SlideShare uma empresa Scribd logo
Gerenciamento de Projetos Web
        Claudio Barbosa
Gerenciamento de Projetos

• Introdução
Gerenciamento de projetos ou ainda administração de
projetos é a aplicação de conhecimentos, habilidades e
técnicas na elaboração de atividades relacionadas para
atingir um conjunto de objetivos pré-definidos, num certo
prazo, com um certo custo e qualidade, através da
mobilização de recursos técnicos e humanos.
Existem vários métodos de gerenciamento de projetos
como:
RUP, SCRUM e PMBOK
Gerenciamento de Projetos Web

         PMBOK
Gerenciamento de Projetos

• O que é projeto?
Para o PMBOK, projeto é um esforço temporário para
criar um serviço ou produto ou resultado exclusivo. Para
tal necessita de objetivos claros, parâmetros de medição ,
datas de início e término que atendam os requisitos das
partes interessadas.
Gerenciamento de Projetos

• Introdução

                         projeto




    temporário         progressivo             único

    Todo projeto tem   As características     O produto ou
      inicio e fim      do projeto são      serviço gerado é
       definidos        detalhadas na       diferente sempre
                       medida em que é
                            maior o
                        entendimento
Gerenciamento de Projetos

• PMBOK
Gerenciamento de Projetos

• PMBOK
O Project Management Body of Knowledge, também
conhecido como PMBOK® é um conjunto de práticas em
gerência de projetos levantado pelo Project Management
Institute (PMI) e constituem a base da metodologia de
gerência de projetos do PMI. Estas práticas são
compiladas na forma de um guia, chamado de Guia do
Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de
Projetos, ou Guia PMBOK.
Gerenciamento de Projetos

• Portfólio
Portfólio é uma carteira de projetos, na verdade é o conjunto de todos
os projetos de um setor ou da empresa toda. Cada projeto pode ou
não fazer parte de um programa.


• Programa
Programa é um grupo de projetos gerenciados de forma coordenada, com o
objetivo de obter benefícios muito difíceis de serem alcançados se
gerenciados isoladamente. Um programa de qualidade total é um exemplo, a
natureza ou produto final dos projetos podem ser bastante distintos.
Gerenciamento de Projetos Web

     Stakeholders
Gerenciamento de Projetos

• Stakeholders
Stakeholders refere-se às partes interessadas do projeto,
que podem ser pessoas, grupos ou mesmo outras
empresas, cujos interesses podem ser afetados
diretamente de forma positiva ou negativa com a
execução e conclusão do projeto. Eles com certeza
exercem influência sobre o projeto e seus resultados. A
equipe de gerenciamento deve identificar os stakeholders,
determinar suas necessidades e gerenciar isto, o
resultado final seria um projeto bem-sucedido.
Gerenciamento de Projetos

• Principais Stakeholders
•   Gerente do Projeto: Responsável pelo gerenciamento do projeto
•   Cliente: Pessoa ou organização que solicitou ou contratou o projeto
•   Membros da equipe: Pessoas que formam a equipe que desenvolverá o
    projeto
•   Organização executora: Empresa em que o projeto está sendo executado
•   Patrocinador ou Sponsor: Pessoa ou grupo de dentro ou fora da
    empresa que fornece os recursos financeiros e institucionais para a
    execução do projeto
•   Usuário: Pessoa ou organização que irá utilizar o produto ou serviço
Gerenciamento de Projetos

• Gerenciamento de Projetos
É um ramo da Ciência da Administração que trata da iniciação,
planejamento, execução, controle e fechamento de projetos.
Envolve a aplicação de conhecimento, habilidades, ferramentas e
técnicas às atividades do projeto com intuito de atender seus
objetivos.
Sua aplicação ao longo de todo o trabalho permite avaliação do
desempenho, aprendizado contínuo. O gerente de projetos é a pessoa
responsável pela realização dos objetivos do projeto.
Gerenciamento de Projetos

• Gerente de Projetos
O gerente do projeto ideal deve possuir habilidades gerenciais
(liderança, decisão, comunicação, capacidade de influenciar pessoas,
negociação, resolução de conflitos etc.), conhecimento gerencial
(técnicas de gerenciamento de projetos e liderança de pessoas),
conhecimento técnico dos produtos a serem produzidos, e
conhecimento da organização onde o projeto será executado (cultura
organizacional, pessoas chave etc).


