SlideShare uma empresa Scribd logo
Sujeição passiva, responsabilidade e  substituição tributária Curso de Especialização em Direito Tributário PUC-COGEAE Julia de Menezes   Nogueira
Modelo de Análise ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Constituição Federal ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Constituição Federal ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Constituição Federal ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Constituição Federal ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Constituição Federal ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Código Tributário Nacional ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Sujeição Passiva ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Sujeição Passiva Direta/Indireta ,[object Object],[object Object],[object Object],Substituição Responsabilidade Sucessão Transferência Indireta Sujeição Passiva Solidariedade Direta
Contribuinte e Responsável ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Contribuinte e Responsável ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Código Tributário Nacional ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Modalidades de sujeição passiva ,[object Object],Sanção não pecuniária N 4 Relação não obrigacional  -> Sanção pecuniária N 3 Obrigação  -> Consequência Fato ilícito Hipótese Dever instrumental N 2 Relação não obrigacional  -> Consequência Fato lícito Obrigação principal N 1 Obrigação  ->
Sujeito Passivo ,[object Object],[object Object],[object Object]
Sujeito Passivo ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Solidariedade ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Solidariedade ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Solidariedade ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Solidariedade
[object Object],[object Object],Solidariedade
Solidariedade João e Maria ficam solidariamente obrigados perante o município a pagar imposto no valor de R$200,00. Consequência João e Maria, em condomínio, são proprietários de imóvel no perímetro urbano do município Hipótese Norma individual e concreta o proprietário (sp) fica obrigado perante o município (sa) a pagar imposto correspondente a 20% (al.) do valor venal do imóvel (b.c.). Consequência RMIT Ser proprietário de bem imóvel no perímetro urbano do município. Hipótese
Responsabilidade   tributária ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Responsabilidade dos Sucessores ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Responsabilidade dos Sucessores ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade dos Sucessores
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade dos Sucessores
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade dos Sucessores
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade dos Sucessores
Responsabilidade dos Sucessores A pessoa jurídica incorporadora (sp) fica obrigada a pagar à União (sa) o tributo que seria devido pela PJ incorporada (sp da relação jurídica tributária) Consequência Extinção da PJ posta no pólo passivo da obrigação tributária, sem que tenha pago o imposto devido, e sua incorporação por outra. Hipótese Norma de sucessão A PJ que auferiu lucro (sp) fica obrigado perante a União (sa) a pagar IR sobre o lucro calculado com base na alíquota de 15% mais adicional de 10%. Consequência RMIT Auferir lucro Hipótese
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade de Terceiros
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade de Terceiros
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade de Terceiros
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade de Terceiros
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade de Terceiros
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Responsabilidade de Terceiros
Responsabilidade de Terceiros O administrador (sp) fica obrigado a pagar à União (sa) o tributo não pago pela sociedade (sujeito passivo original da obrigação jurídica tributária). Consequência Inadimplemento da obrigação tributária em decorrência de atos praticados com excesso de poder pelo administrador Hipótese Norma de  responsab.  de terceiro A PJ que auferiu lucro (sp) fica obrigado perante a União (sa) a pagar IR sobre o lucro calculado com base na alíquota de 15% mais adicional de 10%. Consequência RMIT Auferir lucro Hipótese
[object Object],[object Object],Substituição
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Substituição
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Substituição
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Substituição
[object Object],[object Object],[object Object],Substituição
Substituição ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],Substituição - espécies
[object Object],[object Object],[object Object],Substituição - espécies
Substituição   Tributária   A fonte pagadora tem permissão de reter do beneficiário dos rendimentos o montante do IR por ela devido. Consequência Pagar rendimentos do trabalho assalariado Hipótese Norma  de Retenção A fonte pagadora (sp) fica obrigada perante a União (sa) a pagar IR sobre o rendimento, diminuído das deduções permitidas, mediante aplicação das alíquotas da tabela progressiva. Consequência RMIT Pagar rendimentos do trabalho assalariado Hipótese
Conclusões sobre sujeição passiva, responsabilidade e substituição SIM NÃO NÃO NÃO Substituição NÃO SIM NÃO NÃO Responsabilidade   de   terceiros NÃO NÃO SIM NÃO Responsabilidade dos   sucessores NÃO NÃO NÃO SIM Solidariedade RMIT aliada a norma que prevê retenção ou ressarcimento? Norma primária sancionatória que nasce com o inadimplemento da obrigação prevista na RMIT? Norma primária que nasce com o inadimplemento da obrigação prevista na RMIT? Existência de mais de uma pessoa no pólo passivo da obrigação tributária?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Direito penal i teoria geral do delito
Direito penal i   teoria geral do delitoDireito penal i   teoria geral do delito
Direito penal i teoria geral do delito
Urbano Felix Pugliese
 
