SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 12
Baixar para ler offline
UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO
FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS
CURSO DE BIBLIOTECONOMIA E GESTÃO DE UNIDADES DE
INFORMAÇÃO

Mesa Redonda
“Integração biblioteca-escola-comunidade: atividades
educacionais e culturais; dinamização do acervo”

A contação de histórias na Biblioteca Escolar:
um relato de experiência

Tatyanne Valdez
Bibliotecária do Colégio de Aplicação da UFRJ e
contadora de histórias
Rio de Janeiro
31 de janeiro de 2013
Como despertar na criança o gosto pela leitura?
O gosto pelo SABER?
Etmologia da palavra: do latim “Sapere” = ter SABOR, conhecer
através do paladar, ter gosto.

“Pois eu tenho uma idéia muito boa – disse Emília. – Fazer o livro
comestível”
[...]
“Nem precisaria mais pão, Emília! O velho pão viraria livro. O LivroPão, o Pão-Livro! Quem souber ler lê o livro e depois come; quem não
souber ler come-o só, sem ler. Desse modo o livro pode ter entrada em
todas as casas, seja dos sábios, seja dos analfabetos”.
(A reforma da natureza de Monteiro Lobato)

 A importância da biblioteca escolar e das atividades de
incentivo à leitura: A Contação de Histórias
Contar histórias proporciona:
 Despertar a imaginação;
Aguçar a curiosidade;
Obter conhecimento;
Contribuir para a memória e a atenção;
Aumentar o repertório literário;
Socialização e troca de saberes;
Interesse pela leitura.

O potencial do bibliotecário escolar que conta
histórias
Conforme Kuhlthau (2004, p. 50): a arte de ler, como a de contar
histórias, é adquirida através da experiência e da prática. É muito
mais do que uma interpretação inexpressiva, monótona do texto. A
leitura de histórias é semelhante à dramatização, na medida em que
estimula a imaginação do ouvinte. Os resultados fazem valer o
esforço despendido.
A Semana da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ - 2012

Contando histórias com o Kamishibai e ilustração de uma aluna

“O importante é motivar a criança para a leitura, para a aventura de ler”.
Ziraldo
DESPERTAR A IMAGINAÇÃO
A Semana da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ - 2012

ENTROSAMENTO E RELAÇÃO
AFETIVA

Contação de história com fantoche
de material reciclável
AUMENTO DO
REPERTÓRIO LITERÁRIO
Trabalho voluntário da equipe da Biblioteca do Cap/UFRJ
em Comemoração ao Dia das Crianças

Bibliotecárias:
Leni Rodriguez
Ana Lúcia Gonçalves
Tatyanne Valdez
DESPERTAR A CURIOSIDADE / ACOLHIMENTO

INTERESSE PELA LEITURA
Bibliotecário + Contação de histórias = perfil do bibliotecário de
biblioteca escolar

Minha participação no programa ABZ
do Ziraldo na TV Brasil
SOCIALIZAÇÃO
E TROCA DE SABERES

Contação de história em uma
classe de ensino cristão
Democratização do acesso ao livro e a leitura

A boneca Taty, Conta histórias no
evento Natal no Morro do Alemão.

Contando histórias no evento
“Chapéu com Poesia” da
Biblioteca Municipal de Rio
Claro.
Biblioteca - Escola - Comunidade

INTEGRAÇÃO / ACOLHIMENTO

Oficina Literária: O corpo fala
Escola Municipal na Ilha Grande

CONHECIMENTO

Projeto: Biblioteca vai à praia –
Biblioteca Municipal de Angra dos Reis
Biblioteca - Escola - Comunidade

Projeto: Biblioteca vai à praça – Biblioteca Municipal
de Angra dos Reis
REFERÊNCIAS

FERREIRA, António Gomes. Dicionário de português - latim. Lisboa: Porto
Editora, 1996.
KUHLTHAU, Carol. Como usar a biblioteca na escola: um programa de
atividades para o ensino fundamental. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2004.
LOBATO, Monteiro. A reforma da natureza. São Paulo: Brasiliense, 1994.
OBRIGADA!

