SlideShare uma empresa Scribd logo
Aprender Antropologia
 François Laplantine

           Docente
Profª Mª Andreia Regina Moura
           Mendes
          atenasregina@yahoo.com.br
A Antropologia: uma chave para a
        compreensão do homem
   No final do século XVIII o homem tornou-se o objeto do
    conhecimento de um saber científico constituído na
    época do Iluminismo.
   No século XIX a observação sobre homem se limitava
    ao “estudo das populações que não pertencem à
    civilização ocidental”.
   Com o desenvolvimento das políticas colonialistas, os
    primeiros antropólogos estavam concentrados na
    investigação das chamadas sociedades simples ou
    primitivas.
   O século XX exige da Antropologia o estudo do homem
    em sua totalidade e em todas as sociedades, ou seja
    “levar em consideração as múltiplas dimensões do ser
    humano”.
                        atenasregina@yahoo.com.br
As áreas de atuação antropológica
   Antropologia biológica: leva-se em consideração os fatores culturais
    que influenciam o crescimento e a maturação do indivíduo.
    Interessa-se pela genética das populações que permite discernir o
    que diz respeito ao inato e ao adquirido.
   Antropologia Pré-Histórica: estuda o homem a partir dos vestígios
    de sua cultura material, reconstituindo sociedades desaparecidas.
   Antropologia lingüística: estuda a linguagem para apreender as
    preocupações, valores e imaginário de uma população.
   Antropologia Psicológica: estuda os comportamentos (conscientes
    e inconscientes) dos seres humanos particulares para apreender a
    totalidade.
   Antropologia Social ou Cultural: diz respeito a tudo que constitui
    uma sociedade, seus modos de produção econômica, suas
    técnicas, sua organização política e jurídica, seus sistemas de
    parentesco, suas crenças religiosas, sua língua, sua psicologia,
    suas criações artísticas.

                             atenasregina@yahoo.com.br
O estudo do homem em sua
               diversidade
   A Antropologia é o estudo de todas as sociedades, inclusive a
    nossa.
   Preocupa-se com as culturas da humanidade como um todo, em
    sua diversidade histórica e geográfica.
   Necessidade do exercício do relativismo: “presos à uma única
    cultura somos não apenas cegos à dos outros, mas míopes quando
    se trata da nossa”.
   O conhecimento antropológico de nossa cultura exige o
    conhecimento das outras culturas.
   A unidade humana reside na sua aptidão quase infinita para
    inventar modos de vida e formas de organização social diversas, ou
    seja, a variação cultural.
   O projeto antropológico consiste no conhecimento, reconhecimento
    e compreensão de uma humanidade plural.
   “Eu sou mil possíveis em mim, mas não posso me resignar a querer
    apenas um deles”. Roger Bastide.

                            atenasregina@yahoo.com.br
atenasregina@yahoo.com.br
   A descoberta da alteridade é a de uma relação que nos
    permite deixar de identificar nossa pequena província de
    humanidade com a humanidade, e correlativamente
    deixar de rejeitar o presumido “selvagem” fora de nós
    mesmos.




                        atenasregina@yahoo.com.br
Etnologia ou Antropologia
 O homem é capaz de estudar
  cientificamente o homem?
 Antropologia Social: estudo das
  instituições.
 Antropologia Cultural: estudo dos
  comportamentos.
 Pluralidade irredutível das etnias ou
  unidade do gênero humano?
                  atenasregina@yahoo.com.br
Urgências da Antropologia
   Preservação dos
    patrimônios culturais
    locais ameaçados.
   Análise das mutações
    culturais.




                     atenasregina@yahoo.com.br
Debate antropológico
 “(...) as sociedades são sistemas naturais
  que devem ser estudados segundo os
  métodos comparativos pelas ciências
  naturais”. Radcliffe Brown.
 Para Evans Pritchard é preciso tratar as
  sociedades não como sistemas orgânicos,
  mas como sistemas inorgânicos.
 Brown: Antropologia associada à ciência.
 Pritchard: Antropologia relacionada à arte.

                 atenasregina@yahoo.com.br
atenasregina@yahoo.com.br
A pré-história da Antropologia
 Conquista do Novo Mundo:
 Primeiras observações dos viajantes: recusa do
  estranho.
  fascinação pelo estranho.
“O selvagem como o inverso do civilizado”.




                   atenasregina@yahoo.com.br
A figura do bom selvagem e do
             mau civilizado
   “Assim, essa época, muito timidamente, é
    verdade, e por alguns apenas de seus
    espíritos os menos ortodoxos, a partir da
    observação direta de um objeto distante
    (Léry) e da reflexão a distância sobre este
    objeto (Montaigne) permite a constituição
    progressiva, não de um saber
    antropológico, muito menos de uma
    ciência antropológica, mas sim de um
    saber pré-antropológico”.
                    atenasregina@yahoo.com.br
O século XVIII: a invenção do
          conceito de homem
   Apenas no século XVIII é que se pode
    apreender as condições históricas, culturais e
    epistemológicas de possibilidades daquilo que
    vai tornar a antropologia.
   “Foi Rousseau quem traçou em seu Discurso
    sobre a origem e os fundamentos da
    desigualdade, o programa que se tornará o da
    etnologia clássica, no sei campo temático tanto
    quanto na sua abordagem:a indução (...)”

