SlideShare uma empresa Scribd logo

A arte na Grécia

Saiba mais sobre a História da Arte Grega.

1 de 34
ARTE GREGA




             História da Arte
A arte na Grécia
A arte na Grécia
ARTE GREGA
 Enquanto a arte egípcia é uma arte ligada ao
  espírito, a arte grega liga-se à razão.
 A arte grega é focada na busca do prazer
  pelo homem.
 os gregos buscavam o Antropocentrismo,
  ou seja, todas as respostas são buscadas no
  homem e não na fé.
 São as principais características da arte
  grega:
- o racionalismo;
- a valorização do belo;
- do corpo humano e também de cenas da
                     mitologia.
Partenon (Templo à deusa Atena)
A arte na Grécia
Arquitetura Grega
   As edificações que despertaram maior interesse são os
    templos. A característica mais evidente dos templos gregos é
    a simetria entre o pórtico de entrada e o dos fundos. O
    templo era construído sobre uma base de três degraus. As
    colunas eram construídas segundo os modelos dórico, jônico
    e coríntio.
   Estilo Dórico - era simples e maciça. O capitel era uma
    almofada de pedra. Sendo a mais antiga das ordens
    arquitetônicas gregas, a ordem dórica, por sua simplicidade e
    severidade, empresta uma ideia de solidez e imponência
   Estilo Jônico - representava a graça e o feminino. O capitel
    era formado por duas espirais unidas por duas curvas. A
    ordem dórica traduz a forma do homem e a ordem jônica
    traduz a forma da mulher.
   Estilo Coríntio - o capitel era formado com folhas de acanto
    e quatro espirais simétricas, muito usado no lugar do capitel
    jônico, de um modo a variar e enriquecer aquela ordem.
    Sugere luxo e ostentação.
Colunas Dórica, Jônica e Coríntia
A arte na Grécia
DÓRICO   JÔNICO    CORÍNTIO




Dórico    Jônico       Coríntio
Cariátides (colunas Jônicas diferenciadas)
A arte na Grécia
Pintura
 A pintura grega encontra-se na arte cerâmica. Além de
  servir para rituais religiosos, esses vasos eram usados
  para armazenar, entre outras coisas, água, vinho,
  azeite e mantimentos.
 As pinturas dos vasos representavam pessoas em suas
  atividades diárias e cenas da mitologia grega. O maior
  pintor de figuras negras foi Exéquias.
 A pintura grega se divide em três grupos:
   1) figuras negras sobre o fundo vermelho
   2) figuras vermelhas sobre o fundo negro
   3) figuras vermelhas sobre o fundo branco
A arte na Grécia
Representação de um banquete pintado em um vaso
A arte na Grécia
Escultura
Características principais:
 Antropomorfismo (representação
  das formas humanas);
 Antropocentrismo (valorização do
  homem nas artes);
 Equilíbrio das formas
 Sensação de Movimento
 No Período Arcaico os gregos
  começaram a esculpir, em mármores,
  grandes figuras de homens.
  Primeiramente aparecem esculturas
  simétricas, em rigorosa posição frontal,
  com o peso do corpo igualmente
  distribuído sobre as duas pernas. Esse
  tipo de estátua é chamado Kouros
  (palavra grega: homem jovem).
A arte na Grécia
A arte na Grécia
A arte na Grécia
 No Período Clássico passou-se a
  procurar movimento nas estátuas,
  para isto, se começou a usar o
  bronze que era mais resistente do que
  o mármore, podendo fixar o
  movimento sem se quebrar. Surge o
  nu feminino, pois no período arcaico,
  as figuras de mulher eram esculpidas
  sempre vestidas.
A arte na Grécia
A arte na Grécia
 Período Helenístico podemos
  observar o crescente naturalismo: os
  seres humanos não eram
  representados apenas de acordo com
  a idade e a personalidade, mas
  também segundo a emoção.
A arte na Grécia
A arte na Grécia
A arte na Grécia
 a)Templos, dos quais o mais importante é o Partenon
  de Atenas. Na Acrópole, também, se encontram as
  Cariátides homenageavam as mulheres de Cária.

