SlideShare uma empresa Scribd logo

A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - Câncer de Mama no Brasil (Dr. Sérgio Simon)

Oncoguia
Oncoguia
1 de 58
Baixar para ler offline
Câncer de Mama no Brasil




                Sergio D. Simon
 Professor Adjunto de Oncologia Clínica, UNIFESP
         Hospital Israelita Albert Einstein
       Centro Paulista de Oncologia (CPO)
                     GBECAM
A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - Câncer de Mama no Brasil (Dr. Sérgio Simon)
Câncer de Mama:
            Um Problema Global

Cerca de 1.380.000 casos novos estimados para 2010

Prevalência global estimada aos 5 anos: > 4,000,000

Risco padrão de câncer de mama (USA): 1 em cada 8 mulheres

Principal causa de morte por câncer entre mulheres, no mundo




                        Globocan, 2010
Distribuição da incidência e da mortalidade
          por câncer de mama no mundo


    Número estimado                   Casos          Mortes
Mundo                                 1384            458
Países mais desenvolvidos              692            189
Países menos desenvolvidos             691            269


                             Razão de Risco = 1,42




                               Globocan, 2008
Diferenças globais na incidência de câncer de mama




               Parkin et al. Lancet Oncol 2001;2:533–43.
Câncer entre mulheres, no mundo




          Globocan, 2008

Recomendados

Apresentação Carlos Matos - II Negócios Digitais - "As Startups e a Reinvençã...
Apresentação Carlos Matos - II Negócios Digitais - "As Startups e a Reinvençã...Apresentação Carlos Matos - II Negócios Digitais - "As Startups e a Reinvençã...
Apresentação Carlos Matos - II Negócios Digitais - "As Startups e a Reinvençã...Carlos Matos
 
Tratamento do Câncer de Mama Metastático - Dr. Rafael Kaliks
Tratamento do Câncer de Mama Metastático - Dr. Rafael KaliksTratamento do Câncer de Mama Metastático - Dr. Rafael Kaliks
Tratamento do Câncer de Mama Metastático - Dr. Rafael KaliksOncoguia
 
O Cancro Da Mama
O Cancro Da MamaO Cancro Da Mama
O Cancro Da Mamavania19
 
Novidades no Tratamento do Câncer de Mama Avançado
Novidades no Tratamento do Câncer de Mama AvançadoNovidades no Tratamento do Câncer de Mama Avançado
Novidades no Tratamento do Câncer de Mama AvançadoOncoguia
 

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Efeitos Secundários e Sequelas da Radioterapia
Efeitos Secundários e Sequelas da RadioterapiaEfeitos Secundários e Sequelas da Radioterapia
Efeitos Secundários e Sequelas da RadioterapiaRui P Rodrigues
 
Radioterapia no Cancro da Mama
Radioterapia no Cancro da MamaRadioterapia no Cancro da Mama
Radioterapia no Cancro da MamaRui P Rodrigues
 
Técnicas de Tratamento em Radioterapia
Técnicas de Tratamento em RadioterapiaTécnicas de Tratamento em Radioterapia
Técnicas de Tratamento em RadioterapiaRui P Rodrigues
 
Câncer de Mama
Câncer de MamaCâncer de Mama
Câncer de MamaOncoguia
 
Radioterapia - Tratamento de Câncer por Radiações
Radioterapia - Tratamento de Câncer por RadiaçõesRadioterapia - Tratamento de Câncer por Radiações
Radioterapia - Tratamento de Câncer por RadiaçõesFernando Belome Feltrin
 
Câncer de mama - Patologia
Câncer de mama - PatologiaCâncer de mama - Patologia
Câncer de mama - PatologiaDanilo Alves
 
Saúde da Mulher em Câncer de Mama
Saúde da Mulher em Câncer de MamaSaúde da Mulher em Câncer de Mama
Saúde da Mulher em Câncer de MamaBruna Oliveira
 