                      atenasregina@yahoo.com.br
O projeto antropológico
1- Construção de um certo número de conceitos.
2- Constituição de um saber que não seja apenas de reflexão, e sim,
   de observação.
3- A problemática da diferença: a crise de identidade do humanismo e
   da consciência no século XVIII. A busca de referências no confronto
   com o distante.
4- Método de observação e análise: o método indutivo: o
   conhecimento positivo do homem, enquanto existência empírica-
   etnologia (Chavane-1789).
5- Criação da Sociedade dos Observadores do Homem (1799-1805):
   definição do campo de estudo: o homem nos seus aspectos físicos,
   psíquicos, sociais e culturais.
6- Formação de uma nova ciência: ”ciência do homem”, “ciência
   natural”, “ciência de observação”.



                           atenasregina@yahoo.com.br
Obstáculos no século XVIII para
      uma antropologia científica
 Falta de uma distinção entre o saber
  científico e o saber filosófico.
 Discurso antropológico do século XVIII
  inseparável do discurso histórico desse
  período.




                 atenasregina@yahoo.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Aula 1 o que é antropologia
Aula 1   o que é antropologiaAula 1   o que é antropologia
Aula 1 o que é antropologia
Fábio Nogueira, PhD
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
dylan costa
 
Antropologia e cultura tylor boas e malinowski
Antropologia e cultura tylor boas e malinowskiAntropologia e cultura tylor boas e malinowski
Antropologia e cultura tylor boas e malinowski
Celso Firmino Sociologia/Filosofia
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
Magno Oliveira
 
Conceito e origem da antropologia
Conceito e origem da antropologiaConceito e origem da antropologia
Conceito e origem da antropologia
Arare Carvalho Júnior
 
Introdução à filosofia
Introdução à filosofiaIntrodução à filosofia
Introdução à filosofia
PriscillaTomazi2015
 
Cultura um conceito antropológico Roque Laraia
Cultura um conceito antropológico  Roque LaraiaCultura um conceito antropológico  Roque Laraia
Cultura um conceito antropológico Roque Laraia
Gisele Da Fonseca
 
1 Resumo: cultura, um conceito antropológico (LARAIA)
1 Resumo: cultura, um conceito antropológico (LARAIA)1 Resumo: cultura, um conceito antropológico (LARAIA)
1 Resumo: cultura, um conceito antropológico (LARAIA)
Israel serique
 
Relativismo cultural e diversidade cultural
Relativismo cultural e diversidade culturalRelativismo cultural e diversidade cultural
Relativismo cultural e diversidade cultural
Celso Firmino Sociologia/Filosofia
 
O que é cultura?
O que é cultura?O que é cultura?
O que é cultura?
Renata Telha
 
Ciencias sociais power point[1][1][1]
Ciencias sociais   power point[1][1][1]Ciencias sociais   power point[1][1][1]
Ciencias sociais power point[1][1][1]
161912
 
Cultura: um conceito antropológico
Cultura: um conceito antropológicoCultura: um conceito antropológico
Cultura: um conceito antropológico
Direito Nabuco
 
Sociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e SociedadeSociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e Sociedade
Moacyr Anício
 
Cultura e informação roque laraia
Cultura e informação   roque laraiaCultura e informação   roque laraia
Cultura e informação roque laraia
Portal do Vestibulando
 
Aula 4-sociologia-aula-4-antropologia
Aula 4-sociologia-aula-4-antropologiaAula 4-sociologia-aula-4-antropologia
Aula 4-sociologia-aula-4-antropologia
Suely Lima Lopes
 
01 - O que é Sociologia
01 - O que é Sociologia01 - O que é Sociologia
01 - O que é Sociologia
Claudio Henrique Ramos Sales
 
Antropologia e Evolucionismo Social
Antropologia e Evolucionismo SocialAntropologia e Evolucionismo Social
Antropologia e Evolucionismo Social
Unichristus Centro Universitário
 
Antropologia CONCEITOS BÁSICOS
Antropologia CONCEITOS BÁSICOSAntropologia CONCEITOS BÁSICOS
Antropologia CONCEITOS BÁSICOS
Uniceuma
 
Industria Cultural e Cultura de Massa
Industria Cultural e Cultura de MassaIndustria Cultural e Cultura de Massa
Industria Cultural e Cultura de Massa
Elisama Lopes
 
Fases da implantação da sociologia no brasil
Fases da implantação da sociologia no brasilFases da implantação da sociologia no brasil
Fases da implantação da sociologia no brasil
João Marcos Lima Garcia
 

Mais procurados (20)

Aula 1 o que é antropologia
Aula 1   o que é antropologiaAula 1   o que é antropologia
Aula 1 o que é antropologia
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
 
