SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Baixar para ler offline
Manoel Neves
revisional feat questões dos anos anteriores
Arte Contemporânea no ENEM
NAZARETH,	P.	Mercado	de	artes/	Mercado	de	bananas.	Mami	Art	Basel,	EUA,	2011.	
Tradução	da	placa:	“Não	me	esqueçam	quando	eu	for	um	nome	importante”.
QUESTÃO 01
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
A	contemporaneidade	idenGficada	na	performance/instalação	do	arGsta	mineiro	
Paulo	Nazareth	reside	principalmente	na	forma	como	ele	
a)	resgata	conhecidas	referências	do	modernismo	mineiro.	
b)	uGliza	técnicas	tradicionais	na	construção	das	formas.	
c)	arGcula	questões	de	idenGdade,	território	e	códigos	de	linguagem.	
d)	imita	o	papel	das	celebridades	no	mundo	contemporâneo.	
e)	camufla	o	aspecto	plásGco	e	a	composição	visual	de	sua	montagem.
SOLUÇÃO COMENTADA
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
A	instalação	em	análise	versa	sobre	a	construção	da	idenGdade	dos	povos	laGno-
americanos,	notadamente	daqueles	que	se	deslocam	para	os	EUA	em	busca	de	
oportunidades	 de	 trabalho.	 Tal	 afirmação	 pode	 ser	 depreendida	 pelo	 uso	 do	
idioma	 espanhol	 na	 placa	 que	 o	 performer	 porta	 e	 pela	 presença	 de	 bananas	
[fruta	 que	 faz	 parte	 da	 lista	 de	 produtos	 exportados	 por	 inúmeros	 países	 da	
América	LaGna,	notadamente	das	nações	da	América	Central].	Posto	isso,	deve-se	
assinalar	a	alternaGva	“c”.
CLARK,	Lygia.	Bicho	de	bolso.	Placas	de	metal,	1966.
QUESTÃO 02
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
O	objeto	escultórico	produzido	por	Lygia	Clark,	representante	do	NeoconcreGsmo,	
exemplifica	 o	 início	 de	 uma	 vertente	 importante	 da	 arte	 contemporânea,	 que	
amplia	 as	 funções	 da	 arte.	 Tendo	 como	 referência	 a	 obra	 Bicho	 de	 bolso,	
idenGfica-se	essa	vertente	pelo(a)	
a)	 parGcipação	 efeGva	 do	 espectador	 na	 obra,	 o	 que	 determina	 a	 proximidade	
entre	a	vida	e	a	arte.	
b)	 percepção	 do	 uso	 de	 objetos	 coGdianos	 para	 a	 confecção	 da	 obra	 de	 arte,	
aproximando	arte	e	realidade.	
c)	 reconhecimento	 do	 uso	 de	 técnicas	 artesanais	 de	 arte,	 o	 que	 determina	 a	
consolidação	de	valores	culturais.	
d)	reflexão	sobre	a	captação	argsGca	de	imagens	com	meios	óGcos,	revelando	o	
desenvolvimento	de	uma	linguagem	própria.	
e)	entendimento	sobre	o	uso	de	métodos	de	produção	em	série	para	a	confecção	
da	obra	de	arte,	o	que	atualiza	as	linguagens	argsGcas.
SOLUÇÃO COMENTADA
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
O	NeoconcreGsmo	foi	um	movimento	das	artes	plásGcas	e	da	literatura	do	final	
dos	 anos	 1950.	 Ao	 mesmo	 tempo	 em	 que	 aproxima	 o	 trabalho	 argsGco	 do	
industrial,	 afasta-se	 de	 qualquer	 conotação	 simbólica	 ou	 lírica.	 Nota-se,	 ainda,	
valorização	 de	 estruturas	 e	 de	 planos	 relacionados	 e	 o	 uso	 de	 formas	 seriadas	
[industriais]	 e	 geométricas.	 Apesar	 de	 os	 traços	 indicados	 anteriormente	 serem	
claramente	 percepgveis	 na	 imagem	 em	 análise,	 nota-se	 claramente	 que	 a	 obra	
está	sendo	manipulada.	Tal	ação	permite	entrever	um	dos	principais	traços	da	arte	
feita	 a	 parGr	 dos	 anos	 1960,	 a	 interação	 com	 o	 espectador.	 Por	 isso,	 deve-se	
assinalar	a	alternaGva	“a”.
Era	um	dos	meus	primeiros	dias	na	sala	de	música.	A	fim	de	descobrirmos	o	que	
deveríamos	 estar	 fazendo	 ali,	 propus	 à	 classe	 um	 problema.	 Inocentemente	
perguntei:	–	O	que	é	música?	
Passamos	 dois	 dias	 inteiros	 tateando	 em	 busca	 de	 uma	 definição.	 Descobrimos	
que	gnhamos	de	rejeitar	todas	as	definições	costumeiras	porque	elas	não	eram	
suficientemente	abrangentes.	
O	 simples	 fato	 é	 que,	 à	 medida	 que	 a	 crescente	 margem	 a	 que	 chamamos	 de	
vanguarda	conGnua	suas	explorações	pelas	fronteiras	do	som,	qualquer	definição	
se	tornas	dincil.	Quando	John	Cage	abre	a	porta	da	sala	de	concerto	e	encoraja	os	
ruídos	 da	 rua	 a	 atravessar	 suas	 composições,	 ele	 venGla	 a	 arte	 da	 música	 com	
conceitos	novos	e	aparentemente	sem	forma.	
SCHAFER,	R.	M.	O	ouvido	pensante.	São	Paulo:	Unesp,	1991.	Adaptado.
QUESTÃO 03
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
A	frase	“Quando	John	Cage	abre	a	porta	da	sala	de	concerto	e	encoraja	os	ruídos	
da	rua	a	atravessar	suas	composições”,	na	proposta	de	Schafer	de	formular	uma	
nova	conceituação	da	música,	representa	a	
a)	acessibilidade	à	sala	de	conceito	como	metáfora,	num	momento	em	que	a	arte	
deixou	de	ser	eliGzada.	
b)	abertura	da	sala	de	concerto,	que	permiGu	que	a	música	fosse	ouvida	do	lado	
de	fora	do	teatro.	
c)	postura	inversa	à	música	moderna,	que	desejava	se	enquadrar	em	uma	
concepção	conformista.	
d)	intenção	do	compositor	de	que	os	sons	extramusicais	sejam	parte	integrante	da	
música.	
e)	necessidade	do	arGsta	contemporâneo	de	atrair	maior	público	para	o	teatro.
SOLUÇÃO COMENTADA
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
John	 Cage	 é	 um	 dos	 principais	 nomes	 da	 música	 contemporânea.	 Suas	 peças	
fazem	 parte	 da	 Arte	 Conceitual	 ou	 Conceitualismo	 e	 ligam-se	 à	 ideia	 de	