Tatyanne Valdez

Tatyanne Valdez
biblioarte.valdez@gmail.com
http://bibliotecaearte.blogspot.com
http://diariodabiblioteca.blogspot.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Apresentação projeto leitura
Apresentação projeto leituraApresentação projeto leitura
Apresentação projeto leituraDirceliaprofa
 
Projeto literatura infantil
Projeto literatura infantilProjeto literatura infantil
Projeto literatura infantilShirley Costa
 
Projeto clássico infantil slides
Projeto clássico infantil slidesProjeto clássico infantil slides
Projeto clássico infantil slidesDeborah Bitinia
 
Teatro de fantoches como ferramenta pedagógica para o incentivo a leitura no ...
Teatro de fantoches como ferramenta pedagógica para o incentivo a leitura no ...Teatro de fantoches como ferramenta pedagógica para o incentivo a leitura no ...
Teatro de fantoches como ferramenta pedagógica para o incentivo a leitura no ...Esteban Arenillas
 
Projeto de Leitura e Dramatização
Projeto de Leitura e DramatizaçãoProjeto de Leitura e Dramatização
Projeto de Leitura e DramatizaçãoJuliana Soares
 
Projeto leitura terezinha
Projeto leitura   terezinhaProjeto leitura   terezinha
Projeto leitura terezinhasylvio
 
O CONTO “ESPELHO CRISTALINO” E A BRANCA DE NEVE NA TRADIÇÃO ORAL DE IRARÁ
O CONTO “ESPELHO CRISTALINO” E A BRANCA DE NEVE NA TRADIÇÃO ORAL DE IRARÁ O CONTO “ESPELHO CRISTALINO” E A BRANCA DE NEVE NA TRADIÇÃO ORAL DE IRARÁ
O CONTO “ESPELHO CRISTALINO” E A BRANCA DE NEVE NA TRADIÇÃO ORAL DE IRARÁ Portal Iraraense
 
A contação de histórias nas salas de aula
A contação de histórias nas salas de aulaA contação de histórias nas salas de aula
A contação de histórias nas salas de aulajvsartevisual
 
CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
CONTAÇÃO DE HISTÓRIASCONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
CONTAÇÃO DE HISTÓRIASPedagogo Santos
 
A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENS...
A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENS...A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENS...
A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENS...Rossita Figueira
 
Curso tecnologia na educação slid
Curso tecnologia na educação slidCurso tecnologia na educação slid
Curso tecnologia na educação slidanapaulamenegardo
 
Projeto pequenos leitores
Projeto pequenos leitoresProjeto pequenos leitores
Projeto pequenos leitoresnadigouvea
 
Plano de aula histórias infantis
Plano de aula  histórias infantisPlano de aula  histórias infantis
Plano de aula histórias infantiscassuriaga
 

Mais procurados (20)

Apresentação projeto leitura
Apresentação projeto leituraApresentação projeto leitura
Apresentação projeto leitura
 
Maleta+de+leitura
Maleta+de+leituraMaleta+de+leitura
Maleta+de+leitura
 
Projeto literatura infantil
Projeto literatura infantilProjeto literatura infantil
Projeto literatura infantil
 
Lobato viva 2010
Lobato viva  2010Lobato viva  2010
Lobato viva 2010
 
Projeto clássico infantil slides
Projeto clássico infantil slidesProjeto clássico infantil slides
Projeto clássico infantil slides
 
Teatro de fantoches como ferramenta pedagógica para o incentivo a leitura no ...
Teatro de fantoches como ferramenta pedagógica para o incentivo a leitura no ...Teatro de fantoches como ferramenta pedagógica para o incentivo a leitura no ...
Teatro de fantoches como ferramenta pedagógica para o incentivo a leitura no ...
 
Projeto de Leitura e Dramatização
Projeto de Leitura e DramatizaçãoProjeto de Leitura e Dramatização
Projeto de Leitura e Dramatização
 
Projeto leitura terezinha
Projeto leitura   terezinhaProjeto leitura   terezinha
Projeto leitura terezinha
 
O CONTO “ESPELHO CRISTALINO” E A BRANCA DE NEVE NA TRADIÇÃO ORAL DE IRARÁ
O CONTO “ESPELHO CRISTALINO” E A BRANCA DE NEVE NA TRADIÇÃO ORAL DE IRARÁ O CONTO “ESPELHO CRISTALINO” E A BRANCA DE NEVE NA TRADIÇÃO ORAL DE IRARÁ
O CONTO “ESPELHO CRISTALINO” E A BRANCA DE NEVE NA TRADIÇÃO ORAL DE IRARÁ
 
