SlideShare uma empresa Scribd logo
DEMOCRACIA E CIDADANIA
PARTICIPAÇÃO POLÍTICA
Democracia e cidadania
1. O que é Política:
o Política é a ciência do governo de um Estado ou Nação
e a arte de negociação em compatibilizar interesses.
o O termo (do grego politiká), deriva de polis e designa
aquilo que é público. O significado de política é muito
abrangente e relacionando – se com o espaço público.
o No séc. V a. C. foi um termo amplamente usado em
Atenas e Aristóteles (Política) definiu o ser humano
como um animal político (zoon politikon).
Democracia e cidadania
2. Democracia: modelos
Democracia Grega:
o Participação direta dos cidadãos na cidade.
o Ação política em função do bem comum.
o O princípio de isonomia manifesta – se na
participação e nas decisões coletivas.
o Para preservar a igualdade e os direitos dos
cidadãos tornou – se elitista e excludente.
Democracia e cidadania
Democracia moderna:
o Política por representação, pois a ampliação da
cidadania inviabilizou a participação direta.
o Inspiração iluminista, a liberdade (não a igualdade)
entre os cidadãos passa a ser o valor essencial.
o A representação não excluiu a participação direta,
pois o plebiscito permite a manifestação da
vontade dos cidadãos.
“O Estado é soberano e deve
expressar a vontade geral.”
Rousseau
Democracia e cidadania
3. Independência dos EUA – 1776:
“Todos os homens nasceram iguais e receberam de seu
criador direitos inalienáveis; dentre esses direitos estão:
a vida, a liberdade, a felicidade.
E é para assegurar esses direitos
que os governos foram instituídos.
Todas as vezes que uma forma de governo
torna –se destruidora desse fim, o povo está no direito
de aboli – la ou modifica – la.”
(Thomas Jefferson – 04/07/1776)
Democracia e cidadania
4. Democracia e participação consciente
Democracias maduras:
o Estruturadas, usa canais de comunicação entre
Estado e sociedade civil (escola, mídia), na
construção da participação consciente.
Democracias recentes:
o Precariedade nos canais de comunicação, com
cidadãos desinformados, fraca ação popular.
Desvirtuamentos da Democracia:
o A omissão e a apatia dos cidadãos favorecem a
“privatização” o aparelhamento do Estado.
o Os detentores do poder usam a democracia em
benefício próprio (corrupção).
o Quantos mais complexos os temas e maior a
exigência de leitura e compreensão, menor o
debate, aumentando o desinteresse por política.
“O pior analfabeto é o analfabeto político. Ele não ouve,
não fala, nem participa dos acontecimentos políticos.”
Bertold Brecht
Democracia e cidadania
“O analfabeto político é tão burro que se orgulha e estufa o
peito dizendo que odeia a política.
Não sabe o imbecil que, da sua ignorância política, nascem
a prostituta, o menor abandonado, e o pior de todos os
bandidos, que é o político vigarista, pilantra, corrupto.”
(Bertold Brecht)
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Reflexões:
o Num país em que sobram desinformação, omissão
e passividade, a Democracia torna – se frágil.
o Há tendência a culpar – se a Democracia pelos
problemas vividos.
o Num contexto de crise dificulta – se o
amadurecimento democrático, apoiando – se e
favorecendo a instalação de regimes autoritários.
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
5. Movimentos Sociais
Movimento Operário (séc. XVIII – XX):
o Revoltados com os efeitos da Revolução Industrial,
os operários organizaram – se em Sindicatos,
fizeram greves reivindicando direitos trabalhistas
(jornada de 8 horas, férias, horas extras, etc.).
o As conquistas levaram às ideias socialistas e à
criação dos partidos políticos operários.
Democracia e cidadania
Movimentos Feministas:
o As revoluções liberais criaram a consciência da
mulher como um ser autônomo, capaz de tomar
suas próprias decisões e de lutar por seus próprios
desejos e direitos.
o 1789: Olympe de Gouges, revolucionária, lança o
manifesto “Declaração dos Direitos da Mulher”,
questionando a Declaração dos Direitos do Homem
com cidadania restrita aos homens.
o Questionava – se a falta de direitos às mulheres.
Democracia e cidadania
“Não se nasce mulher, torna – se mulher.” (Simone de Beauvoir)
o A hierarquização dos sexos é construção social e
não uma questão biológica.
o A condição de inferioridade da mulher é uma
construção da sociedade patriarcal.
o O feminismo, além dos direitos pela igualdade de
direitos, incorpora a discussão acerca das raízes
culturais da desigualdade entre os sexos.
Democracia e cidadania
o08/03/1857: Nova York – 129 operárias morreram
queimadas numa fábrica têxtil, por reivindicarem:
redução na jornada de trabalho, de 16 hs/dia, para
