SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES E OS USOS POTENCIAIS DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS EM EDUCAÇÃO Kátia Esther Fonseca dos Santos - 20091208241 Mayara da Conceição Menezes - 20091208211 Patrícia de Oliveira Gonçalves Lamy - 20091208073 Wilou Hudson Penha – 20091208166 Pólo: Angra dos Reis Disciplina: Educação à Distância
As tecnologias digitais e a escola Não podemos negar que os avanços tecnológicos têm contribuído de maneira muito importante para que o mundo se torne mais homogêneo. O mundo  tornou-se  uma grande rede, na qual,  cada um dos componentes pode interagir e influenciar todo o sistema. Os avanços tecnológicos e o computador estão criando profundas mudanças sociais, permitindo aos indivíduos, além da obtenção de informações e de entretenimento, a inserção em novas comunidades virtuais e até mesmo a criação de grupos com identidades próprias.
Segundo Kellner (1999, p. 23), a nova realidade do mundo atual, ao mesmo tempo em que se pode reforçar as relações capitalistas de produção e de hegemonia, permite democratizar, humanizar e transformar as desigualdades existentes no domínio de classe, raça e gênero.
A tecnologia como democratizadora A tecnologia é democratizadora na medida em que não está restrita a uma única sociedade ou cultura específica; Mas ela é uma simples ferramenta, que quando bem utilizada pode contribuir para enriquecer a sociedade.
Exclusão digital Mas existe ainda uma desigualdade significativa quando o assunto é mundo digital. No Brasil, por exemplo, o acesso a computadores reflete as  suas desigualdades  econômicas e sociais e revela uma clara situação de “apartheid digital”.
A escola no contexto tecnológico A escola não pode ficar à margem das transformações e dos avanços tecnológicos que vem ocorrendo no mundo do trabalho e nas formas de vida em sociedade. A difusão da informática e das TIC associadas à educação favorecem a aplicação de novas abordagens de ensino-aprendizagem e estratégias pedagógicas.
Escola e as tecnologias digitais A utilização de novas tecnologias nas escolas pode trazer, sem dúvida alguma, ganhos significativos para o aprendizado. Estes ganhos podem ser expressos não somente em termos de enriquecimento de conteúdos, mas também sob a forma de motivação para alunos e professores.
O professor  e as tecnologias digitais Para que a escola utilize essa tecnologia em sua plenitude, enriquecendo o processo de aprendizagem, não basta apenas a aquisição de equipamentos. O mais importante, e o mais difícil de se atingir, é a “cultura” necessária para se empregar a tecnologia de maneira adequada.
O professor precisa se capacitar e compreender o seu novo papel a desempenhar, precisam saber os limites dessas tecnologias, precisam querer se adequar a esse mundo digital. E as escolas precisam ter uma visão clara e ampla do que significa ensinar “hoje”.
A formação dos professores Um fator importante, e que geralmente não é muito levado em conta é a preparação desses professores para utilização dessas tecnologias. O que encontramos na maioria das escolas são profissionais despreparados para usarem as tecnologias em suas próprias tarefas e, mais ainda, para levar os alunos a usarem-nas plenamente.
O professor tem em sua bagagem uma pedagogia baseada em procedimentos que visam a acumulação de informações pelos alunos e essa visão não cabe mais no espaço escolar. Estamos diante de um processo de mudança da escola que coincide com a mudança da função do computador, considerando-o agora, como importante auxílio para a aprendizagem.
Repensar...  Devemos repensar o papel e a função da educação escolar e reconhecer essa transformação com uma visão que pretenda alcançar novas exigências em relação ao aprender. A escola como uma das instituições mais importantes e influentes da sociedade não pode ficar à margem do processo de modernização.
O papel do professor Diante do quadro de novas demandas inseridas na Educação, o professor terá papéis diferentes a desempenhar, o que evidentemente torna necessários novos modos de formação para sua prática e durante ela. O professor agora é aquele que contribui, apoiando trabalhos escolares, atuando como um colaborador e um agente que estimulará   a relação dos alunos com as tecnologias , em prol de uma educação melhor.
Tecnologia para fins educacionais A utilização da internet para fins educacionais é cada vez mais importante e já é uma realidade presente, mas é preciso que o professor saiba aproveitar as tecnologias que ele tem. Não basta permanecer com a educação bancária, é necessário utilizar todos os recursos que o ambiente digital oferece e planejar uma aula dinâmica e interativa.
Concluindo... A adoção das tecnologias digitais na educação requer a utilização de novos princípios, noções, critérios, conceitos e valores, colocando em xeque o modelo de educação atual, fundamentado em teorias de ensino-aprendizagem tradicionais e já ultrapassadas, que se baseiam numa escola que só deve ensinar conteúdos e repassar grandes volumes de informações.    Para que possa ocorrer uma ruptura significativa com esse modelo ultrapassado, que ainda continua existindo nas práticas pedagógicas é necessário  que os professores assumam uma postura reflexiva em relação à sua formação.
Bibliografia KELLNER, Douglas. Marxismo e a Supervia da Informação. Tradução de Newton Ramos de Oliveira. LOCAL, EDITORA.. (Unesp/Ufscar/CNPq)., 1999. TEPEDINO, Simone A. Santos Autoformação do professor para uso de tecnologiasdigitais na educação. Dissertação de mestrado apresentada na PUC – MG – 2004. Disponível em http://biblioteca.pucminas.br/teses/educação. ALARCÃO, Isabel, Refletir na prática. São Paulo. Disponível em: <http://novaescola.abril.com.br/index.htm?ed/154_ago02/html/fala_mestre> Acesso em 30 maio 2004. ALMEIDA, Fernando. J. Educação e informática: os computadores na escola. São Paulo: Cortez, 1984. MORAN, José Manuel. O que é educação a distância. Disponível em WWW.ecas.usp.br/prof/moran/dist.htm. jrbarboza.blogspot.com tamireslimabio.blogspot.com