performance	ou	de	conceito,	com	o	objeGvo	de	quesGonar	o	que	pode	ou	não	ser	
arte.	Em	uma	de	suas	peças	mais	famosas,	“4:33”,	que	pode	ser	executada	com	
qualquer	 instrumento,	 o	 executor	 da	 peça	 deve	 ficar	 inerte	 durante	 todo	 o	
período	da	apresentação.	A	música	viria	dos	ruídos	feitos	pela	plateia.	Das	leituras	
propostas	pelas	alternaGvas	apresentadas	nesta	questão,	a	única	que	apresenta	
um	conceito	afim	do	que	fazia	Cage	é	o	transcrito	na	alternaGva	“d”.
BANKSY.	Disponível	em:	www.banksy.co.uk.	Acesso	em:	4	ago.	2012.
MV	BILL.	Declaração	de	guerra.	Manaus:	BMG,	2002	(fragmento).		
SÓ	DEUS	PODE	ME	JULGAR	
Soldado	da	guerra	a	favor	da	jusGça	
Igualdade	por	aqui	é	coisa	ficgcia		
Você	ri	da	minha	roupa,	ri	do	meu	cabelo	
Mas	tenta	me	imitar	se	olhando	no	espelho		
Preconceito	sem	conceito	que	apodrece	a	nação		
Filhos	do	descaso	mesmo	pós-abolição
QUESTÃO 04
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
O	trecho	do	rap	e	o	grafite	evidenciam	o	papel	social	das	manifestações	argsGcas	
e	provocam	a		
a)	consciência	do	público	sobre	as	razões	da	desigualdade	social.		
b)	rejeição	do	público-alvo	à	situação	representada	nas	obras.		
c)	reflexão	contra	a	indiferença	nas	relações	sociais	de	forma	contundente.		
d)	ideia	de	que	a	igualdade	é	aGngida	por	meio	da	violência.		
e)	mobilização	do	público	contra	o	preconceito	racial	em	contextos	diferentes.
SOLUÇÃO COMENTADA
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
No	 texto	 01,	 há	 um	 aGvista	 que	 cobre	 parcialmente	 o	 rosto.	 Ele	 parece	 estar	
pronto	para	aGrar	algo	em	algum	lugar.	Evidentemente,	a	imagem	constrói-se	por	
meio	da	analogia:	o	traje	e	a	postura	corporal	da	personagem	dão	a	entender	que	
ele	 está	 em	 uma	 situação	 de	 confronto.	 As	 flores,	 em	 sua	 mão,	 entretanto,	
redirecionam	a	leitura	da	imagem.	Ao	invés	de	belicoso,	seu	ato	aparece	revesGdo	
de	conotações	posiGvas,	tais	como	amor,	genGleza,	paz.	
O	aGvismo	que	transparece	no	texto	01	também	está	presente	no	texto	02.	Aqui,	
o	 locutor	 assume	 uma	 aGtude	 aparentemente	 bélica,	 ao	 se	 autodenominar	
“soldado”.	Todavia,	o	adjunto	adnominal	“da	guerra”	[tal	qual	as	flores	do	grafite]	
ressemanGza	sua	aGtude,	na	medida	em	que	permite	depreender	que	ele	defende	
causas	nobres	–	a	paz	e	a	igualdade	racial.	
Os	 dois	 textos	 permitem	 entrever	 que	 a	 arte	 também	 pode	 estar	 a	 serviço	 do	
aGvismo	social.	Isso	se	jusGfica	na	medida	em	que	eles	apresentam	situações	de	
aparente	 conflito	 nas	 quais	 um	 locutor	 está	 mobilizado	 em	 defesa	 de	 ideais	
eGcamente	nobres.	Marque-se,	pois,	a	letra	“c”.
LEONILSON.	O	recruta,	o	aranha	e	o	penélope.	Bordado	sobre	tecido,	1992.	Disponível	em:	www.projetoleonilson.com.br.	
Acesso	em:	3	ago.	2012.
QUESTÃO 05
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
A	obra	do	arGsta	plásGco	Leonilson	(1953-1993)	marca	presença	no	panorama	da	
arte	 brasileira	 e	 internacional.	 Nessa	 obra,	 ele	 uGlizou	 a	 habilidade	 técnica	 do	
bordado	manual	para		
a)	obtenção	das	linhas	retas	paralelas.	
b)	valorização	do	tracejado	reGlíneo.	
c)	exploração	de	diferentes	texturas.	
d)	obtenção	do	equilíbrio	assimétrico.	
e)	inscrição	homogênea	das	formas	e	palavras.
SOLUÇÃO COMENTADA
revisional de arte contemporânea feat questões anteriores
A	obra	em	análise	usa	suportes	não	tradicionais	[bordado,	tecido]	e	constrói-se	
por	 meio	 de	 textos	 verbais	 [texto]	 e	 não	 verbais	 [imagens].	 Apesar	 do	 diálogo	
intertextual	 com	 o	 texto	 grego	 A	 odisseia	 e	 de	 se	 arGcular	 por	 intermédio	 de	
oposições	semânGcas,	não	se	explora	uma	linha	de	significado	preciso.	Dialoga,	
pois,	com	a	Arte	Conceitual	ou	Conceptualismo,	que,	por	meio	de	material	não	
usado	tradicionalmente	na	arte,	urde	conceitos	cujo	objeGvo	é	desafiar	o	leitor.	
A	questão	em	análise	requer	do	aluno	a	capacidade	de	idenGficar	as	estratégias	
uGlizadas	 na	 construção	 da	 obra	 de	 arte.	 Posto	 isso,	 deve-se	 notar	 que	 as	
estruturas	que	compõem	a	peça	aproximam-se,	predominantemente,	das	retas,	
mas	não	estão	dispostas	exclusivamente	em	paralelo.	Sendo	assim,	eliminem-se	as	
alternaGvas	“a”,	“b”	e	“e”.	
Posto	que	a	obra	compõe-se	de	três	peças	icônicas	[imagens],	de	três	gtulos	[“o	
recruta”,	“o	aranha”,	“o	penélope”]	e	de	três	estruturas	frasais	[“cheio	e	vazio”,	
“crer	ou	ter”,	você	ou	eu”],	é	possível	afirmar	que	haja	um	equilíbrio	que	se	vale	
de	formas	não	simétricas	em	sua	arGculação.	Marque-se,	pois,	a	letra	“d”.
SIGA-ME NAS REDES SOCIAIS!!!
hIp://www.slideshare.net/ma.no.el.ne.ves	
hIps://www.facebook.com/nevesmanoel	
hIps://www.instagram.com/manoelnevesmn/	
hIps://www.youtube.com/user/TheManoelNeves	
hIps://twiIer.com/Manoel_Neves
Conhece	 meu	 livro	 de	 redação	 para	 o	
ENEM?	
Vendas:	www.manoelneves.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Neoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte NeoclássicaNeoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte NeoclássicaAndrea Dressler
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporâneaannaartes
 