Isenções 2012 ibet pr sem questões
Isenções 2012 ibet pr   sem questõesIsenções 2012 ibet pr   sem questões
Isenções 2012 ibet pr sem questões
Tacio Lacerda Gama
 
7 - Extinção do Crédito Tributário
7 - Extinção do Crédito Tributário7 - Extinção do Crédito Tributário
7 - Extinção do Crédito Tributário
Jessica Namba
 
Erro
Erro Erro
Aula iptu itr e ipva
Aula iptu itr e ipvaAula iptu itr e ipva
Aula iptu itr e ipva
ssclaudia2014
 
Aula 02 direito penal iv - crimes contra a dignidade sexual - capítulo i
Aula 02   direito penal iv - crimes contra a dignidade sexual - capítulo iAula 02   direito penal iv - crimes contra a dignidade sexual - capítulo i
Aula 02 direito penal iv - crimes contra a dignidade sexual - capítulo i
Urbano Felix Pugliese
 
Aula ibet compensação e repetiçao outubro 2011
Aula ibet compensação e repetiçao outubro 2011Aula ibet compensação e repetiçao outubro 2011
Aula ibet compensação e repetiçao outubro 2011
Rosangela Garcia
 
Extinção dos contratos
Extinção dos contratosExtinção dos contratos
Extinção dos contratos
Pitágoras
 
Direito penal i culpabilidade
Direito penal i   culpabilidadeDireito penal i   culpabilidade
Direito penal i culpabilidade
Urbano Felix Pugliese
 
Fontes do direito tributário 2011-1
Fontes do direito tributário   2011-1Fontes do direito tributário   2011-1
Fontes do direito tributário 2011-1
Fabiana Del Padre Tomé
 
Aula 6 fatp tipico direito penal
Aula 6 fatp tipico direito penalAula 6 fatp tipico direito penal
Aula 6 fatp tipico direito penal
Danny de Campos
 
Aula n ¦. 01 - Responsabilidade Civil, considerações iniciais.
Aula n ¦. 01 - Responsabilidade Civil, considerações iniciais.Aula n ¦. 01 - Responsabilidade Civil, considerações iniciais.
Aula n ¦. 01 - Responsabilidade Civil, considerações iniciais.
Dimensson Costa Santos
 
Regra matriz de incidência aplicada
Regra matriz de incidência aplicadaRegra matriz de incidência aplicada
Regra matriz de incidência aplicada
LacerdaGama
 
Rosana Júlia Binda - Responsabilidade Civil
Rosana Júlia Binda - Responsabilidade CivilRosana Júlia Binda - Responsabilidade Civil
Rosana Júlia Binda - Responsabilidade Civil
Jordano Santos Cerqueira
 
Aula dra. aurora tomazini 20-09-14
Aula dra. aurora tomazini   20-09-14Aula dra. aurora tomazini   20-09-14
Aula dra. aurora tomazini 20-09-14
Fernanda Moreira
 
Da doação
Da doaçãoDa doação
Da doação
reginaldovieira2011
 
Direito tributário e conceito de tributo 2011 1
Direito tributário e conceito de tributo 2011 1Direito tributário e conceito de tributo 2011 1
Direito tributário e conceito de tributo 2011 1
Fabiana Del Padre Tomé
 
Teoria e prática do processo tributário ações antiexacionais preventiva...
Teoria e prática do processo tributário   ações antiexacionais preventiva...Teoria e prática do processo tributário   ações antiexacionais preventiva...
Teoria e prática do processo tributário ações antiexacionais preventiva...
Fernanda Moreira
 
Aula VI – regra matriz hipótese
Aula VI – regra matriz   hipótese Aula VI – regra matriz   hipótese
Aula VI – regra matriz hipótese
Heitor Carvalho
 
Direito penal i o nexo de causalidade, resultado e tipicidade
Direito penal i   o nexo de causalidade, resultado e tipicidadeDireito penal i   o nexo de causalidade, resultado e tipicidade
Direito penal i o nexo de causalidade, resultado e tipicidade
Urbano Felix Pugliese
 

Mais procurados (20)

Direito penal i teoria geral do delito
Direito penal i   teoria geral do delitoDireito penal i   teoria geral do delito
Direito penal i teoria geral do delito
 
Isenções 2012 ibet pr sem questões
Isenções 2012 ibet pr   sem questõesIsenções 2012 ibet pr   sem questões
Isenções 2012 ibet pr sem questões
 
