SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 2
Baixar para ler offline
INCONTINÊNCIA
URINÁRIA
Um problema com solução

Viva a Incontinencia afecta 600 mil pessoas nas diferentes idades
vida com
qualidade Não sofra, procure o médico!

Saiba mais em:

261 008 000
www.cuftorresvedras.pt
INCONTINÊNCIA
URINÁRIA
Chama-se incontinência urinária à perda involuntária de urina. Ou a incapacidade de
controlar o esvaziamento da bexiga e de aguardar pelo momento e o lugar adequado para
o fazer. Afecta milhões de pessoas. É uma queixa mais predominante no sexo feminino,
embora também possa afligir os homens. Ainda que seja mais frequente nas pessoas
idosas, pode manifestar-se em qualquer idade, dependendo da sua causa. Erradamente,
pensa-se que é própria da idade, e que o tratamento é ineficaz ou complicado.
A incontinência urinária é pessoal e socialmente muito embaraçosa. A qualidade de vida
fica diminuída, a auto-estima fica perturbada e o quotidiano alterado. Quem sofre de
incontinência evita sair à rua e ter contactos com outras pessoas, pelo receio de que o
cheiro a urina se note, tal como perdas de urina ou o uso de fralda. Para além do desconforto e embaraço físico e psíquico da situação, há ainda a acrescentar os custos sociais e
económicos da incontinência.
A Clínica CUF Torres Vedras dispõe de consultas da especialidade, que ajudam a solucionar
este problema: Consulta de Uroginecologia e Consulta de Urologia.

CONSELHOS
• É errado pensar que a incontinência é própria da idade.
• A incontinência urinária é pessoal e socialmente muito embaraçosa.
• A qualidade de vida fica diminuída, a auto-estima fica perturbada e o
quotidiano alterado.
• Quem sofre de incontinência evita sair à rua e ter contactos com outras
pessoas.
• A incontinência urinária interfere com a sexualidade.
• A incontinência urinária interfere com a vida profissional .
• Para além do desconforto e embaraço físico e psíquico da situação, a
incontinência urinária tem custos sociais e económicos.
• A incontinência urinária tem solução com tratamentos simples e eficazes.
Procure o médico.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

DiagnóStico E Tratamento Da IncontinêNcia UrináRia Chirlei
DiagnóStico E Tratamento Da IncontinêNcia UrináRia ChirleiDiagnóStico E Tratamento Da IncontinêNcia UrináRia Chirlei
DiagnóStico E Tratamento Da IncontinêNcia UrináRia Chirleichirlei ferreira
 
Anorexia (trabalhado de animação sociocultural)
Anorexia   (trabalhado de animação sociocultural)Anorexia   (trabalhado de animação sociocultural)
Anorexia (trabalhado de animação sociocultural)Vanessa Lavado
 
Disfunções Miccionais
Disfunções MiccionaisDisfunções Miccionais
Disfunções Miccionaisadonems
 
Conceitos++básico geriatria
Conceitos++básico geriatriaConceitos++básico geriatria
Conceitos++básico geriatriaMadaisa Sousa
 
Assistencia enfermagem geriatria
Assistencia enfermagem geriatriaAssistencia enfermagem geriatria
Assistencia enfermagem geriatriaMichele Chammou
 
Anorexia, bulimia e obesidade
Anorexia, bulimia e obesidadeAnorexia, bulimia e obesidade
Anorexia, bulimia e obesidadeklauddia
 

Mais procurados (11)

Incontinência urinaria
Incontinência urinaria Incontinência urinaria
Incontinência urinaria
 
DiagnóStico E Tratamento Da IncontinêNcia UrináRia Chirlei
DiagnóStico E Tratamento Da IncontinêNcia UrináRia ChirleiDiagnóStico E Tratamento Da IncontinêNcia UrináRia Chirlei
DiagnóStico E Tratamento Da IncontinêNcia UrináRia Chirlei
 
Disfuncoes miccionais
Disfuncoes miccionaisDisfuncoes miccionais
Disfuncoes miccionais
 
O valor ..compatibilidade
O valor ..compatibilidadeO valor ..compatibilidade
O valor ..compatibilidade
 
Anorexia (trabalhado de animação sociocultural)
Anorexia   (trabalhado de animação sociocultural)Anorexia   (trabalhado de animação sociocultural)
Anorexia (trabalhado de animação sociocultural)
 
