SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 19
Professora Vivian Trombini
 Princípios da cultura e arte gregas: O homem como medida de 
todas as coisas e uma filosofia voltada para a vida presente. → 
Antropocentrismo e valorização do mundo material. 
(Hedonismo). A importância de Péricles, legislador ateniense do 
séc. V a.C. para o desenvolvimento da cultura grega. (Época de 
Ouro) 
 A arquitetura grega e seus elementos. As três ordens, ou 
também chamados estilos: dórico, coríntio e jônico. Exemplos 
de importantes obras arquitetônicas dos gregos. Os principais 
tipos de construções da arquitetura grega. 
 A pintura grega: na arte mural, na pintura de suas obras 
escultóricas e na sua cerâmica utilitária. 
 A escultura grega e seus três períodos: arcaico, clássico e 
helenístico. Obras escultóricas que atravessaram os tempos e 
serviram de inspiração por outros povos e culturas. 
 O Teatro grego.
 Antropocentrismo 
 Racionalidade 
 Intelectualidade 
 Perfeição 
 Beleza, Harmonia, Equilíbrio 
 Prazer pela vida e natureza 
 “O homem é a medida de todas as 
coisas.” (Protágoras)
 Dois períodos históricos: o arcaico e o clássico. 
 O primeiro vai do século VIII a.C. ao século VI 
a.C. 
 O período clássico inicia-se aí, estendendo-se 
até o final da Guerra do Peloponeso, no século IV 
a.C. 
 Esses períodos correspondem ao surgimento, 
afirmação e decadência da polis grega (cidade-estado).
O século V a.C. foi 
considerado o mais 
profícuo da cultura 
grega, e denominado 
o “Século de 
Péricles”. 
Ele defendeu o livre 
pensamento e as 
bases para a 
democracia.
 - mármore 
 - simetria 
 - homem em posição 
frontal 
 - homem – peso 
distribuído sobre as 
duas pernas 
 – KOUROS – 
(homem jovem) 
 - mulheres vestidas – 
KORÉ (mulher jovem)
 Movimento 
 Bronze 
 Nu feminino 
 Pintadas após 
serem concluídas 
 Enterradas após 
saque persa à 
Acrópole de 
Atenas em 480 
a.C 
Discóbolo Vênus de Milo
 Iniciou antes 
do fim do 
século IV a.C. 
(em 323 a.C.) 
 Emoções e 
estado de 
espírito 
 Naturalismo 
 Cenas, grupos 
Laocoonte
 Morte de Alexandre da Macedônia e 
fragmentação em vários impérios. 
 Formação de grandes reinos. 
 Individualidade – teatro – cai a importância do 
coro e o palco fica mais em evidência 
(proscênio) 
 Individualidade – casas mais suntuosas.
Ânfora: vasilha em 
formato de coração, 
tem o gargalo • largo 
ornado com duas alças. 
Hídria: vaso bojudo, 
de cerâmica, com três 
alças, para colher e 
guardar água. 
Cratera: uma outra espécie 
de vaso, semelhante à 
ânfora, usado para levar 
água e vinho à mesa.
 TEMPLOS 
 Protegiam as esculturas dos deuses das 
intempéries do tempo 
 ORDEM DÓRICA, JÔNICA E CORÍNTIA 
 DÓRICA – mais antiga e mais simples – forma 
do homem 
 JÔNICA - posterior á dórica, mais elaborada 
– forma da mulher 
 CORÍNTIA – mais elaborado e ostentoso.
DÓRICO 
Emprestava ao conjunto 
arquitetônico uma ideia 
de solidez e 
imponência. O capitel 
era uma almofada de 
pedra e o fuste da 
coluna, assentado 
diretamente sobre o 
estillóbato, era ornado 
em toda sua extensão 
por caneluras. 
JÔNICO 
A coluna apresentava 
o fuste mais delgado e 
não se assentava 
diretamente sobre o 
estilóbato, mas sobre 
uma base decorada, 
dando-lhe graça e 
leveza. O capitel era 
formado por duas 
espirais unidas por 
duas curvas. 
CORÍNTIO 
Seu capitel 
sugere mais luxo 
e ostentação. Era 
mais elaborado, 
formado com 
folhas de acanto 
e quatro espirais 
simétricas e 
usado para 
sobrepujar o 
capitel jônico.
Tesêion - Atenas
Erectéion - Atenas
Templo de Zeus - Atenas
As cariátides, figuras femininas que assumem o 
papel de colunas de sustentação em algumas 
obras arquitetônicas gregas. Erecteion, em 
Atenas.
 TEATROS - eram construídos em lugares 
abertos (encosta) e que se compunham de 
três partes: a skene ou cena, para os atores; a 
konistra ou orquestra, para o coro; o koilon 
ou arquibancada, para os espectadores. 
 GINÁSIOS - edifícios destinados à cultura 
física. 
 PRAÇAS - ágora onde os gregos se reuniam 
para discutir os mais variados assuntos, entre 
eles Filosofia.
ARTE GREGA - AULA 4

