SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 21
Baixar para ler offline
O ENSINO DE CIÊNCIAS ARTICULADO 
AOS ESPAÇOS EDUCATIVOS 
(FORMAIS E NÃO FORMAIS)
Os Lugares da Educação: 
•Educação Formal 
•Não Formal 
•Informal
“Recebemos três educações diferentes, ou 
contrárias: a de nossos pais, a de nossos mestres e a 
do mundo”. 
(Montesquieu,1951, apud Trilla, 2008) 
Amplitude e a variedade do processo educacional 
Ideia de classificação dos tipos de educação
Amplitude e variedade do processo educacional 
Demanda de educação 
em face de setores 
tradicionalmente excluídos 
Mudanças na instituição 
familiar, urbanísticas, etc. 
Transformações no mundo 
do trabalho que geram 
novas formas de 
capacitação profissional 
Desenvolvimento de 
novas tecnologias, 
crescimento dos meios de 
comunicação
Classificação dos tipos de educação 
Formal 
Informal 
Não Formal
Definições: 
•Diferencia fazendo referencia ao ensinar 
e aprender 
•Diferenciam quanto a necessidade de 
certificação
Formal 
• Existe uma intenção dirigida e uma 
organização institucional que favorece a 
educação sistemática, contínua e sequencial.
Gohn (2010) 
Informal 
“aquela na qual os indivíduos aprendem durante seu 
processo de socialização gerada nas relações e 
relacionamentos intra e extrafamiliares” 
Experiências com os pais, amigos, clubes, teatros, leitura de 
jornais e livros - caráter espontâneo e permanente
Não Formal 
• “Processo sociopolítico, cultural e pedagógico de 
formação para a cidadania, entendo o político como a 
formação do indivíduo para interagir com o outro em 
sociedade. Ela designa um conjunto de práticas 
socioculturais de aprendizagem e produção de saberes, 
que envolve organizações/instituições, atividades, 
meios e formas variadas, assim como uma 
multiplicidade de programas e projetos sociais”
Espaços Educativos
Espaço Educativo Formal 
• Jacobucci, (2008) 
• Espaço escolar- Instituições Escolares da Educação 
Básica e do Ensino Superior, definidas na Lei 9394/96 
de Diretrizes e Bases da Educação Nacional 
• É a escola com todas as suas 
dependências: sala de aula, 
laboratórios, biblioteca, pátio, 
cantina, refeitório...
Espaço Educativo Não Formal 
Pode ocorrer tipos diferentes de educação de 
acordo com a intencionalidade.
INSTITUCIONALIZADO 
• “Espaços que são regulamentados e que possuem 
equipe técnica responsável pelas atividades 
executadas” 
• Museus, Centros de Ciências, Parques ecológicos, Parques Botânicos, 
Parques Zoobotânicos, Jardins Bitânicos, Planetários, Institutos de 
Pesquisa, Aquários, Zoológicos
NÃO 
INSTITUCIONALIZADO: 
• “ambientes naturais ou urbanos que não dispõem de 
estruturação institucional, mas onde é possível adotar 
práticas educativas” 
• Teatros, Parques, Casa, Rua, Terreno, Cinema, Praia, 
Caverna, Rio, Lago, Lagoa, Campo de futebol, etc...
Espaço formal Espaço escolar 
Instituições da 
Educação Básica 
e Ensino Superior 
Espaço não-formal 
Espaço não-escolar 
Instituições 
Não-instituições 
Museus 
Centro de 
Ciências 
Parques 
Praças 
Praias 
Ruas 
Parques
A importância de espaços educativos não formais (EENF): 
• Contribuir no aprendizado tanto dos alunos, potencializando, 
dinamizando e ampliando o universo escolar, sendo uma 
experiência de aula de campo que colabora para a 
consolidação do conhecimento mediado em sala de aula; 
• Quanto para os visitantes, que vão a esses locais por 
curiosidade, ou até mesmo para momentos de descontração e 
passeio – divulgação científica ou popularização das Ciências 
• Contribuem para desmistificar a complexidade das ciências, 
proporcionando metodologias inovadoras as quais estimulam 
a capacidade criativa e crítica.
Estação de Ciências Margarete Cruz Pereira
Circuitos educativos 
1- Agropecuário 
2- Ambiental 
3- Astronômico 
4- Cultural 
5- Recreativo 
Trabalho em grupo: 
• 10 grupos com 04 pessoas 
• 02 grupos por circuito 
Texto – o que consiste o circuito 
Atividade prática a ser desenvolvida na Estação de Ciências
Visita técnica-pedagógica a Estação de Ciências 
Atividade de campo com trilhas, oficinas e observação 
noturna 
13h – saída da SEME/Cariacica 
20h - Retorno 
• Ir de tênis, calça jeans; 
• Levar blusa de frio 
• Levar boné, protetor solar, repelente, garrafinha para água, 
diário de bordo, 
• Lanche para partilhar, binóculos