A contação de histórias nas salas de aula
A contação de histórias nas salas de aulaA contação de histórias nas salas de aula
A contação de histórias nas salas de aula
 
Lobato viva 2010
Lobato viva  2010Lobato viva  2010
Lobato viva 2010
 
CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
CONTAÇÃO DE HISTÓRIASCONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS
 
Projeto Contos
Projeto  ContosProjeto  Contos
Projeto Contos
 
A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENS...
A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENS...A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENS...
A CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS COMO ESTRATÉGIA PEDAGÓGICA NA EDUCAÇÃO INFANTIL E ENS...
 
Curso tecnologia na educação slid
Curso tecnologia na educação slidCurso tecnologia na educação slid
Curso tecnologia na educação slid
 
Projeto pequenos leitores
Projeto pequenos leitoresProjeto pequenos leitores
Projeto pequenos leitores
 
Solange projeto (2)
Solange projeto (2)Solange projeto (2)
Solange projeto (2)
 
Projeto Conta que eu conto
Projeto Conta que eu contoProjeto Conta que eu conto
Projeto Conta que eu conto
 
Projeto mala viajante tn 1
Projeto mala viajante tn 1Projeto mala viajante tn 1
Projeto mala viajante tn 1
 
Plano de aula histórias infantis
Plano de aula  histórias infantisPlano de aula  histórias infantis
Plano de aula histórias infantis
 

Destaque

Atividades da Biblioteca
Atividades da BibliotecaAtividades da Biblioteca
Atividades da BibliotecaMônica Inácio
 
Museu Goeldi Obras Raras
Museu Goeldi Obras RarasMuseu Goeldi Obras Raras
Museu Goeldi Obras RarasFrancileila
 
Bibliotecas escolares e universitárias
Bibliotecas escolares e universitáriasBibliotecas escolares e universitárias
Bibliotecas escolares e universitáriasdaianadelima
 
Como o Tutor Deve Gerenciar a Biblioteca do e-ProInfo
Como o Tutor Deve Gerenciar a Biblioteca do e-ProInfoComo o Tutor Deve Gerenciar a Biblioteca do e-ProInfo
Como o Tutor Deve Gerenciar a Biblioteca do e-ProInforichard_romancini
 
Arquivos Distritais-FAA-3ºano
Arquivos Distritais-FAA-3ºanoArquivos Distritais-FAA-3ºano
Arquivos Distritais-FAA-3ºanoCTDI Grupo5
 
Transformar as bibliotecas públicas portuguesas
Transformar as bibliotecas públicas portuguesasTransformar as bibliotecas públicas portuguesas
Transformar as bibliotecas públicas portuguesasBibliotecAtiva
 
Fernando henrique discurso na solenidade de inauguracao de ferrovia em curvel...
Fernando henrique discurso na solenidade de inauguracao de ferrovia em curvel...Fernando henrique discurso na solenidade de inauguracao de ferrovia em curvel...
Fernando henrique discurso na solenidade de inauguracao de ferrovia em curvel...Eliseu Padilha Deputado Federal
 
Biblioteca e desenvolvimento
Biblioteca e desenvolvimentoBiblioteca e desenvolvimento
Biblioteca e desenvolvimentoVanda Ferreira
 
Biblivremanualdeoperao
BiblivremanualdeoperaoBiblivremanualdeoperao
Biblivremanualdeoperaokarin
 
Turn it in: Lista de questões de Peer mark: Instrutor
Turn it in: Lista de questões de Peer mark: InstrutorTurn it in: Lista de questões de Peer mark: Instrutor
Turn it in: Lista de questões de Peer mark: InstrutorBiblioteca Unesp de Rio Claro
 
Informatização dos acervos das Bibliotecas do SMB - Denise Salgado
Informatização dos acervos das Bibliotecas do SMB - Denise SalgadoInformatização dos acervos das Bibliotecas do SMB - Denise Salgado
Informatização dos acervos das Bibliotecas do SMB - Denise SalgadoSistema Municipal de Bibliotecas
 
Relatório de avaliação da Biblioteca ESSPS - Domínio D
Relatório de avaliação da Biblioteca  ESSPS - Domínio DRelatório de avaliação da Biblioteca  ESSPS - Domínio D
Relatório de avaliação da Biblioteca ESSPS - Domínio DLurdes Meneses
 
