SlideShare uma empresa Scribd logo
TEORIAS DA AUTOPOIESE   Maturana e Varela PROFA. DRA. LUCILA PESCE PPG TIDD PUC/SP
Maturana e Varela (1995) Dinâmica social  humana como fenômeno biológico. Toda vez que há um  fenômeno social  há um  acoplamento  estrutural de indivíduos. A comunicação ocorre no acoplamento social. Comunicação e a ontologia do observador : cada pessoa interpreta a realidade de acordo com sua própria determinação estrutural. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Maturana e Varela (1995) Linguagem A história evolutiva do homem associa-se às condutas linguísticas. Sistema social humano e a ampliação da criatividade de seus membros. Conduta cultural como um caso particular de conduta comunicativa. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Maturana e Varela (1995) Domínios linguísticos e consciência humana O que determina a coordenação comportamental é o significado que o observador atribui às condutas e não o acoplamento estrutural dos participantes. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Maturana e Varela (1995) Condutas linguísticas Acoplamento estrutural ontogênico
Maturana e Varela (1995) A linguagem permite a que opera nela descrever-se a si mesmo e às suas circunstâncias  ( ibid ., p. 233). PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Maturana e Varela (1995) Reflexão linguística Domínio semântico  Observador Somos observadores e existimos num domínio semântico criado pelo nosso operar linguístico  ( ibid ., p. 234).
Maturana e Varela (1995) Mente e consciência Oriundas do intenso acoplamento linguístico. Modo diário como organizamos e damos coerência às nossas reflexões. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Maturana e Varela (1995) REFLEXÃO IDENTIDADE Na linguagem humana
Maturana e Varela (1995) Coordenações comportamentais (no cotidiano) Comunicação EXPERIÊNCIA
Maturana e Varela (1995) CONSCIÊNCIA MENTE Acoplamento social
PROFA. DRA. LUCILA PESCE Escher,  Drawing Hands
Maturana e Varela (1995) EXPERIÊNCIA MUNDO VIVIDO  HISTÓRIA BIOSSOCIAL  O  CONHECER E O CONHECEDOR
Maturana e Varela (1995) O conhecer humano é vivido em uma tradição cultural. Refutar as certezas. Fundamento biológico do fenômeno social  –considerar o ponto de visto do outro, no nosso domínio experiencial. Linguagem  e reflexividade. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Maturana e Varela (1995) Conhecimento Ação Linguagem O caráter ético da construção do conhecimento
Pesce (2000) Autopoiese Dinâmica constitutiva da organização circular dos seres vivos em sua autoprodução única, na relação com o operar cognitivo. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Pesce (2000) Ontologia do observador O observador é participante constitutivo e ativo do observado. Inexistência de uma realidade única e objetiva, porque a experiência de cada observador é única. Ontologia do observador e o trabalho educacional que leva em conta o multiculturalismo. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Pesce (2000) Organização e estrutura Dinâmica circular de ambos os elementos, na autopoiese dos seres vivos. Relação biunívoca entre o ser o e fazer. Autopoiese garantida pela permanência da organização e alteração das estruturas. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Pesce (2000) Acoplamento estrutural Surge como resultado das modificações das unidades interatuantes. As perturbações compensatórias no acoplamento estrutural do sistema ao meio provocam a cognição. Aponta o caráter relacional da cognição. Evolução adaptativa como adaptação ontogenética, no acoplamento estrutural entre sistema e meio. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Pesce (2000) Cognição como fenômeno biológico Conhecimento como ação efetiva, para além da representação de uma realidade independente. Evolução como processo de adaptação contínua, com destaque para a criatividade. Motivação endógena para com o conhecimento (fruição e cognição). PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Pesce (2000) A linguagem na teoria da autopoiese Caráter dinâmico e relacional. Linguajar (linguagem, ação, emoção). Interação linguística como foro para a ação. Duplo papel: de reprodução e de reconstrução. Desenvolvimento linguístico como interação recursiva dos sistemas autopoiéticos. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Pesce (2000) TIC e Autopoiese Não são as TIC que guiam a vida moderna, mas nossas emoções. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Pesce (2000) Autopoiese e Educação Eco-sistêmica conhecimento como fenômeno biológico; motivação endógena  para com o conhecimento; íntima relação entre o  ser  e o  fazer , na  autopoiese  dos seres vivos; valor da criatividade na cognição dos sistemas vivos; caráter relacional da cognição, tecido pelo  acoplamento estrutural ; relação entre linguagem, ação e emoção; PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Pesce (2000) Autopoiese e Educação Eco-sistêmica ambigüidade da linguagem (no  linguajear ), enquanto reprodutora e reconstrutora do mundo; manutenção da identidade do ser vivo garantida por sua  autopoiese;   na autopoiese, a manutenção da  organização , pelas contínuas alterações de suas  estruturas , no seu  acoplamento estrutural entre sistema e  meio . PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Questão para discussão Que elementos da Teoria da Autopoiese de Maturana e Varela podem ser pertinentes ao estudo dos AVA? PROFA. DRA. LUCILA PESCE
Referências bibliográficas MATURANA, Humberto e VARELA, Francisco. (1995).  A árvore do conhecimento : as bases biológicas do entendimento humano. Campinas: Editorial Psy. pp. 205-266. PESCE, Lucila. (2000). Visão educacional eco-sistêmica: uma contribuição a partir de Maturana e Varela.  Revista da APG – PUC/SP . Ano IX, n. 23. pp. 141-154. PROFA. DRA. LUCILA PESCE

