SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 39
Livro do Espíritos Questões 937 a 940
Objetivo ,[object Object]
Alice no país das maravilhas! ,[object Object],[object Object],[object Object]
O gato responde: ,[object Object],[object Object],[object Object]
Então... diz o gato... ,[object Object]
[object Object]
[object Object]
A nossa decepção, em realidade, é conosco mesmo ,[object Object],[object Object],[object Object]
937. “Para o homem de coração, as decepções oriundas da ingratidão e da fragilidade dos laços da amizade não são também uma fonte de amarguras?” ,[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object]
938. “As decepções oriundas da ingratidão não serão de molde a endurecer o coração e a fechá-lo à sensibilidade?” ,[object Object]
Por que nos sentimos magoados com a ingratidão? ,[object Object]
Fazei o bem sem a olhar a quem. ,[object Object]
“ Olhai os lírios do campo”, dizia o Mestre. ,[object Object],[object Object]
[object Object]
[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
940. Não constitui igualmente fonte de dissabores, tanto mais amargos quanto envenenam toda a existência, a falta de simpatia entre seres destinados a viver juntos? ,[object Object],[object Object]
[object Object]
Conviver é viver com... ,[object Object]
[object Object]
Bem-aventurado aquele servo a quem seu senhor, quando vier, achar fazendo assim. (Mateus, 24:46) ,[object Object],[object Object]
Conseqüências do Sentimento de Ingratidão ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],Allan Kardec,  O Evangelho segundo o Espiritismo,  Capítulo XIV.
Perdão
...não é esquecer  que algo doloroso aconteceu; Perdão Perdão,  treino de compreensão
[object Object]
Perdão   ...não é desculpar o mau comportamento; Perdão não é sentimento é atitude...
Perdão   ...não é negar ou minimizar o seu sofrimento; O perdão é a forma de provar a si mesmo que as emoções negativas estão sob o seu controle e que você conhece seu próprio potencial para conquistar novos caminhos
Perdão   ...não significa se reconciliar  com o autor da afronta; Muito melhor que perdoar, é não se sentir ofendido. E para isso, é necessário que a indulgência esteja em nossa mente, que a benevolência esteja em nossas ações.
Perdão... nem criar mágoa! ...é simplesmente escolher...  compreender, exercitemos pequenos passos de aproximação. Primeiramente, suportemo-lo, enfrentando os sentimentos ruins que poderão brotar em nossa alma, nesse primeiro instante.
Perdão   ...é uma escolha. Tolerância, ensaiando os primeiros passos do relacionamento, mesmo que distante e ainda um tanto frio. Estreitemos um pouco mais o relacionamento, através da cordialidade e do coleguismo. Não tardará para que sejamos capazes de retomar a fraternidade e administrar o ocorrido, em nossa intimidade.
[object Object],[object Object]
Como nos livrar das decepções? ,[object Object]
[object Object]
Sinta-se... ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Provas da pobreza e da riqueza
Provas da pobreza e da riquezaProvas da pobreza e da riqueza
Provas da pobreza e da riqueza
Graça Maciel
 

Mais procurados (20)

O maior mandamento
O maior mandamentoO maior mandamento
O maior mandamento
 
Palestra 29 o homem de bem
Palestra 29 o homem de bemPalestra 29 o homem de bem
Palestra 29 o homem de bem
 
O homem no mundo
O homem no mundoO homem no mundo
O homem no mundo
 
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dor
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dorTormentos voluntários - Quando buscamos a dor
Tormentos voluntários - Quando buscamos a dor
 
A felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundoA felicidade não é deste mundo
A felicidade não é deste mundo
 
O Poder da Fé
O Poder da FéO Poder da Fé
O Poder da Fé
 
Sede perfeitos
Sede perfeitosSede perfeitos
Sede perfeitos
 
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiososPalestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
Palestra Espírita - Bem aventurados os misericordiosos
 
A QUEM MUITO FOI DADO, MUITO SERÁ.pptx
A QUEM MUITO FOI DADO, MUITO SERÁ.pptxA QUEM MUITO FOI DADO, MUITO SERÁ.pptx
A QUEM MUITO FOI DADO, MUITO SERÁ.pptx
 
Não separeis o que Deus juntou - ESE - Cap XXII
Não separeis o que Deus juntou - ESE - Cap XXII   Não separeis o que Deus juntou - ESE - Cap XXII
Não separeis o que Deus juntou - ESE - Cap XXII
 
Jesus o medico das almas
Jesus  o medico das almasJesus  o medico das almas
Jesus o medico das almas
 
Palestra beneficência
Palestra beneficênciaPalestra beneficência
Palestra beneficência
 
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrerPalestra Espírita - Bem e mal sofrer
Palestra Espírita - Bem e mal sofrer
 