Embriologia e anatomia da mama
Embriologia e anatomia da mamaEmbriologia e anatomia da mama
Embriologia e anatomia da mamaJuanSeSAn
 
Câncer de mama, aspectos anatômicos e fisiológicos.
Câncer de mama, aspectos anatômicos e fisiológicos.Câncer de mama, aspectos anatômicos e fisiológicos.
Câncer de mama, aspectos anatômicos e fisiológicos.Harriane Rangel
 
Seminário câncer de mama
Seminário câncer de mamaSeminário câncer de mama
Seminário câncer de mamaThiessa Vieira
 

Destaque (20)

Mulher e Cancro da Mama
Mulher e Cancro da MamaMulher e Cancro da Mama
Mulher e Cancro da Mama
 
Radioterapia Paliativa
Radioterapia PaliativaRadioterapia Paliativa
Radioterapia Paliativa
 
Aula 4 câncer de mama
Aula 4   câncer de mamaAula 4   câncer de mama
Aula 4 câncer de mama
 
Efeitos Secundários e Sequelas da Radioterapia
Efeitos Secundários e Sequelas da RadioterapiaEfeitos Secundários e Sequelas da Radioterapia
Efeitos Secundários e Sequelas da Radioterapia
 
Radioterapia adjuvante no_câncer_de_mama
Radioterapia adjuvante no_câncer_de_mamaRadioterapia adjuvante no_câncer_de_mama
Radioterapia adjuvante no_câncer_de_mama
 
Ca de mama
Ca de mamaCa de mama
Ca de mama
 
Radioterapia no Cancro da Mama
Radioterapia no Cancro da MamaRadioterapia no Cancro da Mama
Radioterapia no Cancro da Mama
 
Saúde intergral da mulher aula 4
Saúde intergral da mulher  aula 4Saúde intergral da mulher  aula 4
Saúde intergral da mulher aula 4
 
Radioterapia 2009
Radioterapia 2009Radioterapia 2009
Radioterapia 2009
 
Técnicas de Tratamento em Radioterapia
Técnicas de Tratamento em RadioterapiaTécnicas de Tratamento em Radioterapia
Técnicas de Tratamento em Radioterapia
 
Cancro da Mama
Cancro da MamaCancro da Mama
Cancro da Mama
 
Câncer de Mama
Câncer de MamaCâncer de Mama
Câncer de Mama
 
Radioterapia - Tratamento de Câncer por Radiações
Radioterapia - Tratamento de Câncer por RadiaçõesRadioterapia - Tratamento de Câncer por Radiações
Radioterapia - Tratamento de Câncer por Radiações
 
Câncer de mama - Patologia
Câncer de mama - PatologiaCâncer de mama - Patologia
Câncer de mama - Patologia
 
Câncer de Mama
Câncer de MamaCâncer de Mama
Câncer de Mama
 
Saúde da Mulher em Câncer de Mama
Saúde da Mulher em Câncer de MamaSaúde da Mulher em Câncer de Mama
Saúde da Mulher em Câncer de Mama
 
Radioterapia
RadioterapiaRadioterapia
Radioterapia
 
Embriologia e anatomia da mama
Embriologia e anatomia da mamaEmbriologia e anatomia da mama
Embriologia e anatomia da mama
 
Câncer de mama, aspectos anatômicos e fisiológicos.
Câncer de mama, aspectos anatômicos e fisiológicos.Câncer de mama, aspectos anatômicos e fisiológicos.
Câncer de mama, aspectos anatômicos e fisiológicos.
 
