Neurociências e Comportamento

7.007 visualizações

Publicada em

Neurociências e Comportamento
Aula 1
Prof. Aline

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.007
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
607
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
118
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Neurociências e Comportamento

  1. 1. 17/02/2012 Neurociências e Comportamento Faculdade de Psicologia USJT Plano de Ensino• Objetivos: – Desenvolver uma visão geral da organização do sistema nervoso e de como ocorre a excitabilidade nervosa dentro de suas bases físico-químicas – Reconhecer as bases orgânicas das funções motoras, sensoriais e do comportamento a partir do conhecimento anatômico e fisiológico do sistema nervoso. 1
  2. 2. 17/02/2012 Plano de ensino – Compreender a filogênese do sistema nervoso – Reconhecer as diferentes estruturas que compõem o sistema nervoso humano. – Compreender que o comportamento humano é resultado do complexo funcionamento deste sistema Bibliografia• Guyton, Arthur C. Neurociência básica: anatomia e fisiologia. 2.ed. Rio de Janeiro: Guanabara• Tratado de fisiologia médica GUYTON, Arthur C.; HALL, John E. Tratado de fisiologia médica. 10. ed. Rio de Janeiro: Guanabara, c2002• Machado, Angelo. Neuroanatomia funcional. 2 ed. São Paulo: AtHeneu, 2005• Netter, F. H. Atlas de Anatomia Humana, 2 ed. Porto Alegre, Artmed, 2000 2
  3. 3. 17/02/2012 Neurociências e Comportamento• Encéfalo– estrutura mais complexa do universo. Pesa ao redor de um quilo e meio, mas contém tantos neurônios quantas estrelas na Via Láctea: 100 bilhões. Neurociências e Comportamento • Neurociências: a ciência da mente (Mente: conjunto de operações realizadas pelo SN.) • Comportamento: a ciência do Sistema Nervoso (Comportamento: resultado da função neural) • GENÉTICA x MEIO AMBIENTE 3
  4. 4. 17/02/2012 Neurociências e Comportamento• O objetivo da neurociência é compreender os processos mentais pelos quais nós percebemos, agimos, aprendemos e nos lembramos. Explicar o comportamento a partir dos processos mentais.• A especificidade das conexões sinápticas estabelecidas durante o desenvolvimento é a base da percepção, ação, emoção e aprendizagem. 4
  5. 5. 17/02/2012 História• Trepanação (10.000 anos) História 5
  6. 6. 17/02/2012 História• Hipócrates (460-379 a.C)- o cérebro controlava as sensações e a inteligência. O estudo adequado da mente começa com o estudo do encéfalo.• Aristóteles (384-322 A.C.) – cérebro era um radiador que esfriava o sangue que era esquentado pelo coração, que é o órgão do pensamento. História• Galeno 200 a.C – » cerebrum- parte da frente » cerebellum – parte de trás 6
  7. 7. 17/02/2012 7
  8. 8. 17/02/2012 8
  9. 9. 17/02/2012 9
  10. 10. 17/02/2012 10
  11. 11. 17/02/2012 11
  12. 12. 17/02/2012 12
  13. 13. 17/02/2012 13
  14. 14. 17/02/2012 14
  15. 15. 17/02/2012 NeurociênciaA neurociência moderna representa uma fusão da biologia molecular com a neuropsicologia, anatomia, embriologia, biologia celular e psicologia. 15
  16. 16. 17/02/2012 IntroduçãoO SN detecta as alterações do meio externo e interno e possibilita respostas apropriadas nos músculos, nos órgãos e nas glândulas. • Funções Superiores: » Aprendizado » Memória » Cognição » Autoconsciência » Intelecto » Personalidade Unidade estrutural e funcional• Neurônio – 1010• Sinapses – regiões especializadas onde a informação é passada de neurônio para neurônio 16
  17. 17. 17/02/2012 Potencial de repouso• Potencial elétrico – 60-70 mV – Interno negativo• Potencial de ação – Sinapses químicas e elétricas • Vesículas sinápticas • Neurotransmissores • Membranas pré e pós sinápticas • Receptores • Despolarização / hiperpolarização Células da Glia• Oligodendrócitos – bainha de mielina• Astrócitos- barreira hemato-encefálico• Micróglia – papel fagocítico 17

×