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conceituação da Educação Popular no Brasil
Conceituação da Educação Popular no BrasilConceituação da Educação Popular no Brasil
Conceituação da Educação Popular no BrasilLivia Rodrigues
 
Estrutura do Sistema Educacional Brasileiro
Estrutura do Sistema Educacional BrasileiroEstrutura do Sistema Educacional Brasileiro
Estrutura do Sistema Educacional BrasileiroLucas Sebastião Barbosa
 
Relações étnico raciais
Relações étnico raciaisRelações étnico raciais
Relações étnico raciaisSoares Junior
 
Educação e direitos humanos Aula 6 - educação em direitos humanos definições
Educação e direitos humanos  Aula 6 - educação em direitos humanos definiçõesEducação e direitos humanos  Aula 6 - educação em direitos humanos definições
Educação e direitos humanos Aula 6 - educação em direitos humanos definiçõesCleide Magáli dos Santos
 
Organização e gestão da escola
Organização e gestão da escolaOrganização e gestão da escola
Organização e gestão da escolaUlisses Vakirtzis
 
Historico Educação do Campo
Historico Educação do CampoHistorico Educação do Campo
Historico Educação do CampoWanessa de Castro
 
Tendências Pedagógicas da Educação Brasileira
Tendências Pedagógicas da Educação BrasileiraTendências Pedagógicas da Educação Brasileira
Tendências Pedagógicas da Educação BrasileiraHerbert Santana
 
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃOHISTÓRIA DA EDUCAÇÃO
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃOPaulo David
 
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISPOLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISJose Wilson Melo
 
Psicologia da Educação
Psicologia da Educação Psicologia da Educação
Psicologia da Educação Carlos Caldas
 
Antropologia e educação2223
Antropologia e educação2223Antropologia e educação2223
Antropologia e educação2223Ricardo Castro
 
Antropologia e Educação
Antropologia e EducaçãoAntropologia e Educação
Antropologia e EducaçãoClarim Natal
 
Quadro das concepcoess_pedagogicas
Quadro das concepcoess_pedagogicasQuadro das concepcoess_pedagogicas
Quadro das concepcoess_pedagogicasLiliane Barros
 

Mais procurados (20)

Slide história da educação - pdf
Slide   história da educação - pdfSlide   história da educação - pdf
Slide história da educação - pdf
 
Conceituação da Educação Popular no Brasil
Conceituação da Educação Popular no BrasilConceituação da Educação Popular no Brasil
Conceituação da Educação Popular no Brasil
 
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolaresA atuação do pedagogo em espaços não escolares
A atuação do pedagogo em espaços não escolares
 
Estrutura do Sistema Educacional Brasileiro
Estrutura do Sistema Educacional BrasileiroEstrutura do Sistema Educacional Brasileiro
Estrutura do Sistema Educacional Brasileiro
 
EDUCAÇÃO INFANTIL
EDUCAÇÃO INFANTILEDUCAÇÃO INFANTIL
EDUCAÇÃO INFANTIL
 
Espaços não formais de educação
Espaços não formais de educaçãoEspaços não formais de educação
Espaços não formais de educação
 
Relações étnico raciais
Relações étnico raciaisRelações étnico raciais
Relações étnico raciais
 
