SlideShare uma empresa Scribd logo
Natação
≈ Índice:
∼ Introdução
∼ Definição de Natação
∼ História
∼ Estilos
* Crawl
* Costas
* Bruços
* Mariposa
∼ Natação Sincronizada
∼ Conclusão
≈ Introdução
Escolhi realizar este trabalho, sobre natação, no âmbito da
disciplina de T.I.C., porque para além de adorar o desporto, já
o pratiquei durante vários anos e espero dar continuidade no
futuro.
Acho um desporto bastante interessante, pois para além de
relaxante, tem uma enorme variedade de estilos, como iremos
ver.
Espero que o trabalho venha a ter algum tipo de êxito!
≈ Definição de Natação
Natação é a capacidade do homem e de outros animais se
deslocarem através de movimentos efectuados no meio
líquido, geralmente sem ajuda artificial.
A natação é uma actividade que pode ser simultaneamente
útil e recreativa. As suas principais utilizações são
recreativas,
balneares, pesca, exercício
e desporto.
≈ História
A natação é conhecida desde tempos pré-históricos, sendo
que o registo mais antigo remonta às pinturas rupestres de
cerca de 7.000 anos atrás.
Por volta do ano de 1800, começou a natação de
competição na Europa, na sua maioria utilizando o estilo
bruços.
A natação faz parte, desde sempre, das várias
modalidades que se praticam nos Jogos
Olímpicos e finalmente em 1902 foi fundada a Federação
Internacional de Natação (FINA).
≈ Estilos
Existem oficialmente quatro estilos na natação:
∼ Crawl
∼ Costas
∼ Bruços
∼ Mariposa.
Crawl
Este estilo é o mais rápido. O nadador movimenta-se com o
abdómen voltado para a água: a acção das pernas faz-se em
golpes curtos e alternados, no plano vertical à superfície. O
movimento dos braços também é alternado, de tal forma que
um começa a puxar a água imediatamente antes que o outro
termine de fazê-lo. Quando um dos braços está fora da
água, o nadador pode virar a cabeça
para respirar desse lado. Quanto
maior o número de braçadas, maior
o rendimento.
≈ Costas
Neste estilo, o nadador permanece todo o percurso com o
abdómen voltado para fora da água. O bater de pernas é
semelhante ao do Crawl. Os braços alongam-se sobre a
cabeça alternadamente, entrando na água passando junto à
orelha, com a palma da mão virada para fora, de tal forma
que o dedo mindinho
seja o primeiro a entrar na água.
No seu movimento até o quadril,
o braço empurra a água e
impulsiona o corpo na direcção
contrária.
≈ Bruços
Este é o mais lento dos estilos e é executado com o corpo e
os braços estendidos, as palmas das mãos voltadas para fora
e o rosto dentro da água. As pernas são trazidas para junto
do corpo, com os joelhos dobrados e abertos, enquanto os
braços se abrem e recolhem à altura do peito. Em
seguida, as pernas são impelidas para traz, para
impulsionarem o nadador, num movimento parecido com o da
rã, ao mesmo tempo que os braços são estendidos para
frente.
A inspiração de ar é feita no final da
puxada do braço, quando o nadador
ergue a cabeça para fora da água.
≈ Mariposa
Mariposa é o segundo estilo mais rápido, depois do Crawl.
É de difícil execução para principiantes, uma vez que requer
muita força de braços
O estilo implica um batimento de pés como o dos golfinhos,
similar a um duplo batimento de Crawl. A acção dos braços é
também ela semelhante à praticada em Crawl, sendo que a
diferença reside
no facto de em mariposa a acção
dos braços ser simultânea (e não
alternada como acontece em Crawl).
≈ Natação sincronizada
Inclui conceitos de natação, de ginástica e de
dança, consistindo aos nadadores (indivíduos, duetos, trios ou
equipas) executar uma rotina sincronizada de movimentos
elaborados e dramáticos na água, acompanhada de uma
música. A natação sincronizada exige habilidades de primeira
ordem na água ao exigir
força, resistência, flexibilidade, amenidade, arte e o
sincronismo preciso, sem mencionar o controlo excepcional da
respiração quando estão de cabeça de baixo de água.
≈ Conclusão:
Com este trabalho, conclui mais uma vez que a natação é um
desporto bastante relaxante e practicado por cada vez mais
pessoas.
Trabalho realizado por:
∼ Mª Beatriz

