SlideShare uma empresa Scribd logo
DIRETORIA DE MOGI MIRIM
ESCOLA ESTADUAL DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
ELIANE APARECIDA GERALDO
PROJETO SALA DE LEITURA DALVA MARIA BUENO DE MIRANDA MENONCELLO
2016
APRESENTAÇÃO
O presente projeto da Sala de Leitura Dalva Maria Bueno de Miranda Menoncello, da
E. E Dr. Sylvio de Aguiar Maya, localizada na cidade de Pedreira/SP, tem a pretensão de
contribuir para a formação de alunos leitores e escritores, críticos e participativos, capazes de
interagirem em sua realidade na condição de cidadãos consciente de sua atuação na
sociedade, entendida como pré-condição do exercício pleno da cidadania. Assim,
pretendemos através desse projeto possibilitar aos alunos o entendimento sobre a importância
de se ter bom gosto pela leitura, para que assim, adquiram também o gosto pela produção de
textos.
PROJETOS DESENVOLVIDOS NO PERÍODO DE 2016
1. Sarau Poético, Literário e Musical: “O Amor Está no Ar”.
2. Viagem Literária..
3. Jovens Protagonistas: Biblionotícias.
4. Desafio dos Livros.
5. Desafio da Leitura
6. Dia Mundial de Ler Todo Dia
7. Sustentabilidade: Reciclar Para um Mundo Melhor.
8. Teatro e Arte na Escola.
9. Ser: Diversidade de Gênero e Sexual.
10. Jovens Protagonistas: Os Problemas da Família Gorgonzola. da Família Gorgonzola.
11. Biblioarte: Instalações Literárias.
1. SARAU POÉTICO, LITERÁRIO E MUSICAL:
“O AMOR ESTÁ NO AR”
Público Alvo: Alunos do Ensino Médio Diurno e Noturno.
Professoras Responsáveis: Ana Maria Lenci Bordinhão e Eliane Aparecida Geraldo.
Parcerias: Equipe Gestora, professores, alunos, comunidade escolar. e comunidade local.
AÇÕES
• Apresentação do projeto aos gestores, professores e toda comunidade escolar;
• Apresentação do Projeto aos alunos;
• Divisão dos temas (autores da literatura brasileira), por turmas;
• Produção de poemas pelos alunos (revisão dos mesmos e ilustração);
• Produção de cenário e enfeites para o evento;
• Ensaios;
• Elaboração de apresentação em slides;
• Socialização através da:
• Dança;
• Declamação de poesia;
• Teatro;
• Músicas de autores diversos representando o amor;
• Apresentação do evento (31/05/2016);
• Encerramento.
OBJETIVO
Proporcionar momentos de prazer e alegria aos alunos e à toda comunidade escolar, com
esse objetivo apresentamos o projeto Sarau Poético Literário Musical “O Amor Está no Ar” que
busca resgatar e desenvolver o hábito de leitura de: literatura, poesias e os desperte para
manifestações artísticas, tais como: música, dança e teatro. Proporcionar momentos de prazer e
alegria aos alunos e à toda comunidade escolar, com esse objetivo apresentamos o projeto
Sarau Poético Literário Musical “O Amor Está no Ar” que busca resgatar e desenvolver o hábito
de leitura de: literatura, poesias e os desperte para manifestações artísticas, tais como: música,
dança e teatro.
PROCEDIMENTOS
• Divisão dos temas (autores da literatura brasileira), por turmas;
• Orientação realizada pelos professores da área de conhecimento responsável pelo projeto;
• Divisão dos trabalhos em grupos para a realização das atividades;
• Durante todo o período de realização do projeto , foram desenvolvidas as seguintes
atividades: pesquisas, ensaios, montagens de peças teatrais, cenários, produção de slides,
pinturas, entre outras coisas.
AVALIAÇÃO
A avaliação se deu durante todo o processo de desenvolvimento do Projeto Sarau Poético,
Literário e Musical: “O Amor Está no Ar”, desde as primeiras pesquisas, trabalhos em grupos,
ensaios, produções das atividades, até a culminância do projeto: compreendendo a participação,
desempenho, interação, produção escrita, declamação, dança, música e expressão corporal.
CRONOGRAMA
• *Vídeo Mário Quintana
• 1) Música/Dança: Love Song Litle Mix *(GRAVAÇÃO)
• 2) Jogral: Soneto de Camões
• 3) Música: Love is in the air (Banda)
• 4) Poema: As Sem-Razões do Amor
• 5) Músicas: “Faltando Um Pedaço” e “Pétala” (Banda) ... (FRASES)
• 6) Poema: Amor
• 7) Músicas: “Do Seu Lado”, “Como Dizia o Poeta” e “Gostava Tanto de Você”(Banda)
...(FRASES)
• 8) Teatro: Memórias
• 9) Poema: Amor Sem Tréguas
• 10) Poema: Presságio
• 11) Música/Dança: Amor Próprio *(GRAVAÇÃO)
CRONOGRAMA
• 12) Músicas: “Amada Amante”, “De Tanto Amor”, “Como é Grande o Meu Amor Por Você”
e “Evidências” (Banda)... (FRASES)
• 13) Poema: Amor em Paz
• 14) Poema: Soneto de Separação
• 15) Músicas: “Codinome Beija-Flor” e “Something” (Banda)
• “Quando Te Encontrar” e “Sem Medo de Amar” (alunas 2ºC)
• 16) Teatro: Prólogo da Alma
• 17) (SOM DE AEROPORTO) Definições de Amor (Madre Teresa)
• 18) Poema: Livros e Flores
• 19) Músicas: “Vamos Fugir”, “Não Quero Dinheiro” e “Fanatismo” (Banda)... (FRASES)
• 20) Poema: Amar
• 21) Poema: Ama Minha Gentil Que Te Partiste
CRONOGRAMA
• *CAROL VECCHIA – Homenagem ao Avô – Música: Menos de Um Segundo (Banda)
• 22) Poema: Inconstância
• 23) Poema: Ai de Quem Ama
• 24) (SOM DE AEROPORTO) Definições de Amor (Madre Teresa)
• 25) Músicas: “Rancho Fundo”, “Luar do Sertão” e “Sampa” (Banda)... (FRASES)
• 26) Poema: Canção de Outono
• 27) Poema: Canção do Exílio
• 28) Músicas: “Rio 40°”, “Valsa de Uma Cidade”, “Eu Vim da Bahia” e “Augusta, Angélica e
Consolação” (Banda)
• 29) Poema: Enjoadinho
• 30) Músicas: “Acalanto”, “O Mundo É Bão, Sebastião” e “Beautiful Boy” (Banda)
• 31) Músicas: “O Mundo É Um Moinho”, “Isn’t She Lovely” e “Boas-Vindas” (Banda)
CRONOGRAMA
• 32) (SOM DE AEROPORTO) Pensamentos de Cora Coralina
• 33) Músicas: “Se Eu Quiser Falar Com Deus”, “Romaria”, “Noites Traiçoeiras” e “Monte
Castelo” (Banda)... (FRASES)
• 34) Poema: Soneto do Amigo
• 35) Músicas: “Canção da América” e “Que Bom, Amigo” (Banda)... (FRASES)
• 36) Teatro/Música: Shakespeare (*GRAVAÇÃO)
• 37) Poema: Amar Se Aprende Amando
• 38) Músicas: “The Way You Look Tonight”, “Pé de Manacá” e “Caso por Acaso” (Banda)...
(FRASES, só na 3ª música)
• 39) Texto: Amor em Tempos de Internet
• *CAROL VECCHIA – Músicas: “Apenas Mais Uma Canção”, “Eu Só Penso Em Você” e “All
Star, Laranjeiras” (Banda)
CRONOGRAMA
• 40) Música/Dança: Eu Te Amo (GRAVAÇÃO)
• 41) Poema: Amor Verdadeiro
• 42) Músicas: “Boate Azul” e “O Meu Amor” (Banda)
• 43) Música/Dança: Corazón Partio (Banda)
• 44) Poema: Pra Sempre
• 45) Músicas: “Amor Materno” e “Sinônimo de Mãe” (Banda)... (FRASES)
• 46) Texto: O Dia Mais Belo (Madre Teresa)
• 47) (SOM DE AEROPORTO) Pensamentos de Machado de Assis
• 48) Música: Coração de Estudante (Jogral de Professores)... (FOTOS)
• *Entrega das Mensagens a todos os presentes
• (ao fundo, o som da música: LEVE ME TENDER/Elvis Presley) (GRAVAÇÃO)
FIM
Frases que foram colocadas no telão, na hora das apresentações musicais
1) ”O Amor é um grande laço, um passo para uma armadilha”
“Por ser exato, o amor não cabe em si... Por ser encantado, o amor revela-se... Por ser
amor, invade e fim”
2) “O amor é o calor que aquece a alma, o amor tem sabor, pra quem bebe a sua água”
“Quem nunca curtiu uma paixão, nunca vai ter nada, não”
“Você marcou a minha vida, viveu, morreu na min há história”
3) “Não há nada pra comparar, para poder lhe explicar como é grande o meu amor por você”
“Diz que é verdade, que tem saudade, que ainda você pensa muito em mim”
4) “A emoção acabou, que coincidência é o amor”
5) “Vou pedir pra você voltar, vou pedir pra você ficar, eu te amo, eu te adoro, meu amor”
“Quando a gente ama, não pensa em dinheiro, só se quer amar”
Frases que foram colocadas no telão, na hora das apresentações musicais
6) “Não há, ó gente, ó não, Luar como esse do sertão”
“Alguma coisa acontece no meu coração, que só quando cruza a Ipiranga e a avenida São
João”
7) “Se eu quiser falar com Deus, tenho que ficar a sós”
“Como eu não sei rezar, só queria mostrar meu olhar, meu olhar, meu olhar”
“Deus está aqui neste momento, sua presença é real em meu viver”
“O mundo pode até fazer você chorar, mas Deus te quer sorrindo”
“Sem amor eu nada seria” “O amor é bom, não quer o mal”
8) “Amigo é coisa para se guardar debaixo de sete chaves, dentro do coração”
“O que importa é ouvir a voz que vem do coração”
9) “Quero um amor de verdade, a minha cara metade, quero alguém pra me acordar e me
chamar de meu amor”
10) “É mais bonita do que tudo que há na terra, semeia a paz onde tem guerra”
DEPOIMENTOS DE ALUNOS E EX- ALUNOS
PEDRO ROSSI
Muitíssimo Obrigado pela oportunidade de estar mais uma vez nesta escola que foi tão
importante para mim, na qual vivi os melhores anos da minha vida... Foi maravilhoso o
Sarau! E que venham outros! Repletos de Muita Arte, Cultura e vivências que nos
acrescenta e nos alimenta o intelecto!
JAQUELINE SORAIA
Os alunos se empenharam, participaram, ajudaram, assistiram, se divertiram.... graças ao
amor de ser professor que tem sede da inovação, da sensação, da arte! Parabéns! Foi
magnífico! Não tenho palavras para agradecer esta oportunidade. Oportunidade de fazer
parte, de me adentrar junto aos alunos, de me expor em frente de uma plateia participativa
feita pela maioria dos alunos da escola! Muito obrigada! Estaremos juntos na próxima!
AGRADECIMENTO
A palavra que encontro, neste momento, é Gratidão!!! Minha gratidão a todos que
colaboraram para a realização do nosso Sarau Literário, Artístico, Poético e Musical "O Amor
Está No Ar"... À equipe gestora da E.E.Dr. Sylvio Maya, muito obrigada pelo apoio e confiança
depositados em nosso trabalho! Aos colegas de trabalho, muito obrigada pela colaboração e
incentivo! Aos nossos queridos alunos, ex e eternos alunos, muito obrigada pela dedicação, pelo
empenho! À equipe técnica, obrigada pelo suporte para o nosso evento, som e iluminação
perfeitos! Aos nossos convidados especiais, obrigada por aceitarem nosso convite e por
abrilhantarem nossa noite, com tanto talento! E, a todos, muito obrigada pelo carinho, pelo apoio,
pela disponibilidade em colaborar, por acreditarem que tudo o que se faz com amor e dedicação
traz bons frutos!!! Serei eternamente grata a cada um de vocês!!
PROFESSORA ANA MARIA LENCI BORDINHÃO
COLABORADORES
• Equipe Gestora;
• Alunos do Ensino Fundamental II, e Ensino Médio noturno;
• Professores do Ensino Médio e Fundamental II;
• Secretaria da Cultura de Pedreira (som e iluminação);
• Professora Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo;
• Comunidade escolar
Momento Poeta
Produção de versos e poemas de nossos alunos
Produção de versos e poemas de nossos alunos
Produção de versos e poemas de nossos alunos
Ensaiando e enfeitando para o grande dia
Parceria e comprometimento de todos
Apresentando o sarau: músicas, danças, teatro, e declamações.
Público Maravilhoso
APRESENTAÇÕES
HTTPS://YOUTU.BE/HXQAL-VC164
Link do filme do Sarau Poético, Literário e Musical:
“O AMOR ESTÁ NO AR”
Convite
CONCLUSÃO
O Projeto Sarau Poético, Literário e Musical: “O Amor Está no Ar” mostrou-se uma prática
transformadora, pois os alunos venceram a timidez, estimulou a revelação de novos autores,
proporcionou expansão do conhecimento e mentalidade crítica, valorizou o ser humano e o
conhecimento do patrimônio cultural, a fim de modificar e melhorar a comunidade em que vivem,
realizou o desenvolvimento do vocabulário, da concentração, da disciplina, do respeito e da
solidariedade e principalmente estimulou o contato com as pessoas e uma melhor convivência
entre alunos, professores, funcionários e comunidade. Tendo em vista o grande número de
participantes no sarau literário, observou-se que é muito importante o desenvolvimento de ações
culturais envolvendo todos os segmentos da escola e da comunidade, expandindo o acesso à
cultura, à educação, à cidadania e à construção do conhecimento de cada pessoa que faz parte
da comunidade da E. E. Dr. Sylvio de Aguiar Maya. A culminância do Projeto ocorreu mais uma
vez em grande estilo e seus idealizadores ficaram bastante satisfeitos e orgulhosos, visto que
os alunos participaram ativamente das atividades propostas (poesia, música, dança),
demonstrando muito interesse pela temática.
2. VIAGEM LITERÁRIA
Público Alvo; Alunos do 7º anos
Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo
AÇÕES
• Apresentação do projeto aos alunos;
• Incentivar o gosto pela leitura aprimorando esta habilidade e competência;
• Escolha do livro na Sala de Leitura;
• Leitura individualizada;
• Interpretação do livro escolhido através de uma ficha de leitura.
• Socialização.
OBJETIVO
O projeto Viagem Literária tem como objetivo incentivar a prática da leitura e garantir o
acesso à informação, ao conhecimento e à cultura, promovendo o estímulo à leitura e à
pesquisa, contribuindo para o exercício da cidadania.
Momento leitura
Momento escolha do livro preferido e leitura aos arredores da escola
Fichas de Leitura
Fichas de Leitura
Fichas de Leitura
AVALIAÇÃO
A avaliação das leituras e trabalhos realizados pautou-se no envolvimento dos alunos na
realização das atividades propostas, seu posicionamento crítico nos momentos de estudo das
obras, bem como na análise dos produtos produzidos. Foi facilmente observado que alguns
paradigmas relacionados à leitura foram transpostos.
RESULTADO
O tempo de aplicação do projeto foi de aproximadamente um mês de aula. Requereu
planejamento, e trouxe notável crescimento no interesse dos estudantes pela leitura, ocorreu
de forma integradora, pois envolveu um trabalho que vai desde a construção da caixa com os
alunos até a escolha dos livros de diferentes gêneros literários. Este projeto teve por intuito
trabalhar a da leitura e interpretação, contribuindo para o contato com a linguagem e formação
de futuros leitores aptos para a escrita.
CONCLUSÃO
O tempo de aplicação do projeto foi de aproximadamente um mês de aula. Requereu
planejamento, e trouxe notável crescimento no interesse dos estudantes pela leitura, ocorreu de
forma integradora, pois envolveu um trabalho que vai desde a construção da caixa com os alunos
até a escolha dos livros de diferentes gêneros literários. Este projeto teve por intuito trabalhar a da
leitura e interpretação, contribuindo para o contato com a linguagem e formação de futuros
leitores aptos para a escrita.
3. JOVENS PROTAGONISTAS: BIBLIONOTÍCIAS
Jovens Protagonistas: Ana Laura do 3º A, e Luan do 1ºA do Ensino Médio.
Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo
AÇÕES
• Orientação a respeito do projeto;
• Planejamento;
• Pesquisa Bibliográfica no Laboratório de Informática;
• Execução do projeto;
• Socialização.
Alunos Protagonistas
Biblionotícias
Dando cor e vida a poesia de Vinícius de Moraes
Dicas de Leitura
EXECUÇÃO
Os alunos protagonistas receberam orientações deste projeto das professoras da Sala de
Leitura. Os mesmos foram instigados a pensarem em ideias para melhorar a leitura na escola.