Disfunções Miccionais
Disfunções MiccionaisDisfunções Miccionais
Disfunções Miccionais
 
Conceitos++básico geriatria
Conceitos++básico geriatriaConceitos++básico geriatria
Conceitos++básico geriatria
 
Anorexia e Bulimia
Anorexia e BulimiaAnorexia e Bulimia
Anorexia e Bulimia
 
Diarreia em Potros
Diarreia em PotrosDiarreia em Potros
Diarreia em Potros
 
Assistencia enfermagem geriatria
Assistencia enfermagem geriatriaAssistencia enfermagem geriatria
Assistencia enfermagem geriatria
 
Anorexia, bulimia e obesidade
Anorexia, bulimia e obesidadeAnorexia, bulimia e obesidade
Anorexia, bulimia e obesidade
 

Destaque

Incontinencia urinaria
Incontinencia urinariaIncontinencia urinaria
Incontinencia urinariaAriana Garcia
 
BIÓPSIA DA PRÓSTATA
BIÓPSIA DA PRÓSTATABIÓPSIA DA PRÓSTATA
BIÓPSIA DA PRÓSTATAUrovideo.org
 
Incontinencia urinaria (1)
Incontinencia urinaria (1)Incontinencia urinaria (1)
Incontinencia urinaria (1)ucm-genuri
 
Incontinencia urinaria en adulto mayor rené castillo 2007
Incontinencia urinaria en adulto mayor rené castillo 2007Incontinencia urinaria en adulto mayor rené castillo 2007
Incontinencia urinaria en adulto mayor rené castillo 2007Innovares Capacitación
 
Iatrogenia nos idosos
Iatrogenia nos idososIatrogenia nos idosos
Iatrogenia nos idososEli Oliveira
 
Ficha de avaliação em uroginecologia
Ficha de avaliação em uroginecologiaFicha de avaliação em uroginecologia
Ficha de avaliação em uroginecologiaElaine Silva
 
Seminario de fisiologia reflexo da micção
Seminario de fisiologia reflexo da micçãoSeminario de fisiologia reflexo da micção
Seminario de fisiologia reflexo da micçãoPatrícia Oliver
 
. Place incontinencia urinaria
. Place incontinencia urinaria. Place incontinencia urinaria
. Place incontinencia urinariaBetty Gutierrez
 
Incontinencia Urinaria en el Adulto Mayor
Incontinencia Urinaria en el Adulto MayorIncontinencia Urinaria en el Adulto Mayor
Incontinencia Urinaria en el Adulto MayorLauCarrillo
 
INCONTINENCIA URINARIA EN EL ADULTO MAYOR
INCONTINENCIA URINARIA EN EL ADULTO MAYORINCONTINENCIA URINARIA EN EL ADULTO MAYOR
INCONTINENCIA URINARIA EN EL ADULTO MAYORRosa Casimiro
 
COLOCACIÓN ELECTRODOS COMPEX
COLOCACIÓN ELECTRODOS COMPEXCOLOCACIÓN ELECTRODOS COMPEX
COLOCACIÓN ELECTRODOS COMPEXFIPsport
 

Destaque (20)

(2014-06-12) Incontinencia urinaria (PPT)
(2014-06-12) Incontinencia urinaria (PPT)(2014-06-12) Incontinencia urinaria (PPT)
(2014-06-12) Incontinencia urinaria (PPT)
 
Incontinencia urinaria
Incontinencia urinaria Incontinencia urinaria
Incontinencia urinaria
 
Incontinencia urinaria
Incontinencia urinariaIncontinencia urinaria
Incontinencia urinaria
 
Incontinencia Urinaria
Incontinencia UrinariaIncontinencia Urinaria
Incontinencia Urinaria
 
Incontinencia urinaria
Incontinencia urinariaIncontinencia urinaria
Incontinencia urinaria
 
Incontinencia urinaria en postparto y premenopausia
Incontinencia  urinaria en postparto y premenopausiaIncontinencia  urinaria en postparto y premenopausia
Incontinencia urinaria en postparto y premenopausia
 
