SlideShare uma empresa Scribd logo
MÓDULO 4 – O CONHECIMENTO E A
RACIONALIDADE CIENTÍFICO –
TECNOLÓGICA
UNIDADE 1 – Descrição e interpretação
da atividade cognoscitiva.
CAPÍTULO 2
ANÁLISE COMPARATIVA DE DUAS
TEORIAS DO CONHECIMENTO: O
RACIONALISMO DE DESCARTES
Tema
O
PROJETO DE DESCARTES
Construir um sistema de conhecimentos constituído
por verdades indubitáveis.
O que são verdades indubitáveis?
.Verdades que é impossível considerar falsas.
.Verdades que não podemos de modo nenhum colocar em
dúvida.
. Verdades evidentes ou claras e distintas.
Caraterização do projeto
O que determina Descartes a propor – se
este projeto
1.A avaliação negativa que faz do sistema dos
conhecimentos estabelecidos.
2. A decisão de mostrar aos céticos que nem todas as
nossas crenças são justificadas por outras (evitando
assim a regressão infinita do processo de justificação
das nossas crenças ou opiniões).
A avaliação negativa do sistema dos
conhecimentos estabelecidos.
1.A sua base não é sólida e firme porque não
é constituída por uma verdade
indubitável.
A fragilidade da base deve – se ao facto de o
“sistema dos conhecimentos estabelecidos” se
fundar na ideia de inspiração aristotélica e
medieval de que todo o conhecimento começa
com a experiência.
A avaliação negativa do sistema dos
conhecimentos estabelecidos.
2.Os supostos conhecimentos não estão
racionalmente organizados.
Pode haver verdades nesse sistema mas
temos de as pôr à prova para estarmos
certos disso.
Temos de as organizar de modo que de uma
verdade indubitável se deduzam outras
verdades evidentes.
A resposta ao desafio do ceticismo.
Descartes vai tentar provar que os céticos estão
enganados, ou seja, que o conhecimento é possível.
Para isso acontecer terá de mostrar que há uma verdade que
se justifica a si mesma e que não dependendo de nenhuma
outra será o princípio de um novo sistema dos
conhecimentos.
O modo como Descartes vai proceder é
económico.
Descartes não vai examinar todos os conhecimentos um
a um. Seria tarefa gigantesca e pouco produtiva.
Vai examinar as bases em que assenta o sistema dos
conhecimentos tradicionais. Se essas bases não
passarem no exame é todo o conjunto que acaba por
cair, ou seja, por perder crédito.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Quadro_hume vs descartes
Quadro_hume vs descartesQuadro_hume vs descartes
Quadro_hume vs descartes
Isabel Moura
 
O projeto de descartes – versão 1
O projeto de descartes – versão 1O projeto de descartes – versão 1
O projeto de descartes – versão 1
Luis De Sousa Rodrigues
 
A Dúvida Cartesiana/metódica
A Dúvida Cartesiana/metódicaA Dúvida Cartesiana/metódica
A Dúvida Cartesiana/metódica
Pedro Rocha Da Silva
 
Descartes críticas
Descartes críticasDescartes críticas
Descartes críticas
Helena Serrão
 
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade CognoscitivaFilosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Rafael Cristino
 
ENSAIO FILOSÓFICO - SERÁ QUE OS ANIMAIS NÃO HUMANOS SÃO DIGNOS DE CONSIDERA...
 ENSAIO FILOSÓFICO  - SERÁ QUE OS ANIMAIS NÃO HUMANOS SÃO DIGNOS DE CONSIDERA... ENSAIO FILOSÓFICO  - SERÁ QUE OS ANIMAIS NÃO HUMANOS SÃO DIGNOS DE CONSIDERA...
ENSAIO FILOSÓFICO - SERÁ QUE OS ANIMAIS NÃO HUMANOS SÃO DIGNOS DE CONSIDERA...
AMLDRP
 
O ceticismo de hume
O ceticismo de humeO ceticismo de hume
O ceticismo de hume
Luis De Sousa Rodrigues
 