    b) Teatros, que eram construídos em lugares abertos
    (encosta) e que compunham de três partes: a skene
    ou cena, para os atores; a konistra ou orquestra, para
    o coro; o koilon ou arquibancada, para os
    espectadores. Um exemplo típico é o Teatro de
    Epidauro, construído, no séc. IV a.C., ao ar livre,
    composto por 55 degraus divididos em duas ordens e
    calculados de acordo com uma inclinação perfeita.
    Chegava a acomodar cerca de 14.000 espectadores e
    tornou-se famoso por sua acústica perfeita.
 c) Ginásios, edifícios destinados à
  cultura física.
 d) Praça - onde os gregos se
  reuniam para discutir os mais
  variados assuntos, entre eles;
  filosofia.
Cultura grega
 Mitologia: Zeus: senhor dos céus; Ateneia: deusa da
  guerra; Afrodite: deusa do amor; Apolo: deus das artes
  e da beleza; Posseidon: deus das águas; entre outros.
 Olimpíadas: Realizavam-se em Olímpia, cada 4 anos,
  em honra a Zeus. Os primeiros jogos começaram em
  776 a.C. As festas olímpicas serviam de base para
  marcar o tempo.
 Teatro: Foi criada a comédia e a tragédia. Entre as
  mais famosas: Édipo Rei de Sófocles.
 Música: Significa a arte das musas, entre os gregos a
  lira era o instrumento nacional.
Teatro de Epidauro (século IV a.C.). Composto de 55 degraus
 divididos em duas ordens e calculados de acordo com uma
 inclinação perfeita.
Hermes de Praxíteles
Representação do Templo de Zeus, criado por Fídias era
considerado uma das sete maravilhas do mundo antigo

Recomendados

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Mais procurados (20)

Arte Egípcia
Arte EgípciaArte Egípcia
Arte Egípcia
 
Arte romana
Arte romanaArte romana
Arte romana
 
Arte gótica
Arte góticaArte gótica
Arte gótica
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte Romana
Arte RomanaArte Romana
Arte Romana
 
6o. ano texto- arte na grécia -1-
6o. ano  texto- arte na grécia -1-6o. ano  texto- arte na grécia -1-
6o. ano texto- arte na grécia -1-
 
Arte Grega
Arte GregaArte Grega
Arte Grega
 
6o. ano texto -Arte na Grécia- 2-
6o. ano  texto -Arte na Grécia- 2-6o. ano  texto -Arte na Grécia- 2-
6o. ano texto -Arte na Grécia- 2-
 
Arte egípcia
Arte egípciaArte egípcia
Arte egípcia
 
6o. ano - Arte no Egito
6o. ano - Arte no Egito6o. ano - Arte no Egito
6o. ano - Arte no Egito
 
Arte grega 2019
Arte grega 2019Arte grega 2019
Arte grega 2019
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte Egípcia
Arte EgípciaArte Egípcia
Arte Egípcia
 
Ceramica grega
Ceramica gregaCeramica grega
Ceramica grega
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte grega texto para atividade
Arte grega texto para atividadeArte grega texto para atividade
Arte grega texto para atividade
 
História da Arte - Arte egipcia
História da Arte - Arte egipciaHistória da Arte - Arte egipcia
História da Arte - Arte egipcia
 
Aula arte egipicia
Aula arte egipiciaAula arte egipicia
Aula arte egipicia
 
Historia da arte - período da antiguidade - resumo
Historia da arte - período da antiguidade - resumoHistoria da arte - período da antiguidade - resumo
Historia da arte - período da antiguidade - resumo
 
Arte grega 1 - pintura e escultura
Arte grega 1 - pintura e esculturaArte grega 1 - pintura e escultura
Arte grega 1 - pintura e escultura
 

Semelhante a A arte na Grécia (20)

Arte grega 1
Arte grega 1Arte grega 1
Arte grega 1
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte Grega.ppt
Arte Grega.pptArte Grega.ppt
Arte Grega.ppt
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
ARTE GREGA - AULA 4
ARTE GREGA - AULA 4ARTE GREGA - AULA 4
ARTE GREGA - AULA 4
 
História da Arte (PaleoLítico, Mesolítico, Neolítico, Arte Egípsia, Arte Greg...
História da Arte (PaleoLítico, Mesolítico, Neolítico, Arte Egípsia, Arte Greg...História da Arte (PaleoLítico, Mesolítico, Neolítico, Arte Egípsia, Arte Greg...
História da Arte (PaleoLítico, Mesolítico, Neolítico, Arte Egípsia, Arte Greg...
 