BIÓPSIA DA PRÓSTATA
BIÓPSIA DA PRÓSTATABIÓPSIA DA PRÓSTATA
BIÓPSIA DA PRÓSTATA
 
Incontinencia urinaria (1)
Incontinencia urinaria (1)Incontinencia urinaria (1)
Incontinencia urinaria (1)
 
Incontinencia urinaria en adulto mayor rené castillo 2007
Incontinencia urinaria en adulto mayor rené castillo 2007Incontinencia urinaria en adulto mayor rené castillo 2007
Incontinencia urinaria en adulto mayor rené castillo 2007
 
Iatrogenia nos idosos
Iatrogenia nos idososIatrogenia nos idosos
Iatrogenia nos idosos
 
Iatrogenias
IatrogeniasIatrogenias
Iatrogenias
 
Ficha de avaliação em uroginecologia
Ficha de avaliação em uroginecologiaFicha de avaliação em uroginecologia
Ficha de avaliação em uroginecologia
 
Seminario de fisiologia reflexo da micção
Seminario de fisiologia reflexo da micçãoSeminario de fisiologia reflexo da micção
Seminario de fisiologia reflexo da micção
 
. Place incontinencia urinaria
. Place incontinencia urinaria. Place incontinencia urinaria
. Place incontinencia urinaria
 
Incontinencia Urinaria en el Adulto Mayor
Incontinencia Urinaria en el Adulto MayorIncontinencia Urinaria en el Adulto Mayor
Incontinencia Urinaria en el Adulto Mayor
 
Sindromes geriatricos (2)
Sindromes geriatricos (2)Sindromes geriatricos (2)
Sindromes geriatricos (2)
 
INCONTINENCIA URINARIA EN EL ADULTO MAYOR
INCONTINENCIA URINARIA EN EL ADULTO MAYORINCONTINENCIA URINARIA EN EL ADULTO MAYOR
INCONTINENCIA URINARIA EN EL ADULTO MAYOR
 
Síndromes Geriátricos
Síndromes GeriátricosSíndromes Geriátricos
Síndromes Geriátricos
 
TENS
TENSTENS
TENS
 
COLOCACIÓN ELECTRODOS COMPEX
COLOCACIÓN ELECTRODOS COMPEXCOLOCACIÓN ELECTRODOS COMPEX
COLOCACIÓN ELECTRODOS COMPEX
 

Semelhante a Incontinência Urinaria

Semelhante a Incontinência Urinaria (20)

Padroes de beleza
Padroes de belezaPadroes de beleza
Padroes de beleza
 
407 an 28_novembro_2012.ok
407 an 28_novembro_2012.ok407 an 28_novembro_2012.ok
407 an 28_novembro_2012.ok
 
Urgência e Incontinência Urinária
Urgência e Incontinência UrináriaUrgência e Incontinência Urinária
Urgência e Incontinência Urinária
 
Padrões de beleza
Padrões de belezaPadrões de beleza
Padrões de beleza
 
Cálculo Renal
Cálculo RenalCálculo Renal
Cálculo Renal
 
Sexualidade ao longo da vida
Sexualidade ao longo da vidaSexualidade ao longo da vida
Sexualidade ao longo da vida
 
slide share
slide shareslide share
slide share
 
Gigantes da Geriatria
Gigantes da GeriatriaGigantes da Geriatria
Gigantes da Geriatria
 
Agua tx
Agua txAgua tx
Agua tx
 
3. A SEXUALIDADE DO IDOSO.ppt.ppt
3. A SEXUALIDADE DO IDOSO.ppt.ppt3. A SEXUALIDADE DO IDOSO.ppt.ppt
3. A SEXUALIDADE DO IDOSO.ppt.ppt
 
Ditadura da beleza
Ditadura da belezaDitadura da beleza
Ditadura da beleza
 
Educaosexual 110404184710-phpapp02
Educaosexual 110404184710-phpapp02Educaosexual 110404184710-phpapp02
Educaosexual 110404184710-phpapp02
 
Disturbios Alimentares - Grupo3
Disturbios Alimentares - Grupo3Disturbios Alimentares - Grupo3
Disturbios Alimentares - Grupo3
 
Hemorróidas causas
Hemorróidas causasHemorróidas causas
Hemorróidas causas
 
Promoção a-saúde-do-idoso
Promoção a-saúde-do-idosoPromoção a-saúde-do-idoso
Promoção a-saúde-do-idoso
 
