Tabela periódica Noções

1.438 visualizações

Publicada em

Noções da Tabela Periódica. Resumo sobre família, períodos.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.438
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
30
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tabela periódica Noções

  1. 1. TABELA PERIÓDICA ORGANIZAÇÃO
  2. 2. ELEMENTO QUÍMICO É um conjunto de átomos que possuem mesmo número de prótons em seu núcleo, ou seja, o mesmo número atômico (Z). O termo elemento químico pode se referir também a elementos fundamentais da matéria, que não podem decompor-se em substâncias mais simples por métodos químicos, ou seja, elementos indivisíveis.
  3. 3. O QUE É TABELA PERIÓDICA? É a disposição sistemática dos elementos, na forma de uma tabela, em função de suas propriedades. - Este ordenamento foi proposto pelo químico russo Dmitri Mendeleiev.
  4. 4. IMPORTÂNCIA DA TABELA PERIÓDICA São muito úteis para se preverem as características e tendências dos átomos. É graças a tabela periódica que se barateiam custos de produção, se chegam a novas tecnologias e se descobrem novos elementos.
  5. 5. ORGANIZAÇÃO A tabela periódica relaciona os elementos em linhas denominadas períodos e colunas chamadas grupos ou famílias, em ordem crescente de seus números atômicos (Z).
  6. 6. PERÍODO - É cada uma das linhas da tabela periódica. - O número do período corresponde ao número de camadas ocupadas pelos elétrons. Daí termos sete períodos.
  7. 7. Exemplo: O elemento Gálio está localizado no 4 período, ou seja, ele possui 4 níveis eletrônicos (camadas). Na tabela periódica, o Gálio tem a seguinte distribuição eletrônica: 2 - 8 - 18 - 3. Ou seja, no primeiro nível, há 2 elétrons, no segundo 8, e assim por diante. OBS: Os níveis ou camadas são nomeados pelas letras de K até Q, sendo K o 1º, e Q o último. Cada nível pode suportar um número máximo de elétrons: K = 2; L = 8; M = 18; N = 32; O = 32; P = 18; Q = 8
  8. 8. FAMÍLIA É o nome dado a uma coluna de elementos da tabela periódica. Cada família é constituída de elementos químicos que possuem características semelhantes tais como reações com determinado reagente, solubilidade e quantidade de elétrons na camada de valência.
  9. 9. EXEMPLO: Atualmente, a tabela periódica é constituída por 18 famílias, e uma maneira de identificá-las é através de algarismos romanos seguidos das letras A e B. Exemplos: família IA, IIA, VB.
  10. 10. ELEMENTOS NATURAIS São os elementos químicos encontrados na natureza. Onde são conhecidos 91 elementos naturais, tendo em sua maioria número atômico menores que 92 (número referente ao elemento químico urânio com Z = 92). OBS: Tecnécio (Tc), de número atômico 43; Promécio (Pm), de número atômico 61, e; Astato (At), de número atômico 85, também são elementos artificiais.
  11. 11. Elementos Sintéticos São os elementos cujos átomos são produzidos artificialmente/sinteticamente (em laboratórios). Os elementos com número atômico superior ao do urânio (Z > 92) são todos artificiais (elementos transurânicos).
  12. 12. Simbologia ou Representação Cada elemento químico, natural ou sintetizado, é representado por um símbolo que o identifica graficamente, adotado de acordo com critérios internacionais. Sendo que esses símbolos são reconhecidos em qualquer lugar, independente de idioma.
  13. 13. Simbologia ou Representação Os símbolos são adotados internacionalmente. Qualquer que seja a língua ou alfabeto o símbolo é o mesmo. Os símbolos dos elemento químicos são abreviaturas de seus nomes em Grego e em Latim, sempre tendo a primeira letra maiúscula e, quando necessário, as outras em minúscula. OBS: Em alguns elementos, a letra inicial de nomes em latim não tem correspondência em português. Exemplo: Sódio – Na (Natrium) / Enxofre – S (Sulphur)
  14. 14. REATIVIDADE Em Química, reatividade consiste na tendência que uma reação química tem em acontecer. A reatividade consiste na tendência que um átomo possui para captar ou perder elétrons.
  15. 15. Lantanídeos São um grupo de elementos químicos que formam parte do período 6 da tabela periódica. O nome procede do elemento químico lantânio, que incluído neste grupo, constitui um total de 15 elementos. Desde o de número atômico 57 ( o lantânio ) até o de número atômico 71 lutécio).
  16. 16. Actinídeos São um grupo de elementos que formam parte do período 7 da tabela periódica. Estes elementos, junto com os lantanídeos, são chamados de metais de transição interna. O nome é proveniente do elemento químico actínio, que incluído neste grupo, constituem um total de 15 elementos, desde o número atômico 89 (actínio) até o 103 (laurêncio).

×