7 - Extinção do Crédito Tributário
7 - Extinção do Crédito Tributário7 - Extinção do Crédito Tributário
7 - Extinção do Crédito Tributário
 
Erro
Erro Erro
Erro
 
Aula iptu itr e ipva
Aula iptu itr e ipvaAula iptu itr e ipva
Aula iptu itr e ipva
 
Aula 02 direito penal iv - crimes contra a dignidade sexual - capítulo i
Aula 02   direito penal iv - crimes contra a dignidade sexual - capítulo iAula 02   direito penal iv - crimes contra a dignidade sexual - capítulo i
Aula 02 direito penal iv - crimes contra a dignidade sexual - capítulo i
 
Aula ibet compensação e repetiçao outubro 2011
Aula ibet compensação e repetiçao outubro 2011Aula ibet compensação e repetiçao outubro 2011
Aula ibet compensação e repetiçao outubro 2011
 
Extinção dos contratos
Extinção dos contratosExtinção dos contratos
Extinção dos contratos
 
Direito penal i culpabilidade
Direito penal i   culpabilidadeDireito penal i   culpabilidade
Direito penal i culpabilidade
 
Fontes do direito tributário 2011-1
Fontes do direito tributário   2011-1Fontes do direito tributário   2011-1
Fontes do direito tributário 2011-1
 
Aula 6 fatp tipico direito penal
Aula 6 fatp tipico direito penalAula 6 fatp tipico direito penal
Aula 6 fatp tipico direito penal
 
Aula n ¦. 01 - Responsabilidade Civil, considerações iniciais.
Aula n ¦. 01 - Responsabilidade Civil, considerações iniciais.Aula n ¦. 01 - Responsabilidade Civil, considerações iniciais.
Aula n ¦. 01 - Responsabilidade Civil, considerações iniciais.
 
Regra matriz de incidência aplicada
Regra matriz de incidência aplicadaRegra matriz de incidência aplicada
Regra matriz de incidência aplicada
 
Rosana Júlia Binda - Responsabilidade Civil
Rosana Júlia Binda - Responsabilidade CivilRosana Júlia Binda - Responsabilidade Civil
Rosana Júlia Binda - Responsabilidade Civil
 
Aula dra. aurora tomazini 20-09-14
Aula dra. aurora tomazini   20-09-14Aula dra. aurora tomazini   20-09-14
Aula dra. aurora tomazini 20-09-14
 
Da doação
Da doaçãoDa doação
Da doação
 
Direito tributário e conceito de tributo 2011 1
Direito tributário e conceito de tributo 2011 1Direito tributário e conceito de tributo 2011 1
Direito tributário e conceito de tributo 2011 1
 
Teoria e prática do processo tributário ações antiexacionais preventiva...
Teoria e prática do processo tributário   ações antiexacionais preventiva...Teoria e prática do processo tributário   ações antiexacionais preventiva...
Teoria e prática do processo tributário ações antiexacionais preventiva...
 
Aula VI – regra matriz hipótese
Aula VI – regra matriz   hipótese Aula VI – regra matriz   hipótese
Aula VI – regra matriz hipótese
 
Direito penal i o nexo de causalidade, resultado e tipicidade
Direito penal i   o nexo de causalidade, resultado e tipicidadeDireito penal i   o nexo de causalidade, resultado e tipicidade
Direito penal i o nexo de causalidade, resultado e tipicidade
 

Destaque

Sujeição passiva substituição responsabilidade e solidariedade tributária co...
Sujeição passiva substituição responsabilidade e solidariedade tributária  co...Sujeição passiva substituição responsabilidade e solidariedade tributária  co...
Sujeição passiva substituição responsabilidade e solidariedade tributária co...
Paulo Leite
 
REGRA-MATRIZ DE INCIDÊNCIA OBRIGAÇÃO TRIBUTÁRIA E SUJEIÇÃO PASSIVA
REGRA-MATRIZ DE INCIDÊNCIA OBRIGAÇÃO TRIBUTÁRIA E SUJEIÇÃO PASSIVAREGRA-MATRIZ DE INCIDÊNCIA OBRIGAÇÃO TRIBUTÁRIA E SUJEIÇÃO PASSIVA
REGRA-MATRIZ DE INCIDÊNCIA OBRIGAÇÃO TRIBUTÁRIA E SUJEIÇÃO PASSIVA
Fernanda Moreira
 
Rmit e hipótese recife 29 10 11
Rmit e hipótese  recife 29 10 11Rmit e hipótese  recife 29 10 11
Rmit e hipótese recife 29 10 11
Paulo Leite
 