Educação e direitos humanos Aula 6 - educação em direitos humanos definições
Educação e direitos humanos  Aula 6 - educação em direitos humanos definiçõesEducação e direitos humanos  Aula 6 - educação em direitos humanos definições
Educação e direitos humanos Aula 6 - educação em direitos humanos definições
 
Organização e gestão da escola
Organização e gestão da escolaOrganização e gestão da escola
Organização e gestão da escola
 
Historico Educação do Campo
Historico Educação do CampoHistorico Educação do Campo
Historico Educação do Campo
 
Tendências Pedagógicas da Educação Brasileira
Tendências Pedagógicas da Educação BrasileiraTendências Pedagógicas da Educação Brasileira
Tendências Pedagógicas da Educação Brasileira
 
Educação inclusiva
Educação inclusivaEducação inclusiva
Educação inclusiva
 
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃOHISTÓRIA DA EDUCAÇÃO
HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO
 
Políticas Públicas Educacionais
Políticas Públicas EducacionaisPolíticas Públicas Educacionais
Políticas Públicas Educacionais
 
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAISPOLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
POLITICAS PUBLICAS EDUCACIONAIS
 
Psicologia da Educação
Psicologia da Educação Psicologia da Educação
Psicologia da Educação
 
Org do tempo e espaço
Org do tempo e espaçoOrg do tempo e espaço
Org do tempo e espaço
 
Antropologia e educação2223
Antropologia e educação2223Antropologia e educação2223
Antropologia e educação2223
 
Antropologia e Educação
Antropologia e EducaçãoAntropologia e Educação
Antropologia e Educação
 
Quadro das concepcoess_pedagogicas
Quadro das concepcoess_pedagogicasQuadro das concepcoess_pedagogicas
Quadro das concepcoess_pedagogicas
 

Destaque

Educação formal e não formal
Educação formal e não formalEducação formal e não formal
Educação formal e não formalAna Vilalva
 
Educação Formal e Não Formal
Educação Formal e Não FormalEducação Formal e Não Formal
Educação Formal e Não FormalThayseH
 
Quando surgiu a educação não formal
Quando surgiu a educação não formalQuando surgiu a educação não formal
Quando surgiu a educação não formalAnaRquel
 
Modalidades de educação slide 2
Modalidades de educação   slide 2Modalidades de educação   slide 2
Modalidades de educação slide 2semnazarenovirtual
 
Educação formal e Não formal
Educação formal e Não formalEducação formal e Não formal
Educação formal e Não formalAna Peixe
 
Áreas de atuação do pedagogo
Áreas de atuação do pedagogoÁreas de atuação do pedagogo
Áreas de atuação do pedagogoBeatriz
 
Aprendizagem informal
Aprendizagem informalAprendizagem informal
Aprendizagem informalLuiz Algarra
 
O papel do pedagogo na escola
O papel do pedagogo na escolaO papel do pedagogo na escola
O papel do pedagogo na escolaCleia Printes
 
Aula educação ambiental 2- formal e informal
Aula educação ambiental 2- formal e informalAula educação ambiental 2- formal e informal
Aula educação ambiental 2- formal e informalhenrique-182
 
Pedagogia, O QUE É SER PEDAGOGO
Pedagogia, O QUE É SER PEDAGOGOPedagogia, O QUE É SER PEDAGOGO
Pedagogia, O QUE É SER PEDAGOGOMírian Barbosa
 
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18UFPB
 
Slide introduçao a pedagogia
Slide introduçao a pedagogiaSlide introduçao a pedagogia
Slide introduçao a pedagogiaCamilla Follador
 
Origens da orientação educacional slide
Origens da orientação educacional slideOrigens da orientação educacional slide
Origens da orientação educacional slideestudosacademicospedag
 
O pedagogo e sua práxis: desafios e possibilidades na sociedade contemporânea
O pedagogo e sua práxis: desafios e possibilidades na sociedade contemporâneaO pedagogo e sua práxis: desafios e possibilidades na sociedade contemporânea
O pedagogo e sua práxis: desafios e possibilidades na sociedade contemporâneaMirianne Almeida
 