Aplicações web 2
Aplicações web 2Aplicações web 2
Aplicações web 2Jorge Sousa
 
Tutorial seib serviço de empréstimo entre bibliotecas do sibiun
Tutorial seib   serviço de empréstimo entre bibliotecas do sibiunTutorial seib   serviço de empréstimo entre bibliotecas do sibiun
Tutorial seib serviço de empréstimo entre bibliotecas do sibiunBiblioteca Central
 
1 Desenvolvimento de coleções: introducao
1 Desenvolvimento de coleções: introducao1 Desenvolvimento de coleções: introducao
1 Desenvolvimento de coleções: introducaoLeticia Strehl
 

Destaque (20)

Atividades da Biblioteca
Atividades da BibliotecaAtividades da Biblioteca
Atividades da Biblioteca
 
Museu Goeldi Obras Raras
Museu Goeldi Obras RarasMuseu Goeldi Obras Raras
Museu Goeldi Obras Raras
 
Bibliotecas escolares e universitárias
Bibliotecas escolares e universitáriasBibliotecas escolares e universitárias
Bibliotecas escolares e universitárias
 
Joomla simples funcional
Joomla simples funcionalJoomla simples funcional
Joomla simples funcional
 
Open biblio
Open biblioOpen biblio
Open biblio
 
Como o Tutor Deve Gerenciar a Biblioteca do e-ProInfo
Como o Tutor Deve Gerenciar a Biblioteca do e-ProInfoComo o Tutor Deve Gerenciar a Biblioteca do e-ProInfo
Como o Tutor Deve Gerenciar a Biblioteca do e-ProInfo
 
Arquivos Distritais-FAA-3ºano
Arquivos Distritais-FAA-3ºanoArquivos Distritais-FAA-3ºano
Arquivos Distritais-FAA-3ºano
 
Transformar as bibliotecas públicas portuguesas
Transformar as bibliotecas públicas portuguesasTransformar as bibliotecas públicas portuguesas
Transformar as bibliotecas públicas portuguesas
 
Fernando henrique discurso na solenidade de inauguracao de ferrovia em curvel...
Fernando henrique discurso na solenidade de inauguracao de ferrovia em curvel...Fernando henrique discurso na solenidade de inauguracao de ferrovia em curvel...
Fernando henrique discurso na solenidade de inauguracao de ferrovia em curvel...
 
Biblioteca e desenvolvimento
Biblioteca e desenvolvimentoBiblioteca e desenvolvimento
Biblioteca e desenvolvimento
 
Treinamento graduação
Treinamento graduaçãoTreinamento graduação
Treinamento graduação
 
Biblivremanualdeoperao
BiblivremanualdeoperaoBiblivremanualdeoperao
Biblivremanualdeoperao
 
Turn it in: Lista de questões de Peer mark: Instrutor
Turn it in: Lista de questões de Peer mark: InstrutorTurn it in: Lista de questões de Peer mark: Instrutor
Turn it in: Lista de questões de Peer mark: Instrutor
 
Informatização dos acervos das Bibliotecas do SMB - Denise Salgado
Informatização dos acervos das Bibliotecas do SMB - Denise SalgadoInformatização dos acervos das Bibliotecas do SMB - Denise Salgado
Informatização dos acervos das Bibliotecas do SMB - Denise Salgado
 
Relatório de avaliação da Biblioteca ESSPS - Domínio D
Relatório de avaliação da Biblioteca  ESSPS - Domínio DRelatório de avaliação da Biblioteca  ESSPS - Domínio D
Relatório de avaliação da Biblioteca ESSPS - Domínio D
 
Biblivre
 Biblivre Biblivre
Biblivre
 
Aplicações web 2
Aplicações web 2Aplicações web 2
Aplicações web 2
 
Tutorial seib serviço de empréstimo entre bibliotecas do sibiun
Tutorial seib   serviço de empréstimo entre bibliotecas do sibiunTutorial seib   serviço de empréstimo entre bibliotecas do sibiun
Tutorial seib serviço de empréstimo entre bibliotecas do sibiun
 
1 Desenvolvimento de coleções: introducao
1 Desenvolvimento de coleções: introducao1 Desenvolvimento de coleções: introducao
1 Desenvolvimento de coleções: introducao
 