Expressionismo abstrato (1)
Expressionismo abstrato (1)Expressionismo abstrato (1)
Expressionismo abstrato (1)sheilabeca
 
Introdução à História da Arte aula 1
Introdução à História da Arte   aula 1Introdução à História da Arte   aula 1
Introdução à História da Arte aula 1VIVIAN TROMBINI
 
Ensino Médio- A arte do cubismo
Ensino Médio- A arte do cubismoEnsino Médio- A arte do cubismo
Ensino Médio- A arte do cubismoArtesElisa
 
ENEM-2016 resolvido e comentado: Artes
ENEM-2016 resolvido e comentado: ArtesENEM-2016 resolvido e comentado: Artes
ENEM-2016 resolvido e comentado: Artesma.no.el.ne.ves
 
Arte moderna brasileira
Arte moderna brasileiraArte moderna brasileira
Arte moderna brasileiraArte Educadora
 
Segunda aplicação do ENEM-2016, Artes
Segunda aplicação do ENEM-2016, ArtesSegunda aplicação do ENEM-2016, Artes
Segunda aplicação do ENEM-2016, Artesma.no.el.ne.ves
 
Linha do Tempo - História da Arte
Linha do Tempo - História da ArteLinha do Tempo - História da Arte
Linha do Tempo - História da ArteJesrayne Nascimento
 

Mais procurados (20)

Arte - Romantismo
Arte - RomantismoArte - Romantismo
Arte - Romantismo
 
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte NeoclássicaNeoclassicismo - Arte Neoclássica
Neoclassicismo - Arte Neoclássica
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
Arte moderna
Arte modernaArte moderna
Arte moderna
 
Pop Art em Resumo
Pop Art em ResumoPop Art em Resumo
Pop Art em Resumo
 
Expressionismo slide
Expressionismo slideExpressionismo slide
Expressionismo slide
 
Expressionismo abstrato (1)
Expressionismo abstrato (1)Expressionismo abstrato (1)
Expressionismo abstrato (1)
 
Introdução à História da Arte aula 1
Introdução à História da Arte   aula 1Introdução à História da Arte   aula 1
Introdução à História da Arte aula 1
 
