SlideShare uma empresa Scribd logo
SEGURANÇA E SAÚDE
EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
11|Novembro|2015
AUDITÓRIO DO CICCOPN
Tema: Boas Práticas em Obras Subterrâneas
Nome do orador: Rui Rodrigues
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
A Mota – Engil Engenharia e Construção SA está presentemente envolvida na construção de três
empreendimentos hidroeléctricos, cuja componente obra subterrânea têm relevância significativa.
Essas obras são:
• Construção do Reforço de Potência da Barragem de Venda Nova III;
• Aproveitamento Hidroeléctrico de Foz Tua;
• Descarregador Complementar de Cheias da Barragem da Caniçada.
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
O Aproveitamento Hidroeléctrico de Foz Tua inclui a construção de:
• Barragem em betão localizada a cerca de 1100m da confluência do Rio Tua com o Rio Douro com uma
altura máxima de 107m e com 275m de extensão;
• Central em poço equipada com dois grupos geradores de energia reversíveis;
• Dois Circuitos Hidráulicos paralelos e independentes com cerca de 700m de extensão com diâmetro
interior entre 5,5m e 7,5m;
• Subestação.
Figura 1:
Aproveitamento Hidroeléctrico Foz Tua
Figura 2: Aproveitamento Hidroeléctrico de Foz Tua - Planta Geral
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
Figura 3: Aproveitamento Hidroeléctrico de Foz Tua - Circuito Hidráulico
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
Principais factores a ter em conta no planeamento da prevenção de acidentes e
de doenças profissionais em obras subterrâneas:
1. Acessos e circulação;
2. Comunicação;
3. Iluminação;
4. Ventilação;
5. Ruído Ocupacional;
6. Emergência.
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
1. Acessos e circulação
►Estabelecer um sistema de controlo de acessos específico e reservado a pessoal autorizado ao túnel;
►Instalar à entrada do túnel toda a sinalização específica aplicável no túnel;
Figura 4: Exemplo Prático do Controlo de Acessos Implementado na Obra Foz Tua e Sinalização de
Segurança
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
1. Acessos e circulação
►Regularizar o pavimento no subterrâneo;
►Assegurar o transporte de trabalhadores em viaturas às frentes de trabalho no subterrâneo;
►Assegurar o parqueamento de viaturas em área especifica para o efeito e fora do túnel;
Figura 5: Regularização do pavimento (soleira) e zona para estacionamento de viaturas
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
1. Acessos e circulação
►Estabelecer corredores de circulação para peões devidamente sinalizados, protegidos e diferenciados
(sempre que possível) no subterrâneo;
►Definir e identificar refúgios para peões no subterrâneo;
►Dotar todas as frentes de trabalho (subterrâneo e céu aberto) de instalações sanitárias e pontos de água
potável;
Figura 6: Corredores de circulação e Refúgio
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
1. Acessos e circulação
► Instalação de sinalização rodoviária para a gestão da circulação rodoviária e pedonal;
► Sinalização de equipamentos móveis e fixos (“pirilampos”);
Figura 7: Sinalização
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
2 .Comunicação
► Instalar sistema de comunicação rádio;
► Garantir a existência de pelo menos um rádio em cada frente de trabalho.
Figura 8: Cabos de comunicação
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
3.Iluminação
► Montagem de luminárias em toda a extensão do túnel, respeitando o nível de iluminação prevista para
acessos (NI = 40 lux);
► Instalação de uma luminária de emergência em cada 2 luminárias standard. A duração da autonomia do
bloco autónomo deverá ser tal que permita assegurar a evacuação dos trabalhadores, desde o ponto
mais afastado do túnel ao ponto de encontro;
Figura 9:Iluminação
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
3.Iluminação
►Instalação de iluminação de frente fixa (projectores suspensos na abóboda e portátil (projectores
aplicados sobre tripés), respeitando o nível de iluminação previsto para áreas de trabalho em geral (NI
= 120 Lux);
►Monitorização periódica dos níveis de iluminância.
• Figura10: Monitorização Iluminância
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
4.Ventilação
► Instalação de sistema de ventilação adequado ( insuflação + extração);
► Instalação de equipamento para extração de poeiras;
• Figura 11
Figura 11: Ventilação e Sistema de Extração de Poeiras
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
4.Ventilação
►Implementação de medidas de minimização para dispersão e contenção de poeiras (rega de aspersão
e cortinas);
►Monitorização periódica da qualidade do ar ( medição diária de gases, avaliação de poeiras com
periodicidade trimestral);
Figura 12: Exemplos de Cortinas e Equipamento para monitorização qualidade do ar
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
4.Ventilação
► Divulgação das leituras da qualidade do ar;
► Seleção do EPI adequado;
► Distribuição de máscaras de filtro de partículas (PP3).
Figura 13: Painel Leituras Diárias
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
5.Ruído
► Monitorização periódica do Ruído;
► Sinalização dos locais de trabalho com exposição do risco;
► Seleção do protetor auricular adequado;
► Distribuição de proteções auriculares à entrada do túnel.
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
5.Ruído
.
Figura 14: Equipamentos para monitorização do ruído e sinalização de segurança (Epi’s)
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
6. Emergência
►Proibição de armazenamento de combustíveis no interior do túnel (Utilização de Depósito móvel);
►Colocação de extintores portáteis ao longo do túnel, no interior dos equipamentos móveis e nos
quadros eléctricos;
Figura 15: Extintores e Carro com Depósito móvel para abastecimento de equipamentos
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
6. Emergência
► Proibição de acesso a equipamentos/veículos a gás e gasolina;
► Afixação das plantas de emergência nos refúgios de peões/ intersecção de túneis;
► Garantir os caminhos de circulação permanente desobstruídos;
► Sinalização dos caminhos de evacuação;
► Estabelecimento de regras de estacionamento temporário de viaturas e equipamentos.
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
6. Emergência
• Figura 15: Extintores e Carro com Depósito móvel para abastecimento de equipamentos
Figura 16: Sinalização de emergência e Identificação dos locais de obra (Pk e Nomenclatura (exº TC 2)
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
MUITO OBRIGADO
rui.o.rodrigues@mota-engil.pt
SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao - ricardo barbosa
Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao - ricardo barbosaApresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao - ricardo barbosa
CICCOPN 26 03 2015
CICCOPN 26 03 2015CICCOPN 26 03 2015
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
11919225 principios
11919225 principios11919225 principios
11919225 principios
Pelo Siro
 