10 hs/dia, melhores salários, e licença-maternidade.
o 1879/1887: Brasil – mulheres em ensino superior:
Direito, Medicina.
o 1860/1920: Sufragistas – luta pelo direito de votar.
o 1932: Brasil – direito de voto às mulheres.
Democracia e cidadania
o 1960/80: Brasil – anticoncepcional, divórcio,
Delegacia de Defesa da Mulher.
o 1988 – Brasil: “homens e mulheres são iguais em
direitos e obrigações".
o 2006 – Brasil: Lei Maria da Penha (11. 340) cria
“mecanismos para coibir e prevenir a violência
doméstica e familiar contra a mulher”.
o 2015 – Brasil: Lei do Feminicídio (13.104).
Democracia e cidadania
o O feminicídio é um problema global. É crime
praticado com requintes de crueldade e terror pela
carga de ódio, na sua grande maioria, quando as
mulheres terminam uma relação afetiva.
o São impedidas no direito de decidir sobre as suas
vidas, com quem vão se relacionar e a maneira
como a relação afetiva vai terminar.
Hippies – anos 1950/60
“Make love, not war”
o EUA: Lutas pelos direitos civis dos negros e
movimentos feministas.
o Movimento opôs – se à Guerra do Vietnã, ao
consumismo, às regras e ao conservadorismo.
o Defendiam paz, amor, liberdade.
o Vida nômade, em comunidade e em harmonia
com a natureza.
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Passeata dos Cem Mil (26/06/1968)
o Manifestação popular contra a Ditadura Militar
ocorrida na cidade do Rio de Janeiro, organizada
pelo movimento estudantil e que contou com a
participação de artistas, intelectuais e outros.
o Prisões e arbitrariedades eram as marcas da ação
do governo militar, relativamente às crescentes
manifestações de protesto dos estudantes contra a
ditadura que se instalara no país, em 1964.
Democracia e cidadania
Resistência à Ditadura Militar – 1964 a 1985
“É proibido proibir”!
o Jovens comunistas militaram na luta armada
contra a Ditadura.
o Grupos: MR 8, VPR, ANL.
o Muitos exilados, desaparecidos ou mortos.
o Símbolo de resistência.
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Redemocratização
Campanha pela Anistia (anos 1970)
o A campanha pela “Anistia Ampla, Geral e
Irrestrita” de presos e exilados políticos e envolveu
intelectuais, artistas, jornalistas, políticos
progressistas, religiosos, sindicalistas e estudantes,
no final dos anos 70, organizada pelo Comitê
Brasileiro pela Anistia (CBA).
Democracia e cidadania
Diretas Já (1983/1984):
o Movimento que reivindicava eleições diretas para
Presidente da República.
o A possibilidade de eleições diretas passaria pela
aprovação da Emenda Dante de Oliveira.
o A população foi às ruas pressionar a Câmara dos
Deputados, mas a emenda foi rejeitada.
o 1985: Tancredo/Sarney eleitos indiretamente.
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Caras Pintadas – 1992
o Movimento “Fora Collor”.
o Contra: corrupção e esquemas.
o Pela Ética na Política.
o Pelo “impeachment” de Collor.
o Em tom de humor e ironia, os caras – pintadas
tornaram-se ícones de um novo modo de fazer
democracia, protestando e reivindicando.
o Collor renunciou e perdeu seus direitos políticos.
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Nova República (1985 – 2014)
Primavera Brasileira – Vem pra rua – 2013/2014
o Contra os aumentos nas tarifas do transporte público.
o Os protestos se ampliaram: violência policial, gastos
públicos com a Copa, má qualidade dos serviços
públicos e indignação com a corrupção e o PT.
o Aumentos de tarifas foram revogadas, o Congresso
tornou corrupção crime hediondo, arquivou a PEC 37
e proibiu o voto secreto na cassação de mandatos.
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Democracia e cidadania
Lutas e reivindicações contemporâneas:
o Meio ambiente: desenvolvimento sustentável.
o Reforma agrária.
o Movimentos dos trabalhadores sem teto.
o Homofobia – movimento LGBT – união civil gay.
o Maioridade penal.
o Movimento negro.
Democracia e cidadania
“Não adianta olhar pro céu
Com muita fé e pouca luta
Não adianta olhar pro chão
Virar a cara pra não ver”
Até quando você vai ficar usando rédea?
Rindo da própria tragédia?
Até quando você vai levando? (Porrada! Porrada!)
Até quando vai ficar sem fazer nada?
Até quando você vai levando? (Porrada! Porrada!)
Até quando vai ser saco de pancada?
Muda, quando a gente muda o mundo muda com a gente.
A gente muda o mundo na mudança da mente.
E quando a mente muda a gente anda pra frente.
E quando a gente manda ninguém manda na gente!
Na mudança de atitude não há mal que não se mude,
nem doença sem cura!
Na mudança de postura a gente fica mais seguro!
Na mudança do presente a gente molda o futuro!
(Gabriel, o pensador – Até Quando)
Democracia e cidadania