Ensino Médio- A arte do cubismo
Ensino Médio- A arte do cubismoEnsino Médio- A arte do cubismo
Ensino Médio- A arte do cubismo
 
ENEM-2016 resolvido e comentado: Artes
ENEM-2016 resolvido e comentado: ArtesENEM-2016 resolvido e comentado: Artes
ENEM-2016 resolvido e comentado: Artes
 
Arte Barroca no Brasil
Arte Barroca no BrasilArte Barroca no Brasil
Arte Barroca no Brasil
 
Arte moderna brasileira
Arte moderna brasileiraArte moderna brasileira
Arte moderna brasileira
 
Teatro brasileiro
Teatro brasileiroTeatro brasileiro
Teatro brasileiro
 
Movimento Cubismo
Movimento CubismoMovimento Cubismo
Movimento Cubismo
 
Segunda aplicação do ENEM-2016, Artes
Segunda aplicação do ENEM-2016, ArtesSegunda aplicação do ENEM-2016, Artes
Segunda aplicação do ENEM-2016, Artes
 
Pop arte
 Pop arte Pop arte
Pop arte
 
CUBISMO
CUBISMOCUBISMO
CUBISMO
 
ARTE PRÉ COLOMBIANA
ARTE PRÉ COLOMBIANAARTE PRÉ COLOMBIANA
ARTE PRÉ COLOMBIANA
 
Linha do Tempo - História da Arte
Linha do Tempo - História da ArteLinha do Tempo - História da Arte
Linha do Tempo - História da Arte
 

Destaque

Revisional de arte moderna no enem
Revisional de arte moderna no enemRevisional de arte moderna no enem
Revisional de arte moderna no enemma.no.el.ne.ves
 
Questões sobre música e sobre dança no enem
Questões sobre música e sobre dança no enemQuestões sobre música e sobre dança no enem
Questões sobre música e sobre dança no enemma.no.el.ne.ves
 
Revisional de Linguagens para o ENEM-2016: Literatura e Artes
Revisional de Linguagens para o ENEM-2016: Literatura e ArtesRevisional de Linguagens para o ENEM-2016: Literatura e Artes
Revisional de Linguagens para o ENEM-2016: Literatura e Artesma.no.el.ne.ves
 
Revisional de vanguardas europeias e de modernismo
Revisional de vanguardas europeias e de modernismoRevisional de vanguardas europeias e de modernismo
Revisional de vanguardas europeias e de modernismoma.no.el.ne.ves
 
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013Fabiola Oliveira
 
Terceira aplicação do enem 2014: Artes
Terceira aplicação do enem 2014: ArtesTerceira aplicação do enem 2014: Artes
Terceira aplicação do enem 2014: Artesma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do enem 2014, Artes
Segunda aplicação do enem 2014, ArtesSegunda aplicação do enem 2014, Artes
Segunda aplicação do enem 2014, Artesma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2015 resolvido e comentado: Artes
ENEM-2015 resolvido e comentado: ArtesENEM-2015 resolvido e comentado: Artes
ENEM-2015 resolvido e comentado: Artesma.no.el.ne.ves
 
Avaliação de Arte 2º Ensino Médio
Avaliação de Arte 2º Ensino MédioAvaliação de Arte 2º Ensino Médio
Avaliação de Arte 2º Ensino MédioMarcia Oliveira
 
Arte acadêmica ou academicismo no ENEM
Arte acadêmica ou academicismo no ENEMArte acadêmica ou academicismo no ENEM
Arte acadêmica ou academicismo no ENEMma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do enem 2015, Artes
Segunda aplicação do enem 2015, ArtesSegunda aplicação do enem 2015, Artes
Segunda aplicação do enem 2015, Artesma.no.el.ne.ves
 
Gênero retrato e autorretrato
Gênero retrato e autorretratoGênero retrato e autorretrato
Gênero retrato e autorretratoJunior Onildo
 
Da idade média ao renascimento
Da idade média ao renascimentoDa idade média ao renascimento
Da idade média ao renascimentoma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do enem 2016: iIdentidades brasileiras
Segunda aplicação do enem 2016: iIdentidades brasileirasSegunda aplicação do enem 2016: iIdentidades brasileiras
Segunda aplicação do enem 2016: iIdentidades brasileirasma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do enem 2016, Educação física
Segunda aplicação do enem 2016, Educação físicaSegunda aplicação do enem 2016, Educação física
Segunda aplicação do enem 2016, Educação físicama.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do enem 2016: Tecnologias e internet
Segunda aplicação do enem 2016: Tecnologias e internetSegunda aplicação do enem 2016: Tecnologias e internet
Segunda aplicação do enem 2016: Tecnologias e internetma.no.el.ne.ves
 
Arte primitiva e naïf no enem
Arte primitiva e naïf no enemArte primitiva e naïf no enem
Arte primitiva e naïf no enemma.no.el.ne.ves
 

Destaque (20)

Revisional de arte moderna no enem
Revisional de arte moderna no enemRevisional de arte moderna no enem
Revisional de arte moderna no enem
 
Questões sobre música e sobre dança no enem
Questões sobre música e sobre dança no enemQuestões sobre música e sobre dança no enem
Questões sobre música e sobre dança no enem
 