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Educação informatizada
Educação informatizadaEducação informatizada
Educação informatizadaIfreal
 
A escola do século XXI: As redes sociais na educação
A escola do século XXI:  As redes sociais na educaçãoA escola do século XXI:  As redes sociais na educação
A escola do século XXI: As redes sociais na educaçãoFuncionário público
 
Desafios da educação guilherme e gabriel.pptx.pptx
Desafios da educação guilherme e gabriel.pptx.pptxDesafios da educação guilherme e gabriel.pptx.pptx
Desafios da educação guilherme e gabriel.pptx.pptxGuilhermeLucas1992
 
Texto preliminar eliana, alexsandra, humberto
Texto preliminar   eliana, alexsandra, humbertoTexto preliminar   eliana, alexsandra, humberto
Texto preliminar eliana, alexsandra, humbertoelianabraungorl
 
Projeto de intervenção pedagógica - Como estão sendo utilizadas as tecnologia...
Projeto de intervenção pedagógica - Como estão sendo utilizadas as tecnologia...Projeto de intervenção pedagógica - Como estão sendo utilizadas as tecnologia...
Projeto de intervenção pedagógica - Como estão sendo utilizadas as tecnologia...Professsor Marcos Marcos
 
A informática educativa
A informática educativaA informática educativa
A informática educativakellyadamsj
 
As tic na formação do professor um caminho a ser trilhado
As tic na formação do professor um caminho a ser trilhadoAs tic na formação do professor um caminho a ser trilhado
As tic na formação do professor um caminho a ser trilhadocpneto
 
Projeto as tecnologias em sala de aula
Projeto as tecnologias em sala de aulaProjeto as tecnologias em sala de aula
Projeto as tecnologias em sala de aulaisabelmarasca
 
Adriana ApresentaçãOartigo
Adriana   ApresentaçãOartigoAdriana   ApresentaçãOartigo
Adriana ApresentaçãOartigoAdriana Sitta
 
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...Mauricio Maulaz
 

Mais procurados (15)

Educação informatizada
Educação informatizadaEducação informatizada
Educação informatizada
 
A escola do século XXI: As redes sociais na educação
A escola do século XXI:  As redes sociais na educaçãoA escola do século XXI:  As redes sociais na educação
A escola do século XXI: As redes sociais na educação
 
Educação & tecnologia
Educação & tecnologiaEducação & tecnologia
Educação & tecnologia
 