Antropologia e cultura tylor boas e malinowski
Antropologia e cultura tylor boas e malinowskiAntropologia e cultura tylor boas e malinowski
Antropologia e cultura tylor boas e malinowski
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
 
Conceito e origem da antropologia
Conceito e origem da antropologiaConceito e origem da antropologia
Conceito e origem da antropologia
 
Introdução à filosofia
Introdução à filosofiaIntrodução à filosofia
Introdução à filosofia
 
Cultura um conceito antropológico Roque Laraia
Cultura um conceito antropológico  Roque LaraiaCultura um conceito antropológico  Roque Laraia
Cultura um conceito antropológico Roque Laraia
 
1 Resumo: cultura, um conceito antropológico (LARAIA)
1 Resumo: cultura, um conceito antropológico (LARAIA)1 Resumo: cultura, um conceito antropológico (LARAIA)
1 Resumo: cultura, um conceito antropológico (LARAIA)
 
Relativismo cultural e diversidade cultural
Relativismo cultural e diversidade culturalRelativismo cultural e diversidade cultural
Relativismo cultural e diversidade cultural
 
O que é cultura?
O que é cultura?O que é cultura?
O que é cultura?
 
Ciencias sociais power point[1][1][1]
Ciencias sociais   power point[1][1][1]Ciencias sociais   power point[1][1][1]
Ciencias sociais power point[1][1][1]
 
Cultura: um conceito antropológico
Cultura: um conceito antropológicoCultura: um conceito antropológico
Cultura: um conceito antropológico
 
Sociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e SociedadeSociologia, Cultura e Sociedade
Sociologia, Cultura e Sociedade
 
Cultura e informação roque laraia
Cultura e informação   roque laraiaCultura e informação   roque laraia
Cultura e informação roque laraia
 
Aula 4-sociologia-aula-4-antropologia
Aula 4-sociologia-aula-4-antropologiaAula 4-sociologia-aula-4-antropologia
Aula 4-sociologia-aula-4-antropologia
 
01 - O que é Sociologia
01 - O que é Sociologia01 - O que é Sociologia
01 - O que é Sociologia
 
Antropologia e Evolucionismo Social
Antropologia e Evolucionismo SocialAntropologia e Evolucionismo Social
Antropologia e Evolucionismo Social
 
Antropologia CONCEITOS BÁSICOS
Antropologia CONCEITOS BÁSICOSAntropologia CONCEITOS BÁSICOS
Antropologia CONCEITOS BÁSICOS
 
Industria Cultural e Cultura de Massa
Industria Cultural e Cultura de MassaIndustria Cultural e Cultura de Massa
Industria Cultural e Cultura de Massa
 
Fases da implantação da sociologia no brasil
Fases da implantação da sociologia no brasilFases da implantação da sociologia no brasil
Fases da implantação da sociologia no brasil
 

Destaque

Antropologia introdução
Antropologia introduçãoAntropologia introdução
Antropologia introdução
Flávia De Mattos Motta
 
Laplantine.françoise. aprender antropologia
Laplantine.françoise. aprender antropologiaLaplantine.françoise. aprender antropologia
Laplantine.françoise. aprender antropologia
FelipeMiguel12
 
Aprender Antropologia - François Laplantine
Aprender Antropologia - François LaplantineAprender Antropologia - François Laplantine
Aprender Antropologia - François Laplantine
Jéssika Pereira
 
Antropologia jurídica.
Antropologia jurídica. Antropologia jurídica.
Antropologia jurídica.
Direito2012sl08
 
Aula de revisao_-_antropologia_juridica
Aula de revisao_-_antropologia_juridicaAula de revisao_-_antropologia_juridica
Aula de revisao_-_antropologia_juridica
Elenir Flores
 
Resenha antropologia filosófica
Resenha antropologia filosóficaResenha antropologia filosófica
Resenha antropologia filosófica
Guilherme Howes
 
Antropologia da educação
Antropologia da educaçãoAntropologia da educação
Antropologia da educação
JRALBERTY
 
Antropologia: O trabalho de campo etnográfico
Antropologia: O trabalho de campo etnográficoAntropologia: O trabalho de campo etnográfico
Antropologia: O trabalho de campo etnográfico
Flávia De Mattos Motta
 
Antropologia e Educação
Antropologia e EducaçãoAntropologia e Educação
Antropologia e Educação
Clarim Natal
 
Exercícios de antropologia, sociologia e sociologia jurídica 1
Exercícios de antropologia, sociologia e sociologia jurídica   1Exercícios de antropologia, sociologia e sociologia jurídica   1
Exercícios de antropologia, sociologia e sociologia jurídica 1
Sabrina Bitencourt
 
Cultura: um conceito antropologico - Parte 1
Cultura: um conceito antropologico - Parte 1Cultura: um conceito antropologico - Parte 1
Cultura: um conceito antropologico - Parte 1
Leonardo Santos
 
