dispensação de farmacia)
10   atendente de farmácia (dispensação de farmacia)10   atendente de farmácia (dispensação de farmacia)
10 atendente de farmácia (dispensação de farmacia)
Elizeu Ferro
 
Prescrição farmacêutica oficina para franqueado
Prescrição farmacêutica oficina para franqueadoPrescrição farmacêutica oficina para franqueado
Prescrição farmacêutica oficina para franqueado
farmaefarma
 
Atendimento de Prescrição Médica numa Farmácia
Atendimento de Prescrição Médica numa FarmáciaAtendimento de Prescrição Médica numa Farmácia
Atendimento de Prescrição Médica numa Farmácia
dmlsnMgrllDpShyn
 

Semelhante a Programa de Atenção Farmacêutica (20)

metodo clinicopara atencao farmaceutica
 metodo clinicopara atencao farmaceutica metodo clinicopara atencao farmaceutica
metodo clinicopara atencao farmaceutica
 
Método Clínico para Atenção Farmacêutica
Método Clínico para Atenção FarmacêuticaMétodo Clínico para Atenção Farmacêutica
Método Clínico para Atenção Farmacêutica
 
Af
AfAf
Af
 
Metododaderpdf1 20141026175011
Metododaderpdf1 20141026175011Metododaderpdf1 20141026175011
Metododaderpdf1 20141026175011
 
Praticas em farmacia clinica apostila
Praticas em farmacia clinica   apostilaPraticas em farmacia clinica   apostila
Praticas em farmacia clinica apostila
 
Farmacoté..
Farmacoté..Farmacoté..
Farmacoté..
 
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdfatencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
atencao-farmaceutica farmacia clinica.pdf
 
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptxatenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
 
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptxatenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
atenofarmacutica-aulai-121219111500-phpapp02.pptx
 
ACOMPANHAMENTO FARMACOTERAPÊUTICO: HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA (HAS)
ACOMPANHAMENTO FARMACOTERAPÊUTICO: HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA (HAS)ACOMPANHAMENTO FARMACOTERAPÊUTICO: HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA (HAS)
ACOMPANHAMENTO FARMACOTERAPÊUTICO: HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA (HAS)
 
Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica em cronologia
Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica em cronologiaAtenção Farmacêutica e Farmácia Clínica em cronologia
Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica em cronologia
 
Farmácia Clínica como iniciar a fazer .
Farmácia Clínica como iniciar a fazer .Farmácia Clínica como iniciar a fazer .
Farmácia Clínica como iniciar a fazer .
 
Farmcia clnica.apostila pdf
Farmcia clnica.apostila pdfFarmcia clnica.apostila pdf
Farmcia clnica.apostila pdf
 
ATENÇÃO FARMACÊUTICA NA HIPERTENSÃO ARTERIAL
ATENÇÃO FARMACÊUTICA NA HIPERTENSÃO ARTERIALATENÇÃO FARMACÊUTICA NA HIPERTENSÃO ARTERIAL
ATENÇÃO FARMACÊUTICA NA HIPERTENSÃO ARTERIAL
 
Prescrição farmacêutica
Prescrição farmacêuticaPrescrição farmacêutica
Prescrição farmacêutica
 
Assistência Clínica na Farmacoterapia Antineoplásica Oral: uma experiência pr...
Assistência Clínica na Farmacoterapia Antineoplásica Oral: uma experiência pr...Assistência Clínica na Farmacoterapia Antineoplásica Oral: uma experiência pr...
Assistência Clínica na Farmacoterapia Antineoplásica Oral: uma experiência pr...
 