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cidadania e participação social
Cidadania e participação socialCidadania e participação social
Cidadania e participação social
Edenilson Morais
 
Direitos,cidadania e movimentos sociais
Direitos,cidadania e movimentos sociaisDireitos,cidadania e movimentos sociais
Direitos,cidadania e movimentos sociais
Eralda Cruz
 
HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA CIDADANIA E DEMOCRACIA
HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA  CIDADANIA E DEMOCRACIAHISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA  CIDADANIA E DEMOCRACIA
HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA CIDADANIA E DEMOCRACIA
Allan Vieira
 
Cidadania moderna direitos civis
Cidadania moderna   direitos civisCidadania moderna   direitos civis
Cidadania moderna direitos civis
Manoelito Filho Soares
 
Sociologia Capítulo 12 - poder, política e Estado no Brasil
Sociologia Capítulo 12 - poder, política e Estado no BrasilSociologia Capítulo 12 - poder, política e Estado no Brasil
Sociologia Capítulo 12 - poder, política e Estado no Brasil
Miro Santos
 
Cidadania no brasil juli
Cidadania no brasil   juliCidadania no brasil   juli
Cidadania no brasil juli
Juli Rossi
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 14 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 14 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 14 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 14 do Tomazi
pascoalnaib
 
Exercício sobre a democracia no Brasil 3º ano
Exercício sobre a democracia no Brasil   3º anoExercício sobre a democracia no Brasil   3º ano
Exercício sobre a democracia no Brasil 3º ano
Antônio Marques Sobrinho
 
Aula 2 com e cidadania-versao final
Aula 2   com e cidadania-versao finalAula 2   com e cidadania-versao final
Aula 2 com e cidadania-versao final
UFSM
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Os direitos humanos e a cidadania
Os direitos humanos e a cidadaniaOs direitos humanos e a cidadania
Os direitos humanos e a cidadania
DaniNascimento13
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
geehrodrigues
 
Captulo14 130404212649-phpapp01
Captulo14 130404212649-phpapp01Captulo14 130404212649-phpapp01
Captulo14 130404212649-phpapp01
Marcelo Resende De Carvalho
 
Captulo14 130404212649-phpapp01 (1)
Captulo14 130404212649-phpapp01 (1)Captulo14 130404212649-phpapp01 (1)
Captulo14 130404212649-phpapp01 (1)
homago
 
Direitos, cidadania e movimentos sociais
Direitos, cidadania e movimentos sociaisDireitos, cidadania e movimentos sociais
Direitos, cidadania e movimentos sociais
Ariella Araujo
 
Aula 2 Sociedade civil e democracia - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 2  Sociedade civil e democracia - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAula 2  Sociedade civil e democracia - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 2 Sociedade civil e democracia - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Prof. Noe Assunção
 
História da Cidadania
História da CidadaniaHistória da Cidadania
História da Cidadania
Emerson Ribeiro
 
Estados modernos e cidadania
Estados modernos e cidadaniaEstados modernos e cidadania
Estados modernos e cidadania
Thiago OLiveira da Silva
 
Cidadania no brasil
Cidadania no brasilCidadania no brasil
Cidadania no brasil
Isabela Espíndola
 
Cidadania no Brasil
Cidadania no BrasilCidadania no Brasil
Cidadania no Brasil
Lívia Gabriel
 

Mais procurados (20)

Cidadania e participação social
Cidadania e participação socialCidadania e participação social
Cidadania e participação social
 
Direitos,cidadania e movimentos sociais
Direitos,cidadania e movimentos sociaisDireitos,cidadania e movimentos sociais
Direitos,cidadania e movimentos sociais
 
HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA CIDADANIA E DEMOCRACIA
HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA  CIDADANIA E DEMOCRACIAHISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA  CIDADANIA E DEMOCRACIA
HISTÓRIA DA CONSTRUÇÃO DA CIDADANIA CIDADANIA E DEMOCRACIA
 
Cidadania moderna direitos civis
Cidadania moderna   direitos civisCidadania moderna   direitos civis
Cidadania moderna direitos civis
 
Sociologia Capítulo 12 - poder, política e Estado no Brasil
Sociologia Capítulo 12 - poder, política e Estado no BrasilSociologia Capítulo 12 - poder, política e Estado no Brasil
Sociologia Capítulo 12 - poder, política e Estado no Brasil
 
Cidadania no brasil juli
Cidadania no brasil   juliCidadania no brasil   juli
Cidadania no brasil juli
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 14 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 14 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 14 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 14 do Tomazi
 