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Identidade, diferença e cultura
Identidade, diferença e culturaIdentidade, diferença e cultura
Identidade, diferença e cultura
Comunidados
 
1.processo de ensino e aprendizagem
1.processo de ensino e aprendizagem1.processo de ensino e aprendizagem
1.processo de ensino e aprendizagem
Alba Mate Mate
 
Pierre bourdieu – uma introdução
Pierre bourdieu – uma introduçãoPierre bourdieu – uma introdução
Pierre bourdieu – uma introdução
Marcio Neske
 
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
AlbertoMatavele
 
Psicologia Da EducaçãO Aula IntrodutóRia
Psicologia Da EducaçãO  Aula IntrodutóRiaPsicologia Da EducaçãO  Aula IntrodutóRia
Psicologia Da EducaçãO Aula IntrodutóRia
Silvia Marina Anaruma
 
Ideologia
IdeologiaIdeologia
Os Tipos de Conhecimento
Os Tipos de ConhecimentoOs Tipos de Conhecimento
Os Tipos de Conhecimento
Jonathan Nascyn
 
Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem
Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagemPsicologia do desenvolvimento e da aprendizagem
Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem
Débora Silveira
 
Introdução à Política
Introdução à PolíticaIntrodução à Política
Introdução à Política
Jorge Barbosa
 
Educação e Mudança Paulo Freire
Educação e Mudança Paulo FreireEducação e Mudança Paulo Freire
Educação e Mudança Paulo Freire
Sandra Maria Alves da Costa
 
Panoptico
PanopticoPanoptico
Panoptico
celio correa
 
Desenvolvimento infantil piaget-vygtsky-maturama-wallon
Desenvolvimento infantil piaget-vygtsky-maturama-wallonDesenvolvimento infantil piaget-vygtsky-maturama-wallon
Desenvolvimento infantil piaget-vygtsky-maturama-wallon
Elisa Maria Gomide
 
Juventude!
Juventude!Juventude!
Juventude!
Dalila Melo
 
O pragmatismo na Educação
O pragmatismo na EducaçãoO pragmatismo na Educação
O pragmatismo na Educação
Alessandro Werneck
 
Slides Sobre Identidade E DiferençA
Slides Sobre Identidade E DiferençASlides Sobre Identidade E DiferençA
Slides Sobre Identidade E DiferençA
Formação FURB
 
A verdade
A verdadeA verdade
O que é a "Consciência"?
O que é a "Consciência"?O que é a "Consciência"?
O que é a "Consciência"?
Layanne Dias
 
Epistemologia
EpistemologiaEpistemologia
Epistemologia
Ivanderson da Silva
 
Sociedade e indivíduo
Sociedade e indivíduoSociedade e indivíduo
Sociedade e indivíduo
Pedro Zito
 
Apropriação Cultural
Apropriação CulturalApropriação Cultural
Apropriação Cultural
Ashley Hawthorne
 

Mais procurados (20)

Identidade, diferença e cultura
Identidade, diferença e culturaIdentidade, diferença e cultura
Identidade, diferença e cultura
 
1.processo de ensino e aprendizagem
1.processo de ensino e aprendizagem1.processo de ensino e aprendizagem
1.processo de ensino e aprendizagem
 
Pierre bourdieu – uma introdução
Pierre bourdieu – uma introduçãoPierre bourdieu – uma introdução
Pierre bourdieu – uma introdução
 
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
02 FUNDAMENTOS DE PEDAGOGIA 1 aulas.ppt
 
Psicologia Da EducaçãO Aula IntrodutóRia
Psicologia Da EducaçãO  Aula IntrodutóRiaPsicologia Da EducaçãO  Aula IntrodutóRia
Psicologia Da EducaçãO Aula IntrodutóRia
 
Ideologia
IdeologiaIdeologia
Ideologia
 
Os Tipos de Conhecimento
Os Tipos de ConhecimentoOs Tipos de Conhecimento
Os Tipos de Conhecimento
 
Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem
Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagemPsicologia do desenvolvimento e da aprendizagem
Psicologia do desenvolvimento e da aprendizagem
 
Introdução à Política
Introdução à PolíticaIntrodução à Política
Introdução à Política
 
Educação e Mudança Paulo Freire
Educação e Mudança Paulo FreireEducação e Mudança Paulo Freire
Educação e Mudança Paulo Freire
 
Panoptico
PanopticoPanoptico
Panoptico
 
Desenvolvimento infantil piaget-vygtsky-maturama-wallon
Desenvolvimento infantil piaget-vygtsky-maturama-wallonDesenvolvimento infantil piaget-vygtsky-maturama-wallon
Desenvolvimento infantil piaget-vygtsky-maturama-wallon
 
Juventude!
Juventude!Juventude!
Juventude!
 