Biblioteca básico
Biblioteca básicoBiblioteca básico
Biblioteca básico
 

Semelhante a O Bibliotecário e a contação de histórias na biblioteca escolar

Tessituras: apresentação de Rosane Castro
Tessituras: apresentação de Rosane CastroTessituras: apresentação de Rosane Castro
Tessituras: apresentação de Rosane CastroAna Paula Cecato
 
ABiblioteca Escolar e a família como promotoras da Leitura
ABiblioteca Escolar e a família como promotoras da LeituraABiblioteca Escolar e a família como promotoras da Leitura
ABiblioteca Escolar e a família como promotoras da LeituraBE Lorosae
 
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011_2012
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011_2012Biblioteca Escolar na revista Hera 2011_2012
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011_2012Bibliotecas Rosa Ramalho
 
Literatura na educação infantil
Literatura na educação infantilLiteratura na educação infantil
Literatura na educação infantilJacqueline Campos
 
Atps -literatura_infantil
Atps  -literatura_infantilAtps  -literatura_infantil
Atps -literatura_infantilmkbariotto
 
Projeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola LêProjeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola LêCirlei Santos
 
Atps história e geografia
Atps história e geografiaAtps história e geografia
Atps história e geografiaPaulo Wanderson
 
Atps literatura infantil oficial
Atps literatura infantil oficialAtps literatura infantil oficial
Atps literatura infantil oficialRegina Gidzinski
 

Semelhante a O Bibliotecário e a contação de histórias na biblioteca escolar (20)

A traça Teca
A traça TecaA traça Teca
A traça Teca
 
Agenda Janeiro 2011(2)
Agenda Janeiro 2011(2)Agenda Janeiro 2011(2)
Agenda Janeiro 2011(2)
 
Agenda janeiro 2011
Agenda janeiro 2011Agenda janeiro 2011
Agenda janeiro 2011
 
Tessituras: apresentação de Rosane Castro
Tessituras: apresentação de Rosane CastroTessituras: apresentação de Rosane Castro
Tessituras: apresentação de Rosane Castro
 
ABiblioteca Escolar e a família como promotoras da Leitura
ABiblioteca Escolar e a família como promotoras da LeituraABiblioteca Escolar e a família como promotoras da Leitura
ABiblioteca Escolar e a família como promotoras da Leitura
 
Agenda junho 2010
Agenda junho 2010Agenda junho 2010
Agenda junho 2010
 
Agenda junho 2010
Agenda junho 2010Agenda junho 2010
Agenda junho 2010
 
Agenda Junho 2010
Agenda Junho 2010Agenda Junho 2010
Agenda Junho 2010
 
Biblioteca na revista Hera
Biblioteca na revista HeraBiblioteca na revista Hera
Biblioteca na revista Hera
 
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011_2012
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011_2012Biblioteca Escolar na revista Hera 2011_2012
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011_2012
 
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011Biblioteca Escolar na revista Hera 2011
Biblioteca Escolar na revista Hera 2011
 
Literatura na educação infantil
Literatura na educação infantilLiteratura na educação infantil
Literatura na educação infantil
 
Adriana franciellen erika
Adriana  franciellen erikaAdriana  franciellen erika
Adriana franciellen erika
 
Atps -literatura_infantil
Atps  -literatura_infantilAtps  -literatura_infantil
Atps -literatura_infantil
 
Agenda julho 2011
Agenda julho 2011 Agenda julho 2011
Agenda julho 2011
 
Projeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola LêProjeto de Leitura: Minha Escola Lê
Projeto de Leitura: Minha Escola Lê
 
Atps história e geografia
Atps história e geografiaAtps história e geografia
Atps história e geografia
 
Atps literatura infantil oficial
Atps literatura infantil oficialAtps literatura infantil oficial
Atps literatura infantil oficial
 
Revista ZN - Outubro/2016
Revista ZN - Outubro/2016Revista ZN - Outubro/2016
Revista ZN - Outubro/2016
 
Agenda biblioteca julho 2010
Agenda biblioteca julho 2010Agenda biblioteca julho 2010
Agenda biblioteca julho 2010
 