O gerente de projetos não necessita ser um especialista na área
técnica do projeto. Porém em projetos de pequeno vulto, esta
experiência pode ser um diferencial.
Gerenciamento de Projetos
• Gerente de Projetos
Em um grande projeto, por meio de sua capacitação gerencial e da
contribuição de uma boa e competente equipe, o gerente tem plenas
condições de obter sucesso. Assim sendo, os gerentes são, de modo
freqüente, chamados a gerenciar e coordenar o trabalho de
especialistas cujas atividades e níveis de conhecimento não se
encaixam na sua própria especialização (equipes multidisciplinares).
Tanto em casos como esses como em outras situações, o gerente
precisa entender que os projetos não são realizados por pessoas que
trabalham isoladamente, e sim por equipes de pessoas competentes
e motivadas. Porém ao delegar competências na equipe, o gerente
está delegando autoridade e não responsabilidade. Assim é
necessário que o acompanhamento das ações seja feito pelo gerente
do projeto.
Gerenciamento de Projetos Web

Grupo de Processos
Gerenciamento de Projetos

• Grupo de Processos
• Processos de Iniciação – autorização do projeto ou fase
• Processos de Planejamento – são processos iterativos de
  definição e refinamento de objetivos e seleção dos melhores
  caminhos para atingir os objetivos.
• Processos de Execução – execução dos planos do projeto:
  coordenação de pessoas e outros recursos para executar o plano
Gerenciamento de Projetos

• Grupo de Processos
• Processos de Monitoramento e Controle – medição e
  monitoramento do desempenho do projeto. Garantem que os
  objetivos do projeto são alcançados através do monitoramento e
  medição regular do progresso, de modo que ações corretivas
  possam ser tomadas quando necessário.
• Processos de Fechamento – aceitação formal do projeto (com
  verificação de escopo) ou fase para a sua finalização.
Gerenciamento de Projetos

• Grupo de Processos
Os grupos de processo são ligados pelos resultados que produzem: o
resultado de um processo frequentemente é a entrada de outro. Os
cinco grupos de processos possuem conjuntos de ações que levam o
projeto adiante, em direção ao seu término.
Gerenciamento de Projetos

• Grupo de Processos
Gerenciamento de Projetos

• Grupo de Processos
As atividades no caminho crítico são monitoradas ativamente quanto
a deslizes, enquanto os deslizes nas atividades do caminho não crítico
são verificados periodicamente.
Repetir os processos de iniciação antes da execução de cada fase é
uma maneira de se avaliar se o projeto continua cumprindo as
necessidades de negócio. Envolver as partes interessadas no projeto
em cada uma das fases é uma maneira de aumentar as
probabilidades de satisfação dos requisitos do cliente, além de servir
para fazê-los sentirem-se envolvidos no projeto – o que muitas vezes
é essencial para o sucesso do mesmo.
Gerenciamento de Projetos

• Caminho Critico
Gerenciamento de Projetos

• Grupo de Processos
O gerente de projetos precisa monitorar e comunicar o desempenho
do projeto. Os resultados do trabalho que estiverem abaixo de um
nível de desempenho aceitável precisam ser ajustados com ações
corretivas para que o projeto volte a estar em conformidade com as
linhas de base de custo, prazo e escopo. A comunicação do
desempenho do projeto é um dos principais elementos para o
gerenciamento de projetos bem sucedido.
Gerenciamento de Projetos

• Interações de Processos
Dentro de cada grupo de processos, os processos individuais podem
ser ligados pelas suas entradas (inputs) e saídas (outputs). Focando
nessas ligações, podemos descrever cada processo nos termos de
seus:
Entradas (inputs)– documentos ou itens que serão trabalhados pelo
processo
Ferramentas e técnicas – mecanismos aplicados aos inputs para
criar os outputs
Saídas (outputs)– documentos ou itens que serão o resultado final do
processo.
Gerenciamento de Projetos

• Interações de Processos
Esses três componentes de processo transformam decisões,
condições, planos e reações em condições e progresso. A saída de
um processo geralmente é a entrada para outro. Dentro de cada
processo, as ferramentas e técnicas usadas num processo orientam e
influenciam a sua saída. Uma saída com falhas pode comprometer a
entrada de processos dependentes.
Os processos podem ser, até certo ponto, customizáveis
(personalizados) a cada projeto. Podem ser modificados, ou até
excluídos, para melhor atender as particularidades de dado projeto.
No entanto, essas modificações devem ser feitas criteriosamente.
Gerenciamento de Projetos

• Interações de Processos
Gerenciamento de Projetos Web

      Continua...
Gerenciamento de Projetos Web

       5ª Edição
            Draft
Gerenciamento de Projetos

• Gerenciamento das Partes Interessadas do
  projeto

Descreve os processos requeridos para a gestão de
envolvimento das partes interessadas




                                                PMBOK 5th Edition
Gerenciamento de Projetos

• Gerenciamento das Partes Interessadas do
  projeto
1. Identificar as partes interessadas
2. Planejar o Gerenciamento das partes interessadas
3. Planejar o Envolvimento das partes interessadas
4. Controlar o envolvimento das partes interessadas



