SlideShare uma empresa Scribd logo
MODULO 01 – POSITIVISMO E
REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
Prof. Douglas Barraqui
1.1 – O ILUMINISMO E O ESPÍRITO
CIENTÍFICO:
I. Definição:
II. Contexto:
III.Objetivo:
1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA
Adam Smith
(1723-1790)
1.2 A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL
I. Definição:
II. Contexto:
III.Consequências:
1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA
Adam Smith
(1723-1790)
1.3 AS FILOSOFIAS SOCIAIS DO SÉC. XIX
A) Evolucionismo Social:
B) Darwinismo Social:
C) Racismo Científico
1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA
Adam Smith
(1723-1790)
1.4 POSITIVISMO:
I. Conceito:
II. Teóricos:
Características:
a) Cientificismo ou
“Culto a ciência”:
b) valorização da
tecnologia:
1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA
Adam Smith
(1723-1790)Saint-SimonAuguste Comte
1.5 POSITIVISMO E A SOCIOLOGIA:
“Estruturas sociais obedecem a leis naturais”
“Leis naturais regem a vida em sociedade”
A) Lei dos três Estados:
1 – Estado teológico:
2 – Estado metafísico:
3 – Estado positivo:
B) Lei do Progresso:
C) Positivismo no Brasil
1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
• MARTINS, Carlos Benedito. O que é Sociologia. Rio de Janeiro: Zahar,
1988
• SELL, Carlos Eduardo. Sociologia Clássica . Itajai: EdUnivali, 2002
• LAKATOS, Eva Maria. Introdução à Sociologia. São Paulo: Atlas, 1997
• LAKATOS, E. M. & MARCONI, M. A. Sociologia Geral. São Paulo: Atlas,
1999
• CHARON, Joel M. Sociologia . São Paulo: Saraiva, 2002
• GUARESCHI, Pedrinho. Sociologia Crítica . Porto Alegre: EdPUCRS, 2002
• GOMES, Cândido. A Educação em perspectiva sociológica. São Paulo:
EPU, 1985
• BOUDON, R. BOURRICAUD, F. Dicionário crítico de Sociologia. São Paulo:
Ática, 2000
• MEKSENAS, Paulo. Sociologia. Coleção Magistério 2º Grau. São Paulo:
Cortez.
• COSTA, Cristina. Sociologia – Introdução à Ciência da Sociedade. São

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Atividades Sociologia
Atividades SociologiaAtividades Sociologia
Atividades Sociologia
Doug Caesar
 
24.02 atividade sociologia_3_b_douglas
24.02 atividade sociologia_3_b_douglas24.02 atividade sociologia_3_b_douglas
24.02 atividade sociologia_3_b_douglas
DouglasElaine Moraes
 
As primeiras civilizações
As primeiras civilizaçõesAs primeiras civilizações
As primeiras civilizações
Marcia Fernandes
 

Mais procurados (20)

Atividades Sociologia
Atividades SociologiaAtividades Sociologia
Atividades Sociologia
 
Clássicos da sociologia
Clássicos da sociologiaClássicos da sociologia
Clássicos da sociologia
 
Aula charges sociologia 1º anos
Aula charges sociologia 1º anosAula charges sociologia 1º anos
Aula charges sociologia 1º anos
 
Exercícios de Sociologia (Correntes Sociológicas)
Exercícios de Sociologia (Correntes Sociológicas)Exercícios de Sociologia (Correntes Sociológicas)
Exercícios de Sociologia (Correntes Sociológicas)
 
24.02 atividade sociologia_3_b_douglas
24.02 atividade sociologia_3_b_douglas24.02 atividade sociologia_3_b_douglas
24.02 atividade sociologia_3_b_douglas
 
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 03 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 03 do TomaziSlide livro Sociologia ensino médio capitulo 03 do Tomazi
Slide livro Sociologia ensino médio capitulo 03 do Tomazi
 
Atividades primeira republica
Atividades primeira republicaAtividades primeira republica
Atividades primeira republica
 
Atividades sobre as canções da ditadura militar
Atividades sobre as canções da ditadura militarAtividades sobre as canções da ditadura militar
Atividades sobre as canções da ditadura militar
 
Avaliação Revolução Industrial
Avaliação Revolução IndustrialAvaliação Revolução Industrial
Avaliação Revolução Industrial
 