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte romana
Arte romanaArte romana
Arte romana
 
A arte grega parte 1
A arte grega parte 1A arte grega parte 1
A arte grega parte 1
 
6o. ano texto -Arte na Grécia- 2-
6o. ano  texto -Arte na Grécia- 2-6o. ano  texto -Arte na Grécia- 2-
6o. ano texto -Arte na Grécia- 2-
 
Arte Romana
Arte RomanaArte Romana
Arte Romana
 
Plano de Aula - Arte e Literatura Romana
Plano de Aula - Arte e Literatura RomanaPlano de Aula - Arte e Literatura Romana
Plano de Aula - Arte e Literatura Romana
 
As fases da escultura grega
As fases da escultura gregaAs fases da escultura grega
As fases da escultura grega
 
Arquitetura Brasileira
Arquitetura BrasileiraArquitetura Brasileira
Arquitetura Brasileira
 
Arte grega 1 - pintura e escultura
Arte grega 1 - pintura e esculturaArte grega 1 - pintura e escultura
Arte grega 1 - pintura e escultura
 
Arte Grega
Arte GregaArte Grega
Arte Grega
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Aula 03 arte clássica grécia antiga
Aula 03 arte clássica   grécia antigaAula 03 arte clássica   grécia antiga
Aula 03 arte clássica grécia antiga
 
Arte paleocristã
Arte paleocristãArte paleocristã
Arte paleocristã
 
Arte na mesopotamia e Egito
Arte na mesopotamia e EgitoArte na mesopotamia e Egito
Arte na mesopotamia e Egito
 
O que é a arte
O que é a arteO que é a arte
O que é a arte
 
Arte renascentista
Arte renascentistaArte renascentista
Arte renascentista
 
Arte Grega
Arte GregaArte Grega
Arte Grega
 
Arte Bizantina
Arte BizantinaArte Bizantina
Arte Bizantina
 
ARTES: Renascimento
ARTES: RenascimentoARTES: Renascimento
ARTES: Renascimento
 
Arte Conceitual
Arte ConceitualArte Conceitual
Arte Conceitual
 

Destaque

Introdução à História da Arte aula 1
Introdução à História da Arte   aula 1Introdução à História da Arte   aula 1
Introdução à História da Arte aula 1VIVIAN TROMBINI
 
Aula 4 apresentação arte grega
Aula 4   apresentação arte gregaAula 4   apresentação arte grega
Aula 4 apresentação arte gregaKívia Silva
 
O Realismo - Professora Vivian Trombini
O Realismo - Professora Vivian TrombiniO Realismo - Professora Vivian Trombini
O Realismo - Professora Vivian TrombiniVIVIAN TROMBINI
 
Naturalismo - Professora Vivian Trombini
Naturalismo - Professora Vivian TrombiniNaturalismo - Professora Vivian Trombini
Naturalismo - Professora Vivian TrombiniVIVIAN TROMBINI
 
Introdução ao estudo da literatura - Professora Vivian Trombini
Introdução ao estudo da literatura - Professora Vivian TrombiniIntrodução ao estudo da literatura - Professora Vivian Trombini
Introdução ao estudo da literatura - Professora Vivian TrombiniVIVIAN TROMBINI
 
Arnold hauser a arte e a sociedade (part.1)
Arnold hauser   a arte e a sociedade (part.1)Arnold hauser   a arte e a sociedade (part.1)
Arnold hauser a arte e a sociedade (part.1)VIVIAN TROMBINI
 
Parnasianismo - Professora Vivian Trombini
Parnasianismo - Professora Vivian TrombiniParnasianismo - Professora Vivian Trombini
Parnasianismo - Professora Vivian TrombiniVIVIAN TROMBINI
 