O pragmatismo na Educação
O pragmatismo na EducaçãoO pragmatismo na Educação
O pragmatismo na Educação
 
Slides Sobre Identidade E DiferençA
Slides Sobre Identidade E DiferençASlides Sobre Identidade E DiferençA
Slides Sobre Identidade E DiferençA
 
A verdade
A verdadeA verdade
A verdade
 
O que é a "Consciência"?
O que é a "Consciência"?O que é a "Consciência"?
O que é a "Consciência"?
 
Epistemologia
EpistemologiaEpistemologia
Epistemologia
 
Sociedade e indivíduo
Sociedade e indivíduoSociedade e indivíduo
Sociedade e indivíduo
 
Apropriação Cultural
Apropriação CulturalApropriação Cultural
Apropriação Cultural
 

Destaque

Autopoiese
AutopoieseAutopoiese
Autopoiese
Rubilar Toniazzo
 
Biologia da Cognição: a teoria de Maturana e Varela e seus desdobramentos fil...
Biologia da Cognição: a teoria de Maturana e Varela e seus desdobramentos fil...Biologia da Cognição: a teoria de Maturana e Varela e seus desdobramentos fil...
Biologia da Cognição: a teoria de Maturana e Varela e seus desdobramentos fil...
Gustavo Gitti
 
A educação através da biologia do amor e
A educação através da biologia do amor eA educação através da biologia do amor e
A educação através da biologia do amor e
Universidade Federal Fluminense
 
Autopoiese
AutopoieseAutopoiese
Autopoiese
Rubilar Toniazzo
 
Fluxo e transformação em reparação veicular
Fluxo e transformação em  reparação veicularFluxo e transformação em  reparação veicular
Fluxo e transformação em reparação veicular
Rubilar Toniazzo
 
COGNIÇÃO, CIÊNCIA E VIDA COTIDIANA
COGNIÇÃO, CIÊNCIA E VIDA COTIDIANACOGNIÇÃO, CIÊNCIA E VIDA COTIDIANA
COGNIÇÃO, CIÊNCIA E VIDA COTIDIANA
Wilson L. Silva
 
Humberto Maturana
Humberto MaturanaHumberto Maturana
Humberto Maturana
Mariana Tiso
 
Minicurso Humberto Maturana
Minicurso Humberto Maturana Minicurso Humberto Maturana
Minicurso Humberto Maturana
jorge luiz dos santos de souza
 
Boletim15 a 17042014
Boletim15 a 17042014Boletim15 a 17042014
Boletim15 a 17042014
Evandro Lira
 
Guia da-internet-2011
Guia da-internet-2011Guia da-internet-2011
Guia da-internet-2011
elianemfr
 
Caderno de resumos EIHC 2014
Caderno de resumos EIHC 2014Caderno de resumos EIHC 2014
Caderno de resumos EIHC 2014
Geac Ufal
 
Guia Da Internet 2009
Guia Da Internet 2009Guia Da Internet 2009
Guia Da Internet 2009
ruixcp
 
Anexo vi pontua+ç+âo
Anexo vi pontua+ç+âoAnexo vi pontua+ç+âo
Anexo vi pontua+ç+âo
Evandro Lira
 
Discursao
DiscursaoDiscursao
Convite ago-2015-ia+ºu
Convite   ago-2015-ia+ºuConvite   ago-2015-ia+ºu
Convite ago-2015-ia+ºu
Josete Sampaio
 
Anexo vii calend+ürio
Anexo vii calend+ürioAnexo vii calend+ürio
Anexo vii calend+ürio
Evandro Lira
 
Guia internet 2009
Guia internet 2009Guia internet 2009
Guia internet 2009
Viviane Matos
 
Grupos pesquisa Fau-Mack 2012
Grupos pesquisa Fau-Mack 2012Grupos pesquisa Fau-Mack 2012
Grupos pesquisa Fau-Mack 2012
Carlos Elson Cunha
 
Interação Social e Vida Cotidiana - Sociologia
Interação Social e Vida Cotidiana - SociologiaInteração Social e Vida Cotidiana - Sociologia
Interação Social e Vida Cotidiana - Sociologia
Kiki Tavares
 
04475a
04475a04475a

Destaque (20)

Autopoiese
AutopoieseAutopoiese
Autopoiese
 
Biologia da Cognição: a teoria de Maturana e Varela e seus desdobramentos fil...
Biologia da Cognição: a teoria de Maturana e Varela e seus desdobramentos fil...Biologia da Cognição: a teoria de Maturana e Varela e seus desdobramentos fil...
Biologia da Cognição: a teoria de Maturana e Varela e seus desdobramentos fil...
 