A peste negra
A peste negraA peste negra
A peste negra
 
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - ObjetivaQuestões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
Questões de Sociologia - Ensino Médio - Discursiva - Objetiva
 
Prova de sociologia eo gabarito (1)
Prova de sociologia eo gabarito (1)Prova de sociologia eo gabarito (1)
Prova de sociologia eo gabarito (1)
 
AULA 2 SOCIALISMO CIENTIFICO.docx - Prof. Ms. Noe Assunção
AULA 2 SOCIALISMO CIENTIFICO.docx - Prof. Ms. Noe AssunçãoAULA 2 SOCIALISMO CIENTIFICO.docx - Prof. Ms. Noe Assunção
AULA 2 SOCIALISMO CIENTIFICO.docx - Prof. Ms. Noe Assunção
 
Sociologia: Ciência x Senso comum
Sociologia: Ciência x Senso comumSociologia: Ciência x Senso comum
Sociologia: Ciência x Senso comum
 
1. O indivíduo, sua história e a sociedade
1. O indivíduo, sua história e a sociedade1. O indivíduo, sua história e a sociedade
1. O indivíduo, sua história e a sociedade
 
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas". Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
Jogo Pedagógico sobre "A Era Vargas".
 
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe AssunçãoAvaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
Avaliação democracia e cidadania - 3º Sociologia - Prof. Noe Assunção
 
Indústria Cultural
Indústria CulturalIndústria Cultural
Indústria Cultural
 
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
1° ano - E.M. - Primeiras civilizações
 
As primeiras civilizações
As primeiras civilizaçõesAs primeiras civilizações
As primeiras civilizações
 

Destaque

Plano de aula 7 ¦ ano hist+ôria da europa medieval 2013
Plano de aula 7 ¦ ano hist+ôria da europa medieval 2013Plano de aula 7 ¦ ano hist+ôria da europa medieval 2013
Plano de aula 7 ¦ ano hist+ôria da europa medieval 2013
cidasantos54
 
Origem do universo e a evolução humana
Origem do universo e a evolução humanaOrigem do universo e a evolução humana
Origem do universo e a evolução humana
Douglas Barraqui
 
Sociedade do Consumo
Sociedade do ConsumoSociedade do Consumo
Sociedade do Consumo
Mori _
 
#Idadecontemporanea a formação de uma grande nação
#Idadecontemporanea a formação de uma grande nação#Idadecontemporanea a formação de uma grande nação
#Idadecontemporanea a formação de uma grande nação
Fabio Pablo
 
A Conquista da América pelos Europeus
A Conquista da América pelos EuropeusA Conquista da América pelos Europeus
A Conquista da América pelos Europeus
Fabio Pablo
 

Destaque (20)

FILOSOFIA - O QUE É O SER HUMANO?
FILOSOFIA - O QUE É O SER HUMANO?FILOSOFIA - O QUE É O SER HUMANO?
FILOSOFIA - O QUE É O SER HUMANO?
 
Idade Média
Idade MédiaIdade Média
Idade Média
 
HIROSHIMA - BIANCA REIS - DARWIN COLATINA
HIROSHIMA - BIANCA REIS - DARWIN COLATINAHIROSHIMA - BIANCA REIS - DARWIN COLATINA
HIROSHIMA - BIANCA REIS - DARWIN COLATINA
 
Era Napoleônica
Era NapoleônicaEra Napoleônica
Era Napoleônica
 
Das Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
Das Revoluções Inglesa à Revolução IndustrialDas Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
Das Revoluções Inglesa à Revolução Industrial
 
Revolução Russa
Revolução RussaRevolução Russa
Revolução Russa
 
Plano de aula 7 ¦ ano hist+ôria da europa medieval 2013
Plano de aula 7 ¦ ano hist+ôria da europa medieval 2013Plano de aula 7 ¦ ano hist+ôria da europa medieval 2013
Plano de aula 7 ¦ ano hist+ôria da europa medieval 2013
 
A vida humana no paleolítico
A vida humana no paleolíticoA vida humana no paleolítico
A vida humana no paleolítico
 
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudalCrise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
Crise do feudalismo: as transformações no sistema feudal
 