                                                 PMBOK 5th Edition
Gerenciamento de projetos   #1

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Ferramentas de Gerência de Projetos
Ferramentas de Gerência de ProjetosFerramentas de Gerência de Projetos
Ferramentas de Gerência de Projetos
Cloves Moreira Junior
 
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOKGerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Claudio Barbosa
 
Ciclo de vida de um projeto
Ciclo de vida de um projetoCiclo de vida de um projeto
Ciclo de vida de um projeto
Wellington Oliveira
 
Aula05 - Metodologias Ágeis
Aula05 - Metodologias ÁgeisAula05 - Metodologias Ágeis
Aula05 - Metodologias Ágeis
Daniela Brauner
 
Metodologia Ágil
Metodologia ÁgilMetodologia Ágil
Metodologia Ágil
Alex Vieira, MBA
 
Gerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosGerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetos
Júnior Rodrigues
 
Gerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - IniciaçãoGerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - Iniciação
Paulo Junior
 
Treinamento em gestão de projetos
Treinamento em gestão de projetosTreinamento em gestão de projetos
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
Synergia - Engenharia de Software e Sistemas
 
Aula01 Gerência de Projetos - Conceitos e áreas de conhecimento do PMBOK
Aula01 Gerência de Projetos - Conceitos e áreas de conhecimento do PMBOKAula01 Gerência de Projetos - Conceitos e áreas de conhecimento do PMBOK
Aula01 Gerência de Projetos - Conceitos e áreas de conhecimento do PMBOK
Daniela Brauner
 
Gestão de projetos baseada no estudo de casos
Gestão de projetos baseada no estudo de casosGestão de projetos baseada no estudo de casos
Gestão de projetos baseada no estudo de casos
Eduardo Longo
 
Gestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasGestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e Ferramentas
Nei Grando
 
PMBOK
PMBOKPMBOK
Gestão de projetos
Gestão de projetosGestão de projetos
Gestão de projetos
Clayton Oliveira
 
gerenciamento projetos
gerenciamento projetosgerenciamento projetos
gerenciamento projetos
oleinik
 
Gestão da qualidade
Gestão da qualidadeGestão da qualidade
Gestão da qualidade
Giovana Noskoski Bianchini
 
Gestão da qualidade: operações de produção e de serviços
Gestão da qualidade: operações de produção e de serviçosGestão da qualidade: operações de produção e de serviços
Gestão da qualidade: operações de produção e de serviços
BWS Contabilidade, Consultoria e Perícias
 
Gerenciamento do Escopo em Projetos
Gerenciamento do Escopo em ProjetosGerenciamento do Escopo em Projetos
Gerenciamento do Escopo em Projetos
Mauro Sotille, MBA, PMP
 
Pmbok
PmbokPmbok
Pmbok
lcbj
 
Gerenciamento de escopo PMBOK
Gerenciamento de escopo PMBOKGerenciamento de escopo PMBOK
Gerenciamento de escopo PMBOK
Pedro Victor de Almeida Lopes
 

Mais procurados (20)

Ferramentas de Gerência de Projetos
Ferramentas de Gerência de ProjetosFerramentas de Gerência de Projetos
Ferramentas de Gerência de Projetos
 
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOKGerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
Gerenciamento de Projetos - Disciplinas PMBOK
 
Ciclo de vida de um projeto
Ciclo de vida de um projetoCiclo de vida de um projeto
Ciclo de vida de um projeto
 
Aula05 - Metodologias Ágeis
Aula05 - Metodologias ÁgeisAula05 - Metodologias Ágeis
Aula05 - Metodologias Ágeis
 
Metodologia Ágil
Metodologia ÁgilMetodologia Ágil
Metodologia Ágil
 
Gerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetosGerenciamento de integração de projetos
Gerenciamento de integração de projetos
 
Gerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - IniciaçãoGerenciamento de projetos - Iniciação
Gerenciamento de projetos - Iniciação
 
Treinamento em gestão de projetos
Treinamento em gestão de projetosTreinamento em gestão de projetos
Treinamento em gestão de projetos
 
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
Introdução a gerenciamento de projetos e PMBoK®
 
Aula01 Gerência de Projetos - Conceitos e áreas de conhecimento do PMBOK
Aula01 Gerência de Projetos - Conceitos e áreas de conhecimento do PMBOKAula01 Gerência de Projetos - Conceitos e áreas de conhecimento do PMBOK
Aula01 Gerência de Projetos - Conceitos e áreas de conhecimento do PMBOK
 
Gestão de projetos baseada no estudo de casos
Gestão de projetos baseada no estudo de casosGestão de projetos baseada no estudo de casos
Gestão de projetos baseada no estudo de casos
 
Gestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e FerramentasGestão de Projetos e Ferramentas
Gestão de Projetos e Ferramentas
 