Mais de Tatyanne Valdez

Oficina: A arte de contar histórias na biblioteca
Oficina: A arte de contar histórias na bibliotecaOficina: A arte de contar histórias na biblioteca
Oficina: A arte de contar histórias na bibliotecaTatyanne Valdez
 
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...Tatyanne Valdez
 
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...Tatyanne Valdez
 
II Sicea Inter-regional Sul-Sudeste e IV Jornada Acadêmica do CAp/UFRJ
II Sicea Inter-regional Sul-Sudeste e IV Jornada Acadêmica do CAp/UFRJII Sicea Inter-regional Sul-Sudeste e IV Jornada Acadêmica do CAp/UFRJ
II Sicea Inter-regional Sul-Sudeste e IV Jornada Acadêmica do CAp/UFRJTatyanne Valdez
 
Mediação da leitura e da informação nas bibliotecas escolares dos Colégios de...
Mediação da leitura e da informação nas bibliotecas escolares dos Colégios de...Mediação da leitura e da informação nas bibliotecas escolares dos Colégios de...
Mediação da leitura e da informação nas bibliotecas escolares dos Colégios de...Tatyanne Valdez
 
A arte de contar histórias na biblioteca escolar
A arte de contar histórias na biblioteca escolarA arte de contar histórias na biblioteca escolar
A arte de contar histórias na biblioteca escolarTatyanne Valdez
 
Competência em Informação na Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
Competência em Informação na Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJCompetência em Informação na Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
Competência em Informação na Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJTatyanne Valdez
 
Cbbd 2015 biblioteca escolar e projeto pedagogico
Cbbd 2015 biblioteca escolar e projeto pedagogicoCbbd 2015 biblioteca escolar e projeto pedagogico
Cbbd 2015 biblioteca escolar e projeto pedagogicoTatyanne Valdez
 
CBBD v ciranda literária - ppt final
CBBD v ciranda literária - ppt finalCBBD v ciranda literária - ppt final
CBBD v ciranda literária - ppt finalTatyanne Valdez
 
Os Colégios de Aplicação e a mediação da leitura e da informação na bibliotec...
Os Colégios de Aplicação e a mediação da leitura e da informação na bibliotec...Os Colégios de Aplicação e a mediação da leitura e da informação na bibliotec...
Os Colégios de Aplicação e a mediação da leitura e da informação na bibliotec...Tatyanne Valdez
 
Ações educativas da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
Ações educativas da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ Ações educativas da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
Ações educativas da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ Tatyanne Valdez
 
Ações educativas do Bibliotecário
Ações educativas do BibliotecárioAções educativas do Bibliotecário
Ações educativas do BibliotecárioTatyanne Valdez
 
Relato de experiência do Curso de Formação de Tutores em EAD da UFRJ
Relato de experiência do Curso de Formação de Tutores em EAD da UFRJRelato de experiência do Curso de Formação de Tutores em EAD da UFRJ
Relato de experiência do Curso de Formação de Tutores em EAD da UFRJTatyanne Valdez
 
As cinco leis da biblioteconomia
As cinco leis da biblioteconomiaAs cinco leis da biblioteconomia
As cinco leis da biblioteconomiaTatyanne Valdez
 
Biblioteconomia e interculturalismo
Biblioteconomia e interculturalismoBiblioteconomia e interculturalismo
Biblioteconomia e interculturalismoTatyanne Valdez
 

Mais de Tatyanne Valdez (15)

Oficina: A arte de contar histórias na biblioteca
Oficina: A arte de contar histórias na bibliotecaOficina: A arte de contar histórias na biblioteca
Oficina: A arte de contar histórias na biblioteca
 
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
 
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
Comunidades de prática online para as bibliotecas dos Colégios de Aplicação d...
 
II Sicea Inter-regional Sul-Sudeste e IV Jornada Acadêmica do CAp/UFRJ
II Sicea Inter-regional Sul-Sudeste e IV Jornada Acadêmica do CAp/UFRJII Sicea Inter-regional Sul-Sudeste e IV Jornada Acadêmica do CAp/UFRJ
II Sicea Inter-regional Sul-Sudeste e IV Jornada Acadêmica do CAp/UFRJ
 
Mediação da leitura e da informação nas bibliotecas escolares dos Colégios de...
Mediação da leitura e da informação nas bibliotecas escolares dos Colégios de...Mediação da leitura e da informação nas bibliotecas escolares dos Colégios de...
Mediação da leitura e da informação nas bibliotecas escolares dos Colégios de...
 