Logo após, começaram a primeira etapa do projeto Biblionotícias que é a pesquisa bibliográfica
de algumas obras de nossa literatura e poesias de autores diversos, realizadas no Laboratório
de Informática. Vários sites foram visitados indicados pelos professores da Sala de Leitura.
Depois de realizada a pesquisa, os alunos protagonistas fizeram um mural contendo todas as
biblionotícias pesquisadas.
CONCLUSÃO
Este projeto fundamentou-se em atingir a escola inteira para se tornar 100% leitora. Os
pontos positivos do projeto é promover conhecimento à comunidade escolar e o incentivo para
a leitura. Nossa pretensão foi de atrair os alunos através de biblionotícias de obras literárias,
poemas, instigando a curiosidade e levando-os a ler as obras indicadas. Chegamos a
conclusão que criamos um clima muito favorável onde o bem estar está presente em todos os
períodos de aulas. Os alunos são verdadeiros parceiros da Sala de Leitura, se envolvem, são
monitores, auxiliam os colegas e mobilizam constantemente a escola como um todo. Notou-se
o envolvimento dos alunos e a sua ativa participação, o que tornou o momento inesquecível e
muito prazeroso.
4. DESAFIO DOS LIVROS
Professora: Eliane Aparecida Geraldo
Público Alvo: Alunos do Ensino Fundamental II e Ensino Médio.
AÇÕES
• Divulgação para os gestores, professores e impressão dos materiais; (14/03/2016),
• Divulgação para os alunos e inscrição dos interessados (16/03/2016);
• Início do Desafio (17/03/2016);
• Lista com dez livros a serem lidos pelos alunos;
• O aluno deve apresentar um resumo de cada obra lida;
• Ranking com premiação para o estudante que terminar os dez itens da lista;
• Determinar data para inscrição, início e término do desafio;
• Expor, na sala de leitura, itens relacionados aos critérios do desafio;
• Término do Desafio;
• Socialização.
OBJETIVOS
• O Desafio dos Livros tem como objetivo incentivar a leitura e auxiliar no desenvolvimento
das competências leitora e escritora do aluno. Para tanto, alunos de todos os anos e
séries podem participar. Pretende-se com a execução desse projeto contribuir de forma
ativa na melhoria de aprendizagem e desempenho escolar.
• Despertar o interesse pela Sala de Leitura e as atividades desenvolvidas;
• Aumentar o número de usuários reais nos ambientes de leitura;
• Contribuir para o aprimoramento da competência leitora e escritora dos alunos
participantes.
Divulgação do Projeto
Divulgação do Projeto
Escolha do livro
Divulgação do Projeto
Divulgação do Projeto
Fichas do projeto
Algumas resenhas do livro escolhido
Resenhas
RESULTADO
O desafio do livro foi um sucesso, apresentando um grande número de inscritos, porém
nem todos os inscritos participaram ou concluíram o Desafio, devido ao pouco tempo de
desenvolvimento do projeto. Ainda assim foi visível o aumento das visitas dos estudantes à
Sala de Leitura, tal como o desenvolvimento do ato de ler de forma prazerosa, mesmo após o
término do projeto. Além do mais houve um aumento significativo na frequência dos estudantes na
sala de leitura e na retirada de material, e na leitura de obras diversificadas o que acarretaria um
melhor desenvolvimento da competência leitora e escritora.
CONCLUSÃO
Desafio do Livro foi um projeto bem aceito pela equipe gestora e pelos professores, todos
gostaram da ideia e se prontificaram ajudar colaborando da divulgação entre os alunos e
incentivando-os. Cartazes foram espalhados pela escola, e, divulgamos em redes sociais.
Percebemos que foi um projeto inovador por ter despertado o espírito sadio de competição entre
eles, tivemos 88 inscritos, um número bem significativo por um número bem significativo por um
período bem curto.
5. DESAFIO DA LEITURA
Jovens Protagonistas do 1º B e F do Ensino Médio.
Orientadora: Eliane Aparecida Geraldo
OBJETIVO
Promover oportunidades para os jovens atuarem como protagonistas praticando leitura
e produção textual na perspectiva dos multiletramentos, mobilizando a comunidade escolar
para ler mais e melhor e desenvolvendo competências cognitivas e socioemocionais.
AÇÕES
• Planejamento do professor da sala de leitura;
• Apresentação da proposta de Desafio de Leitura a comunidade escolar;
• Apresentação da proposta de Desafio da Leitura aos alunos;
• Formação de times;
• Encontros dos times no contraturno da aula;
• Socialização dos resultados.
CONVERSANDO COM A EQUIPE GESTORA E PROFESSORES
Atividade Investigativa - Depoimento de alguns professores
Atividade Investigativa - Depoimento de alguns professores
Atividade Investigativa - Depoimento de alguns professores
RAP: “O JOVEM NÃO É PROBLEMA,É SOLUÇÃO”
O jovem muitas vezes é visto na sociedade como um problema,
Por muitas vezes terem atitudes erradas,
Porém não é assim que devemos os ver.
Nós somos o futuro da humanidade,
Muitas vezes não somos compreendidos.
Devemos ao menos tentar entender o lado dos jovens,
Pois eles não são apenas inconsequentes,
Pois a maioria tem atitudes corretas.
A sociedade deveria preparar os jovens
Para agirem de maneira correta.
Para o jovem ser a solução, é preciso que haja mudança.
Clara de Alcântara Aymar
Rap da Superação Jovem
O jovem não é problema
Ele é solução
Ele é uma nova geração
Muitas barreiras ele enfrenta
Para conseguir crescer
A vitória ele vai conquistar
E aqueles lá atrás ele vai ajudar
O jovem é solução e evolução
O jovem não é problema
Ele é solução
Ele é uma nova geração
Muitas barreiras ele enfrenta
O jovem é o futuro da nação NÍcolas 1º B
Varal de Poesias
VARAL DE POESIAS – Participação no Projeto Instalações Literárias
RESULTADO/ CONCLUSÃO
Nosso intuito é de estar contribuindo para auxiliar os jovens protagonistas como cidadãos
letrados, pesquisadores, conscientes de seus deveres e direitos, comprometidos com hábitos
saudáveis, que tenham respeito pelo próximo e que saibam trabalhar coletivamente.
Os alunos são verdadeiros parceiros da Sala de Leitura, se envolveram, são monitores, auxiliam
os colegas e mobilizam constantemente a escola como um todo. Notou-se o envolvimento dos alunos
e a sua ativa participação, o que tornou o momento inesquecível e muito prazeroso.
É evidente que este aprendizado não ficará restrito somente ao ano em curso, mas servirá para
a elaboração de outros projetos de intervenção em anos vindouros Todos os evolvidos na aplicação
do projeto de intervenção cresceram em termos de aprendizagem.
6. Dia Mundial de Ler todo Dia
Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo
Público Alvo: Toda Comunidade Escolar
AÇÕES
- Inscrição no projeto Dia Mundial de Ler todo dia,
- Divulgação do projeto aos professores e equipe gestora;
- Divulgação do projeto aos alunos;
- Início do projeto 20/09/2016;
- Escolha do livro na sala de Leitura;
- Socialização do ptojeto.
-
APRESENTAÇÃO
O propósito do evento foi uma mobilização nacional em prol da leitura. Vale ler livros,
revistas, gibis, uma poesia ou então um parágrafo, enfim basta reservar alguns minutinhos para
leitura e pronto, participou do Dia de Ler. Bastava realizar a inscrição prévia no blog do evento e
posteriormente informar, através de fotos legendadas, quantas pessoas estiveram envolvidas na
ação de leitura realizada.
O intuito da ação é mostrar que a leitura é um ato prazeroso e que cabe no nosso dia-a-
dia, sem nenhum inconveniente podendo se tornar um hábito, e ao mesmo tempo promover e
fomentar diversas ações de acesso ao livro e à leitura.
OBJETIVOS
• Promover a leitura nos mais variados ambientes e horários do cotidiano da população, tais
como: leituras em domicílio, no trabalho, no transporte público, em locais de lazer e
entretenimento, bem como em instituições privadas e públicas.
• Reunir diversas ações de acesso à leitura em um único evento, que revertam na promoção
do livro e no estímulo à leitura.
• Promoção do acesso ao livro e a leitura.
• Promoção à leitura nos mais variados ambientes e horários.
• Oportunizar a construção do prazer nas situações que envolvam o ato e o hábito da leitura;
• Valorizar, apoiar e fortalecer os projetos que envolvem ações de leitura nas escola.
Momento Leitura
Momento Leitura
CERTIFICADO DE PARTICIPAÇÃO
RESULTADO
O Projeto em questão foi um sucesso. Nossos alunos abraçaram a causa com muito prazer e
responsabilidade, pois a leitura faz parte de nosso cotidiano escolar. Com a leitura descobrimos
um mundo novo, cheio de coisas desconhecidas.
A leitura é de suma importância, pois é através dela que adquirimos os conhecimentos
capazes de nos ajudar no desenvolvimento, na nossa imaginação e melhora da nossa
criatividade.
É com a leitura que aprimoramos o nosso vocabulário e a nossa interpretação dos fatos.
Aperfeiçoamos conhecimentos e somos capazes de desenvolver assuntos, assumindo posições,
raciocínio e tomamos conhecimentos de fatos importantes. Enfim, a leitura é o instrumento que
dará o suporte necessário para que possa atingir a capacidade cognitiva a fim de evoluir
acompanhando a transformação do mundo e da tecnologia.
7. SUSTENTABILIDADE: RECICLAR PARA UM MUNDO MELHOR
Público Alvo: Alunos do Ensino Fundamental II
Professores Responsáveis: Eliane Aparecida Geraldo (Sala deLeitura),
Alessandra Geraldi (Ciências) e Júlio Santana Carrion (Artes).
APRESENTAÇÃO
As questões de lixo, reciclagem e reutilização vem sendo considerados cada vez mais
urgentes e importantes na sociedade, pois o futuro da sociedade depende da relação
estabelecida entre a natureza e o uso do homem dos recursos naturais disponíveis.
Neste projeto abordamos sobre a necessidade de conscientização e mudanças de
valores e atitudes para que os alunos venham a inserir no seu cotidiano.
OBJETIVO
Sensibilizar a comunidade escolar para a grande importância de se combater o acumulo
de lixo e o desperdício e assim garantir a qualidade de vida no mundo e reconhecer a matéria
(lixo) como produto advindo dos recursos naturais, compreendendo a necessidade de
aproveitamento, objetivando a integração e a harmonização entre ser humano e meio ambiente,
para uma melhor qualidade de vida.
OBJETIVOS ESPECÍFICOS
- Estabelecer a noção de responsabilidade coletiva, transformando a escola num ambiente
limpo e saudável, tornando-a um lugar mais agradável;
- Chamar a atenção dos alunos para a importância dos hábitos e de higiene e limpeza,
oferecendo uma oportunidade de estudos, lazer e interação;
- Apresentar a coleta seletiva do lixo como uma excelente alternativa, explicando os benefícios
da reciclagem;
- Estimular, na própria escola o habito de separar o lixo orgânico e inorgânico, encaminhando
tudo o que for possível para a reciclagem;
- Incentivar os alunos a desenvolver o habito de não jogar o lixo no chão, a partir de utilização
de lixeiras diferenciadas que atraiam o interesse do aluno em utilizá-las.
AÇÕES
• Apresentar o projeto aos alunos, professores e toda a comunidade escolar;
• Sensibilizar a comunidades escolar para a importância de cuidar de seu lixo e colocar em
locais apropriados para a coleta;
• Produção de cartazes informativos;
• Produção de paródias;
• Produção de objetos a partir de materiais recicláveis;
TABELA TEMPO DE DECOMPOSIÇÃO
ESCOLA: EE DR SYLVIO DE AGUIAR MAYA
Reduzir, Reutilizar e Reciclar! Este é o caminho!
MEIO AMBIENTE: RECICLAGEM
OBJETIVOLIXO
REDUZIR REUTILIZAR RECICLAR REPENSAR
• Você gosta da sua escola suja?
• Você acha que precisamos reciclar?
• Qual a importância da reciclagem?
Despertar nos alunos a
consciência de que o lixo pode
ser selecionado para seu
reaproveitamento.
Estratégias:
Produção de textos,
cartazes e paródias
Confeccionando os Cartazes
Cartazes Informativos
OBJETOS DE MATERIAL RECICLÁVEL
OBJETOS DE MATERIAL RECICLADO
Objetos de material reciclável
Objetos de material reciclável
Objetos de material reciclável
Objetos de material reciclável
AVALIAÇÃO
Por se tratar de um trabalho que necessita de ações concretas realizadas por todos, ela
deve ser contínua e processual tendo em vista o interesse e a preocupação como meio
ambiente; a conscientização das pessoas sobre a importância de reaproveitar o lixo e a
tentativa de mudança de hábitos de uma comunidade.
RESULTADOS
Para o desenvolvimento do trabalho foram realizados atividades práticas e teóricas, que
foram dimensionadas para a conscientização do Meio Ambiente e reciclagem, na redução do
consumo e reutilização de produtos, evitando o desperdício, e que a reutilização também é
possível no ambiente escola.
Através deste projeto os alunos obtiveram uma visão mais ampla sobre a problemática
ambiental, percebendo a importância de contribuir para a preservação do meio ambiente, não
somente no âmbito escolar, nas também em casa, sendo que a educação ambiental se tornou um
exercício para a cidadania, tendo como objetivo a preservação e a conscientização dos alunos do
mundo em que vivem, mostrando que se pode ter qualidade de vida sem desrespeitar o Meio
ambiente natural, o projeto ensina como deve ser feita a reciclagem, a importância de se
preservar a natureza e como utilizar os recursos naturais e minerais de forma responsável, mais
para que haja esta formação e que ocorra uma mudança real da situação é imprescindível à
união do governo, da sociedade e da escola.
CONCLUSÃO
O trabalho realizado sobre a reciclagem seletiva do lixo obteve primeiramente um embasamento
teórico, que proporcionou aos alunos conhecimento dos tipos de lixos que podem ser utilizados para
reciclagem.
Os alunos puderam realizar a experiência na prática confeccionando os recipientes e fazendo a
coleta seletiva do lixo no pátio da escola. No decorrer das ações observamos a participação de todos
na execução das atividades, fazendo com que todos os objetivos fossem alcançados.
Com a realização do nosso projeto podemos concluir que os alunos se manifestaram de forma
consciente com suas ações ao cobrarem dos colegas para jogarem os lixos nos seus devidos
recipientes, percebemos então que houve mudanças de atitudes dos alunos após o desenvolvimento
do trabalho.
8. TEATRO E ARTE NA ESCOLA
Professor Responsável: Júlio Santana Carrion
Parceria: Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo
Público Alvo: Alunos do Ensino Fundamental ll, 6º, 7º e 8º anos.
APRESENTAÇÃO
A E. E. Dr. Sylvio de Aguiar Maya, sempre preocupada com sua participação na construção
social e, portanto consciente do papel importante que a escola exerce sobre essa construção,
vem vencendo suas limitações e buscando em um processo gradativo atualizar-se para que seus
alunos possam responder com maior efetividade a nova realidade que hora surge ao horizonte
turbinada pelo atual momento em que vivemos.
A preocupação com o incentivo à leitura e o desenvolvimento da produção de textos mais
