SlideShare uma empresa Scribd logo
Escola: EE Reverendo Tércio Moraes Pereira 2015
Professor: Luciene Almeida
Lima
Disciplina: História Série e turma: 2º A, B, C e D.
2015
Bimestre: (3º e 4º)
Semestral
Justificativa do conteúdo do Bimestre: Além desse aspecto, o educando deverá ser capaz de refletir sobre si mesmo,
reconhecendo-se como integrante dependente e agente transformador do ambiente, cuidando para preservá-lo e assumindo
posturas e atitudes de intervenção solidária na sociedade, visando à conquista de níveis elevados de qualidade de vida para si e
para o conjunto dos cidadãos.
Objetivo
Os estudantes devem desenvolver um
posicionamento crítico frente aos
problemas que afetam a vida social,
reconhecendo o diálogo como ponto de
partida fundamental para a tomada de
decisões coletivas.
Por conta de nossa formação sócio-his-
tórica, dá-se especial ênfase à questão da
identidade: no que se relaciona ao
universo social mais amplo da
nacionalidade, como no âmbito
individual, apontando-se como básico o
conhecimento das características
fundamentais do Brasil (sociais,
materiais e culturais) e o reconhecimento
e a valorização da pluralidade que
constitui o patrimônio sociocultural
brasileiro, assim como o de outros povos
e nações.
Conteúdos da disciplina:
(Continuação do 2º bimestre)
Formação dos Estados Absolutistas
Europeus
Encontros entre europeus e as
civilizações da África, da Ásia e da
America.
Sistemas coloniais europeus/ A America
Colonial
Revolução Inglesa
Iluminismo
Independência dos Estados Unidos da
America.
Revolução Francesa e Império
Napoleônico.
Processos de independência e formação
territorial na América Latina
A Revolução Industrial inglesa
A luta por direitos sociais no século XIX
• Socialismo, comunismo e anarquismo.
(Conteúdo do 3º bimestre).
Estados Unidos da América no século
XIX
• Expansão para o oeste e guerra civil
Segundo Reinado no Brasil
• Abolição da escravatura e imigração
europeia para o Brasil. O imaginário
republicano. (Conteúdo do 4º bimestre).
Habilidades a serem desenvolvidas no
bimestre:
Estabelecer relações entre a Revolução
Francesa e o processo de expansão
napoleônica, analisando as consequências
políticas para os povos da Europa.
• Identificar os principais conceitos e
influências do ideário dos movimentos
revolucionários europeus dos séculos
XVII e XVIII para a identificação das
posições político-partidárias da
atualidade.
• Localizar historicamente as lutas sociais
em defesa da cidadania e da democracia
em diferentes contextos históricos
• Identificar os principais traços da
organização política das sociedades,
reconhecendo o papel das leis em sua
estruturação e organização. Reconhecer
que os processos de formação e
transformação das instituições
político-sociais são resultado de lutas
coletivas.
• Identificar as formas de resistência dos
africanos e afrodescendentes visando à
extinção do trabalho escravo, com ênfase
para os quilombos.
• Relacionar a Lei de Terras, de 1850, ao
processo de substituição da mão de obra
escrava pela dos imigrantes europeus.
• Analisar, a partir de textos, os processos
de transformação histórica, identificando
suas principais características
econômicas, políticas e sociais.
• Analisar criticamente o significado da
construção de diferente marcos
relacionado à formação histórica da
sociedade brasileira.
Temas transversais: Ética e Cidadania/ Política/ Atualidades
Estratégias didáticas
Atividades autodidáticas
Construção de painéis, pesquisas,
leituras, atividades no caderno, Teatro
(Improviso), Seminário e exercícios do
caderno do aluno.
As atividades autodidaticas inseridas de
acordo com a dimensão Procedimental,
que busca autonomia do educando.
Atividades Didáticas - cooperativas
(Debates, trabalhos em grupo, leituras e
analise de textos e imagens). Leitura de
questões do Enem e simulado.
Atividades Complementares
Blog:lucieneluci.blogspot.com.br.O blog
tem como finalidade reforçar os
conceitos trabalhados em sala de aula.
Leitura prévia e atividade extraclasse.
Recuperação
Trabalhar as habilidades em defasagem
quando essas forem diagnosticadas na
disciplina de História e Língua
Portuguesa.
Atividade que evidencie enunciados com
textos históricos, que possibilitem a
interpretação de gêneros verbais e não
verbais.
Valores trabalhados na disciplina
A dimensão atitudinal será abordada implicitamente nos
valores que os educandos entendem por Cidadania e
Democracia, respeitando as etnias e suas culturas.
Critérios de avaliação
Na proposta de avaliação, permanente devem ser considerados
os conteúdos em suas dimensões conceituais, procedimentais e
atitudinais. Inseridos nas atividades propostas, sendo assim
todas as atividades terão o mesmo peso da avaliação conceitual.
Avaliação Global. CONCEITUAL (AVALIAÇÃO / PROVA)
DE 0 A 10PONTOS.
PROCEDIMENTAL (RESOLUÇÃO DE SITUAÇÕES DE
APRENDIZAGEM DURANTE AS AULAS EXPOSITIVAS E
PRÁTICAS) DE 0 A 10 PONTOS.
ATITUDINAL (PARTICIPAÇÃO NAS AULAS PRÁTICAS,
DEBATES, SEMINÁRIOS, ENTRE OUTROS).
Referências
Currículo do Estado de São Paulo: Ciências Humanas e suas
tecnologias/ Secretaria da Educação; coordenação geral, Maria
Inês Fini; coordenação de área Paulo Miceli. – 1. Ed. Atual. –
São Paulo: SE, 2012/ Saresp 2008: Matrizes de referencia para
avaliação: Ciências Humanas, Geografia e História; ensino
fundamental e médio/ Secretaria da Educação; coordenação
geral, Maria Inês Fini. – São Paulo: SEE, 2009/História, 1ª
série: ensino médio/ organizadores Fausto Henrique Gomes
Nogueira, Marcos Alexandre Capelari, 1.ed- São Paulo:
edições SM, 2010- ( História Global ). Caderno do professor/
História.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Programa de ação PEI Adriano Silvestre de Oliveira Junior 2023.pdf
Programa de ação PEI Adriano Silvestre de Oliveira Junior 2023.pdfPrograma de ação PEI Adriano Silvestre de Oliveira Junior 2023.pdf
Programa de ação PEI Adriano Silvestre de Oliveira Junior 2023.pdf
AdrianoSilvestre6
 