Aprender antropologia (françois laplantine)
Aprender antropologia (françois laplantine)Aprender antropologia (françois laplantine)
Aprender antropologia (françois laplantine)
Nathália Ribeiro de Souza
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Os pais fundadores da etnografia
Os pais fundadores da etnografiaOs pais fundadores da etnografia
Os pais fundadores da etnografia
Andreia Regina Moura Mendes
 
Aula antropologia da educação
Aula antropologia da educaçãoAula antropologia da educação
Aula antropologia da educação
unieubra
 
Antropologia contemporânea cap 10
Antropologia contemporânea cap 10Antropologia contemporânea cap 10
Antropologia contemporânea cap 10
mundissa
 
Questões de Antropologia (livro)
Questões de Antropologia (livro)Questões de Antropologia (livro)
Questões de Antropologia (livro)
roberto mosca junior
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
Andreia Mello
 
Apresentação IV EBPC do artigo Participação Social na Cultura: Análise da ele...
Apresentação IV EBPC do artigo Participação Social na Cultura: Análise da ele...Apresentação IV EBPC do artigo Participação Social na Cultura: Análise da ele...
Apresentação IV EBPC do artigo Participação Social na Cultura: Análise da ele...
Drica Veloso
 
As consequências políticas da pós modernidade e do neoliberalismo
As consequências políticas da pós modernidade e do neoliberalismoAs consequências políticas da pós modernidade e do neoliberalismo
As consequências políticas da pós modernidade e do neoliberalismo
Fernando Alcoforado
 

Destaque (20)

Antropologia introdução
Antropologia introduçãoAntropologia introdução
Antropologia introdução
 
Laplantine.françoise. aprender antropologia
Laplantine.françoise. aprender antropologiaLaplantine.françoise. aprender antropologia
Laplantine.françoise. aprender antropologia
 
Aprender Antropologia - François Laplantine
Aprender Antropologia - François LaplantineAprender Antropologia - François Laplantine
Aprender Antropologia - François Laplantine
 
Antropologia jurídica.
Antropologia jurídica. Antropologia jurídica.
Antropologia jurídica.
 
Aula de revisao_-_antropologia_juridica
Aula de revisao_-_antropologia_juridicaAula de revisao_-_antropologia_juridica
Aula de revisao_-_antropologia_juridica
 
Resenha antropologia filosófica
Resenha antropologia filosóficaResenha antropologia filosófica
Resenha antropologia filosófica
 
Antropologia da educação
Antropologia da educaçãoAntropologia da educação
Antropologia da educação
 
Antropologia: O trabalho de campo etnográfico
Antropologia: O trabalho de campo etnográficoAntropologia: O trabalho de campo etnográfico
Antropologia: O trabalho de campo etnográfico
 
Antropologia e Educação
Antropologia e EducaçãoAntropologia e Educação
Antropologia e Educação
 
Exercícios de antropologia, sociologia e sociologia jurídica 1
Exercícios de antropologia, sociologia e sociologia jurídica   1Exercícios de antropologia, sociologia e sociologia jurídica   1
Exercícios de antropologia, sociologia e sociologia jurídica 1
 
Cultura: um conceito antropologico - Parte 1
Cultura: um conceito antropologico - Parte 1Cultura: um conceito antropologico - Parte 1
Cultura: um conceito antropologico - Parte 1
 
Aprender antropologia (françois laplantine)
Aprender antropologia (françois laplantine)Aprender antropologia (françois laplantine)
Aprender antropologia (françois laplantine)
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
 
Os pais fundadores da etnografia
Os pais fundadores da etnografiaOs pais fundadores da etnografia
Os pais fundadores da etnografia
 
Aula antropologia da educação
Aula antropologia da educaçãoAula antropologia da educação
Aula antropologia da educação
 
Antropologia contemporânea cap 10
Antropologia contemporânea cap 10Antropologia contemporânea cap 10
Antropologia contemporânea cap 10
 
Questões de Antropologia (livro)
Questões de Antropologia (livro)Questões de Antropologia (livro)
Questões de Antropologia (livro)
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
 
Apresentação IV EBPC do artigo Participação Social na Cultura: Análise da ele...
Apresentação IV EBPC do artigo Participação Social na Cultura: Análise da ele...Apresentação IV EBPC do artigo Participação Social na Cultura: Análise da ele...
Apresentação IV EBPC do artigo Participação Social na Cultura: Análise da ele...
 
As consequências políticas da pós modernidade e do neoliberalismo
As consequências políticas da pós modernidade e do neoliberalismoAs consequências políticas da pós modernidade e do neoliberalismo
As consequências políticas da pós modernidade e do neoliberalismo
 

Semelhante a Aprender antropologia

FACELI - DIREITO - 2° período - Curso de Homem, cultura e sociedade - 02
FACELI - DIREITO - 2° período - Curso de Homem, cultura e sociedade - 02FACELI - DIREITO - 2° período - Curso de Homem, cultura e sociedade - 02
FACELI - DIREITO - 2° período - Curso de Homem, cultura e sociedade - 02
Jordano Santos Cerqueira
 
