SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
FILOSOFIA 11.º ano
FFILOSOFIA 11.º anoILOSOFIA 11.º ano
Luís Rodrigues
Os diversos tipos de
conhecimento: os
conhecimentos de facto
ANÁLISE COMPARATIVA DE DUAS
TEORIAS DO CONHECIMENTO:
O EMPIRISMO DE HUME
FILOSOFIA 11.º ano
Os diversos tipos de conhecimento
Conhecimentos de factos
Considere a seguinte proposição:
O Sol vai nascer nos próximos 50 anos.
É uma proposição de facto.
As proposições referentes a factos têm de ser avaliadas pela
experiência, ou seja, a posteriori. Temos de saber como o mundo é e o
que nele acontece para saber se são verdadeiras ou falsas.
FILOSOFIA 11.º ano
Os diversos tipos de conhecimento
Conhecimentos de factos
O Sol vai nascer nos próximos 50 anos.
Dependendo do confronto com os factos, a verdade das proposições de
facto é contingente, não necessária.
A negação da proposição «O Sol vai nascer nos próximos 50 anos» não
implica contradição. É logicamente possível que o Sol não nasça dentro
de 40 anos, apesar de ser muito pouco provável. Nunca podemos estar
absolutamente certos da sua verdade.
FILOSOFIA 11.º ano
Os diversos tipos de conhecimento
O Sol vai nascer nos próximos 50 anos.
O conhecimento referente a factos diz-nos algo sobre o que existe e
acontece no mundo e depende do modo como o mundo funciona.
As proposições que exprimem relações de ideias são verdades
necessárias, mas não nos dizem nada sobre os factos do mundo. Não
negando a importância da lógica e da matemática, o que importa a
Hume é o conhecimento do mundo.
FILOSOFIA 11.º ano
Os diversos tipos de conhecimento
Conhecimentos de factos
FILOSOFIA 11.º ano
Conhecimentos
que dizem
respeito a
factos
. São constituídos por proposições que se
referem a factos ou relacionam factos.
. São conhecimentos a posteriori porque
não podemos mostrar a sua verdade sem
recorrer à experiência.
. A verdade das proposições que
constituem os conhecimentos factuais é
contingente e não necessária porque a sua
negação é logicamente concebível.
. O conhecimento de factos nunca poderá
alcançar o tipo de certeza (absoluta) que
carateriza o conhecimento relativo às
relações de ideias.
. Os conhecimentos das ciências da
natureza e das ciências humanas são
exemplos de conhecimentos factuais.
Baseiam-se essencialmente em raciocínios
indutivos.
A diminuição do ozono
atmosférico é um efeito
do aumento da emissão de
gases poluentes.
Nairóbi é a capital do
Quénia.
Quando afastamos um
objeto da superfície da
Terra, temos de vencer a
força da gravidade que
sempre o atrai.
Os diversos tipos de conhecimento
FILOSOFIA 11.º ano
Conhecimentos
que dizem
respeito a
factos
 
. São constituídos por proposições que se
referem a factos ou relacionam factos.
. São conhecimentos a posteriori porque
não podemos mostrar a sua verdade sem
recorrer à experiência.
. A verdade das proposições que
constituem os conhecimentos factuais é
contingente e não necessária porque a sua
negação é logicamente concebível.
. O conhecimento de factos nunca poderá
alcançar o tipo de certeza (absoluta) que
carateriza o conhecimento relativo às
relações de ideias.
. Os conhecimentos das ciências da
natureza e das ciências humanas são
exemplos de conhecimentos factuais.
Baseiam-se essencialmente em raciocínios
indutivos.
 
 
 
A  diminuição  do  ozono 
atmosférico  é  um  efeito 
do aumento da emissão de 
gases poluentes.
Nairóbi  é  a  capital  do 
Quénia.
Quando  afastamos  um 
objeto  da  superfície  da 
Terra,  temos  de  vencer  a 
força  da  gravidade  que 
sempre o atrai.
 