Revisional de Linguagens para o ENEM-2016: Literatura e Artes
Revisional de Linguagens para o ENEM-2016: Literatura e ArtesRevisional de Linguagens para o ENEM-2016: Literatura e Artes
Revisional de Linguagens para o ENEM-2016: Literatura e Artes
 
Revisional de vanguardas europeias e de modernismo
Revisional de vanguardas europeias e de modernismoRevisional de vanguardas europeias e de modernismo
Revisional de vanguardas europeias e de modernismo
 
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
Questões do ENEM - Disciplina Arte 2009 a 2013
 
Terceira aplicação do enem 2014: Artes
Terceira aplicação do enem 2014: ArtesTerceira aplicação do enem 2014: Artes
Terceira aplicação do enem 2014: Artes
 
Segunda aplicação do enem 2014, Artes
Segunda aplicação do enem 2014, ArtesSegunda aplicação do enem 2014, Artes
Segunda aplicação do enem 2014, Artes
 
ENEM-2015 resolvido e comentado: Artes
ENEM-2015 resolvido e comentado: ArtesENEM-2015 resolvido e comentado: Artes
ENEM-2015 resolvido e comentado: Artes
 
Avaliação de Arte 2º Ensino Médio
Avaliação de Arte 2º Ensino MédioAvaliação de Arte 2º Ensino Médio
Avaliação de Arte 2º Ensino Médio
 
Arte acadêmica ou academicismo no ENEM
Arte acadêmica ou academicismo no ENEMArte acadêmica ou academicismo no ENEM
Arte acadêmica ou academicismo no ENEM
 
Segunda aplicação do enem 2015, Artes
Segunda aplicação do enem 2015, ArtesSegunda aplicação do enem 2015, Artes
Segunda aplicação do enem 2015, Artes
 
Arte barroca no ENEM
Arte barroca no ENEMArte barroca no ENEM
Arte barroca no ENEM
 
ENEM arte de 2003-2013
ENEM  arte de 2003-2013ENEM  arte de 2003-2013
ENEM arte de 2003-2013
 
Enem 2014, artes
Enem 2014, artesEnem 2014, artes
Enem 2014, artes
 
Gênero retrato e autorretrato
Gênero retrato e autorretratoGênero retrato e autorretrato
Gênero retrato e autorretrato
 
Da idade média ao renascimento
Da idade média ao renascimentoDa idade média ao renascimento
Da idade média ao renascimento
 
Segunda aplicação do enem 2016: iIdentidades brasileiras
Segunda aplicação do enem 2016: iIdentidades brasileirasSegunda aplicação do enem 2016: iIdentidades brasileiras
Segunda aplicação do enem 2016: iIdentidades brasileiras
 
Segunda aplicação do enem 2016, Educação física
Segunda aplicação do enem 2016, Educação físicaSegunda aplicação do enem 2016, Educação física
Segunda aplicação do enem 2016, Educação física
 
Segunda aplicação do enem 2016: Tecnologias e internet
Segunda aplicação do enem 2016: Tecnologias e internetSegunda aplicação do enem 2016: Tecnologias e internet
Segunda aplicação do enem 2016: Tecnologias e internet
 
Arte primitiva e naïf no enem
Arte primitiva e naïf no enemArte primitiva e naïf no enem
Arte primitiva e naïf no enem
 

Semelhante a Revisional de arte contemporânea no enem

Arte contemporânea 03, conceitualismo ou arte conceitural
Arte contemporânea 03, conceitualismo ou arte conceituralArte contemporânea 03, conceitualismo ou arte conceitural
Arte contemporânea 03, conceitualismo ou arte conceituralma.no.el.ne.ves
 
Das Novas Figurações à Arte Conceitual
Das Novas Figurações à Arte ConceitualDas Novas Figurações à Arte Conceitual
Das Novas Figurações à Arte ConceitualZimaldo Melo
 
Prova 1 unidade ensino medio
Prova  1 unidade  ensino medioProva  1 unidade  ensino medio
Prova 1 unidade ensino medioFátima Soares
 
Arte Contemporânea
Arte ContemporâneaArte Contemporânea
Arte ContemporâneaLuciano Dias
 
Arte moderna
Arte modernaArte moderna
Arte modernaraays
 
Criação do humano maquina
Criação do humano maquinaCriação do humano maquina
Criação do humano maquinaVenise Melo
 
MATERIAL-QUESTÕES DE ARTE-novembro.docx
MATERIAL-QUESTÕES DE ARTE-novembro.docxMATERIAL-QUESTÕES DE ARTE-novembro.docx
MATERIAL-QUESTÕES DE ARTE-novembro.docxBeto Cavalcante
 
Exercicios de revisso_[2] (1)
Exercicios de revisso_[2] (1)Exercicios de revisso_[2] (1)
Exercicios de revisso_[2] (1)Kleo macedo
 
A rte cidade e patrimonio cultural
A rte cidade e patrimonio culturalA rte cidade e patrimonio cultural
A rte cidade e patrimonio culturalAna Costa E Silva
 
Trabalho de met. artes [trabalhando a arte em sala de aula]
Trabalho de met. artes [trabalhando a arte em sala de aula]Trabalho de met. artes [trabalhando a arte em sala de aula]
Trabalho de met. artes [trabalhando a arte em sala de aula]Charlies Ponciano
 