Aula RMIT faap
Aula RMIT faapAula RMIT faap
Aula RMIT faap
marina589
 
Regra matriz de incidência tributária aplicada
Regra matriz de incidência tributária aplicadaRegra matriz de incidência tributária aplicada
Regra matriz de incidência tributária aplicada
Betânia Costa
 
Aula1 obrigaçãotributáriaesujeiçãopassivatributária
Aula1 obrigaçãotributáriaesujeiçãopassivatributáriaAula1 obrigaçãotributáriaesujeiçãopassivatributária
Aula1 obrigaçãotributáriaesujeiçãopassivatributária
ACCDias
 
Puc sujeição passiva tributária
Puc sujeição passiva tributáriaPuc sujeição passiva tributária
Puc sujeição passiva tributária
Jean Simei
 
Responsabilidade e Pontualidade
Responsabilidade e PontualidadeResponsabilidade e Pontualidade
Responsabilidade e Pontualidade
Mariana De Oliveira Barrozo
 

Destaque (8)

Sujeição passiva substituição responsabilidade e solidariedade tributária co...
Sujeição passiva substituição responsabilidade e solidariedade tributária  co...Sujeição passiva substituição responsabilidade e solidariedade tributária  co...
Sujeição passiva substituição responsabilidade e solidariedade tributária co...
 
REGRA-MATRIZ DE INCIDÊNCIA OBRIGAÇÃO TRIBUTÁRIA E SUJEIÇÃO PASSIVA
REGRA-MATRIZ DE INCIDÊNCIA OBRIGAÇÃO TRIBUTÁRIA E SUJEIÇÃO PASSIVAREGRA-MATRIZ DE INCIDÊNCIA OBRIGAÇÃO TRIBUTÁRIA E SUJEIÇÃO PASSIVA
REGRA-MATRIZ DE INCIDÊNCIA OBRIGAÇÃO TRIBUTÁRIA E SUJEIÇÃO PASSIVA
 
Rmit e hipótese recife 29 10 11
Rmit e hipótese  recife 29 10 11Rmit e hipótese  recife 29 10 11
Rmit e hipótese recife 29 10 11
 
Aula RMIT faap
Aula RMIT faapAula RMIT faap
Aula RMIT faap
 
Regra matriz de incidência tributária aplicada
Regra matriz de incidência tributária aplicadaRegra matriz de incidência tributária aplicada
Regra matriz de incidência tributária aplicada
 
Aula1 obrigaçãotributáriaesujeiçãopassivatributária
Aula1 obrigaçãotributáriaesujeiçãopassivatributáriaAula1 obrigaçãotributáriaesujeiçãopassivatributária
Aula1 obrigaçãotributáriaesujeiçãopassivatributária
 
Puc sujeição passiva tributária
Puc sujeição passiva tributáriaPuc sujeição passiva tributária
Puc sujeição passiva tributária
 
Responsabilidade e Pontualidade
Responsabilidade e PontualidadeResponsabilidade e Pontualidade
Responsabilidade e Pontualidade
 

Semelhante a Aula sobre Sujeição Passiva Tributária

Direito Tributario
Direito TributarioDireito Tributario
Direito Tributario
otony1ccn1
 
Aula 17 08 - dra. maria rita ferragut
Aula 17 08 - dra. maria rita ferragutAula 17 08 - dra. maria rita ferragut
Aula 17 08 - dra. maria rita ferragut
Fernanda Moreira
 
Aula 06
Aula 06Aula 06
Apresentação abradt 2008
Apresentação abradt 2008Apresentação abradt 2008
Apresentação abradt 2008
André Mendes Moreira
 
Direito tributário resumo para a oab 2
Direito tributário resumo para a oab   2Direito tributário resumo para a oab   2
Direito tributário resumo para a oab 2
Adler Martins
 
463 120611 oab_2011_3_projeto_uti_60_h__direito_tributario_aula_01
463 120611 oab_2011_3_projeto_uti_60_h__direito_tributario_aula_01463 120611 oab_2011_3_projeto_uti_60_h__direito_tributario_aula_01
463 120611 oab_2011_3_projeto_uti_60_h__direito_tributario_aula_01
Junior Jordao
 
Puc sujeição passiva tributária
Puc sujeição passiva tributáriaPuc sujeição passiva tributária
Puc sujeição passiva tributária
Jean Simei
 
Código Tributário d- Pedreira SP.
Código Tributário d- Pedreira SP.Código Tributário d- Pedreira SP.
Código Tributário d- Pedreira SP.
Marcelo Celloto
 
189726053018 dir tributario_aula_01
189726053018 dir tributario_aula_01189726053018 dir tributario_aula_01
189726053018 dir tributario_aula_01
EsdrasArthurPessoa
 