PMBOK
PMBOKPMBOK
PMBOK
 
Gestão de projetos
Gestão de projetosGestão de projetos
Gestão de projetos
 
gerenciamento projetos
gerenciamento projetosgerenciamento projetos
gerenciamento projetos
 
Gestão da qualidade
Gestão da qualidadeGestão da qualidade
Gestão da qualidade
 
Gestão da qualidade: operações de produção e de serviços
Gestão da qualidade: operações de produção e de serviçosGestão da qualidade: operações de produção e de serviços
Gestão da qualidade: operações de produção e de serviços
 
Gerenciamento do Escopo em Projetos
Gerenciamento do Escopo em ProjetosGerenciamento do Escopo em Projetos
Gerenciamento do Escopo em Projetos
 
Pmbok
PmbokPmbok
Pmbok
 
Gerenciamento de escopo PMBOK
Gerenciamento de escopo PMBOKGerenciamento de escopo PMBOK
Gerenciamento de escopo PMBOK
 

Semelhante a Gerenciamento de projetos #1

Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico GonzalesGestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Marcus Vinícius Godinho, MBA BPM
 
Modulo 002- Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Modulo 002- Fundamentos do Gerenciamento de ProjetosModulo 002- Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Modulo 002- Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Instituto de Capacitação Business School Brasil - BSB
 
Revisao 2
Revisao 2Revisao 2
Revisao 2
Ariel Guareschi
 
Palestra Gerencia de Projetos
Palestra Gerencia de ProjetosPalestra Gerencia de Projetos
Palestra Gerencia de Projetos
romulo-ca-nunes
 
Noções de Administração: Gestão de Projetos (aula 5)
Noções de Administração: Gestão de Projetos  (aula 5)Noções de Administração: Gestão de Projetos  (aula 5)
Noções de Administração: Gestão de Projetos (aula 5)
Gustavo Zimmermann
 
Gerenciamento de projetos apostila completa
Gerenciamento de projetos   apostila completaGerenciamento de projetos   apostila completa
Gerenciamento de projetos apostila completa
Paulo Junior
 
Conceitos basicos
Conceitos basicosConceitos basicos
Conceitos basicos
Wescley Sena
 
Iniciação em Projetos
Iniciação em ProjetosIniciação em Projetos
Iniciação em Projetos
Felipe Meira
 
Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1
Adson Cunha, MSc, PMP®
 
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
Paulo Junior
 
Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos
Benedito Leão
 
PMO Milano
PMO MilanoPMO Milano
PMO Milano
daniel4613
 
Palestra perspectivas para 2011 - Aula inaugural IBEC/INPG 2011
Palestra perspectivas para 2011 - Aula inaugural IBEC/INPG 2011Palestra perspectivas para 2011 - Aula inaugural IBEC/INPG 2011
Palestra perspectivas para 2011 - Aula inaugural IBEC/INPG 2011
Vitor Vargas
 
Gerência de Projetos
Gerência de ProjetosGerência de Projetos
Gerência de Projetos
Agência ebrand
 
Introdução a gestão de projetos com PMBoK
Introdução a gestão de projetos com PMBoKIntrodução a gestão de projetos com PMBoK
Introdução a gestão de projetos com PMBoK
Leonardo Soares
 
Disciplina Elaboração e Análise de Projetos
Disciplina Elaboração e Análise de ProjetosDisciplina Elaboração e Análise de Projetos
Disciplina Elaboração e Análise de Projetos
Ticiana Correia
 
Pmbok
PmbokPmbok
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento-pmp-capm-bsbr-modulo4-ger-integracao
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento-pmp-capm-bsbr-modulo4-ger-integracaoProf-Jose-Bezerra-Treinamento-pmp-capm-bsbr-modulo4-ger-integracao
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento-pmp-capm-bsbr-modulo4-ger-integracao
Instituto de Capacitação Business School Brasil - BSB
 
Elaboração de projetos minicurso
Elaboração de projetos   minicursoElaboração de projetos   minicurso
Elaboração de projetos minicurso
Denise Nascimento
 
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento pmp-capm-bsbr-modulo2
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento pmp-capm-bsbr-modulo2Prof-Jose-Bezerra-Treinamento pmp-capm-bsbr-modulo2
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento pmp-capm-bsbr-modulo2
Instituto de Capacitação Business School Brasil - BSB
 

Semelhante a Gerenciamento de projetos #1 (20)

Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico GonzalesGestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
Gestão de Projetos - Prof. João Frederico Gonzales
 
Modulo 002- Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Modulo 002- Fundamentos do Gerenciamento de ProjetosModulo 002- Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
Modulo 002- Fundamentos do Gerenciamento de Projetos
 