Vanguardas européias - Professora Vivian Trombini
Vanguardas européias - Professora Vivian TrombiniVanguardas européias - Professora Vivian Trombini
Vanguardas européias - Professora Vivian TrombiniVIVIAN TROMBINI
 
AULA 6 - 3º ANO - TEATRO- aula 1
AULA 6 - 3º ANO - TEATRO- aula 1AULA 6 - 3º ANO - TEATRO- aula 1
AULA 6 - 3º ANO - TEATRO- aula 1VIVIAN TROMBINI
 
Revisão de literatura - UEM
Revisão de literatura - UEMRevisão de literatura - UEM
Revisão de literatura - UEMVIVIAN TROMBINI
 
Realismo - História da Arte
Realismo - História da ArteRealismo - História da Arte
Realismo - História da ArteVIVIAN TROMBINI
 
O movimento das artes e ofícios e o art nouveau
O movimento das artes e ofícios e o art nouveauO movimento das artes e ofícios e o art nouveau
O movimento das artes e ofícios e o art nouveauVIVIAN TROMBINI
 
AULA 7 - 3º ANO - TEATRO - aula 2
AULA 7 - 3º  ANO  - TEATRO - aula 2AULA 7 - 3º  ANO  - TEATRO - aula 2
AULA 7 - 3º ANO - TEATRO - aula 2VIVIAN TROMBINI
 
Dois irmãos - Milton Hatoum
Dois irmãos - Milton HatoumDois irmãos - Milton Hatoum
Dois irmãos - Milton HatoumVIVIAN TROMBINI
 

Destaque (20)

Introdução à História da Arte aula 1
Introdução à História da Arte   aula 1Introdução à História da Arte   aula 1
Introdução à História da Arte aula 1
 
Aula 4 apresentação arte grega
Aula 4   apresentação arte gregaAula 4   apresentação arte grega
Aula 4 apresentação arte grega
 
O Realismo - Professora Vivian Trombini
O Realismo - Professora Vivian TrombiniO Realismo - Professora Vivian Trombini
O Realismo - Professora Vivian Trombini
 
Naturalismo - Professora Vivian Trombini
Naturalismo - Professora Vivian TrombiniNaturalismo - Professora Vivian Trombini
Naturalismo - Professora Vivian Trombini
 
Introdução ao estudo da literatura - Professora Vivian Trombini
Introdução ao estudo da literatura - Professora Vivian TrombiniIntrodução ao estudo da literatura - Professora Vivian Trombini
Introdução ao estudo da literatura - Professora Vivian Trombini
 
Arnold hauser a arte e a sociedade (part.1)
Arnold hauser   a arte e a sociedade (part.1)Arnold hauser   a arte e a sociedade (part.1)
Arnold hauser a arte e a sociedade (part.1)
 
Parnasianismo - Professora Vivian Trombini
Parnasianismo - Professora Vivian TrombiniParnasianismo - Professora Vivian Trombini
Parnasianismo - Professora Vivian Trombini
 
Vanguardas européias - Professora Vivian Trombini
Vanguardas européias - Professora Vivian TrombiniVanguardas européias - Professora Vivian Trombini
Vanguardas européias - Professora Vivian Trombini
 
AULA 6 - 3º ANO - TEATRO- aula 1
AULA 6 - 3º ANO - TEATRO- aula 1AULA 6 - 3º ANO - TEATRO- aula 1
AULA 6 - 3º ANO - TEATRO- aula 1
 
Musica brasileira
Musica brasileiraMusica brasileira
Musica brasileira
 
AULA 1 - ARTE - 1º E.M
AULA 1 - ARTE - 1º E.MAULA 1 - ARTE - 1º E.M
AULA 1 - ARTE - 1º E.M
 
Revisão de literatura - UEM
Revisão de literatura - UEMRevisão de literatura - UEM
Revisão de literatura - UEM
 
Realismo - História da Arte
Realismo - História da ArteRealismo - História da Arte
Realismo - História da Arte
 
O movimento das artes e ofícios e o art nouveau
O movimento das artes e ofícios e o art nouveauO movimento das artes e ofícios e o art nouveau
O movimento das artes e ofícios e o art nouveau
 