Aula 9 dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Aula 9   dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla priaAula 9   dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Aula 9 dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Fernanda Moreira
 
Aula 9 dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Aula 9   dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla priaAula 9   dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Aula 9 dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Fernanda Moreira
 
direito tributario
direito tributariodireito tributario
direito tributario
gleikas
 
Espécies tributárias -_aula_2_ibet_tsj_10092011_anacarolinacarvalhodias
Espécies tributárias -_aula_2_ibet_tsj_10092011_anacarolinacarvalhodiasEspécies tributárias -_aula_2_ibet_tsj_10092011_anacarolinacarvalhodias
Espécies tributárias -_aula_2_ibet_tsj_10092011_anacarolinacarvalhodias
CarolinaCDias
 
Direito Tributário
Direito TributárioDireito Tributário
Direito Tributário
Superprovas Software
 
DireitoTributário – Imunidades e Isenções – 3º setor - Cebas
DireitoTributário – Imunidades e Isenções – 3º setor - CebasDireitoTributário – Imunidades e Isenções – 3º setor - Cebas
DireitoTributário – Imunidades e Isenções – 3º setor - Cebas
Instituto Comunitário Grande Florianópolis
 
Aula dr. argos 10-11-14
Aula dr. argos   10-11-14Aula dr. argos   10-11-14
Aula dr. argos 10-11-14
Fernanda Moreira
 
Aula FSBC - OT e contribuição previdenciária - 05.09.2011
Aula FSBC - OT e contribuição previdenciária - 05.09.2011Aula FSBC - OT e contribuição previdenciária - 05.09.2011
Aula FSBC - OT e contribuição previdenciária - 05.09.2011
camilavergueirocatunda
 
Aula - FSBC - O.T. e Contribuição Previdenciária - 05.09.2011
Aula - FSBC - O.T. e Contribuição Previdenciária - 05.09.2011Aula - FSBC - O.T. e Contribuição Previdenciária - 05.09.2011
Aula - FSBC - O.T. e Contribuição Previdenciária - 05.09.2011
camilavergueirocatunda
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Aula 14 responsabilidade tributária
Aula 14   responsabilidade tributáriaAula 14   responsabilidade tributária
Aula 14 responsabilidade tributária
Christian Moura Matos
 

Semelhante a Aula sobre Sujeição Passiva Tributária (20)

Direito Tributario
Direito TributarioDireito Tributario
Direito Tributario
 
Aula 17 08 - dra. maria rita ferragut
Aula 17 08 - dra. maria rita ferragutAula 17 08 - dra. maria rita ferragut
Aula 17 08 - dra. maria rita ferragut
 
Aula 06
Aula 06Aula 06
Aula 06
 
Apresentação abradt 2008
Apresentação abradt 2008Apresentação abradt 2008
Apresentação abradt 2008
 
Direito tributário resumo para a oab 2
Direito tributário resumo para a oab   2Direito tributário resumo para a oab   2
Direito tributário resumo para a oab 2
 
463 120611 oab_2011_3_projeto_uti_60_h__direito_tributario_aula_01
463 120611 oab_2011_3_projeto_uti_60_h__direito_tributario_aula_01463 120611 oab_2011_3_projeto_uti_60_h__direito_tributario_aula_01
463 120611 oab_2011_3_projeto_uti_60_h__direito_tributario_aula_01
 
Puc sujeição passiva tributária
Puc sujeição passiva tributáriaPuc sujeição passiva tributária
Puc sujeição passiva tributária
 
Código Tributário d- Pedreira SP.
Código Tributário d- Pedreira SP.Código Tributário d- Pedreira SP.
Código Tributário d- Pedreira SP.
 
189726053018 dir tributario_aula_01
189726053018 dir tributario_aula_01189726053018 dir tributario_aula_01
189726053018 dir tributario_aula_01
 
Aula 9 dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Aula 9   dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla priaAula 9   dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Aula 9 dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
 
Aula 9 dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Aula 9   dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla priaAula 9   dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
Aula 9 dia 28-09-13 - dr. rodrigo dalla pria
 
direito tributario
direito tributariodireito tributario
direito tributario
 
Espécies tributárias -_aula_2_ibet_tsj_10092011_anacarolinacarvalhodias
Espécies tributárias -_aula_2_ibet_tsj_10092011_anacarolinacarvalhodiasEspécies tributárias -_aula_2_ibet_tsj_10092011_anacarolinacarvalhodias
Espécies tributárias -_aula_2_ibet_tsj_10092011_anacarolinacarvalhodias
 