Apresentação do pedagogo
Apresentação do pedagogoApresentação do pedagogo
Apresentação do pedagogoAndréa Kochhann
 
Aprendizagem Informal
Aprendizagem InformalAprendizagem Informal
Aprendizagem InformalJoão Lima
 
Top 100 Tools for Learning 2011
Top 100 Tools for Learning 2011Top 100 Tools for Learning 2011
Top 100 Tools for Learning 2011Jane Hart
 
Novos espaços educacionais
Novos espaços educacionaisNovos espaços educacionais
Novos espaços educacionaisCIRINEU COSTA
 

Destaque (20)

Educação formal e não formal
Educação formal e não formalEducação formal e não formal
Educação formal e não formal
 
Educação Formal e Não Formal
Educação Formal e Não FormalEducação Formal e Não Formal
Educação Formal e Não Formal
 
Quando surgiu a educação não formal
Quando surgiu a educação não formalQuando surgiu a educação não formal
Quando surgiu a educação não formal
 
Modalidades de educação slide 2
Modalidades de educação   slide 2Modalidades de educação   slide 2
Modalidades de educação slide 2
 
Educação formal e Não formal
Educação formal e Não formalEducação formal e Não formal
Educação formal e Não formal
 
Áreas de atuação do pedagogo
Áreas de atuação do pedagogoÁreas de atuação do pedagogo
Áreas de atuação do pedagogo
 
Aprendizagem informal
Aprendizagem informalAprendizagem informal
Aprendizagem informal
 
O papel do pedagogo na escola
O papel do pedagogo na escolaO papel do pedagogo na escola
O papel do pedagogo na escola
 
Com quem
Com quemCom quem
Com quem
 
Aula educação ambiental 2- formal e informal
Aula educação ambiental 2- formal e informalAula educação ambiental 2- formal e informal
Aula educação ambiental 2- formal e informal
 
Pedagogia, O QUE É SER PEDAGOGO
Pedagogia, O QUE É SER PEDAGOGOPedagogia, O QUE É SER PEDAGOGO
Pedagogia, O QUE É SER PEDAGOGO
 
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
Campo de atuação_do_pedagogo- aula do dia 18
 
Slide introduçao a pedagogia
Slide introduçao a pedagogiaSlide introduçao a pedagogia
Slide introduçao a pedagogia
 
Origens da orientação educacional slide
Origens da orientação educacional slideOrigens da orientação educacional slide
Origens da orientação educacional slide
 
O pedagogo e sua práxis: desafios e possibilidades na sociedade contemporânea
O pedagogo e sua práxis: desafios e possibilidades na sociedade contemporâneaO pedagogo e sua práxis: desafios e possibilidades na sociedade contemporânea
O pedagogo e sua práxis: desafios e possibilidades na sociedade contemporânea
 
Apresentação do pedagogo
Apresentação do pedagogoApresentação do pedagogo
Apresentação do pedagogo
 
Aprendizagem Informal
Aprendizagem InformalAprendizagem Informal
Aprendizagem Informal
 
Relatório estágio
Relatório  estágioRelatório  estágio
Relatório estágio
 
Top 100 Tools for Learning 2011
Top 100 Tools for Learning 2011Top 100 Tools for Learning 2011
Top 100 Tools for Learning 2011
 
Novos espaços educacionais
Novos espaços educacionaisNovos espaços educacionais
Novos espaços educacionais
 

Semelhante a Espaco nao formal

LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdfLINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdfEricaBatistaAlmeida
 
Apresentação sapiranga escolas
Apresentação sapiranga   escolasApresentação sapiranga   escolas
Apresentação sapiranga escolasRodolfo Saenger
 
Aula a constituição da disciplina escolar ciências
Aula a constituição da disciplina escolar ciênciasAula a constituição da disciplina escolar ciências
Aula a constituição da disciplina escolar ciênciasLeonardo Kaplan
 
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .Diene Eire Mello
 
UFCD_10379_intervencao_socioeducativa.pptx
UFCD_10379_intervencao_socioeducativa.pptxUFCD_10379_intervencao_socioeducativa.pptx
UFCD_10379_intervencao_socioeducativa.pptxanalaco
 