Palestra Espírita - A fé humana e a fé divina
Palestra Espírita - A fé humana e a fé divinaPalestra Espírita - A fé humana e a fé divina
Palestra Espírita - A fé humana e a fé divina
 
Provas da pobreza e da riqueza
Provas da pobreza e da riquezaProvas da pobreza e da riqueza
Provas da pobreza e da riqueza
 
A Beneficência - Palestra Espírita
A Beneficência - Palestra EspíritaA Beneficência - Palestra Espírita
A Beneficência - Palestra Espírita
 
O Dever
O DeverO Dever
O Dever
 
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011
Conhece se a árvore pelos frutos gec 03-09-2011
 
Bem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coraçãoBem aventurados os puros de coração
Bem aventurados os puros de coração
 
Objetivo da encarnação
Objetivo da encarnaçãoObjetivo da encarnação
Objetivo da encarnação
 

Semelhante a Decepções

Perdo 130429173017-phpapp01
Perdo 130429173017-phpapp01Perdo 130429173017-phpapp01
Perdo 130429173017-phpapp01
apqbarros
 
Fora da Caridade não há Salvação
Fora da Caridade não há SalvaçãoFora da Caridade não há Salvação
Fora da Caridade não há Salvação
Luciane Belchior
 
Minutos desabedoria
Minutos desabedoriaMinutos desabedoria
Minutos desabedoria
jmpcard
 

Semelhante a Decepções (20)

Capítulo XII - Perfeição Moral.docx
Capítulo XII - Perfeição Moral.docxCapítulo XII - Perfeição Moral.docx
Capítulo XII - Perfeição Moral.docx
 
Fora Da Caridade NãO Há SalvaçãO
Fora Da Caridade NãO Há SalvaçãOFora Da Caridade NãO Há SalvaçãO
Fora Da Caridade NãO Há SalvaçãO
 
Incompatibilidade de genios
Incompatibilidade de geniosIncompatibilidade de genios
Incompatibilidade de genios
 
Conhece te a ti mesmo
Conhece te a ti mesmoConhece te a ti mesmo
Conhece te a ti mesmo
 
Perdão
PerdãoPerdão
Perdão
 
Manifestação da mente de deus
Manifestação da mente de deusManifestação da mente de deus
Manifestação da mente de deus
 
Perdo 130429173017-phpapp01
Perdo 130429173017-phpapp01Perdo 130429173017-phpapp01
Perdo 130429173017-phpapp01
 
Tomada de consciência
Tomada de consciênciaTomada de consciência
Tomada de consciência
 
120979601 cirurgia-moral-joao-nunes-maia-espirito-de-lancellin
120979601 cirurgia-moral-joao-nunes-maia-espirito-de-lancellin120979601 cirurgia-moral-joao-nunes-maia-espirito-de-lancellin
120979601 cirurgia-moral-joao-nunes-maia-espirito-de-lancellin
 
Memoria do coracao kssf
Memoria do coracao kssfMemoria do coracao kssf
Memoria do coracao kssf
 
O real sentido do amor
O real sentido do amorO real sentido do amor
O real sentido do amor
 
O Real sentido do amor
O Real sentido do amorO Real sentido do amor
O Real sentido do amor
 
O Perdão,lei de Evolução e Progresso
O Perdão,lei de Evolução e ProgressoO Perdão,lei de Evolução e Progresso
O Perdão,lei de Evolução e Progresso
 
Aprendendo a Perdoar
Aprendendo a PerdoarAprendendo a Perdoar
Aprendendo a Perdoar
 
Fora da Caridade não há Salvação
Fora da Caridade não há SalvaçãoFora da Caridade não há Salvação
Fora da Caridade não há Salvação
 
Spinoza
Spinoza Spinoza
Spinoza
 
A parentela corporal e espiritual
A parentela corporal e espiritualA parentela corporal e espiritual
A parentela corporal e espiritual
 
Evangelho segundo o e spiritismo
Evangelho segundo o e spiritismoEvangelho segundo o e spiritismo
Evangelho segundo o e spiritismo
 
Dor e bênção
Dor e bênçãoDor e bênção
Dor e bênção
 
Minutos desabedoria
Minutos desabedoriaMinutos desabedoria
Minutos desabedoria
 

Mais de Dalila Melo

é Difícil julgar os homens
é Difícil julgar os homensé Difícil julgar os homens
é Difícil julgar os homens
Dalila Melo
 
As criaturas existem e não existem
As criaturas existem e não existemAs criaturas existem e não existem
As criaturas existem e não existem
Dalila Melo
 
Confissões livro vi item iv
Confissões livro vi item ivConfissões livro vi item iv
Confissões livro vi item iv
Dalila Melo
 
Manifeste seu progresso
Manifeste seu progressoManifeste seu progresso
Manifeste seu progresso
Dalila Melo
 