Antropologia - Disciplina de Fundamentos de Filosofia e Ciências Humanas
Antropologia - Disciplina de Fundamentos de Filosofia e Ciências HumanasAntropologia - Disciplina de Fundamentos de Filosofia e Ciências Humanas
Antropologia - Disciplina de Fundamentos de Filosofia e Ciências Humanas
danielaleite59
 
Antropologia (1).ppt
Antropologia (1).pptAntropologia (1).ppt
Antropologia (1).ppt
TlioLucena5
 
introdução a antropologia, histórico.pptx
introdução a antropologia, histórico.pptxintrodução a antropologia, histórico.pptx
introdução a antropologia, histórico.pptx
JessiellyGuimares
 
Modulo de Antropologia em Apresentacao.pptx
Modulo de Antropologia em Apresentacao.pptxModulo de Antropologia em Apresentacao.pptx
Modulo de Antropologia em Apresentacao.pptx
GuidoEduardoAntnio
 
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
firminomaissociologiafilosofia2019
 
Aula 1 antropologia
Aula 1   antropologiaAula 1   antropologia
Aula 1 antropologia
Ludmila Moura
 
Slides - Aula 01 - O surgimento da Antropologia e as suas escolas.pdf
Slides - Aula 01 - O surgimento da Antropologia e as suas escolas.pdfSlides - Aula 01 - O surgimento da Antropologia e as suas escolas.pdf
Slides - Aula 01 - O surgimento da Antropologia e as suas escolas.pdf
Natan Baptista
 
História da Antropologia_ teoria, método e colonialismo.pdf
História da Antropologia_ teoria, método e colonialismo.pdfHistória da Antropologia_ teoria, método e colonialismo.pdf
História da Antropologia_ teoria, método e colonialismo.pdf
FelipeCavalcantiFerr
 
Aprender Antropologia - Introdução - Laplantine.pptx
Aprender Antropologia - Introdução - Laplantine.pptxAprender Antropologia - Introdução - Laplantine.pptx
Aprender Antropologia - Introdução - Laplantine.pptx
Ranna Pinho
 
Antropologia.sintese paradigmas e escolas
Antropologia.sintese paradigmas e escolasAntropologia.sintese paradigmas e escolas
Antropologia.sintese paradigmas e escolas
João Filho
 
CiênciasSociais_Antropologia1.pdf
CiênciasSociais_Antropologia1.pdfCiênciasSociais_Antropologia1.pdf
CiênciasSociais_Antropologia1.pdf
Gustavo612928
 
Slide de Antropologia - Antropologia da Alimentação
Slide de Antropologia - Antropologia da AlimentaçãoSlide de Antropologia - Antropologia da Alimentação
Slide de Antropologia - Antropologia da Alimentação
SilviaSales6
 
Antropologia texto 1
Antropologia   texto 1Antropologia   texto 1
Antropologia texto 1
Charlison Melo Guimarães
 
A antropologia como ciência (unopar)
A antropologia como ciência (unopar)A antropologia como ciência (unopar)
A antropologia como ciência (unopar)
Kaio Maluf
 
Texto de apoio de antropologia cultural
Texto de apoio  de antropologia culturalTexto de apoio  de antropologia cultural
Texto de apoio de antropologia cultural
marcelestevao
 
Aprender antropologia
Aprender antropologiaAprender antropologia
Aprender antropologia
Rodrigo Augusto
 
Antorpologia filosofica
Antorpologia filosoficaAntorpologia filosofica
Antorpologia filosofica
celio correa
 
O espetáculo das raças antropologia brasileira
O espetáculo das raças antropologia brasileiraO espetáculo das raças antropologia brasileira
O espetáculo das raças antropologia brasileira
Jéssica de Paula
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
Jorgelgl
 

Semelhante a Aprender antropologia (20)

FACELI - DIREITO - 2° período - Curso de Homem, cultura e sociedade - 02
FACELI - DIREITO - 2° período - Curso de Homem, cultura e sociedade - 02FACELI - DIREITO - 2° período - Curso de Homem, cultura e sociedade - 02
FACELI - DIREITO - 2° período - Curso de Homem, cultura e sociedade - 02
 
Antropologia - Disciplina de Fundamentos de Filosofia e Ciências Humanas
Antropologia - Disciplina de Fundamentos de Filosofia e Ciências HumanasAntropologia - Disciplina de Fundamentos de Filosofia e Ciências Humanas
Antropologia - Disciplina de Fundamentos de Filosofia e Ciências Humanas
 
Antropologia (1).ppt
Antropologia (1).pptAntropologia (1).ppt
Antropologia (1).ppt
 
introdução a antropologia, histórico.pptx
introdução a antropologia, histórico.pptxintrodução a antropologia, histórico.pptx
introdução a antropologia, histórico.pptx
 
Modulo de Antropologia em Apresentacao.pptx
Modulo de Antropologia em Apresentacao.pptxModulo de Antropologia em Apresentacao.pptx
Modulo de Antropologia em Apresentacao.pptx
 
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
ANTROPOLOGIA: CIÊNCIA DA ALTERIDADE.
 