Farmacovigilância: Manual do farmacêutico notificador
Farmacovigilância: Manual do farmacêutico notificador Farmacovigilância: Manual do farmacêutico notificador
Farmacovigilância: Manual do farmacêutico notificador
 
10 atendente de farmácia (dispensação de farmacia)
10   atendente de farmácia (dispensação de farmacia)10   atendente de farmácia (dispensação de farmacia)
10 atendente de farmácia (dispensação de farmacia)
 
Prescrição farmacêutica oficina para franqueado
Prescrição farmacêutica oficina para franqueadoPrescrição farmacêutica oficina para franqueado
Prescrição farmacêutica oficina para franqueado
 
Atendimento de Prescrição Médica numa Farmácia
Atendimento de Prescrição Médica numa FarmáciaAtendimento de Prescrição Médica numa Farmácia
Atendimento de Prescrição Médica numa Farmácia
 

Último

ALOP-2020 revista de tratamiento odontopediatria.pdf
ALOP-2020 revista de tratamiento odontopediatria.pdfALOP-2020 revista de tratamiento odontopediatria.pdf
ALOP-2020 revista de tratamiento odontopediatria.pdf
DentiKi
 
anomalias dentárias imaginologia odontologia
anomalias dentárias imaginologia odontologiaanomalias dentárias imaginologia odontologia
anomalias dentárias imaginologia odontologia
SmeladeOliveira1
 
NUTRIÇÃO E DIETETICA APLICADA A ENFERMAGEM grau tecnico.pptx
NUTRIÇÃO E DIETETICA APLICADA A ENFERMAGEM grau tecnico.pptxNUTRIÇÃO E DIETETICA APLICADA A ENFERMAGEM grau tecnico.pptx
NUTRIÇÃO E DIETETICA APLICADA A ENFERMAGEM grau tecnico.pptx
RAILANELIMAGOMES
 
Diagnóstico de línga pela Medicina Tradicional Chinesa
Diagnóstico de línga pela Medicina Tradicional ChinesaDiagnóstico de línga pela Medicina Tradicional Chinesa
Diagnóstico de línga pela Medicina Tradicional Chinesa
Misael Rabelo de Martins Custódio
 
CORP SSMA PROC 01 Análise preliminar de riscos - APR revisada.docx
CORP SSMA PROC 01 Análise preliminar de riscos - APR revisada.docxCORP SSMA PROC 01 Análise preliminar de riscos - APR revisada.docx
CORP SSMA PROC 01 Análise preliminar de riscos - APR revisada.docx
bentosst
 
Rejuvenescimento da Pele- Dicas e Tratamentos
Rejuvenescimento da Pele- Dicas e TratamentosRejuvenescimento da Pele- Dicas e Tratamentos
Rejuvenescimento da Pele- Dicas e Tratamentos
Werberth Ladislau Rodrigues da Silveira
 

Último (6)

ALOP-2020 revista de tratamiento odontopediatria.pdf
ALOP-2020 revista de tratamiento odontopediatria.pdfALOP-2020 revista de tratamiento odontopediatria.pdf
ALOP-2020 revista de tratamiento odontopediatria.pdf
 
anomalias dentárias imaginologia odontologia
anomalias dentárias imaginologia odontologiaanomalias dentárias imaginologia odontologia
anomalias dentárias imaginologia odontologia
 
NUTRIÇÃO E DIETETICA APLICADA A ENFERMAGEM grau tecnico.pptx
NUTRIÇÃO E DIETETICA APLICADA A ENFERMAGEM grau tecnico.pptxNUTRIÇÃO E DIETETICA APLICADA A ENFERMAGEM grau tecnico.pptx
NUTRIÇÃO E DIETETICA APLICADA A ENFERMAGEM grau tecnico.pptx
 
Diagnóstico de línga pela Medicina Tradicional Chinesa
Diagnóstico de línga pela Medicina Tradicional ChinesaDiagnóstico de línga pela Medicina Tradicional Chinesa
Diagnóstico de línga pela Medicina Tradicional Chinesa
 
CORP SSMA PROC 01 Análise preliminar de riscos - APR revisada.docx
CORP SSMA PROC 01 Análise preliminar de riscos - APR revisada.docxCORP SSMA PROC 01 Análise preliminar de riscos - APR revisada.docx
CORP SSMA PROC 01 Análise preliminar de riscos - APR revisada.docx
 