Dissertação
DissertaçãoDissertação
Dissertação
 
Protágoras
ProtágorasProtágoras
Protágoras
 
AULA 7 - 3º ANO - TEATRO - aula 2
AULA 7 - 3º  ANO  - TEATRO - aula 2AULA 7 - 3º  ANO  - TEATRO - aula 2
AULA 7 - 3º ANO - TEATRO - aula 2
 
AULA 5 - ARTE - 1º E.M
AULA 5 - ARTE - 1º E.MAULA 5 - ARTE - 1º E.M
AULA 5 - ARTE - 1º E.M
 
Dois irmãos - Milton Hatoum
Dois irmãos - Milton HatoumDois irmãos - Milton Hatoum
Dois irmãos - Milton Hatoum
 
Aula 2 arte - 2º ano
Aula 2   arte - 2º anoAula 2   arte - 2º ano
Aula 2 arte - 2º ano
 

Semelhante a ARTE GREGA - AULA 4

Semelhante a ARTE GREGA - AULA 4 (20)

Arte Grega.ppt
Arte Grega.pptArte Grega.ppt
Arte Grega.ppt
 
A arte na Grécia
A arte na GréciaA arte na Grécia
A arte na Grécia
 
A Arte na Grécia
A Arte na GréciaA Arte na Grécia
A Arte na Grécia
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte grega 1 em 2015 - Claretiano
Arte grega 1 em 2015 - ClaretianoArte grega 1 em 2015 - Claretiano
Arte grega 1 em 2015 - Claretiano
 
A6 H Arte I
A6 H Arte IA6 H Arte I
A6 H Arte I
 
A6_HARTEIII_arte grega
A6_HARTEIII_arte gregaA6_HARTEIII_arte grega
A6_HARTEIII_arte grega
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Apostila 2°bimestre do 1°ano
Apostila 2°bimestre do 1°anoApostila 2°bimestre do 1°ano
Apostila 2°bimestre do 1°ano
 
GréCia Arte Resumos
GréCia Arte ResumosGréCia Arte Resumos
GréCia Arte Resumos
 
Arte grega
Arte gregaArte grega
Arte grega
 
Arte Grega
Arte GregaArte Grega
Arte Grega
 
Arte grega 1
Arte grega 1Arte grega 1
Arte grega 1
 
ARQUITETURA.pdf
ARQUITETURA.pdfARQUITETURA.pdf
ARQUITETURA.pdf
 
A arte na grécia
A arte na gréciaA arte na grécia
A arte na grécia
 
História da arte grega e romana
História da arte grega e romanaHistória da arte grega e romana
História da arte grega e romana
 
História da Arte (PaleoLítico, Mesolítico, Neolítico, Arte Egípsia, Arte Greg...
História da Arte (PaleoLítico, Mesolítico, Neolítico, Arte Egípsia, Arte Greg...História da Arte (PaleoLítico, Mesolítico, Neolítico, Arte Egípsia, Arte Greg...
História da Arte (PaleoLítico, Mesolítico, Neolítico, Arte Egípsia, Arte Greg...
 
Arte grega
Arte grega  Arte grega
Arte grega
 
MÓDULO 1 - HCA.pdf
MÓDULO 1 - HCA.pdfMÓDULO 1 - HCA.pdf
MÓDULO 1 - HCA.pdf
 

Mais de VIVIAN TROMBINI

Revisão de literatura - UEM - 2017
Revisão de literatura - UEM - 2017Revisão de literatura - UEM - 2017
Revisão de literatura - UEM - 2017VIVIAN TROMBINI
 
DANÇA - CONCEITOS E DANÇA CONTEMPORÂNEA
DANÇA - CONCEITOS E DANÇA CONTEMPORÂNEADANÇA - CONCEITOS E DANÇA CONTEMPORÂNEA
DANÇA - CONCEITOS E DANÇA CONTEMPORÂNEAVIVIAN TROMBINI
 
DANÇA CLÁSSICA E DANÇA DE SALÃO
DANÇA CLÁSSICA E DANÇA DE SALÃODANÇA CLÁSSICA E DANÇA DE SALÃO
DANÇA CLÁSSICA E DANÇA DE SALÃOVIVIAN TROMBINI
 
ARTE - UEM - CONHECIMENTOS GERAIS
ARTE - UEM - CONHECIMENTOS GERAISARTE - UEM - CONHECIMENTOS GERAIS
ARTE - UEM - CONHECIMENTOS GERAISVIVIAN TROMBINI
 