Origem do universo e a evolução humana
Origem do universo e a evolução humanaOrigem do universo e a evolução humana
Origem do universo e a evolução humana
 
Fenícios, hebreus e persas
Fenícios, hebreus e persasFenícios, hebreus e persas
Fenícios, hebreus e persas
 
Imperialismo, Belle Époque e Primeira Guerra Mundial
Imperialismo, Belle Époque e Primeira Guerra MundialImperialismo, Belle Époque e Primeira Guerra Mundial
Imperialismo, Belle Époque e Primeira Guerra Mundial
 
Positivismo
PositivismoPositivismo
Positivismo
 
Sociedade do Consumo
Sociedade do ConsumoSociedade do Consumo
Sociedade do Consumo
 
A agroecologia entre o debate da justiça ambiental e da democracia: alguns de...
A agroecologia entre o debate da justiça ambiental e da democracia: alguns de...A agroecologia entre o debate da justiça ambiental e da democracia: alguns de...
A agroecologia entre o debate da justiça ambiental e da democracia: alguns de...
 
Releitura das obras de Nice Nascimento Avanza
Releitura das obras de Nice Nascimento AvanzaReleitura das obras de Nice Nascimento Avanza
Releitura das obras de Nice Nascimento Avanza
 
Revolução Socialista na China e a Guerra do Vietnã
Revolução Socialista na China e a Guerra do VietnãRevolução Socialista na China e a Guerra do Vietnã
Revolução Socialista na China e a Guerra do Vietnã
 
O Estado e as relações de poder
O Estado e as relações de poderO Estado e as relações de poder
O Estado e as relações de poder
 
#Idadecontemporanea a formação de uma grande nação
#Idadecontemporanea a formação de uma grande nação#Idadecontemporanea a formação de uma grande nação
#Idadecontemporanea a formação de uma grande nação
 
A Conquista da América pelos Europeus
A Conquista da América pelos EuropeusA Conquista da América pelos Europeus
A Conquista da América pelos Europeus
 

Semelhante a MÓDULO 01 – POSITIVISMO E REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

Sociologia 1 em aula 03
Sociologia  1 em aula 03Sociologia  1 em aula 03
Sociologia 1 em aula 03
Joao Gumiero
 

Semelhante a MÓDULO 01 – POSITIVISMO E REVOLUÇÃO INDUSTRIAL (11)

As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos.ppt
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos.pptAs Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos.ppt
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos.ppt
 
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos (2).ppt
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos (2).pptAs Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos (2).ppt
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos (2).ppt
 
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos (1).ppt
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos (1).pptAs Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos (1).ppt
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos (1).ppt
 
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos.ppt
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos.pptAs Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos.ppt
As Ciências Sociais e os Primeiros Sociólogos.ppt
 
Sociologia aplicada à ADM - introdutório
Sociologia aplicada à ADM - introdutórioSociologia aplicada à ADM - introdutório
Sociologia aplicada à ADM - introdutório
 
Sociologia_1_série_AulaR1.pptx
Sociologia_1_série_AulaR1.pptxSociologia_1_série_AulaR1.pptx
Sociologia_1_série_AulaR1.pptx
 
Sociologia 1 em aula 03
Sociologia  1 em aula 03Sociologia  1 em aula 03
Sociologia 1 em aula 03
 
Augusto comte e o positivismo 2020
Augusto comte e o positivismo 2020Augusto comte e o positivismo 2020
Augusto comte e o positivismo 2020
 
Auguste comte e o positivismo 2
Auguste comte e o positivismo 2Auguste comte e o positivismo 2
Auguste comte e o positivismo 2
 
Auguste comte e o positivismo 2
Auguste comte e o positivismo 2Auguste comte e o positivismo 2
Auguste comte e o positivismo 2
 
Aula - Conceito Geral da Sociologia.pptx
Aula - Conceito Geral da Sociologia.pptxAula - Conceito Geral da Sociologia.pptx
Aula - Conceito Geral da Sociologia.pptx
 

Mais de Douglas Barraqui

Mais de Douglas Barraqui (19)

FILOSOFIA - MÓDULO 01 - O QUE É O SER HUMANO?
FILOSOFIA - MÓDULO 01 - O QUE É O SER HUMANO?FILOSOFIA - MÓDULO 01 - O QUE É O SER HUMANO?
FILOSOFIA - MÓDULO 01 - O QUE É O SER HUMANO?
 