Rejuvenescimento da Pele- Dicas e Tratamentos
Rejuvenescimento da Pele- Dicas e TratamentosRejuvenescimento da Pele- Dicas e Tratamentos
Rejuvenescimento da Pele- Dicas e Tratamentos
 

Programa de Atenção Farmacêutica

  • 1. PROGRAMA DE ATENÇÃO FARMACÊUTICA - PAF
  • 2. OBJETIVO GERAL Implantar um Programa de Atenção Farmacêutica (PAF) no NASF da Avisa I, avaliando o processo de implantação e seus resultados terapêuticos e humanísticos, incluindo o impacto sobre a qualidade de vida dos usuários do serviço. BENEFICIÁRIOS Inicialmente pacientes portadores de osteoporose da Avisa I. Posteriormente abrangendo ao demais pacientes do município.
  • 3. ATENDIMENTO DO PAF O local de atendimento é na sede do NASF da Avisa I, anexo a UBASF JPA I nas segundas e quartas – feiras de acordo com agendamento dos pacientes. Também é utilizado a sala da prevenção da UBASF Colônia.
  • 5. EXECUÇÃO DO MÉTODO  Captação e Agendamento da Consulta 1° Atendimento  Recepção do Paciente / Usuário (Nesse momento o paciente recebe informações sobre o funciomento do Pograma de Atenção Farmacêutica – Aceita ou Não)  Cadastro no PAF  Contato Farmacêutico - Paciente  Marcar Retorno e etapa dáder – sacola de medicamentos
  • 6. 2° Atendimento  Preenchimento da farmacoterapia  Investigar se o paciente é acompanhado por mais de um médico  Detectar a compreensão da prescrição pelo paciente / medicamento / patologia (sumarização)  Marcar Retorno Fase de Estudo  PRM`s  Avaliação  Intervenção
  • 7. Resultado da Intervenção  Aceita, prob. Resolvido  Aceita, prob. Não Resolvido Novo Estado  Não Aceita, prob. Resolvido da Situação  Não Aceita, prob. Resolvido 3° Atendimento  Seguimento Farmacoterapêutico  Dispensação  Marcar Retorno Registro Sistemático das atividadades, mensuração e avaliação do
  • 8.
  • 10. OBJETIVO GERAL Acompanhamento de pacientes portadores de osteoporose acamado da Avisa I, através do Programa Farmacêutico Home Care. METODOLOGIA  Programa de Atenção Farmacêutica – PAF.  Encaminhamento solicitado por profissional de saúde  Visitas Domiciliares Sistemáticas – Pré Agendadas
  • 11.
  • 12. ADOÇANDO A VIDA COM ATENÇÃO FARMACÊUTICA
  • 13. OBJETIVO GERAL Acompanhamento de pacientes portadores de diabetes Mellitus da Avisa I, através de uma atenção farmacêutica em grupo. BENEFICIÁRIOS Pacientes Diabéticos tipo I e tipo II da Avisa I. METODOLOGIA Será utilizada a metodologia do programa de atenção farmacêutica – paf.
  • 14.
  • 15.
  • 16. ATUAL SITUAÇÃO  24 Pacientes Cadastrados no PAF  2 Pacientes Acompanhados no Programa Farmacêutico Home Care  19 Pacientes Cadastrados no Grupo Adoçando a Vida com Atenção Farmacêutica  3 Encaminhamento ao Médico 2 Hipertensos 1 Diabético
  • 17. NO BRASIL, A ATENFAR FOI CONSENSUADA COMO UMA ESTRATÉGIA PARA RESGATAR A REAL FUNÇÃO SOCIAL DO FARMACÊUTICO PARTILHANDO RESPONSABILIDADES COM OUTROS PROFISSIONAIS DA SAÚDE E COM OS PACIENTES. (CONSENSO BRASILEIRO DE ATENFAR, 2002)
  • 18. “A MENTE QUE SE ABRE A UMA NOVA IDÉIA, JÁMAIS VOLTARÁ AO SEU TAMANHO ORIGINAL” (ALBERT EINSTEIN)