Karl popper - Filosofia 11º ano
Karl popper - Filosofia 11º anoKarl popper - Filosofia 11º ano
Karl popper - Filosofia 11º ano
FilipaFonseca
 
David hume e o Empirismo
David hume e o EmpirismoDavid hume e o Empirismo
David hume e o Empirismo
Joana Filipa Rodrigues
 
O indutivismo
O indutivismoO indutivismo
Teoria racionalista de Descartes
Teoria racionalista de DescartesTeoria racionalista de Descartes
Teoria racionalista de Descartes
Elisabete Silva
 
A incomensurabilidade dos paradigmas
A incomensurabilidade dos paradigmasA incomensurabilidade dos paradigmas
A incomensurabilidade dos paradigmas
Luis De Sousa Rodrigues
 
Capítulo III Sermão de Santo António aos Peixes Padre António Vieira
Capítulo III Sermão de Santo António aos Peixes Padre António VieiraCapítulo III Sermão de Santo António aos Peixes Padre António Vieira
Capítulo III Sermão de Santo António aos Peixes Padre António Vieira
Alexandra Madail
 
3_contraexemplos_cvj
3_contraexemplos_cvj3_contraexemplos_cvj
3_contraexemplos_cvj
Isabel Moura
 
Popper – o problema da demarcação
Popper – o problema da demarcaçãoPopper – o problema da demarcação
Popper – o problema da demarcação
Luis De Sousa Rodrigues
 
Hume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Hume_problemas_existência_eu_mundo_DeusHume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Hume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Isabel Moura
 
As relações de ideias
As relações de ideiasAs relações de ideias
As relações de ideias
Luis De Sousa Rodrigues
 
Sermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos PeixesSermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos Peixes
Daniel Sousa
 
A definição tradicional de conhecimento
A definição tradicional de conhecimentoA definição tradicional de conhecimento
A definição tradicional de conhecimentoLuis De Sousa Rodrigues
 

Mais procurados (20)

Tipos de conhecimento
Tipos de conhecimentoTipos de conhecimento
Tipos de conhecimento
 
Quadro_hume vs descartes
Quadro_hume vs descartesQuadro_hume vs descartes
Quadro_hume vs descartes
 
O projeto de descartes – versão 1
O projeto de descartes – versão 1O projeto de descartes – versão 1
O projeto de descartes – versão 1
 
A Dúvida Cartesiana/metódica
A Dúvida Cartesiana/metódicaA Dúvida Cartesiana/metódica
A Dúvida Cartesiana/metódica
 
Descartes críticas
Descartes críticasDescartes críticas
Descartes críticas
 
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade CognoscitivaFilosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
 
ENSAIO FILOSÓFICO - SERÁ QUE OS ANIMAIS NÃO HUMANOS SÃO DIGNOS DE CONSIDERA...
 ENSAIO FILOSÓFICO  - SERÁ QUE OS ANIMAIS NÃO HUMANOS SÃO DIGNOS DE CONSIDERA... ENSAIO FILOSÓFICO  - SERÁ QUE OS ANIMAIS NÃO HUMANOS SÃO DIGNOS DE CONSIDERA...
ENSAIO FILOSÓFICO - SERÁ QUE OS ANIMAIS NÃO HUMANOS SÃO DIGNOS DE CONSIDERA...
 
O ceticismo de hume
O ceticismo de humeO ceticismo de hume
O ceticismo de hume
 
Karl popper - Filosofia 11º ano
Karl popper - Filosofia 11º anoKarl popper - Filosofia 11º ano
Karl popper - Filosofia 11º ano
 
David hume e o Empirismo
David hume e o EmpirismoDavid hume e o Empirismo
David hume e o Empirismo
 
O indutivismo
O indutivismoO indutivismo
O indutivismo
 
Teoria racionalista de Descartes
Teoria racionalista de DescartesTeoria racionalista de Descartes
Teoria racionalista de Descartes
 