Modelo de plano de aula
Modelo de plano de aulaModelo de plano de aula
Modelo de plano de aula
Denise
 
PIAF CARDÁPIO 2023.pdf
PIAF CARDÁPIO 2023.pdfPIAF CARDÁPIO 2023.pdf
PIAF CARDÁPIO 2023.pdf
JlioAlbuquerque5
 
Gabarito+20+questões (1)
Gabarito+20+questões (1)Gabarito+20+questões (1)
Gabarito+20+questões (1)
Inttermed
 
INTERPRETAÇÃO DE TEXTO: CUIDE DAS SUAS ATITUDES – 8º OU 9º ANO
INTERPRETAÇÃO DE TEXTO: CUIDE DAS SUAS ATITUDES – 8º OU 9º ANOINTERPRETAÇÃO DE TEXTO: CUIDE DAS SUAS ATITUDES – 8º OU 9º ANO
INTERPRETAÇÃO DE TEXTO: CUIDE DAS SUAS ATITUDES – 8º OU 9º ANO
Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino
 
Exemplo. plano de aula
Exemplo. plano de aulaExemplo. plano de aula
Exemplo. plano de aula
Bárbara Caldeira
 
I atividade de geografia 5º ano andré
I atividade de geografia 5º ano   andréI atividade de geografia 5º ano   andré
I atividade de geografia 5º ano andré
André Moraes
 
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdfIII Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
André Moraes
 
Sequencia didatica de historia
Sequencia didatica de historiaSequencia didatica de historia
Sequencia didatica de historia
UyaraPortugal
 
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos TalentosasAtividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Alex Santos
 
Gabarito 60 questoes
Gabarito 60 questoesGabarito 60 questoes
Gabarito 60 questoes
Maykon Santos
 
Planejamento 3º ano ( 2ª série )
Planejamento   3º ano ( 2ª série )Planejamento   3º ano ( 2ª série )
Planejamento 3º ano ( 2ª série )
silvinha331
 
Descritores de história
Descritores de históriaDescritores de história
Descritores de história
Angelina Lopes
 
Programa-de-Acao-PEI 2022_MARIA EUGENIA_atualizado.docx
Programa-de-Acao-PEI 2022_MARIA EUGENIA_atualizado.docxPrograma-de-Acao-PEI 2022_MARIA EUGENIA_atualizado.docx
Programa-de-Acao-PEI 2022_MARIA EUGENIA_atualizado.docx
MaxLuisEspinosa
 