INDEPENDÊNCIA DA AMÉRICA ESPANHOLA
INDEPENDÊNCIA DA AMÉRICA ESPANHOLAINDEPENDÊNCIA DA AMÉRICA ESPANHOLA
INDEPENDÊNCIA DA AMÉRICA ESPANHOLA
 
SOCIOLOGIA: CONSTRUÇÃO DA MODERNIDADE
SOCIOLOGIA: CONSTRUÇÃO DA MODERNIDADESOCIOLOGIA: CONSTRUÇÃO DA MODERNIDADE
SOCIOLOGIA: CONSTRUÇÃO DA MODERNIDADE
 
A BUSCA PELA VERDADE: SÓCRATES E PLATÃO
A BUSCA PELA VERDADE: SÓCRATES E PLATÃOA BUSCA PELA VERDADE: SÓCRATES E PLATÃO
A BUSCA PELA VERDADE: SÓCRATES E PLATÃO
 
OS PRIMÓRDIOS DA FILOSOFIA GREGA
OS PRIMÓRDIOS DA FILOSOFIA GREGAOS PRIMÓRDIOS DA FILOSOFIA GREGA
OS PRIMÓRDIOS DA FILOSOFIA GREGA
 
FORMAÇÃO DAS MONARQUIAS ABSOLUTISTAS
FORMAÇÃO DAS MONARQUIAS ABSOLUTISTASFORMAÇÃO DAS MONARQUIAS ABSOLUTISTAS
FORMAÇÃO DAS MONARQUIAS ABSOLUTISTAS
 
SOCIOLOGIA - DURKHEIM E WEBER
SOCIOLOGIA - DURKHEIM E WEBERSOCIOLOGIA - DURKHEIM E WEBER
SOCIOLOGIA - DURKHEIM E WEBER
 
Renascimento
RenascimentoRenascimento
Renascimento
 
SEGUNDA GRANDE GUERRA
SEGUNDA GRANDE GUERRASEGUNDA GRANDE GUERRA
SEGUNDA GRANDE GUERRA
 
História da américa anglo saxônica
História da américa anglo saxônicaHistória da américa anglo saxônica
História da américa anglo saxônica
 
América portuguesa a colonização do brasil
América portuguesa a colonização do brasilAmérica portuguesa a colonização do brasil
América portuguesa a colonização do brasil
 
Grandes Navegações
Grandes NavegaçõesGrandes Navegações
Grandes Navegações
 
Período Entre Guerras e Segunda Guerra
Período Entre Guerras e Segunda GuerraPeríodo Entre Guerras e Segunda Guerra
Período Entre Guerras e Segunda Guerra
 
As Reformas Protestantes e a Contra-reforma
As Reformas Protestantes e a Contra-reformaAs Reformas Protestantes e a Contra-reforma
As Reformas Protestantes e a Contra-reforma
 
A Formação dos Estados Nacionais
A Formação dos Estados NacionaisA Formação dos Estados Nacionais
A Formação dos Estados Nacionais
 
Renascimento
RenascimentoRenascimento
Renascimento
 
Mesopotâmia
MesopotâmiaMesopotâmia
Mesopotâmia
 
Egito Antigo
Egito AntigoEgito Antigo
Egito Antigo
 
Neolítico revolução agrícola e as primeiras cidades
Neolítico   revolução agrícola e as primeiras cidadesNeolítico   revolução agrícola e as primeiras cidades
Neolítico revolução agrícola e as primeiras cidades
 

Último

INTRODUÇÃO A ARQUEOLOGIA BÍBLICA [BIBLIOLOGIA]]
INTRODUÇÃO A ARQUEOLOGIA BÍBLICA [BIBLIOLOGIA]]INTRODUÇÃO A ARQUEOLOGIA BÍBLICA [BIBLIOLOGIA]]
INTRODUÇÃO A ARQUEOLOGIA BÍBLICA [BIBLIOLOGIA]]
ESCRIBA DE CRISTO
 

Último (20)

Junho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
Junho Violeta - Sugestão de Ações na IgrejaJunho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
Junho Violeta - Sugestão de Ações na Igreja
 
bem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animalbem estar animal em proteção integrada componente animal
bem estar animal em proteção integrada componente animal
 