Aula 1 antropologia
Aula 1   antropologiaAula 1   antropologia
Aula 1 antropologia
 
Slides - Aula 01 - O surgimento da Antropologia e as suas escolas.pdf
Slides - Aula 01 - O surgimento da Antropologia e as suas escolas.pdfSlides - Aula 01 - O surgimento da Antropologia e as suas escolas.pdf
Slides - Aula 01 - O surgimento da Antropologia e as suas escolas.pdf
 
História da Antropologia_ teoria, método e colonialismo.pdf
História da Antropologia_ teoria, método e colonialismo.pdfHistória da Antropologia_ teoria, método e colonialismo.pdf
História da Antropologia_ teoria, método e colonialismo.pdf
 
Aprender Antropologia - Introdução - Laplantine.pptx
Aprender Antropologia - Introdução - Laplantine.pptxAprender Antropologia - Introdução - Laplantine.pptx
Aprender Antropologia - Introdução - Laplantine.pptx
 
Antropologia.sintese paradigmas e escolas
Antropologia.sintese paradigmas e escolasAntropologia.sintese paradigmas e escolas
Antropologia.sintese paradigmas e escolas
 
CiênciasSociais_Antropologia1.pdf
CiênciasSociais_Antropologia1.pdfCiênciasSociais_Antropologia1.pdf
CiênciasSociais_Antropologia1.pdf
 
Slide de Antropologia - Antropologia da Alimentação
Slide de Antropologia - Antropologia da AlimentaçãoSlide de Antropologia - Antropologia da Alimentação
Slide de Antropologia - Antropologia da Alimentação
 
Antropologia texto 1
Antropologia   texto 1Antropologia   texto 1
Antropologia texto 1
 
A antropologia como ciência (unopar)
A antropologia como ciência (unopar)A antropologia como ciência (unopar)
A antropologia como ciência (unopar)
 
Texto de apoio de antropologia cultural
Texto de apoio  de antropologia culturalTexto de apoio  de antropologia cultural
Texto de apoio de antropologia cultural
 
Aprender antropologia
Aprender antropologiaAprender antropologia
Aprender antropologia
 
Antorpologia filosofica
Antorpologia filosoficaAntorpologia filosofica
Antorpologia filosofica
 
O espetáculo das raças antropologia brasileira
O espetáculo das raças antropologia brasileiraO espetáculo das raças antropologia brasileira
O espetáculo das raças antropologia brasileira
 
Antropologia
AntropologiaAntropologia
Antropologia
 

Mais de Andreia Regina Moura Mendes

Os deuses gregos e a origem dos mitos
 Os deuses gregos e a origem dos mitos Os deuses gregos e a origem dos mitos
Os deuses gregos e a origem dos mitos
Andreia Regina Moura Mendes
 
Aula O ofício do cientista social- relato de uma pesquisa
Aula O ofício do cientista social- relato de uma pesquisaAula O ofício do cientista social- relato de uma pesquisa
Aula O ofício do cientista social- relato de uma pesquisa
Andreia Regina Moura Mendes
 
Módulo do curso de didática: A A função social da ensino
Módulo do curso de didática: A A função social da ensinoMódulo do curso de didática: A A função social da ensino
Módulo do curso de didática: A A função social da ensino
Andreia Regina Moura Mendes
 
Aula Os sete saberes necessários à educação do futuro
Aula Os sete saberes necessários à educação do futuroAula Os sete saberes necessários à educação do futuro
Aula Os sete saberes necessários à educação do futuro
Andreia Regina Moura Mendes
 
Palestra Competências para a cibercultura
Palestra Competências para a ciberculturaPalestra Competências para a cibercultura
Palestra Competências para a cibercultura
Andreia Regina Moura Mendes
 
Aula Sociologia da educação
Aula Sociologia da educaçãoAula Sociologia da educação
Aula Sociologia da educação
Andreia Regina Moura Mendes
 
Aula O nascimento da filosofia 2015
Aula  O nascimento da filosofia 2015Aula  O nascimento da filosofia 2015
Aula O nascimento da filosofia 2015
Andreia Regina Moura Mendes
 
Aula A origem da filosofia
Aula  A origem da filosofia Aula  A origem da filosofia
Aula A origem da filosofia
Andreia Regina Moura Mendes
 
Aula Para que serve a filosofia?
Aula  Para que serve a filosofia?Aula  Para que serve a filosofia?
Aula Para que serve a filosofia?
Andreia Regina Moura Mendes
 
Diferentes modos de se viver a paixão
Diferentes modos de se viver a paixãoDiferentes modos de se viver a paixão
Diferentes modos de se viver a paixão
Andreia Regina Moura Mendes
 
Malhação do Judas: rito e identidade
Malhação do Judas: rito e identidadeMalhação do Judas: rito e identidade
Malhação do Judas: rito e identidade
Andreia Regina Moura Mendes
 
Cibercultura a sociedade em rede e as mídias interativas
Cibercultura a sociedade em rede e as mídias interativasCibercultura a sociedade em rede e as mídias interativas
Cibercultura a sociedade em rede e as mídias interativas
Andreia Regina Moura Mendes
 