A incomensurabilidade dos paradigmas
A incomensurabilidade dos paradigmasA incomensurabilidade dos paradigmas
A incomensurabilidade dos paradigmas
 
Capítulo III Sermão de Santo António aos Peixes Padre António Vieira
Capítulo III Sermão de Santo António aos Peixes Padre António VieiraCapítulo III Sermão de Santo António aos Peixes Padre António Vieira
Capítulo III Sermão de Santo António aos Peixes Padre António Vieira
 
3_contraexemplos_cvj
3_contraexemplos_cvj3_contraexemplos_cvj
3_contraexemplos_cvj
 
Popper – o problema da demarcação
Popper – o problema da demarcaçãoPopper – o problema da demarcação
Popper – o problema da demarcação
 
Hume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Hume_problemas_existência_eu_mundo_DeusHume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Hume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
 
As relações de ideias
As relações de ideiasAs relações de ideias
As relações de ideias
 
Sermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos PeixesSermão de Santo António aos Peixes
Sermão de Santo António aos Peixes
 
A definição tradicional de conhecimento
A definição tradicional de conhecimentoA definição tradicional de conhecimento
A definição tradicional de conhecimento
 

Destaque

O projeto de descartes – versão 2
O projeto de descartes – versão 2O projeto de descartes – versão 2
O projeto de descartes – versão 2
Luis De Sousa Rodrigues
 
A função da dúvida
A função da dúvidaA função da dúvida
A função da dúvida
Luis De Sousa Rodrigues
 
Resumos filosofia 11
Resumos filosofia 11Resumos filosofia 11
Resumos filosofia 11
Dylan Bonnet
 
Teorias Explicativas do Conhecimento - Descartes
Teorias Explicativas do Conhecimento - DescartesTeorias Explicativas do Conhecimento - Descartes
Teorias Explicativas do Conhecimento - Descartes
Jorge Barbosa
 
A crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaA crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessária
Luis De Sousa Rodrigues
 
O hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessáriaO hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessária
Luis De Sousa Rodrigues
 
Descartes - Trab grupo III
Descartes - Trab grupo IIIDescartes - Trab grupo III
Descartes - Trab grupo III
mluisavalente
 
Ceticismo
CeticismoCeticismo
O conhecimento do mundo os raciocínios indutivos
O conhecimento do mundo   os raciocínios indutivosO conhecimento do mundo   os raciocínios indutivos
O conhecimento do mundo os raciocínios indutivos
Luis De Sousa Rodrigues
 
Cepticismo
CepticismoCepticismo
Cepticismo
António Daniel
 
Da dúvida ao cogito
Da dúvida ao cogitoDa dúvida ao cogito
Da dúvida ao cogito
Luis De Sousa Rodrigues
 
O conhecimento do mundo
O conhecimento do mundoO conhecimento do mundo
O conhecimento do mundo
Luis De Sousa Rodrigues
 
Conhecimento de factos
Conhecimento de factosConhecimento de factos
Conhecimento de factos
Luis De Sousa Rodrigues
 
O pensamento cartesiano descartes e suas contribuições.pptx pronto
O pensamento cartesiano  descartes e suas contribuições.pptx prontoO pensamento cartesiano  descartes e suas contribuições.pptx pronto
O pensamento cartesiano descartes e suas contribuições.pptx pronto
Suelen Alexandre
 
Descartes - Trab Grupo V
Descartes - Trab Grupo VDescartes - Trab Grupo V
Descartes - Trab Grupo V
mluisavalente
 
O essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofiaO essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofia
Luis De Sousa Rodrigues
 
Descartes
DescartesDescartes
Descartes
Isabel Oliveira
 
Metodo Cartesiano
Metodo CartesianoMetodo Cartesiano
Metodo Cartesiano
deptofilo
 
Teorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Teorias Explicativas do Conhecimento - HumeTeorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Teorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Jorge Barbosa
 