Revisao 2
Revisao 2Revisao 2
Revisao 2
 
Palestra Gerencia de Projetos
Palestra Gerencia de ProjetosPalestra Gerencia de Projetos
Palestra Gerencia de Projetos
 
Noções de Administração: Gestão de Projetos (aula 5)
Noções de Administração: Gestão de Projetos  (aula 5)Noções de Administração: Gestão de Projetos  (aula 5)
Noções de Administração: Gestão de Projetos (aula 5)
 
Gerenciamento de projetos apostila completa
Gerenciamento de projetos   apostila completaGerenciamento de projetos   apostila completa
Gerenciamento de projetos apostila completa
 
Conceitos basicos
Conceitos basicosConceitos basicos
Conceitos basicos
 
Iniciação em Projetos
Iniciação em ProjetosIniciação em Projetos
Iniciação em Projetos
 
Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1Gerência de Projetos de Software - Aula1
Gerência de Projetos de Software - Aula1
 
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)Gerenciamento de projetos   aula 1 (introdução)
Gerenciamento de projetos aula 1 (introdução)
 
Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos Gerenciamento de projetos
Gerenciamento de projetos
 
PMO Milano
PMO MilanoPMO Milano
PMO Milano
 
Palestra perspectivas para 2011 - Aula inaugural IBEC/INPG 2011
Palestra perspectivas para 2011 - Aula inaugural IBEC/INPG 2011Palestra perspectivas para 2011 - Aula inaugural IBEC/INPG 2011
Palestra perspectivas para 2011 - Aula inaugural IBEC/INPG 2011
 
Gerência de Projetos
Gerência de ProjetosGerência de Projetos
Gerência de Projetos
 
Introdução a gestão de projetos com PMBoK
Introdução a gestão de projetos com PMBoKIntrodução a gestão de projetos com PMBoK
Introdução a gestão de projetos com PMBoK
 
Disciplina Elaboração e Análise de Projetos
Disciplina Elaboração e Análise de ProjetosDisciplina Elaboração e Análise de Projetos
Disciplina Elaboração e Análise de Projetos
 
Pmbok
PmbokPmbok
Pmbok
 
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento-pmp-capm-bsbr-modulo4-ger-integracao
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento-pmp-capm-bsbr-modulo4-ger-integracaoProf-Jose-Bezerra-Treinamento-pmp-capm-bsbr-modulo4-ger-integracao
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento-pmp-capm-bsbr-modulo4-ger-integracao
 
Elaboração de projetos minicurso
Elaboração de projetos   minicursoElaboração de projetos   minicurso
Elaboração de projetos minicurso
 
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento pmp-capm-bsbr-modulo2
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento pmp-capm-bsbr-modulo2Prof-Jose-Bezerra-Treinamento pmp-capm-bsbr-modulo2
Prof-Jose-Bezerra-Treinamento pmp-capm-bsbr-modulo2
 

Mais de Claudio Barbosa

Gerenciamento de Projetos Web - Desafios
Gerenciamento de Projetos Web - DesafiosGerenciamento de Projetos Web - Desafios
Gerenciamento de Projetos Web - Desafios
Claudio Barbosa
 
Principais Causas de Fracasso em um Projeto
Principais Causas de Fracasso em um ProjetoPrincipais Causas de Fracasso em um Projeto
Principais Causas de Fracasso em um Projeto
Claudio Barbosa
 
Termo de Abertura do Projeto
Termo de Abertura do ProjetoTermo de Abertura do Projeto
Termo de Abertura do Projeto
Claudio Barbosa
 
Gerenciamento de projetos - Tempo, Recursos e Custo
Gerenciamento de projetos - Tempo, Recursos e CustoGerenciamento de projetos - Tempo, Recursos e Custo
Gerenciamento de projetos - Tempo, Recursos e Custo
Claudio Barbosa
 
Gerenciamento de projetos - Analise de Valor Agregado
Gerenciamento de projetos - Analise de Valor AgregadoGerenciamento de projetos - Analise de Valor Agregado
Gerenciamento de projetos - Analise de Valor Agregado
Claudio Barbosa
 
Desenvolvimento Web
Desenvolvimento WebDesenvolvimento Web
Desenvolvimento Web
Claudio Barbosa
 
Gerenciamento de Tempo #1
Gerenciamento de Tempo #1Gerenciamento de Tempo #1
Gerenciamento de Tempo #1
Claudio Barbosa
 
Sistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Sistemas Transacionais, Gerenciais e EstratégicosSistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Sistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Claudio Barbosa
 
Tomada de Decisão
Tomada de DecisãoTomada de Decisão
Tomada de Decisão
Claudio Barbosa
 
Processadores e Sistemas Operacionais
Processadores e Sistemas OperacionaisProcessadores e Sistemas Operacionais
Processadores e Sistemas Operacionais
Claudio Barbosa
 