GréCia
GréCiaGréCia
GréCia
 
GréCia
GréCiaGréCia
GréCia
 
História da arte grega e romana
História da arte grega e romanaHistória da arte grega e romana
História da arte grega e romana
 
48787715 apostila-de-arte
48787715 apostila-de-arte48787715 apostila-de-arte
48787715 apostila-de-arte
 
MÓDULO 1 - HCA.pdf
MÓDULO 1 - HCA.pdfMÓDULO 1 - HCA.pdf
MÓDULO 1 - HCA.pdf
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte grega 1 em 2015 - Claretiano
Arte grega 1 em 2015 - ClaretianoArte grega 1 em 2015 - Claretiano
Arte grega 1 em 2015 - Claretiano
 
Arte grega
Arte grega  Arte grega
Arte grega
 
Apostila 2°bimestre do 1°ano
Apostila 2°bimestre do 1°anoApostila 2°bimestre do 1°ano
Apostila 2°bimestre do 1°ano
 
Arte grega parte 2
Arte grega  parte 2Arte grega  parte 2
Arte grega parte 2
 
3 arte grega 2020
3 arte grega 20203 arte grega 2020
3 arte grega 2020
 

Mais de Edenilson Morais

Simulado História do Brasil e do História do Maranhão
Simulado História do Brasil e do História do MaranhãoSimulado História do Brasil e do História do Maranhão
Simulado História do Brasil e do História do MaranhãoEdenilson Morais
 
Soluções para otimização de resultados no enem
Soluções para otimização de resultados no enem Soluções para otimização de resultados no enem
Soluções para otimização de resultados no enem Edenilson Morais
 
HISTÓRIA DE MATO GROSSO PERÍODO IMPERIAL (DETRAN-MT 2015)
HISTÓRIA DE MATO GROSSO PERÍODO IMPERIAL (DETRAN-MT 2015)HISTÓRIA DE MATO GROSSO PERÍODO IMPERIAL (DETRAN-MT 2015)
HISTÓRIA DE MATO GROSSO PERÍODO IMPERIAL (DETRAN-MT 2015)Edenilson Morais
 
História do brasil enem cultura, patrimônio e diversidade cultural
História do brasil enem cultura, patrimônio e diversidade culturalHistória do brasil enem cultura, patrimônio e diversidade cultural
História do brasil enem cultura, patrimônio e diversidade culturalEdenilson Morais
 
História de mato grosso período colonial
História de mato grosso   período colonialHistória de mato grosso   período colonial
História de mato grosso período colonialEdenilson Morais
 
Período colonial de Mato Grosso (Atividades)
Período colonial de Mato Grosso (Atividades)Período colonial de Mato Grosso (Atividades)
Período colonial de Mato Grosso (Atividades)Edenilson Morais
 
Sociologia - Michel Foucalt
Sociologia - Michel FoucaltSociologia - Michel Foucalt
Sociologia - Michel FoucaltEdenilson Morais
 
Aulão de história regional - UNEMAT 2014
Aulão de história regional - UNEMAT 2014Aulão de história regional - UNEMAT 2014
Aulão de história regional - UNEMAT 2014Edenilson Morais
 
As origens do totalitarismo de hannah arendt
As origens do totalitarismo de hannah arendtAs origens do totalitarismo de hannah arendt
As origens do totalitarismo de hannah arendtEdenilson Morais
 
A crise feudal e a ascensão dos estados modernos
A crise feudal e a ascensão dos estados modernosA crise feudal e a ascensão dos estados modernos
A crise feudal e a ascensão dos estados modernosEdenilson Morais
 
Sociologia aula16 os novos_movimentos_sociais
Sociologia aula16 os novos_movimentos_sociaisSociologia aula16 os novos_movimentos_sociais
Sociologia aula16 os novos_movimentos_sociaisEdenilson Morais
 
Artigos de história da sexualidade
Artigos de história da sexualidadeArtigos de história da sexualidade
Artigos de história da sexualidadeEdenilson Morais
 

Mais de Edenilson Morais (20)