Aula 9. modelo de plano de aula
Aula 9. modelo de plano de aulaAula 9. modelo de plano de aula
Aula 9. modelo de plano de aula
Karlla Costa
 
Sequencia didatica hq
Sequencia didatica hqSequencia didatica hq
Sequencia didatica hq
Maria Augusta Vidigal
 
Modelo proposta pedagógica
Modelo proposta pedagógicaModelo proposta pedagógica
Modelo proposta pedagógica
tatyathaydes
 
Cruzadinha de filosofia (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Cruzadinha de filosofia  (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)Cruzadinha de filosofia  (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Cruzadinha de filosofia (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Mary Alvarenga
 
Problemas de-matemática-5º-ano
Problemas de-matemática-5º-anoProblemas de-matemática-5º-ano
Problemas de-matemática-5º-ano
Rosemari Teodoro
 
Plano de ensino matematica
Plano de ensino  matematicaPlano de ensino  matematica
Plano de ensino matematica
simonclark
 

Mais procurados (20)

Programa de ação PEI Adriano Silvestre de Oliveira Junior 2023.pdf
Programa de ação PEI Adriano Silvestre de Oliveira Junior 2023.pdfPrograma de ação PEI Adriano Silvestre de Oliveira Junior 2023.pdf
Programa de ação PEI Adriano Silvestre de Oliveira Junior 2023.pdf
 
Modelo de plano de aula
Modelo de plano de aulaModelo de plano de aula
Modelo de plano de aula
 
PIAF CARDÁPIO 2023.pdf
PIAF CARDÁPIO 2023.pdfPIAF CARDÁPIO 2023.pdf
PIAF CARDÁPIO 2023.pdf
 
Gabarito+20+questões (1)
Gabarito+20+questões (1)Gabarito+20+questões (1)
Gabarito+20+questões (1)
 
INTERPRETAÇÃO DE TEXTO: CUIDE DAS SUAS ATITUDES – 8º OU 9º ANO
INTERPRETAÇÃO DE TEXTO: CUIDE DAS SUAS ATITUDES – 8º OU 9º ANOINTERPRETAÇÃO DE TEXTO: CUIDE DAS SUAS ATITUDES – 8º OU 9º ANO
INTERPRETAÇÃO DE TEXTO: CUIDE DAS SUAS ATITUDES – 8º OU 9º ANO
 
Exemplo. plano de aula
Exemplo. plano de aulaExemplo. plano de aula
Exemplo. plano de aula
 
I atividade de geografia 5º ano andré
I atividade de geografia 5º ano   andréI atividade de geografia 5º ano   andré
I atividade de geografia 5º ano andré
 
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdfIII Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
III Atividade Avaliativa de História 4º e 5º ano pdf
 
Sequencia didatica de historia
Sequencia didatica de historiaSequencia didatica de historia
Sequencia didatica de historia
 
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos TalentosasAtividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
 
Gabarito 60 questoes
Gabarito 60 questoesGabarito 60 questoes
Gabarito 60 questoes
 
Planejamento 3º ano ( 2ª série )
Planejamento   3º ano ( 2ª série )Planejamento   3º ano ( 2ª série )
Planejamento 3º ano ( 2ª série )
 
Descritores de história
Descritores de históriaDescritores de história
Descritores de história
 
Programa-de-Acao-PEI 2022_MARIA EUGENIA_atualizado.docx
Programa-de-Acao-PEI 2022_MARIA EUGENIA_atualizado.docxPrograma-de-Acao-PEI 2022_MARIA EUGENIA_atualizado.docx
Programa-de-Acao-PEI 2022_MARIA EUGENIA_atualizado.docx
 
Aula 9. modelo de plano de aula
Aula 9. modelo de plano de aulaAula 9. modelo de plano de aula
Aula 9. modelo de plano de aula
 
Sequencia didatica hq
Sequencia didatica hqSequencia didatica hq
Sequencia didatica hq
 
Modelo proposta pedagógica
Modelo proposta pedagógicaModelo proposta pedagógica
Modelo proposta pedagógica
 
Cruzadinha de filosofia (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Cruzadinha de filosofia  (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)Cruzadinha de filosofia  (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
Cruzadinha de filosofia (Ética e moral – O problema da ação e dos valores)
 