A arte de contar histórias na biblioteca escolar
A arte de contar histórias na biblioteca escolarA arte de contar histórias na biblioteca escolar
A arte de contar histórias na biblioteca escolar
 
Competência em Informação na Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
Competência em Informação na Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJCompetência em Informação na Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
Competência em Informação na Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
 
Cbbd 2015 biblioteca escolar e projeto pedagogico
Cbbd 2015 biblioteca escolar e projeto pedagogicoCbbd 2015 biblioteca escolar e projeto pedagogico
Cbbd 2015 biblioteca escolar e projeto pedagogico
 
CBBD v ciranda literária - ppt final
CBBD v ciranda literária - ppt finalCBBD v ciranda literária - ppt final
CBBD v ciranda literária - ppt final
 
Os Colégios de Aplicação e a mediação da leitura e da informação na bibliotec...
Os Colégios de Aplicação e a mediação da leitura e da informação na bibliotec...Os Colégios de Aplicação e a mediação da leitura e da informação na bibliotec...
Os Colégios de Aplicação e a mediação da leitura e da informação na bibliotec...
 
Ações educativas da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
Ações educativas da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ Ações educativas da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
Ações educativas da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ
 
Ações educativas do Bibliotecário
Ações educativas do BibliotecárioAções educativas do Bibliotecário
Ações educativas do Bibliotecário
 
Relato de experiência do Curso de Formação de Tutores em EAD da UFRJ
Relato de experiência do Curso de Formação de Tutores em EAD da UFRJRelato de experiência do Curso de Formação de Tutores em EAD da UFRJ
Relato de experiência do Curso de Formação de Tutores em EAD da UFRJ
 
As cinco leis da biblioteconomia
As cinco leis da biblioteconomiaAs cinco leis da biblioteconomia
As cinco leis da biblioteconomia
 
Biblioteconomia e interculturalismo
Biblioteconomia e interculturalismoBiblioteconomia e interculturalismo
Biblioteconomia e interculturalismo
 

Último

O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaHenrique Santos
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfPastor Robson Colaço
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.HandersonFabio
 
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptxCONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptxLuana240603
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....LuizHenriquedeAlmeid6
 
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAHISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAElianeAlves383563
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfMaiteFerreira4
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfandreaLisboa7
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxIlda Bicacro
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"Ilda Bicacro
 
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxMovimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxmariiiaaa1290
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosFernanda Ledesma
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxpatriciapedroso82
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfmaria794949
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroBrenda Fritz
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteIpdaWellington
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisIlda Bicacro
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfssuser06ee57
 

Último (20)

O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdfManual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
Manual dos Principio básicos do Relacionamento e sexologia humana .pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptxCONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio  ead.pptx
CONCORDÂNCIA NOMINAL atividade ensino médio ead.pptx
 
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
Slides Lição 8, Central Gospel, Os 144 Mil Que Não Se Curvarão Ao Anticristo....
 
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIAHISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
HISTORIA DA XILOGRAVURA A SUA IMPORTANCIA
 
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdfEnunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
Enunciado_da_Avaliacao_1__Sistemas_de_Informacoes_Gerenciais_(IL60106).pdf
 
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdfanálise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
análise obra Nós matamos o cão Tinhoso.pdf
 
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdfHistoria-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
Historia-em-cartaz-Lucas-o-menino-que-aprendeu-a-comer-saudavel- (1).pdf
 
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptxEB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
EB1 Cumeada Co(n)Vida à Leitura - Livros à Solta_Serta.pptx
 
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã""Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
"Nós Propomos! Mobilidade sustentável na Sertã"
 
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptxMovimento Negro Unificado , slide completo.pptx
Movimento Negro Unificado , slide completo.pptx
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptxSismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
Sismologia_7ºano_causas e consequencias.pptx
 
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdfAtividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
Atividade do poema sobre mãe de mário quintana.pdf
 
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livroMeu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
Meu corpo - Ruth Rocha e Anna Flora livro
 
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescenteAbuso Sexual da Criança e do adolescente
Abuso Sexual da Criança e do adolescente
 
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos AnimaisNós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
Nós Propomos! Canil/Gatil na Sertã - Amigos dos Animais
 
