Caderno 5 - Geometria Parte 1

114.789 visualizações

Publicada em

Slides elaborado pela orientadora de estudos Eleúzia Lins, para Formação de Professores Alfabetizadores do PNAIC de Matemática 2014 na cidade de Barueri/ SP.

Publicada em: Educação
0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
114.789
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
106.319
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
295
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Caderno 5 - Geometria Parte 1

  1. 1. Caderno 05 (parte 1) Geometria Orientadora de Estudo Eleúzia Lins da Silva
  2. 2. PREFEITURA MUNICIPAL DE BARUERI SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PACTO NACIONAL ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA TURMA DE 2º ANO Orientadora de Estudo: ELEÚZIA LINS DA SILVA E-mail: lins.pnaicbarueri@gmail.com
  3. 3. PREFEITURA MUNICIPAL DE BARUERI SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PACTO NACIONAL ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA
  4. 4. PREFEITURA MUNICIPAL DE BARUERI SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PACTO NACIONAL ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA PAUTA DO ENCONTRO 1. Leitura Deleite: CLACT... CLACT... CLACT... (Liliana & Michele Iacocca) 2. Fechamento da aula anterior (retomada) 3. Slides – Conteúdos do Caderno 05 (parte 1): - Direitos de Aprendizagem do eixo de Geometria - Primeiros elementos da Geometria: A Natureza - Conexões da Geometria e a Arte 4. Vídeos: - Geometria no cotidiano -D20 - Espaço e Forma: as formas geométricas no mundo 5. Atividade Prática: - A Lenda do Tangram 6. Avaliação do encontro.
  5. 5. LEITURA DELEITE
  6. 6. Este caderno é dividido em duas partes. A PRIMEIRA trata especificamente do trabalho com as figuras geométricas, enfatizando o reconhecimento daquelas mais presentes na nossa vida, bem como do desenvolvimento da habilidade de classificar. A SEGUNDA, está centrada na educação cartográfica e nas questões sobre orientação, localização e lateralidade.
  7. 7. Direitos de Aprendizagem do eixo de Geometria Representar informalmente a posição de pessoas e objetos e dimensionar espaços por meio de desenhos, croquis, plantas baixas, mapas e maquetes, desenvolvendo noções de tamanho, de lateralidade, de localização, de direcionamento, de sentido e de vistas; Reconhecer seu próprio corpo como referencial de localização e deslocamento no espaço; Observar, experimentar e representar posições de objetos em diferentes perspectivas, considerando diferentes pontos de vista e por meio de diferentes linguagens; Identificar e descrever a movimentação de objetos no espaço a partir de um referente, identificando mudanças de direção e de sentido; Observar, manusear, estabelecer comparações entre objetos do espaço físico e objetos geométricos (esféricos, cilíndricos, cônicos, cúbicos, piramidais, prismáticos) sem uso obrigatório de nomenclatura, reconhecendo corpos redondos e não redondos; Planificar modelos de sólidos geométricos e construir modelos de sólidos a partir de superfícies planificadas; Perceber as semelhanças e diferenças entre cubos e quadrados, paralelepípedos e retângulos, pirâmides e triângulos, esferas e círculos;
  8. 8. Construir e representar figuras geométricas planas, reconhecendo e descrevendo informalmente características como número de lados e de vértices; Descrever, comparar e classificar verbalmente figuras planas ou espaciais por características comuns, mesmo que apresentadas em diferentes disposições; Conhecer as transformações básicas em situações vivenciadas: rotação, reflexão e translação para criar composições (por exemplo: faixas decorativas, logomarcas, animações virtuais); Antecipar resultados de composição e decomposição de figuras bidimensionais e tridimensionais (quebra cabeça, tangram, brinquedos produzidos com sucatas); desenhar objetos, figuras, cenas, seres mobilizando conceitos e representações geométricas tais como: pontos, curvas, figuras geométricas, proporções, perspectiva, ampliação e redução; Utilizar a régua para traçar e representar figuras geométricas e desenhos; Utilizar a visualização e o raciocínio espacial na análise das figuras geométricas e na resolução de situações-problema em Matemática e em outras áreas do conhecimento.