Mini apresentacao empreendedorismo
Mini apresentacao empreendedorismoMini apresentacao empreendedorismo
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
construção-Aço-Leve-CM-26 fev2015
construção-Aço-Leve-CM-26 fev2015construção-Aço-Leve-CM-26 fev2015
Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao_benedita machado
Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao_benedita machadoApresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao_benedita machado
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Seminário Construção em Aço Leve-Euronit-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve-Euronit-CICCOPNSeminário Construção em Aço Leve-Euronit-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve -Rockwool-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve -Rockwool-CICCOPNSeminário Construção em Aço Leve -Rockwool-CICCOPN
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Controlar company presentation junho 2016 - vera figueiredo
Controlar   company presentation junho 2016 - vera figueiredoControlar   company presentation junho 2016 - vera figueiredo
Atr autorizacao para trabalho de risco
Atr   autorizacao para trabalho de riscoAtr   autorizacao para trabalho de risco
Atr autorizacao para trabalho de risco
Rogério Braga
 
30 jul2016 kaizen presentation ciccopn
30 jul2016 kaizen presentation ciccopn30 jul2016 kaizen presentation ciccopn
Seminário Construção em Aço Leve-Gyptec-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve-Gyptec-CICCOPNSeminário Construção em Aço Leve-Gyptec-CICCOPN
Regulamento de Segurança
Regulamento de SegurançaRegulamento de Segurança
Regulamento de Segurança
Jonas Abilio Sestrem Jr
 