criativos e com apropriação de um vocabulário mais rico, que tornam a leitura e sua própria
produção pelos alunos de uma forma mais interessante e motivada, é a ação principal deste
projeto. O teatro na escola é de grande valia para que possamos preparar nossos jovens a
caminho desse futuro que exigirá flexibilidade, dinamismo e agilidade no pensar, no agir, no
entender e na arte de analisar.
AÇÕES
• Leitura e interpretação da obra Alice no País das Maravilhas de Charles Lutwidge Dodgson, mais
conhecido como Lewis Carrol.
• Os ensaios aconteceram durante o período de aula regular – duas vezes por semana – e
durante horários extraclasses; Aos alunos não-atores se encarregaram de outras funções, tais
como: confecção de convites, figurinos e cenários, auxílio na maquiagem e nos efeitos técnicos e
sonoros. Desta maneira, todos os alunos tiveram participação efetivamente do projeto Teatro e
Arte na Escola.
• Apresentação
RESULTADOS
Esperamos que o presente projeto possa ser tomado como ponto de partida para uma
reflexão sobre o fazer pedagógico.. Respeitando sua individualidade e dando-lhe coragem
para enfrentar os desafios do mundo que a espera. A leitura abre portas e caminhos para
mundos imaginários e valoriza aprendizados. As variadas atividades lúdicas dão a criança
oportunidade de crescer em harmonia consigo e com o outro.
CONSIDERAÇÕES FINAIS
O projeto permite que os alunos desenvolvam uma conscientização da importância da arte
no cotidiano, além de trabalhar valores e virtudes tão importantes para a formação e convivência
entre os educandos.
Apresentação da Peça Alice no País das Maravilhas
DECLAMAÇÕES, CANTORIAS E DANÇAS
MOMENTO DESCONTRAÇÃO
DANDO VIDA À ARTE
CONCLUSÃO
O projeto permite que os alunos desenvolvam uma conscientização da
importância da arte no cotidiano, além de trabalhar valores e virtudes tão
importantes para a formação e convivência entre os educandos.
BIBLIOGRAFIA
• BOSCHI, Ronaldo. O jogo teatral na cultura pós- moderna. Dissertação de Mestrado. Pontifícia
Universidade Católica de Minas Gerais, Programa de Pós-Graduação em Letras, 1999.
• BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Brasileira, LDB 9394/96. Brasília, 1996.
• BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Vol6. Brasília, 2000.
• BRASIL. Referencial Curricular Nacional Para a Educação Infantil: Vol3. Brasília, 1998.
• NEVES, Libéria Rodrigues e SANTIAGO, Ana Lydia B. O uso dos Jogos Teatrais na Educação:
Possibilidades diante do fracasso escolar. 2ª edição. Campinas, SP: Papirus, 2009.
• GOOGLE. Teatro na Escola. Disponível em<http://pt.wikipedia.org/wiki/Teatro_na_escola>.
Acesso em 20de março de 2013
9. SER: DIVERSIDADE DE GÊNERO E SEXUAL
Eliane Aparecida Geraldo
Ariele Regina F. Piovezan
Alessandra Geraldi
Tema: Saúde e Prevenção:
Métodos Anticoncepcionais, Doenças e Gravidez
OBJETIVO
Trazer o conhecimento e informação afim de:
- explorar o conceito de corpo, como organismo biológico, compreendendo seu
desenvolvimento;
- valorizar e dar atenção a saúde da população adolescente;
- considerar os processos de construção de autoestima;
- compreender e aplicar o conceito de vulnerabilidade, estabelecendo comparações
com o conceito de risco, (doenças);
- identificar os preconceitos sobre a adolescência difundidos em nossa sociedade e
,seu impacto na comunicação entre gerações.
Tema: Saúde e Prevenção:
Métodos Anticoncepcionais, Doenças e Gravidez
Objetivo
- dialogar sobre a gravidez na adolescência analisando criticamente as possibilidades e
finalidades de realizar um trabalho educativo;
- explorar as possibilidades de ampliar a comunicação entre profissionais da educação e saúde e
adolescentes, preservando a intimidade das pessoas envolvidas;
- obter informações corretas e atualizadas sobre métodos contraceptivos.
JUSTIFICATIVA
Permitir o diálogo entre profissionais da saúde, educadores na tiragem de dúvidas em relação a
sexualidade, promovendo uma compreensão dos educandos sobre seu desenvolvimento biológico e
psicológico afim de inibir possíveis atitudes inadequadas .
PROCEDIMENTO
Será feito através:
- de aulas expositivas com o professor da classe e com o profissional da saúde;
- de apresentação de vídeos educativos sobre reprodução humana, doenças sexuais;
- do manuseio dos principais e atuais métodos anticoncepcionais.
META
• Sensibilização dos educandos sobre seu desenvolvimento e a sua sexualidade a
fim de diminuir sua vulnerabilidade em relação à sociedade e seus dogmas.
AVALIAÇÃO
Será feita com a construção de painéis educativos sobre métodos
anticoncepcionais e frases de impactos, além de que o educando será analisado
durante todo o projeto afim de observar sua participação.
BIBLIOGRAFIA
- Diversidade Sexual na Escola- Uma metodologia de trabalho com adolescentes e
jovens.
- Saúde e prevenção nas escolas- atitude para curtir a vida- Guia para formação de
profissionais de saúde e de educação. ( Unidade 2, oficina 1,2,4; Unidade 4, oficina
1,4; Unidade 5 oficina 1,2,3,4,5 ; Unidade 6 oficina 1,2,);
- Saúde e prevenção nas escolas. Adolescentes e jovens e educação entre pares.
- Super interessante- coleções- Reprodução humana e gravidez- vídeos- ed. Abril.
Cartazes informativos confeccionados pelos alunos dos 8ª e 9ª anos
Projeto Diversidade Sexual e Cidadania
Tema: LGBT X Preconceito
Público Alvo: Alunos dos 9ª anos
OBJETIVO GERAL
Promover a aprendizagem em relação ao respeito às diferenças diante da
sexualidade, com a finalidade de promover a saúde sexual dos jovens e garantir o
exercício da cidadania no contexto da escola daqueles que sofrem preconceito por
sua orientação sexual e/ou comportamento que foge dos modelos de gênero
dominantes na sociedade. A ideia desse projeto é fazer com que os educandos
percebam que o respeito à livre orientação sexual merece e deve ter a mesma
atenção e cuidado dado a outras formas de discriminação, como o racismo e o
sexismo, e expandir a cultura de direitos que deve permear a sociedade brasileira,
visando o desenvolvimento livre e saudável da pessoa humana.
OBJETIVO ESPECÍFICO
• Sensibilizar os educandos para que ajam de modo solidário em relação às pessoas,
independente de seu gênero, de sua orientação sexual, de sua raça/etnia, de sua idade e sua
religião.
• Desconstruir a ideia de que a homossexualidade é “safadeza” ou doença
• Conscientizar o grupo sobre as diferentes formas de violência e as consequências da exclusão
e da discriminação na vida das pessoas.
• Debater preconceitos associados à questão da diversidade sexual de modo a problematizá-los.
• Conhecer para não discriminar.
AÇÕES
• Apresentação do projeto aos educandos;
• Pesquisa sobre o assunto no laboratório de informática;
• Debate sobre o assunto em questão;
• Elaboração de frases;
• Construção de um varal com as frases.
META
• Sensibilização dos educandos sobre seu desenvolvimento e a sua sexualidade a
fim de diminuir sua vulnerabilidade em relação à sociedade e seus dogmas.
Resultado Final - Frases Reflexivas
Resultado Final - Frases Reflexivas
Encerramento do Projeto
CONCLUSÃO
A experiência proporcionou aos alunos, professores e demais membros da comunidade escolar,
aprendizagens em diversos campos e áreas, porém, destacam-se a aprendizagem inter-relacional,
que remete a quebra de tabus para conversar sobre a sexualidade, a diminuição dos preconceitos e
receios ao se falar e manifestar a sexualidade, assim como sobre os comportamentos de risco em
relação à sexualidade. Pretendeu ser um caminho para o desenvolvimento de uma educação em
valores destacando temas relacionados à saúde e à cidadania para os diferentes gêneros e
orientações sexuais
Link do filme produzido pelos alunos do 9º ano
https://youtu.be/qoa9apr-Ih8
BIBLIOGRAFIA
• ABRAMOVAY, M; CASTRO, G. M; SILVA, L. B. Juventudes e sexualidade. Brasília: Unesco,
2004.
• AQUINO, Julio Groppa (Org.). Sexualidade na escola. São Paulo: Summus, 1997.
• ARRUDA, Roldão. Dias deira: uma história verídica de assassinatos autorizados. São Paulo:
Globo, 2001.
10. JOVENS PROTAGONISTAS: OS PROBLEMAS DA FAMÍLIA GORGONZOLA
Público Alvo: Aluna Ana Laura do 3º A e Luan Simenton do 1ºA.
Professora Mediadora: Eliane Aparecida Geraldo
AÇÕES
• Apresentação do projeto para aos alunos protagonistas;
• Escolha do livro a ser utilizado: Os Problemas da Família Gorgonzola de Eva
Furnari;
• Desenvolver as atividades propostas no livro com criatividade e determinação;
• Socialização do Projeto;
• Entrega do certificado de participação;
• Encerramento com a música “matemática.”
Livro escolhido para o projeto, e algumas atividades que foram desenvolvidas pelos alunos
protagonistas
FICHAS DO PROJETO
PROTAGONISTAS EM AÇÃO
ENTREGA DOS CERTIFICADOS DE PARTICIPAÇÃO
ENTREGA DOS CERTIFICADOS DE PARTICIPAÇÃO
RESULTADOS
• Através desse livro, com suas histórias engraçadas que divertem e encantam os alunos,
conseguiram fazer conexões e associações entre diversos significados de cada nova idéia. É um
convite para o grupo resolver os embaraçosos problemas, elaborando suas próprias estratégias
de cálculo. Compreender e interpretar o que diz o texto de cada problema é o primeiro desafio. É
preciso investigar e descobrir o que se quer saber e destacar os dados relevantes para então
realizar um cálculo adequado. Socializar e discutir as estratégias usadas pelos colegas também é
fundamental, possibilitando refletir sobre maneiras mais simples e econômicas de operar. Aos
poucos, o grupo foi descobrindo novos recursos e também perceberam que existem várias
formas para se resolver um mesmo problema. Assim, organizaram e ampliaram seus
conhecimentos, construindo um acervo de procedimentos de cálculos eficientes para resolver
diversos tipos de situação. É um rico processo que vai sendo construído diariamente a partir das
atividades e dos desafios propostos. Enfim, é um ótimo livro para fazer quem não gosta de
Matemática mudar de idéia!
ARTE E LITERATURA: INTERVENÇÕES E INSTALAÇÕES
Professor Responsável:
Ana Maria Lenci Bordinhão;
Tiago Teixeira Magalhães;
Teresa
Creomar
Júlio
Eliane Aparecida Geraldo
Público Alvo: Alunos do Ensino Fundamental II e Ensino Médio
PROPOSTAS DE AÇÃO
- Flash Mob
Preparar ações nos quais os alunos em diversos momentos e pontos da cidade (incluindo a
escola e suas sala de aula) leiam trechos de poemas e trechos literários clássicos, modernos e
contemporâneos da literatura brasileira e estrangeira;
- Literatura e Teatralidade
Estabelecer obras, autores e personagens, encenariam trechos das obras em diversos pontos
da cidade (Praça Matriz, Ângelo Ferrari, Coronel João Pedro, etc.); os alunos caracterizados como os
autores, convidariam as pessoas a contar suas histórias, escrever um poema ou uma frase.
Esses textos adquiridos poderiam ser reescritos pelos alunos, em forma de poesias e depois
expostos em um terceiro momento da proposta, na escola. As pessoas que forneceram a história
seriam convidadas a participar desse momento.
Todos os processos serão registrados em vídeo e, posteriormente, editados e utilizados no
terceiro momento da proposta.
PROPOSTAS DE AÇÃO
• Propostas de Ações Internas
Instalações Caminhos e Espaços Literários
As instalações artísticas utilizarão recursos de produção gráfica, áudio, vídeo, teatralização e
ocuparão a maior parte do espaço da escola.U
Utilizaremos o poema “No Meio do Caminho” de Carlos Drummond de Andrade, onde alunos, pais
e visitantes transitarão pelos caminhos dos jardins das escolas, sempre encontrando uma “pedra
poética”, que poderá ser desfeita retirando os poemas que as formam.
O alunos dos 1ºs e 3ºs anos do Ensino Médio serão convidados a produzir instalações coletivas,
ocupando as salas de aulas e transformando o ambiente, cujos temas serão obras das literaturas
clássica, moderna e contemporânea brasileira e estrangeira.
Os alunos serão convidados também a produzir seus próprios textos, conduzidos pelos professores
de literatura e língua portuguesa.
Uma das propostas possíveis é a “arte postal”. Os alunos de uma sala pode iniciar, um texto ou
poema, enviar para outra sala, na qual eles queiram para que ele seja continuado e, em seguida,
enviado para outra sala.
PROPOSTAS DE AÇÕES INTERNAS
• Instalações Caminhos e Espaços Literários
Todos os trabalhos literários produzidos pelos alunos serão utilizados pelos alunos de
alguma maneira nas instalações.
Outra forma de produção possível são os áudio-dramas ou poemas concretos narrados,
associados as instalações.
Os alunos também poderão produzir cartazes, fotografias, esculturas ou outra arte visual
dentro das temáticas apresentadas.
CRONOGRAMA DAS APRESENTAÇÕES DO ENSINO FUNDAMENTAL II
1- Apresentação de saxofone (Lucas do 9º ano A);
2- Declamação (Larissa 8º ano A);
3- Teatro: Frases de Charles Chaplin (Alisson 7º ano D);
4- Apresentação de dança (alunas do 9º ano C);
5- Teatro - Alice no País das Maravilhas (alunos dos 7º anos e 8º anos);
6- Barraca Maluca;
7- Apresentação da Ginástica Rítmica: “Fitas e Arcos” (alunos do 7º ano C);
8- Apresentação de dança (alunos do 8º ano A);
9- Apresentação Ginástica Rítmica Fitas (alunos 7º ano B);
10- Grupo Hip Hop (alunos dos 7º anos);
11- Apresentação Ginástica RÍtmica (alunos do 7º ano E);
13- Encenação: Vida de Aluno (aluna do 7º ano C);
14- Musical Triller (alunos dos 6º, 7º e 8º anos).
CONVITE
INSTALAÇÕES LITERÁRIAS
PARABÉNS JOVENS PROTAGONISTAS
PROTAGONISMO JUVENIL – INSTALAÇÕES LITERÁRIAS
O JOVEM NÃO É PROBLEMA – O JOVEM É SOLUÇÃO!
APRESENTAÇÕES MUSICAIS, DANÇA E CANTORIAS
ENCENANDO ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS
INSTALAÇÕES LITERÁRIAS
AUTORES DE NOSSAS INSTALAÇÕES LITERÁRIAS
OBRAS SELECIONADAS PARA A INSTALAÇÃO LITERÁRIA
OBRAS CELECIONADAS
CONCLUSÃO
As apresentações foram montadas nas salas de aula pelos alunos do Ensino
Médio e Ensino Fundamental II e preservaram o caráter literário de cada trabalho
exposto. A escola criou as oportunidades de leitura e, com o empenho dos alunos,
realizaram o evento. Os alunos capricharam nas produções, com muita criatividade
e mãos de artistas.
Explosão de conhecimento e criatividade - assim podemos definir as
Instalações Literárias, confeccionadas e organizadas pelos alunos Através da
colaboração entre os integrantes dos grupos, os alunos tiveram a oportunidade de
mostrar o seu talento em ampla diversidade literária, motivados pela vontade de
fazer e de aprender.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto de incentivo a leitura e escrita atividade 1.3 e 1.4
Projeto de incentivo a leitura e escrita    atividade 1.3 e 1.4Projeto de incentivo a leitura e escrita    atividade 1.3 e 1.4
Projeto de incentivo a leitura e escrita atividade 1.3 e 1.4
fla20mu
 