Simulado História do Brasil e do História do Maranhão
Simulado História do Brasil e do História do MaranhãoSimulado História do Brasil e do História do Maranhão
Simulado História do Brasil e do História do Maranhão
 
Soluções para otimização de resultados no enem
Soluções para otimização de resultados no enem Soluções para otimização de resultados no enem
Soluções para otimização de resultados no enem
 
HISTÓRIA DE MATO GROSSO PERÍODO IMPERIAL (DETRAN-MT 2015)
HISTÓRIA DE MATO GROSSO PERÍODO IMPERIAL (DETRAN-MT 2015)HISTÓRIA DE MATO GROSSO PERÍODO IMPERIAL (DETRAN-MT 2015)
HISTÓRIA DE MATO GROSSO PERÍODO IMPERIAL (DETRAN-MT 2015)
 
História do brasil enem cultura, patrimônio e diversidade cultural
História do brasil enem cultura, patrimônio e diversidade culturalHistória do brasil enem cultura, patrimônio e diversidade cultural
História do brasil enem cultura, patrimônio e diversidade cultural
 
História de mato grosso período colonial
História de mato grosso   período colonialHistória de mato grosso   período colonial
História de mato grosso período colonial
 
Período colonial de Mato Grosso (Atividades)
Período colonial de Mato Grosso (Atividades)Período colonial de Mato Grosso (Atividades)
Período colonial de Mato Grosso (Atividades)
 
Sociologia - Michel Foucalt
Sociologia - Michel FoucaltSociologia - Michel Foucalt
Sociologia - Michel Foucalt
 
A nova historia cultural
A nova historia culturalA nova historia cultural
A nova historia cultural
 
Guerraspunicas
GuerraspunicasGuerraspunicas
Guerraspunicas
 
Aulão de história regional - UNEMAT 2014
Aulão de história regional - UNEMAT 2014Aulão de história regional - UNEMAT 2014
Aulão de história regional - UNEMAT 2014
 
As origens do totalitarismo de hannah arendt
As origens do totalitarismo de hannah arendtAs origens do totalitarismo de hannah arendt
As origens do totalitarismo de hannah arendt
 
Durkheim suicidio
Durkheim suicidioDurkheim suicidio
Durkheim suicidio
 
A crise feudal e a ascensão dos estados modernos
A crise feudal e a ascensão dos estados modernosA crise feudal e a ascensão dos estados modernos
A crise feudal e a ascensão dos estados modernos
 
Sociologia globalização
Sociologia globalizaçãoSociologia globalização
Sociologia globalização
 
A visão da afro
A visão da afroA visão da afro
A visão da afro
 
Sociologia aula16 os novos_movimentos_sociais
Sociologia aula16 os novos_movimentos_sociaisSociologia aula16 os novos_movimentos_sociais
Sociologia aula16 os novos_movimentos_sociais
 
Cartazes da 1ª guerra
Cartazes da 1ª guerraCartazes da 1ª guerra
Cartazes da 1ª guerra
 
Sociologia resumo
Sociologia resumoSociologia resumo
Sociologia resumo
 
Artigos de história da sexualidade
Artigos de história da sexualidadeArtigos de história da sexualidade
Artigos de história da sexualidade
 
Weber e o capitalismo
Weber e o capitalismoWeber e o capitalismo
Weber e o capitalismo
 

Último

Elabore um texto dissertativo e comente por meio de uma análise crítica sobre...
Elabore um texto dissertativo e comente por meio de uma análise crítica sobre...Elabore um texto dissertativo e comente por meio de uma análise crítica sobre...
Elabore um texto dissertativo e comente por meio de uma análise crítica sobre...Prime Assessoria
 
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...apoioacademicoead
 
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...excellenceeducaciona
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...excellenceeducaciona
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...Prime Assessoria
 
2. De que forma a realidade retratada no curta metragem se relaciona com a at...
2. De que forma a realidade retratada no curta metragem se relaciona com a at...2. De que forma a realidade retratada no curta metragem se relaciona com a at...
2. De que forma a realidade retratada no curta metragem se relaciona com a at...azulassessoriaacadem3
 