A educação através da biologia do amor e
A educação através da biologia do amor eA educação através da biologia do amor e
A educação através da biologia do amor e
 
Autopoiese
AutopoieseAutopoiese
Autopoiese
 
Fluxo e transformação em reparação veicular
Fluxo e transformação em  reparação veicularFluxo e transformação em  reparação veicular
Fluxo e transformação em reparação veicular
 
COGNIÇÃO, CIÊNCIA E VIDA COTIDIANA
COGNIÇÃO, CIÊNCIA E VIDA COTIDIANACOGNIÇÃO, CIÊNCIA E VIDA COTIDIANA
COGNIÇÃO, CIÊNCIA E VIDA COTIDIANA
 
Humberto Maturana
Humberto MaturanaHumberto Maturana
Humberto Maturana
 
Minicurso Humberto Maturana
Minicurso Humberto Maturana Minicurso Humberto Maturana
Minicurso Humberto Maturana
 
Boletim15 a 17042014
Boletim15 a 17042014Boletim15 a 17042014
Boletim15 a 17042014
 
Guia da-internet-2011
Guia da-internet-2011Guia da-internet-2011
Guia da-internet-2011
 
Caderno de resumos EIHC 2014
Caderno de resumos EIHC 2014Caderno de resumos EIHC 2014
Caderno de resumos EIHC 2014
 
Guia Da Internet 2009
Guia Da Internet 2009Guia Da Internet 2009
Guia Da Internet 2009
 
Anexo vi pontua+ç+âo
Anexo vi pontua+ç+âoAnexo vi pontua+ç+âo
Anexo vi pontua+ç+âo
 
Discursao
DiscursaoDiscursao
Discursao
 
Convite ago-2015-ia+ºu
Convite   ago-2015-ia+ºuConvite   ago-2015-ia+ºu
Convite ago-2015-ia+ºu
 
Anexo vii calend+ürio
Anexo vii calend+ürioAnexo vii calend+ürio
Anexo vii calend+ürio
 
Guia internet 2009
Guia internet 2009Guia internet 2009
Guia internet 2009
 
Grupos pesquisa Fau-Mack 2012
Grupos pesquisa Fau-Mack 2012Grupos pesquisa Fau-Mack 2012
Grupos pesquisa Fau-Mack 2012
 
Interação Social e Vida Cotidiana - Sociologia
Interação Social e Vida Cotidiana - SociologiaInteração Social e Vida Cotidiana - Sociologia
Interação Social e Vida Cotidiana - Sociologia
 
04475a
04475a04475a
04475a
 

Semelhante a Teoria da Autopoiese - Maturana e Varela

Interação e aprendizagem em ambientes virtuais
Interação e aprendizagem em ambientes virtuaisInteração e aprendizagem em ambientes virtuais
Interação e aprendizagem em ambientes virtuais
Joao Mattar
 
Corporalidade: um caminho no diálogo entre Estudos Lingüísticos e Filosofia
Corporalidade: um caminho no diálogo entre Estudos Lingüísticos e FilosofiaCorporalidade: um caminho no diálogo entre Estudos Lingüísticos e Filosofia
Corporalidade: um caminho no diálogo entre Estudos Lingüísticos e Filosofia
jorge luiz dos santos de souza
 
Generos Textuais
Generos TextuaisGeneros Textuais
Generos Textuais
Luciane Oliveira
 
Comunicacaoalternativa
ComunicacaoalternativaComunicacaoalternativa
Comunicacaoalternativa
Jaqueline Uliano
 
Teorias da Complexidade
Teorias da ComplexidadeTeorias da Complexidade
Teorias da Complexidade
Lucila Pesce
 
Seminário – método qualitativo
Seminário – método qualitativoSeminário – método qualitativo
Seminário – método qualitativo
Procambiental
 
Análise sobre os signos, significados e significantes
Análise sobre os signos, significados e significantesAnálise sobre os signos, significados e significantes
Análise sobre os signos, significados e significantes
Jean Michel Gallo Soldatelli
 
Amar e brincar - fundamentos esquecidos do humano - Humberto Maturana e Gerda...
Amar e brincar - fundamentos esquecidos do humano - Humberto Maturana e Gerda...Amar e brincar - fundamentos esquecidos do humano - Humberto Maturana e Gerda...
Amar e brincar - fundamentos esquecidos do humano - Humberto Maturana e Gerda...
Ateliê Giramundo
 
Conectividade na cena improvisada: ideias no/do corpo que dança.
Conectividade na cena improvisada: ideias no/do corpo que dança.Conectividade na cena improvisada: ideias no/do corpo que dança.
Conectividade na cena improvisada: ideias no/do corpo que dança.
liriamorays
 
Bronckart - os gêneros e tipos de discurso
Bronckart - os gêneros e tipos de discursoBronckart - os gêneros e tipos de discurso
Bronckart - os gêneros e tipos de discurso
Raquel Salcedo Gomes
 
Teoria do Conhecimento em Maturana e Varela
Teoria do Conhecimento em Maturana e VarelaTeoria do Conhecimento em Maturana e Varela
Teoria do Conhecimento em Maturana e Varela
Ipsun
 
Live 03 07_2020_lu_ana
Live 03 07_2020_lu_anaLive 03 07_2020_lu_ana
Live 03 07_2020_lu_ana
digrado
 
Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem online em tempos de...
Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem online em tempos de...Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem online em tempos de...
Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem online em tempos de...
Lucila Pesce
 