Projeto de leitura conto
Projeto de leitura   contoProjeto de leitura   conto
Projeto de leitura conto
CristhianeGuimaraes
 
PROJETO DE LEITURA: UM PALCO PARA A LINGUAGEM ORAL E ESCRITA
PROJETO DE LEITURA: UM PALCO PARA A LINGUAGEM ORAL E ESCRITAPROJETO DE LEITURA: UM PALCO PARA A LINGUAGEM ORAL E ESCRITA
PROJETO DE LEITURA: UM PALCO PARA A LINGUAGEM ORAL E ESCRITA
Jane Santos
 
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciaisApresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
leao162010
 
Apresentação projeto viajando pela leitura.
Apresentação  projeto viajando pela leitura.Apresentação  projeto viajando pela leitura.
Apresentação projeto viajando pela leitura.
blogjl
 
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire   Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Cirlei Santos
 
Projeto de Leitura _ História em Quadrinhos
Projeto de Leitura _  História em QuadrinhosProjeto de Leitura _  História em Quadrinhos
Projeto de Leitura _ História em Quadrinhos
Patrícia Fernanda da Costa Santos
 
Projeto baú dos sonhos
Projeto            baú dos sonhosProjeto            baú dos sonhos
Projeto baú dos sonhos
Rosemary Batista
 
Projeto interdisciplinar: Traçando saberes entre Português e Matemática.
Projeto interdisciplinar: Traçando saberes entre  Português e Matemática.Projeto interdisciplinar: Traçando saberes entre  Português e Matemática.
Projeto interdisciplinar: Traçando saberes entre Português e Matemática.
Mary Alvarenga
 
Projeto da sala de leitura para turmas de 4º ano
Projeto da sala de leitura para turmas de 4º anoProjeto da sala de leitura para turmas de 4º ano
Projeto da sala de leitura para turmas de 4º ano
Christiane Queiroz
 
PROJETO LEITURA NA EDUCACÃO INFANTIL
PROJETO LEITURA NA EDUCACÃO INFANTILPROJETO LEITURA NA EDUCACÃO INFANTIL
PROJETO LEITURA NA EDUCACÃO INFANTIL
Claudia Val
 
Projeto de Incentivo a Leitura
Projeto de Incentivo a LeituraProjeto de Incentivo a Leitura
Projeto de Incentivo a Leitura
Cirlei Santos
 
Projeto Sala de Leitura PPT
Projeto Sala de Leitura PPTProjeto Sala de Leitura PPT
Projeto Sala de Leitura PPT
LUCIA JANDER
 
1 projeto de incentivo à leitura
1 projeto de incentivo à leitura1 projeto de incentivo à leitura
1 projeto de incentivo à leitura
mauriliojr
 
Projeto leitura
Projeto leituraProjeto leitura
Projeto leitura
Jaiza Nobre
 
Plano Anual de Ação da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Ação da Biblioteca Escolar Plano Anual de Ação da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Ação da Biblioteca Escolar
LOCIMAR MASSALAI
 
10 projeto literatura, conecendo os principais autores
10 projeto literatura, conecendo os principais autores10 projeto literatura, conecendo os principais autores
10 projeto literatura, conecendo os principais autores
juniorfuleragem
 
MODELO DE Projeto literatura na escola
MODELO DE Projeto  literatura na escolaMODELO DE Projeto  literatura na escola
MODELO DE Projeto literatura na escola
Leonardo dos santos macedo
 
Projeto leitura escrita séries iniciais 2014
Projeto leitura escrita séries iniciais  2014Projeto leitura escrita séries iniciais  2014
Projeto leitura escrita séries iniciais 2014
Franciscosouto6
 
Projeto Café Literário, Sala de Leitura E.E. Professor Messias Freire
Projeto Café Literário, Sala de Leitura  E.E. Professor Messias FreireProjeto Café Literário, Sala de Leitura  E.E. Professor Messias Freire
Projeto Café Literário, Sala de Leitura E.E. Professor Messias Freire
Cirlei Santos
 

Mais procurados (20)

Projeto de incentivo a leitura e escrita atividade 1.3 e 1.4
Projeto de incentivo a leitura e escrita    atividade 1.3 e 1.4Projeto de incentivo a leitura e escrita    atividade 1.3 e 1.4
Projeto de incentivo a leitura e escrita atividade 1.3 e 1.4
 
Projeto de leitura conto
Projeto de leitura   contoProjeto de leitura   conto
Projeto de leitura conto
 
PROJETO DE LEITURA: UM PALCO PARA A LINGUAGEM ORAL E ESCRITA
PROJETO DE LEITURA: UM PALCO PARA A LINGUAGEM ORAL E ESCRITAPROJETO DE LEITURA: UM PALCO PARA A LINGUAGEM ORAL E ESCRITA
PROJETO DE LEITURA: UM PALCO PARA A LINGUAGEM ORAL E ESCRITA
 
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciaisApresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
Apresentaçãp projeto de leitura nos anos iniciais
 
Apresentação projeto viajando pela leitura.
Apresentação  projeto viajando pela leitura.Apresentação  projeto viajando pela leitura.
Apresentação projeto viajando pela leitura.
 
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire   Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
Projeto Folclore - Sala de Leitura E.E. Messias Freire
 
Projeto de Leitura _ História em Quadrinhos
Projeto de Leitura _  História em QuadrinhosProjeto de Leitura _  História em Quadrinhos
Projeto de Leitura _ História em Quadrinhos
 
Projeto baú dos sonhos
Projeto            baú dos sonhosProjeto            baú dos sonhos
Projeto baú dos sonhos
 
Projeto interdisciplinar: Traçando saberes entre Português e Matemática.
Projeto interdisciplinar: Traçando saberes entre  Português e Matemática.Projeto interdisciplinar: Traçando saberes entre  Português e Matemática.
Projeto interdisciplinar: Traçando saberes entre Português e Matemática.
 
Projeto da sala de leitura para turmas de 4º ano
Projeto da sala de leitura para turmas de 4º anoProjeto da sala de leitura para turmas de 4º ano
Projeto da sala de leitura para turmas de 4º ano
 
PROJETO LEITURA NA EDUCACÃO INFANTIL
PROJETO LEITURA NA EDUCACÃO INFANTILPROJETO LEITURA NA EDUCACÃO INFANTIL
PROJETO LEITURA NA EDUCACÃO INFANTIL
 
Projeto de Incentivo a Leitura
Projeto de Incentivo a LeituraProjeto de Incentivo a Leitura
Projeto de Incentivo a Leitura
 
Projeto Sala de Leitura PPT
Projeto Sala de Leitura PPTProjeto Sala de Leitura PPT
Projeto Sala de Leitura PPT
 
1 projeto de incentivo à leitura
1 projeto de incentivo à leitura1 projeto de incentivo à leitura
1 projeto de incentivo à leitura
 
Projeto leitura
Projeto leituraProjeto leitura
Projeto leitura
 
Plano Anual de Ação da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Ação da Biblioteca Escolar Plano Anual de Ação da Biblioteca Escolar
Plano Anual de Ação da Biblioteca Escolar
 
10 projeto literatura, conecendo os principais autores
10 projeto literatura, conecendo os principais autores10 projeto literatura, conecendo os principais autores
10 projeto literatura, conecendo os principais autores
 
MODELO DE Projeto literatura na escola
MODELO DE Projeto  literatura na escolaMODELO DE Projeto  literatura na escola
MODELO DE Projeto literatura na escola
 
Projeto leitura escrita séries iniciais 2014
Projeto leitura escrita séries iniciais  2014Projeto leitura escrita séries iniciais  2014
Projeto leitura escrita séries iniciais 2014
 
Projeto Café Literário, Sala de Leitura E.E. Professor Messias Freire
Projeto Café Literário, Sala de Leitura  E.E. Professor Messias FreireProjeto Café Literário, Sala de Leitura  E.E. Professor Messias Freire
Projeto Café Literário, Sala de Leitura E.E. Professor Messias Freire
 

Destaque

Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldoProjeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
elianegeraldo
 
Praticas de sala de Leitura Professor Antonio Rocco
Praticas de sala de Leitura Professor Antonio RoccoPraticas de sala de Leitura Professor Antonio Rocco
Praticas de sala de Leitura Professor Antonio Rocco
Luciane tonete
 
Apresentação do Projeto:"Eu imagino,reconto e aprendo com os Contos de Fadas."
Apresentação do Projeto:"Eu imagino,reconto e aprendo com os Contos de Fadas."Apresentação do Projeto:"Eu imagino,reconto e aprendo com os Contos de Fadas."
Apresentação do Projeto:"Eu imagino,reconto e aprendo com os Contos de Fadas."
Tatiane Gomes
 
Projeto Conta que eu conto
Projeto Conta que eu contoProjeto Conta que eu conto
Projeto Conta que eu conto
Leidi Laura Breguedo
 
Projeto sala de leitura blog geral
Projeto sala de leitura blog geralProjeto sala de leitura blog geral
Projeto sala de leitura blog geral
Educamais
 
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Cirlei Santos
 
Projeto de Leitura
Projeto de LeituraProjeto de Leitura
Projeto de Leitura
Jomari
 
sala de leitura
sala de leiturasala de leitura
sala de leitura
Karina Paula
 
Portifólio da Sala de Leitura Professor Antônio Rocco - 1º semestre 2014
Portifólio da Sala de Leitura Professor Antônio Rocco - 1º semestre 2014Portifólio da Sala de Leitura Professor Antônio Rocco - 1º semestre 2014
Portifólio da Sala de Leitura Professor Antônio Rocco - 1º semestre 2014
Luciane tonete
 
Relatório dea sala de leitura junho e julho
Relatório dea sala de leitura junho e julhoRelatório dea sala de leitura junho e julho
Relatório dea sala de leitura junho e julho
Janete Garcia de Freitas
 
Dias comemorativos maio
Dias comemorativos   maioDias comemorativos   maio
Dias comemorativos maio
cruchinho
 
O ladrão de palavras
O ladrão de palavrasO ladrão de palavras
O ladrão de palavras
cruchinho
 
Projeto aluno- monitor do LIE
Projeto aluno- monitor do LIEProjeto aluno- monitor do LIE
Projeto aluno- monitor do LIE
Genilsa Aparecida
 
O ladrão de palavras - livro
O ladrão de palavras - livroO ladrão de palavras - livro
O ladrão de palavras - livro
cruchinho
 
09 administracion calidad
09 administracion calidad09 administracion calidad
09 administracion calidad
Carolina Arredondo
 
Sala de leitura-OT
Sala de leitura-OTSala de leitura-OT
Sala de leitura-OT
marciabbb
 
Prevenção de maus tratos na infância
Prevenção de maus tratos na infânciaPrevenção de maus tratos na infância
Prevenção de maus tratos na infância
beaescd
 
Ot Infoprisma
Ot InfoprismaOt Infoprisma
Mural sala de leitura outubro 2013
Mural sala de leitura outubro 2013Mural sala de leitura outubro 2013
Mural sala de leitura outubro 2013
joseferreiraleitura
 
Projeto de ensino
Projeto de ensino Projeto de ensino
Projeto de ensino
Danielle Souza
 

Destaque (20)

Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldoProjeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
Projeto sala de leitura 2014 eliane aparecida geraldo
 
Praticas de sala de Leitura Professor Antonio Rocco
Praticas de sala de Leitura Professor Antonio RoccoPraticas de sala de Leitura Professor Antonio Rocco
Praticas de sala de Leitura Professor Antonio Rocco
 
Apresentação do Projeto:"Eu imagino,reconto e aprendo com os Contos de Fadas."
Apresentação do Projeto:"Eu imagino,reconto e aprendo com os Contos de Fadas."Apresentação do Projeto:"Eu imagino,reconto e aprendo com os Contos de Fadas."
Apresentação do Projeto:"Eu imagino,reconto e aprendo com os Contos de Fadas."
 