Sobre ERP CRM e Supply Chain
Sobre ERP CRM e Supply ChainSobre ERP CRM e Supply Chain
Sobre ERP CRM e Supply Chain
Claudio Barbosa
 
Conceitos de e-commerce
Conceitos de e-commerceConceitos de e-commerce
Conceitos de e-commerce
Claudio Barbosa
 
PSI - ERP, CRM e Supply Chain
PSI - ERP, CRM e Supply ChainPSI - ERP, CRM e Supply Chain
PSI - ERP, CRM e Supply Chain
Claudio Barbosa
 
PSI - Apoio a tomada de decisão
PSI - Apoio a tomada de decisãoPSI - Apoio a tomada de decisão
PSI - Apoio a tomada de decisão
Claudio Barbosa
 
PSI - SIBC, SGBD
PSI - SIBC, SGBDPSI - SIBC, SGBD
PSI - SIBC, SGBD
Claudio Barbosa
 
Sociedade, Dados e Informação
Sociedade, Dados e InformaçãoSociedade, Dados e Informação
Sociedade, Dados e Informação
Claudio Barbosa
 
PSI - Computadores e Sistemas Operacionais
PSI - Computadores e Sistemas OperacionaisPSI - Computadores e Sistemas Operacionais
PSI - Computadores e Sistemas Operacionais
Claudio Barbosa
 
Apresentação do Módulo de GP de Web
Apresentação do Módulo de GP de WebApresentação do Módulo de GP de Web
Apresentação do Módulo de GP de Web
Claudio Barbosa
 

Mais de Claudio Barbosa (18)

Gerenciamento de Projetos Web - Desafios
Gerenciamento de Projetos Web - DesafiosGerenciamento de Projetos Web - Desafios
Gerenciamento de Projetos Web - Desafios
 
Principais Causas de Fracasso em um Projeto
Principais Causas de Fracasso em um ProjetoPrincipais Causas de Fracasso em um Projeto
Principais Causas de Fracasso em um Projeto
 
Termo de Abertura do Projeto
Termo de Abertura do ProjetoTermo de Abertura do Projeto
Termo de Abertura do Projeto
 
Gerenciamento de projetos - Tempo, Recursos e Custo
Gerenciamento de projetos - Tempo, Recursos e CustoGerenciamento de projetos - Tempo, Recursos e Custo
Gerenciamento de projetos - Tempo, Recursos e Custo
 
Gerenciamento de projetos - Analise de Valor Agregado
Gerenciamento de projetos - Analise de Valor AgregadoGerenciamento de projetos - Analise de Valor Agregado
Gerenciamento de projetos - Analise de Valor Agregado
 
Desenvolvimento Web
Desenvolvimento WebDesenvolvimento Web
Desenvolvimento Web
 
Gerenciamento de Tempo #1
Gerenciamento de Tempo #1Gerenciamento de Tempo #1
Gerenciamento de Tempo #1
 
Sistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Sistemas Transacionais, Gerenciais e EstratégicosSistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
Sistemas Transacionais, Gerenciais e Estratégicos
 
Tomada de Decisão
Tomada de DecisãoTomada de Decisão
Tomada de Decisão
 
Processadores e Sistemas Operacionais
Processadores e Sistemas OperacionaisProcessadores e Sistemas Operacionais
Processadores e Sistemas Operacionais
 
Sobre ERP CRM e Supply Chain
Sobre ERP CRM e Supply ChainSobre ERP CRM e Supply Chain
Sobre ERP CRM e Supply Chain
 
Conceitos de e-commerce
Conceitos de e-commerceConceitos de e-commerce
Conceitos de e-commerce
 
PSI - ERP, CRM e Supply Chain
PSI - ERP, CRM e Supply ChainPSI - ERP, CRM e Supply Chain
PSI - ERP, CRM e Supply Chain
 
PSI - Apoio a tomada de decisão
PSI - Apoio a tomada de decisãoPSI - Apoio a tomada de decisão
PSI - Apoio a tomada de decisão
 
PSI - SIBC, SGBD
PSI - SIBC, SGBDPSI - SIBC, SGBD
PSI - SIBC, SGBD
 
Sociedade, Dados e Informação
Sociedade, Dados e InformaçãoSociedade, Dados e Informação
Sociedade, Dados e Informação
 
PSI - Computadores e Sistemas Operacionais
PSI - Computadores e Sistemas OperacionaisPSI - Computadores e Sistemas Operacionais
PSI - Computadores e Sistemas Operacionais
 
Apresentação do Módulo de GP de Web
Apresentação do Módulo de GP de WebApresentação do Módulo de GP de Web
Apresentação do Módulo de GP de Web
 

Último

Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdfGuia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
FLAVIOROBERTOGOUVEA
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
mozalgebrista
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa CivilSeminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
EduardoLealSilva
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Luzia Gabriele
 