Redação - UEM - 2016 - inverno
Redação - UEM - 2016 - invernoRedação - UEM - 2016 - inverno
Redação - UEM - 2016 - invernoVIVIAN TROMBINI
 
Memórias postumas de brás cubas
Memórias postumas de brás cubasMemórias postumas de brás cubas
Memórias postumas de brás cubasVIVIAN TROMBINI
 
AULA 8 - 3º ANO - TEATRO - aula 3
AULA 8 - 3º ANO - TEATRO - aula 3AULA 8 - 3º ANO - TEATRO - aula 3
AULA 8 - 3º ANO - TEATRO - aula 3VIVIAN TROMBINI
 

Mais de VIVIAN TROMBINI (20)

PAS UEM - 1º ANO
PAS UEM - 1º ANOPAS UEM - 1º ANO
PAS UEM - 1º ANO
 
CARTAS - UEM - PAS 2
CARTAS - UEM - PAS 2CARTAS - UEM - PAS 2
CARTAS - UEM - PAS 2
 
CARTAS - UEM - PAS
CARTAS - UEM  - PASCARTAS - UEM  - PAS
CARTAS - UEM - PAS
 
Teatro brasileiro
Teatro brasileiroTeatro brasileiro
Teatro brasileiro
 
Revisão de literatura - UEM - 2017
Revisão de literatura - UEM - 2017Revisão de literatura - UEM - 2017
Revisão de literatura - UEM - 2017
 
VANGUARDAS EUROPEIAS
VANGUARDAS EUROPEIASVANGUARDAS EUROPEIAS
VANGUARDAS EUROPEIAS
 
DANÇA - CONCEITOS E DANÇA CONTEMPORÂNEA
DANÇA - CONCEITOS E DANÇA CONTEMPORÂNEADANÇA - CONCEITOS E DANÇA CONTEMPORÂNEA
DANÇA - CONCEITOS E DANÇA CONTEMPORÂNEA
 
DANÇA CLÁSSICA E DANÇA DE SALÃO
DANÇA CLÁSSICA E DANÇA DE SALÃODANÇA CLÁSSICA E DANÇA DE SALÃO
DANÇA CLÁSSICA E DANÇA DE SALÃO
 
GÊNEROS LITERÁRIOS
GÊNEROS LITERÁRIOSGÊNEROS LITERÁRIOS
GÊNEROS LITERÁRIOS
 
Resumo
ResumoResumo
Resumo
 
ARTE - UEM - CONHECIMENTOS GERAIS
ARTE - UEM - CONHECIMENTOS GERAISARTE - UEM - CONHECIMENTOS GERAIS
ARTE - UEM - CONHECIMENTOS GERAIS
 
Redação - UEM - 2016 - inverno
Redação - UEM - 2016 - invernoRedação - UEM - 2016 - inverno
Redação - UEM - 2016 - inverno
 
Arte contemporânea
Arte contemporâneaArte contemporânea
Arte contemporânea
 
Teatro brasileiro
Teatro brasileiroTeatro brasileiro
Teatro brasileiro
 
Memórias postumas de brás cubas
Memórias postumas de brás cubasMemórias postumas de brás cubas
Memórias postumas de brás cubas
 
AULA 4 - ARTE - 1º E.M
AULA 4 - ARTE - 1º E.MAULA 4 - ARTE - 1º E.M
AULA 4 - ARTE - 1º E.M
 
AULA 3 - ARTE - 1º E.M
AULA 3 - ARTE - 1º E.MAULA 3 - ARTE - 1º E.M
AULA 3 - ARTE - 1º E.M
 
AULA 2 - ARTE - 1º E.M
AULA 2 - ARTE - 1º E.MAULA 2 - ARTE - 1º E.M
AULA 2 - ARTE - 1º E.M
 
AULA 8 - 3º ANO - TEATRO - aula 3
AULA 8 - 3º ANO - TEATRO - aula 3AULA 8 - 3º ANO - TEATRO - aula 3
AULA 8 - 3º ANO - TEATRO - aula 3
 