Projeto Conta que eu conto
Projeto Conta que eu contoProjeto Conta que eu conto
Projeto Conta que eu conto
 
Projeto sala de leitura blog geral
Projeto sala de leitura blog geralProjeto sala de leitura blog geral
Projeto sala de leitura blog geral
 
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
Projeto de Leitura - "Maleta de leitura"
 
Projeto de Leitura
Projeto de LeituraProjeto de Leitura
Projeto de Leitura
 
sala de leitura
sala de leiturasala de leitura
sala de leitura
 
Portifólio da Sala de Leitura Professor Antônio Rocco - 1º semestre 2014
Portifólio da Sala de Leitura Professor Antônio Rocco - 1º semestre 2014Portifólio da Sala de Leitura Professor Antônio Rocco - 1º semestre 2014
Portifólio da Sala de Leitura Professor Antônio Rocco - 1º semestre 2014
 
Relatório dea sala de leitura junho e julho
Relatório dea sala de leitura junho e julhoRelatório dea sala de leitura junho e julho
Relatório dea sala de leitura junho e julho
 
Dias comemorativos maio
Dias comemorativos   maioDias comemorativos   maio
Dias comemorativos maio
 
O ladrão de palavras
O ladrão de palavrasO ladrão de palavras
O ladrão de palavras
 
Projeto aluno- monitor do LIE
Projeto aluno- monitor do LIEProjeto aluno- monitor do LIE
Projeto aluno- monitor do LIE
 
O ladrão de palavras - livro
O ladrão de palavras - livroO ladrão de palavras - livro
O ladrão de palavras - livro
 
09 administracion calidad
09 administracion calidad09 administracion calidad
09 administracion calidad
 
Sala de leitura-OT
Sala de leitura-OTSala de leitura-OT
Sala de leitura-OT
 
Prevenção de maus tratos na infância
Prevenção de maus tratos na infânciaPrevenção de maus tratos na infância
Prevenção de maus tratos na infância
 
Ot Infoprisma
Ot InfoprismaOt Infoprisma
Ot Infoprisma
 
Mural sala de leitura outubro 2013
Mural sala de leitura outubro 2013Mural sala de leitura outubro 2013
Mural sala de leitura outubro 2013
 
Projeto de ensino
Projeto de ensino Projeto de ensino
Projeto de ensino
 

Semelhante a Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Maya

FANZINE AMEOPOEMA #085 - novembro 2021
FANZINE AMEOPOEMA #085 - novembro 2021FANZINE AMEOPOEMA #085 - novembro 2021
FANZINE AMEOPOEMA #085 - novembro 2021
AMEOPOEMA Editora
 
FANZINE AMEOPOEMA #086 - dezembro 2021
FANZINE AMEOPOEMA #086 - dezembro 2021FANZINE AMEOPOEMA #086 - dezembro 2021
FANZINE AMEOPOEMA #086 - dezembro 2021
AMEOPOEMA Editora
 
Jose Roberto minha história na EIC-BrT
Jose Roberto minha história na EIC-BrTJose Roberto minha história na EIC-BrT
Jose Roberto minha história na EIC-BrT
Eliete França
 
FANZINE AMEOPOEMA #100 - abril 2023
FANZINE AMEOPOEMA #100 - abril 2023FANZINE AMEOPOEMA #100 - abril 2023
FANZINE AMEOPOEMA #100 - abril 2023
AMEOPOEMA Editora
 
Show Viva 2018: "Caminhos da Esperança”
Show Viva 2018: "Caminhos da Esperança”Show Viva 2018: "Caminhos da Esperança”
Show Viva 2018: "Caminhos da Esperança”
Oficina Viva Produções
 
CANTE COM A GENTE - CARNAVAL 2013
CANTE COM A GENTE - CARNAVAL 2013CANTE COM A GENTE - CARNAVAL 2013
CANTE COM A GENTE - CARNAVAL 2013
Thiago Vergete
 
FANZINE AMEOPOEMA #094 - Setembro 2022
FANZINE AMEOPOEMA #094 - Setembro 2022FANZINE AMEOPOEMA #094 - Setembro 2022
FANZINE AMEOPOEMA #094 - Setembro 2022
AMEOPOEMA Editora
 
Historiando Prainha do Canto Verde
Historiando Prainha do Canto VerdeHistoriando Prainha do Canto Verde
Historiando Prainha do Canto Verde
Onésimo Remígio
 
Show Viva 2015: "Todas elas em uma"
Show Viva 2015: "Todas elas em uma"Show Viva 2015: "Todas elas em uma"
Show Viva 2015: "Todas elas em uma"
Oficina Viva Produções
 
Programa do espetáculo Amado
Programa do espetáculo AmadoPrograma do espetáculo Amado
Programa do espetáculo Amado
institutobrincante
 
Folhetim do Estudante - Ano II - Núm. XXIX
Folhetim do Estudante - Ano II - Núm. XXIXFolhetim do Estudante - Ano II - Núm. XXIX
Folhetim do Estudante - Ano II - Núm. XXIX
Valter Gomes
 
Jornal Vinicius de Moraes
Jornal Vinicius de Moraes Jornal Vinicius de Moraes
Jornal Vinicius de Moraes
SHEILA MONTEIRO
 
Apresentação_Anderson_Lucas_FAAP_UFP
Apresentação_Anderson_Lucas_FAAP_UFPApresentação_Anderson_Lucas_FAAP_UFP
Apresentação_Anderson_Lucas_FAAP_UFP
Anderson Lucas
 
Minha História na EIC Benedito
Minha História na EIC BeneditoMinha História na EIC Benedito
Minha História na EIC Benedito
Eliete França
 
Meu Primeiro Beijo.Situação de Aprendizagem
Meu Primeiro Beijo.Situação de AprendizagemMeu Primeiro Beijo.Situação de Aprendizagem
Meu Primeiro Beijo.Situação de Aprendizagem
Mariwata
 
Roteiro americano
Roteiro americanoRoteiro americano
Roteiro americano
Luara Schamó
 
Chuva de Poemas 1.pdf
Chuva de Poemas 1.pdfChuva de Poemas 1.pdf
Chuva de Poemas 1.pdf
VitorRibeiro261164
 
12ª mssfi apresentacoes culturais
12ª mssfi apresentacoes culturais12ª mssfi apresentacoes culturais
12ª mssfi apresentacoes culturais
SEMECDIEDETEF
 
AfroPoemas Diálogos e Transgressões, mar 2018
AfroPoemas Diálogos e Transgressões, mar 2018AfroPoemas Diálogos e Transgressões, mar 2018
AfroPoemas Diálogos e Transgressões, mar 2018
oficinativa
 
Alarido - Edição 2
Alarido - Edição 2Alarido - Edição 2
Alarido - Edição 2
Tamyris Pacas
 

Semelhante a Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Maya (20)

FANZINE AMEOPOEMA #085 - novembro 2021
FANZINE AMEOPOEMA #085 - novembro 2021FANZINE AMEOPOEMA #085 - novembro 2021
FANZINE AMEOPOEMA #085 - novembro 2021
 
FANZINE AMEOPOEMA #086 - dezembro 2021
FANZINE AMEOPOEMA #086 - dezembro 2021FANZINE AMEOPOEMA #086 - dezembro 2021
FANZINE AMEOPOEMA #086 - dezembro 2021
 
Jose Roberto minha história na EIC-BrT
Jose Roberto minha história na EIC-BrTJose Roberto minha história na EIC-BrT
Jose Roberto minha história na EIC-BrT
 
FANZINE AMEOPOEMA #100 - abril 2023
FANZINE AMEOPOEMA #100 - abril 2023FANZINE AMEOPOEMA #100 - abril 2023
FANZINE AMEOPOEMA #100 - abril 2023
 
Show Viva 2018: "Caminhos da Esperança”
Show Viva 2018: "Caminhos da Esperança”Show Viva 2018: "Caminhos da Esperança”
Show Viva 2018: "Caminhos da Esperança”
 
CANTE COM A GENTE - CARNAVAL 2013
CANTE COM A GENTE - CARNAVAL 2013CANTE COM A GENTE - CARNAVAL 2013
CANTE COM A GENTE - CARNAVAL 2013
 
FANZINE AMEOPOEMA #094 - Setembro 2022
FANZINE AMEOPOEMA #094 - Setembro 2022FANZINE AMEOPOEMA #094 - Setembro 2022
FANZINE AMEOPOEMA #094 - Setembro 2022
 
Historiando Prainha do Canto Verde
Historiando Prainha do Canto VerdeHistoriando Prainha do Canto Verde
Historiando Prainha do Canto Verde
 
Show Viva 2015: "Todas elas em uma"
Show Viva 2015: "Todas elas em uma"Show Viva 2015: "Todas elas em uma"
Show Viva 2015: "Todas elas em uma"
 
Programa do espetáculo Amado
Programa do espetáculo AmadoPrograma do espetáculo Amado
Programa do espetáculo Amado
 
Folhetim do Estudante - Ano II - Núm. XXIX
Folhetim do Estudante - Ano II - Núm. XXIXFolhetim do Estudante - Ano II - Núm. XXIX
Folhetim do Estudante - Ano II - Núm. XXIX
 
Jornal Vinicius de Moraes
Jornal Vinicius de Moraes Jornal Vinicius de Moraes
Jornal Vinicius de Moraes
 
Apresentação_Anderson_Lucas_FAAP_UFP
Apresentação_Anderson_Lucas_FAAP_UFPApresentação_Anderson_Lucas_FAAP_UFP
Apresentação_Anderson_Lucas_FAAP_UFP
 
Minha História na EIC Benedito
Minha História na EIC BeneditoMinha História na EIC Benedito
Minha História na EIC Benedito
 
Meu Primeiro Beijo.Situação de Aprendizagem
Meu Primeiro Beijo.Situação de AprendizagemMeu Primeiro Beijo.Situação de Aprendizagem
Meu Primeiro Beijo.Situação de Aprendizagem
 
Roteiro americano
Roteiro americanoRoteiro americano
Roteiro americano
 
Chuva de Poemas 1.pdf
Chuva de Poemas 1.pdfChuva de Poemas 1.pdf
Chuva de Poemas 1.pdf
 
12ª mssfi apresentacoes culturais
12ª mssfi apresentacoes culturais12ª mssfi apresentacoes culturais
12ª mssfi apresentacoes culturais
 
AfroPoemas Diálogos e Transgressões, mar 2018
AfroPoemas Diálogos e Transgressões, mar 2018AfroPoemas Diálogos e Transgressões, mar 2018
AfroPoemas Diálogos e Transgressões, mar 2018
 
Alarido - Edição 2
Alarido - Edição 2Alarido - Edição 2
Alarido - Edição 2
 

Mais de elianegeraldo

1.4. projeto varal literário de poesia
1.4. projeto varal literário de poesia 1.4. projeto varal literário de poesia
1.4. projeto varal literário de poesia
elianegeraldo
 
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 20151.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
elianegeraldo
 
1.2. projeto sacola literária
1.2. projeto sacola literária1.2. projeto sacola literária
1.2. projeto sacola literária
elianegeraldo
 
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
elianegeraldo
 
1.0. primeira parte escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
1.0. primeira parte  escrita PROJETO SALA DE LEITURA 20151.0. primeira parte  escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
1.0. primeira parte escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
elianegeraldo
 
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOSPROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
elianegeraldo
 
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
elianegeraldo
 
PROJETO PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO  PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIASPROJETO  PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
elianegeraldo
 
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
elianegeraldo
 
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRASPROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
elianegeraldo
 
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEMPROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
elianegeraldo
 
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIASPROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
elianegeraldo
 
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYAPROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
elianegeraldo
 
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na EscolaProjeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
elianegeraldo
 
Trabalho de portugues - O CORTIÇO
Trabalho de portugues - O CORTIÇOTrabalho de portugues - O CORTIÇO
Trabalho de portugues - O CORTIÇO
elianegeraldo
 
Apresentacao1
Apresentacao1Apresentacao1
Apresentacao1
elianegeraldo
 
Trabalho sargento de milicias
Trabalho sargento de miliciasTrabalho sargento de milicias
Trabalho sargento de milicias
elianegeraldo
 
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3cTrabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
elianegeraldo
 
Memorias de um sargento de milicias2
Memorias de um sargento de milicias2Memorias de um sargento de milicias2
Memorias de um sargento de milicias2
elianegeraldo
 
Memorias de um sargento de milicias 3ºANO - ENSINO MÉDIO - 2013
Memorias de um sargento de milicias 3ºANO - ENSINO MÉDIO - 2013Memorias de um sargento de milicias 3ºANO - ENSINO MÉDIO - 2013
Memorias de um sargento de milicias 3ºANO - ENSINO MÉDIO - 2013
elianegeraldo
 

Mais de elianegeraldo (20)

1.4. projeto varal literário de poesia
1.4. projeto varal literário de poesia 1.4. projeto varal literário de poesia
1.4. projeto varal literário de poesia
 
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 20151.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
1.3. projeto caixa de leituraritabroglio 2015
 
1.2. projeto sacola literária
1.2. projeto sacola literária1.2. projeto sacola literária
1.2. projeto sacola literária
 
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
1.1. projeto produzindo histórias através da escrita e do desenh oritabroglio o
 
1.0. primeira parte escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
1.0. primeira parte  escrita PROJETO SALA DE LEITURA 20151.0. primeira parte  escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
1.0. primeira parte escrita PROJETO SALA DE LEITURA 2015
 
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOSPROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
PROJETO ESTRATÉGIAS DE LEITURA - GÊNEROS TEXTUAIS E TEXTOS LITERÁRIOS
 
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
PROJETO VIAGEM AO MUNDO ENCANTADO DA LITERATURA - 2014
 
PROJETO PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO  PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIASPROJETO  PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO PUBLICIDADE LITERÁRIA - LENDO E ANUNCIANDO BOAS HISTÓRIAS
 
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
PROJETO DIÁRIO DE LEITURA: INSTRUMENTO DIDÁTICO PARA FORMAÇÃO DO ALUNO LEITOR
 
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRASPROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
PROJETO DESIGN DE OBJETOS - CADEIRAS
 
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEMPROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
PROJETO PINTURAS EM CAIXAS DE OVOS - A ARTE ALIADA A RECICLAGEM
 
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIASPROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
PROJETO ANÚNCIOS PUBLICITÁRIOS E LITERATURA - CONTANDO BOAS HISTÓRIAS
 
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYAPROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
PROJETO SALA DE LEITURA 2014 - E. E. DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA
 
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na EscolaProjeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
Projeto Voto Consciente e Cidadania - Eleições na Escola
 
Trabalho de portugues - O CORTIÇO
Trabalho de portugues - O CORTIÇOTrabalho de portugues - O CORTIÇO
Trabalho de portugues - O CORTIÇO
 
Apresentacao1
Apresentacao1Apresentacao1
Apresentacao1
 
Trabalho sargento de milicias
Trabalho sargento de miliciasTrabalho sargento de milicias
Trabalho sargento de milicias
 
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3cTrabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
Trabalho memórias de um sargento de milícias pamela 3 d e luana 3c
 
Memorias de um sargento de milicias2
Memorias de um sargento de milicias2Memorias de um sargento de milicias2
Memorias de um sargento de milicias2
 
Memorias de um sargento de milicias 3ºANO - ENSINO MÉDIO - 2013
Memorias de um sargento de milicias 3ºANO - ENSINO MÉDIO - 2013Memorias de um sargento de milicias 3ºANO - ENSINO MÉDIO - 2013
Memorias de um sargento de milicias 3ºANO - ENSINO MÉDIO - 2013
 

Último

Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
LeideLauraCenturionL
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
Falcão Brasil
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
orquestrasinfonicaam
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
Manuais Formação
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Falcão Brasil
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
Falcão Brasil
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
MariaJooSilva58
 

Último (20)

Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdfOrganograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
Organograma do Ministério da Defesa (MD).pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdfHistória das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
História das ideias pedagógicas no Brasil - Demerval Saviani.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdfA Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
A Atuação das Forças Armadas na Garantia da Lei e da Ordem (GLO).pdf
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptxSlides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
Slides Lição 3, Betel, A relevância da Igreja no cumprimento de sua Missão.pptx
 
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptxAPA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
APA fonoaudiologia Pratica Trabalho Prontos.pptx
 
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdfMarinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
Marinha do Brasil (MB) Politíca Naval.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdfUFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
UFCD_5673_Segurança nos transportes_índice.pdf
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
Apresentação Institucional do Centro Gestor e Operacional do Sistema de Prote...
 