Último (20)

Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdfGuia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
Guia referencial de Apoio - Planejamento Escolar 2024.pdf
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa CivilSeminário de Gestão Pública e Defesa Civil
Seminário de Gestão Pública e Defesa Civil
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
 

Gerenciamento de projetos #1

  • 1. Gerenciamento de Projetos Web Claudio Barbosa
  • 2. Gerenciamento de Projetos • Introdução Gerenciamento de projetos ou ainda administração de projetos é a aplicação de conhecimentos, habilidades e técnicas na elaboração de atividades relacionadas para atingir um conjunto de objetivos pré-definidos, num certo prazo, com um certo custo e qualidade, através da mobilização de recursos técnicos e humanos. Existem vários métodos de gerenciamento de projetos como: RUP, SCRUM e PMBOK
  • 4. Gerenciamento de Projetos • O que é projeto? Para o PMBOK, projeto é um esforço temporário para criar um serviço ou produto ou resultado exclusivo. Para tal necessita de objetivos claros, parâmetros de medição , datas de início e término que atendam os requisitos das partes interessadas.
  • 5. Gerenciamento de Projetos • Introdução projeto temporário progressivo único Todo projeto tem As características O produto ou inicio e fim do projeto são serviço gerado é definidos detalhadas na diferente sempre medida em que é maior o entendimento
  • 7. Gerenciamento de Projetos • PMBOK O Project Management Body of Knowledge, também conhecido como PMBOK® é um conjunto de práticas em gerência de projetos levantado pelo Project Management Institute (PMI) e constituem a base da metodologia de gerência de projetos do PMI. Estas práticas são compiladas na forma de um guia, chamado de Guia do Conjunto de Conhecimentos em Gerenciamento de Projetos, ou Guia PMBOK.
  • 8. Gerenciamento de Projetos • Portfólio Portfólio é uma carteira de projetos, na verdade é o conjunto de todos os projetos de um setor ou da empresa toda. Cada projeto pode ou não fazer parte de um programa. • Programa Programa é um grupo de projetos gerenciados de forma coordenada, com o objetivo de obter benefícios muito difíceis de serem alcançados se gerenciados isoladamente. Um programa de qualidade total é um exemplo, a natureza ou produto final dos projetos podem ser bastante distintos.
  • 9. Gerenciamento de Projetos Web Stakeholders
  • 10. Gerenciamento de Projetos • Stakeholders Stakeholders refere-se às partes interessadas do projeto, que podem ser pessoas, grupos ou mesmo outras empresas, cujos interesses podem ser afetados diretamente de forma positiva ou negativa com a execução e conclusão do projeto. Eles com certeza exercem influência sobre o projeto e seus resultados. A equipe de gerenciamento deve identificar os stakeholders, determinar suas necessidades e gerenciar isto, o resultado final seria um projeto bem-sucedido.
  • 11. Gerenciamento de Projetos • Principais Stakeholders • Gerente do Projeto: Responsável pelo gerenciamento do projeto • Cliente: Pessoa ou organização que solicitou ou contratou o projeto • Membros da equipe: Pessoas que formam a equipe que desenvolverá o projeto • Organização executora: Empresa em que o projeto está sendo executado • Patrocinador ou Sponsor: Pessoa ou grupo de dentro ou fora da empresa que fornece os recursos financeiros e institucionais para a execução do projeto • Usuário: Pessoa ou organização que irá utilizar o produto ou serviço
  • 12. Gerenciamento de Projetos • Gerenciamento de Projetos É um ramo da Ciência da Administração que trata da iniciação, planejamento, execução, controle e fechamento de projetos. Envolve a aplicação de conhecimento, habilidades, ferramentas e técnicas às atividades do projeto com intuito de atender seus objetivos. Sua aplicação ao longo de todo o trabalho permite avaliação do desempenho, aprendizado contínuo. O gerente de projetos é a pessoa responsável pela realização dos objetivos do projeto.
  • 13. Gerenciamento de Projetos • Gerente de Projetos O gerente do projeto ideal deve possuir habilidades gerenciais (liderança, decisão, comunicação, capacidade de influenciar pessoas, negociação, resolução de conflitos etc.), conhecimento gerencial (técnicas de gerenciamento de projetos e liderança de pessoas), conhecimento técnico dos produtos a serem produzidos, e conhecimento da organização onde o projeto será executado (cultura organizacional, pessoas chave etc). O gerente de projetos não necessita ser um especialista na área técnica do projeto. Porém em projetos de pequeno vulto, esta experiência pode ser um diferencial.