9ºA
Webgrafia:
∼ www.wikipedia.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ginástica de aparelhos
Ginástica de aparelhosGinástica de aparelhos
Ginástica de aparelhos
Rui Lemos
 
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
Thepatriciamartins12
 
Ginástica de Solo
Ginástica de SoloGinástica de Solo
Ginástica de Solo
Tony Abreu
 
Ginastica de Solo - UFAC
Ginastica de Solo - UFACGinastica de Solo - UFAC
Ginastica de Solo - UFAC
Eridhonson Oliveira
 
Apresentação basquetebol
Apresentação basquetebol Apresentação basquetebol
Apresentação basquetebol
Paula Silva Silva
 
Educação fisica ginástica acrobática
Educação fisica ginástica acrobáticaEducação fisica ginástica acrobática
Educação fisica ginástica acrobática
gltrindade
 
Ginástica
GinásticaGinástica
Ginástica
ana pinho
 
Badminton
BadmintonBadminton
Badminton
dnebsm
 
Atividade fisica, aptidão física e saúde
Atividade fisica, aptidão física e saúdeAtividade fisica, aptidão física e saúde
Atividade fisica, aptidão física e saúde
washington carlos vieira
 
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
A natação
A nataçãoA natação
A natação
Historiando
 
Atividade Física
Atividade FísicaAtividade Física
Atividade Física
Mário Ribeiro
 
Danças Sociais
Danças SociaisDanças Sociais
Danças Sociais
Diogo Silva
 
Natacao
NatacaoNatacao
Natacao
dalcimaira
 
Ginastica acrobática
Ginastica acrobáticaGinastica acrobática
Ginastica acrobática
Paulo Lopes
 
Natação
Natação Natação
Natação
poxalivs
 
Voleibol
VoleibolVoleibol
Voleibol
Bernardo Matos
 
Ficha de Aquecimento de Educação Física
Ficha de Aquecimento de Educação FísicaFicha de Aquecimento de Educação Física
Ficha de Aquecimento de Educação Física
713773
 
Ginastica acrobatica [modo de compatibilidade]
Ginastica acrobatica [modo de compatibilidade]Ginastica acrobatica [modo de compatibilidade]
Ginastica acrobatica [modo de compatibilidade]
Escola Secundaria Moura
 

Mais procurados (20)

Ginástica de aparelhos
Ginástica de aparelhosGinástica de aparelhos
Ginástica de aparelhos
 
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
Mini trampolim (este sim está correcto o outro estava incompleto)
 
Ginástica de Solo
Ginástica de SoloGinástica de Solo
Ginástica de Solo
 
Ginastica de Solo - UFAC
Ginastica de Solo - UFACGinastica de Solo - UFAC
Ginastica de Solo - UFAC
 
Apresentação basquetebol
Apresentação basquetebol Apresentação basquetebol
Apresentação basquetebol
 
Educação fisica ginástica acrobática
Educação fisica ginástica acrobáticaEducação fisica ginástica acrobática
Educação fisica ginástica acrobática
 
Ginástica
GinásticaGinástica
Ginástica
 
Badminton
BadmintonBadminton
Badminton
 
Atividade fisica, aptidão física e saúde
Atividade fisica, aptidão física e saúdeAtividade fisica, aptidão física e saúde
Atividade fisica, aptidão física e saúde
 