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantilApresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
Apresentação sobre as etapas do desenvolvimento infantil
 
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdfHans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
Hans Kelsen - Teoria Pura do Direito - Obra completa.pdf
 
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anosFotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
Fotossíntese para o Ensino médio primeiros anos
 
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditivaO que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
O que é uma Revolução Solar. tecnica preditiva
 
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, Betel, Ordenança para uma vida de santificação, 2Tr24.pptx
 
hereditariedade é variabilidade genetic
hereditariedade é variabilidade  genetichereditariedade é variabilidade  genetic
hereditariedade é variabilidade genetic
 
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
04_GuiaDoCurso_Neurociência, Psicologia Positiva e Mindfulness.pdf
 
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de.    Maio laranja dds.pptxCampanha 18 de.    Maio laranja dds.pptx
Campanha 18 de. Maio laranja dds.pptx
 
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
Slides Lição 8, Betel, Ordenança para confessar os pecados e perdoar as ofens...
 
INTRODUÇÃO A ARQUEOLOGIA BÍBLICA [BIBLIOLOGIA]]
INTRODUÇÃO A ARQUEOLOGIA BÍBLICA [BIBLIOLOGIA]]INTRODUÇÃO A ARQUEOLOGIA BÍBLICA [BIBLIOLOGIA]]
INTRODUÇÃO A ARQUEOLOGIA BÍBLICA [BIBLIOLOGIA]]
 
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdfufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
ufcd_9649_Educação Inclusiva e Necessidades Educativas Especificas_índice.pdf
 
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
Atividade com a música Xote  da  Alegria    -   FalamansaAtividade com a música Xote  da  Alegria    -   Falamansa
Atividade com a música Xote da Alegria - Falamansa
 
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptxSlides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
Slides Lição 9, CPAD, Resistindo à Tentação no Caminho, 2Tr24.pptx
 
00Certificado - MBA - Gestão de projetos
00Certificado - MBA - Gestão de projetos00Certificado - MBA - Gestão de projetos
00Certificado - MBA - Gestão de projetos
 
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docxAtividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
Atividades-Sobre-o-Conto-Venha-Ver-o-Por-Do-Sol.docx
 
Produção de poemas - Reciclar é preciso
Produção  de  poemas  -  Reciclar é precisoProdução  de  poemas  -  Reciclar é preciso
Produção de poemas - Reciclar é preciso
 
Desastres ambientais e vulnerabilidadess
Desastres ambientais e vulnerabilidadessDesastres ambientais e vulnerabilidadess
Desastres ambientais e vulnerabilidadess
 
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdfAs Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
As Mil Palavras Mais Usadas No Inglês (Robert de Aquino) (Z-Library).pdf
 

MÓDULO 01 – POSITIVISMO E REVOLUÇÃO INDUSTRIAL

  • 1. MODULO 01 – POSITIVISMO E REVOLUÇÃO INDUSTRIAL Prof. Douglas Barraqui
  • 2. 1.1 – O ILUMINISMO E O ESPÍRITO CIENTÍFICO: I. Definição: II. Contexto: III.Objetivo: 1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA Adam Smith (1723-1790)
  • 3. 1.2 A REVOLUÇÃO INDUSTRIAL I. Definição: II. Contexto: III.Consequências: 1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA Adam Smith (1723-1790)
  • 4. 1.3 AS FILOSOFIAS SOCIAIS DO SÉC. XIX A) Evolucionismo Social: B) Darwinismo Social: C) Racismo Científico 1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA Adam Smith (1723-1790)
  • 5. 1.4 POSITIVISMO: I. Conceito: II. Teóricos: Características: a) Cientificismo ou “Culto a ciência”: b) valorização da tecnologia: 1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA Adam Smith (1723-1790)Saint-SimonAuguste Comte
  • 6. 1.5 POSITIVISMO E A SOCIOLOGIA: “Estruturas sociais obedecem a leis naturais” “Leis naturais regem a vida em sociedade” A) Lei dos três Estados: 1 – Estado teológico: 2 – Estado metafísico: 3 – Estado positivo: B) Lei do Progresso: C) Positivismo no Brasil 1. NASCIMENTO DA SOCIOLOGIA
  • 7. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS • MARTINS, Carlos Benedito. O que é Sociologia. Rio de Janeiro: Zahar, 1988 • SELL, Carlos Eduardo. Sociologia Clássica . Itajai: EdUnivali, 2002 • LAKATOS, Eva Maria. Introdução à Sociologia. São Paulo: Atlas, 1997 • LAKATOS, E. M. & MARCONI, M. A. Sociologia Geral. São Paulo: Atlas, 1999 • CHARON, Joel M. Sociologia . São Paulo: Saraiva, 2002 • GUARESCHI, Pedrinho. Sociologia Crítica . Porto Alegre: EdPUCRS, 2002 • GOMES, Cândido. A Educação em perspectiva sociológica. São Paulo: EPU, 1985 • BOUDON, R. BOURRICAUD, F. Dicionário crítico de Sociologia. São Paulo: Ática, 2000 • MEKSENAS, Paulo. Sociologia. Coleção Magistério 2º Grau. São Paulo: Cortez. • COSTA, Cristina. Sociologia – Introdução à Ciência da Sociedade. São