Direito Tributário
Direito TributárioDireito Tributário
Direito Tributário
 
DireitoTributário – Imunidades e Isenções – 3º setor - Cebas
DireitoTributário – Imunidades e Isenções – 3º setor - CebasDireitoTributário – Imunidades e Isenções – 3º setor - Cebas
DireitoTributário – Imunidades e Isenções – 3º setor - Cebas
 
Aula dr. argos 10-11-14
Aula dr. argos   10-11-14Aula dr. argos   10-11-14
Aula dr. argos 10-11-14
 
Aula FSBC - OT e contribuição previdenciária - 05.09.2011
Aula FSBC - OT e contribuição previdenciária - 05.09.2011Aula FSBC - OT e contribuição previdenciária - 05.09.2011
Aula FSBC - OT e contribuição previdenciária - 05.09.2011
 
Aula - FSBC - O.T. e Contribuição Previdenciária - 05.09.2011
Aula - FSBC - O.T. e Contribuição Previdenciária - 05.09.2011Aula - FSBC - O.T. e Contribuição Previdenciária - 05.09.2011
Aula - FSBC - O.T. e Contribuição Previdenciária - 05.09.2011
 
Aula 01
Aula 01Aula 01
Aula 01
 
Aula 14 responsabilidade tributária
Aula 14   responsabilidade tributáriaAula 14   responsabilidade tributária
Aula 14 responsabilidade tributária
 

Mais de Julia De Menezes Nogueira

Aula irpf e irrf maio 2012 ibet rio preto
Aula irpf e irrf maio 2012   ibet rio pretoAula irpf e irrf maio 2012   ibet rio preto
Aula irpf e irrf maio 2012 ibet rio preto
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula IRPF e IRRF curso epd 28.03.12
Aula IRPF e IRRF curso epd 28.03.12Aula IRPF e IRRF curso epd 28.03.12
Aula IRPF e IRRF curso epd 28.03.12
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula pis, cofins e cide faap
Aula pis, cofins e cide   faapAula pis, cofins e cide   faap
Aula pis, cofins e cide faap
Julia De Menezes Nogueira
 
Viii congresso ibet palestra julia de menezes nogueira
Viii congresso ibet   palestra julia de menezes nogueiraViii congresso ibet   palestra julia de menezes nogueira
Viii congresso ibet palestra julia de menezes nogueira
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula irpf e irrf outubro 2011 ibet sp
Aula irpf e irrf outubro 2011   ibet spAula irpf e irrf outubro 2011   ibet sp
Aula irpf e irrf outubro 2011 ibet sp
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula irpj outubro 2011
Aula irpj   outubro 2011Aula irpj   outubro 2011
Aula irpj outubro 2011
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula fgv gv law - 03.10 - espécies de contribuições
Aula fgv   gv law - 03.10 - espécies de contribuiçõesAula fgv   gv law - 03.10 - espécies de contribuições
Aula fgv gv law - 03.10 - espécies de contribuições
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula 1 ibdt - atualizada 2011
Aula 1   ibdt - atualizada 2011Aula 1   ibdt - atualizada 2011
Aula 1 ibdt - atualizada 2011
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula 2 ibdt - atualizada em 2011
Aula 2   ibdt - atualizada em 2011Aula 2   ibdt - atualizada em 2011
Aula 2 ibdt - atualizada em 2011
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula irpj julho 2011 - rio de janeiro
Aula irpj   julho 2011 - rio de janeiroAula irpj   julho 2011 - rio de janeiro
Aula irpj julho 2011 - rio de janeiro
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula irpf e irrf maio 2011
Aula irpf e irrf maio 2011Aula irpf e irrf maio 2011
Aula irpf e irrf maio 2011
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula PIS e COFINS
Aula PIS e COFINSAula PIS e COFINS
Aula PIS e COFINS
Julia De Menezes Nogueira
 
PIS e COFINS - Não-cumulatividade - Questões controversas
PIS e COFINS - Não-cumulatividade - Questões controversasPIS e COFINS - Não-cumulatividade - Questões controversas
PIS e COFINS - Não-cumulatividade - Questões controversas
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula iss faap
Aula iss  faapAula iss  faap
Aurora aula extincao do-credito_tributario-damasio
Aurora   aula extincao do-credito_tributario-damasioAurora   aula extincao do-credito_tributario-damasio
Aurora aula extincao do-credito_tributario-damasio
Julia De Menezes Nogueira
 