Filosofia e Conhecimento 1
Filosofia e Conhecimento 1Filosofia e Conhecimento 1
Filosofia e Conhecimento 1
Jorge Barbosa
 

Destaque (20)

O projeto de descartes – versão 2
O projeto de descartes – versão 2O projeto de descartes – versão 2
O projeto de descartes – versão 2
 
A função da dúvida
A função da dúvidaA função da dúvida
A função da dúvida
 
Resumos filosofia 11
Resumos filosofia 11Resumos filosofia 11
Resumos filosofia 11
 
Teorias Explicativas do Conhecimento - Descartes
Teorias Explicativas do Conhecimento - DescartesTeorias Explicativas do Conhecimento - Descartes
Teorias Explicativas do Conhecimento - Descartes
 
A crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaA crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessária
 
O hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessáriaO hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessária
 
Descartes - Trab grupo III
Descartes - Trab grupo IIIDescartes - Trab grupo III
Descartes - Trab grupo III
 
Ceticismo
CeticismoCeticismo
Ceticismo
 
O conhecimento do mundo os raciocínios indutivos
O conhecimento do mundo   os raciocínios indutivosO conhecimento do mundo   os raciocínios indutivos
O conhecimento do mundo os raciocínios indutivos
 
Cepticismo
CepticismoCepticismo
Cepticismo
 
Da dúvida ao cogito
Da dúvida ao cogitoDa dúvida ao cogito
Da dúvida ao cogito
 
O conhecimento do mundo
O conhecimento do mundoO conhecimento do mundo
O conhecimento do mundo
 
Conhecimento de factos
Conhecimento de factosConhecimento de factos
Conhecimento de factos
 
O pensamento cartesiano descartes e suas contribuições.pptx pronto
O pensamento cartesiano  descartes e suas contribuições.pptx prontoO pensamento cartesiano  descartes e suas contribuições.pptx pronto
O pensamento cartesiano descartes e suas contribuições.pptx pronto
 
Descartes - Trab Grupo V
Descartes - Trab Grupo VDescartes - Trab Grupo V
Descartes - Trab Grupo V
 
O essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofiaO essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofia
 
Descartes
DescartesDescartes
Descartes
 
Metodo Cartesiano
Metodo CartesianoMetodo Cartesiano
Metodo Cartesiano
 
Teorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Teorias Explicativas do Conhecimento - HumeTeorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Teorias Explicativas do Conhecimento - Hume
 
Filosofia e Conhecimento 1
Filosofia e Conhecimento 1Filosofia e Conhecimento 1
Filosofia e Conhecimento 1
 

Semelhante a Power point 1 o projeto de descartes

O projeto de descartes – versão 1
O projeto de descartes – versão 1O projeto de descartes – versão 1
O projeto de descartes – versão 1
Luis De Sousa Rodrigues
 
Projeto-Fundamentação_Saber_Descartes
Projeto-Fundamentação_Saber_DescartesProjeto-Fundamentação_Saber_Descartes
Projeto-Fundamentação_Saber_Descartes
Isabel Moura
 
O método científico e a comparação entre o modelo newtoniano e o cartesiano
O método científico e a comparação entre o modelo newtoniano e o cartesianoO método científico e a comparação entre o modelo newtoniano e o cartesiano
O método científico e a comparação entre o modelo newtoniano e o cartesiano
GlaucoVelosodosSantos
 
O racionalismo de Descartes.pptx
O racionalismo de Descartes.pptxO racionalismo de Descartes.pptx
O racionalismo de Descartes.pptx
IaraCaldeira2
 
Racionalismo
RacionalismoRacionalismo
Racionalismo
Pelo Siro
 
Racionalismo
RacionalismoRacionalismo
Racionalismo
Pelo Siro
 
Racionalismo - Filosofia
Racionalismo - FilosofiaRacionalismo - Filosofia
Racionalismo - Filosofia
Carson Souza
 