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdfA Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
A Industria Brasileira de Defesa - Situação Atual e Perspectivas de Evolução.pdf
 
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosasFotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
Fotossíntese e respiração: conceitos e trocas gasosas
 

Projeto Sala de Leitura 2016 - Escola Estadual Dr. Sylvio de Aguiar Maya

  • 1. DIRETORIA DE MOGI MIRIM ESCOLA ESTADUAL DR. SYLVIO DE AGUIAR MAYA ELIANE APARECIDA GERALDO PROJETO SALA DE LEITURA DALVA MARIA BUENO DE MIRANDA MENONCELLO 2016
  • 2. APRESENTAÇÃO O presente projeto da Sala de Leitura Dalva Maria Bueno de Miranda Menoncello, da E. E Dr. Sylvio de Aguiar Maya, localizada na cidade de Pedreira/SP, tem a pretensão de contribuir para a formação de alunos leitores e escritores, críticos e participativos, capazes de interagirem em sua realidade na condição de cidadãos consciente de sua atuação na sociedade, entendida como pré-condição do exercício pleno da cidadania. Assim, pretendemos através desse projeto possibilitar aos alunos o entendimento sobre a importância de se ter bom gosto pela leitura, para que assim, adquiram também o gosto pela produção de textos.
  • 3. PROJETOS DESENVOLVIDOS NO PERÍODO DE 2016 1. Sarau Poético, Literário e Musical: “O Amor Está no Ar”. 2. Viagem Literária.. 3. Jovens Protagonistas: Biblionotícias. 4. Desafio dos Livros. 5. Desafio da Leitura 6. Dia Mundial de Ler Todo Dia 7. Sustentabilidade: Reciclar Para um Mundo Melhor. 8. Teatro e Arte na Escola. 9. Ser: Diversidade de Gênero e Sexual. 10. Jovens Protagonistas: Os Problemas da Família Gorgonzola. da Família Gorgonzola. 11. Biblioarte: Instalações Literárias.
  • 4. 1. SARAU POÉTICO, LITERÁRIO E MUSICAL: “O AMOR ESTÁ NO AR” Público Alvo: Alunos do Ensino Médio Diurno e Noturno. Professoras Responsáveis: Ana Maria Lenci Bordinhão e Eliane Aparecida Geraldo. Parcerias: Equipe Gestora, professores, alunos, comunidade escolar. e comunidade local.
  • 5. AÇÕES • Apresentação do projeto aos gestores, professores e toda comunidade escolar; • Apresentação do Projeto aos alunos; • Divisão dos temas (autores da literatura brasileira), por turmas; • Produção de poemas pelos alunos (revisão dos mesmos e ilustração); • Produção de cenário e enfeites para o evento; • Ensaios; • Elaboração de apresentação em slides; • Socialização através da: • Dança; • Declamação de poesia; • Teatro; • Músicas de autores diversos representando o amor; • Apresentação do evento (31/05/2016); • Encerramento.
  • 6. OBJETIVO Proporcionar momentos de prazer e alegria aos alunos e à toda comunidade escolar, com esse objetivo apresentamos o projeto Sarau Poético Literário Musical “O Amor Está no Ar” que busca resgatar e desenvolver o hábito de leitura de: literatura, poesias e os desperte para manifestações artísticas, tais como: música, dança e teatro. Proporcionar momentos de prazer e alegria aos alunos e à toda comunidade escolar, com esse objetivo apresentamos o projeto Sarau Poético Literário Musical “O Amor Está no Ar” que busca resgatar e desenvolver o hábito de leitura de: literatura, poesias e os desperte para manifestações artísticas, tais como: música, dança e teatro.
  • 7. PROCEDIMENTOS • Divisão dos temas (autores da literatura brasileira), por turmas; • Orientação realizada pelos professores da área de conhecimento responsável pelo projeto; • Divisão dos trabalhos em grupos para a realização das atividades; • Durante todo o período de realização do projeto , foram desenvolvidas as seguintes atividades: pesquisas, ensaios, montagens de peças teatrais, cenários, produção de slides, pinturas, entre outras coisas.
  • 8. AVALIAÇÃO A avaliação se deu durante todo o processo de desenvolvimento do Projeto Sarau Poético, Literário e Musical: “O Amor Está no Ar”, desde as primeiras pesquisas, trabalhos em grupos, ensaios, produções das atividades, até a culminância do projeto: compreendendo a participação, desempenho, interação, produção escrita, declamação, dança, música e expressão corporal.
  • 9. CRONOGRAMA • *Vídeo Mário Quintana • 1) Música/Dança: Love Song Litle Mix *(GRAVAÇÃO) • 2) Jogral: Soneto de Camões • 3) Música: Love is in the air (Banda) • 4) Poema: As Sem-Razões do Amor • 5) Músicas: “Faltando Um Pedaço” e “Pétala” (Banda) ... (FRASES) • 6) Poema: Amor • 7) Músicas: “Do Seu Lado”, “Como Dizia o Poeta” e “Gostava Tanto de Você”(Banda) ...(FRASES) • 8) Teatro: Memórias • 9) Poema: Amor Sem Tréguas • 10) Poema: Presságio • 11) Música/Dança: Amor Próprio *(GRAVAÇÃO)
  • 10. CRONOGRAMA • 12) Músicas: “Amada Amante”, “De Tanto Amor”, “Como é Grande o Meu Amor Por Você” e “Evidências” (Banda)... (FRASES) • 13) Poema: Amor em Paz • 14) Poema: Soneto de Separação • 15) Músicas: “Codinome Beija-Flor” e “Something” (Banda) • “Quando Te Encontrar” e “Sem Medo de Amar” (alunas 2ºC) • 16) Teatro: Prólogo da Alma • 17) (SOM DE AEROPORTO) Definições de Amor (Madre Teresa) • 18) Poema: Livros e Flores • 19) Músicas: “Vamos Fugir”, “Não Quero Dinheiro” e “Fanatismo” (Banda)... (FRASES) • 20) Poema: Amar • 21) Poema: Ama Minha Gentil Que Te Partiste
  • 11. CRONOGRAMA • *CAROL VECCHIA – Homenagem ao Avô – Música: Menos de Um Segundo (Banda) • 22) Poema: Inconstância • 23) Poema: Ai de Quem Ama • 24) (SOM DE AEROPORTO) Definições de Amor (Madre Teresa) • 25) Músicas: “Rancho Fundo”, “Luar do Sertão” e “Sampa” (Banda)... (FRASES) • 26) Poema: Canção de Outono • 27) Poema: Canção do Exílio • 28) Músicas: “Rio 40°”, “Valsa de Uma Cidade”, “Eu Vim da Bahia” e “Augusta, Angélica e Consolação” (Banda) • 29) Poema: Enjoadinho • 30) Músicas: “Acalanto”, “O Mundo É Bão, Sebastião” e “Beautiful Boy” (Banda) • 31) Músicas: “O Mundo É Um Moinho”, “Isn’t She Lovely” e “Boas-Vindas” (Banda)
  • 12. CRONOGRAMA • 32) (SOM DE AEROPORTO) Pensamentos de Cora Coralina • 33) Músicas: “Se Eu Quiser Falar Com Deus”, “Romaria”, “Noites Traiçoeiras” e “Monte Castelo” (Banda)... (FRASES) • 34) Poema: Soneto do Amigo • 35) Músicas: “Canção da América” e “Que Bom, Amigo” (Banda)... (FRASES) • 36) Teatro/Música: Shakespeare (*GRAVAÇÃO) • 37) Poema: Amar Se Aprende Amando • 38) Músicas: “The Way You Look Tonight”, “Pé de Manacá” e “Caso por Acaso” (Banda)... (FRASES, só na 3ª música) • 39) Texto: Amor em Tempos de Internet • *CAROL VECCHIA – Músicas: “Apenas Mais Uma Canção”, “Eu Só Penso Em Você” e “All Star, Laranjeiras” (Banda)
  • 13. CRONOGRAMA • 40) Música/Dança: Eu Te Amo (GRAVAÇÃO) • 41) Poema: Amor Verdadeiro • 42) Músicas: “Boate Azul” e “O Meu Amor” (Banda) • 43) Música/Dança: Corazón Partio (Banda) • 44) Poema: Pra Sempre • 45) Músicas: “Amor Materno” e “Sinônimo de Mãe” (Banda)... (FRASES) • 46) Texto: O Dia Mais Belo (Madre Teresa) • 47) (SOM DE AEROPORTO) Pensamentos de Machado de Assis • 48) Música: Coração de Estudante (Jogral de Professores)... (FOTOS) • *Entrega das Mensagens a todos os presentes • (ao fundo, o som da música: LEVE ME TENDER/Elvis Presley) (GRAVAÇÃO) FIM
  • 14. Frases que foram colocadas no telão, na hora das apresentações musicais 1) ”O Amor é um grande laço, um passo para uma armadilha” “Por ser exato, o amor não cabe em si... Por ser encantado, o amor revela-se... Por ser amor, invade e fim” 2) “O amor é o calor que aquece a alma, o amor tem sabor, pra quem bebe a sua água” “Quem nunca curtiu uma paixão, nunca vai ter nada, não” “Você marcou a minha vida, viveu, morreu na min há história” 3) “Não há nada pra comparar, para poder lhe explicar como é grande o meu amor por você” “Diz que é verdade, que tem saudade, que ainda você pensa muito em mim” 4) “A emoção acabou, que coincidência é o amor” 5) “Vou pedir pra você voltar, vou pedir pra você ficar, eu te amo, eu te adoro, meu amor” “Quando a gente ama, não pensa em dinheiro, só se quer amar”
  • 15. Frases que foram colocadas no telão, na hora das apresentações musicais 6) “Não há, ó gente, ó não, Luar como esse do sertão” “Alguma coisa acontece no meu coração, que só quando cruza a Ipiranga e a avenida São João” 7) “Se eu quiser falar com Deus, tenho que ficar a sós” “Como eu não sei rezar, só queria mostrar meu olhar, meu olhar, meu olhar” “Deus está aqui neste momento, sua presença é real em meu viver” “O mundo pode até fazer você chorar, mas Deus te quer sorrindo” “Sem amor eu nada seria” “O amor é bom, não quer o mal” 8) “Amigo é coisa para se guardar debaixo de sete chaves, dentro do coração” “O que importa é ouvir a voz que vem do coração” 9) “Quero um amor de verdade, a minha cara metade, quero alguém pra me acordar e me chamar de meu amor” 10) “É mais bonita do que tudo que há na terra, semeia a paz onde tem guerra”
  • 16. DEPOIMENTOS DE ALUNOS E EX- ALUNOS PEDRO ROSSI Muitíssimo Obrigado pela oportunidade de estar mais uma vez nesta escola que foi tão importante para mim, na qual vivi os melhores anos da minha vida... Foi maravilhoso o Sarau! E que venham outros! Repletos de Muita Arte, Cultura e vivências que nos acrescenta e nos alimenta o intelecto! JAQUELINE SORAIA Os alunos se empenharam, participaram, ajudaram, assistiram, se divertiram.... graças ao amor de ser professor que tem sede da inovação, da sensação, da arte! Parabéns! Foi magnífico! Não tenho palavras para agradecer esta oportunidade. Oportunidade de fazer parte, de me adentrar junto aos alunos, de me expor em frente de uma plateia participativa feita pela maioria dos alunos da escola! Muito obrigada! Estaremos juntos na próxima!
  • 17. AGRADECIMENTO A palavra que encontro, neste momento, é Gratidão!!! Minha gratidão a todos que colaboraram para a realização do nosso Sarau Literário, Artístico, Poético e Musical "O Amor Está No Ar"... À equipe gestora da E.E.Dr. Sylvio Maya, muito obrigada pelo apoio e confiança depositados em nosso trabalho! Aos colegas de trabalho, muito obrigada pela colaboração e incentivo! Aos nossos queridos alunos, ex e eternos alunos, muito obrigada pela dedicação, pelo empenho! À equipe técnica, obrigada pelo suporte para o nosso evento, som e iluminação perfeitos! Aos nossos convidados especiais, obrigada por aceitarem nosso convite e por abrilhantarem nossa noite, com tanto talento! E, a todos, muito obrigada pelo carinho, pelo apoio, pela disponibilidade em colaborar, por acreditarem que tudo o que se faz com amor e dedicação traz bons frutos!!! Serei eternamente grata a cada um de vocês!! PROFESSORA ANA MARIA LENCI BORDINHÃO
  • 18. COLABORADORES • Equipe Gestora; • Alunos do Ensino Fundamental II, e Ensino Médio noturno; • Professores do Ensino Médio e Fundamental II; • Secretaria da Cultura de Pedreira (som e iluminação); • Professora Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo; • Comunidade escolar
  • 20. Produção de versos e poemas de nossos alunos
  • 21. Produção de versos e poemas de nossos alunos
  • 22. Produção de versos e poemas de nossos alunos
  • 23. Ensaiando e enfeitando para o grande dia
  • 25. Apresentando o sarau: músicas, danças, teatro, e declamações.
  • 28. HTTPS://YOUTU.BE/HXQAL-VC164 Link do filme do Sarau Poético, Literário e Musical: “O AMOR ESTÁ NO AR”
  • 30. CONCLUSÃO O Projeto Sarau Poético, Literário e Musical: “O Amor Está no Ar” mostrou-se uma prática transformadora, pois os alunos venceram a timidez, estimulou a revelação de novos autores, proporcionou expansão do conhecimento e mentalidade crítica, valorizou o ser humano e o conhecimento do patrimônio cultural, a fim de modificar e melhorar a comunidade em que vivem, realizou o desenvolvimento do vocabulário, da concentração, da disciplina, do respeito e da solidariedade e principalmente estimulou o contato com as pessoas e uma melhor convivência entre alunos, professores, funcionários e comunidade. Tendo em vista o grande número de participantes no sarau literário, observou-se que é muito importante o desenvolvimento de ações culturais envolvendo todos os segmentos da escola e da comunidade, expandindo o acesso à cultura, à educação, à cidadania e à construção do conhecimento de cada pessoa que faz parte da comunidade da E. E. Dr. Sylvio de Aguiar Maya. A culminância do Projeto ocorreu mais uma vez em grande estilo e seus idealizadores ficaram bastante satisfeitos e orgulhosos, visto que os alunos participaram ativamente das atividades propostas (poesia, música, dança), demonstrando muito interesse pela temática.
  • 31. 2. VIAGEM LITERÁRIA Público Alvo; Alunos do 7º anos Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo
  • 32. AÇÕES • Apresentação do projeto aos alunos; • Incentivar o gosto pela leitura aprimorando esta habilidade e competência; • Escolha do livro na Sala de Leitura; • Leitura individualizada; • Interpretação do livro escolhido através de uma ficha de leitura. • Socialização.
  • 33. OBJETIVO O projeto Viagem Literária tem como objetivo incentivar a prática da leitura e garantir o acesso à informação, ao conhecimento e à cultura, promovendo o estímulo à leitura e à pesquisa, contribuindo para o exercício da cidadania.
  • 35. Momento escolha do livro preferido e leitura aos arredores da escola
  • 39. AVALIAÇÃO A avaliação das leituras e trabalhos realizados pautou-se no envolvimento dos alunos na realização das atividades propostas, seu posicionamento crítico nos momentos de estudo das obras, bem como na análise dos produtos produzidos. Foi facilmente observado que alguns paradigmas relacionados à leitura foram transpostos.
  • 40. RESULTADO O tempo de aplicação do projeto foi de aproximadamente um mês de aula. Requereu planejamento, e trouxe notável crescimento no interesse dos estudantes pela leitura, ocorreu de forma integradora, pois envolveu um trabalho que vai desde a construção da caixa com os alunos até a escolha dos livros de diferentes gêneros literários. Este projeto teve por intuito trabalhar a da leitura e interpretação, contribuindo para o contato com a linguagem e formação de futuros leitores aptos para a escrita.
  • 41. CONCLUSÃO O tempo de aplicação do projeto foi de aproximadamente um mês de aula. Requereu planejamento, e trouxe notável crescimento no interesse dos estudantes pela leitura, ocorreu de forma integradora, pois envolveu um trabalho que vai desde a construção da caixa com os alunos até a escolha dos livros de diferentes gêneros literários. Este projeto teve por intuito trabalhar a da leitura e interpretação, contribuindo para o contato com a linguagem e formação de futuros leitores aptos para a escrita.
  • 42. 3. JOVENS PROTAGONISTAS: BIBLIONOTÍCIAS Jovens Protagonistas: Ana Laura do 3º A, e Luan do 1ºA do Ensino Médio. Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo
  • 43. AÇÕES • Orientação a respeito do projeto; • Planejamento; • Pesquisa Bibliográfica no Laboratório de Informática; • Execução do projeto; • Socialização.