AULA 4 - 2º E.M
AULA 4 - 2º E.MAULA 4 - 2º E.M
AULA 4 - 2º E.M
 

ARTE GREGA - AULA 4

  • 2.  Princípios da cultura e arte gregas: O homem como medida de todas as coisas e uma filosofia voltada para a vida presente. → Antropocentrismo e valorização do mundo material. (Hedonismo). A importância de Péricles, legislador ateniense do séc. V a.C. para o desenvolvimento da cultura grega. (Época de Ouro)  A arquitetura grega e seus elementos. As três ordens, ou também chamados estilos: dórico, coríntio e jônico. Exemplos de importantes obras arquitetônicas dos gregos. Os principais tipos de construções da arquitetura grega.  A pintura grega: na arte mural, na pintura de suas obras escultóricas e na sua cerâmica utilitária.  A escultura grega e seus três períodos: arcaico, clássico e helenístico. Obras escultóricas que atravessaram os tempos e serviram de inspiração por outros povos e culturas.  O Teatro grego.
  • 3.  Antropocentrismo  Racionalidade  Intelectualidade  Perfeição  Beleza, Harmonia, Equilíbrio  Prazer pela vida e natureza  “O homem é a medida de todas as coisas.” (Protágoras)
  • 4.  Dois períodos históricos: o arcaico e o clássico.  O primeiro vai do século VIII a.C. ao século VI a.C.  O período clássico inicia-se aí, estendendo-se até o final da Guerra do Peloponeso, no século IV a.C.  Esses períodos correspondem ao surgimento, afirmação e decadência da polis grega (cidade-estado).
  • 5. O século V a.C. foi considerado o mais profícuo da cultura grega, e denominado o “Século de Péricles”. Ele defendeu o livre pensamento e as bases para a democracia.
  • 6.  - mármore  - simetria  - homem em posição frontal  - homem – peso distribuído sobre as duas pernas  – KOUROS – (homem jovem)  - mulheres vestidas – KORÉ (mulher jovem)
  • 7.  Movimento  Bronze  Nu feminino  Pintadas após serem concluídas  Enterradas após saque persa à Acrópole de Atenas em 480 a.C Discóbolo Vênus de Milo
  • 8.  Iniciou antes do fim do século IV a.C. (em 323 a.C.)  Emoções e estado de espírito  Naturalismo  Cenas, grupos Laocoonte
  • 9.  Morte de Alexandre da Macedônia e fragmentação em vários impérios.  Formação de grandes reinos.  Individualidade – teatro – cai a importância do coro e o palco fica mais em evidência (proscênio)  Individualidade – casas mais suntuosas.
  • 10. Ânfora: vasilha em formato de coração, tem o gargalo • largo ornado com duas alças. Hídria: vaso bojudo, de cerâmica, com três alças, para colher e guardar água. Cratera: uma outra espécie de vaso, semelhante à ânfora, usado para levar água e vinho à mesa.
  • 11.  TEMPLOS  Protegiam as esculturas dos deuses das intempéries do tempo  ORDEM DÓRICA, JÔNICA E CORÍNTIA  DÓRICA – mais antiga e mais simples – forma do homem  JÔNICA - posterior á dórica, mais elaborada – forma da mulher  CORÍNTIA – mais elaborado e ostentoso.
  • 12.
  • 13. DÓRICO Emprestava ao conjunto arquitetônico uma ideia de solidez e imponência. O capitel era uma almofada de pedra e o fuste da coluna, assentado diretamente sobre o estillóbato, era ornado em toda sua extensão por caneluras. JÔNICO A coluna apresentava o fuste mais delgado e não se assentava diretamente sobre o estilóbato, mas sobre uma base decorada, dando-lhe graça e leveza. O capitel era formado por duas espirais unidas por duas curvas. CORÍNTIO Seu capitel sugere mais luxo e ostentação. Era mais elaborado, formado com folhas de acanto e quatro espirais simétricas e usado para sobrepujar o capitel jônico.
  • 16. Templo de Zeus - Atenas
  • 17. As cariátides, figuras femininas que assumem o papel de colunas de sustentação em algumas obras arquitetônicas gregas. Erecteion, em Atenas.
  • 18.  TEATROS - eram construídos em lugares abertos (encosta) e que se compunham de três partes: a skene ou cena, para os atores; a konistra ou orquestra, para o coro; o koilon ou arquibancada, para os espectadores.  GINÁSIOS - edifícios destinados à cultura física.  PRAÇAS - ágora onde os gregos se reuniam para discutir os mais variados assuntos, entre eles Filosofia.