Os diversos tipos de conhecimento

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade CognoscitivaFilosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade CognoscitivaRafael Cristino
 
Listas das falácias informais
Listas das falácias informaisListas das falácias informais
Listas das falácias informaisIsabel Moura
 
Hume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Hume_problemas_existência_eu_mundo_DeusHume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Hume_problemas_existência_eu_mundo_DeusIsabel Moura
 
Teorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Teorias Explicativas do Conhecimento - HumeTeorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Teorias Explicativas do Conhecimento - HumeJorge Barbosa
 
Karl popper - Filosofia 11º ano
Karl popper - Filosofia 11º anoKarl popper - Filosofia 11º ano
Karl popper - Filosofia 11º anoFilipaFonseca
 
11º b final
11º b   final11º b   final
11º b finalj_sdias
 
Quadro_hume vs descartes
Quadro_hume vs descartesQuadro_hume vs descartes
Quadro_hume vs descartesIsabel Moura
 
A crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaA crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaLuis De Sousa Rodrigues
 
Contributo de Descartes
Contributo de DescartesContributo de Descartes
Contributo de DescartesJorge Barbosa
 
Resumos filosofia 11
Resumos filosofia 11Resumos filosofia 11
Resumos filosofia 11Dylan Bonnet
 
falácias informais
falácias informaisfalácias informais
falácias informaisIsabel Moura
 

Mais procurados (20)

Da dúvida ao cogito
Da dúvida ao cogitoDa dúvida ao cogito
Da dúvida ao cogito
 
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade CognoscitivaFilosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
Filosofia 11 - Descrição e Interpretação da Atividade Cognoscitiva
 
Listas das falácias informais
Listas das falácias informaisListas das falácias informais
Listas das falácias informais
 
David hume e o Empirismo
David hume e o EmpirismoDavid hume e o Empirismo
David hume e o Empirismo
 
O ceticismo de hume
O ceticismo de humeO ceticismo de hume
O ceticismo de hume
 
Hume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Hume_problemas_existência_eu_mundo_DeusHume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
Hume_problemas_existência_eu_mundo_Deus
 
Teorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Teorias Explicativas do Conhecimento - HumeTeorias Explicativas do Conhecimento - Hume
Teorias Explicativas do Conhecimento - Hume
 
Karl popper - Filosofia 11º ano
Karl popper - Filosofia 11º anoKarl popper - Filosofia 11º ano
Karl popper - Filosofia 11º ano
 
Tipos de argumentos indutivos
Tipos de argumentos indutivosTipos de argumentos indutivos
Tipos de argumentos indutivos
 
Comparação descartes hume
Comparação descartes   humeComparação descartes   hume
Comparação descartes hume
 
Impressões e ideias
Impressões e ideiasImpressões e ideias
Impressões e ideias
 
Descartes
DescartesDescartes
Descartes
 
11º b final
11º b   final11º b   final
11º b final
 
Quadro_hume vs descartes
Quadro_hume vs descartesQuadro_hume vs descartes
Quadro_hume vs descartes
 
A crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaA crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessária
 
Contributo de Descartes
Contributo de DescartesContributo de Descartes
Contributo de Descartes
 
O racionalismo de Descartes
O racionalismo de DescartesO racionalismo de Descartes
O racionalismo de Descartes
 
Resumos filosofia 11
Resumos filosofia 11Resumos filosofia 11
Resumos filosofia 11
 
falácias informais
falácias informaisfalácias informais
falácias informais
 
Quiz descartes
Quiz descartesQuiz descartes
Quiz descartes
 

Destaque

O conhecimento do mundo a uniformidade da natureza
O conhecimento do mundo   a uniformidade da naturezaO conhecimento do mundo   a uniformidade da natureza
O conhecimento do mundo a uniformidade da naturezaLuis De Sousa Rodrigues
 