Exercício sobre a democracia no Brasil 3º ano
Exercício sobre a democracia no Brasil   3º anoExercício sobre a democracia no Brasil   3º ano
Exercício sobre a democracia no Brasil 3º ano
 
Aula 2 com e cidadania-versao final
Aula 2   com e cidadania-versao finalAula 2   com e cidadania-versao final
Aula 2 com e cidadania-versao final
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
 
Os direitos humanos e a cidadania
Os direitos humanos e a cidadaniaOs direitos humanos e a cidadania
Os direitos humanos e a cidadania
 
Cidadania
CidadaniaCidadania
Cidadania
 
Captulo14 130404212649-phpapp01
Captulo14 130404212649-phpapp01Captulo14 130404212649-phpapp01
Captulo14 130404212649-phpapp01
 
Captulo14 130404212649-phpapp01 (1)
Captulo14 130404212649-phpapp01 (1)Captulo14 130404212649-phpapp01 (1)
Captulo14 130404212649-phpapp01 (1)
 
Direitos, cidadania e movimentos sociais
Direitos, cidadania e movimentos sociaisDireitos, cidadania e movimentos sociais
Direitos, cidadania e movimentos sociais
 
Aula 2 Sociedade civil e democracia - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 2  Sociedade civil e democracia - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAula 2  Sociedade civil e democracia - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 2 Sociedade civil e democracia - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
 
História da Cidadania
História da CidadaniaHistória da Cidadania
História da Cidadania
 
Estados modernos e cidadania
Estados modernos e cidadaniaEstados modernos e cidadania
Estados modernos e cidadania
 
Cidadania no brasil
Cidadania no brasilCidadania no brasil
Cidadania no brasil
 
Cidadania no Brasil
Cidadania no BrasilCidadania no Brasil
Cidadania no Brasil
 

Semelhante a Democracia e cidadania

Cidadania e democracia
Cidadania e democraciaCidadania e democracia
Cidadania e democracia
Lucas Justino
 
Cidadania - Pensar Crítico
Cidadania - Pensar CríticoCidadania - Pensar Crítico
Cidadania - Pensar Crítico
Kerol Brombal
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
MateusSoares325300
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
ssuser4d9949
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
DefesaCivildeMinasGe
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
FabioFonseca57
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
FranciscoFlorencio6
 
Sociologia direitosa humanos e cidadania
Sociologia   direitosa humanos e cidadaniaSociologia   direitosa humanos e cidadania
Sociologia direitosa humanos e cidadania
Gustavo Soares
 
Juventude e rebelioes s 2013 31dez
Juventude e rebelioes s 2013 31dezJuventude e rebelioes s 2013 31dez
Juventude e rebelioes s 2013 31dez
Elisio Estanque
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
RafaelyLeite1
 
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização SocialTerceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
L T
 
9ª aula 20-04-2010
9ª aula   20-04-20109ª aula   20-04-2010
9ª aula 20-04-2010
ElenitaPimentel
 
Estado contemporâneo_02 (atualizado)
Estado contemporâneo_02 (atualizado)Estado contemporâneo_02 (atualizado)
Estado contemporâneo_02 (atualizado)
roberto mosca junior
 
Direitos humanos Concurso SEE/MG
Direitos humanos Concurso SEE/MGDireitos humanos Concurso SEE/MG
Direitos humanos Concurso SEE/MG
Moacyr Anício
 
Estado contemporâneo
Estado contemporâneoEstado contemporâneo
Estado contemporâneo
roberto mosca junior
 
Aula 3 com e cidadania
Aula 3  com e cidadaniaAula 3  com e cidadania
Aula 3 com e cidadania
UFSM
 
Direitos humanos, debate sobre o filme a lista de schindler, cidadania, crise...
Direitos humanos, debate sobre o filme a lista de schindler, cidadania, crise...Direitos humanos, debate sobre o filme a lista de schindler, cidadania, crise...
Direitos humanos, debate sobre o filme a lista de schindler, cidadania, crise...
Elaine Porto Chiullo
 
Aula 1 Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 1   Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAula 1   Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 1 Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Prof. Noe Assunção
 
Direitos humanos e Cidadania Prof. Fernanda.pptx
Direitos humanos e Cidadania Prof. Fernanda.pptxDireitos humanos e Cidadania Prof. Fernanda.pptx
Direitos humanos e Cidadania Prof. Fernanda.pptx
Fernanda Castello
 
Slides_Estado_Democracia_Giane_2021.pdf
Slides_Estado_Democracia_Giane_2021.pdfSlides_Estado_Democracia_Giane_2021.pdf
Slides_Estado_Democracia_Giane_2021.pdf
LeandroBrando21
 

Semelhante a Democracia e cidadania (20)

Cidadania e democracia
Cidadania e democraciaCidadania e democracia
Cidadania e democracia
 