Problemas de-matemática-5º-ano
Problemas de-matemática-5º-anoProblemas de-matemática-5º-ano
Problemas de-matemática-5º-ano
 
Plano de ensino matematica
Plano de ensino  matematicaPlano de ensino  matematica
Plano de ensino matematica
 

Destaque

Guia de aprendizagem 1.⺠b
Guia de aprendizagem 1.⺠bGuia de aprendizagem 1.⺠b
Guia de aprendizagem 1.⺠b
ensinointegral
 
Guia de aprendizagem 1º ano 2015
Guia de aprendizagem 1º ano  2015Guia de aprendizagem 1º ano  2015
Guia de aprendizagem 1º ano 2015
Eduardo Oliveira
 
Guia de aprendizagem 2ºbimestre copia
Guia de aprendizagem 2ºbimestre   copiaGuia de aprendizagem 2ºbimestre   copia
Guia de aprendizagem 2ºbimestre copia
Eduardo Oliveira
 
Guia de aprendizagem física 2º ano 1º bim
Guia de aprendizagem física 2º ano 1º bim Guia de aprendizagem física 2º ano 1º bim
Guia de aprendizagem física 2º ano 1º bim
Emanuel Alves
 
Guia de aprendizagem 3º ano 2º semestre-2015
Guia de aprendizagem  3º ano  2º semestre-2015Guia de aprendizagem  3º ano  2º semestre-2015
Guia de aprendizagem 3º ano 2º semestre-2015
Eduardo Oliveira
 
Guia de aprendizagem - Espanhol
Guia de aprendizagem - EspanholGuia de aprendizagem - Espanhol
Guia de aprendizagem - Espanhol
escolabraulio
 
Planejemanto de inglês 1º ano do ensino médio
Planejemanto de inglês   1º ano do ensino médioPlanejemanto de inglês   1º ano do ensino médio
Planejemanto de inglês 1º ano do ensino médio
Isabel Araujo
 
2º a.denise química-pdf
2º a.denise química-pdf2º a.denise química-pdf
2º a.denise química-pdf
Fatima Moraes
 
2º a.ezequiel matemática-pdf
2º a.ezequiel matemática-pdf2º a.ezequiel matemática-pdf
2º a.ezequiel matemática-pdf
Fatima Moraes
 
Guia de aprendizagem - Inglês
Guia de aprendizagem - InglêsGuia de aprendizagem - Inglês
Guia de aprendizagem - Inglês
escolabraulio
 
8º ano a inglês
8º ano a inglês8º ano a inglês
8º ano a inglês
Fatima Moraes
 
6º a marcos-historia
6º a marcos-historia6º a marcos-historia
6º a marcos-historia
Fatima Moraes
 
1º a, b ezequiel-matem
1º a, b ezequiel-matem1º a, b ezequiel-matem
1º a, b ezequiel-matem
Fatima Moraes
 
1º a, b.edinaldo geo-pdf
1º a, b.edinaldo geo-pdf1º a, b.edinaldo geo-pdf
1º a, b.edinaldo geo-pdf
Fatima Moraes
 
1º a. b denise-química
1º a. b denise-química1º a. b denise-química
1º a. b denise-química
Fatima Moraes
 
Planejemantodeingls 1anodoensinomdio-120305175312-phpapp01
Planejemantodeingls 1anodoensinomdio-120305175312-phpapp01Planejemantodeingls 1anodoensinomdio-120305175312-phpapp01
Planejemantodeingls 1anodoensinomdio-120305175312-phpapp01
Flavia Peres
 
A www e o ensino de ingles
A www e o ensino de inglesA www e o ensino de ingles
A www e o ensino de ingles
NayaraCordeiro
 
Article in RAMPRAHAR by Santosh Takale(2013-14)
Article in RAMPRAHAR by Santosh Takale(2013-14)Article in RAMPRAHAR by Santosh Takale(2013-14)
Article in RAMPRAHAR by Santosh Takale(2013-14)
Santosh Takale
 
2º a.edinaldo geo-pdf
2º a.edinaldo geo-pdf2º a.edinaldo geo-pdf
2º a.edinaldo geo-pdf
Fatima Moraes
 
Guia de aprendizagem - Química
Guia de aprendizagem - QuímicaGuia de aprendizagem - Química
Guia de aprendizagem - Química
escolabraulio
 

Destaque (20)

Guia de aprendizagem 1.⺠b
Guia de aprendizagem 1.⺠bGuia de aprendizagem 1.⺠b
Guia de aprendizagem 1.⺠b
 