Semântica
SemânticaSemântica
Gênese do Pensamento e da Linguagem L. S. Vygotsky.
Gênese do Pensamento e da Linguagem L. S. Vygotsky.Gênese do Pensamento e da Linguagem L. S. Vygotsky.
Gênese do Pensamento e da Linguagem L. S. Vygotsky.
ronnymm
 
Palestrabronckart Inplatraduzido[1]
Palestrabronckart Inplatraduzido[1]Palestrabronckart Inplatraduzido[1]
Questionamentos em Mediação de Conflitos
Questionamentos em Mediação de ConflitosQuestionamentos em Mediação de Conflitos
Questionamentos em Mediação de Conflitos
Corinna Schabbel
 
Palestra discurso e poder
Palestra discurso e poderPalestra discurso e poder
Palestra discurso e poder
Nadia Biavati
 
Cultura e sociedade
Cultura e sociedadeCultura e sociedade
Cultura e sociedade
Flávio Paz II
 
Análise de (do) discurso
Análise de (do) discursoAnálise de (do) discurso

Semelhante a Teoria da Autopoiese - Maturana e Varela (20)

Interação e aprendizagem em ambientes virtuais
Interação e aprendizagem em ambientes virtuaisInteração e aprendizagem em ambientes virtuais
Interação e aprendizagem em ambientes virtuais
 
Corporalidade: um caminho no diálogo entre Estudos Lingüísticos e Filosofia
Corporalidade: um caminho no diálogo entre Estudos Lingüísticos e FilosofiaCorporalidade: um caminho no diálogo entre Estudos Lingüísticos e Filosofia
Corporalidade: um caminho no diálogo entre Estudos Lingüísticos e Filosofia
 
Generos Textuais
Generos TextuaisGeneros Textuais
Generos Textuais
 
Comunicacaoalternativa
ComunicacaoalternativaComunicacaoalternativa
Comunicacaoalternativa
 
Teorias da Complexidade
Teorias da ComplexidadeTeorias da Complexidade
Teorias da Complexidade
 
Seminário – método qualitativo
Seminário – método qualitativoSeminário – método qualitativo
Seminário – método qualitativo
 
Análise sobre os signos, significados e significantes
Análise sobre os signos, significados e significantesAnálise sobre os signos, significados e significantes
Análise sobre os signos, significados e significantes
 
Amar e brincar - fundamentos esquecidos do humano - Humberto Maturana e Gerda...
Amar e brincar - fundamentos esquecidos do humano - Humberto Maturana e Gerda...Amar e brincar - fundamentos esquecidos do humano - Humberto Maturana e Gerda...
Amar e brincar - fundamentos esquecidos do humano - Humberto Maturana e Gerda...
 
Conectividade na cena improvisada: ideias no/do corpo que dança.
Conectividade na cena improvisada: ideias no/do corpo que dança.Conectividade na cena improvisada: ideias no/do corpo que dança.
Conectividade na cena improvisada: ideias no/do corpo que dança.
 
Bronckart - os gêneros e tipos de discurso
Bronckart - os gêneros e tipos de discursoBronckart - os gêneros e tipos de discurso
Bronckart - os gêneros e tipos de discurso
 
Teoria do Conhecimento em Maturana e Varela
Teoria do Conhecimento em Maturana e VarelaTeoria do Conhecimento em Maturana e Varela
Teoria do Conhecimento em Maturana e Varela
 
Live 03 07_2020_lu_ana
Live 03 07_2020_lu_anaLive 03 07_2020_lu_ana
Live 03 07_2020_lu_ana
 
Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem online em tempos de...
Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem online em tempos de...Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem online em tempos de...
Fundamentos ontológicos e epistemológicos da aprendizagem online em tempos de...
 
Semântica
SemânticaSemântica
Semântica
 
Gênese do Pensamento e da Linguagem L. S. Vygotsky.
Gênese do Pensamento e da Linguagem L. S. Vygotsky.Gênese do Pensamento e da Linguagem L. S. Vygotsky.
Gênese do Pensamento e da Linguagem L. S. Vygotsky.
 
Palestrabronckart Inplatraduzido[1]
Palestrabronckart Inplatraduzido[1]Palestrabronckart Inplatraduzido[1]
Palestrabronckart Inplatraduzido[1]
 
Questionamentos em Mediação de Conflitos
Questionamentos em Mediação de ConflitosQuestionamentos em Mediação de Conflitos
Questionamentos em Mediação de Conflitos
 
Palestra discurso e poder
Palestra discurso e poderPalestra discurso e poder
Palestra discurso e poder
 
Cultura e sociedade
Cultura e sociedadeCultura e sociedade
Cultura e sociedade
 
Análise de (do) discurso
Análise de (do) discursoAnálise de (do) discurso
Análise de (do) discurso
 

Mais de Lucila Pesce

Versão correta - Docência universitária e cultura digital: contribuições e de...
Versão correta - Docência universitária e cultura digital: contribuições e de...Versão correta - Docência universitária e cultura digital: contribuições e de...
Versão correta - Docência universitária e cultura digital: contribuições e de...
Lucila Pesce
 