Treinamento Espaço confinados
Treinamento Espaço confinados Treinamento Espaço confinados
Treinamento Espaço confinados
Ane Costa
 
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Permissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quentePermissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quente
Jose Fernandes
 

Destaque (20)

Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao - ricardo barbosa
Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao - ricardo barbosaApresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao - ricardo barbosa
Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao - ricardo barbosa
 
CICCOPN 26 03 2015
CICCOPN 26 03 2015CICCOPN 26 03 2015
CICCOPN 26 03 2015
 
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
 
11919225 principios
11919225 principios11919225 principios
11919225 principios
 
Mini apresentacao empreendedorismo
Mini apresentacao empreendedorismoMini apresentacao empreendedorismo
Mini apresentacao empreendedorismo
 
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
 
construção-Aço-Leve-CM-26 fev2015
construção-Aço-Leve-CM-26 fev2015construção-Aço-Leve-CM-26 fev2015
construção-Aço-Leve-CM-26 fev2015
 
Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao_benedita machado
Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao_benedita machadoApresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao_benedita machado
Apresentacao jornadas tecnicas_qualidade_3 edicao_benedita machado
 
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
 
Seminário Construção em Aço Leve-Euronit-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve-Euronit-CICCOPNSeminário Construção em Aço Leve-Euronit-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve-Euronit-CICCOPN
 
Seminário Construção em Aço Leve -Rockwool-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve -Rockwool-CICCOPNSeminário Construção em Aço Leve -Rockwool-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve -Rockwool-CICCOPN
 
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
 
Controlar company presentation junho 2016 - vera figueiredo
Controlar   company presentation junho 2016 - vera figueiredoControlar   company presentation junho 2016 - vera figueiredo
Controlar company presentation junho 2016 - vera figueiredo
 
Atr autorizacao para trabalho de risco
Atr   autorizacao para trabalho de riscoAtr   autorizacao para trabalho de risco
Atr autorizacao para trabalho de risco
 
30 jul2016 kaizen presentation ciccopn
30 jul2016 kaizen presentation ciccopn30 jul2016 kaizen presentation ciccopn
30 jul2016 kaizen presentation ciccopn
 
Seminário Construção em Aço Leve-Gyptec-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve-Gyptec-CICCOPNSeminário Construção em Aço Leve-Gyptec-CICCOPN
Seminário Construção em Aço Leve-Gyptec-CICCOPN
 
Regulamento de Segurança
Regulamento de SegurançaRegulamento de Segurança
Regulamento de Segurança
 
Treinamento Espaço confinados
Treinamento Espaço confinados Treinamento Espaço confinados
Treinamento Espaço confinados
 
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras SubterrâneasSegurança e Saúde em Obras Subterrâneas
Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas
 
Permissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quentePermissao para-trabalho-a-quente
Permissao para-trabalho-a-quente
 

Semelhante a Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas

CC14 - Organização do estaleiro.pdf
CC14 - Organização do estaleiro.pdfCC14 - Organização do estaleiro.pdf
CC14 - Organização do estaleiro.pdf
Catarina Jesus
 
Instrucao tecnica 35
Instrucao tecnica    35Instrucao tecnica    35
Instrucao tecnica 35
cipasap
 
copy_of_NR35Trabalhoemaltura.pdf
copy_of_NR35Trabalhoemaltura.pdfcopy_of_NR35Trabalhoemaltura.pdf
copy_of_NR35Trabalhoemaltura.pdf
AlineOliveira182218
 
Norma regulamentadora 23
Norma regulamentadora 23Norma regulamentadora 23
Norma regulamentadora 23
Carlos Demétrius Rolim Figueiredo
 