E se a Biblioteca da minha escola fechasse. Isso notava-se muito?
E se a Biblioteca da minha escola fechasse. Isso notava-se muito? E se a Biblioteca da minha escola fechasse. Isso notava-se muito?
E se a Biblioteca da minha escola fechasse. Isso notava-se muito? João Paulo Proença
 
O ;Metodo Ensino por Investigação aplicado a várias Modalidades Didáticas
O ;Metodo Ensino por Investigação aplicado a várias Modalidades DidáticasO ;Metodo Ensino por Investigação aplicado a várias Modalidades Didáticas
O ;Metodo Ensino por Investigação aplicado a várias Modalidades DidáticasRonaldo Santana
 
Seminário: Informática e Sociedade
Seminário: Informática e SociedadeSeminário: Informática e Sociedade
Seminário: Informática e Sociedadeireneviana
 
A constituição da área do ec
A constituição da área do ecA constituição da área do ec
A constituição da área do ecSued Oliveira
 
Tendências atuais para o ensino de ciências
Tendências atuais para o ensino de ciênciasTendências atuais para o ensino de ciências
Tendências atuais para o ensino de ciênciasBinatto
 
Recursos para ambiente virtual
Recursos para ambiente virtualRecursos para ambiente virtual
Recursos para ambiente virtualSolange Quintella
 
Princípios conceitos e contribuição das tic na educação
Princípios conceitos e contribuição das tic na educaçãoPrincípios conceitos e contribuição das tic na educação
Princípios conceitos e contribuição das tic na educaçãoFlávio Pereira
 
Pnfem 3º caderno fev 2015
Pnfem 3º caderno fev 2015Pnfem 3º caderno fev 2015
Pnfem 3º caderno fev 2015Jorci Ponce
 
Gre – sertão do alto pajeú
Gre – sertão do alto pajeúGre – sertão do alto pajeú
Gre – sertão do alto pajeúMascleide Lima
 

Semelhante a Espaco nao formal (20)

LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdfLINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
LINGUAGENS - KARINA FERNANDES.pdf
 
Apresentação em ppt da Esther
Apresentação em ppt da EstherApresentação em ppt da Esther
Apresentação em ppt da Esther
 
Apresentação em ppt de Esther
Apresentação em ppt de EstherApresentação em ppt de Esther
Apresentação em ppt de Esther
 
Apresentação sapiranga escolas
Apresentação sapiranga   escolasApresentação sapiranga   escolas
Apresentação sapiranga escolas
 
Aula a constituição da disciplina escolar ciências
Aula a constituição da disciplina escolar ciênciasAula a constituição da disciplina escolar ciências
Aula a constituição da disciplina escolar ciências
 
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
Elementos da didática do online.Algumas reflexões. .
 
UFCD_10379_intervencao_socioeducativa.pptx
UFCD_10379_intervencao_socioeducativa.pptxUFCD_10379_intervencao_socioeducativa.pptx
UFCD_10379_intervencao_socioeducativa.pptx
 
Pacto caderno ciencias da natureza
Pacto caderno ciencias da natureza Pacto caderno ciencias da natureza
Pacto caderno ciencias da natureza
 
E se a Biblioteca da minha escola fechasse. Isso notava-se muito?
E se a Biblioteca da minha escola fechasse. Isso notava-se muito? E se a Biblioteca da minha escola fechasse. Isso notava-se muito?
E se a Biblioteca da minha escola fechasse. Isso notava-se muito?
 