Seminário câncer de mama
Seminário câncer de mamaSeminário câncer de mama
Seminário câncer de mama
 

Semelhante a A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - Câncer de Mama no Brasil (Dr. Sérgio Simon)

Semelhante a A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - Câncer de Mama no Brasil (Dr. Sérgio Simon) (12)

Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Pncc mama
Pncc mamaPncc mama
Pncc mama
 
Pncc mama
Pncc mamaPncc mama
Pncc mama
 
Cancer de mama 2012
Cancer de mama 2012 Cancer de mama 2012
Cancer de mama 2012
 
Mortalidade Materna no Brasil - Boletim Epidemiológico n.º 20/MS (Maio, 2020)
Mortalidade Materna no Brasil - Boletim Epidemiológico n.º 20/MS (Maio, 2020)Mortalidade Materna no Brasil - Boletim Epidemiológico n.º 20/MS (Maio, 2020)
Mortalidade Materna no Brasil - Boletim Epidemiológico n.º 20/MS (Maio, 2020)
 
Noçoes de mamografia
Noçoes de mamografiaNoçoes de mamografia
Noçoes de mamografia
 
Estimativa 2014 - Incidência de Câncer no Brasil
Estimativa 2014 - Incidência de  Câncer no BrasilEstimativa 2014 - Incidência de  Câncer no Brasil
Estimativa 2014 - Incidência de Câncer no Brasil
 
MAMOGRAFIA - CESAM - Copia - Copia.pptx
MAMOGRAFIA - CESAM - Copia - Copia.pptxMAMOGRAFIA - CESAM - Copia - Copia.pptx
MAMOGRAFIA - CESAM - Copia - Copia.pptx
 
Mamografia
MamografiaMamografia
Mamografia
 
Um toque de carinho!
Um toque de carinho!Um toque de carinho!
Um toque de carinho!
 
Mamografia.pdf
Mamografia.pdfMamografia.pdf
Mamografia.pdf
 
Outubro rosa
Outubro rosaOutubro rosa
Outubro rosa
 

Mais de Oncoguia

Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' PerspectiveFeelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' PerspectiveOncoguia
 
Insights from a Brazilian Patient Group
Insights from a Brazilian Patient GroupInsights from a Brazilian Patient Group
Insights from a Brazilian Patient GroupOncoguia
 
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...Oncoguia
 
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favelaPesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favelaOncoguia
 
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileirasPercepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileirasOncoguia
 
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!Oncoguia
 
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadoresImpactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadoresOncoguia
 
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicasCosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicasOncoguia
 
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021Oncoguia
 
Por uma oncologia mais atual e justa
 Por uma oncologia mais atual e justa Por uma oncologia mais atual e justa
Por uma oncologia mais atual e justaOncoguia
 
Percepções da população brasileira sobre o câncer
Percepções da população brasileira sobre o câncerPercepções da população brasileira sobre o câncer
Percepções da população brasileira sobre o câncerOncoguia
 
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdfDatafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdfOncoguia
 
Como contribuir em Consulta Pública da Conitec
Como contribuir em Consulta Pública da ConitecComo contribuir em Consulta Pública da Conitec
Como contribuir em Consulta Pública da ConitecOncoguia
 
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022Oncoguia
 
Study of cancer patient's communication of pain to the health team
Study of cancer patient's communication of pain to the health teamStudy of cancer patient's communication of pain to the health team
Study of cancer patient's communication of pain to the health teamOncoguia
 
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...Oncoguia
 
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...Oncoguia
 
Cancer de fígado - ILNC
Cancer de fígado - ILNCCancer de fígado - ILNC
Cancer de fígado - ILNCOncoguia
 
Como contribuir em consulta pública da Conitec
Como contribuir em consulta pública da ConitecComo contribuir em consulta pública da Conitec
Como contribuir em consulta pública da ConitecOncoguia
 
Carta de Prioridades sobre Câncer de Rim
Carta de Prioridades sobre Câncer de RimCarta de Prioridades sobre Câncer de Rim
Carta de Prioridades sobre Câncer de RimOncoguia
 

Mais de Oncoguia (20)

Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' PerspectiveFeelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
Feelings about Radiotherapy: the Brazilian Cancer Patients' Perspective
 
Insights from a Brazilian Patient Group
Insights from a Brazilian Patient GroupInsights from a Brazilian Patient Group
Insights from a Brazilian Patient Group
 
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
Return to work after breast cancer: disparities among patients treated in pub...
 