NR29 - Treinamento SST Trabalho Portuario - 2023.pptx
NR29 - Treinamento SST Trabalho Portuario - 2023.pptxNR29 - Treinamento SST Trabalho Portuario - 2023.pptx
NR29 - Treinamento SST Trabalho Portuario - 2023.pptx
DanielZidirich1
 
In 31
In 31In 31
NR18.ppt
NR18.pptNR18.ppt
NR18.ppt
juamis morais
 
NR18. Norma regulamentadora Construção civil
NR18. Norma regulamentadora Construção civilNR18. Norma regulamentadora Construção civil
NR18. Norma regulamentadora Construção civil
LuhhAlmeida
 
NR18 3 (1).ppt
NR18 3 (1).pptNR18 3 (1).ppt
NR18 3 (1).ppt
Tiago Almeida
 
NR18.ppt
NR18.pptNR18.ppt
TRABALHO FORMATADO
TRABALHO FORMATADOTRABALHO FORMATADO
TRABALHO FORMATADO
Denesio Carvalho
 
Tubulão a céu aberto proposta 10.06.08
Tubulão a céu aberto   proposta 10.06.08Tubulão a céu aberto   proposta 10.06.08
Tubulão a céu aberto proposta 10.06.08
Jupira Silva
 
NR 18.pptx
NR 18.pptxNR 18.pptx
NR 18.pptx
FbioGodoi4
 
Segurana contra incencios nas edificaes
Segurana contra incencios nas edificaesSegurana contra incencios nas edificaes
Segurana contra incencios nas edificaes
Antonio Luiz Rocha /Junior
 
Espec. copel 1.019 conj.de seg. para trabalho em altura r18 - 112016
Espec. copel 1.019 conj.de seg. para trabalho em altura   r18 - 112016Espec. copel 1.019 conj.de seg. para trabalho em altura   r18 - 112016
Espec. copel 1.019 conj.de seg. para trabalho em altura r18 - 112016
Renato Vasconcelos
 
IN 9 - CBMSC 2022.pdf
IN 9 - CBMSC 2022.pdfIN 9 - CBMSC 2022.pdf
IN 9 - CBMSC 2022.pdf
Diogo875320
 
Nr 23
Nr 23Nr 23
Instalação, operação, segurança e manutenção de elevador. cremalheira de obras
Instalação, operação, segurança e manutenção de elevador. cremalheira de obrasInstalação, operação, segurança e manutenção de elevador. cremalheira de obras
Instalação, operação, segurança e manutenção de elevador. cremalheira de obras
Aline Santos Rizato
 
Treinamento NR-18 Construção Civil.ppt
Treinamento NR-18 Construção Civil.pptTreinamento NR-18 Construção Civil.ppt
Treinamento NR-18 Construção Civil.ppt
ssuser3b3997
 
Curso de tubulações industriais aula6
Curso de tubulações industriais aula6Curso de tubulações industriais aula6
Curso de tubulações industriais aula6
Antonio Gomes
 

Semelhante a Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas (20)

CC14 - Organização do estaleiro.pdf
CC14 - Organização do estaleiro.pdfCC14 - Organização do estaleiro.pdf
CC14 - Organização do estaleiro.pdf
 
Instrucao tecnica 35
Instrucao tecnica    35Instrucao tecnica    35
Instrucao tecnica 35
 
copy_of_NR35Trabalhoemaltura.pdf
copy_of_NR35Trabalhoemaltura.pdfcopy_of_NR35Trabalhoemaltura.pdf
copy_of_NR35Trabalhoemaltura.pdf
 
Norma regulamentadora 23
Norma regulamentadora 23Norma regulamentadora 23
Norma regulamentadora 23
 
NR29 - Treinamento SST Trabalho Portuario - 2023.pptx
NR29 - Treinamento SST Trabalho Portuario - 2023.pptxNR29 - Treinamento SST Trabalho Portuario - 2023.pptx
NR29 - Treinamento SST Trabalho Portuario - 2023.pptx
 