Guia de aprendizagem 1º ano 2015
Guia de aprendizagem 1º ano  2015Guia de aprendizagem 1º ano  2015
Guia de aprendizagem 1º ano 2015
 
Guia de aprendizagem 2ºbimestre copia
Guia de aprendizagem 2ºbimestre   copiaGuia de aprendizagem 2ºbimestre   copia
Guia de aprendizagem 2ºbimestre copia
 
Guia de aprendizagem física 2º ano 1º bim
Guia de aprendizagem física 2º ano 1º bim Guia de aprendizagem física 2º ano 1º bim
Guia de aprendizagem física 2º ano 1º bim
 
Guia de aprendizagem 3º ano 2º semestre-2015
Guia de aprendizagem  3º ano  2º semestre-2015Guia de aprendizagem  3º ano  2º semestre-2015
Guia de aprendizagem 3º ano 2º semestre-2015
 
Guia de aprendizagem - Espanhol
Guia de aprendizagem - EspanholGuia de aprendizagem - Espanhol
Guia de aprendizagem - Espanhol
 
Planejemanto de inglês 1º ano do ensino médio
Planejemanto de inglês   1º ano do ensino médioPlanejemanto de inglês   1º ano do ensino médio
Planejemanto de inglês 1º ano do ensino médio
 
2º a.denise química-pdf
2º a.denise química-pdf2º a.denise química-pdf
2º a.denise química-pdf
 
2º a.ezequiel matemática-pdf
2º a.ezequiel matemática-pdf2º a.ezequiel matemática-pdf
2º a.ezequiel matemática-pdf
 
Guia de aprendizagem - Inglês
Guia de aprendizagem - InglêsGuia de aprendizagem - Inglês
Guia de aprendizagem - Inglês
 
8º ano a inglês
8º ano a inglês8º ano a inglês
8º ano a inglês
 
6º a marcos-historia
6º a marcos-historia6º a marcos-historia
6º a marcos-historia
 
1º a, b ezequiel-matem
1º a, b ezequiel-matem1º a, b ezequiel-matem
1º a, b ezequiel-matem
 
1º a, b.edinaldo geo-pdf
1º a, b.edinaldo geo-pdf1º a, b.edinaldo geo-pdf
1º a, b.edinaldo geo-pdf
 
1º a. b denise-química
1º a. b denise-química1º a. b denise-química
1º a. b denise-química
 
Planejemantodeingls 1anodoensinomdio-120305175312-phpapp01
Planejemantodeingls 1anodoensinomdio-120305175312-phpapp01Planejemantodeingls 1anodoensinomdio-120305175312-phpapp01
Planejemantodeingls 1anodoensinomdio-120305175312-phpapp01
 
A www e o ensino de ingles
A www e o ensino de inglesA www e o ensino de ingles
A www e o ensino de ingles
 
Article in RAMPRAHAR by Santosh Takale(2013-14)
Article in RAMPRAHAR by Santosh Takale(2013-14)Article in RAMPRAHAR by Santosh Takale(2013-14)
Article in RAMPRAHAR by Santosh Takale(2013-14)
 
2º a.edinaldo geo-pdf
2º a.edinaldo geo-pdf2º a.edinaldo geo-pdf
2º a.edinaldo geo-pdf
 
Guia de aprendizagem - Química
Guia de aprendizagem - QuímicaGuia de aprendizagem - Química
Guia de aprendizagem - Química
 

Semelhante a Guia de aprendizagem 2º ano 2º semestre-2015

8º a marcos-história
8º a marcos-história8º a marcos-história
8º a marcos-história
Fatima Moraes
 
9º a, b, c marcos-história
9º a, b, c marcos-história9º a, b, c marcos-história
9º a, b, c marcos-história
Fatima Moraes
 
Cbc de História anos finais
Cbc de História anos finaisCbc de História anos finais
Cbc de História anos finais
André Pereira Rocha
 
2028 6878-1-pb
2028 6878-1-pb2028 6878-1-pb
2028 6878-1-pb
Colégio Ferreira Alves
 
A história na educação básica selva
A história na educação básica selvaA história na educação básica selva
A história na educação básica selva
Célia Barros
 