Desafios da educação guilherme e gabriel.pptx.pptx
Desafios da educação guilherme e gabriel.pptx.pptxDesafios da educação guilherme e gabriel.pptx.pptx
Desafios da educação guilherme e gabriel.pptx.pptx
 
Texto preliminar eliana, alexsandra, humberto
Texto preliminar   eliana, alexsandra, humbertoTexto preliminar   eliana, alexsandra, humberto
Texto preliminar eliana, alexsandra, humberto
 
Inclusão digital
Inclusão digitalInclusão digital
Inclusão digital
 
Projeto de intervenção pedagógica - Como estão sendo utilizadas as tecnologia...
Projeto de intervenção pedagógica - Como estão sendo utilizadas as tecnologia...Projeto de intervenção pedagógica - Como estão sendo utilizadas as tecnologia...
Projeto de intervenção pedagógica - Como estão sendo utilizadas as tecnologia...
 
A informática educativa
A informática educativaA informática educativa
A informática educativa
 
Tecnologia o USO COTIDIANO ESCOLAR
Tecnologia o USO COTIDIANO ESCOLARTecnologia o USO COTIDIANO ESCOLAR
Tecnologia o USO COTIDIANO ESCOLAR
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 
As tic na formação do professor um caminho a ser trilhado
As tic na formação do professor um caminho a ser trilhadoAs tic na formação do professor um caminho a ser trilhado
As tic na formação do professor um caminho a ser trilhado
 
Monografia
MonografiaMonografia
Monografia
 
Projeto as tecnologias em sala de aula
Projeto as tecnologias em sala de aulaProjeto as tecnologias em sala de aula
Projeto as tecnologias em sala de aula
 
Adriana ApresentaçãOartigo
Adriana   ApresentaçãOartigoAdriana   ApresentaçãOartigo
Adriana ApresentaçãOartigo
 
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
As inovações tecnológicas e os sistemas educacionais: os impactos, limites, d...
 

Destaque

Trigonometria no triângulo retângulo
Trigonometria no triângulo retânguloTrigonometria no triângulo retângulo
Trigonometria no triângulo retângulonaygno
 
Matemática - Geometria Plana - Livro pdf
Matemática - Geometria Plana - Livro pdfMatemática - Geometria Plana - Livro pdf
Matemática - Geometria Plana - Livro pdfLucas pk'
 
ATIVIDADES DE GEOMETRIA - IV BIMESTRE - 9ANO E 3 ANO
ATIVIDADES DE GEOMETRIA - IV BIMESTRE - 9ANO E 3 ANOATIVIDADES DE GEOMETRIA - IV BIMESTRE - 9ANO E 3 ANO
ATIVIDADES DE GEOMETRIA - IV BIMESTRE - 9ANO E 3 ANOHélio Rocha
 
Prova de Matemática 8ano
Prova de Matemática 8anoProva de Matemática 8ano
Prova de Matemática 8anoHélio Rocha
 
Atividade resolvida teorema de tales
Atividade resolvida teorema de talesAtividade resolvida teorema de tales
Atividade resolvida teorema de talesKaren Paz
 
Exercícios do Teorema de Pitágoras
Exercícios do Teorema de PitágorasExercícios do Teorema de Pitágoras
Exercícios do Teorema de PitágorasAjudar Pessoas
 
Angulos Opostos Retos Rasos Suplementares
Angulos Opostos Retos Rasos SuplementaresAngulos Opostos Retos Rasos Suplementares
Angulos Opostos Retos Rasos Suplementarestioheraclito
 
Angulos e retas 5º ano - ficha de revisões
Angulos e retas   5º ano - ficha de revisõesAngulos e retas   5º ano - ficha de revisões
Angulos e retas 5º ano - ficha de revisõesAna Tapadinhas
 
Questões para testes e provas 8a série 9 ano
Questões para testes e provas 8a  série 9 ano Questões para testes e provas 8a  série 9 ano
Questões para testes e provas 8a série 9 ano Helen Dias
 
Lista de exercícios 9º ano (relações métricas no triângulo retângulo - teor...
Lista de exercícios   9º ano (relações métricas no triângulo retângulo - teor...Lista de exercícios   9º ano (relações métricas no triângulo retângulo - teor...
Lista de exercícios 9º ano (relações métricas no triângulo retângulo - teor...Ilton Bruno
 