In 31
In 31In 31
In 31
 
NR18.ppt
NR18.pptNR18.ppt
NR18.ppt
 
NR18. Norma regulamentadora Construção civil
NR18. Norma regulamentadora Construção civilNR18. Norma regulamentadora Construção civil
NR18. Norma regulamentadora Construção civil
 
NR18 3 (1).ppt
NR18 3 (1).pptNR18 3 (1).ppt
NR18 3 (1).ppt
 
NR18.ppt
NR18.pptNR18.ppt
NR18.ppt
 
TRABALHO FORMATADO
TRABALHO FORMATADOTRABALHO FORMATADO
TRABALHO FORMATADO
 
Tubulão a céu aberto proposta 10.06.08
Tubulão a céu aberto   proposta 10.06.08Tubulão a céu aberto   proposta 10.06.08
Tubulão a céu aberto proposta 10.06.08
 
NR 18.pptx
NR 18.pptxNR 18.pptx
NR 18.pptx
 
Segurana contra incencios nas edificaes
Segurana contra incencios nas edificaesSegurana contra incencios nas edificaes
Segurana contra incencios nas edificaes
 
Espec. copel 1.019 conj.de seg. para trabalho em altura r18 - 112016
Espec. copel 1.019 conj.de seg. para trabalho em altura   r18 - 112016Espec. copel 1.019 conj.de seg. para trabalho em altura   r18 - 112016
Espec. copel 1.019 conj.de seg. para trabalho em altura r18 - 112016
 
IN 9 - CBMSC 2022.pdf
IN 9 - CBMSC 2022.pdfIN 9 - CBMSC 2022.pdf
IN 9 - CBMSC 2022.pdf
 
Nr 23
Nr 23Nr 23
Nr 23
 
Instalação, operação, segurança e manutenção de elevador. cremalheira de obras
Instalação, operação, segurança e manutenção de elevador. cremalheira de obrasInstalação, operação, segurança e manutenção de elevador. cremalheira de obras
Instalação, operação, segurança e manutenção de elevador. cremalheira de obras
 
Treinamento NR-18 Construção Civil.ppt
Treinamento NR-18 Construção Civil.pptTreinamento NR-18 Construção Civil.ppt
Treinamento NR-18 Construção Civil.ppt
 
Curso de tubulações industriais aula6
Curso de tubulações industriais aula6Curso de tubulações industriais aula6
Curso de tubulações industriais aula6
 

Mais de CICCOPN - Centro de formação Profissional da Industria da Construção Civil e Obras Públicas do Norte

ISO9001 - Aplicação prática no Setor da Construção Civil
ISO9001 -  Aplicação prática no Setor da Construção Civil               ISO9001 -  Aplicação prática no Setor da Construção Civil
Implementação do Lean na Construção
Implementação do Lean na ConstruçãoImplementação do Lean na Construção
eiC - Evolucao Certificacao Construcao Civil
eiC - Evolucao Certificacao Construcao CivileiC - Evolucao Certificacao Construcao Civil
Jornadas Qualidade 2019
Jornadas Qualidade 2019Jornadas Qualidade 2019
Apresentacao joao baptista_julho2019
Apresentacao joao baptista_julho2019Apresentacao joao baptista_julho2019
Apresentacao rui-cunha
Apresentacao rui-cunhaApresentacao rui-cunha
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshopsLearningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshopsLearningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
Jornadas Qualidade - Business intelligence
Jornadas Qualidade - Business intelligence Jornadas Qualidade - Business intelligence
Jornadas qualidade - Bosch
Jornadas qualidade - BoschJornadas qualidade - Bosch
Qualidade desenvolvimento-produtos
Qualidade desenvolvimento-produtosQualidade desenvolvimento-produtos
Jornadas qualidade 2018 - ISO/IEC
Jornadas qualidade 2018 - ISO/IECJornadas qualidade 2018 - ISO/IEC
Equipas de Qualidade
Equipas de QualidadeEquipas de Qualidade
Trabalhador designado - Segurança e Saúde no Trabalho
Trabalhador designado - Segurança e Saúde no TrabalhoTrabalhador designado - Segurança e Saúde no Trabalho
Jornadas da Qualidade no CICCOPN
Jornadas da Qualidade no CICCOPNJornadas da Qualidade no CICCOPN
A nova Norma Internacional ISO 45001:2018 – Sistema de Gestão da Segurança e ...
A nova Norma Internacional ISO 45001:2018 – Sistema de Gestão da Segurança e ...A nova Norma Internacional ISO 45001:2018 – Sistema de Gestão da Segurança e ...
A nova Norma Internacional ISO 45001:2018 – Sistema de Gestão da Segurança e ...
CICCOPN - Centro de formação Profissional da Industria da Construção Civil e Obras Públicas do Norte
 