O Que é CurríCulo1
O Que é CurríCulo1O Que é CurríCulo1
O Que é CurríCulo1
Maria de Fátima Garcia
 
sismedio - CadernoI- Integração e interdisciplinaridade no ensino secundário ...
sismedio - CadernoI- Integração e interdisciplinaridade no ensino secundário ...sismedio - CadernoI- Integração e interdisciplinaridade no ensino secundário ...
sismedio - CadernoI- Integração e interdisciplinaridade no ensino secundário ...
Lydia Rocha
 
integração e interdisciplinaridade no ensino secundário brasileiro
  integração e interdisciplinaridade no ensino secundário brasileiro  integração e interdisciplinaridade no ensino secundário brasileiro
integração e interdisciplinaridade no ensino secundário brasileiro
Lydia Rocha
 
2º a.antônia filosofia-pdf
2º a.antônia filosofia-pdf2º a.antônia filosofia-pdf
2º a.antônia filosofia-pdf
Fatima Moraes
 
46 163-1-pb
46 163-1-pb46 163-1-pb
Plano de ação luiz 2011
Plano de ação luiz 2011Plano de ação luiz 2011
Plano de ação luiz 2011
lucavao2010
 
Currículo referência história 6º ao 9º ano
Currículo referência história 6º ao 9º anoCurrículo referência história 6º ao 9º ano
Currículo referência história 6º ao 9º ano
tecnicossme
 
Plano de curso sociologia
Plano de curso sociologiaPlano de curso sociologia
Plano de curso sociologia
kelton68
 
Unidade 3 atividade_2_fabiana
Unidade 3 atividade_2_fabianaUnidade 3 atividade_2_fabiana
Unidade 3 atividade_2_fabiana
elzazanatta
 
3_ANO_EM_CI_HUMANAS_PLANO_DE_CURSO_2024_ENSINO_MEDIO.pdf
3_ANO_EM_CI_HUMANAS_PLANO_DE_CURSO_2024_ENSINO_MEDIO.pdf3_ANO_EM_CI_HUMANAS_PLANO_DE_CURSO_2024_ENSINO_MEDIO.pdf
3_ANO_EM_CI_HUMANAS_PLANO_DE_CURSO_2024_ENSINO_MEDIO.pdf
LucasSouza869164
 
427 historia do_brasil_2013-01-16_200122
427 historia do_brasil_2013-01-16_200122427 historia do_brasil_2013-01-16_200122
427 historia do_brasil_2013-01-16_200122
Dany Pereira
 
CORRADI Síntese de clases. Profesorado para la educacion secundaria en port...
CORRADI  Síntese de clases. Profesorado para la educacion secundaria en port...CORRADI  Síntese de clases. Profesorado para la educacion secundaria en port...
CORRADI Síntese de clases. Profesorado para la educacion secundaria en port...
fabriciosena9
 
Projeto memórias programação1
Projeto memórias programação1Projeto memórias programação1
Projeto memórias programação1
Olimpio Falconieri
 
1º a, b antonia-sociologia
1º a, b antonia-sociologia1º a, b antonia-sociologia
1º a, b antonia-sociologia
Fatima Moraes
 
Educacao ed1
Educacao ed1Educacao ed1
Educacao ed1
Gleide Alcântara
 

Semelhante a Guia de aprendizagem 2º ano 2º semestre-2015 (20)

8º a marcos-história
8º a marcos-história8º a marcos-história
8º a marcos-história
 
9º a, b, c marcos-história
9º a, b, c marcos-história9º a, b, c marcos-história
9º a, b, c marcos-história
 
Cbc de História anos finais
Cbc de História anos finaisCbc de História anos finais
Cbc de História anos finais
 
2028 6878-1-pb
2028 6878-1-pb2028 6878-1-pb
2028 6878-1-pb
 
A história na educação básica selva
A história na educação básica selvaA história na educação básica selva
A história na educação básica selva
 
O Que é CurríCulo1
O Que é CurríCulo1O Que é CurríCulo1
O Que é CurríCulo1
 
sismedio - CadernoI- Integração e interdisciplinaridade no ensino secundário ...
sismedio - CadernoI- Integração e interdisciplinaridade no ensino secundário ...sismedio - CadernoI- Integração e interdisciplinaridade no ensino secundário ...
sismedio - CadernoI- Integração e interdisciplinaridade no ensino secundário ...
 
integração e interdisciplinaridade no ensino secundário brasileiro
  integração e interdisciplinaridade no ensino secundário brasileiro  integração e interdisciplinaridade no ensino secundário brasileiro
integração e interdisciplinaridade no ensino secundário brasileiro
 