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favelaPesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
Pesquisas do Oncoguia mostra visão sobre câncer por quem mora na favela
 
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileirasPercepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
Percepções e prioridades do câncer nas favelas brasileiras
 
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
Consultas Públicas do SUS / Paciente oncológico: informe-se e participe!
 
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadoresImpactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
Impactos do Câncer na vida dos familiares cuidadores
 
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicasCosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
Cosaúde e o processo de incorporação de tecnologias oncológicas
 
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
Relatório de atividades do Instituto Oncoguia / 2021
 
Por uma oncologia mais atual e justa
 Por uma oncologia mais atual e justa Por uma oncologia mais atual e justa
Por uma oncologia mais atual e justa
 
Percepções da população brasileira sobre o câncer
Percepções da população brasileira sobre o câncerPercepções da população brasileira sobre o câncer
Percepções da população brasileira sobre o câncer
 
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdfDatafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
Datafolha_Oncoguia_PercepcoesSobreOCancer .pdf
 
Como contribuir em Consulta Pública da Conitec
Como contribuir em Consulta Pública da ConitecComo contribuir em Consulta Pública da Conitec
Como contribuir em Consulta Pública da Conitec
 
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
Contribuição Oncoguia com a ATS na SS - 03.2022
 
Study of cancer patient's communication of pain to the health team
Study of cancer patient's communication of pain to the health teamStudy of cancer patient's communication of pain to the health team
Study of cancer patient's communication of pain to the health team
 
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
How can we help: The needs of those seeking breast cancer information and sup...
 
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
Caring for colorectal cancer patients: the perspective of informal caregivers...
 
Cancer de fígado - ILNC
Cancer de fígado - ILNCCancer de fígado - ILNC
Cancer de fígado - ILNC
 
Como contribuir em consulta pública da Conitec
Como contribuir em consulta pública da ConitecComo contribuir em consulta pública da Conitec
Como contribuir em consulta pública da Conitec
 
Carta de Prioridades sobre Câncer de Rim
Carta de Prioridades sobre Câncer de RimCarta de Prioridades sobre Câncer de Rim
Carta de Prioridades sobre Câncer de Rim
 

A Força da Mídia em Articulação com a Voz do Paciente - Câncer de Mama no Brasil (Dr. Sérgio Simon)