Guia controlo exposicao profissional a agentes químicos
Guia controlo exposicao profissional a agentes químicosGuia controlo exposicao profissional a agentes químicos
Guia luvas-Exposição profissional a agentes químicos
Guia luvas-Exposição profissional a agentes químicosGuia luvas-Exposição profissional a agentes químicos
Guia epi - Exposição profissional a agentes químicos
Guia epi - Exposição profissional a agentes químicosGuia epi - Exposição profissional a agentes químicos
Exposição profissional a agentes químicos
Exposição profissional a agentes químicosExposição profissional a agentes químicos

Mais de CICCOPN - Centro de formação Profissional da Industria da Construção Civil e Obras Públicas do Norte (20)

ISO9001 - Aplicação prática no Setor da Construção Civil
ISO9001 -  Aplicação prática no Setor da Construção Civil               ISO9001 -  Aplicação prática no Setor da Construção Civil
ISO9001 - Aplicação prática no Setor da Construção Civil
 
Implementação do Lean na Construção
Implementação do Lean na ConstruçãoImplementação do Lean na Construção
Implementação do Lean na Construção
 
eiC - Evolucao Certificacao Construcao Civil
eiC - Evolucao Certificacao Construcao CivileiC - Evolucao Certificacao Construcao Civil
eiC - Evolucao Certificacao Construcao Civil
 
Jornadas Qualidade 2019
Jornadas Qualidade 2019Jornadas Qualidade 2019
Jornadas Qualidade 2019
 
Apresentacao joao baptista_julho2019
Apresentacao joao baptista_julho2019Apresentacao joao baptista_julho2019
Apresentacao joao baptista_julho2019
 
Apresentacao rui-cunha
Apresentacao rui-cunhaApresentacao rui-cunha
Apresentacao rui-cunha
 
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshopsLearningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
 
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshopsLearningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
Learningshift divulgacao fevereiro 2019 - workshops
 
Jornadas Qualidade - Business intelligence
Jornadas Qualidade - Business intelligence Jornadas Qualidade - Business intelligence
Jornadas Qualidade - Business intelligence
 
Jornadas qualidade - Bosch
Jornadas qualidade - BoschJornadas qualidade - Bosch
Jornadas qualidade - Bosch
 
Qualidade desenvolvimento-produtos
Qualidade desenvolvimento-produtosQualidade desenvolvimento-produtos
Qualidade desenvolvimento-produtos
 
Jornadas qualidade 2018 - ISO/IEC
Jornadas qualidade 2018 - ISO/IECJornadas qualidade 2018 - ISO/IEC
Jornadas qualidade 2018 - ISO/IEC
 
Equipas de Qualidade
Equipas de QualidadeEquipas de Qualidade
Equipas de Qualidade
 
Trabalhador designado - Segurança e Saúde no Trabalho
Trabalhador designado - Segurança e Saúde no TrabalhoTrabalhador designado - Segurança e Saúde no Trabalho
Trabalhador designado - Segurança e Saúde no Trabalho
 