Linguagens hipermidiáticas e processos formativos: uma inovação?
Linguagens hipermidiáticas e processos formativos: uma inovação?Linguagens hipermidiáticas e processos formativos: uma inovação?
Linguagens hipermidiáticas e processos formativos: uma inovação?
Lucila Pesce
 
Paulo Freire e educação mediada: inspirações
Paulo Freire e educação mediada: inspiraçõesPaulo Freire e educação mediada: inspirações
Paulo Freire e educação mediada: inspirações
Lucila Pesce
 
DIGITAL TECHNOLOGIES OF INFORMATION AND COMMUNICATION
DIGITAL TECHNOLOGIES OF INFORMATION AND COMMUNICATIONDIGITAL TECHNOLOGIES OF INFORMATION AND COMMUNICATION
DIGITAL TECHNOLOGIES OF INFORMATION AND COMMUNICATION
Lucila Pesce
 
Cepem 2018 apresentacao_silvia_lucila_short
Cepem 2018 apresentacao_silvia_lucila_shortCepem 2018 apresentacao_silvia_lucila_short
Cepem 2018 apresentacao_silvia_lucila_short
Lucila Pesce
 
Educação híbrida, práticas sociais e cibercultura
Educação híbrida, práticas sociais e ciberculturaEducação híbrida, práticas sociais e cibercultura
Educação híbrida, práticas sociais e cibercultura
Lucila Pesce
 
Lec 2019 ufopa
Lec 2019 ufopaLec 2019 ufopa
Lec 2019 ufopa
Lucila Pesce
 
Educação Aberta, Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais
Educação Aberta, Recursos Educacionais Abertos e Redes SociaisEducação Aberta, Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais
Educação Aberta, Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais
Lucila Pesce
 
Cultura digital, racionalidade comunicativa e empoderamento em tempos de pand...
Cultura digital, racionalidade comunicativa e empoderamento em tempos de pand...Cultura digital, racionalidade comunicativa e empoderamento em tempos de pand...
Cultura digital, racionalidade comunicativa e empoderamento em tempos de pand...
Lucila Pesce
 
Tce freitas da escrita_a_internet
Tce freitas da escrita_a_internetTce freitas da escrita_a_internet
Tce freitas da escrita_a_internet
Lucila Pesce
 
E moderacao - Paulo Dias
E moderacao - Paulo DiasE moderacao - Paulo Dias
E moderacao - Paulo Dias
Lucila Pesce
 
TCE - Valente - Uso da internet na sala de aula
TCE - Valente - Uso da internet na sala de aulaTCE - Valente - Uso da internet na sala de aula
TCE - Valente - Uso da internet na sala de aula
Lucila Pesce
 
TCE - Santaella - Interatividade no ciberespaco
TCE - Santaella - Interatividade no ciberespacoTCE - Santaella - Interatividade no ciberespaco
TCE - Santaella - Interatividade no ciberespaco
Lucila Pesce
 
TCE - Pesce - O professor em foco
TCE - Pesce - O professor em focoTCE - Pesce - O professor em foco
TCE - Pesce - O professor em foco
Lucila Pesce
 
Tce levy nova_relacao_com_o_saber
Tce levy nova_relacao_com_o_saberTce levy nova_relacao_com_o_saber
Tce levy nova_relacao_com_o_saber
Lucila Pesce
 
TCE - Kenski - nova logica do ensino na sociedade da informacao
TCE - Kenski - nova logica do ensino na sociedade da informacaoTCE - Kenski - nova logica do ensino na sociedade da informacao
TCE - Kenski - nova logica do ensino na sociedade da informacao
Lucila Pesce
 
TCE - Demo - Tecnologia Educacao Aprendizagem
TCE - Demo - Tecnologia Educacao AprendizagemTCE - Demo - Tecnologia Educacao Aprendizagem
TCE - Demo - Tecnologia Educacao Aprendizagem
Lucila Pesce
 
TCE Belloni tecnologia
TCE Belloni tecnologiaTCE Belloni tecnologia
TCE Belloni tecnologia
Lucila Pesce
 
TCE Belloni Midia e educacao
TCE Belloni Midia e educacaoTCE Belloni Midia e educacao
TCE Belloni Midia e educacao
Lucila Pesce
 
Avaliação formativa: desafio aos processos de formação veiculados em AVA
Avaliação formativa: desafio aos processos de formação veiculados em AVAAvaliação formativa: desafio aos processos de formação veiculados em AVA
Avaliação formativa: desafio aos processos de formação veiculados em AVA
Lucila Pesce
 

Mais de Lucila Pesce (20)

Versão correta - Docência universitária e cultura digital: contribuições e de...
Versão correta - Docência universitária e cultura digital: contribuições e de...Versão correta - Docência universitária e cultura digital: contribuições e de...
Versão correta - Docência universitária e cultura digital: contribuições e de...
 
Linguagens hipermidiáticas e processos formativos: uma inovação?
Linguagens hipermidiáticas e processos formativos: uma inovação?Linguagens hipermidiáticas e processos formativos: uma inovação?
Linguagens hipermidiáticas e processos formativos: uma inovação?
 