Cidadania - Pensar Crítico
Cidadania - Pensar CríticoCidadania - Pensar Crítico
Cidadania - Pensar Crítico
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
 
Sociologia direitosa humanos e cidadania
Sociologia   direitosa humanos e cidadaniaSociologia   direitosa humanos e cidadania
Sociologia direitosa humanos e cidadania
 
Juventude e rebelioes s 2013 31dez
Juventude e rebelioes s 2013 31dezJuventude e rebelioes s 2013 31dez
Juventude e rebelioes s 2013 31dez
 
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.pptOs Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
Os Direitos Humanos e a Cidadania.ppt
 
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização SocialTerceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
Terceiro Setor e Comunicação Estratégica para Mobilização Social
 
9ª aula 20-04-2010
9ª aula   20-04-20109ª aula   20-04-2010
9ª aula 20-04-2010
 
Estado contemporâneo_02 (atualizado)
Estado contemporâneo_02 (atualizado)Estado contemporâneo_02 (atualizado)
Estado contemporâneo_02 (atualizado)
 
Direitos humanos Concurso SEE/MG
Direitos humanos Concurso SEE/MGDireitos humanos Concurso SEE/MG
Direitos humanos Concurso SEE/MG
 
Estado contemporâneo
Estado contemporâneoEstado contemporâneo
Estado contemporâneo
 
Aula 3 com e cidadania
Aula 3  com e cidadaniaAula 3  com e cidadania
Aula 3 com e cidadania
 
Direitos humanos, debate sobre o filme a lista de schindler, cidadania, crise...
Direitos humanos, debate sobre o filme a lista de schindler, cidadania, crise...Direitos humanos, debate sobre o filme a lista de schindler, cidadania, crise...
Direitos humanos, debate sobre o filme a lista de schindler, cidadania, crise...
 
Aula 1 Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 1   Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAula 1   Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Aula 1 Participação política e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
 
Direitos humanos e Cidadania Prof. Fernanda.pptx
Direitos humanos e Cidadania Prof. Fernanda.pptxDireitos humanos e Cidadania Prof. Fernanda.pptx
Direitos humanos e Cidadania Prof. Fernanda.pptx
 
Slides_Estado_Democracia_Giane_2021.pdf
Slides_Estado_Democracia_Giane_2021.pdfSlides_Estado_Democracia_Giane_2021.pdf
Slides_Estado_Democracia_Giane_2021.pdf
 

Mais de firminomaissociologiafilosofia2019

Ética e Moral
Ética e MoralÉtica e Moral
Estratificação social
Estratificação socialEstratificação social
Estratificação social
firminomaissociologiafilosofia2019
 
INSTITUIÇÕES SOCIAIS: RELIGIÃO
INSTITUIÇÕES SOCIAIS: RELIGIÃOINSTITUIÇÕES SOCIAIS: RELIGIÃO
INSTITUIÇÕES SOCIAIS: RELIGIÃO
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Neoliberalismo e desigualdades sociais
Neoliberalismo e desigualdades sociaisNeoliberalismo e desigualdades sociais
Neoliberalismo e desigualdades sociais
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Sociologia brasileira
Sociologia brasileiraSociologia brasileira
Sociologia brasileira
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Instituições sociais família
Instituições sociais famíliaInstituições sociais família
Instituições sociais família
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Trabalho: conceito, tipos, características, importãncia, globalização.
Trabalho: conceito, tipos, características, importãncia, globalização.Trabalho: conceito, tipos, características, importãncia, globalização.
Trabalho: conceito, tipos, características, importãncia, globalização.
firminomaissociologiafilosofia2019
 
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Cultura 2021
Cultura 2021Cultura 2021
Estrutura social: conceitos básicos.
Estrutura social: conceitos básicos.Estrutura social: conceitos básicos.
Estrutura social: conceitos básicos.
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Émile Durkheim- 2021
Émile Durkheim- 2021Émile Durkheim- 2021
Émile Durkheim- 2021
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Augusto Comte e o Positivismo 2021
Augusto Comte e o Positivismo 2021Augusto Comte e o Positivismo 2021
Augusto Comte e o Positivismo 2021
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Estado, poder, política, cidadania 2020
Estado, poder, política, cidadania 2020Estado, poder, política, cidadania 2020
Estado, poder, política, cidadania 2020
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Indústria Cultural e Cultura de Massa-2020
Indústria Cultural e Cultura de Massa-2020Indústria Cultural e Cultura de Massa-2020
Indústria Cultural e Cultura de Massa-2020
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Capitalismo e trabalho 2020
Capitalismo e trabalho   2020Capitalismo e trabalho   2020
Capitalismo e trabalho 2020
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Ética e moral 2020
Ética e moral 2020Ética e moral 2020
Determinismo e diversidade cultural 2020
Determinismo e diversidade cultural 2020Determinismo e diversidade cultural 2020
Determinismo e diversidade cultural 2020
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Etnia, gênero, minorias 2020
Etnia, gênero, minorias 2020Etnia, gênero, minorias 2020
Etnia, gênero, minorias 2020
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Cultura erudita e cultura popular 2020
Cultura erudita e cultura popular 2020Cultura erudita e cultura popular 2020
Cultura erudita e cultura popular 2020
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Indivíduo e Socialização 2020
Indivíduo e Socialização 2020Indivíduo e Socialização 2020
Indivíduo e Socialização 2020
firminomaissociologiafilosofia2019
 