Jornadas da Qualidade no CICCOPN
Jornadas da Qualidade no CICCOPNJornadas da Qualidade no CICCOPN
Jornadas da Qualidade no CICCOPN
 
A nova Norma Internacional ISO 45001:2018 – Sistema de Gestão da Segurança e ...
A nova Norma Internacional ISO 45001:2018 – Sistema de Gestão da Segurança e ...A nova Norma Internacional ISO 45001:2018 – Sistema de Gestão da Segurança e ...
A nova Norma Internacional ISO 45001:2018 – Sistema de Gestão da Segurança e ...
 
Guia controlo exposicao profissional a agentes químicos
Guia controlo exposicao profissional a agentes químicosGuia controlo exposicao profissional a agentes químicos
Guia controlo exposicao profissional a agentes químicos
 
Guia luvas-Exposição profissional a agentes químicos
Guia luvas-Exposição profissional a agentes químicosGuia luvas-Exposição profissional a agentes químicos
Guia luvas-Exposição profissional a agentes químicos
 
Guia epi - Exposição profissional a agentes químicos
Guia epi - Exposição profissional a agentes químicosGuia epi - Exposição profissional a agentes químicos
Guia epi - Exposição profissional a agentes químicos
 
Exposição profissional a agentes químicos
Exposição profissional a agentes químicosExposição profissional a agentes químicos
Exposição profissional a agentes químicos
 