Semelhante a Revisional de arte contemporânea no enem (20)

Arte contemporânea 03, conceitualismo ou arte conceitural
Arte contemporânea 03, conceitualismo ou arte conceituralArte contemporânea 03, conceitualismo ou arte conceitural
Arte contemporânea 03, conceitualismo ou arte conceitural
 
Das Novas Figurações à Arte Conceitual
Das Novas Figurações à Arte ConceitualDas Novas Figurações à Arte Conceitual
Das Novas Figurações à Arte Conceitual
 
Diagnostica arte 9 ano (1)
Diagnostica arte 9 ano (1)Diagnostica arte 9 ano (1)
Diagnostica arte 9 ano (1)
 
Diagnostica arte 9 ano (1)
Diagnostica arte 9 ano (1)Diagnostica arte 9 ano (1)
Diagnostica arte 9 ano (1)
 
Prova 1 unidade ensino medio
Prova  1 unidade  ensino medioProva  1 unidade  ensino medio
Prova 1 unidade ensino medio
 
Modernismo america latina
Modernismo america latinaModernismo america latina
Modernismo america latina
 
June paik
June paikJune paik
June paik
 
Questões arte aulão.pdf
Questões arte aulão.pdfQuestões arte aulão.pdf
Questões arte aulão.pdf
 
Arte Contemporânea
Arte ContemporâneaArte Contemporânea
Arte Contemporânea
 
Arte moderna
Arte modernaArte moderna
Arte moderna
 
Criação do humano maquina
Criação do humano maquinaCriação do humano maquina
Criação do humano maquina
 
MATERIAL-QUESTÕES DE ARTE-novembro.docx
MATERIAL-QUESTÕES DE ARTE-novembro.docxMATERIAL-QUESTÕES DE ARTE-novembro.docx
MATERIAL-QUESTÕES DE ARTE-novembro.docx
 
Prova de artes 3º ano
Prova de artes   3º anoProva de artes   3º ano
Prova de artes 3º ano
 
Arte 1o2o ano 11.02.2014
Arte 1o2o ano 11.02.2014Arte 1o2o ano 11.02.2014
Arte 1o2o ano 11.02.2014
 
Exercicios de revisso_[2] (1)
Exercicios de revisso_[2] (1)Exercicios de revisso_[2] (1)
Exercicios de revisso_[2] (1)
 
Pós impressionismo
Pós impressionismoPós impressionismo
Pós impressionismo
 
Prova de artes 6 ano
Prova de artes 6 anoProva de artes 6 ano
Prova de artes 6 ano
 
A rte cidade e patrimonio cultural
A rte cidade e patrimonio culturalA rte cidade e patrimonio cultural
A rte cidade e patrimonio cultural
 
Trabalho de met. artes [trabalhando a arte em sala de aula]
Trabalho de met. artes [trabalhando a arte em sala de aula]Trabalho de met. artes [trabalhando a arte em sala de aula]
Trabalho de met. artes [trabalhando a arte em sala de aula]
 
Centro de ensino edison lobão1
Centro de ensino edison lobão1Centro de ensino edison lobão1
Centro de ensino edison lobão1
 

Mais de ma.no.el.ne.ves

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literaturama.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisma.no.el.ne.ves
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artesma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologiasma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticaisma.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textualma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internetma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literaturama.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Físicama.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textualma.no.el.ne.ves
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artesma.no.el.ne.ves
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010ma.no.el.ne.ves
 

Mais de ma.no.el.ne.ves (20)

Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: LiteraturaSegunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
Segunda aplicação do ENEM-2019: Literatura
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologiasSegunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
Segunda aplicação do ENEM-2019: Internet e tecnologias
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileirasSegunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
Segunda aplicação do ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação FísicaSegunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
Segunda aplicação do ENEM-2019: Educação Física
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textualSegunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
Segunda aplicação do ENEM-2019: Compreensão textual
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticaisSegunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
Segunda aplicação do ENEM-2019: Aspectos gramaticais
 
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: ArtesSegunda aplicação do ENEM-2019: Artes
Segunda aplicação do ENEM-2019: Artes
 
ENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: LiteraturaENEM-2019: Literatura
ENEM-2019: Literatura
 
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e TecnologiasENEM-2019: Internet e Tecnologias
ENEM-2019: Internet e Tecnologias
 
ENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileirasENEM-2019: Identidades brasileiras
ENEM-2019: Identidades brasileiras
 
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos GramaticaisENEM-2019: Aspectos Gramaticais
ENEM-2019: Aspectos Gramaticais
 
ENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação FísicaENEM-2019: Educação Física
ENEM-2019: Educação Física
 
ENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão TextualENEM-2019: Compreensão Textual
ENEM-2019: Compreensão Textual
 
ENEM-2019: Artes
ENEM-2019: ArtesENEM-2019: Artes
ENEM-2019: Artes
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e InternetTerceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
Terceira aplicação do ENEM-2017: Tecnologias e Internet
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: LiteraturaTerceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
Terceira aplicação do ENEM-2017: Literatura
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação FísicaTerceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
Terceira aplicação do ENEM-2017: Educação Física
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão TextualTerceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
Terceira aplicação do ENEM-2017: Compreensão Textual
 
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: ArtesTerceira aplicação do ENEM-2017: Artes
Terceira aplicação do ENEM-2017: Artes
 