Notas do Editor

  1. 1.1 – O ILUMINISMO E O ESPÍRITO CIENTÍFICO I. Definição: Corrente de pensamentos filosófico caracterizado pelas críticas ao regime absolutista, ao poder da igreja e ao mercantilismo. II. Contexto: Séc. XVIII – valorização da razão como fonte do conhecimento. III. Objetivo: Liberdade política, econômica e construir uma sociedade laica e racional, baseada em uma racionalidade prática. Ex.: Jean-Jacques Rousseau: Obra: “O contrato social” Frase: “O homem nasce bom, a sociedade que o corrompe” Defendia um Estado republicano, em que as pessoas renunciassem à vontade individual em favor da vontade geral da sociedade. 2) Adam Smith: Obra: “A riqueza das Nações” (1776) Frase: “A riqueza de uma nação se mede pela riqueza do povo e não pela riqueza dos príncipes.” Defendia o liberalismo que tem como características Liberdade comercial, Reduzida intervenção do Estado na economia. Livre iniciativa . Livre concorrência. 3) Denis Diderot e D'alembert Obra: Enciclopétia (círculo do conhecimento) Frase: “O mundo só será melhor quando o último rei morrer enforcado com as tripas do último padre”... Denis Diderot. Defendiam uma sociedade laica e racional, baseada em uma racionalidade prática
  2. 1.2 A REVOLUÇÃO INDUSCRIAL Definição: Conjunto de transformações técnico científicas ocorridas nos meios produtivos: (manufatura -> maquinofatura) Contexto:  FASES DA REVOLUÇÃO: Primeira Fase: meados do séc. XVIII, carvão mineral como combustível, morto a vapor. Segunda Fase: meados do séc. XIX, petróleo como combustível (motor a explosão), descoberta da eletricidade (motor elétrico). Terceira Fase: segunda metade do séc. XX, petróleo como combustível (biocombustíveis), energia nuclear, fontes renováveis Consequências: Novas tecnologias Consolidação do capitalismo Desemprego estrutural (A máquina substituía o homem). Miséria, êxodo rural, inchaço urbano, exploração da mão de obra operária, más condições de vida e de trabalho, alta concentração de renda e desigualdade social. Foram os impactos e as transformações decorrentes das ideias iluministas e da revolução industrial que fizeram com que os primeiros cientistas sociais buscassem interpretar as sociedades de maneira sistemática e rigorosa.
  3. 1.3 AS FILOSOFIAS SOCIAIS DO SÉC. XIX Evolucionismo Social: I- Conceito: teorias antropológica que acredita que as sociedades têm início num estado primitivo e gradualmente tornam-se mais civilizadas com o passar do tempo. II - Contexto: essa teoria surge antes mesmo de Darwin e sua teoria da evolução das espécies, mas ganhou ainda mais força a partir da publicação da obra “A Origem das Espécies” em 1859. Cientistas como: Lewis Morgan (1818-1881), Edward Tylor (1832-1917) e Herbert Spencer (1820-1903). Considerados antropólogos de gabinete pois nunca estiveram em contato com os povos dos quais escreveram sobre. Suas teorias baseavam-se em relatos de viajantes e naturalistas. III - Objetivo: estudar as sociedades não européias. Explicar a enorme diversidade de povos, raças e costumes ao redor do mundo. IV - Consequências: segundo este critério a cultura urbana industrial europeia era superior, mais avançada e desenvolvida do que as demais culturas. ETNOCENTRISMO (visão de mundo característica de quem considera o seu grupo étnico, nação ou nacionalidade socialmente mais importante do que os demais) e HIERARQUIZAÇÃO (como se uma cultura fosse melhor do que outra). O evolucionismo social forneceu argumentos para a “missão civilizadora” em