O que é pós moderno
O que é pós modernoO que é pós moderno
O que é pós moderno
Andreia Regina Moura Mendes
 
Ciência com consciência
Ciência com consciênciaCiência com consciência
Ciência com consciência
Andreia Regina Moura Mendes
 
Faces da história
Faces da históriaFaces da história
Faces da história
Andreia Regina Moura Mendes
 
O que é etnocentrismo
O que é etnocentrismoO que é etnocentrismo
O que é etnocentrismo
Andreia Regina Moura Mendes
 
Democracia
DemocraciaDemocracia
Avaliação e o trabalho com as TIC's: as novas competências do professor na ci...
Avaliação e o trabalho com as TIC's: as novas competências do professor na ci...Avaliação e o trabalho com as TIC's: as novas competências do professor na ci...
Avaliação e o trabalho com as TIC's: as novas competências do professor na ci...
Andreia Regina Moura Mendes
 
Cibercultura e educação
Cibercultura e educação Cibercultura e educação
Cibercultura e educação
Andreia Regina Moura Mendes
 

Mais de Andreia Regina Moura Mendes (20)

Os deuses gregos e a origem dos mitos
 Os deuses gregos e a origem dos mitos Os deuses gregos e a origem dos mitos
Os deuses gregos e a origem dos mitos
 
Aula O ofício do cientista social- relato de uma pesquisa
Aula O ofício do cientista social- relato de uma pesquisaAula O ofício do cientista social- relato de uma pesquisa
Aula O ofício do cientista social- relato de uma pesquisa
 
Módulo do curso de didática: A A função social da ensino
Módulo do curso de didática: A A função social da ensinoMódulo do curso de didática: A A função social da ensino
Módulo do curso de didática: A A função social da ensino
 
Aula Os sete saberes necessários à educação do futuro
Aula Os sete saberes necessários à educação do futuroAula Os sete saberes necessários à educação do futuro
Aula Os sete saberes necessários à educação do futuro
 
Palestra Competências para a cibercultura
Palestra Competências para a ciberculturaPalestra Competências para a cibercultura
Palestra Competências para a cibercultura
 
Aula Sociologia da educação
Aula Sociologia da educaçãoAula Sociologia da educação
Aula Sociologia da educação
 
Aula O nascimento da filosofia 2015
Aula  O nascimento da filosofia 2015Aula  O nascimento da filosofia 2015
Aula O nascimento da filosofia 2015
 
Aula A origem da filosofia
Aula  A origem da filosofia Aula  A origem da filosofia
Aula A origem da filosofia
 
Aula Para que serve a filosofia?
Aula  Para que serve a filosofia?Aula  Para que serve a filosofia?
Aula Para que serve a filosofia?
 
Diferentes modos de se viver a paixão
Diferentes modos de se viver a paixãoDiferentes modos de se viver a paixão
Diferentes modos de se viver a paixão
 
Malhação do Judas: rito e identidade
Malhação do Judas: rito e identidadeMalhação do Judas: rito e identidade
Malhação do Judas: rito e identidade
 
Cibercultura a sociedade em rede e as mídias interativas
Cibercultura a sociedade em rede e as mídias interativasCibercultura a sociedade em rede e as mídias interativas
Cibercultura a sociedade em rede e as mídias interativas
 
O que é pós moderno
O que é pós modernoO que é pós moderno
O que é pós moderno
 
O conhecimento
O conhecimentoO conhecimento
O conhecimento
 
Ciência com consciência
Ciência com consciênciaCiência com consciência
Ciência com consciência
 
Faces da história
Faces da históriaFaces da história
Faces da história
 
O que é etnocentrismo
O que é etnocentrismoO que é etnocentrismo
O que é etnocentrismo
 
Democracia
DemocraciaDemocracia
Democracia
 
Avaliação e o trabalho com as TIC's: as novas competências do professor na ci...
Avaliação e o trabalho com as TIC's: as novas competências do professor na ci...Avaliação e o trabalho com as TIC's: as novas competências do professor na ci...
Avaliação e o trabalho com as TIC's: as novas competências do professor na ci...
 
Cibercultura e educação
Cibercultura e educação Cibercultura e educação
Cibercultura e educação
 