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
Análise da Prova de Redação da UERJ-2010
 

Último

atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãodanielagracia9
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfSandra Pratas
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesGilbraz Aragão
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTEJoaquim Colôa
 
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturaPizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturagomescostamma
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...MANUELJESUSVENTURASA
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Mary Alvarenga
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfSandra Pratas
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMHenrique Pontes
 
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonAlgumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonRosiniaGonalves
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...Unidad de Espiritualidad Eudista
 

Último (20)

atividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetizaçãoatividades diversas 1° ano alfabetização
atividades diversas 1° ano alfabetização
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24RITA CALAIM_2023_24.pdf
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Modelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das ReligiõesModelos Evolutivos em História das Religiões
Modelos Evolutivos em História das Religiões
 
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTECAMINHOS PARA  A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
CAMINHOS PARA A PROMOÇÃO DA INLUSÃO E VIDA INDEPENDENTE
 
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literaturaPizza_literaria.pdf projeto de literatura
Pizza_literaria.pdf projeto de literatura
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
PROPUESTA DE LOGO PARA EL DISTRITO DE MOCHUMI, LLENO DE HISTORIA 200 AÑOS DE ...
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
MANEJO INTEGRADO DE DOENÇAS (MID)
 
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
Poema em homenagem a Escola Santa Maria, pelos seus 37 anos.
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
 
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita PhytonAlgumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
Algumas Curiosidades do uso da Matemática na escrita Phyton
 
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptxSlides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
Slides Lição 01, Central Gospel, Os Sinais do Fim dos Tempos 2Tr24.pptx
 
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
A Unidade de Espiritualidade Eudista se une ao sentimiento de toda a igreja u...
 