Paulo Freire e educação mediada: inspirações
Paulo Freire e educação mediada: inspiraçõesPaulo Freire e educação mediada: inspirações
Paulo Freire e educação mediada: inspirações
 
DIGITAL TECHNOLOGIES OF INFORMATION AND COMMUNICATION
DIGITAL TECHNOLOGIES OF INFORMATION AND COMMUNICATIONDIGITAL TECHNOLOGIES OF INFORMATION AND COMMUNICATION
DIGITAL TECHNOLOGIES OF INFORMATION AND COMMUNICATION
 
Cepem 2018 apresentacao_silvia_lucila_short
Cepem 2018 apresentacao_silvia_lucila_shortCepem 2018 apresentacao_silvia_lucila_short
Cepem 2018 apresentacao_silvia_lucila_short
 
Educação híbrida, práticas sociais e cibercultura
Educação híbrida, práticas sociais e ciberculturaEducação híbrida, práticas sociais e cibercultura
Educação híbrida, práticas sociais e cibercultura
 
Lec 2019 ufopa
Lec 2019 ufopaLec 2019 ufopa
Lec 2019 ufopa
 
Educação Aberta, Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais
Educação Aberta, Recursos Educacionais Abertos e Redes SociaisEducação Aberta, Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais
Educação Aberta, Recursos Educacionais Abertos e Redes Sociais
 
Cultura digital, racionalidade comunicativa e empoderamento em tempos de pand...
Cultura digital, racionalidade comunicativa e empoderamento em tempos de pand...Cultura digital, racionalidade comunicativa e empoderamento em tempos de pand...
Cultura digital, racionalidade comunicativa e empoderamento em tempos de pand...
 
Tce freitas da escrita_a_internet
Tce freitas da escrita_a_internetTce freitas da escrita_a_internet
Tce freitas da escrita_a_internet
 
E moderacao - Paulo Dias
E moderacao - Paulo DiasE moderacao - Paulo Dias
E moderacao - Paulo Dias
 
TCE - Valente - Uso da internet na sala de aula
TCE - Valente - Uso da internet na sala de aulaTCE - Valente - Uso da internet na sala de aula
TCE - Valente - Uso da internet na sala de aula
 
TCE - Santaella - Interatividade no ciberespaco
TCE - Santaella - Interatividade no ciberespacoTCE - Santaella - Interatividade no ciberespaco
TCE - Santaella - Interatividade no ciberespaco
 
TCE - Pesce - O professor em foco
TCE - Pesce - O professor em focoTCE - Pesce - O professor em foco
TCE - Pesce - O professor em foco
 
Tce levy nova_relacao_com_o_saber
Tce levy nova_relacao_com_o_saberTce levy nova_relacao_com_o_saber
Tce levy nova_relacao_com_o_saber
 
TCE - Kenski - nova logica do ensino na sociedade da informacao
TCE - Kenski - nova logica do ensino na sociedade da informacaoTCE - Kenski - nova logica do ensino na sociedade da informacao
TCE - Kenski - nova logica do ensino na sociedade da informacao
 
TCE - Demo - Tecnologia Educacao Aprendizagem
TCE - Demo - Tecnologia Educacao AprendizagemTCE - Demo - Tecnologia Educacao Aprendizagem
TCE - Demo - Tecnologia Educacao Aprendizagem
 
TCE Belloni tecnologia
TCE Belloni tecnologiaTCE Belloni tecnologia
TCE Belloni tecnologia
 
TCE Belloni Midia e educacao
TCE Belloni Midia e educacaoTCE Belloni Midia e educacao
TCE Belloni Midia e educacao
 
Avaliação formativa: desafio aos processos de formação veiculados em AVA
Avaliação formativa: desafio aos processos de formação veiculados em AVAAvaliação formativa: desafio aos processos de formação veiculados em AVA
Avaliação formativa: desafio aos processos de formação veiculados em AVA
 

Último

Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Falcão Brasil
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Falcão Brasil
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Instituto Walter Alencar
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
AntHropológicas Visual PPGA-UFPE
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
Sandra Pratas
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 

Último (20)

Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdfAviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
Aviação de Asas Rotativas. Aos Rotores, o Sabre!.pdf
 
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
Manual de Identidade Visual do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prot...
 
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos ConjuntosMatemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
Matemática para Concursos - Teoria dos Conjuntos
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
O processo da farinhada no Assentamento lagoa de Dentro, Zona Rural de Várzea...
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_CARLA MORAIS_22_23
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 