  • 46. Dando cor e vida a poesia de Vinícius de Moraes
  • 48. EXECUÇÃO Os alunos protagonistas receberam orientações deste projeto das professoras da Sala de Leitura. Os mesmos foram instigados a pensarem em ideias para melhorar a leitura na escola. Logo após, começaram a primeira etapa do projeto Biblionotícias que é a pesquisa bibliográfica de algumas obras de nossa literatura e poesias de autores diversos, realizadas no Laboratório de Informática. Vários sites foram visitados indicados pelos professores da Sala de Leitura. Depois de realizada a pesquisa, os alunos protagonistas fizeram um mural contendo todas as biblionotícias pesquisadas.
  • 49. CONCLUSÃO Este projeto fundamentou-se em atingir a escola inteira para se tornar 100% leitora. Os pontos positivos do projeto é promover conhecimento à comunidade escolar e o incentivo para a leitura. Nossa pretensão foi de atrair os alunos através de biblionotícias de obras literárias, poemas, instigando a curiosidade e levando-os a ler as obras indicadas. Chegamos a conclusão que criamos um clima muito favorável onde o bem estar está presente em todos os períodos de aulas. Os alunos são verdadeiros parceiros da Sala de Leitura, se envolvem, são monitores, auxiliam os colegas e mobilizam constantemente a escola como um todo. Notou-se o envolvimento dos alunos e a sua ativa participação, o que tornou o momento inesquecível e muito prazeroso.
  • 50. 4. DESAFIO DOS LIVROS Professora: Eliane Aparecida Geraldo Público Alvo: Alunos do Ensino Fundamental II e Ensino Médio.
  • 51. AÇÕES • Divulgação para os gestores, professores e impressão dos materiais; (14/03/2016), • Divulgação para os alunos e inscrição dos interessados (16/03/2016); • Início do Desafio (17/03/2016); • Lista com dez livros a serem lidos pelos alunos; • O aluno deve apresentar um resumo de cada obra lida; • Ranking com premiação para o estudante que terminar os dez itens da lista; • Determinar data para inscrição, início e término do desafio; • Expor, na sala de leitura, itens relacionados aos critérios do desafio; • Término do Desafio; • Socialização.
  • 52. OBJETIVOS • O Desafio dos Livros tem como objetivo incentivar a leitura e auxiliar no desenvolvimento das competências leitora e escritora do aluno. Para tanto, alunos de todos os anos e séries podem participar. Pretende-se com a execução desse projeto contribuir de forma ativa na melhoria de aprendizagem e desempenho escolar. • Despertar o interesse pela Sala de Leitura e as atividades desenvolvidas; • Aumentar o número de usuários reais nos ambientes de leitura; • Contribuir para o aprimoramento da competência leitora e escritora dos alunos participantes.
  • 59. Algumas resenhas do livro escolhido
  • 61. RESULTADO O desafio do livro foi um sucesso, apresentando um grande número de inscritos, porém nem todos os inscritos participaram ou concluíram o Desafio, devido ao pouco tempo de desenvolvimento do projeto. Ainda assim foi visível o aumento das visitas dos estudantes à Sala de Leitura, tal como o desenvolvimento do ato de ler de forma prazerosa, mesmo após o término do projeto. Além do mais houve um aumento significativo na frequência dos estudantes na sala de leitura e na retirada de material, e na leitura de obras diversificadas o que acarretaria um melhor desenvolvimento da competência leitora e escritora.
  • 62. CONCLUSÃO Desafio do Livro foi um projeto bem aceito pela equipe gestora e pelos professores, todos gostaram da ideia e se prontificaram ajudar colaborando da divulgação entre os alunos e incentivando-os. Cartazes foram espalhados pela escola, e, divulgamos em redes sociais. Percebemos que foi um projeto inovador por ter despertado o espírito sadio de competição entre eles, tivemos 88 inscritos, um número bem significativo por um número bem significativo por um período bem curto.
  • 63. 5. DESAFIO DA LEITURA Jovens Protagonistas do 1º B e F do Ensino Médio. Orientadora: Eliane Aparecida Geraldo
  • 64. OBJETIVO Promover oportunidades para os jovens atuarem como protagonistas praticando leitura e produção textual na perspectiva dos multiletramentos, mobilizando a comunidade escolar para ler mais e melhor e desenvolvendo competências cognitivas e socioemocionais.
  • 65. AÇÕES • Planejamento do professor da sala de leitura; • Apresentação da proposta de Desafio de Leitura a comunidade escolar; • Apresentação da proposta de Desafio da Leitura aos alunos; • Formação de times; • Encontros dos times no contraturno da aula; • Socialização dos resultados.
  • 66. CONVERSANDO COM A EQUIPE GESTORA E PROFESSORES
  • 67. Atividade Investigativa - Depoimento de alguns professores
  • 68. Atividade Investigativa - Depoimento de alguns professores
  • 69. Atividade Investigativa - Depoimento de alguns professores
  • 70. RAP: “O JOVEM NÃO É PROBLEMA,É SOLUÇÃO” O jovem muitas vezes é visto na sociedade como um problema, Por muitas vezes terem atitudes erradas, Porém não é assim que devemos os ver. Nós somos o futuro da humanidade, Muitas vezes não somos compreendidos. Devemos ao menos tentar entender o lado dos jovens, Pois eles não são apenas inconsequentes, Pois a maioria tem atitudes corretas. A sociedade deveria preparar os jovens Para agirem de maneira correta. Para o jovem ser a solução, é preciso que haja mudança. Clara de Alcântara Aymar
  • 71. Rap da Superação Jovem O jovem não é problema Ele é solução Ele é uma nova geração Muitas barreiras ele enfrenta Para conseguir crescer A vitória ele vai conquistar E aqueles lá atrás ele vai ajudar O jovem é solução e evolução O jovem não é problema Ele é solução Ele é uma nova geração Muitas barreiras ele enfrenta O jovem é o futuro da nação NÍcolas 1º B
  • 73. VARAL DE POESIAS – Participação no Projeto Instalações Literárias
  • 74. RESULTADO/ CONCLUSÃO Nosso intuito é de estar contribuindo para auxiliar os jovens protagonistas como cidadãos letrados, pesquisadores, conscientes de seus deveres e direitos, comprometidos com hábitos saudáveis, que tenham respeito pelo próximo e que saibam trabalhar coletivamente. Os alunos são verdadeiros parceiros da Sala de Leitura, se envolveram, são monitores, auxiliam os colegas e mobilizam constantemente a escola como um todo. Notou-se o envolvimento dos alunos e a sua ativa participação, o que tornou o momento inesquecível e muito prazeroso. É evidente que este aprendizado não ficará restrito somente ao ano em curso, mas servirá para a elaboração de outros projetos de intervenção em anos vindouros Todos os evolvidos na aplicação do projeto de intervenção cresceram em termos de aprendizagem.
  • 75. 6. Dia Mundial de Ler todo Dia Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo Público Alvo: Toda Comunidade Escolar
  • 76. AÇÕES - Inscrição no projeto Dia Mundial de Ler todo dia, - Divulgação do projeto aos professores e equipe gestora; - Divulgação do projeto aos alunos; - Início do projeto 20/09/2016; - Escolha do livro na sala de Leitura; - Socialização do ptojeto. -
  • 77. APRESENTAÇÃO O propósito do evento foi uma mobilização nacional em prol da leitura. Vale ler livros, revistas, gibis, uma poesia ou então um parágrafo, enfim basta reservar alguns minutinhos para leitura e pronto, participou do Dia de Ler. Bastava realizar a inscrição prévia no blog do evento e posteriormente informar, através de fotos legendadas, quantas pessoas estiveram envolvidas na ação de leitura realizada. O intuito da ação é mostrar que a leitura é um ato prazeroso e que cabe no nosso dia-a- dia, sem nenhum inconveniente podendo se tornar um hábito, e ao mesmo tempo promover e fomentar diversas ações de acesso ao livro e à leitura.
  • 78. OBJETIVOS • Promover a leitura nos mais variados ambientes e horários do cotidiano da população, tais como: leituras em domicílio, no trabalho, no transporte público, em locais de lazer e entretenimento, bem como em instituições privadas e públicas. • Reunir diversas ações de acesso à leitura em um único evento, que revertam na promoção do livro e no estímulo à leitura. • Promoção do acesso ao livro e a leitura. • Promoção à leitura nos mais variados ambientes e horários. • Oportunizar a construção do prazer nas situações que envolvam o ato e o hábito da leitura; • Valorizar, apoiar e fortalecer os projetos que envolvem ações de leitura nas escola.
  • 82. RESULTADO O Projeto em questão foi um sucesso. Nossos alunos abraçaram a causa com muito prazer e responsabilidade, pois a leitura faz parte de nosso cotidiano escolar. Com a leitura descobrimos um mundo novo, cheio de coisas desconhecidas. A leitura é de suma importância, pois é através dela que adquirimos os conhecimentos capazes de nos ajudar no desenvolvimento, na nossa imaginação e melhora da nossa criatividade. É com a leitura que aprimoramos o nosso vocabulário e a nossa interpretação dos fatos. Aperfeiçoamos conhecimentos e somos capazes de desenvolver assuntos, assumindo posições, raciocínio e tomamos conhecimentos de fatos importantes. Enfim, a leitura é o instrumento que dará o suporte necessário para que possa atingir a capacidade cognitiva a fim de evoluir acompanhando a transformação do mundo e da tecnologia.
  • 83. 7. SUSTENTABILIDADE: RECICLAR PARA UM MUNDO MELHOR Público Alvo: Alunos do Ensino Fundamental II Professores Responsáveis: Eliane Aparecida Geraldo (Sala deLeitura), Alessandra Geraldi (Ciências) e Júlio Santana Carrion (Artes).
  • 84. APRESENTAÇÃO As questões de lixo, reciclagem e reutilização vem sendo considerados cada vez mais urgentes e importantes na sociedade, pois o futuro da sociedade depende da relação estabelecida entre a natureza e o uso do homem dos recursos naturais disponíveis. Neste projeto abordamos sobre a necessidade de conscientização e mudanças de valores e atitudes para que os alunos venham a inserir no seu cotidiano.
  • 85. OBJETIVO Sensibilizar a comunidade escolar para a grande importância de se combater o acumulo de lixo e o desperdício e assim garantir a qualidade de vida no mundo e reconhecer a matéria (lixo) como produto advindo dos recursos naturais, compreendendo a necessidade de aproveitamento, objetivando a integração e a harmonização entre ser humano e meio ambiente, para uma melhor qualidade de vida.
  • 86. OBJETIVOS ESPECÍFICOS - Estabelecer a noção de responsabilidade coletiva, transformando a escola num ambiente limpo e saudável, tornando-a um lugar mais agradável; - Chamar a atenção dos alunos para a importância dos hábitos e de higiene e limpeza, oferecendo uma oportunidade de estudos, lazer e interação; - Apresentar a coleta seletiva do lixo como uma excelente alternativa, explicando os benefícios da reciclagem; - Estimular, na própria escola o habito de separar o lixo orgânico e inorgânico, encaminhando tudo o que for possível para a reciclagem; - Incentivar os alunos a desenvolver o habito de não jogar o lixo no chão, a partir de utilização de lixeiras diferenciadas que atraiam o interesse do aluno em utilizá-las.
  • 87. AÇÕES • Apresentar o projeto aos alunos, professores e toda a comunidade escolar; • Sensibilizar a comunidades escolar para a importância de cuidar de seu lixo e colocar em locais apropriados para a coleta; • Produção de cartazes informativos; • Produção de paródias; • Produção de objetos a partir de materiais recicláveis;
  • 88. TABELA TEMPO DE DECOMPOSIÇÃO
  • 89. ESCOLA: EE DR SYLVIO DE AGUIAR MAYA Reduzir, Reutilizar e Reciclar! Este é o caminho! MEIO AMBIENTE: RECICLAGEM OBJETIVOLIXO REDUZIR REUTILIZAR RECICLAR REPENSAR • Você gosta da sua escola suja? • Você acha que precisamos reciclar? • Qual a importância da reciclagem? Despertar nos alunos a consciência de que o lixo pode ser selecionado para seu reaproveitamento. Estratégias: Produção de textos, cartazes e paródias
  • 92. OBJETOS DE MATERIAL RECICLÁVEL
  • 93. OBJETOS DE MATERIAL RECICLADO
  • 94. Objetos de material reciclável
  • 95. Objetos de material reciclável
  • 96. Objetos de material reciclável
  • 97. Objetos de material reciclável
  • 98. AVALIAÇÃO Por se tratar de um trabalho que necessita de ações concretas realizadas por todos, ela deve ser contínua e processual tendo em vista o interesse e a preocupação como meio ambiente; a conscientização das pessoas sobre a importância de reaproveitar o lixo e a tentativa de mudança de hábitos de uma comunidade.
  • 99. RESULTADOS Para o desenvolvimento do trabalho foram realizados atividades práticas e teóricas, que foram dimensionadas para a conscientização do Meio Ambiente e reciclagem, na redução do consumo e reutilização de produtos, evitando o desperdício, e que a reutilização também é possível no ambiente escola. Através deste projeto os alunos obtiveram uma visão mais ampla sobre a problemática ambiental, percebendo a importância de contribuir para a preservação do meio ambiente, não somente no âmbito escolar, nas também em casa, sendo que a educação ambiental se tornou um exercício para a cidadania, tendo como objetivo a preservação e a conscientização dos alunos do mundo em que vivem, mostrando que se pode ter qualidade de vida sem desrespeitar o Meio ambiente natural, o projeto ensina como deve ser feita a reciclagem, a importância de se preservar a natureza e como utilizar os recursos naturais e minerais de forma responsável, mais para que haja esta formação e que ocorra uma mudança real da situação é imprescindível à união do governo, da sociedade e da escola.
  • 100. CONCLUSÃO O trabalho realizado sobre a reciclagem seletiva do lixo obteve primeiramente um embasamento teórico, que proporcionou aos alunos conhecimento dos tipos de lixos que podem ser utilizados para reciclagem. Os alunos puderam realizar a experiência na prática confeccionando os recipientes e fazendo a coleta seletiva do lixo no pátio da escola. No decorrer das ações observamos a participação de todos na execução das atividades, fazendo com que todos os objetivos fossem alcançados. Com a realização do nosso projeto podemos concluir que os alunos se manifestaram de forma consciente com suas ações ao cobrarem dos colegas para jogarem os lixos nos seus devidos recipientes, percebemos então que houve mudanças de atitudes dos alunos após o desenvolvimento do trabalho.
  • 101. 8. TEATRO E ARTE NA ESCOLA Professor Responsável: Júlio Santana Carrion Parceria: Sala de Leitura: Eliane Aparecida Geraldo Público Alvo: Alunos do Ensino Fundamental ll, 6º, 7º e 8º anos.