Revisional de arte contemporânea no enem

  • 1. Manoel Neves revisional feat questões dos anos anteriores Arte Contemporânea no ENEM
  • 3. QUESTÃO 01 revisional de arte contemporânea feat questões anteriores A contemporaneidade idenGficada na performance/instalação do arGsta mineiro Paulo Nazareth reside principalmente na forma como ele a) resgata conhecidas referências do modernismo mineiro. b) uGliza técnicas tradicionais na construção das formas. c) arGcula questões de idenGdade, território e códigos de linguagem. d) imita o papel das celebridades no mundo contemporâneo. e) camufla o aspecto plásGco e a composição visual de sua montagem.
  • 4. SOLUÇÃO COMENTADA revisional de arte contemporânea feat questões anteriores A instalação em análise versa sobre a construção da idenGdade dos povos laGno- americanos, notadamente daqueles que se deslocam para os EUA em busca de oportunidades de trabalho. Tal afirmação pode ser depreendida pelo uso do idioma espanhol na placa que o performer porta e pela presença de bananas [fruta que faz parte da lista de produtos exportados por inúmeros países da América LaGna, notadamente das nações da América Central]. Posto isso, deve-se assinalar a alternaGva “c”.
  • 6. QUESTÃO 02 revisional de arte contemporânea feat questões anteriores O objeto escultórico produzido por Lygia Clark, representante do NeoconcreGsmo, exemplifica o início de uma vertente importante da arte contemporânea, que amplia as funções da arte. Tendo como referência a obra Bicho de bolso, idenGfica-se essa vertente pelo(a) a) parGcipação efeGva do espectador na obra, o que determina a proximidade entre a vida e a arte. b) percepção do uso de objetos coGdianos para a confecção da obra de arte, aproximando arte e realidade. c) reconhecimento do uso de técnicas artesanais de arte, o que determina a consolidação de valores culturais. d) reflexão sobre a captação argsGca de imagens com meios óGcos, revelando o desenvolvimento de uma linguagem própria. e) entendimento sobre o uso de métodos de produção em série para a confecção da obra de arte, o que atualiza as linguagens argsGcas.
  • 7. SOLUÇÃO COMENTADA revisional de arte contemporânea feat questões anteriores O NeoconcreGsmo foi um movimento das artes plásGcas e da literatura do final dos anos 1950. Ao mesmo tempo em que aproxima o trabalho argsGco do industrial, afasta-se de qualquer conotação simbólica ou lírica. Nota-se, ainda, valorização de estruturas e de planos relacionados e o uso de formas seriadas [industriais] e geométricas. Apesar de os traços indicados anteriormente serem claramente percepgveis na imagem em análise, nota-se claramente que a obra está sendo manipulada. Tal ação permite entrever um dos principais traços da arte feita a parGr dos anos 1960, a interação com o espectador. Por isso, deve-se assinalar a alternaGva “a”.
  • 8. Era um dos meus primeiros dias na sala de música. A fim de descobrirmos o que deveríamos estar fazendo ali, propus à classe um problema. Inocentemente perguntei: – O que é música? Passamos dois dias inteiros tateando em busca de uma definição. Descobrimos que gnhamos de rejeitar todas as definições costumeiras porque elas não eram suficientemente abrangentes. O simples fato é que, à medida que a crescente margem a que chamamos de vanguarda conGnua suas explorações pelas fronteiras do som, qualquer definição se tornas dincil. Quando John Cage abre a porta da sala de concerto e encoraja os ruídos da rua a atravessar suas composições, ele venGla a arte da música com conceitos novos e aparentemente sem forma. SCHAFER, R. M. O ouvido pensante. São Paulo: Unesp, 1991. Adaptado.
  • 9. QUESTÃO 03 revisional de arte contemporânea feat questões anteriores A frase “Quando John Cage abre a porta da sala de concerto e encoraja os ruídos da rua a atravessar suas composições”, na proposta de Schafer de formular uma nova conceituação da música, representa a a) acessibilidade à sala de conceito como metáfora, num momento em que a arte deixou de ser eliGzada. b) abertura da sala de concerto, que permiGu que a música fosse ouvida do lado de fora do teatro. c) postura inversa à música moderna, que desejava se enquadrar em uma concepção conformista. d) intenção do compositor de que os sons extramusicais sejam parte integrante da música. e) necessidade do arGsta contemporâneo de atrair maior público para o teatro.
  • 10. SOLUÇÃO COMENTADA revisional de arte contemporânea feat questões anteriores John Cage é um dos principais nomes da música contemporânea. Suas peças fazem parte da Arte Conceitual ou Conceitualismo e ligam-se à ideia de performance ou de conceito, com o objeGvo de quesGonar o que pode ou não ser arte. Em uma de suas peças mais famosas, “4:33”, que pode ser executada com qualquer instrumento, o executor da peça deve ficar inerte durante todo o período da apresentação. A música viria dos ruídos feitos pela plateia. Das leituras propostas pelas alternaGvas apresentadas nesta questão, a única que apresenta um conceito afim do que fazia Cage é o transcrito na alternaGva “d”.
  • 13. QUESTÃO 04 revisional de arte contemporânea feat questões anteriores O trecho do rap e o grafite evidenciam o papel social das manifestações argsGcas e provocam a a) consciência do público sobre as razões da desigualdade social. b) rejeição do público-alvo à situação representada nas obras. c) reflexão contra a indiferença nas relações sociais de forma contundente. d) ideia de que a igualdade é aGngida por meio da violência. e) mobilização do público contra o preconceito racial em contextos diferentes.
  • 14. SOLUÇÃO COMENTADA revisional de arte contemporânea feat questões anteriores No texto 01, há um aGvista que cobre parcialmente o rosto. Ele parece estar pronto para aGrar algo em algum lugar. Evidentemente, a imagem constrói-se por meio da analogia: o traje e a postura corporal da personagem dão a entender que ele está em uma situação de confronto. As flores, em sua mão, entretanto, redirecionam a leitura da imagem. Ao invés de belicoso, seu ato aparece revesGdo de conotações posiGvas, tais como amor, genGleza, paz. O aGvismo que transparece no texto 01 também está presente no texto 02. Aqui, o locutor assume uma aGtude aparentemente bélica, ao se autodenominar “soldado”. Todavia, o adjunto adnominal “da guerra” [tal qual as flores do grafite] ressemanGza sua aGtude, na medida em que permite depreender que ele defende causas nobres – a paz e a igualdade racial. Os dois textos permitem entrever que a arte também pode estar a serviço do aGvismo social. Isso se jusGfica na medida em que eles apresentam situações de aparente conflito nas quais um locutor está mobilizado em defesa de ideais eGcamente nobres. Marque-se, pois, a letra “c”.
  • 16. QUESTÃO 05 revisional de arte contemporânea feat questões anteriores A obra do arGsta plásGco Leonilson (1953-1993) marca presença no panorama da arte brasileira e internacional. Nessa obra, ele uGlizou a habilidade técnica do bordado manual para a) obtenção das linhas retas paralelas. b) valorização do tracejado reGlíneo. c) exploração de diferentes texturas. d) obtenção do equilíbrio assimétrico. e) inscrição homogênea das formas e palavras.
  • 17. SOLUÇÃO COMENTADA revisional de arte contemporânea feat questões anteriores A obra em análise usa suportes não tradicionais [bordado, tecido] e constrói-se por meio de textos verbais [texto] e não verbais [imagens]. Apesar do diálogo intertextual com o texto grego A odisseia e de se arGcular por intermédio de oposições semânGcas, não se explora uma linha de significado preciso. Dialoga, pois, com a Arte Conceitual ou Conceptualismo, que, por meio de material não usado tradicionalmente na arte, urde conceitos cujo objeGvo é desafiar o leitor. A questão em análise requer do aluno a capacidade de idenGficar as estratégias uGlizadas na construção da obra de arte. Posto isso, deve-se notar que as estruturas que compõem a peça aproximam-se, predominantemente, das retas, mas não estão dispostas exclusivamente em paralelo. Sendo assim, eliminem-se as alternaGvas “a”, “b” e “e”. Posto que a obra compõe-se de três peças icônicas [imagens], de três gtulos [“o recruta”, “o aranha”, “o penélope”] e de três estruturas frasais [“cheio e vazio”, “crer ou ter”, você ou eu”], é possível afirmar que haja um equilíbrio que se vale de formas não simétricas em sua arGculação. Marque-se, pois, a letra “d”.
  • 18. SIGA-ME NAS REDES SOCIAIS!!! hIp://www.slideshare.net/ma.no.el.ne.ves hIps://www.facebook.com/nevesmanoel hIps://www.instagram.com/manoelnevesmn/ hIps://www.youtube.com/user/TheManoelNeves hIps://twiIer.com/Manoel_Neves
  • 19. Conhece meu livro de redação para o ENEM? Vendas: www.manoelneves.com