Mais de firminomaissociologiafilosofia2019 (20)

Ética e Moral
Ética e MoralÉtica e Moral
Ética e Moral
 
Estratificação social
Estratificação socialEstratificação social
Estratificação social
 
INSTITUIÇÕES SOCIAIS: RELIGIÃO
INSTITUIÇÕES SOCIAIS: RELIGIÃOINSTITUIÇÕES SOCIAIS: RELIGIÃO
INSTITUIÇÕES SOCIAIS: RELIGIÃO
 
Neoliberalismo e desigualdades sociais
Neoliberalismo e desigualdades sociaisNeoliberalismo e desigualdades sociais
Neoliberalismo e desigualdades sociais
 
Sociologia brasileira
Sociologia brasileiraSociologia brasileira
Sociologia brasileira
 
Instituições sociais família
Instituições sociais famíliaInstituições sociais família
Instituições sociais família
 
Trabalho: conceito, tipos, características, importãncia, globalização.
Trabalho: conceito, tipos, características, importãncia, globalização.Trabalho: conceito, tipos, características, importãncia, globalização.
Trabalho: conceito, tipos, características, importãncia, globalização.
 
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
 
Cultura 2021
Cultura 2021Cultura 2021
Cultura 2021
 
Estrutura social: conceitos básicos.
Estrutura social: conceitos básicos.Estrutura social: conceitos básicos.
Estrutura social: conceitos básicos.
 
Émile Durkheim- 2021
Émile Durkheim- 2021Émile Durkheim- 2021
Émile Durkheim- 2021
 
Augusto Comte e o Positivismo 2021
Augusto Comte e o Positivismo 2021Augusto Comte e o Positivismo 2021
Augusto Comte e o Positivismo 2021
 
Estado, poder, política, cidadania 2020
Estado, poder, política, cidadania 2020Estado, poder, política, cidadania 2020
Estado, poder, política, cidadania 2020
 
Indústria Cultural e Cultura de Massa-2020
Indústria Cultural e Cultura de Massa-2020Indústria Cultural e Cultura de Massa-2020
Indústria Cultural e Cultura de Massa-2020
 
Capitalismo e trabalho 2020
Capitalismo e trabalho   2020Capitalismo e trabalho   2020
Capitalismo e trabalho 2020
 
Ética e moral 2020
Ética e moral 2020Ética e moral 2020
Ética e moral 2020
 
Determinismo e diversidade cultural 2020
Determinismo e diversidade cultural 2020Determinismo e diversidade cultural 2020
Determinismo e diversidade cultural 2020
 
Etnia, gênero, minorias 2020
Etnia, gênero, minorias 2020Etnia, gênero, minorias 2020
Etnia, gênero, minorias 2020
 
Cultura erudita e cultura popular 2020
Cultura erudita e cultura popular 2020Cultura erudita e cultura popular 2020
Cultura erudita e cultura popular 2020
 
Indivíduo e Socialização 2020
Indivíduo e Socialização 2020Indivíduo e Socialização 2020
Indivíduo e Socialização 2020
 

Último

Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Falcão Brasil
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Miguel Delamontagne
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
Manuais Formação
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Falcão Brasil
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
Falcão Brasil
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
valdeci17
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Falcão Brasil
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
ArapiracaNoticiasFat
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
portaladministradores
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Luiz C. da Silva
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Falcão Brasil
 

Último (20)

Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
Plano Estratégico Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de ...
 
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
Ensinar Programação 📚 Python 🐍 Método Inovador e Prático 🚀
 
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
UFCD_7224_Prevenção de acidentes em contexto domiciliário e institucional_índ...
 
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
Endereços — Centro Gestor e Operacional do Sistema de Proteção da Amazônia - ...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, O Encontro de Rute com Boaz, 3Tr24.pptx
 
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdfA Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
A Guerra do Presente - Ministério da Defesa.pdf
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdfIntrodução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
Introdução ao filme Divertida Mente 2 em pdf
 
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdfGeotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
Geotecnologias Aplicadas na Gestão de Riscos e Desastres Hidrológicos.pdf
 
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIALA GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
A GEOPOLÍTICA ATUAL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA E SOCIAL
 
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdfAPRESENTAÇÃO  CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
APRESENTAÇÃO CURSO FORMAÇÃO EXPERT EM MODERAÇÃO DE FOCUS GROUP.pdf
 
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da TerraUma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
Uma Breve História da Origem, Formação e Evolução da Terra
 
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
Aviação de Reconhecimento e Ataque na FAB. A Saga dos Guerreiros Polivalentes...
 