  • 14. Gerenciamento de Projetos • Gerente de Projetos Em um grande projeto, por meio de sua capacitação gerencial e da contribuição de uma boa e competente equipe, o gerente tem plenas condições de obter sucesso. Assim sendo, os gerentes são, de modo freqüente, chamados a gerenciar e coordenar o trabalho de especialistas cujas atividades e níveis de conhecimento não se encaixam na sua própria especialização (equipes multidisciplinares). Tanto em casos como esses como em outras situações, o gerente precisa entender que os projetos não são realizados por pessoas que trabalham isoladamente, e sim por equipes de pessoas competentes e motivadas. Porém ao delegar competências na equipe, o gerente está delegando autoridade e não responsabilidade. Assim é necessário que o acompanhamento das ações seja feito pelo gerente do projeto.
  • 15. Gerenciamento de Projetos Web Grupo de Processos
  • 16. Gerenciamento de Projetos • Grupo de Processos • Processos de Iniciação – autorização do projeto ou fase • Processos de Planejamento – são processos iterativos de definição e refinamento de objetivos e seleção dos melhores caminhos para atingir os objetivos. • Processos de Execução – execução dos planos do projeto: coordenação de pessoas e outros recursos para executar o plano
  • 17. Gerenciamento de Projetos • Grupo de Processos • Processos de Monitoramento e Controle – medição e monitoramento do desempenho do projeto. Garantem que os objetivos do projeto são alcançados através do monitoramento e medição regular do progresso, de modo que ações corretivas possam ser tomadas quando necessário. • Processos de Fechamento – aceitação formal do projeto (com verificação de escopo) ou fase para a sua finalização.
  • 18. Gerenciamento de Projetos • Grupo de Processos Os grupos de processo são ligados pelos resultados que produzem: o resultado de um processo frequentemente é a entrada de outro. Os cinco grupos de processos possuem conjuntos de ações que levam o projeto adiante, em direção ao seu término.
  • 19. Gerenciamento de Projetos • Grupo de Processos
  • 20. Gerenciamento de Projetos • Grupo de Processos As atividades no caminho crítico são monitoradas ativamente quanto a deslizes, enquanto os deslizes nas atividades do caminho não crítico são verificados periodicamente. Repetir os processos de iniciação antes da execução de cada fase é uma maneira de se avaliar se o projeto continua cumprindo as necessidades de negócio. Envolver as partes interessadas no projeto em cada uma das fases é uma maneira de aumentar as probabilidades de satisfação dos requisitos do cliente, além de servir para fazê-los sentirem-se envolvidos no projeto – o que muitas vezes é essencial para o sucesso do mesmo.
  • 21. Gerenciamento de Projetos • Caminho Critico
  • 22. Gerenciamento de Projetos • Grupo de Processos O gerente de projetos precisa monitorar e comunicar o desempenho do projeto. Os resultados do trabalho que estiverem abaixo de um nível de desempenho aceitável precisam ser ajustados com ações corretivas para que o projeto volte a estar em conformidade com as linhas de base de custo, prazo e escopo. A comunicação do desempenho do projeto é um dos principais elementos para o gerenciamento de projetos bem sucedido.
  • 23. Gerenciamento de Projetos • Interações de Processos Dentro de cada grupo de processos, os processos individuais podem ser ligados pelas suas entradas (inputs) e saídas (outputs). Focando nessas ligações, podemos descrever cada processo nos termos de seus: Entradas (inputs)– documentos ou itens que serão trabalhados pelo processo Ferramentas e técnicas – mecanismos aplicados aos inputs para criar os outputs Saídas (outputs)– documentos ou itens que serão o resultado final do processo.
  • 24. Gerenciamento de Projetos • Interações de Processos Esses três componentes de processo transformam decisões, condições, planos e reações em condições e progresso. A saída de um processo geralmente é a entrada para outro. Dentro de cada processo, as ferramentas e técnicas usadas num processo orientam e influenciam a sua saída. Uma saída com falhas pode comprometer a entrada de processos dependentes. Os processos podem ser, até certo ponto, customizáveis (personalizados) a cada projeto. Podem ser modificados, ou até excluídos, para melhor atender as particularidades de dado projeto. No entanto, essas modificações devem ser feitas criteriosamente.
  • 25. Gerenciamento de Projetos • Interações de Processos
  • 26. Gerenciamento de Projetos Web Continua...
  • 27. Gerenciamento de Projetos Web 5ª Edição Draft
  • 28. Gerenciamento de Projetos • Gerenciamento das Partes Interessadas do projeto Descreve os processos requeridos para a gestão de envolvimento das partes interessadas PMBOK 5th Edition
  • 29. Gerenciamento de Projetos • Gerenciamento das Partes Interessadas do projeto 1. Identificar as partes interessadas 2. Planejar o Gerenciamento das partes interessadas 3. Planejar o Envolvimento das partes interessadas 4. Controlar o envolvimento das partes interessadas PMBOK 5th Edition