Aurora aula suspensao da-exigibilidade-damasio
Aurora   aula suspensao da-exigibilidade-damasioAurora   aula suspensao da-exigibilidade-damasio
Aurora aula suspensao da-exigibilidade-damasio
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula irpj dezembro 2010 - sj rio preto
Aula irpj   dezembro 2010 - sj rio pretoAula irpj   dezembro 2010 - sj rio preto
Aula irpj dezembro 2010 - sj rio preto
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula constituição do crédito tributário damásio
Aula constituição do crédito tributário   damásioAula constituição do crédito tributário   damásio
Aula constituição do crédito tributário damásio
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula constituição do crédito tributário damásio
Aula constituição do crédito tributário   damásioAula constituição do crédito tributário   damásio
Aula constituição do crédito tributário damásio
Julia De Menezes Nogueira
 
Aula constituição do crédito tributário damásio
Aula constituição do crédito tributário   damásioAula constituição do crédito tributário   damásio
Aula constituição do crédito tributário damásio
Julia De Menezes Nogueira
 

Mais de Julia De Menezes Nogueira (20)

Aula irpf e irrf maio 2012 ibet rio preto
Aula irpf e irrf maio 2012   ibet rio pretoAula irpf e irrf maio 2012   ibet rio preto
Aula irpf e irrf maio 2012 ibet rio preto
 
Aula IRPF e IRRF curso epd 28.03.12
Aula IRPF e IRRF curso epd 28.03.12Aula IRPF e IRRF curso epd 28.03.12
Aula IRPF e IRRF curso epd 28.03.12
 
Aula pis, cofins e cide faap
Aula pis, cofins e cide   faapAula pis, cofins e cide   faap
Aula pis, cofins e cide faap
 
Viii congresso ibet palestra julia de menezes nogueira
Viii congresso ibet   palestra julia de menezes nogueiraViii congresso ibet   palestra julia de menezes nogueira
Viii congresso ibet palestra julia de menezes nogueira
 
Aula irpf e irrf outubro 2011 ibet sp
Aula irpf e irrf outubro 2011   ibet spAula irpf e irrf outubro 2011   ibet sp
Aula irpf e irrf outubro 2011 ibet sp
 
Aula irpj outubro 2011
Aula irpj   outubro 2011Aula irpj   outubro 2011
Aula irpj outubro 2011
 
Aula fgv gv law - 03.10 - espécies de contribuições
Aula fgv   gv law - 03.10 - espécies de contribuiçõesAula fgv   gv law - 03.10 - espécies de contribuições
Aula fgv gv law - 03.10 - espécies de contribuições
 
Aula 1 ibdt - atualizada 2011
Aula 1   ibdt - atualizada 2011Aula 1   ibdt - atualizada 2011
Aula 1 ibdt - atualizada 2011
 
Aula 2 ibdt - atualizada em 2011
Aula 2   ibdt - atualizada em 2011Aula 2   ibdt - atualizada em 2011
Aula 2 ibdt - atualizada em 2011
 
Aula irpj julho 2011 - rio de janeiro
Aula irpj   julho 2011 - rio de janeiroAula irpj   julho 2011 - rio de janeiro
Aula irpj julho 2011 - rio de janeiro
 
Aula irpf e irrf maio 2011
Aula irpf e irrf maio 2011Aula irpf e irrf maio 2011
Aula irpf e irrf maio 2011
 
Aula PIS e COFINS
Aula PIS e COFINSAula PIS e COFINS
Aula PIS e COFINS
 
PIS e COFINS - Não-cumulatividade - Questões controversas
PIS e COFINS - Não-cumulatividade - Questões controversasPIS e COFINS - Não-cumulatividade - Questões controversas
PIS e COFINS - Não-cumulatividade - Questões controversas
 
Aula iss faap
Aula iss  faapAula iss  faap
Aula iss faap
 
Aurora aula extincao do-credito_tributario-damasio
Aurora   aula extincao do-credito_tributario-damasioAurora   aula extincao do-credito_tributario-damasio
Aurora aula extincao do-credito_tributario-damasio
 
Aurora aula suspensao da-exigibilidade-damasio
Aurora   aula suspensao da-exigibilidade-damasioAurora   aula suspensao da-exigibilidade-damasio
Aurora aula suspensao da-exigibilidade-damasio
 
Aula irpj dezembro 2010 - sj rio preto
Aula irpj   dezembro 2010 - sj rio pretoAula irpj   dezembro 2010 - sj rio preto
Aula irpj dezembro 2010 - sj rio preto
 
Aula constituição do crédito tributário damásio
Aula constituição do crédito tributário   damásioAula constituição do crédito tributário   damásio
Aula constituição do crédito tributário damásio
 
Aula constituição do crédito tributário damásio
Aula constituição do crédito tributário   damásioAula constituição do crédito tributário   damásio
Aula constituição do crédito tributário damásio
 
Aula constituição do crédito tributário damásio
Aula constituição do crédito tributário   damásioAula constituição do crédito tributário   damásio
Aula constituição do crédito tributário damásio
 