Democracia e cidadania

  • 3. 1. O que é Política: o Política é a ciência do governo de um Estado ou Nação e a arte de negociação em compatibilizar interesses. o O termo (do grego politiká), deriva de polis e designa aquilo que é público. O significado de política é muito abrangente e relacionando – se com o espaço público. o No séc. V a. C. foi um termo amplamente usado em Atenas e Aristóteles (Política) definiu o ser humano como um animal político (zoon politikon).
  • 5. 2. Democracia: modelos Democracia Grega: o Participação direta dos cidadãos na cidade. o Ação política em função do bem comum. o O princípio de isonomia manifesta – se na participação e nas decisões coletivas. o Para preservar a igualdade e os direitos dos cidadãos tornou – se elitista e excludente.
  • 7. Democracia moderna: o Política por representação, pois a ampliação da cidadania inviabilizou a participação direta. o Inspiração iluminista, a liberdade (não a igualdade) entre os cidadãos passa a ser o valor essencial. o A representação não excluiu a participação direta, pois o plebiscito permite a manifestação da vontade dos cidadãos.
  • 8. “O Estado é soberano e deve expressar a vontade geral.” Rousseau
  • 10. 3. Independência dos EUA – 1776: “Todos os homens nasceram iguais e receberam de seu criador direitos inalienáveis; dentre esses direitos estão: a vida, a liberdade, a felicidade. E é para assegurar esses direitos que os governos foram instituídos. Todas as vezes que uma forma de governo torna –se destruidora desse fim, o povo está no direito de aboli – la ou modifica – la.” (Thomas Jefferson – 04/07/1776)
  • 12. 4. Democracia e participação consciente Democracias maduras: o Estruturadas, usa canais de comunicação entre Estado e sociedade civil (escola, mídia), na construção da participação consciente. Democracias recentes: o Precariedade nos canais de comunicação, com cidadãos desinformados, fraca ação popular.
  • 13. Desvirtuamentos da Democracia: o A omissão e a apatia dos cidadãos favorecem a “privatização” o aparelhamento do Estado. o Os detentores do poder usam a democracia em benefício próprio (corrupção). o Quantos mais complexos os temas e maior a exigência de leitura e compreensão, menor o debate, aumentando o desinteresse por política.
  • 14. “O pior analfabeto é o analfabeto político. Ele não ouve, não fala, nem participa dos acontecimentos políticos.” Bertold Brecht
  • 16. “O analfabeto político é tão burro que se orgulha e estufa o peito dizendo que odeia a política. Não sabe o imbecil que, da sua ignorância política, nascem a prostituta, o menor abandonado, e o pior de todos os bandidos, que é o político vigarista, pilantra, corrupto.” (Bertold Brecht)
  • 19. Reflexões: o Num país em que sobram desinformação, omissão e passividade, a Democracia torna – se frágil. o Há tendência a culpar – se a Democracia pelos problemas vividos. o Num contexto de crise dificulta – se o amadurecimento democrático, apoiando – se e favorecendo a instalação de regimes autoritários.
  • 22. 5. Movimentos Sociais Movimento Operário (séc. XVIII – XX): o Revoltados com os efeitos da Revolução Industrial, os operários organizaram – se em Sindicatos, fizeram greves reivindicando direitos trabalhistas (jornada de 8 horas, férias, horas extras, etc.). o As conquistas levaram às ideias socialistas e à criação dos partidos políticos operários.
  • 24. Movimentos Feministas: o As revoluções liberais criaram a consciência da mulher como um ser autônomo, capaz de tomar suas próprias decisões e de lutar por seus próprios desejos e direitos. o 1789: Olympe de Gouges, revolucionária, lança o manifesto “Declaração dos Direitos da Mulher”, questionando a Declaração dos Direitos do Homem com cidadania restrita aos homens. o Questionava – se a falta de direitos às mulheres.
  • 26. “Não se nasce mulher, torna – se mulher.” (Simone de Beauvoir) o A hierarquização dos sexos é construção social e não uma questão biológica. o A condição de inferioridade da mulher é uma construção da sociedade patriarcal. o O feminismo, além dos direitos pela igualdade de direitos, incorpora a discussão acerca das raízes culturais da desigualdade entre os sexos.