ENFERMAGEM - MÓDULO II - FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM 1.pptx
ENFERMAGEM - MÓDULO II - FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM 1.pptxENFERMAGEM - MÓDULO II - FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM 1.pptx
ENFERMAGEM - MÓDULO II - FUNDAMENTOS DE ENFERMAGEM 1.pptx
 
Anorexia,bulimia,obesidade
Anorexia,bulimia,obesidadeAnorexia,bulimia,obesidade
Anorexia,bulimia,obesidade
 
Disturbios alimentares
Disturbios alimentares Disturbios alimentares
Disturbios alimentares
 
Cartilha depressão e transtornos alimentares
Cartilha depressão e transtornos alimentaresCartilha depressão e transtornos alimentares
Cartilha depressão e transtornos alimentares
 
Caderneta da Saúde
Caderneta da SaúdeCaderneta da Saúde
Caderneta da Saúde
 

Mais de Fortunato Barros

Braquiterapia prostática
Braquiterapia prostática Braquiterapia prostática
Braquiterapia prostática Fortunato Barros
 
Disfunção sexual feminina
Disfunção sexual femininaDisfunção sexual feminina
Disfunção sexual femininaFortunato Barros
 
Hipertrofia benigna da próstata
Hipertrofia benigna da próstataHipertrofia benigna da próstata
Hipertrofia benigna da próstataFortunato Barros
 
Disfunção sexual feminina
Disfunção sexual femininaDisfunção sexual feminina
Disfunção sexual femininaFortunato Barros
 
Dia europeu da disfunção eréctil
Dia europeu da disfunção eréctilDia europeu da disfunção eréctil
Dia europeu da disfunção eréctilFortunato Barros
 
Dia europeu da disfunção eréctil jornal
Dia europeu da disfunção eréctil  jornalDia europeu da disfunção eréctil  jornal
Dia europeu da disfunção eréctil jornalFortunato Barros
 
Patologia genital masculina imagens
Patologia genital masculina  imagensPatologia genital masculina  imagens
Patologia genital masculina imagensFortunato Barros
 
Patologia genital masculina benigna
Patologia genital masculina benignaPatologia genital masculina benigna
Patologia genital masculina benignaFortunato Barros
 
Hbp cuidados-partilhados[1]
Hbp  cuidados-partilhados[1]Hbp  cuidados-partilhados[1]
Hbp cuidados-partilhados[1]Fortunato Barros
 
Disfunção eréctil palestra na feira
Disfunção eréctil palestra na feiraDisfunção eréctil palestra na feira
Disfunção eréctil palestra na feiraFortunato Barros
 
Disfunção eréctil e iatrogenia
Disfunção eréctil e iatrogeniaDisfunção eréctil e iatrogenia
Disfunção eréctil e iatrogeniaFortunato Barros
 
Ejaculação precoce 90 anos da apu
Ejaculação precoce  90 anos da apuEjaculação precoce  90 anos da apu
Ejaculação precoce 90 anos da apuFortunato Barros
 
Conversas com o especialista ii
Conversas com o especialista iiConversas com o especialista ii
Conversas com o especialista iiFortunato Barros
 

Mais de Fortunato Barros (17)

Braquiterapia prostática
Braquiterapia prostática Braquiterapia prostática
Braquiterapia prostática
 
Disfunção sexual feminina
Disfunção sexual femininaDisfunção sexual feminina
Disfunção sexual feminina
 
Hipertrofia benigna da próstata
Hipertrofia benigna da próstataHipertrofia benigna da próstata
Hipertrofia benigna da próstata
 
Incontinência Urinaria
Incontinência UrinariaIncontinência Urinaria
Incontinência Urinaria
 
Disfunção sexual feminina
Disfunção sexual femininaDisfunção sexual feminina
Disfunção sexual feminina
 
Dia europeu da disfunção eréctil
Dia europeu da disfunção eréctilDia europeu da disfunção eréctil
Dia europeu da disfunção eréctil
 
Dia europeu da disfunção eréctil jornal
Dia europeu da disfunção eréctil  jornalDia europeu da disfunção eréctil  jornal
Dia europeu da disfunção eréctil jornal
 
Shared care hbp ii
Shared care hbp iiShared care hbp ii
Shared care hbp ii
 
Patologia genital masculina imagens
Patologia genital masculina  imagensPatologia genital masculina  imagens
Patologia genital masculina imagens
 