Segurança e Saúde em Obras Subterrâneas

  • 1. SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS 11|Novembro|2015 AUDITÓRIO DO CICCOPN Tema: Boas Práticas em Obras Subterrâneas Nome do orador: Rui Rodrigues
  • 2. SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS A Mota – Engil Engenharia e Construção SA está presentemente envolvida na construção de três empreendimentos hidroeléctricos, cuja componente obra subterrânea têm relevância significativa. Essas obras são: • Construção do Reforço de Potência da Barragem de Venda Nova III; • Aproveitamento Hidroeléctrico de Foz Tua; • Descarregador Complementar de Cheias da Barragem da Caniçada.
  • 3. SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS O Aproveitamento Hidroeléctrico de Foz Tua inclui a construção de: • Barragem em betão localizada a cerca de 1100m da confluência do Rio Tua com o Rio Douro com uma altura máxima de 107m e com 275m de extensão; • Central em poço equipada com dois grupos geradores de energia reversíveis; • Dois Circuitos Hidráulicos paralelos e independentes com cerca de 700m de extensão com diâmetro interior entre 5,5m e 7,5m; • Subestação. Figura 1: Aproveitamento Hidroeléctrico Foz Tua
  • 4. Figura 2: Aproveitamento Hidroeléctrico de Foz Tua - Planta Geral SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 5. Figura 3: Aproveitamento Hidroeléctrico de Foz Tua - Circuito Hidráulico SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 6. Principais factores a ter em conta no planeamento da prevenção de acidentes e de doenças profissionais em obras subterrâneas: 1. Acessos e circulação; 2. Comunicação; 3. Iluminação; 4. Ventilação; 5. Ruído Ocupacional; 6. Emergência. SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 7. 1. Acessos e circulação ►Estabelecer um sistema de controlo de acessos específico e reservado a pessoal autorizado ao túnel; ►Instalar à entrada do túnel toda a sinalização específica aplicável no túnel; Figura 4: Exemplo Prático do Controlo de Acessos Implementado na Obra Foz Tua e Sinalização de Segurança SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 8. 1. Acessos e circulação ►Regularizar o pavimento no subterrâneo; ►Assegurar o transporte de trabalhadores em viaturas às frentes de trabalho no subterrâneo; ►Assegurar o parqueamento de viaturas em área especifica para o efeito e fora do túnel; Figura 5: Regularização do pavimento (soleira) e zona para estacionamento de viaturas SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 9. 1. Acessos e circulação ►Estabelecer corredores de circulação para peões devidamente sinalizados, protegidos e diferenciados (sempre que possível) no subterrâneo; ►Definir e identificar refúgios para peões no subterrâneo; ►Dotar todas as frentes de trabalho (subterrâneo e céu aberto) de instalações sanitárias e pontos de água potável; Figura 6: Corredores de circulação e Refúgio SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 10. 1. Acessos e circulação ► Instalação de sinalização rodoviária para a gestão da circulação rodoviária e pedonal; ► Sinalização de equipamentos móveis e fixos (“pirilampos”); Figura 7: Sinalização SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 11. 2 .Comunicação ► Instalar sistema de comunicação rádio; ► Garantir a existência de pelo menos um rádio em cada frente de trabalho. Figura 8: Cabos de comunicação SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 12. 3.Iluminação ► Montagem de luminárias em toda a extensão do túnel, respeitando o nível de iluminação prevista para acessos (NI = 40 lux); ► Instalação de uma luminária de emergência em cada 2 luminárias standard. A duração da autonomia do bloco autónomo deverá ser tal que permita assegurar a evacuação dos trabalhadores, desde o ponto mais afastado do túnel ao ponto de encontro; Figura 9:Iluminação SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 13. 3.Iluminação ►Instalação de iluminação de frente fixa (projectores suspensos na abóboda e portátil (projectores aplicados sobre tripés), respeitando o nível de iluminação previsto para áreas de trabalho em geral (NI = 120 Lux); ►Monitorização periódica dos níveis de iluminância. • Figura10: Monitorização Iluminância SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 14. 4.Ventilação ► Instalação de sistema de ventilação adequado ( insuflação + extração); ► Instalação de equipamento para extração de poeiras; • Figura 11 Figura 11: Ventilação e Sistema de Extração de Poeiras SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 15. 4.Ventilação ►Implementação de medidas de minimização para dispersão e contenção de poeiras (rega de aspersão e cortinas); ►Monitorização periódica da qualidade do ar ( medição diária de gases, avaliação de poeiras com periodicidade trimestral); Figura 12: Exemplos de Cortinas e Equipamento para monitorização qualidade do ar SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 16. 4.Ventilação ► Divulgação das leituras da qualidade do ar; ► Seleção do EPI adequado; ► Distribuição de máscaras de filtro de partículas (PP3). Figura 13: Painel Leituras Diárias SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 17. 5.Ruído ► Monitorização periódica do Ruído; ► Sinalização dos locais de trabalho com exposição do risco; ► Seleção do protetor auricular adequado; ► Distribuição de proteções auriculares à entrada do túnel. SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 18. 5.Ruído . Figura 14: Equipamentos para monitorização do ruído e sinalização de segurança (Epi’s) SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 19. 6. Emergência ►Proibição de armazenamento de combustíveis no interior do túnel (Utilização de Depósito móvel); ►Colocação de extintores portáteis ao longo do túnel, no interior dos equipamentos móveis e nos quadros eléctricos; Figura 15: Extintores e Carro com Depósito móvel para abastecimento de equipamentos SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 20. 6. Emergência ► Proibição de acesso a equipamentos/veículos a gás e gasolina; ► Afixação das plantas de emergência nos refúgios de peões/ intersecção de túneis; ► Garantir os caminhos de circulação permanente desobstruídos; ► Sinalização dos caminhos de evacuação; ► Estabelecimento de regras de estacionamento temporário de viaturas e equipamentos. SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS
  • 21. 6. Emergência • Figura 15: Extintores e Carro com Depósito móvel para abastecimento de equipamentos Figura 16: Sinalização de emergência e Identificação dos locais de obra (Pk e Nomenclatura (exº TC 2) SEGURANÇA E SAÚDE EM OBRAS SUBTERRÂNEAS