  • 28. o08/03/1857: Nova York – 129 operárias morreram queimadas numa fábrica têxtil, por reivindicarem: redução na jornada de trabalho, de 16 hs/dia, para 10 hs/dia, melhores salários, e licença-maternidade. o 1879/1887: Brasil – mulheres em ensino superior: Direito, Medicina. o 1860/1920: Sufragistas – luta pelo direito de votar. o 1932: Brasil – direito de voto às mulheres.
  • 30. o 1960/80: Brasil – anticoncepcional, divórcio, Delegacia de Defesa da Mulher. o 1988 – Brasil: “homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações". o 2006 – Brasil: Lei Maria da Penha (11. 340) cria “mecanismos para coibir e prevenir a violência doméstica e familiar contra a mulher”. o 2015 – Brasil: Lei do Feminicídio (13.104).
  • 32. o O feminicídio é um problema global. É crime praticado com requintes de crueldade e terror pela carga de ódio, na sua grande maioria, quando as mulheres terminam uma relação afetiva. o São impedidas no direito de decidir sobre as suas vidas, com quem vão se relacionar e a maneira como a relação afetiva vai terminar.
  • 33. Hippies – anos 1950/60 “Make love, not war” o EUA: Lutas pelos direitos civis dos negros e movimentos feministas. o Movimento opôs – se à Guerra do Vietnã, ao consumismo, às regras e ao conservadorismo. o Defendiam paz, amor, liberdade. o Vida nômade, em comunidade e em harmonia com a natureza.
  • 37. Passeata dos Cem Mil (26/06/1968) o Manifestação popular contra a Ditadura Militar ocorrida na cidade do Rio de Janeiro, organizada pelo movimento estudantil e que contou com a participação de artistas, intelectuais e outros. o Prisões e arbitrariedades eram as marcas da ação do governo militar, relativamente às crescentes manifestações de protesto dos estudantes contra a ditadura que se instalara no país, em 1964.
  • 39. Resistência à Ditadura Militar – 1964 a 1985 “É proibido proibir”! o Jovens comunistas militaram na luta armada contra a Ditadura. o Grupos: MR 8, VPR, ANL. o Muitos exilados, desaparecidos ou mortos. o Símbolo de resistência.
  • 42. Redemocratização Campanha pela Anistia (anos 1970) o A campanha pela “Anistia Ampla, Geral e Irrestrita” de presos e exilados políticos e envolveu intelectuais, artistas, jornalistas, políticos progressistas, religiosos, sindicalistas e estudantes, no final dos anos 70, organizada pelo Comitê Brasileiro pela Anistia (CBA).
  • 44. Diretas Já (1983/1984): o Movimento que reivindicava eleições diretas para Presidente da República. o A possibilidade de eleições diretas passaria pela aprovação da Emenda Dante de Oliveira. o A população foi às ruas pressionar a Câmara dos Deputados, mas a emenda foi rejeitada. o 1985: Tancredo/Sarney eleitos indiretamente.
  • 49. Caras Pintadas – 1992 o Movimento “Fora Collor”. o Contra: corrupção e esquemas. o Pela Ética na Política. o Pelo “impeachment” de Collor. o Em tom de humor e ironia, os caras – pintadas tornaram-se ícones de um novo modo de fazer democracia, protestando e reivindicando. o Collor renunciou e perdeu seus direitos políticos.
  • 52. Nova República (1985 – 2014) Primavera Brasileira – Vem pra rua – 2013/2014 o Contra os aumentos nas tarifas do transporte público. o Os protestos se ampliaram: violência policial, gastos públicos com a Copa, má qualidade dos serviços públicos e indignação com a corrupção e o PT. o Aumentos de tarifas foram revogadas, o Congresso tornou corrupção crime hediondo, arquivou a PEC 37 e proibiu o voto secreto na cassação de mandatos.
  • 57. Lutas e reivindicações contemporâneas: o Meio ambiente: desenvolvimento sustentável. o Reforma agrária. o Movimentos dos trabalhadores sem teto. o Homofobia – movimento LGBT – união civil gay. o Maioridade penal. o Movimento negro.
  • 59. “Não adianta olhar pro céu Com muita fé e pouca luta Não adianta olhar pro chão Virar a cara pra não ver”
  • 60. Até quando você vai ficar usando rédea? Rindo da própria tragédia?
  • 61. Até quando você vai levando? (Porrada! Porrada!) Até quando vai ficar sem fazer nada? Até quando você vai levando? (Porrada! Porrada!) Até quando vai ser saco de pancada?
  • 62. Muda, quando a gente muda o mundo muda com a gente. A gente muda o mundo na mudança da mente. E quando a mente muda a gente anda pra frente. E quando a gente manda ninguém manda na gente!
  • 63. Na mudança de atitude não há mal que não se mude, nem doença sem cura! Na mudança de postura a gente fica mais seguro! Na mudança do presente a gente molda o futuro! (Gabriel, o pensador – Até Quando)