Aprender antropologia

  • 1. Aprender Antropologia François Laplantine Docente Profª Mª Andreia Regina Moura Mendes atenasregina@yahoo.com.br
  • 2. A Antropologia: uma chave para a compreensão do homem  No final do século XVIII o homem tornou-se o objeto do conhecimento de um saber científico constituído na época do Iluminismo.  No século XIX a observação sobre homem se limitava ao “estudo das populações que não pertencem à civilização ocidental”.  Com o desenvolvimento das políticas colonialistas, os primeiros antropólogos estavam concentrados na investigação das chamadas sociedades simples ou primitivas.  O século XX exige da Antropologia o estudo do homem em sua totalidade e em todas as sociedades, ou seja “levar em consideração as múltiplas dimensões do ser humano”. atenasregina@yahoo.com.br
  • 3. As áreas de atuação antropológica  Antropologia biológica: leva-se em consideração os fatores culturais que influenciam o crescimento e a maturação do indivíduo. Interessa-se pela genética das populações que permite discernir o que diz respeito ao inato e ao adquirido.  Antropologia Pré-Histórica: estuda o homem a partir dos vestígios de sua cultura material, reconstituindo sociedades desaparecidas.  Antropologia lingüística: estuda a linguagem para apreender as preocupações, valores e imaginário de uma população.  Antropologia Psicológica: estuda os comportamentos (conscientes e inconscientes) dos seres humanos particulares para apreender a totalidade.  Antropologia Social ou Cultural: diz respeito a tudo que constitui uma sociedade, seus modos de produção econômica, suas técnicas, sua organização política e jurídica, seus sistemas de parentesco, suas crenças religiosas, sua língua, sua psicologia, suas criações artísticas. atenasregina@yahoo.com.br
  • 4. O estudo do homem em sua diversidade  A Antropologia é o estudo de todas as sociedades, inclusive a nossa.  Preocupa-se com as culturas da humanidade como um todo, em sua diversidade histórica e geográfica.  Necessidade do exercício do relativismo: “presos à uma única cultura somos não apenas cegos à dos outros, mas míopes quando se trata da nossa”.  O conhecimento antropológico de nossa cultura exige o conhecimento das outras culturas.  A unidade humana reside na sua aptidão quase infinita para inventar modos de vida e formas de organização social diversas, ou seja, a variação cultural.  O projeto antropológico consiste no conhecimento, reconhecimento e compreensão de uma humanidade plural.  “Eu sou mil possíveis em mim, mas não posso me resignar a querer apenas um deles”. Roger Bastide. atenasregina@yahoo.com.br
  • 6. A descoberta da alteridade é a de uma relação que nos permite deixar de identificar nossa pequena província de humanidade com a humanidade, e correlativamente deixar de rejeitar o presumido “selvagem” fora de nós mesmos. atenasregina@yahoo.com.br
  • 7. Etnologia ou Antropologia  O homem é capaz de estudar cientificamente o homem?  Antropologia Social: estudo das instituições.  Antropologia Cultural: estudo dos comportamentos.  Pluralidade irredutível das etnias ou unidade do gênero humano? atenasregina@yahoo.com.br
  • 8. Urgências da Antropologia  Preservação dos patrimônios culturais locais ameaçados.  Análise das mutações culturais. atenasregina@yahoo.com.br
  • 9. Debate antropológico  “(...) as sociedades são sistemas naturais que devem ser estudados segundo os métodos comparativos pelas ciências naturais”. Radcliffe Brown.  Para Evans Pritchard é preciso tratar as sociedades não como sistemas orgânicos, mas como sistemas inorgânicos.  Brown: Antropologia associada à ciência.  Pritchard: Antropologia relacionada à arte. atenasregina@yahoo.com.br
  • 11. A pré-história da Antropologia  Conquista do Novo Mundo:  Primeiras observações dos viajantes: recusa do estranho. fascinação pelo estranho. “O selvagem como o inverso do civilizado”. atenasregina@yahoo.com.br
  • 12. A figura do bom selvagem e do mau civilizado  “Assim, essa época, muito timidamente, é verdade, e por alguns apenas de seus espíritos os menos ortodoxos, a partir da observação direta de um objeto distante (Léry) e da reflexão a distância sobre este objeto (Montaigne) permite a constituição progressiva, não de um saber antropológico, muito menos de uma ciência antropológica, mas sim de um saber pré-antropológico”. atenasregina@yahoo.com.br
  • 13. O século XVIII: a invenção do conceito de homem  Apenas no século XVIII é que se pode apreender as condições históricas, culturais e epistemológicas de possibilidades daquilo que vai tornar a antropologia.  “Foi Rousseau quem traçou em seu Discurso sobre a origem e os fundamentos da desigualdade, o programa que se tornará o da etnologia clássica, no sei campo temático tanto quanto na sua abordagem:a indução (...)” atenasregina@yahoo.com.br
  • 14. O projeto antropológico 1- Construção de um certo número de conceitos. 2- Constituição de um saber que não seja apenas de reflexão, e sim, de observação. 3- A problemática da diferença: a crise de identidade do humanismo e da consciência no século XVIII. A busca de referências no confronto com o distante. 4- Método de observação e análise: o método indutivo: o conhecimento positivo do homem, enquanto existência empírica- etnologia (Chavane-1789). 5- Criação da Sociedade dos Observadores do Homem (1799-1805): definição do campo de estudo: o homem nos seus aspectos físicos, psíquicos, sociais e culturais. 6- Formação de uma nova ciência: ”ciência do homem”, “ciência natural”, “ciência de observação”. atenasregina@yahoo.com.br
  • 15. Obstáculos no século XVIII para uma antropologia científica  Falta de uma distinção entre o saber científico e o saber filosófico.  Discurso antropológico do século XVIII inseparável do discurso histórico desse período. atenasregina@yahoo.com.br