  • 102. APRESENTAÇÃO A E. E. Dr. Sylvio de Aguiar Maya, sempre preocupada com sua participação na construção social e, portanto consciente do papel importante que a escola exerce sobre essa construção, vem vencendo suas limitações e buscando em um processo gradativo atualizar-se para que seus alunos possam responder com maior efetividade a nova realidade que hora surge ao horizonte turbinada pelo atual momento em que vivemos. A preocupação com o incentivo à leitura e o desenvolvimento da produção de textos mais criativos e com apropriação de um vocabulário mais rico, que tornam a leitura e sua própria produção pelos alunos de uma forma mais interessante e motivada, é a ação principal deste projeto. O teatro na escola é de grande valia para que possamos preparar nossos jovens a caminho desse futuro que exigirá flexibilidade, dinamismo e agilidade no pensar, no agir, no entender e na arte de analisar.
  • 103. AÇÕES • Leitura e interpretação da obra Alice no País das Maravilhas de Charles Lutwidge Dodgson, mais conhecido como Lewis Carrol. • Os ensaios aconteceram durante o período de aula regular – duas vezes por semana – e durante horários extraclasses; Aos alunos não-atores se encarregaram de outras funções, tais como: confecção de convites, figurinos e cenários, auxílio na maquiagem e nos efeitos técnicos e sonoros. Desta maneira, todos os alunos tiveram participação efetivamente do projeto Teatro e Arte na Escola. • Apresentação
  • 104. RESULTADOS Esperamos que o presente projeto possa ser tomado como ponto de partida para uma reflexão sobre o fazer pedagógico.. Respeitando sua individualidade e dando-lhe coragem para enfrentar os desafios do mundo que a espera. A leitura abre portas e caminhos para mundos imaginários e valoriza aprendizados. As variadas atividades lúdicas dão a criança oportunidade de crescer em harmonia consigo e com o outro.
  • 105. CONSIDERAÇÕES FINAIS O projeto permite que os alunos desenvolvam uma conscientização da importância da arte no cotidiano, além de trabalhar valores e virtudes tão importantes para a formação e convivência entre os educandos.
  • 106. Apresentação da Peça Alice no País das Maravilhas
  • 109. DANDO VIDA À ARTE
  • 110. CONCLUSÃO O projeto permite que os alunos desenvolvam uma conscientização da importância da arte no cotidiano, além de trabalhar valores e virtudes tão importantes para a formação e convivência entre os educandos.
  • 111. BIBLIOGRAFIA • BOSCHI, Ronaldo. O jogo teatral na cultura pós- moderna. Dissertação de Mestrado. Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, Programa de Pós-Graduação em Letras, 1999. • BRASIL. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Brasileira, LDB 9394/96. Brasília, 1996. • BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Vol6. Brasília, 2000. • BRASIL. Referencial Curricular Nacional Para a Educação Infantil: Vol3. Brasília, 1998. • NEVES, Libéria Rodrigues e SANTIAGO, Ana Lydia B. O uso dos Jogos Teatrais na Educação: Possibilidades diante do fracasso escolar. 2ª edição. Campinas, SP: Papirus, 2009. • GOOGLE. Teatro na Escola. Disponível em<http://pt.wikipedia.org/wiki/Teatro_na_escola>. Acesso em 20de março de 2013
  • 112. 9. SER: DIVERSIDADE DE GÊNERO E SEXUAL Eliane Aparecida Geraldo Ariele Regina F. Piovezan Alessandra Geraldi
  • 113. Tema: Saúde e Prevenção: Métodos Anticoncepcionais, Doenças e Gravidez OBJETIVO Trazer o conhecimento e informação afim de: - explorar o conceito de corpo, como organismo biológico, compreendendo seu desenvolvimento; - valorizar e dar atenção a saúde da população adolescente; - considerar os processos de construção de autoestima; - compreender e aplicar o conceito de vulnerabilidade, estabelecendo comparações com o conceito de risco, (doenças); - identificar os preconceitos sobre a adolescência difundidos em nossa sociedade e ,seu impacto na comunicação entre gerações.
  • 114. Tema: Saúde e Prevenção: Métodos Anticoncepcionais, Doenças e Gravidez Objetivo - dialogar sobre a gravidez na adolescência analisando criticamente as possibilidades e finalidades de realizar um trabalho educativo; - explorar as possibilidades de ampliar a comunicação entre profissionais da educação e saúde e adolescentes, preservando a intimidade das pessoas envolvidas; - obter informações corretas e atualizadas sobre métodos contraceptivos.
  • 115. JUSTIFICATIVA Permitir o diálogo entre profissionais da saúde, educadores na tiragem de dúvidas em relação a sexualidade, promovendo uma compreensão dos educandos sobre seu desenvolvimento biológico e psicológico afim de inibir possíveis atitudes inadequadas .
  • 116. PROCEDIMENTO Será feito através: - de aulas expositivas com o professor da classe e com o profissional da saúde; - de apresentação de vídeos educativos sobre reprodução humana, doenças sexuais; - do manuseio dos principais e atuais métodos anticoncepcionais.
  • 117. META • Sensibilização dos educandos sobre seu desenvolvimento e a sua sexualidade a fim de diminuir sua vulnerabilidade em relação à sociedade e seus dogmas.
  • 118. AVALIAÇÃO Será feita com a construção de painéis educativos sobre métodos anticoncepcionais e frases de impactos, além de que o educando será analisado durante todo o projeto afim de observar sua participação.
  • 119. BIBLIOGRAFIA - Diversidade Sexual na Escola- Uma metodologia de trabalho com adolescentes e jovens. - Saúde e prevenção nas escolas- atitude para curtir a vida- Guia para formação de profissionais de saúde e de educação. ( Unidade 2, oficina 1,2,4; Unidade 4, oficina 1,4; Unidade 5 oficina 1,2,3,4,5 ; Unidade 6 oficina 1,2,); - Saúde e prevenção nas escolas. Adolescentes e jovens e educação entre pares. - Super interessante- coleções- Reprodução humana e gravidez- vídeos- ed. Abril.
  • 120. Cartazes informativos confeccionados pelos alunos dos 8ª e 9ª anos
  • 121. Projeto Diversidade Sexual e Cidadania Tema: LGBT X Preconceito Público Alvo: Alunos dos 9ª anos
  • 122. OBJETIVO GERAL Promover a aprendizagem em relação ao respeito às diferenças diante da sexualidade, com a finalidade de promover a saúde sexual dos jovens e garantir o exercício da cidadania no contexto da escola daqueles que sofrem preconceito por sua orientação sexual e/ou comportamento que foge dos modelos de gênero dominantes na sociedade. A ideia desse projeto é fazer com que os educandos percebam que o respeito à livre orientação sexual merece e deve ter a mesma atenção e cuidado dado a outras formas de discriminação, como o racismo e o sexismo, e expandir a cultura de direitos que deve permear a sociedade brasileira, visando o desenvolvimento livre e saudável da pessoa humana.
  • 123. OBJETIVO ESPECÍFICO • Sensibilizar os educandos para que ajam de modo solidário em relação às pessoas, independente de seu gênero, de sua orientação sexual, de sua raça/etnia, de sua idade e sua religião. • Desconstruir a ideia de que a homossexualidade é “safadeza” ou doença • Conscientizar o grupo sobre as diferentes formas de violência e as consequências da exclusão e da discriminação na vida das pessoas. • Debater preconceitos associados à questão da diversidade sexual de modo a problematizá-los. • Conhecer para não discriminar.
  • 124. AÇÕES • Apresentação do projeto aos educandos; • Pesquisa sobre o assunto no laboratório de informática; • Debate sobre o assunto em questão; • Elaboração de frases; • Construção de um varal com as frases.
  • 125. META • Sensibilização dos educandos sobre seu desenvolvimento e a sua sexualidade a fim de diminuir sua vulnerabilidade em relação à sociedade e seus dogmas.
  • 126. Resultado Final - Frases Reflexivas
  • 127. Resultado Final - Frases Reflexivas
  • 129. CONCLUSÃO A experiência proporcionou aos alunos, professores e demais membros da comunidade escolar, aprendizagens em diversos campos e áreas, porém, destacam-se a aprendizagem inter-relacional, que remete a quebra de tabus para conversar sobre a sexualidade, a diminuição dos preconceitos e receios ao se falar e manifestar a sexualidade, assim como sobre os comportamentos de risco em relação à sexualidade. Pretendeu ser um caminho para o desenvolvimento de uma educação em valores destacando temas relacionados à saúde e à cidadania para os diferentes gêneros e orientações sexuais
  • 130. Link do filme produzido pelos alunos do 9º ano https://youtu.be/qoa9apr-Ih8
  • 131. BIBLIOGRAFIA • ABRAMOVAY, M; CASTRO, G. M; SILVA, L. B. Juventudes e sexualidade. Brasília: Unesco, 2004. • AQUINO, Julio Groppa (Org.). Sexualidade na escola. São Paulo: Summus, 1997. • ARRUDA, Roldão. Dias deira: uma história verídica de assassinatos autorizados. São Paulo: Globo, 2001.
  • 132. 10. JOVENS PROTAGONISTAS: OS PROBLEMAS DA FAMÍLIA GORGONZOLA Público Alvo: Aluna Ana Laura do 3º A e Luan Simenton do 1ºA. Professora Mediadora: Eliane Aparecida Geraldo
  • 133. AÇÕES • Apresentação do projeto para aos alunos protagonistas; • Escolha do livro a ser utilizado: Os Problemas da Família Gorgonzola de Eva Furnari; • Desenvolver as atividades propostas no livro com criatividade e determinação; • Socialização do Projeto; • Entrega do certificado de participação; • Encerramento com a música “matemática.”
  • 134. Livro escolhido para o projeto, e algumas atividades que foram desenvolvidas pelos alunos protagonistas
  • 137. ENTREGA DOS CERTIFICADOS DE PARTICIPAÇÃO
  • 138. ENTREGA DOS CERTIFICADOS DE PARTICIPAÇÃO
  • 139. RESULTADOS • Através desse livro, com suas histórias engraçadas que divertem e encantam os alunos, conseguiram fazer conexões e associações entre diversos significados de cada nova idéia. É um convite para o grupo resolver os embaraçosos problemas, elaborando suas próprias estratégias de cálculo. Compreender e interpretar o que diz o texto de cada problema é o primeiro desafio. É preciso investigar e descobrir o que se quer saber e destacar os dados relevantes para então realizar um cálculo adequado. Socializar e discutir as estratégias usadas pelos colegas também é fundamental, possibilitando refletir sobre maneiras mais simples e econômicas de operar. Aos poucos, o grupo foi descobrindo novos recursos e também perceberam que existem várias formas para se resolver um mesmo problema. Assim, organizaram e ampliaram seus conhecimentos, construindo um acervo de procedimentos de cálculos eficientes para resolver diversos tipos de situação. É um rico processo que vai sendo construído diariamente a partir das atividades e dos desafios propostos. Enfim, é um ótimo livro para fazer quem não gosta de Matemática mudar de idéia!
  • 140. ARTE E LITERATURA: INTERVENÇÕES E INSTALAÇÕES Professor Responsável: Ana Maria Lenci Bordinhão; Tiago Teixeira Magalhães; Teresa Creomar Júlio Eliane Aparecida Geraldo Público Alvo: Alunos do Ensino Fundamental II e Ensino Médio
  • 141. PROPOSTAS DE AÇÃO - Flash Mob Preparar ações nos quais os alunos em diversos momentos e pontos da cidade (incluindo a escola e suas sala de aula) leiam trechos de poemas e trechos literários clássicos, modernos e contemporâneos da literatura brasileira e estrangeira; - Literatura e Teatralidade Estabelecer obras, autores e personagens, encenariam trechos das obras em diversos pontos da cidade (Praça Matriz, Ângelo Ferrari, Coronel João Pedro, etc.); os alunos caracterizados como os autores, convidariam as pessoas a contar suas histórias, escrever um poema ou uma frase. Esses textos adquiridos poderiam ser reescritos pelos alunos, em forma de poesias e depois expostos em um terceiro momento da proposta, na escola. As pessoas que forneceram a história seriam convidadas a participar desse momento. Todos os processos serão registrados em vídeo e, posteriormente, editados e utilizados no terceiro momento da proposta.
  • 142. PROPOSTAS DE AÇÃO • Propostas de Ações Internas Instalações Caminhos e Espaços Literários As instalações artísticas utilizarão recursos de produção gráfica, áudio, vídeo, teatralização e ocuparão a maior parte do espaço da escola.U Utilizaremos o poema “No Meio do Caminho” de Carlos Drummond de Andrade, onde alunos, pais e visitantes transitarão pelos caminhos dos jardins das escolas, sempre encontrando uma “pedra poética”, que poderá ser desfeita retirando os poemas que as formam. O alunos dos 1ºs e 3ºs anos do Ensino Médio serão convidados a produzir instalações coletivas, ocupando as salas de aulas e transformando o ambiente, cujos temas serão obras das literaturas clássica, moderna e contemporânea brasileira e estrangeira. Os alunos serão convidados também a produzir seus próprios textos, conduzidos pelos professores de literatura e língua portuguesa. Uma das propostas possíveis é a “arte postal”. Os alunos de uma sala pode iniciar, um texto ou poema, enviar para outra sala, na qual eles queiram para que ele seja continuado e, em seguida, enviado para outra sala.
  • 143. PROPOSTAS DE AÇÕES INTERNAS • Instalações Caminhos e Espaços Literários Todos os trabalhos literários produzidos pelos alunos serão utilizados pelos alunos de alguma maneira nas instalações. Outra forma de produção possível são os áudio-dramas ou poemas concretos narrados, associados as instalações. Os alunos também poderão produzir cartazes, fotografias, esculturas ou outra arte visual dentro das temáticas apresentadas.
  • 144. CRONOGRAMA DAS APRESENTAÇÕES DO ENSINO FUNDAMENTAL II 1- Apresentação de saxofone (Lucas do 9º ano A); 2- Declamação (Larissa 8º ano A); 3- Teatro: Frases de Charles Chaplin (Alisson 7º ano D); 4- Apresentação de dança (alunas do 9º ano C); 5- Teatro - Alice no País das Maravilhas (alunos dos 7º anos e 8º anos); 6- Barraca Maluca; 7- Apresentação da Ginástica Rítmica: “Fitas e Arcos” (alunos do 7º ano C); 8- Apresentação de dança (alunos do 8º ano A); 9- Apresentação Ginástica Rítmica Fitas (alunos 7º ano B); 10- Grupo Hip Hop (alunos dos 7º anos); 11- Apresentação Ginástica RÍtmica (alunos do 7º ano E); 13- Encenação: Vida de Aluno (aluna do 7º ano C); 14- Musical Triller (alunos dos 6º, 7º e 8º anos).
  • 148. PROTAGONISMO JUVENIL – INSTALAÇÕES LITERÁRIAS
  • 149. O JOVEM NÃO É PROBLEMA – O JOVEM É SOLUÇÃO!
  • 151. ENCENANDO ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS
  • 153. AUTORES DE NOSSAS INSTALAÇÕES LITERÁRIAS
  • 154. OBRAS SELECIONADAS PARA A INSTALAÇÃO LITERÁRIA
  • 156. CONCLUSÃO As apresentações foram montadas nas salas de aula pelos alunos do Ensino Médio e Ensino Fundamental II e preservaram o caráter literário de cada trabalho exposto. A escola criou as oportunidades de leitura e, com o empenho dos alunos, realizaram o evento. Os alunos capricharam nas produções, com muita criatividade e mãos de artistas. Explosão de conhecimento e criatividade - assim podemos definir as Instalações Literárias, confeccionadas e organizadas pelos alunos Através da colaboração entre os integrantes dos grupos, os alunos tiveram a oportunidade de mostrar o seu talento em ampla diversidade literária, motivados pela vontade de fazer e de aprender.