O ;Metodo Ensino por Investigação aplicado a várias Modalidades Didáticas
O ;Metodo Ensino por Investigação aplicado a várias Modalidades DidáticasO ;Metodo Ensino por Investigação aplicado a várias Modalidades Didáticas
O ;Metodo Ensino por Investigação aplicado a várias Modalidades Didáticas
 
Seminário: Informática e Sociedade
Seminário: Informática e SociedadeSeminário: Informática e Sociedade
Seminário: Informática e Sociedade
 
A constituição da área do ec
A constituição da área do ecA constituição da área do ec
A constituição da área do ec
 
Tendências atuais para o ensino de ciências
Tendências atuais para o ensino de ciênciasTendências atuais para o ensino de ciências
Tendências atuais para o ensino de ciências
 
Recursos para ambiente virtual
Recursos para ambiente virtualRecursos para ambiente virtual
Recursos para ambiente virtual
 
ABED
ABEDABED
ABED
 
Transgressores Escolares
Transgressores EscolaresTransgressores Escolares
Transgressores Escolares
 
Princípios conceitos e contribuição das tic na educação
Princípios conceitos e contribuição das tic na educaçãoPrincípios conceitos e contribuição das tic na educação
Princípios conceitos e contribuição das tic na educação
 
Pnfem 3º caderno fev 2015
Pnfem 3º caderno fev 2015Pnfem 3º caderno fev 2015
Pnfem 3º caderno fev 2015
 
Gre – sertão do alto pajeú
Gre – sertão do alto pajeúGre – sertão do alto pajeú
Gre – sertão do alto pajeú
 
Slide caderno 2 ciências humanas
Slide   caderno 2 ciências humanasSlide   caderno 2 ciências humanas
Slide caderno 2 ciências humanas
 

Mais de cristianeramosteixeira (7)

Mini curso astronomia
Mini curso astronomiaMini curso astronomia
Mini curso astronomia
 
Psic.hist.cultural e phc
Psic.hist.cultural e phcPsic.hist.cultural e phc
Psic.hist.cultural e phc
 
Museus e centros de ciencias
Museus e centros de cienciasMuseus e centros de ciencias
Museus e centros de ciencias
 
Momentos da aula de campo
Momentos da aula de campoMomentos da aula de campo
Momentos da aula de campo
 
Ciência educacao cientifica
Ciência   educacao cientificaCiência   educacao cientifica
Ciência educacao cientifica
 
Abertura do curso
Abertura do cursoAbertura do curso
Abertura do curso
 
Apresentacao 2º
Apresentacao 2ºApresentacao 2º
Apresentacao 2º
 

Último

Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdfPPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdfAnaGonalves804156
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfpaulafernandes540558
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfdio7ff
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoSilvaDias3
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptxpamelacastro71
 
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de PartículasRecurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de PartículasCasa Ciências
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Noções de Orçamento Público AFO - CNU - Aula 1 - Alunos.pdf
Noções de Orçamento Público AFO - CNU - Aula 1 - Alunos.pdfNoções de Orçamento Público AFO - CNU - Aula 1 - Alunos.pdf
Noções de Orçamento Público AFO - CNU - Aula 1 - Alunos.pdfdottoor
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 

Último (20)

Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdfPPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
PPT _ Módulo 3_Direito Comercial_2023_2024.pdf
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdfHABILIDADES ESSENCIAIS  - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
HABILIDADES ESSENCIAIS - MATEMÁTICA 4º ANO.pdf
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptxAula 1, 2  Bacterias Características e Morfologia.pptx
Aula 1, 2 Bacterias Características e Morfologia.pptx
 
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de PartículasRecurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
Recurso Casa das Ciências: Sistemas de Partículas
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
Noções de Orçamento Público AFO - CNU - Aula 1 - Alunos.pdf
Noções de Orçamento Público AFO - CNU - Aula 1 - Alunos.pdfNoções de Orçamento Público AFO - CNU - Aula 1 - Alunos.pdf
Noções de Orçamento Público AFO - CNU - Aula 1 - Alunos.pdf
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 