  • 1. Câncer de Mama no Brasil Sergio D. Simon Professor Adjunto de Oncologia Clínica, UNIFESP Hospital Israelita Albert Einstein Centro Paulista de Oncologia (CPO) GBECAM
  • 3. Câncer de Mama: Um Problema Global Cerca de 1.380.000 casos novos estimados para 2010 Prevalência global estimada aos 5 anos: > 4,000,000 Risco padrão de câncer de mama (USA): 1 em cada 8 mulheres Principal causa de morte por câncer entre mulheres, no mundo Globocan, 2010
  • 4. Distribuição da incidência e da mortalidade por câncer de mama no mundo Número estimado Casos Mortes Mundo 1384 458 Países mais desenvolvidos 692 189 Países menos desenvolvidos 691 269 Razão de Risco = 1,42 Globocan, 2008
  • 5. Diferenças globais na incidência de câncer de mama Parkin et al. Lancet Oncol 2001;2:533–43.
  • 6. Câncer entre mulheres, no mundo Globocan, 2008
  • 7. Câncer em ambos os sexos, no mundo Globocan, 2008
  • 8. Tendências de incidência: câncer de mama em diversos países Globocan, 2008
  • 9. E a mortalidade, está baixando?
  • 10. Tendências de mortalidade: Câncer de mama em diversos países Globocan, 2008
  • 11. Mortalidade por Câncer entre Mulheres Brasileiras 1979-2006 14 12 10 Breast 8 Stomach Uterine 6 Colorectal Lung 4 2 0 79 81 83 85 87 89 91 93 95 97 99 01 03 05 07 19 19 19 19 19 19 19 19 19 19 19 20 20 20 20 Graph 1: Age-adjusted mortality rates from 1979-2006 for the 5 most common cancer types among women in Brazil.
  • 12. Mortalidade por Câncer de Mama no Brasil: O Estudo CONCORD (2008) Coleman M et al.: Lancet Oncology 9:730-756, 2008
  • 13. Mortalidade por Câncer de Mama no Brasil: O Estudo CONCORD (2008) País Sobrevida relativa aos 5 anos Cuba (*) 84 USA 83.9 Japão 81.6 Austrália 80.7 França 79.8 Suíça 76 Alemanha 75.5 Portugal 72 Inglaterra 69.8 Brasil 58.4 Eslováquia 57.9 Algéria 38.8 * Accurate follow-up? Coleman M et al.: Lancet Oncology 9:730-756, 2008
  • 14. Quanto câncer de mama temos no Brasil?
  • 15. Câncer de Mama no Brasil Dados Estatísticos para 2010 • 49.240 novos casos de câncer de mama • Risco estimado: – 51/100.000 mulheres (2008) – 49/100.000 mulheres (2010)
  • 18. Incidências Variáveis REGIÃO INCIDÊNCIA (POR 100.000) SUL 64 CENTRO-OESTE 38 NORDESTE 30 NORTE 17
  • 19. Incidência de Câncer de Mama no Brasil Região Sudeste - Sul Por 100.000 mulheres Rio de Janeiro 97,70 São Paulo 75,52 Paraná 56,16 Santa Catarina 52,02 Rio Grande do Sul 85,50 Mato Grosso do Sul 47,69
  • 20. Incidência de Câncer de Mama no Brasil Região Centro-Sul/Nordeste Por 100.000 mulheres Espírito Santo 45,85 Minas Gerais 42,46 Goiás 34,73 Sergipe 29,92 Pernambuco 44,82 Ceará 35,65 Rio Grande do Norte 32,70
  • 21. Incidência de Câncer de Mama no Brasil Centro-Nordeste Por 100.000 mulheres Rondônia 16,98 Mato Grosso 25,85 Bahia 24,92 Alagoas 20,50 Paraíba 25,78 Piauí 20,80
  • 22. Incidência de Câncer de Mama no Brasil Região Norte Por 100.000 mulheres Pará 16,65 Tocantins 16,22 Amazonas 14,40 Roraima 13,41 Acre 11,75 Amapá 11,71 Maranhão 9,74
  • 23. DADOS EPIDEMIOLÓGICOS DO CÂNCER DE MAMA NO BRASIL Estimativa de Incidência de Câncer de Mama - 2005 RJ RS SP PR SC PE M ES CE RN SE BA PB AL PI MA 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 100 110 Casos/ 100.000 Fonte: INCA