O conhecimento do mundo a relação causal
O conhecimento do mundo   a relação causalO conhecimento do mundo   a relação causal
O conhecimento do mundo a relação causalLuis De Sousa Rodrigues
 
O hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessáriaO hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessáriaLuis De Sousa Rodrigues
 
O conhecimento do mundo os raciocínios indutivos
O conhecimento do mundo   os raciocínios indutivosO conhecimento do mundo   os raciocínios indutivos
O conhecimento do mundo os raciocínios indutivosLuis De Sousa Rodrigues
 
O conhecimento do mundo a relação causal
O conhecimento do mundo   a relação causalO conhecimento do mundo   a relação causal
O conhecimento do mundo a relação causalLuis De Sousa Rodrigues
 
O conhecimento do mundo a uniformidade da natureza
O conhecimento do mundo   a uniformidade da naturezaO conhecimento do mundo   a uniformidade da natureza
O conhecimento do mundo a uniformidade da naturezaLuis De Sousa Rodrigues
 
O hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessáriaO hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessáriaLuis De Sousa Rodrigues
 
David hume e a critica à causalidade
David hume e a critica à causalidadeDavid hume e a critica à causalidade
David hume e a critica à causalidadeFrancis Mary Rosa
 

Destaque (20)

O conhecimento do mundo a uniformidade da natureza
O conhecimento do mundo   a uniformidade da naturezaO conhecimento do mundo   a uniformidade da natureza
O conhecimento do mundo a uniformidade da natureza
 
O conhecimento do mundo a relação causal
O conhecimento do mundo   a relação causalO conhecimento do mundo   a relação causal
O conhecimento do mundo a relação causal
 
O ceticismo de hume
O ceticismo de humeO ceticismo de hume
O ceticismo de hume
 
O hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessáriaO hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessária
 
O conhecimento do mundo
O conhecimento do mundoO conhecimento do mundo
O conhecimento do mundo
 
Impressões e ideias
Impressões e ideiasImpressões e ideias
Impressões e ideias
 
O essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofiaO essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofia
 
O problema da indução
O problema da induçãoO problema da indução
O problema da indução
 
O projeto de descartes – versão 2
O projeto de descartes – versão 2O projeto de descartes – versão 2
O projeto de descartes – versão 2
 
Conhecimento de factos
Conhecimento de factosConhecimento de factos
Conhecimento de factos
 
As relações de ideias
As relações de ideiasAs relações de ideias
As relações de ideias
 
O conhecimento do mundo os raciocínios indutivos
O conhecimento do mundo   os raciocínios indutivosO conhecimento do mundo   os raciocínios indutivos
O conhecimento do mundo os raciocínios indutivos
 
O conhecimento do mundo a relação causal
O conhecimento do mundo   a relação causalO conhecimento do mundo   a relação causal
O conhecimento do mundo a relação causal
 
O conhecimento do mundo a uniformidade da natureza
O conhecimento do mundo   a uniformidade da naturezaO conhecimento do mundo   a uniformidade da natureza
O conhecimento do mundo a uniformidade da natureza
 
Aperfeiçoamento humano pró e contra
Aperfeiçoamento humano   pró e contraAperfeiçoamento humano   pró e contra
Aperfeiçoamento humano pró e contra
 
As críticas a kuhn
As críticas a kuhnAs críticas a kuhn
As críticas a kuhn
 
O hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessáriaO hábito e a ideia de conexão necessária
O hábito e a ideia de conexão necessária
 
O que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos serO que somos e o que poderemos ser
O que somos e o que poderemos ser
 
A função da dúvida
A função da dúvidaA função da dúvida
A função da dúvida
 
David hume e a critica à causalidade
David hume e a critica à causalidadeDavid hume e a critica à causalidade
David hume e a critica à causalidade
 