Espaco nao formal

  • 1. O ENSINO DE CIÊNCIAS ARTICULADO AOS ESPAÇOS EDUCATIVOS (FORMAIS E NÃO FORMAIS)
  • 2. Os Lugares da Educação: •Educação Formal •Não Formal •Informal
  • 3.
  • 4. “Recebemos três educações diferentes, ou contrárias: a de nossos pais, a de nossos mestres e a do mundo”. (Montesquieu,1951, apud Trilla, 2008) Amplitude e a variedade do processo educacional Ideia de classificação dos tipos de educação
  • 5. Amplitude e variedade do processo educacional Demanda de educação em face de setores tradicionalmente excluídos Mudanças na instituição familiar, urbanísticas, etc. Transformações no mundo do trabalho que geram novas formas de capacitação profissional Desenvolvimento de novas tecnologias, crescimento dos meios de comunicação
  • 6. Classificação dos tipos de educação Formal Informal Não Formal
  • 7. Definições: •Diferencia fazendo referencia ao ensinar e aprender •Diferenciam quanto a necessidade de certificação
  • 8. Formal • Existe uma intenção dirigida e uma organização institucional que favorece a educação sistemática, contínua e sequencial.
  • 9. Gohn (2010) Informal “aquela na qual os indivíduos aprendem durante seu processo de socialização gerada nas relações e relacionamentos intra e extrafamiliares” Experiências com os pais, amigos, clubes, teatros, leitura de jornais e livros - caráter espontâneo e permanente
  • 10. Não Formal • “Processo sociopolítico, cultural e pedagógico de formação para a cidadania, entendo o político como a formação do indivíduo para interagir com o outro em sociedade. Ela designa um conjunto de práticas socioculturais de aprendizagem e produção de saberes, que envolve organizações/instituições, atividades, meios e formas variadas, assim como uma multiplicidade de programas e projetos sociais”
  • 12. Espaço Educativo Formal • Jacobucci, (2008) • Espaço escolar- Instituições Escolares da Educação Básica e do Ensino Superior, definidas na Lei 9394/96 de Diretrizes e Bases da Educação Nacional • É a escola com todas as suas dependências: sala de aula, laboratórios, biblioteca, pátio, cantina, refeitório...
  • 13. Espaço Educativo Não Formal Pode ocorrer tipos diferentes de educação de acordo com a intencionalidade.
  • 14. INSTITUCIONALIZADO • “Espaços que são regulamentados e que possuem equipe técnica responsável pelas atividades executadas” • Museus, Centros de Ciências, Parques ecológicos, Parques Botânicos, Parques Zoobotânicos, Jardins Bitânicos, Planetários, Institutos de Pesquisa, Aquários, Zoológicos
  • 15. NÃO INSTITUCIONALIZADO: • “ambientes naturais ou urbanos que não dispõem de estruturação institucional, mas onde é possível adotar práticas educativas” • Teatros, Parques, Casa, Rua, Terreno, Cinema, Praia, Caverna, Rio, Lago, Lagoa, Campo de futebol, etc...
  • 16. Espaço formal Espaço escolar Instituições da Educação Básica e Ensino Superior Espaço não-formal Espaço não-escolar Instituições Não-instituições Museus Centro de Ciências Parques Praças Praias Ruas Parques
  • 17. A importância de espaços educativos não formais (EENF): • Contribuir no aprendizado tanto dos alunos, potencializando, dinamizando e ampliando o universo escolar, sendo uma experiência de aula de campo que colabora para a consolidação do conhecimento mediado em sala de aula; • Quanto para os visitantes, que vão a esses locais por curiosidade, ou até mesmo para momentos de descontração e passeio – divulgação científica ou popularização das Ciências • Contribuem para desmistificar a complexidade das ciências, proporcionando metodologias inovadoras as quais estimulam a capacidade criativa e crítica.
  • 18. Estação de Ciências Margarete Cruz Pereira
  • 19.
  • 20. Circuitos educativos 1- Agropecuário 2- Ambiental 3- Astronômico 4- Cultural 5- Recreativo Trabalho em grupo: • 10 grupos com 04 pessoas • 02 grupos por circuito Texto – o que consiste o circuito Atividade prática a ser desenvolvida na Estação de Ciências
  • 21. Visita técnica-pedagógica a Estação de Ciências Atividade de campo com trilhas, oficinas e observação noturna 13h – saída da SEME/Cariacica 20h - Retorno • Ir de tênis, calça jeans; • Levar blusa de frio • Levar boné, protetor solar, repelente, garrafinha para água, diário de bordo, • Lanche para partilhar, binóculos