Instruções a timóteo
Instruções a timóteoInstruções a timóteo
Instruções a timóteo
Dalila Melo
 
Psicologia da gratidão
Psicologia da gratidãoPsicologia da gratidão
Psicologia da gratidão
Dalila Melo
 
Literatura infantil espírita
Literatura infantil espíritaLiteratura infantil espírita
Literatura infantil espírita
Dalila Melo
 
A Casa espírita
A Casa espíritaA Casa espírita
A Casa espírita
Dalila Melo
 
Falatórios Vinha de Luz
Falatórios Vinha de LuzFalatórios Vinha de Luz
Falatórios Vinha de Luz
Dalila Melo
 
Caminhos da educação do espirito
Caminhos da educação do espiritoCaminhos da educação do espirito
Caminhos da educação do espirito
Dalila Melo
 
Educação do afeto
Educação do afetoEducação do afeto
Educação do afeto
Dalila Melo
 
Valor ação correta
Valor ação corretaValor ação correta
Valor ação correta
Dalila Melo
 
3 história da terra
3   história da terra3   história da terra
3 história da terra
Dalila Melo
 
Criação de deus
Criação de deusCriação de deus
Criação de deus
Dalila Melo
 
Pensamento e vontade
Pensamento e vontadePensamento e vontade
Pensamento e vontade
Dalila Melo
 

Mais de Dalila Melo (20)

é Difícil julgar os homens
é Difícil julgar os homensé Difícil julgar os homens
é Difícil julgar os homens
 
As criaturas existem e não existem
As criaturas existem e não existemAs criaturas existem e não existem
As criaturas existem e não existem
 
Confissões livro vi item iv
Confissões livro vi item ivConfissões livro vi item iv
Confissões livro vi item iv
 
Manifeste seu progresso
Manifeste seu progressoManifeste seu progresso
Manifeste seu progresso
 
Instruções a timóteo
Instruções a timóteoInstruções a timóteo
Instruções a timóteo
 
Psicologia da gratidão
Psicologia da gratidãoPsicologia da gratidão
Psicologia da gratidão
 
Literatura infantil espírita
Literatura infantil espíritaLiteratura infantil espírita
Literatura infantil espírita
 
1 coríntios 4
1 coríntios 41 coríntios 4
1 coríntios 4
 
A Casa espírita
A Casa espíritaA Casa espírita
A Casa espírita
 
Falatórios Vinha de Luz
Falatórios Vinha de LuzFalatórios Vinha de Luz
Falatórios Vinha de Luz
 
Caminhos da educação do espirito
Caminhos da educação do espiritoCaminhos da educação do espirito
Caminhos da educação do espirito
 
Educação do afeto
Educação do afetoEducação do afeto
Educação do afeto
 
Valor ação correta
Valor ação corretaValor ação correta
Valor ação correta
 
Rosas
RosasRosas
Rosas
 
3 história da terra
3   história da terra3   história da terra
3 história da terra
 
Criação de deus
Criação de deusCriação de deus
Criação de deus
 
Pensamento e vontade
Pensamento e vontadePensamento e vontade
Pensamento e vontade
 
A fé religiosa
A fé religiosaA fé religiosa
A fé religiosa
 
A piedade
A piedadeA piedade
A piedade
 
Ano novo
Ano novoAno novo
Ano novo
 

Decepções

  • 1. Livro do Espíritos Questões 937 a 940
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22.
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 28. ...não é esquecer que algo doloroso aconteceu; Perdão Perdão, treino de compreensão
  • 29.
  • 30. Perdão ...não é desculpar o mau comportamento; Perdão não é sentimento é atitude...
  • 31. Perdão ...não é negar ou minimizar o seu sofrimento; O perdão é a forma de provar a si mesmo que as emoções negativas estão sob o seu controle e que você conhece seu próprio potencial para conquistar novos caminhos
  • 32. Perdão ...não significa se reconciliar com o autor da afronta; Muito melhor que perdoar, é não se sentir ofendido. E para isso, é necessário que a indulgência esteja em nossa mente, que a benevolência esteja em nossas ações.
  • 33. Perdão... nem criar mágoa! ...é simplesmente escolher... compreender, exercitemos pequenos passos de aproximação. Primeiramente, suportemo-lo, enfrentando os sentimentos ruins que poderão brotar em nossa alma, nesse primeiro instante.
  • 34. Perdão ...é uma escolha. Tolerância, ensaiando os primeiros passos do relacionamento, mesmo que distante e ainda um tanto frio. Estreitemos um pouco mais o relacionamento, através da cordialidade e do coleguismo. Não tardará para que sejamos capazes de retomar a fraternidade e administrar o ocorrido, em nossa intimidade.
  • 35.
  • 36.
  • 37.
  • 38.
  • 39.