Basquetebol
BasquetebolBasquetebol
Basquetebol
 
A natação
A nataçãoA natação
A natação
 
Atividade Física
Atividade FísicaAtividade Física
Atividade Física
 
Danças Sociais
Danças SociaisDanças Sociais
Danças Sociais
 
Natacao
NatacaoNatacao
Natacao
 
Ginastica acrobática
Ginastica acrobáticaGinastica acrobática
Ginastica acrobática
 
Natação
Natação Natação
Natação
 
Voleibol
VoleibolVoleibol
Voleibol
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Ficha de Aquecimento de Educação Física
Ficha de Aquecimento de Educação FísicaFicha de Aquecimento de Educação Física
Ficha de Aquecimento de Educação Física
 
Ginastica acrobatica [modo de compatibilidade]
Ginastica acrobatica [modo de compatibilidade]Ginastica acrobatica [modo de compatibilidade]
Ginastica acrobatica [modo de compatibilidade]
 

Destaque

Natação ppt ed.fisica
Natação ppt ed.fisicaNatação ppt ed.fisica
Natação ppt ed.fisica
Miguel Monteiro
 
Natação
NataçãoNatação
Benefícios da Natação
Benefícios da NataçãoBenefícios da Natação
Benefícios da Natação
alexandra batata
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
Alex Faria
 
Retrospectiva 2011 Via Esporte
Retrospectiva 2011 Via EsporteRetrospectiva 2011 Via Esporte
Retrospectiva 2011 Via Esporte
Sandra Madormo
 
Materiais auxiliares na inicialização de aprendizagem da natação
Materiais auxiliares na inicialização de aprendizagem da nataçãoMateriais auxiliares na inicialização de aprendizagem da natação
Materiais auxiliares na inicialização de aprendizagem da natação
Neilor Roldão
 

Destaque (6)

Natação ppt ed.fisica
Natação ppt ed.fisicaNatação ppt ed.fisica
Natação ppt ed.fisica
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Benefícios da Natação
Benefícios da NataçãoBenefícios da Natação
Benefícios da Natação
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Retrospectiva 2011 Via Esporte
Retrospectiva 2011 Via EsporteRetrospectiva 2011 Via Esporte
Retrospectiva 2011 Via Esporte
 
Materiais auxiliares na inicialização de aprendizagem da natação
Materiais auxiliares na inicialização de aprendizagem da nataçãoMateriais auxiliares na inicialização de aprendizagem da natação
Materiais auxiliares na inicialização de aprendizagem da natação
 

Semelhante a Natação

Natação
NataçãoNatação
Natação
Elika Silva
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
Vitor Peixoto
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
EULAIA VIDAL
 
Natação
NataçãoNatação
A Natação
A NataçãoA Natação
A Natação
Historiando
 
Natacao.paula romão.sílvinapais
Natacao.paula romão.sílvinapaisNatacao.paula romão.sílvinapais
Natacao.paula romão.sílvinapais
Maria João Vasconcelos
 
Nado Crawl
Nado CrawlNado Crawl
Nado Crawl
Jaminho Palla
 
Nado Costa
Nado CostaNado Costa
Nado Costa
Jaminho Palla
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
Alanna Alexandre
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
chave1999
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
chave1999
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
chave1999
 
Natação PPT
Natação PPTNatação PPT
Natação PPT
AL
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
franciscaf
 
Natação.pptx
Natação.pptxNatação.pptx
Natação.pptx
carla198797
 
Nado peito ou bruços
Nado peito ou bruçosNado peito ou bruços
Nado peito ou bruços
135nanny
 
Nado peito ou bruços
Nado peito ou bruçosNado peito ou bruços
Nado peito ou bruços
135nanny
 
os nadadores no brasil
os nadadores no brasilos nadadores no brasil
os nadadores no brasil
Alisson pereira
 
Aula 1 - A natação
Aula 1 - A nataçãoAula 1 - A natação
Aula 1 - A natação
caser_silva
 
Nado Borboleta / Golfinho
Nado Borboleta / GolfinhoNado Borboleta / Golfinho
Nado Borboleta / Golfinho
Jaqueline de Paulo
 