Unidade2 capiiteoriasexplicativasdoconhecimento-110227081909-phpapp01
Unidade2 capiiteoriasexplicativasdoconhecimento-110227081909-phpapp01Unidade2 capiiteoriasexplicativasdoconhecimento-110227081909-phpapp01
Unidade2 capiiteoriasexplicativasdoconhecimento-110227081909-phpapp01
gildapirescosta
 
Descartes - Trab. Grupo IV
Descartes - Trab. Grupo IVDescartes - Trab. Grupo IV
Descartes - Trab. Grupo IV
mluisavalente
 
Profletras - slides1
Profletras - slides1Profletras - slides1
Profletras - slides1
rneres
 
resumo_do_11º_ano_para_prepaprar_o_exame.pdf
resumo_do_11º_ano_para_prepaprar_o_exame.pdfresumo_do_11º_ano_para_prepaprar_o_exame.pdf
resumo_do_11º_ano_para_prepaprar_o_exame.pdf
TamraSilva
 
Ae ci11 prep_exame_nacional
Ae ci11 prep_exame_nacionalAe ci11 prep_exame_nacional
Ae ci11 prep_exame_nacional
j_sdias
 
Manual de investigação
Manual de investigaçãoManual de investigação
Manual de investigação
Pedro Alexandre Silva Pereira
 
Conhecimento vulgar e conhecimento cientifico
Conhecimento vulgar e conhecimento cientificoConhecimento vulgar e conhecimento cientifico
Conhecimento vulgar e conhecimento cientifico
anabelamatosanjos
 
Manual de investigação em ciências sociais
Manual de investigação em ciências sociaisManual de investigação em ciências sociais
Manual de investigação em ciências sociais
Viviane Grimm
 
Rene descartes
Rene descartesRene descartes
Rene descartes
Lu_ Lu
 
Aula 07 - Descartes e o Racionalismo
Aula 07 - Descartes e o RacionalismoAula 07 - Descartes e o Racionalismo
Aula 07 - Descartes e o Racionalismo
Claudio Henrique Ramos Sales
 
Resumos filosofia 2
Resumos filosofia 2Resumos filosofia 2
Resumos filosofia 2
starlightmimi
 
Racionalismo - Descartes
Racionalismo - Descartes  Racionalismo - Descartes
Racionalismo - Descartes
Daniela Filipa Sousa
 
Ppt o racionalismo de descartes
Ppt o racionalismo de descartesPpt o racionalismo de descartes
Ppt o racionalismo de descartes
AnaKlein1
 

Semelhante a Power point 1 o projeto de descartes (20)

O projeto de descartes – versão 1
O projeto de descartes – versão 1O projeto de descartes – versão 1
O projeto de descartes – versão 1
 
Projeto-Fundamentação_Saber_Descartes
Projeto-Fundamentação_Saber_DescartesProjeto-Fundamentação_Saber_Descartes
Projeto-Fundamentação_Saber_Descartes
 
O método científico e a comparação entre o modelo newtoniano e o cartesiano
O método científico e a comparação entre o modelo newtoniano e o cartesianoO método científico e a comparação entre o modelo newtoniano e o cartesiano
O método científico e a comparação entre o modelo newtoniano e o cartesiano
 
O racionalismo de Descartes.pptx
O racionalismo de Descartes.pptxO racionalismo de Descartes.pptx
O racionalismo de Descartes.pptx
 
Racionalismo
RacionalismoRacionalismo
Racionalismo
 
Racionalismo
RacionalismoRacionalismo
Racionalismo
 
Racionalismo - Filosofia
Racionalismo - FilosofiaRacionalismo - Filosofia
Racionalismo - Filosofia
 
Unidade2 capiiteoriasexplicativasdoconhecimento-110227081909-phpapp01
Unidade2 capiiteoriasexplicativasdoconhecimento-110227081909-phpapp01Unidade2 capiiteoriasexplicativasdoconhecimento-110227081909-phpapp01
Unidade2 capiiteoriasexplicativasdoconhecimento-110227081909-phpapp01
 
