SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Baixar para ler offline
Vinculação segura
65% das crianças
A criança brinca com
prazer enquanto a mãe
está consigo. Fica
ansiosa quando a mãe
abandona a sala e
aliviada quando retorna.
Sorri. Embora não
manifeste aversão à
pessoa estranha que
entra na sala quando a
mãe está ausente, trata
esta de modo muito
diferente.
Vinculação insegura
23% das crianças
A criança manifesta
descontentamento
mesmo ao pé da mãe.
Brinca pouco. Agarra-se
muito à mãe.
Não parece muito
reconfortada pelo
retorno desta, apesar de
ficar muito nervosa
quando ela sai. Resiste a
qualquer aproximação
de estranhos e por vezes
da mãe, como se
estivesse zangada devido
às suas ausências.
Vinculação evitante
12% das crianças
A criança parece ignorar
a mãe. Não é afetada
pela sua ausência ou
pelo seu retorno e é
facilmente confortada
por estranhos.
PLÁTANO EDITORA
As relações precoces
Diferentes tipos de vinculação
O teste da «situação-estranha» desenvolvido por Mary Ainsworth
permitiu determinar diferentes tipos de vinculação.
Teste da
«situação-estranha»
A mãe e a criança eram
colocadas numa sala
desconhecida equipada
com mesas, cadeiras
e diversos tipos de
brinquedos, sendo
submetidas a situações
cujo grau de tensão era
crescente.
1 – Uma pessoa
estranha era
apresentada
à criança na
presença da mãe.
2 – A mãe deixava
a criança com
o estranho.
3 – Depois de a mãe
regressar e de
confortar e acarinhar
a criança, deixava-a
sozinha.
4 – Uma pessoa
desconhecida
entrava na sala
e interagia sozinha
com a criança.
5 – A mãe reentrava
na sala e levava
a criança consigo.
Ainsworth sugeriu que a vinculação segura tem a ver com a proximidade frequente, a ligação emocional forte
da mãe ao bebé e com a sua sensibilidade em relação às necessidades do filho. Vinculações inseguras resul-
tam de comportamentos maternos insensíveis.Apesar disto, o temperatura da criança e o seu grau de ansie-
dade também influenciam o tipo de vínculo entre mãe e filho.
U1 - Síntese esquematica:Psicologia 12.º ano 8/4/09 12:36 PM Page 50

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Elementos estruturais e Funcionais básicos do Sistema Nervoso
Elementos estruturais e Funcionais básicos do Sistema NervosoElementos estruturais e Funcionais básicos do Sistema Nervoso
Elementos estruturais e Funcionais básicos do Sistema NervosoCarolina Cruz
 
Processos Cognitivos - Resumo
Processos Cognitivos - ResumoProcessos Cognitivos - Resumo
Processos Cognitivos - ResumoJorge Barbosa
 
AMOR DE PERDIÇÃO análise capítulo IV
AMOR DE PERDIÇÃO análise capítulo IVAMOR DE PERDIÇÃO análise capítulo IV
AMOR DE PERDIÇÃO análise capítulo IVEmília Maij
 
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação CríticaEstrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação CríticaVanda Sousa
 
Ficha Formativa de Psicologia B
Ficha Formativa de Psicologia BFicha Formativa de Psicologia B
Ficha Formativa de Psicologia BSilvia Revez
 
1 vinculação precoce - mãe/bebé
1   vinculação precoce - mãe/bebé1   vinculação precoce - mãe/bebé
1 vinculação precoce - mãe/bebéHenrique Vieira
 
Teoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
Teoria da Aprendizagem Social - Albert BanduraTeoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
Teoria da Aprendizagem Social - Albert BanduraEduardo Manfré
 
Crónica de D. João I de Fernão Lopes
Crónica de D. João I de Fernão LopesCrónica de D. João I de Fernão Lopes
Crónica de D. João I de Fernão LopesGijasilvelitz 2
 
Filogénese e Ontogénese
Filogénese e OntogéneseFilogénese e Ontogénese
Filogénese e OntogéneseJorge Barbosa
 
Memorial do Convento
Memorial do ConventoMemorial do Convento
Memorial do Conventoguest304ad9
 

Mais procurados (20)

Freud e o desenvolvimento
Freud e o desenvolvimentoFreud e o desenvolvimento
Freud e o desenvolvimento
 
AS EMOÇÕES
AS EMOÇÕESAS EMOÇÕES
AS EMOÇÕES
 
Relações precoces
Relações precocesRelações precoces
Relações precoces
 
Elementos estruturais e Funcionais básicos do Sistema Nervoso
Elementos estruturais e Funcionais básicos do Sistema NervosoElementos estruturais e Funcionais básicos do Sistema Nervoso
Elementos estruturais e Funcionais básicos do Sistema Nervoso
 
Processos Cognitivos - Resumo
Processos Cognitivos - ResumoProcessos Cognitivos - Resumo
Processos Cognitivos - Resumo
 
Psicologia 12º
Psicologia 12ºPsicologia 12º
Psicologia 12º
 
AMOR DE PERDIÇÃO análise capítulo IV
AMOR DE PERDIÇÃO análise capítulo IVAMOR DE PERDIÇÃO análise capítulo IV
AMOR DE PERDIÇÃO análise capítulo IV
 
Os Maias - personagens
Os Maias - personagensOs Maias - personagens
Os Maias - personagens
 