  9. 9. A GEOMETRIA A Geometria tem um papel importante para a leitura do mundo, em especial, para a compreensão do espaço que nos circunda.
  10. 10. PRIMEIROS ELEMENTOS DA GEOMETRIA A natureza Andréia Aparecida da Silva Brito Nascimento Evandro Tortora Gilmara Aparecida da Silva Giovana Pereira Sander Juliana Aparecida Rodrigues dos Santos Morais Nelson Antonio Pirola Thais Regina Ueno Yamada
  11. 11. A natureza é uma fonte de recursos a serem utilizados no ensino da Geometria. Por meio dela, é possível reconhecer regularidades das formas, e como as figuras geométricas se justapõem. Como exemplo, temos o favo de mel, o casco da tartaruga, a teia de aranha, algumas flores, entre outros.
  12. 12. O favo de mel O casco da tartaruga A casca do abacaxi
  13. 13. • Identificar e explorar conceitos e propriedades geométricas; • Desenvolver um trabalho interdisciplinar com Ciências. • Perceber que a proporção, o padrão e a regularidade, a beleza e o equilíbrio das formas encontradas na natureza são fenômenos que atraem e envolvem o homem.
  14. 14. VÍDEO: Geometria no Cotidiano https://www.youtube.com/watch?v=_7yXoZnSTB M
  15. 15. CONEXÕES DA GEOMETRIA COM A ARTE
  16. 16. A GEOMETRIA E AS ARTES ESTUDO DE DIVERSOS CONTEÚDOS GEOMÉTRICOS. OPORTUNIDADE AOS ALUNOS DE CONHECEREM A VIDA E A OBRA DE DIFERENTES ARTISTAS. ENRIQUECIMENTO CULTURAL. GEOMETRIA ESTÁ PRESENTE EM DIFERENTES CONTEXTOS.
  17. 17. O QUE SE PODE OBSERVAR? Nas obras de Oscar Niemeyer?
  18. 18. Teatro Paiol - Curitiba Ponto de ônibus - Curitiba
  19. 19. NAS OBRAS DE ALFREDO VOLPI, PINTOR ITALIANO QUE VIVEU NO BRASIL?
  20. 20. Nas obras de Escher, o artista gráfico holandês ? O que há de curioso nesta obra de Escher?
  21. 21. E na obra de Piet Mondrian, nascido em 1872? Podemos observar uma exploração bastante criativa das figuras geométricas. Uma obra de Mondrian é mais adequada ao ciclo de alfabetização do que uma obra de Escher. Esse fato deve ser levado em conta no uso das obras de arte em sala de aula.
  22. 22. As crianças podem ser estimuladas a criar os seus “Mondrians”. A baixo, vemos um destes desenhos feitos por crianças do primeiro ano do ciclo de alfabetização.
  23. 23. VÍDEO: D20 - Espaço e Forma: As Formas Geométricas no Mundo https://www.youtube.com/watch?v=1gKR7aitCjM
  24. 24. OBA!! ATIVIDADE PRÁTICA!!
  25. 25. História do Tangram • Quando trabalhamos geometria com as crianças, um dos materiais clássicos é o tangram. FONTE DA IMAGEM: http://coisasparablogsesites.blogspot.com.br/2011/08/gifs-de-carinhas-animadas.html
  26. 26. …um chinês que possuía um azulejo da I Dinastia Chinesa e que era o seu encanto.
  27. 27. Um dia, ao afagá-lo pela vigésima quinta vez, deixou-o cair partindo-se em sete pedaços.
  28. 28. Apanhou-os do chão e colocou-os sobre a mesa …
  29. 29. …e, muito triste sentou-se e chorou até que adormeceu.
  30. 30. Os pedaços de azulejo, fartos de formarem um quadrado, meditaram e procuraram uma forma diferente.
  31. 31. Movimentaram-se e surgiu um triângulo.
  32. 32. Bem, é diferente mas não gostamos!
  33. 33. Voltaram a rodopiar e surgiu, desta vez, um retângulo.
  34. 34. Comentaram entre si: Parece um quadrado, só que engordou para um dos lados!
  35. 35. Moveram-se novamente e eis que surge um gato.
  36. 36. Mas o gato teve fome.
  37. 37. Construiram um barco e foram à pesca.
  38. 38. Apanharam um peixe que deram ao gato.
  39. 39. Decidiram voar e tomaram a forma de um pássaro e voaram.
  40. 40. Voltaram e resolveram assustar o chinês, transformando-se na sua figura.
  41. 41. Este ao acordar, foi buscar a cola para colar os pedaços do azulejo.
  42. 42. Porém, ao olhar para cima da mesa, verificou que os pedaços do azulejo se tinham transformado na sua figura e, admirou-se!
  43. 43. Enervado, olhou e com receio movimentou alguns daqueles pedaços, aparecendo-lhe um cão.
  44. 44. - Olha que giro, estes pedaços parecem mágicos!
  45. 45. Voltou a reunir os pedaços e …
  46. 46. ... surgiu um cisne.
  47. 47. CONSTRUÇÃO PASSO A PASSO
  48. 48. PREFEITURA MUNICIPAL DE BARUERI SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PACTO NACIONAL ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA TURMA DE 2º ANO Orientadora de Estudo: ELEÚZIA LINS DA SILVA E-mail: lins.pnaicbarueri@gmail.com

×