Semelhante a Natação (20)

Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
A Natação
A NataçãoA Natação
A Natação
 
Natacao.paula romão.sílvinapais
Natacao.paula romão.sílvinapaisNatacao.paula romão.sílvinapais
Natacao.paula romão.sílvinapais
 
Nado Crawl
Nado CrawlNado Crawl
Nado Crawl
 
Nado Costa
Nado CostaNado Costa
Nado Costa
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
 
Desportos aquáticos
Desportos aquáticosDesportos aquáticos
Desportos aquáticos
 
Natação PPT
Natação PPTNatação PPT
Natação PPT
 
Natação
NataçãoNatação
Natação
 
Natação.pptx
Natação.pptxNatação.pptx
Natação.pptx
 
Nado peito ou bruços
Nado peito ou bruçosNado peito ou bruços
Nado peito ou bruços
 
Nado peito ou bruços
Nado peito ou bruçosNado peito ou bruços
Nado peito ou bruços
 
os nadadores no brasil
os nadadores no brasilos nadadores no brasil
os nadadores no brasil
 
Aula 1 - A natação
Aula 1 - A nataçãoAula 1 - A natação
Aula 1 - A natação
 
Nado Borboleta / Golfinho
Nado Borboleta / GolfinhoNado Borboleta / Golfinho
Nado Borboleta / Golfinho
 

Mais de Beatriz de Almeida

Infertilidade feminina
Infertilidade femininaInfertilidade feminina
Infertilidade feminina
Beatriz de Almeida
 
Água - Geografia 9ºAno
Água - Geografia 9ºAnoÁgua - Geografia 9ºAno
Água - Geografia 9ºAno
Beatriz de Almeida
 
Recursos energéticos
Recursos energéticosRecursos energéticos
Recursos energéticos
Beatriz de Almeida
 
Bullyng
BullyngBullyng
Roncador - Sermão de Santo Antonio
Roncador - Sermão de Santo AntonioRoncador - Sermão de Santo Antonio
Roncador - Sermão de Santo Antonio
Beatriz de Almeida
 
Riscos geológicos 10º ano
Riscos geológicos 10º anoRiscos geológicos 10º ano
Riscos geológicos 10º ano
Beatriz de Almeida
 

Mais de Beatriz de Almeida (7)

Infertilidade feminina
Infertilidade femininaInfertilidade feminina
Infertilidade feminina
 
Água - Geografia 9ºAno
Água - Geografia 9ºAnoÁgua - Geografia 9ºAno
Água - Geografia 9ºAno
 
Rene Magritte
Rene MagritteRene Magritte
Rene Magritte
 
Recursos energéticos
Recursos energéticosRecursos energéticos
Recursos energéticos
 
Bullyng
BullyngBullyng
Bullyng
 
Roncador - Sermão de Santo Antonio
Roncador - Sermão de Santo AntonioRoncador - Sermão de Santo Antonio
Roncador - Sermão de Santo Antonio
 
Riscos geológicos 10º ano
Riscos geológicos 10º anoRiscos geológicos 10º ano
Riscos geológicos 10º ano
 

Último

Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
deboracorrea21
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
JocelynNavarroBonta
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 

Último (20)

Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTAEstudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
Estudo Infantil - MISSÕES NACIONAIS - IGREJA BATISTA
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdfPortfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
Portfólio Estratégico da Marinha do Brasil (MB).pdf
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONALEMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
EMOCIONES PARA TRABAJAR EN LA AREA SOCIOEMOCIONAL
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 