Descartes - Trab. Grupo IV
Descartes - Trab. Grupo IVDescartes - Trab. Grupo IV
Descartes - Trab. Grupo IV
 
Profletras - slides1
Profletras - slides1Profletras - slides1
Profletras - slides1
 
resumo_do_11º_ano_para_prepaprar_o_exame.pdf
resumo_do_11º_ano_para_prepaprar_o_exame.pdfresumo_do_11º_ano_para_prepaprar_o_exame.pdf
resumo_do_11º_ano_para_prepaprar_o_exame.pdf
 
Ae ci11 prep_exame_nacional
Ae ci11 prep_exame_nacionalAe ci11 prep_exame_nacional
Ae ci11 prep_exame_nacional
 
Manual de investigação
Manual de investigaçãoManual de investigação
Manual de investigação
 
Conhecimento vulgar e conhecimento cientifico
Conhecimento vulgar e conhecimento cientificoConhecimento vulgar e conhecimento cientifico
Conhecimento vulgar e conhecimento cientifico
 
Manual de investigação em ciências sociais
Manual de investigação em ciências sociaisManual de investigação em ciências sociais
Manual de investigação em ciências sociais
 
Rene descartes
Rene descartesRene descartes
Rene descartes
 
Aula 07 - Descartes e o Racionalismo
Aula 07 - Descartes e o RacionalismoAula 07 - Descartes e o Racionalismo
Aula 07 - Descartes e o Racionalismo
 
Resumos filosofia 2
Resumos filosofia 2Resumos filosofia 2
Resumos filosofia 2
 
Racionalismo - Descartes
Racionalismo - Descartes  Racionalismo - Descartes
Racionalismo - Descartes
 
Ppt o racionalismo de descartes
Ppt o racionalismo de descartesPpt o racionalismo de descartes
Ppt o racionalismo de descartes
 

Mais de Luis De Sousa Rodrigues

Unidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebroUnidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebro
Luis De Sousa Rodrigues
 
Tipos de vinculação
Tipos de vinculaçãoTipos de vinculação
Tipos de vinculação
Luis De Sousa Rodrigues
 
Tipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagemTipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagem
Luis De Sousa Rodrigues
 
Teorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoçõesTeorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoções
Luis De Sousa Rodrigues
 
Relações precoces
Relações precocesRelações precoces
Relações precoces
Luis De Sousa Rodrigues
 
Raízes da vinculação
Raízes da vinculaçãoRaízes da vinculação
Raízes da vinculação
Luis De Sousa Rodrigues
 
Processos conativos
Processos conativosProcessos conativos
Processos conativos
Luis De Sousa Rodrigues
 
Perturbações da vinculação
Perturbações da vinculaçãoPerturbações da vinculação
Perturbações da vinculação
Luis De Sousa Rodrigues
 
Perceção e gestalt
Perceção e gestaltPerceção e gestalt
Perceção e gestalt
Luis De Sousa Rodrigues
 
Os processos emocionais
Os processos emocionaisOs processos emocionais
Os processos emocionais
Luis De Sousa Rodrigues
 
Os grupos
Os gruposOs grupos
O sistema nervoso
O sistema nervosoO sistema nervoso
O sistema nervoso
Luis De Sousa Rodrigues
 
O que nos torna humanos
O que nos torna humanosO que nos torna humanos
O que nos torna humanos
Luis De Sousa Rodrigues
 
Maslow e a motivação
Maslow e a motivaçãoMaslow e a motivação
Maslow e a motivação
Luis De Sousa Rodrigues
 
Lateralidade cerebral
Lateralidade cerebralLateralidade cerebral
Lateralidade cerebral
Luis De Sousa Rodrigues
 
Freud 9
Freud 9Freud 9
Freud 8
Freud 8Freud 8
Freud 7
Freud 7Freud 7
Freud 6
Freud 6Freud 6
Freud 5
Freud 5Freud 5

Mais de Luis De Sousa Rodrigues (20)

Unidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebroUnidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebro
 