que povos superiores possuiriam uma obrigação moral de auxiliar os povos inferiores a evoluírem e, consequentemente, saírem de seu estágio primitivo. Hoje é considerada uma pseudociência. Mas trouxe efeitos devastadores para Ásia e África. B) Darwinismo Social: I - Conceito: aplicação da teoria evolucionista de Darwin para estudar e compreender as sociedades humanas. II - Contexto: teoria evolucionista de Darwin na obra “A origem das Espécies” de 1859. Teoria: todas espécies estão submetidas a um processo continuo de evolução. O processo evolutivo é marcado por uma seleção natural dos mais bem adaptados. Os que não conseguissem se adaptar estariam fadados a extinção. III - Objetivo: interpretar as sociedades pelo viés das ideias naturalistas. IV – Consequências: (nome mais destacado – Hebert Spencer – britânico) Noção de que os ricos seriam mais adaptados e mais fortes em um mundo moderno. Noção de que os brancos euopeus eram superiores aos negros africanos (apartheid). Racismo Científico I - Conceito: Uso do conceito de determinismo biológico que propunha a raça como fator determinante para hierarquizar seres humanos. II – Contexto: meados do séc. XIX Robert Knox livro “Raça é Tudo”. III – Objetivo: Uso da frenologia (do Grego: freno "mente"; logos, "lógica ou estudo) doutrina segundo a qual o tamanho do cérebro influencia na capacidade intelectual) e a craniometria (doutrina que acreditava que pelas medidas do crânio, tamanho e volume, poderia determinar as características sociais do indivíduo). IV – Consequências: difundiu práticas de eugenia (eu = bem , genia = origem/nasicmento). No Brasil séc. XIX e XX política de branqueamento da população e ciência nazista de Hitler (eliminar judeus, negros, ciganos e homossexuais).
  4. 1.4 POSITIVISMO: Conceito: Corrente filosófica com forte crença no poder da razão, na ciência e na tecnologia como fatores para progresso humano. Teóricos: 1 – Saint-Simon (1760-1825): o francês foi inaugurador da teoria positivista. Acreditava no poder da razão e no progresso da humanidade. Simon discordava do iluminismo (criticava as instituições sociais e o Estado), chamado por ele de “filosofia negativa” e se opôs a ele criando o positivismo. 2 – Auguste Comte (1798-1857): auge do positivismo, “pai do positivismo”. Obra: “Curso de Filosofia Positiva” (livro sagrado do positivismo) Características: a) Cientificismo ou “Culto a ciência” : conhecimento verdadeiro é aquele que é provável, ciência experimental. b) valorização da tecnologia: como ferramenta para satisfazer as necessidades, superar as desigualdades, acabar com a pobreza e reduzir os esforços com o trabalho.
  5. 1.5 POSITIVISMO E A SOCIOLOGIA: “Estruturas sociais obedecia a leis naturais” “Leis naturais que regem a vida em sociedade” A) Lei dos três Estados: 1 – Estado teológico: explicação sobrenaturais da realidade do mundo. O mito e a religião dominavam o estado (animismo, politeísmo e monoteísmo) 2 – Estado metafísico: Uso da filosofia (pensamento) para um caminho mais racional. (do grego antigo μετα (metà) = depois de, além de tudo; e Φυσις [physis] = natureza ou física) 3 – Estado positivo: a ciência toma o lugar da religião e da filosofia. B) Lei do Progresso: Todas as sociedades humanas evoluiriam seguindo as mesmas etapas O modelo de evolução (sociedade europeia industrializada, dita moderna) C) Positivismo no Brasil: Influenciaram na proclamação da República. Positivismo comtiano chegou as forças armadas. “Ordem e progresso”