Patologia genital masculina benigna
Patologia genital masculina benignaPatologia genital masculina benigna
Patologia genital masculina benigna
 
Hbp cuidados-partilhados[1]
Hbp  cuidados-partilhados[1]Hbp  cuidados-partilhados[1]
Hbp cuidados-partilhados[1]
 
17 apst jorn_urologia
17 apst jorn_urologia17 apst jorn_urologia
17 apst jorn_urologia
 
Sessão clinica
Sessão clinicaSessão clinica
Sessão clinica
 
Disfunção eréctil palestra na feira
Disfunção eréctil palestra na feiraDisfunção eréctil palestra na feira
Disfunção eréctil palestra na feira
 
Disfunção eréctil e iatrogenia
Disfunção eréctil e iatrogeniaDisfunção eréctil e iatrogenia
Disfunção eréctil e iatrogenia
 
Ejaculação precoce 90 anos da apu
Ejaculação precoce  90 anos da apuEjaculação precoce  90 anos da apu
Ejaculação precoce 90 anos da apu
 
Conversas com o especialista ii
Conversas com o especialista iiConversas com o especialista ii
Conversas com o especialista ii
 

Último

Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfGustavoWallaceAlvesd
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgeryCarlos D A Bersot
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASArtthurPereira2
 
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptxINTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptxssuser4ba5b7
 
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfO mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfNelmo Pinto
 
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaPrimeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaCristianodaRosa5
 
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsxAULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsxLeonardoSauro1
 
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdfPrurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdfAlberto205764
 

Último (9)

Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
 
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptxINTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
INTRODUÇÃO A DTM/DOF-DRLucasValente.pptx
 
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdfO mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
O mundo secreto dos desenhos - Gregg M. Furth.pdf
 
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e AnatomiaPrimeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
Primeiros Socorros - Sinais vitais e Anatomia
 
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsxAULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
AULA DE ERROS radiologia odontologia.ppsx
 
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãosAplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
Aplicativo aleitamento: apoio na palma das mãos
 
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdfPrurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
Prurigo. Dermatologia. Patologia UEM17B2.pdf
 

Incontinência Urinaria

  • 1. INCONTINÊNCIA URINÁRIA Um problema com solução Viva a Incontinencia afecta 600 mil pessoas nas diferentes idades vida com qualidade Não sofra, procure o médico! Saiba mais em: 261 008 000 www.cuftorresvedras.pt
  • 2. INCONTINÊNCIA URINÁRIA Chama-se incontinência urinária à perda involuntária de urina. Ou a incapacidade de controlar o esvaziamento da bexiga e de aguardar pelo momento e o lugar adequado para o fazer. Afecta milhões de pessoas. É uma queixa mais predominante no sexo feminino, embora também possa afligir os homens. Ainda que seja mais frequente nas pessoas idosas, pode manifestar-se em qualquer idade, dependendo da sua causa. Erradamente, pensa-se que é própria da idade, e que o tratamento é ineficaz ou complicado. A incontinência urinária é pessoal e socialmente muito embaraçosa. A qualidade de vida fica diminuída, a auto-estima fica perturbada e o quotidiano alterado. Quem sofre de incontinência evita sair à rua e ter contactos com outras pessoas, pelo receio de que o cheiro a urina se note, tal como perdas de urina ou o uso de fralda. Para além do desconforto e embaraço físico e psíquico da situação, há ainda a acrescentar os custos sociais e económicos da incontinência. A Clínica CUF Torres Vedras dispõe de consultas da especialidade, que ajudam a solucionar este problema: Consulta de Uroginecologia e Consulta de Urologia. CONSELHOS • É errado pensar que a incontinência é própria da idade. • A incontinência urinária é pessoal e socialmente muito embaraçosa. • A qualidade de vida fica diminuída, a auto-estima fica perturbada e o quotidiano alterado. • Quem sofre de incontinência evita sair à rua e ter contactos com outras pessoas. • A incontinência urinária interfere com a sexualidade. • A incontinência urinária interfere com a vida profissional . • Para além do desconforto e embaraço físico e psíquico da situação, a incontinência urinária tem custos sociais e económicos. • A incontinência urinária tem solução com tratamentos simples e eficazes. Procure o médico.