A aprendizagem
A aprendizagem A aprendizagem
A aprendizagem
 
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação CríticaEstrutura do Texto de Apreciação Crítica
Estrutura do Texto de Apreciação Crítica
 
Ficha Formativa de Psicologia B
Ficha Formativa de Psicologia BFicha Formativa de Psicologia B
Ficha Formativa de Psicologia B
 
Relações Precoces
Relações PrecocesRelações Precoces
Relações Precoces
 
1 vinculação precoce - mãe/bebé
1   vinculação precoce - mãe/bebé1   vinculação precoce - mãe/bebé
1 vinculação precoce - mãe/bebé
 
Teoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
Teoria da Aprendizagem Social - Albert BanduraTeoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
Teoria da Aprendizagem Social - Albert Bandura
 
Crónica de D. João I de Fernão Lopes
Crónica de D. João I de Fernão LopesCrónica de D. João I de Fernão Lopes
Crónica de D. João I de Fernão Lopes
 
Filogénese e Ontogénese
Filogénese e OntogéneseFilogénese e Ontogénese
Filogénese e Ontogénese
 
Família
FamíliaFamília
Família
 
A DIMENSÃO SOCIOCULTURAL DA MENTE
A DIMENSÃO SOCIOCULTURAL DA MENTEA DIMENSÃO SOCIOCULTURAL DA MENTE
A DIMENSÃO SOCIOCULTURAL DA MENTE
 
Processos Conativos
Processos ConativosProcessos Conativos
Processos Conativos
 
Memorial do Convento
Memorial do ConventoMemorial do Convento
Memorial do Convento
 

Mais de Luis De Sousa Rodrigues (20)

O essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofiaO essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofia
 
Unidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebroUnidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebro
 
Tipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagemTipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagem
 
Teorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoçõesTeorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoções
 
Relações precoces
Relações precocesRelações precoces
Relações precoces
 
Raízes da vinculação
Raízes da vinculaçãoRaízes da vinculação
Raízes da vinculação
 
Processos conativos
Processos conativosProcessos conativos
Processos conativos
 
Perturbações da vinculação
Perturbações da vinculaçãoPerturbações da vinculação
Perturbações da vinculação
 
Perceção e gestalt
Perceção e gestaltPerceção e gestalt
Perceção e gestalt
 
Os processos emocionais
Os processos emocionaisOs processos emocionais
Os processos emocionais
 
Os grupos
Os gruposOs grupos
Os grupos
 
O sistema nervoso
O sistema nervosoO sistema nervoso
O sistema nervoso
 
O que nos torna humanos
O que nos torna humanosO que nos torna humanos
O que nos torna humanos
 
Maslow e a motivação
Maslow e a motivaçãoMaslow e a motivação
Maslow e a motivação
 
Lateralidade cerebral
Lateralidade cerebralLateralidade cerebral
Lateralidade cerebral
 
Freud 9
Freud 9Freud 9
Freud 9
 
Freud 8
Freud 8Freud 8
Freud 8
 
Freud 7
Freud 7Freud 7
Freud 7
 
Freud 6
Freud 6Freud 6
Freud 6
 
Freud 5
Freud 5Freud 5
Freud 5
 

Tipos de vinculação

  • 1. Vinculação segura 65% das crianças A criança brinca com prazer enquanto a mãe está consigo. Fica ansiosa quando a mãe abandona a sala e aliviada quando retorna. Sorri. Embora não manifeste aversão à pessoa estranha que entra na sala quando a mãe está ausente, trata esta de modo muito diferente. Vinculação insegura 23% das crianças A criança manifesta descontentamento mesmo ao pé da mãe. Brinca pouco. Agarra-se muito à mãe. Não parece muito reconfortada pelo retorno desta, apesar de ficar muito nervosa quando ela sai. Resiste a qualquer aproximação de estranhos e por vezes da mãe, como se estivesse zangada devido às suas ausências. Vinculação evitante 12% das crianças A criança parece ignorar a mãe. Não é afetada pela sua ausência ou pelo seu retorno e é facilmente confortada por estranhos. PLÁTANO EDITORA As relações precoces Diferentes tipos de vinculação O teste da «situação-estranha» desenvolvido por Mary Ainsworth permitiu determinar diferentes tipos de vinculação. Teste da «situação-estranha» A mãe e a criança eram colocadas numa sala desconhecida equipada com mesas, cadeiras e diversos tipos de brinquedos, sendo submetidas a situações cujo grau de tensão era crescente. 1 – Uma pessoa estranha era apresentada à criança na presença da mãe. 2 – A mãe deixava a criança com o estranho. 3 – Depois de a mãe regressar e de confortar e acarinhar a criança, deixava-a sozinha. 4 – Uma pessoa desconhecida entrava na sala e interagia sozinha com a criança. 5 – A mãe reentrava na sala e levava a criança consigo. Ainsworth sugeriu que a vinculação segura tem a ver com a proximidade frequente, a ligação emocional forte da mãe ao bebé e com a sua sensibilidade em relação às necessidades do filho. Vinculações inseguras resul- tam de comportamentos maternos insensíveis.Apesar disto, o temperatura da criança e o seu grau de ansie- dade também influenciam o tipo de vínculo entre mãe e filho. U1 - Síntese esquematica:Psicologia 12.º ano 8/4/09 12:36 PM Page 50