  • 24. Plano Nacional de Tratamento do Câncer de Mama IDENTIFICAÇÃO DE PACIENTES DE ALTO RISCO DETECÇÃO QUIMIOTERAPIA DIAGNÓSTICO CIRURGIA RADIOTERAPIA HORMONIOTERAPIA PRECOCE (+ trastuzumabe) PALIATIVOS CUIDADOS
  • 25. Em que estágio diagnosticamos o câncer de mama no Brasil?
  • 26. Centros Participantes RR AP 01 28 Centros 01 AM PA MA CE RN PB 01 PI PE AC AL RO TO SE 01 BA MT DF GO 02 02 MG MS ES SP RJ 02 01 PR SC RS 09 07 01 26
  • 27. Estadiamento Clínico: TNM Tumor Linfonodos 31% 41% N+ N0 59% T3 T4 13,6% 17,4% T1 T2 23,3% Metástases 42,8% 94% M+ M0 6% 27
  • 28. Estadiamento Comparativo Estadiamento Brasil EUA Localizado 23,1 61 Regional 71,4 31 Distante 5,5 6 Não Estadiado 2 Rhode Island Brasil (2001) Carcinoma in situ 2,9 % 37,5 % 28
  • 29. Estadiamento Comparativo Estadiamento Brasil EUA Localizado 23,1 61 Regional 71,4 31 Distante 5,5 6 Não Estadiado 2 Rhode Island Brasil (2001) Carcinoma in situ 2,9 % 37,5 % 29
  • 30. Estadiamento Clínico por Tipo de Instituição % de pacientes 48,9% 36,9% 16,2% 30,6% 47,5% 45,4% 34,1% 30,9% 24,8% 19,6% 13,8% 12,7% 6,0% 5,8% 2,2% 3,5% 3,9% 0,4% PÚBLICO PRIVADO FILANTRÓPICO Estadio 0 Estadio I Estadio II Estadio III Estadio IV 30
  • 31. Câncer de Mama no Brasil Conclusões • Não conhecemos nossos números • Nosso diagnóstico é tardio • Nossa mortalidade está aumentando • Estamos com uma das maiores mortalidades conhecidas
  • 32. Breast Health Global Initiative: áreas para melhora de desfechos Câncer de Mama Pesquisa Rastreamento e Diagnóstico Tratamento Melhores Desfechos Tratamento Local Sistêmico Cuidados paliativos
  • 34. Rastreamento Mamográfico no Brasil • 1.514 mamógrafos disponíveis para o SUS – 85% estão em operação – 15% não operacionais: • 111 sem pessoal para operação • 85 quebrados, sem conserto • 27 ainda embalados • Cálculo operacional do INCa: – 1 mamógrafo/240.000 habitantes – Número ideal para cobrir todo o Brasil: cerca de 760 • 44% estão na região Sudeste/Sul do país. • Baixa produtividade.
  • 35. Rastreamento Mamográfico no Brasil: Distribuição de mamógrafos por Estado ESTADO População No. Mamógrafos em % sem uso Mamógrafos uso Rondônia 1.550 7 6 14,3 Acre 730 3 1 66,7 Pará 7.566 38 30 21,1 Maranhão 6.568 35 23 34,3 Paraíba 3.750 17 9 47,1 Alagoas 3.114 30 27 10 Rio de Janeiro 15.937 102 85 15,7 São Paulo 41.001 335 309 6,9 Santa Catarina 6.226 64 64 0 Rio Grande do Sul 10.641 130 114 11,5
  • 36. Problemas do Rastreamento Mamográfico no Brasil • Acesso a mamografia: mais de 50% dos municípios brasileiros não dispõem de mamógrafo. • Educação da população – em algumas áreas do país, 67% das mulheres desconhecem o valor da mamografia.
  • 37. TRATAMENTO LOCAL: CIRURGIA
  • 38. Modalidade Cirúrgica N = 4.095 Mastectomia 42,6% 57,4% Cirurgia Conservadora Dados Cirúrgicos Dissecção axiliar completa 77,3% Linfonodos avaliados (mediana) 15 (1-45) Linfonodos positivos (mediana) 3 (1-45) Linfonodo sentinela 20% 38
  • 39. Tratamento Cirúrgico por Instituição 922 664 2.509 0,5% 0,5% 0,4% 48% 58% 63% 51,7% 42,1% 36,6% Público Privado Filantrópico Conservadora Mastectomia Outra 39
  • 40. Linfonodo Sentinela por Tipo de Instituição % Pacientes Não Sim 922 664 2.509 84,1% 74,1% 80,0% 25,9% 20,0% 15,9% Público Privado Filantrópico 40