2º a.antônia filosofia-pdf
2º a.antônia filosofia-pdf2º a.antônia filosofia-pdf
2º a.antônia filosofia-pdf
 
46 163-1-pb
46 163-1-pb46 163-1-pb
46 163-1-pb
 
Plano de ação luiz 2011
Plano de ação luiz 2011Plano de ação luiz 2011
Plano de ação luiz 2011
 
Currículo referência história 6º ao 9º ano
Currículo referência história 6º ao 9º anoCurrículo referência história 6º ao 9º ano
Currículo referência história 6º ao 9º ano
 
Plano de curso sociologia
Plano de curso sociologiaPlano de curso sociologia
Plano de curso sociologia
 
Unidade 3 atividade_2_fabiana
Unidade 3 atividade_2_fabianaUnidade 3 atividade_2_fabiana
Unidade 3 atividade_2_fabiana
 
3_ANO_EM_CI_HUMANAS_PLANO_DE_CURSO_2024_ENSINO_MEDIO.pdf
3_ANO_EM_CI_HUMANAS_PLANO_DE_CURSO_2024_ENSINO_MEDIO.pdf3_ANO_EM_CI_HUMANAS_PLANO_DE_CURSO_2024_ENSINO_MEDIO.pdf
3_ANO_EM_CI_HUMANAS_PLANO_DE_CURSO_2024_ENSINO_MEDIO.pdf
 
427 historia do_brasil_2013-01-16_200122
427 historia do_brasil_2013-01-16_200122427 historia do_brasil_2013-01-16_200122
427 historia do_brasil_2013-01-16_200122
 
CORRADI Síntese de clases. Profesorado para la educacion secundaria en port...
CORRADI  Síntese de clases. Profesorado para la educacion secundaria en port...CORRADI  Síntese de clases. Profesorado para la educacion secundaria en port...
CORRADI Síntese de clases. Profesorado para la educacion secundaria en port...
 
Projeto memórias programação1
Projeto memórias programação1Projeto memórias programação1
Projeto memórias programação1
 
1º a, b antonia-sociologia
1º a, b antonia-sociologia1º a, b antonia-sociologia
1º a, b antonia-sociologia
 
Educacao ed1
Educacao ed1Educacao ed1
Educacao ed1
 

Último

Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
silvamelosilva300
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
KleginaldoPaz2
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
WelberMerlinCardoso
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
profesfrancleite
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
wagnermorais28
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
rloureiro1
 

Último (20)

Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdfO Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
O Mito da Caverna de Platão_ Uma Jornada em Busca da Verdade.pdf
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vidakarl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
karl marx biografia resumida com suas obras e história de vida
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert EinsteinA Evolução da história da Física - Albert Einstein
A Evolução da história da Física - Albert Einstein
 
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do AssaréFamílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
Famílias Que Contribuíram Para O Crescimento Do Assaré
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números RacionaisPotenciação e Radiciação de Números Racionais
Potenciação e Radiciação de Números Racionais
 
As sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativasAs sequências didáticas: práticas educativas
As sequências didáticas: práticas educativas
 