Último

UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Érika Rufo
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
MateusTavares54
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
Manuais Formação
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
TomasSousa7
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
livrosjovert
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
soaresdesouzaamanda8
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
edivirgesribeiro1
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
LILIANPRESTESSCUDELE
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 

Último (20)

UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sonsAula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
Aula 1 do livro de Ciências do aluno - sons
 
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - AlfabetinhoAtividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
Atividades de Inglês e Espanhol para Imprimir - Alfabetinho
 
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdfUFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
UFCD_10145_Enquadramento do setor farmacêutico_indice.pdf
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Fernão Lopes. pptx
Fernão Lopes.                       pptxFernão Lopes.                       pptx
Fernão Lopes. pptx
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.pptEstrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
Estrutura Pedagógica - Laboratório de Educação a Distância.ppt
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdfCRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
CRONOGRAMA - PSC 2° ETAPA 2024.pptx (1).pdf
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptxAula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
Aula história , caracteristicas e esteriótipos em relação a DANÇA DE SALAO.pptx
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptxAula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
Aula 2 - Revisando o significado de fração - Parte 2.pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 

Aula sobre Sujeição Passiva Tributária

  • 1. Sujeição passiva, responsabilidade e substituição tributária Curso de Especialização em Direito Tributário PUC-COGEAE Julia de Menezes Nogueira
  • 2.
  • 3.
  • 4.
  • 5.
  • 6.
  • 7.
  • 8.
  • 9.
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21.
  • 22. Solidariedade João e Maria ficam solidariamente obrigados perante o município a pagar imposto no valor de R$200,00. Consequência João e Maria, em condomínio, são proprietários de imóvel no perímetro urbano do município Hipótese Norma individual e concreta o proprietário (sp) fica obrigado perante o município (sa) a pagar imposto correspondente a 20% (al.) do valor venal do imóvel (b.c.). Consequência RMIT Ser proprietário de bem imóvel no perímetro urbano do município. Hipótese
  • 23.
  • 24.
  • 25.
  • 26.
  • 27.
  • 28.
  • 29.
  • 30. Responsabilidade dos Sucessores A pessoa jurídica incorporadora (sp) fica obrigada a pagar à União (sa) o tributo que seria devido pela PJ incorporada (sp da relação jurídica tributária) Consequência Extinção da PJ posta no pólo passivo da obrigação tributária, sem que tenha pago o imposto devido, e sua incorporação por outra. Hipótese Norma de sucessão A PJ que auferiu lucro (sp) fica obrigado perante a União (sa) a pagar IR sobre o lucro calculado com base na alíquota de 15% mais adicional de 10%. Consequência RMIT Auferir lucro Hipótese
  • 31.
  • 32.
  • 33.
  • 34.
  • 35.
  • 36.
  • 37. Responsabilidade de Terceiros O administrador (sp) fica obrigado a pagar à União (sa) o tributo não pago pela sociedade (sujeito passivo original da obrigação jurídica tributária). Consequência Inadimplemento da obrigação tributária em decorrência de atos praticados com excesso de poder pelo administrador Hipótese Norma de responsab. de terceiro A PJ que auferiu lucro (sp) fica obrigado perante a União (sa) a pagar IR sobre o lucro calculado com base na alíquota de 15% mais adicional de 10%. Consequência RMIT Auferir lucro Hipótese
  • 38.
  • 39.
  • 40.
  • 41.
  • 42.
  • 43.
  • 44.
  • 45.
  • 46. Substituição Tributária A fonte pagadora tem permissão de reter do beneficiário dos rendimentos o montante do IR por ela devido. Consequência Pagar rendimentos do trabalho assalariado Hipótese Norma de Retenção A fonte pagadora (sp) fica obrigada perante a União (sa) a pagar IR sobre o rendimento, diminuído das deduções permitidas, mediante aplicação das alíquotas da tabela progressiva. Consequência RMIT Pagar rendimentos do trabalho assalariado Hipótese
  • 47. Conclusões sobre sujeição passiva, responsabilidade e substituição SIM NÃO NÃO NÃO Substituição NÃO SIM NÃO NÃO Responsabilidade de terceiros NÃO NÃO SIM NÃO Responsabilidade dos sucessores NÃO NÃO NÃO SIM Solidariedade RMIT aliada a norma que prevê retenção ou ressarcimento? Norma primária sancionatória que nasce com o inadimplemento da obrigação prevista na RMIT? Norma primária que nasce com o inadimplemento da obrigação prevista na RMIT? Existência de mais de uma pessoa no pólo passivo da obrigação tributária?