8 ano - Exercícios - Ângulos
8 ano - Exercícios - Ângulos8 ano - Exercícios - Ângulos
8 ano - Exercícios - ÂngulosAndréia Rodrigues
 
Ap geometria plana resolvidos
Ap geometria plana resolvidosAp geometria plana resolvidos
Ap geometria plana resolvidostrigono_metrico
 
Matemática exercícios resolvidos - 01 m1 geometria métrica plana
Matemática   exercícios resolvidos - 01 m1 geometria métrica planaMatemática   exercícios resolvidos - 01 m1 geometria métrica plana
Matemática exercícios resolvidos - 01 m1 geometria métrica planaevandrovv
 

Destaque (16)

Prova do 9º ano
Prova do 9º anoProva do 9º ano
Prova do 9º ano
 
Trigonometria no triângulo retângulo
Trigonometria no triângulo retânguloTrigonometria no triângulo retângulo
Trigonometria no triângulo retângulo
 
Matemática - Geometria Plana - Livro pdf
Matemática - Geometria Plana - Livro pdfMatemática - Geometria Plana - Livro pdf
Matemática - Geometria Plana - Livro pdf
 
ATIVIDADES DE GEOMETRIA - IV BIMESTRE - 9ANO E 3 ANO
ATIVIDADES DE GEOMETRIA - IV BIMESTRE - 9ANO E 3 ANOATIVIDADES DE GEOMETRIA - IV BIMESTRE - 9ANO E 3 ANO
ATIVIDADES DE GEOMETRIA - IV BIMESTRE - 9ANO E 3 ANO
 
Prova de Matemática 8ano
Prova de Matemática 8anoProva de Matemática 8ano
Prova de Matemática 8ano
 
Atividades matematica angulos
Atividades matematica angulosAtividades matematica angulos
Atividades matematica angulos
 
Atividade resolvida teorema de tales
Atividade resolvida teorema de talesAtividade resolvida teorema de tales
Atividade resolvida teorema de tales
 
Exercícios do Teorema de Pitágoras
Exercícios do Teorema de PitágorasExercícios do Teorema de Pitágoras
Exercícios do Teorema de Pitágoras
 
Angulos Opostos Retos Rasos Suplementares
Angulos Opostos Retos Rasos SuplementaresAngulos Opostos Retos Rasos Suplementares
Angulos Opostos Retos Rasos Suplementares
 
Angulos e retas 5º ano - ficha de revisões
Angulos e retas   5º ano - ficha de revisõesAngulos e retas   5º ano - ficha de revisões
Angulos e retas 5º ano - ficha de revisões
 
Questões para testes e provas 8a série 9 ano
Questões para testes e provas 8a  série 9 ano Questões para testes e provas 8a  série 9 ano
Questões para testes e provas 8a série 9 ano
 
Lista de exercícios 9º ano (relações métricas no triângulo retângulo - teor...
Lista de exercícios   9º ano (relações métricas no triângulo retângulo - teor...Lista de exercícios   9º ano (relações métricas no triângulo retângulo - teor...
Lista de exercícios 9º ano (relações métricas no triângulo retângulo - teor...
 
8 ano - Exercícios - Ângulos
8 ano - Exercícios - Ângulos8 ano - Exercícios - Ângulos
8 ano - Exercícios - Ângulos
 
Ap geometria plana resolvidos
Ap geometria plana resolvidosAp geometria plana resolvidos
Ap geometria plana resolvidos
 
Matemática exercícios resolvidos - 01 m1 geometria métrica plana
Matemática   exercícios resolvidos - 01 m1 geometria métrica planaMatemática   exercícios resolvidos - 01 m1 geometria métrica plana
Matemática exercícios resolvidos - 01 m1 geometria métrica plana
 
Banco de Questões PJF
Banco de Questões PJFBanco de Questões PJF
Banco de Questões PJF
 

Semelhante a A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES E OS USOS POTENCIAIS DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS EM EDUCAÇÃO

Informação, Tec e Mídia .ppt
Informação, Tec e Mídia .pptInformação, Tec e Mídia .ppt
Informação, Tec e Mídia .pptDrikaSato
 