  • 41. TRATAMENTO LOCAL: RADIOTERAPIA
  • 42. Radioterapia no Brasil País População 10 6 # RT RT/1.000.000 Paraguai 6,12 3 0,49 Bolivia 9,52 6 0,63 México 106,2 96 0,90 BRASIL 193 191 1,02 Chile 16,8 24 1,42 Venezuela 28 47 1,68 Argentina 40,3 98 2,43 Uruguai 3,34 14 4,19 Estados Unidos 305 1875 6,14 Anderson, Cazap: Salud Pública de México / vol. 51, supl. X, 2009
  • 43. Radioterapia no Brasil • Número insuficiente de aparelhos • Serviço público ainda utiliza fracionamento padrão (5 semanas de tratamento) • Longas filas de espera para início do tratamento • Atrasos de 3-8 meses para o início do tratamento.
  • 44. Radioterapia no Brasil: Como melhorar • Aumento do número de centros • Diminuição da duração do tratamento: – Esquemas de hipofracionamento já testados: • 16 frações de 2,65 Gy • 15 frações de 2,65 Gy – Mesma taxa de recidiva local – Mesma toxicidade
  • 46. Tratamento Adjuvante: Quimioterapia 4.166 Pacientes 35% 29,8% 30,3% 30% 25% 19,7% 20% 15% 11,9% 10% 8,3% 5% 0% CMF AC AC + FAC/FEC OUTROS PACLITAXEL / DOCETAXEL Número de ciclos de QT (mediana) = 6,0 (1-12) 46
  • 47. Tratamento Adjuvante: Tipo de Quimioterapia por Instituição 4.166 Pacientes 480 429 1.581 13,8% 12,9% 23,5% 21,2% 27,9% 13,1% 31,6% 31,3% 46,6% 37,5% 27,1% 15,8% Público Privado Filantrópico CMF FAC/FEC AC AC->Taxano 47
  • 48. Tratamento Adjuvante: Hormonioterapia 4.166 Pacientes Não 33,9% 66,1% Sim 48
  • 49. Tratamento Adjuvante: Hormonioterapia 4.166 Pacientes 6,3% 49
  • 50. Trastuzumabe Adjuvante por Instituição Ano de 2006 4.166 Pacientes 50
  • 52. Tempo de Sobrevida Livre de Progressão por Instituição Tempo de Sobrevida Livre de Progressão por Instituição 1,0 Instituição Público (N = 295) Privado (N = 136) 0,8 Filantrópico (N = 1.043) Probabilidade Acumulada 0,6 0,4 0,2 0,0 0 10 20 30 40 50 60 Meses 52
  • 53. Sobrevida Livre de Progressão Estadio III Tempo de Sobrevida Livre de Progressão por Instituição ESTADIO: III 1,0 Instituição Público Privado Filantrópico 0,8 Probabilidade Acumulada 0,6 0,4 0,2 0,0 0 10 20 30 40 50 60 Meses 53
  • 54. Tempo de Sobrevida Global por Instituição Tempo de Sobrevida Global por Insituição 1,0 Instituição Público (N = 265) Privado (N = 121) 0,8 Filantrópico (N = 959) Probabilidade Acumulada 0,6 0,4 0,2 0,0 0 10 20 30 40 50 60 Meses 54
  • 55. Tempo de Sobrevida Global Estadio III por instituição Tempo de Sobrevida Global por Instituição ESTADIO: III 1,0 Instituição Público Privado Filantrópico 0,8 Probabilidade Aucmulada 0,6 0,4 0,2 0,0 0 10 20 30 40 50 60 Meses 55
  • 56. Câncer de Mama Perspectivas para Melhores resultados Países Desenvolvidos: •Mais conhecimento da doença e sua biologia • Correlações Clínico-Moleculares • Identificação de novos alvos • Tratamentos e estratégias mais eficazes •Melhor seleção de pacientes – terapias individualizadas.
  • 57. Câncer de Mama Perspectivas para Melhores resultados Países Não Desenvolvidos: •Diagnóstico Precoce – Fundamental!!! •Educação pública e médica •Melhor acesso ao diagnóstico e tratamento •Mais tecnologia, drogas mais modernas •Conhecimentos sobre aspectos específicos da doença •Fatores sócio-econômicos •Fatores étnicos/raciais •Fatores ambientais/dietéticos
  • 58. Obrigado! 58