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...apoioacademicoead
 
08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da MulherMary Alvarenga
 
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...azulassessoriaacadem3
 
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...apoioacademicoead
 
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...azulassessoriaacadem3
 
Durante a rotina laboratorial, no setor de hematologia, a investigação dos el...
Durante a rotina laboratorial, no setor de hematologia, a investigação dos el...Durante a rotina laboratorial, no setor de hematologia, a investigação dos el...
Durante a rotina laboratorial, no setor de hematologia, a investigação dos el...Prime Assessoria
 
1. Qual é a principal política pública que está sendo negada às Marias no víd...
1. Qual é a principal política pública que está sendo negada às Marias no víd...1. Qual é a principal política pública que está sendo negada às Marias no víd...
1. Qual é a principal política pública que está sendo negada às Marias no víd...azulassessoriaacadem3
 
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptxAndreia Silva
 
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...apoioacademicoead
 
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...Prime Assessoria
 
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médioElementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médioProfessor Belinaso
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...excellenceeducaciona
 
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial AniversárioDeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial AniversárioIsabelPereira2010
 

Último (20)

Namorar não és ser don .
Namorar não és ser don                  .Namorar não és ser don                  .
Namorar não és ser don .
 
Elabore um texto dissertativo e comente por meio de uma análise crítica sobre...
Elabore um texto dissertativo e comente por meio de uma análise crítica sobre...Elabore um texto dissertativo e comente por meio de uma análise crítica sobre...
Elabore um texto dissertativo e comente por meio de uma análise crítica sobre...
 
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
A Organização Racional do Trabalho (ORT), proposta por Frederick Taylor no in...
 
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
A) Cite inicialmente as três dimensões do desenvolvimento sustentável e estab...
 
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
Depois de refletir sobre essas etapas, o planejamento será registrado por mei...
 
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
a) Tendo como base as competências de um conselho de saúde, a afirmação "... ...
 
2. De que forma a realidade retratada no curta metragem se relaciona com a at...
2. De que forma a realidade retratada no curta metragem se relaciona com a at...2. De que forma a realidade retratada no curta metragem se relaciona com a at...
2. De que forma a realidade retratada no curta metragem se relaciona com a at...
 
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
 
08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher08 de março - Dia Internacional da Mulher
08 de março - Dia Internacional da Mulher
 
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
 
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
4. Descreva como a empresa funciona e de que maneira a teoria da ORT é observ...
 
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
​Considerando o texto apresentado e o marketing na igreja de Cristo, apresent...
 
Durante a rotina laboratorial, no setor de hematologia, a investigação dos el...
Durante a rotina laboratorial, no setor de hematologia, a investigação dos el...Durante a rotina laboratorial, no setor de hematologia, a investigação dos el...
Durante a rotina laboratorial, no setor de hematologia, a investigação dos el...
 
1. Qual é a principal política pública que está sendo negada às Marias no víd...
1. Qual é a principal política pública que está sendo negada às Marias no víd...1. Qual é a principal política pública que está sendo negada às Marias no víd...
1. Qual é a principal política pública que está sendo negada às Marias no víd...
 
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
01_Apresentacao_25_CIAED_2019_Ambientação_GRAD.pptx
 
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
Chegou o momento de explorar de forma PRÁTICA os conteúdos aprendidos sobre a...
 
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
B) RELACIONE os picos (1, 2 e 3) no cromatograma com cada uma das substâncias...
 
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médioElementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
Elementos da Formação Social: sociologia no ensino médio
 
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
2. Como o entrevistado descreve a gestão e execução dos principais processos ...
 
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial AniversárioDeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
DeClara n.º 73 fevereiro 2024 edição especial Aniversário
 