Guia de aprendizagem 2º ano 2º semestre-2015

  • 1. Escola: EE Reverendo Tércio Moraes Pereira 2015 Professor: Luciene Almeida Lima Disciplina: História Série e turma: 2º A, B, C e D. 2015 Bimestre: (3º e 4º) Semestral Justificativa do conteúdo do Bimestre: Além desse aspecto, o educando deverá ser capaz de refletir sobre si mesmo, reconhecendo-se como integrante dependente e agente transformador do ambiente, cuidando para preservá-lo e assumindo posturas e atitudes de intervenção solidária na sociedade, visando à conquista de níveis elevados de qualidade de vida para si e para o conjunto dos cidadãos. Objetivo Os estudantes devem desenvolver um posicionamento crítico frente aos problemas que afetam a vida social, reconhecendo o diálogo como ponto de partida fundamental para a tomada de decisões coletivas. Por conta de nossa formação sócio-his- tórica, dá-se especial ênfase à questão da identidade: no que se relaciona ao universo social mais amplo da nacionalidade, como no âmbito individual, apontando-se como básico o conhecimento das características fundamentais do Brasil (sociais, materiais e culturais) e o reconhecimento e a valorização da pluralidade que constitui o patrimônio sociocultural brasileiro, assim como o de outros povos e nações. Conteúdos da disciplina: (Continuação do 2º bimestre) Formação dos Estados Absolutistas Europeus Encontros entre europeus e as civilizações da África, da Ásia e da America. Sistemas coloniais europeus/ A America Colonial Revolução Inglesa Iluminismo Independência dos Estados Unidos da America. Revolução Francesa e Império Napoleônico. Processos de independência e formação territorial na América Latina A Revolução Industrial inglesa A luta por direitos sociais no século XIX • Socialismo, comunismo e anarquismo. (Conteúdo do 3º bimestre). Estados Unidos da América no século XIX • Expansão para o oeste e guerra civil Segundo Reinado no Brasil • Abolição da escravatura e imigração europeia para o Brasil. O imaginário republicano. (Conteúdo do 4º bimestre). Habilidades a serem desenvolvidas no bimestre: Estabelecer relações entre a Revolução Francesa e o processo de expansão napoleônica, analisando as consequências políticas para os povos da Europa. • Identificar os principais conceitos e influências do ideário dos movimentos revolucionários europeus dos séculos XVII e XVIII para a identificação das posições político-partidárias da atualidade. • Localizar historicamente as lutas sociais em defesa da cidadania e da democracia em diferentes contextos históricos • Identificar os principais traços da organização política das sociedades, reconhecendo o papel das leis em sua estruturação e organização. Reconhecer que os processos de formação e transformação das instituições político-sociais são resultado de lutas coletivas. • Identificar as formas de resistência dos africanos e afrodescendentes visando à extinção do trabalho escravo, com ênfase para os quilombos. • Relacionar a Lei de Terras, de 1850, ao processo de substituição da mão de obra escrava pela dos imigrantes europeus. • Analisar, a partir de textos, os processos de transformação histórica, identificando suas principais características econômicas, políticas e sociais. • Analisar criticamente o significado da construção de diferente marcos relacionado à formação histórica da sociedade brasileira. Temas transversais: Ética e Cidadania/ Política/ Atualidades Estratégias didáticas Atividades autodidáticas Construção de painéis, pesquisas, leituras, atividades no caderno, Teatro (Improviso), Seminário e exercícios do caderno do aluno. As atividades autodidaticas inseridas de acordo com a dimensão Procedimental, que busca autonomia do educando. Atividades Didáticas - cooperativas (Debates, trabalhos em grupo, leituras e analise de textos e imagens). Leitura de questões do Enem e simulado. Atividades Complementares Blog:lucieneluci.blogspot.com.br.O blog tem como finalidade reforçar os conceitos trabalhados em sala de aula. Leitura prévia e atividade extraclasse. Recuperação Trabalhar as habilidades em defasagem quando essas forem diagnosticadas na disciplina de História e Língua Portuguesa. Atividade que evidencie enunciados com textos históricos, que possibilitem a interpretação de gêneros verbais e não verbais. Valores trabalhados na disciplina A dimensão atitudinal será abordada implicitamente nos valores que os educandos entendem por Cidadania e Democracia, respeitando as etnias e suas culturas. Critérios de avaliação Na proposta de avaliação, permanente devem ser considerados os conteúdos em suas dimensões conceituais, procedimentais e atitudinais. Inseridos nas atividades propostas, sendo assim todas as atividades terão o mesmo peso da avaliação conceitual.
  • 2. Avaliação Global. CONCEITUAL (AVALIAÇÃO / PROVA) DE 0 A 10PONTOS. PROCEDIMENTAL (RESOLUÇÃO DE SITUAÇÕES DE APRENDIZAGEM DURANTE AS AULAS EXPOSITIVAS E PRÁTICAS) DE 0 A 10 PONTOS. ATITUDINAL (PARTICIPAÇÃO NAS AULAS PRÁTICAS, DEBATES, SEMINÁRIOS, ENTRE OUTROS). Referências Currículo do Estado de São Paulo: Ciências Humanas e suas tecnologias/ Secretaria da Educação; coordenação geral, Maria Inês Fini; coordenação de área Paulo Miceli. – 1. Ed. Atual. – São Paulo: SE, 2012/ Saresp 2008: Matrizes de referencia para avaliação: Ciências Humanas, Geografia e História; ensino fundamental e médio/ Secretaria da Educação; coordenação geral, Maria Inês Fini. – São Paulo: SEE, 2009/História, 1ª série: ensino médio/ organizadores Fausto Henrique Gomes Nogueira, Marcos Alexandre Capelari, 1.ed- São Paulo: edições SM, 2010- ( História Global ). Caderno do professor/ História.