Natação

  • 2. ≈ Índice: ∼ Introdução ∼ Definição de Natação ∼ História ∼ Estilos * Crawl * Costas * Bruços * Mariposa ∼ Natação Sincronizada ∼ Conclusão
  • 3. ≈ Introdução Escolhi realizar este trabalho, sobre natação, no âmbito da disciplina de T.I.C., porque para além de adorar o desporto, já o pratiquei durante vários anos e espero dar continuidade no futuro. Acho um desporto bastante interessante, pois para além de relaxante, tem uma enorme variedade de estilos, como iremos ver. Espero que o trabalho venha a ter algum tipo de êxito!
  • 4. ≈ Definição de Natação Natação é a capacidade do homem e de outros animais se deslocarem através de movimentos efectuados no meio líquido, geralmente sem ajuda artificial. A natação é uma actividade que pode ser simultaneamente útil e recreativa. As suas principais utilizações são recreativas, balneares, pesca, exercício e desporto.
  • 5. ≈ História A natação é conhecida desde tempos pré-históricos, sendo que o registo mais antigo remonta às pinturas rupestres de cerca de 7.000 anos atrás. Por volta do ano de 1800, começou a natação de competição na Europa, na sua maioria utilizando o estilo bruços. A natação faz parte, desde sempre, das várias modalidades que se praticam nos Jogos Olímpicos e finalmente em 1902 foi fundada a Federação Internacional de Natação (FINA).
  • 6. ≈ Estilos Existem oficialmente quatro estilos na natação: ∼ Crawl ∼ Costas ∼ Bruços ∼ Mariposa.
  • 7. Crawl Este estilo é o mais rápido. O nadador movimenta-se com o abdómen voltado para a água: a acção das pernas faz-se em golpes curtos e alternados, no plano vertical à superfície. O movimento dos braços também é alternado, de tal forma que um começa a puxar a água imediatamente antes que o outro termine de fazê-lo. Quando um dos braços está fora da água, o nadador pode virar a cabeça para respirar desse lado. Quanto maior o número de braçadas, maior o rendimento.
  • 8. ≈ Costas Neste estilo, o nadador permanece todo o percurso com o abdómen voltado para fora da água. O bater de pernas é semelhante ao do Crawl. Os braços alongam-se sobre a cabeça alternadamente, entrando na água passando junto à orelha, com a palma da mão virada para fora, de tal forma que o dedo mindinho seja o primeiro a entrar na água. No seu movimento até o quadril, o braço empurra a água e impulsiona o corpo na direcção contrária.
  • 9. ≈ Bruços Este é o mais lento dos estilos e é executado com o corpo e os braços estendidos, as palmas das mãos voltadas para fora e o rosto dentro da água. As pernas são trazidas para junto do corpo, com os joelhos dobrados e abertos, enquanto os braços se abrem e recolhem à altura do peito. Em seguida, as pernas são impelidas para traz, para impulsionarem o nadador, num movimento parecido com o da rã, ao mesmo tempo que os braços são estendidos para frente. A inspiração de ar é feita no final da puxada do braço, quando o nadador ergue a cabeça para fora da água.
  • 10. ≈ Mariposa Mariposa é o segundo estilo mais rápido, depois do Crawl. É de difícil execução para principiantes, uma vez que requer muita força de braços O estilo implica um batimento de pés como o dos golfinhos, similar a um duplo batimento de Crawl. A acção dos braços é também ela semelhante à praticada em Crawl, sendo que a diferença reside no facto de em mariposa a acção dos braços ser simultânea (e não alternada como acontece em Crawl).
  • 11. ≈ Natação sincronizada Inclui conceitos de natação, de ginástica e de dança, consistindo aos nadadores (indivíduos, duetos, trios ou equipas) executar uma rotina sincronizada de movimentos elaborados e dramáticos na água, acompanhada de uma música. A natação sincronizada exige habilidades de primeira ordem na água ao exigir força, resistência, flexibilidade, amenidade, arte e o sincronismo preciso, sem mencionar o controlo excepcional da respiração quando estão de cabeça de baixo de água.
  • 12. ≈ Conclusão: Com este trabalho, conclui mais uma vez que a natação é um desporto bastante relaxante e practicado por cada vez mais pessoas.
  • 13. Trabalho realizado por: ∼ Mª Beatriz 9ºA Webgrafia: ∼ www.wikipedia.com