Informação, Tec e Mídia 2ª semana.ppt
Informação, Tec e Mídia 2ª semana.pptInformação, Tec e Mídia 2ª semana.ppt
Informação, Tec e Mídia 2ª semana.pptDrikaSato
 
Texto comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
Texto  comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...Texto  comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
Texto comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...adrianafrancisca
 
Texto comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
Texto  comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...Texto  comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
Texto comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...adrianafrancisca
 
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdf
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdfTecnologia digital e tecnologia não digital pdf
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdfMari Carvalho
 
Forma qim teresa_tic_educa2012
Forma qim teresa_tic_educa2012Forma qim teresa_tic_educa2012
Forma qim teresa_tic_educa2012Teresa Vasconcelos
 
Satiane moreira goulart
Satiane moreira goulartSatiane moreira goulart
Satiane moreira goulartequipetics
 
Interações e Aprendizado
Interações e AprendizadoInterações e Aprendizado
Interações e AprendizadoNayra Batista
 
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos SantosSantana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos SantosCursoTICs
 
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTIProjeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTIEDRIANESANDRABRAZZO
 
Atividade 3.2 slide de apresentação unidade III
Atividade 3.2 slide de apresentação unidade IIIAtividade 3.2 slide de apresentação unidade III
Atividade 3.2 slide de apresentação unidade IIIRamaiany Marçal Tregnago
 
Luigi atividade2
Luigi atividade2Luigi atividade2
Luigi atividade2luigimjb
 
Marcia rozane b. pipper
Marcia rozane b. pipperMarcia rozane b. pipper
Marcia rozane b. pipperequipetics
 
Das Salas De Aula Aos Ambientes Virtuais De Aprendizagem
Das Salas De Aula Aos Ambientes Virtuais De AprendizagemDas Salas De Aula Aos Ambientes Virtuais De Aprendizagem
Das Salas De Aula Aos Ambientes Virtuais De AprendizagemPedro Henrique
 
A importância das tecnologias digitais em sala de aula
A importância das tecnologias digitais em sala de aulaA importância das tecnologias digitais em sala de aula
A importância das tecnologias digitais em sala de aulamarta santos
 

Semelhante a A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES E OS USOS POTENCIAIS DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS EM EDUCAÇÃO (20)

Informação, Tec e Mídia .ppt
Informação, Tec e Mídia .pptInformação, Tec e Mídia .ppt
Informação, Tec e Mídia .ppt
 
Informação, Tec e Mídia 2ª semana.ppt
Informação, Tec e Mídia 2ª semana.pptInformação, Tec e Mídia 2ª semana.ppt
Informação, Tec e Mídia 2ª semana.ppt
 
Texto comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
Texto  comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...Texto  comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
Texto comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
 
Texto comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
Texto  comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...Texto  comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
Texto comunicação e tecnologia em supervisão pedagógica ...
 
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdf
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdfTecnologia digital e tecnologia não digital pdf
Tecnologia digital e tecnologia não digital pdf
 
O uso-das-midias-na-sala-de-aula-resistencias-e-aprendizagens
O uso-das-midias-na-sala-de-aula-resistencias-e-aprendizagensO uso-das-midias-na-sala-de-aula-resistencias-e-aprendizagens
O uso-das-midias-na-sala-de-aula-resistencias-e-aprendizagens
 
Ebook_APDZ_CLIPESCOLA_V4.pdf
Ebook_APDZ_CLIPESCOLA_V4.pdfEbook_APDZ_CLIPESCOLA_V4.pdf
Ebook_APDZ_CLIPESCOLA_V4.pdf
 
Forma qim teresa_tic_educa2012
Forma qim teresa_tic_educa2012Forma qim teresa_tic_educa2012
Forma qim teresa_tic_educa2012
 
Satiane moreira goulart
Satiane moreira goulartSatiane moreira goulart
Satiane moreira goulart
 
Interações e Aprendizado
Interações e AprendizadoInterações e Aprendizado
Interações e Aprendizado
 
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos SantosSantana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
Santana do Livramento - Nara Fátima Oliveira dos Santos
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTIProjeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
Projeto E.B.M. SANTA MARIA GORETTI
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 
Atividade 3.2 slide de apresentação unidade III
Atividade 3.2 slide de apresentação unidade IIIAtividade 3.2 slide de apresentação unidade III
Atividade 3.2 slide de apresentação unidade III
 