Semelhante a Conhecimentos de facto 11o

o-estatuto-do-conhecimento-cientifico-filosofia-da-ciencia_compress.pdf
o-estatuto-do-conhecimento-cientifico-filosofia-da-ciencia_compress.pdfo-estatuto-do-conhecimento-cientifico-filosofia-da-ciencia_compress.pdf
o-estatuto-do-conhecimento-cientifico-filosofia-da-ciencia_compress.pdfLuanaVivasdeAbreu
 
A crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaA crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaLuis De Sousa Rodrigues
 
EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIAS
EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIASEXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIAS
EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIASryanfilho
 
3conceitos
3conceitos3conceitos
3conceitosjunioroi
 
BACHELARD,_Gaston._A_Formação_do_Espírito_Científico
BACHELARD,_Gaston._A_Formação_do_Espírito_CientíficoBACHELARD,_Gaston._A_Formação_do_Espírito_Científico
BACHELARD,_Gaston._A_Formação_do_Espírito_CientíficoGoiamerico Felicio
 
Bachelard a formaçao do espirito cientifico
Bachelard   a formaçao do espirito cientificoBachelard   a formaçao do espirito cientifico
Bachelard a formaçao do espirito cientificoIngrid Schwyzer
 
7182651 bachelard-gaston-a-formacao-do-espirito-cientifico
7182651 bachelard-gaston-a-formacao-do-espirito-cientifico7182651 bachelard-gaston-a-formacao-do-espirito-cientifico
7182651 bachelard-gaston-a-formacao-do-espirito-cientificojorge2_santos
 
Trabalho teoria do conhecimento
Trabalho teoria do conhecimentoTrabalho teoria do conhecimento
Trabalho teoria do conhecimentoJoão Bastos
 
Realismo científico e empirismo construtivo na ciência e no ensino de ciências
Realismo científico e empirismo construtivo na ciência e no ensino de ciênciasRealismo científico e empirismo construtivo na ciência e no ensino de ciências
Realismo científico e empirismo construtivo na ciência e no ensino de ciênciasJair Lucio Prados Ribeiro
 
Metamorfose da ciência
Metamorfose da ciência Metamorfose da ciência
Metamorfose da ciência nextfiocruz
 
Construtivismo, inatismo e realismo compatíveis e complementares
Construtivismo, inatismo e realismo  compatíveis e complementaresConstrutivismo, inatismo e realismo  compatíveis e complementares
Construtivismo, inatismo e realismo compatíveis e complementaresMariana Verissimo Verissimo
 
IFG História da Ciência - Introdução à Filosofia da Ciência Parte I
IFG História da Ciência - Introdução à Filosofia da Ciência Parte IIFG História da Ciência - Introdução à Filosofia da Ciência Parte I
IFG História da Ciência - Introdução à Filosofia da Ciência Parte IRodrigo Diogo
 

Semelhante a Conhecimentos de facto 11o (20)

A Evolução da Física.pdf
A Evolução da Física.pdfA Evolução da Física.pdf
A Evolução da Física.pdf
 
o-estatuto-do-conhecimento-cientifico-filosofia-da-ciencia_compress.pdf
o-estatuto-do-conhecimento-cientifico-filosofia-da-ciencia_compress.pdfo-estatuto-do-conhecimento-cientifico-filosofia-da-ciencia_compress.pdf
o-estatuto-do-conhecimento-cientifico-filosofia-da-ciencia_compress.pdf
 
O conhecimento do mundo
O conhecimento do mundoO conhecimento do mundo
O conhecimento do mundo
 
A crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessáriaA crença na ideia de conexão necessária
A crença na ideia de conexão necessária
 
Popper – o problema da demarcação
Popper – o problema da demarcaçãoPopper – o problema da demarcação
Popper – o problema da demarcação
 
EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIAS
EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIASEXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIAS
EXPERIMENTAÇÃO NO ENSINO DE CIÊNCIAS
 