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdfprova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
prova do exame nacional Port. 2008 - 2ª fase - Criterios.pdf
 

O Bibliotecário e a contação de histórias na biblioteca escolar

  • 1. UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO DE JANEIRO FACULDADE DE ADMINISTRAÇÃO E CIÊNCIAS CONTÁBEIS CURSO DE BIBLIOTECONOMIA E GESTÃO DE UNIDADES DE INFORMAÇÃO Mesa Redonda “Integração biblioteca-escola-comunidade: atividades educacionais e culturais; dinamização do acervo” A contação de histórias na Biblioteca Escolar: um relato de experiência Tatyanne Valdez Bibliotecária do Colégio de Aplicação da UFRJ e contadora de histórias Rio de Janeiro 31 de janeiro de 2013
  • 2. Como despertar na criança o gosto pela leitura? O gosto pelo SABER? Etmologia da palavra: do latim “Sapere” = ter SABOR, conhecer através do paladar, ter gosto. “Pois eu tenho uma idéia muito boa – disse Emília. – Fazer o livro comestível” [...] “Nem precisaria mais pão, Emília! O velho pão viraria livro. O LivroPão, o Pão-Livro! Quem souber ler lê o livro e depois come; quem não souber ler come-o só, sem ler. Desse modo o livro pode ter entrada em todas as casas, seja dos sábios, seja dos analfabetos”. (A reforma da natureza de Monteiro Lobato)  A importância da biblioteca escolar e das atividades de incentivo à leitura: A Contação de Histórias
  • 3. Contar histórias proporciona:  Despertar a imaginação; Aguçar a curiosidade; Obter conhecimento; Contribuir para a memória e a atenção; Aumentar o repertório literário; Socialização e troca de saberes; Interesse pela leitura. O potencial do bibliotecário escolar que conta histórias Conforme Kuhlthau (2004, p. 50): a arte de ler, como a de contar histórias, é adquirida através da experiência e da prática. É muito mais do que uma interpretação inexpressiva, monótona do texto. A leitura de histórias é semelhante à dramatização, na medida em que estimula a imaginação do ouvinte. Os resultados fazem valer o esforço despendido.
  • 4. A Semana da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ - 2012 Contando histórias com o Kamishibai e ilustração de uma aluna “O importante é motivar a criança para a leitura, para a aventura de ler”. Ziraldo DESPERTAR A IMAGINAÇÃO
  • 5. A Semana da Biblioteca do Colégio de Aplicação da UFRJ - 2012 ENTROSAMENTO E RELAÇÃO AFETIVA Contação de história com fantoche de material reciclável AUMENTO DO REPERTÓRIO LITERÁRIO
  • 6. Trabalho voluntário da equipe da Biblioteca do Cap/UFRJ em Comemoração ao Dia das Crianças Bibliotecárias: Leni Rodriguez Ana Lúcia Gonçalves Tatyanne Valdez DESPERTAR A CURIOSIDADE / ACOLHIMENTO INTERESSE PELA LEITURA
  • 7. Bibliotecário + Contação de histórias = perfil do bibliotecário de biblioteca escolar Minha participação no programa ABZ do Ziraldo na TV Brasil SOCIALIZAÇÃO E TROCA DE SABERES Contação de história em uma classe de ensino cristão
  • 8. Democratização do acesso ao livro e a leitura A boneca Taty, Conta histórias no evento Natal no Morro do Alemão. Contando histórias no evento “Chapéu com Poesia” da Biblioteca Municipal de Rio Claro.
  • 9. Biblioteca - Escola - Comunidade INTEGRAÇÃO / ACOLHIMENTO Oficina Literária: O corpo fala Escola Municipal na Ilha Grande CONHECIMENTO Projeto: Biblioteca vai à praia – Biblioteca Municipal de Angra dos Reis
  • 10. Biblioteca - Escola - Comunidade Projeto: Biblioteca vai à praça – Biblioteca Municipal de Angra dos Reis
  • 11. REFERÊNCIAS FERREIRA, António Gomes. Dicionário de português - latim. Lisboa: Porto Editora, 1996. KUHLTHAU, Carol. Como usar a biblioteca na escola: um programa de atividades para o ensino fundamental. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2004. LOBATO, Monteiro. A reforma da natureza. São Paulo: Brasiliense, 1994.