Luigi atividade2
Luigi atividade2Luigi atividade2
Luigi atividade2
 
Marcia rozane b. pipper
Marcia rozane b. pipperMarcia rozane b. pipper
Marcia rozane b. pipper
 
Das Salas De Aula Aos Ambientes Virtuais De Aprendizagem
Das Salas De Aula Aos Ambientes Virtuais De AprendizagemDas Salas De Aula Aos Ambientes Virtuais De Aprendizagem
Das Salas De Aula Aos Ambientes Virtuais De Aprendizagem
 
A importância das tecnologias digitais em sala de aula
A importância das tecnologias digitais em sala de aulaA importância das tecnologias digitais em sala de aula
A importância das tecnologias digitais em sala de aula
 

Último

Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na Áfricajuekfuek
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................mariagrave
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptorlando dias da silva
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfManuais Formação
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfGisellySobral
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSPedroMatos469278
 
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docProjeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docCarolineWaitman
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"Ilda Bicacro
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...WelitaDiaz1
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024azulassessoria9
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxprofbrunogeo95
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 

Último (20)

Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na ÁfricaPeriodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
Periodo da escravidAo O Brasil tem seu corpo na América e sua alma na África
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.pptAs teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
As teorias de Lamarck e Darwin para alunos de 8ano.ppt
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptxSlides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
Slides Lição 7, CPAD, O Perigo Da Murmuração, 2Tr24.pptx
 
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdfHistória concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
História concisa da literatura brasileira- Alfredo Bosi..pdf
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSSFormação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
Formação T.2 do Modulo I da Formação HTML & CSS
 
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.docProjeto envolvendo as borboletas - poema.doc
Projeto envolvendo as borboletas - poema.doc
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
atividade para 3ª serie do ensino medi sobrw biotecnologia( transgenicos, clo...
 
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
ATIVIDADE 1 - ENF - ENFERMAGEM BASEADA EM EVIDÊNCIAS - 52_2024
 
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptxAspectos históricos da educação dos surdos.pptx
Aspectos históricos da educação dos surdos.pptx
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 

A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES E OS USOS POTENCIAIS DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS EM EDUCAÇÃO