3conceitos
3conceitos3conceitos
3conceitos
 
3conceitos
3conceitos3conceitos
3conceitos
 
9aula vestibular
9aula   vestibular9aula   vestibular
9aula vestibular
 
BACHELARD,_Gaston._A_Formação_do_Espírito_Científico
BACHELARD,_Gaston._A_Formação_do_Espírito_CientíficoBACHELARD,_Gaston._A_Formação_do_Espírito_Científico
BACHELARD,_Gaston._A_Formação_do_Espírito_Científico
 
Bachelard a formaçao do espirito cientifico
Bachelard   a formaçao do espirito cientificoBachelard   a formaçao do espirito cientifico
Bachelard a formaçao do espirito cientifico
 
7182651 bachelard-gaston-a-formacao-do-espirito-cientifico
7182651 bachelard-gaston-a-formacao-do-espirito-cientifico7182651 bachelard-gaston-a-formacao-do-espirito-cientifico
7182651 bachelard-gaston-a-formacao-do-espirito-cientifico
 
Trabalho teoria do conhecimento
Trabalho teoria do conhecimentoTrabalho teoria do conhecimento
Trabalho teoria do conhecimento
 
Realismo científico e empirismo construtivo na ciência e no ensino de ciências
Realismo científico e empirismo construtivo na ciência e no ensino de ciênciasRealismo científico e empirismo construtivo na ciência e no ensino de ciências
Realismo científico e empirismo construtivo na ciência e no ensino de ciências
 
Jornalismo e ciência
Jornalismo e ciênciaJornalismo e ciência
Jornalismo e ciência
 
Metamorfose da ciência
Metamorfose da ciência Metamorfose da ciência
Metamorfose da ciência
 
O indutivismo
O indutivismoO indutivismo
O indutivismo
 
Construtivismo, inatismo e realismo compatíveis e complementares
Construtivismo, inatismo e realismo  compatíveis e complementaresConstrutivismo, inatismo e realismo  compatíveis e complementares
Construtivismo, inatismo e realismo compatíveis e complementares
 
IFG História da Ciência - Introdução à Filosofia da Ciência Parte I
IFG História da Ciência - Introdução à Filosofia da Ciência Parte IIFG História da Ciência - Introdução à Filosofia da Ciência Parte I
IFG História da Ciência - Introdução à Filosofia da Ciência Parte I
 
A validade indutiva
A validade indutivaA validade indutiva
A validade indutiva
 

Mais de Luis De Sousa Rodrigues (20)

Unidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebroUnidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebro
 
Tipos de vinculação
Tipos de vinculaçãoTipos de vinculação
Tipos de vinculação
 
Tipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagemTipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagem
 
Teorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoçõesTeorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoções
 
Relações precoces
Relações precocesRelações precoces
Relações precoces
 
Raízes da vinculação
Raízes da vinculaçãoRaízes da vinculação
Raízes da vinculação
 
Processos conativos
Processos conativosProcessos conativos
Processos conativos
 
Perturbações da vinculação
Perturbações da vinculaçãoPerturbações da vinculação
Perturbações da vinculação
 
Perceção e gestalt
Perceção e gestaltPerceção e gestalt
Perceção e gestalt
 
Os processos emocionais
Os processos emocionaisOs processos emocionais
Os processos emocionais
 
Os grupos
Os gruposOs grupos
Os grupos
 
O sistema nervoso
O sistema nervosoO sistema nervoso
O sistema nervoso
 
O que nos torna humanos
O que nos torna humanosO que nos torna humanos
O que nos torna humanos
 
Maslow e a motivação
Maslow e a motivaçãoMaslow e a motivação
Maslow e a motivação
 
Lateralidade cerebral
Lateralidade cerebralLateralidade cerebral
Lateralidade cerebral
 