Teoria da Autopoiese - Maturana e Varela

  • 1. TEORIAS DA AUTOPOIESE Maturana e Varela PROFA. DRA. LUCILA PESCE PPG TIDD PUC/SP
  • 2. Maturana e Varela (1995) Dinâmica social humana como fenômeno biológico. Toda vez que há um fenômeno social há um acoplamento estrutural de indivíduos. A comunicação ocorre no acoplamento social. Comunicação e a ontologia do observador : cada pessoa interpreta a realidade de acordo com sua própria determinação estrutural. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 3. Maturana e Varela (1995) Linguagem A história evolutiva do homem associa-se às condutas linguísticas. Sistema social humano e a ampliação da criatividade de seus membros. Conduta cultural como um caso particular de conduta comunicativa. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 4. Maturana e Varela (1995) Domínios linguísticos e consciência humana O que determina a coordenação comportamental é o significado que o observador atribui às condutas e não o acoplamento estrutural dos participantes. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 5. Maturana e Varela (1995) Condutas linguísticas Acoplamento estrutural ontogênico
  • 6. Maturana e Varela (1995) A linguagem permite a que opera nela descrever-se a si mesmo e às suas circunstâncias ( ibid ., p. 233). PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 7. Maturana e Varela (1995) Reflexão linguística Domínio semântico Observador Somos observadores e existimos num domínio semântico criado pelo nosso operar linguístico ( ibid ., p. 234).
  • 8. Maturana e Varela (1995) Mente e consciência Oriundas do intenso acoplamento linguístico. Modo diário como organizamos e damos coerência às nossas reflexões. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 9. Maturana e Varela (1995) REFLEXÃO IDENTIDADE Na linguagem humana
  • 10. Maturana e Varela (1995) Coordenações comportamentais (no cotidiano) Comunicação EXPERIÊNCIA
  • 11. Maturana e Varela (1995) CONSCIÊNCIA MENTE Acoplamento social
  • 12. PROFA. DRA. LUCILA PESCE Escher, Drawing Hands
  • 13. Maturana e Varela (1995) EXPERIÊNCIA MUNDO VIVIDO HISTÓRIA BIOSSOCIAL O CONHECER E O CONHECEDOR
  • 14. Maturana e Varela (1995) O conhecer humano é vivido em uma tradição cultural. Refutar as certezas. Fundamento biológico do fenômeno social –considerar o ponto de visto do outro, no nosso domínio experiencial. Linguagem e reflexividade. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 15. Maturana e Varela (1995) Conhecimento Ação Linguagem O caráter ético da construção do conhecimento
  • 16. Pesce (2000) Autopoiese Dinâmica constitutiva da organização circular dos seres vivos em sua autoprodução única, na relação com o operar cognitivo. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 17. Pesce (2000) Ontologia do observador O observador é participante constitutivo e ativo do observado. Inexistência de uma realidade única e objetiva, porque a experiência de cada observador é única. Ontologia do observador e o trabalho educacional que leva em conta o multiculturalismo. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 18. Pesce (2000) Organização e estrutura Dinâmica circular de ambos os elementos, na autopoiese dos seres vivos. Relação biunívoca entre o ser o e fazer. Autopoiese garantida pela permanência da organização e alteração das estruturas. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 19. Pesce (2000) Acoplamento estrutural Surge como resultado das modificações das unidades interatuantes. As perturbações compensatórias no acoplamento estrutural do sistema ao meio provocam a cognição. Aponta o caráter relacional da cognição. Evolução adaptativa como adaptação ontogenética, no acoplamento estrutural entre sistema e meio. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 20. Pesce (2000) Cognição como fenômeno biológico Conhecimento como ação efetiva, para além da representação de uma realidade independente. Evolução como processo de adaptação contínua, com destaque para a criatividade. Motivação endógena para com o conhecimento (fruição e cognição). PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 21. Pesce (2000) A linguagem na teoria da autopoiese Caráter dinâmico e relacional. Linguajar (linguagem, ação, emoção). Interação linguística como foro para a ação. Duplo papel: de reprodução e de reconstrução. Desenvolvimento linguístico como interação recursiva dos sistemas autopoiéticos. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 22. Pesce (2000) TIC e Autopoiese Não são as TIC que guiam a vida moderna, mas nossas emoções. PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 23. Pesce (2000) Autopoiese e Educação Eco-sistêmica conhecimento como fenômeno biológico; motivação endógena para com o conhecimento; íntima relação entre o ser e o fazer , na autopoiese dos seres vivos; valor da criatividade na cognição dos sistemas vivos; caráter relacional da cognição, tecido pelo acoplamento estrutural ; relação entre linguagem, ação e emoção; PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 24. Pesce (2000) Autopoiese e Educação Eco-sistêmica ambigüidade da linguagem (no linguajear ), enquanto reprodutora e reconstrutora do mundo; manutenção da identidade do ser vivo garantida por sua autopoiese; na autopoiese, a manutenção da organização , pelas contínuas alterações de suas estruturas , no seu acoplamento estrutural entre sistema e meio . PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 25. Questão para discussão Que elementos da Teoria da Autopoiese de Maturana e Varela podem ser pertinentes ao estudo dos AVA? PROFA. DRA. LUCILA PESCE
  • 26. Referências bibliográficas MATURANA, Humberto e VARELA, Francisco. (1995). A árvore do conhecimento : as bases biológicas do entendimento humano. Campinas: Editorial Psy. pp. 205-266. PESCE, Lucila. (2000). Visão educacional eco-sistêmica: uma contribuição a partir de Maturana e Varela. Revista da APG – PUC/SP . Ano IX, n. 23. pp. 141-154. PROFA. DRA. LUCILA PESCE