A arte na Grécia

  • 1. ARTE GREGA História da Arte
  • 4. ARTE GREGA  Enquanto a arte egípcia é uma arte ligada ao espírito, a arte grega liga-se à razão.  A arte grega é focada na busca do prazer pelo homem.  os gregos buscavam o Antropocentrismo, ou seja, todas as respostas são buscadas no homem e não na fé.  São as principais características da arte grega: - o racionalismo; - a valorização do belo; - do corpo humano e também de cenas da mitologia.
  • 5. Partenon (Templo à deusa Atena)
  • 7. Arquitetura Grega  As edificações que despertaram maior interesse são os templos. A característica mais evidente dos templos gregos é a simetria entre o pórtico de entrada e o dos fundos. O templo era construído sobre uma base de três degraus. As colunas eram construídas segundo os modelos dórico, jônico e coríntio.  Estilo Dórico - era simples e maciça. O capitel era uma almofada de pedra. Sendo a mais antiga das ordens arquitetônicas gregas, a ordem dórica, por sua simplicidade e severidade, empresta uma ideia de solidez e imponência  Estilo Jônico - representava a graça e o feminino. O capitel era formado por duas espirais unidas por duas curvas. A ordem dórica traduz a forma do homem e a ordem jônica traduz a forma da mulher.  Estilo Coríntio - o capitel era formado com folhas de acanto e quatro espirais simétricas, muito usado no lugar do capitel jônico, de um modo a variar e enriquecer aquela ordem. Sugere luxo e ostentação.
  • 10. DÓRICO JÔNICO CORÍNTIO Dórico Jônico Coríntio
  • 13. Pintura  A pintura grega encontra-se na arte cerâmica. Além de servir para rituais religiosos, esses vasos eram usados para armazenar, entre outras coisas, água, vinho, azeite e mantimentos.  As pinturas dos vasos representavam pessoas em suas atividades diárias e cenas da mitologia grega. O maior pintor de figuras negras foi Exéquias.  A pintura grega se divide em três grupos: 1) figuras negras sobre o fundo vermelho 2) figuras vermelhas sobre o fundo negro 3) figuras vermelhas sobre o fundo branco
  • 15. Representação de um banquete pintado em um vaso
  • 17. Escultura Características principais:  Antropomorfismo (representação das formas humanas);  Antropocentrismo (valorização do homem nas artes);  Equilíbrio das formas  Sensação de Movimento
  • 18.  No Período Arcaico os gregos começaram a esculpir, em mármores, grandes figuras de homens. Primeiramente aparecem esculturas simétricas, em rigorosa posição frontal, com o peso do corpo igualmente distribuído sobre as duas pernas. Esse tipo de estátua é chamado Kouros (palavra grega: homem jovem).
  • 22.  No Período Clássico passou-se a procurar movimento nas estátuas, para isto, se começou a usar o bronze que era mais resistente do que o mármore, podendo fixar o movimento sem se quebrar. Surge o nu feminino, pois no período arcaico, as figuras de mulher eram esculpidas sempre vestidas.
  • 25.  Período Helenístico podemos observar o crescente naturalismo: os seres humanos não eram representados apenas de acordo com a idade e a personalidade, mas também segundo a emoção.
  • 29.  a)Templos, dos quais o mais importante é o Partenon de Atenas. Na Acrópole, também, se encontram as Cariátides homenageavam as mulheres de Cária.  b) Teatros, que eram construídos em lugares abertos (encosta) e que compunham de três partes: a skene ou cena, para os atores; a konistra ou orquestra, para o coro; o koilon ou arquibancada, para os espectadores. Um exemplo típico é o Teatro de Epidauro, construído, no séc. IV a.C., ao ar livre, composto por 55 degraus divididos em duas ordens e calculados de acordo com uma inclinação perfeita. Chegava a acomodar cerca de 14.000 espectadores e tornou-se famoso por sua acústica perfeita.
  • 30.  c) Ginásios, edifícios destinados à cultura física.  d) Praça - onde os gregos se reuniam para discutir os mais variados assuntos, entre eles; filosofia.
  • 31. Cultura grega  Mitologia: Zeus: senhor dos céus; Ateneia: deusa da guerra; Afrodite: deusa do amor; Apolo: deus das artes e da beleza; Posseidon: deus das águas; entre outros.  Olimpíadas: Realizavam-se em Olímpia, cada 4 anos, em honra a Zeus. Os primeiros jogos começaram em 776 a.C. As festas olímpicas serviam de base para marcar o tempo.  Teatro: Foi criada a comédia e a tragédia. Entre as mais famosas: Édipo Rei de Sófocles.  Música: Significa a arte das musas, entre os gregos a lira era o instrumento nacional.
  • 32. Teatro de Epidauro (século IV a.C.). Composto de 55 degraus divididos em duas ordens e calculados de acordo com uma inclinação perfeita.
  • 34. Representação do Templo de Zeus, criado por Fídias era considerado uma das sete maravilhas do mundo antigo