Freud 9
Freud 9Freud 9
Freud 9
 
Freud 8
Freud 8Freud 8
Freud 8
 
Freud 7
Freud 7Freud 7
Freud 7
 
Freud 6
Freud 6Freud 6
Freud 6
 
Freud 5
Freud 5Freud 5
Freud 5
 

Conhecimentos de facto 11o

  • 1. FILOSOFIA 11.º ano FFILOSOFIA 11.º anoILOSOFIA 11.º ano Luís Rodrigues Os diversos tipos de conhecimento: os conhecimentos de facto
  • 2. ANÁLISE COMPARATIVA DE DUAS TEORIAS DO CONHECIMENTO: O EMPIRISMO DE HUME FILOSOFIA 11.º ano Os diversos tipos de conhecimento
  • 3. Conhecimentos de factos Considere a seguinte proposição: O Sol vai nascer nos próximos 50 anos. É uma proposição de facto. As proposições referentes a factos têm de ser avaliadas pela experiência, ou seja, a posteriori. Temos de saber como o mundo é e o que nele acontece para saber se são verdadeiras ou falsas. FILOSOFIA 11.º ano Os diversos tipos de conhecimento
  • 4. Conhecimentos de factos O Sol vai nascer nos próximos 50 anos. Dependendo do confronto com os factos, a verdade das proposições de facto é contingente, não necessária. A negação da proposição «O Sol vai nascer nos próximos 50 anos» não implica contradição. É logicamente possível que o Sol não nasça dentro de 40 anos, apesar de ser muito pouco provável. Nunca podemos estar absolutamente certos da sua verdade. FILOSOFIA 11.º ano Os diversos tipos de conhecimento
  • 5. O Sol vai nascer nos próximos 50 anos. O conhecimento referente a factos diz-nos algo sobre o que existe e acontece no mundo e depende do modo como o mundo funciona. As proposições que exprimem relações de ideias são verdades necessárias, mas não nos dizem nada sobre os factos do mundo. Não negando a importância da lógica e da matemática, o que importa a Hume é o conhecimento do mundo. FILOSOFIA 11.º ano Os diversos tipos de conhecimento Conhecimentos de factos
  • 6. FILOSOFIA 11.º ano Conhecimentos que dizem respeito a factos . São constituídos por proposições que se referem a factos ou relacionam factos. . São conhecimentos a posteriori porque não podemos mostrar a sua verdade sem recorrer à experiência. . A verdade das proposições que constituem os conhecimentos factuais é contingente e não necessária porque a sua negação é logicamente concebível. . O conhecimento de factos nunca poderá alcançar o tipo de certeza (absoluta) que carateriza o conhecimento relativo às relações de ideias. . Os conhecimentos das ciências da natureza e das ciências humanas são exemplos de conhecimentos factuais. Baseiam-se essencialmente em raciocínios indutivos. A diminuição do ozono atmosférico é um efeito do aumento da emissão de gases poluentes. Nairóbi é a capital do Quénia. Quando afastamos um objeto da superfície da Terra, temos de vencer a força da gravidade que sempre o atrai. Os diversos tipos de conhecimento
  • 7. FILOSOFIA 11.º ano Conhecimentos que dizem respeito a factos   . São constituídos por proposições que se referem a factos ou relacionam factos. . São conhecimentos a posteriori porque não podemos mostrar a sua verdade sem recorrer à experiência. . A verdade das proposições que constituem os conhecimentos factuais é contingente e não necessária porque a sua negação é logicamente concebível. . O conhecimento de factos nunca poderá alcançar o tipo de certeza (absoluta) que carateriza o conhecimento relativo às relações de ideias. . Os conhecimentos das ciências da natureza e das ciências humanas são exemplos de conhecimentos factuais. Baseiam-se essencialmente em raciocínios indutivos.       A  diminuição  do  ozono  atmosférico  é  um  efeito  do aumento da emissão de  gases poluentes. Nairóbi  é  a  capital  do  Quénia. Quando  afastamos  um  objeto  da  superfície  da  Terra,  temos  de  vencer  a  força  da  gravidade  que  sempre o atrai.   Os diversos tipos de conhecimento