  • 1. A FORMAÇÃO DOS PROFESSORES E OS USOS POTENCIAIS DAS TECNOLOGIAS DIGITAIS EM EDUCAÇÃO Kátia Esther Fonseca dos Santos - 20091208241 Mayara da Conceição Menezes - 20091208211 Patrícia de Oliveira Gonçalves Lamy - 20091208073 Wilou Hudson Penha – 20091208166 Pólo: Angra dos Reis Disciplina: Educação à Distância
  • 2. As tecnologias digitais e a escola Não podemos negar que os avanços tecnológicos têm contribuído de maneira muito importante para que o mundo se torne mais homogêneo. O mundo tornou-se uma grande rede, na qual, cada um dos componentes pode interagir e influenciar todo o sistema. Os avanços tecnológicos e o computador estão criando profundas mudanças sociais, permitindo aos indivíduos, além da obtenção de informações e de entretenimento, a inserção em novas comunidades virtuais e até mesmo a criação de grupos com identidades próprias.
  • 3. Segundo Kellner (1999, p. 23), a nova realidade do mundo atual, ao mesmo tempo em que se pode reforçar as relações capitalistas de produção e de hegemonia, permite democratizar, humanizar e transformar as desigualdades existentes no domínio de classe, raça e gênero.
  • 4. A tecnologia como democratizadora A tecnologia é democratizadora na medida em que não está restrita a uma única sociedade ou cultura específica; Mas ela é uma simples ferramenta, que quando bem utilizada pode contribuir para enriquecer a sociedade.
  • 5. Exclusão digital Mas existe ainda uma desigualdade significativa quando o assunto é mundo digital. No Brasil, por exemplo, o acesso a computadores reflete as suas desigualdades econômicas e sociais e revela uma clara situação de “apartheid digital”.
  • 6. A escola no contexto tecnológico A escola não pode ficar à margem das transformações e dos avanços tecnológicos que vem ocorrendo no mundo do trabalho e nas formas de vida em sociedade. A difusão da informática e das TIC associadas à educação favorecem a aplicação de novas abordagens de ensino-aprendizagem e estratégias pedagógicas.
  • 7. Escola e as tecnologias digitais A utilização de novas tecnologias nas escolas pode trazer, sem dúvida alguma, ganhos significativos para o aprendizado. Estes ganhos podem ser expressos não somente em termos de enriquecimento de conteúdos, mas também sob a forma de motivação para alunos e professores.
  • 8. O professor e as tecnologias digitais Para que a escola utilize essa tecnologia em sua plenitude, enriquecendo o processo de aprendizagem, não basta apenas a aquisição de equipamentos. O mais importante, e o mais difícil de se atingir, é a “cultura” necessária para se empregar a tecnologia de maneira adequada.
  • 9. O professor precisa se capacitar e compreender o seu novo papel a desempenhar, precisam saber os limites dessas tecnologias, precisam querer se adequar a esse mundo digital. E as escolas precisam ter uma visão clara e ampla do que significa ensinar “hoje”.
  • 10. A formação dos professores Um fator importante, e que geralmente não é muito levado em conta é a preparação desses professores para utilização dessas tecnologias. O que encontramos na maioria das escolas são profissionais despreparados para usarem as tecnologias em suas próprias tarefas e, mais ainda, para levar os alunos a usarem-nas plenamente.
  • 11. O professor tem em sua bagagem uma pedagogia baseada em procedimentos que visam a acumulação de informações pelos alunos e essa visão não cabe mais no espaço escolar. Estamos diante de um processo de mudança da escola que coincide com a mudança da função do computador, considerando-o agora, como importante auxílio para a aprendizagem.
  • 12. Repensar... Devemos repensar o papel e a função da educação escolar e reconhecer essa transformação com uma visão que pretenda alcançar novas exigências em relação ao aprender. A escola como uma das instituições mais importantes e influentes da sociedade não pode ficar à margem do processo de modernização.
  • 13. O papel do professor Diante do quadro de novas demandas inseridas na Educação, o professor terá papéis diferentes a desempenhar, o que evidentemente torna necessários novos modos de formação para sua prática e durante ela. O professor agora é aquele que contribui, apoiando trabalhos escolares, atuando como um colaborador e um agente que estimulará a relação dos alunos com as tecnologias , em prol de uma educação melhor.
  • 14. Tecnologia para fins educacionais A utilização da internet para fins educacionais é cada vez mais importante e já é uma realidade presente, mas é preciso que o professor saiba aproveitar as tecnologias que ele tem. Não basta permanecer com a educação bancária, é necessário utilizar todos os recursos que o ambiente digital oferece e planejar uma aula dinâmica e interativa.
  • 15. Concluindo... A adoção das tecnologias digitais na educação requer a utilização de novos princípios, noções, critérios, conceitos e valores, colocando em xeque o modelo de educação atual, fundamentado em teorias de ensino-aprendizagem tradicionais e já ultrapassadas, que se baseiam numa escola que só deve ensinar conteúdos e repassar grandes volumes de informações. Para que possa ocorrer uma ruptura significativa com esse modelo ultrapassado, que ainda continua existindo nas práticas pedagógicas é necessário que os professores assumam uma postura reflexiva em relação à sua formação.
  • 16. Bibliografia KELLNER, Douglas. Marxismo e a Supervia da Informação. Tradução de Newton Ramos de Oliveira. LOCAL, EDITORA.. (Unesp/Ufscar/CNPq)., 1999. TEPEDINO, Simone A. Santos Autoformação do professor para uso de tecnologiasdigitais na educação. Dissertação de mestrado apresentada na PUC – MG – 2004. Disponível em http://biblioteca.pucminas.br/teses/educação. ALARCÃO, Isabel, Refletir na prática. São Paulo. Disponível em: <http://novaescola.abril.com.br/index.htm?ed/154_ago02/html/fala_mestre> Acesso em 30 maio 2004. ALMEIDA, Fernando. J. Educação e informática: os computadores na escola. São Paulo: Cortez, 1984. MORAN, José Manuel. O que é educação a distância. Disponível em WWW.ecas.usp.br/prof/moran/dist.htm. jrbarboza.blogspot.com tamireslimabio.blogspot.com