Tipos de vinculação
Tipos de vinculaçãoTipos de vinculação
Tipos de vinculação
 
Tipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagemTipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagem
 
Teorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoçõesTeorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoções
 
Relações precoces
Relações precocesRelações precoces
Relações precoces
 
Raízes da vinculação
Raízes da vinculaçãoRaízes da vinculação
Raízes da vinculação
 
Processos conativos
Processos conativosProcessos conativos
Processos conativos
 
Perturbações da vinculação
Perturbações da vinculaçãoPerturbações da vinculação
Perturbações da vinculação
 
Perceção e gestalt
Perceção e gestaltPerceção e gestalt
Perceção e gestalt
 
Os processos emocionais
Os processos emocionaisOs processos emocionais
Os processos emocionais
 
Os grupos
Os gruposOs grupos
Os grupos
 
O sistema nervoso
O sistema nervosoO sistema nervoso
O sistema nervoso
 
O que nos torna humanos
O que nos torna humanosO que nos torna humanos
O que nos torna humanos
 
Maslow e a motivação
Maslow e a motivaçãoMaslow e a motivação
Maslow e a motivação
 
Lateralidade cerebral
Lateralidade cerebralLateralidade cerebral
Lateralidade cerebral
 
Freud 9
Freud 9Freud 9
Freud 9
 
Freud 8
Freud 8Freud 8
Freud 8
 
Freud 7
Freud 7Freud 7
Freud 7
 
Freud 6
Freud 6Freud 6
Freud 6
 
Freud 5
Freud 5Freud 5
Freud 5
 

Power point 1 o projeto de descartes

  • 1. MÓDULO 4 – O CONHECIMENTO E A RACIONALIDADE CIENTÍFICO – TECNOLÓGICA UNIDADE 1 – Descrição e interpretação da atividade cognoscitiva. CAPÍTULO 2 ANÁLISE COMPARATIVA DE DUAS TEORIAS DO CONHECIMENTO: O RACIONALISMO DE DESCARTES
  • 3. Construir um sistema de conhecimentos constituído por verdades indubitáveis. O que são verdades indubitáveis? .Verdades que é impossível considerar falsas. .Verdades que não podemos de modo nenhum colocar em dúvida. . Verdades evidentes ou claras e distintas. Caraterização do projeto
  • 4. O que determina Descartes a propor – se este projeto 1.A avaliação negativa que faz do sistema dos conhecimentos estabelecidos. 2. A decisão de mostrar aos céticos que nem todas as nossas crenças são justificadas por outras (evitando assim a regressão infinita do processo de justificação das nossas crenças ou opiniões).
  • 5. A avaliação negativa do sistema dos conhecimentos estabelecidos. 1.A sua base não é sólida e firme porque não é constituída por uma verdade indubitável. A fragilidade da base deve – se ao facto de o “sistema dos conhecimentos estabelecidos” se fundar na ideia de inspiração aristotélica e medieval de que todo o conhecimento começa com a experiência.
  • 6. A avaliação negativa do sistema dos conhecimentos estabelecidos. 2.Os supostos conhecimentos não estão racionalmente organizados. Pode haver verdades nesse sistema mas temos de as pôr à prova para estarmos certos disso. Temos de as organizar de modo que de uma verdade indubitável se deduzam outras verdades evidentes.
  • 7. A resposta ao desafio do ceticismo. Descartes vai tentar provar que os céticos estão enganados, ou seja, que o conhecimento é possível. Para isso acontecer terá de mostrar que há uma verdade que se justifica a si mesma e que não dependendo de nenhuma outra será o princípio de um novo sistema dos conhecimentos.
  • 8. O modo como Descartes vai proceder é económico. Descartes não vai examinar todos os conhecimentos um a um. Seria tarefa gigantesca e pouco produtiva. Vai examinar as bases em que assenta o sistema dos conhecimentos tradicionais. Se essas bases não passarem no exame é todo o conjunto que acaba por cair, ou seja, por perder crédito.